SlideShare uma empresa Scribd logo

Aula 2 apresentação queixas em metas

Danilo Mgcp
Danilo Mgcp
Danilo MgcpGestor em BRbid

Aula 2 apresentação queixas em metas

1 de 27
Baixar para ler offline
Terapia Focada em Metas
 Goal Oriented Therapy
     Por: Profa. Dra. Mônica Portella
         m.portella@uol.com.br
“If you are able to dream …
    You are able to do it.”
         (W. Disney)
Enfoques do Programa de Metas


    Prevenção             Terapeutico
(pessoas sem queixa)   (pessoas com queixa)

                       Terapia
                                 Prevenção
                       Focada
                                    da
                         em
                                  Recaída
                        Metas
Sem metas você é levado pela corrente.
Com metas você voa como uma flexa e alcança o alvo…
Terapia Focada em Metas

     Transformar
        Queixas




         Metas

Recomendados

Dicas de marketing com profa Heloisa Borges
Dicas de marketing com profa Heloisa BorgesDicas de marketing com profa Heloisa Borges
Dicas de marketing com profa Heloisa BorgesClube Dentalis
 
Visao Subnormal
Visao SubnormalVisao Subnormal
Visao Subnormalbssouza
 
Coaching Apreciativo | Palestra
Coaching Apreciativo | PalestraCoaching Apreciativo | Palestra
Coaching Apreciativo | PalestraHuaras Duarte
 
World Café - Simoni Aquino
World Café - Simoni AquinoWorld Café - Simoni Aquino
World Café - Simoni AquinoSimoni Aquino
 
World café dobra slideshare
World café dobra slideshareWorld café dobra slideshare
World café dobra slideshareDobra Inova
 

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Abordagem humanista num caso clinico
Abordagem humanista num caso clinicoAbordagem humanista num caso clinico
Abordagem humanista num caso clinicoPatricia Ferreira
 
Slides psicologia social comunitária enade 2012
Slides psicologia social comunitária enade 2012Slides psicologia social comunitária enade 2012
Slides psicologia social comunitária enade 2012Bruna Talita
 
A importancia do trabalho em equipe
A importancia do trabalho em equipeA importancia do trabalho em equipe
A importancia do trabalho em equipeLigia Coppetti
 
Gestão de pessoas exercícios
Gestão de pessoas exercíciosGestão de pessoas exercícios
Gestão de pessoas exercíciosCisco Kunsagi
 
Psicologia Experimental
Psicologia ExperimentalPsicologia Experimental
Psicologia ExperimentalMarcus Alves
 
Slides atualizados psicologia social (2)
Slides atualizados psicologia social (2)Slides atualizados psicologia social (2)
Slides atualizados psicologia social (2)Conceição Gomes
 
TEORIAS DA MOTIVAÇÃO
TEORIAS DA MOTIVAÇÃOTEORIAS DA MOTIVAÇÃO
TEORIAS DA MOTIVAÇÃOLudmila Moura
 
John Bowlby e a Teoria do Apego
John Bowlby e a Teoria do ApegoJohn Bowlby e a Teoria do Apego
John Bowlby e a Teoria do ApegoThiago de Almeida
 
Teoria da Aprendizagem Social - Albert Bandura
Teoria da Aprendizagem Social - Albert BanduraTeoria da Aprendizagem Social - Albert Bandura
Teoria da Aprendizagem Social - Albert BanduraEduardo Manfré
 

Destaque (14)

psicologia social e trabalho pdf
psicologia social e trabalho pdf psicologia social e trabalho pdf
psicologia social e trabalho pdf
 
Abordagem humanista num caso clinico
Abordagem humanista num caso clinicoAbordagem humanista num caso clinico
Abordagem humanista num caso clinico
 
Slides psicologia social comunitária enade 2012
Slides psicologia social comunitária enade 2012Slides psicologia social comunitária enade 2012
Slides psicologia social comunitária enade 2012
 
A importancia do trabalho em equipe
A importancia do trabalho em equipeA importancia do trabalho em equipe
A importancia do trabalho em equipe
 
Gestão de pessoas exercícios
Gestão de pessoas exercíciosGestão de pessoas exercícios
Gestão de pessoas exercícios
 
Psicologia Experimental
Psicologia ExperimentalPsicologia Experimental
Psicologia Experimental
 
Comportamento Humano
Comportamento HumanoComportamento Humano
Comportamento Humano
 
Slides atualizados psicologia social (2)
Slides atualizados psicologia social (2)Slides atualizados psicologia social (2)
Slides atualizados psicologia social (2)
 
TEORIAS DA MOTIVAÇÃO
TEORIAS DA MOTIVAÇÃOTEORIAS DA MOTIVAÇÃO
TEORIAS DA MOTIVAÇÃO
 
Psicologia social
Psicologia socialPsicologia social
Psicologia social
 
John Bowlby e a Teoria do Apego
John Bowlby e a Teoria do ApegoJohn Bowlby e a Teoria do Apego
John Bowlby e a Teoria do Apego
 
Psicologia social
Psicologia socialPsicologia social
Psicologia social
 
3. psicologia social
3. psicologia social3. psicologia social
3. psicologia social
 
Teoria da Aprendizagem Social - Albert Bandura
Teoria da Aprendizagem Social - Albert BanduraTeoria da Aprendizagem Social - Albert Bandura
Teoria da Aprendizagem Social - Albert Bandura
 

Semelhante a Aula 2 apresentação queixas em metas

Atinja seus objetivos e se faça feliz!
Atinja seus objetivos e se faça feliz!Atinja seus objetivos e se faça feliz!
Atinja seus objetivos e se faça feliz!Felipe Armel
 
Qualidade de vida - Administração do Tempo e Finanças Pessoais
Qualidade de vida - Administração do Tempo e Finanças PessoaisQualidade de vida - Administração do Tempo e Finanças Pessoais
Qualidade de vida - Administração do Tempo e Finanças PessoaisAlércio Bressano
 
Conquistando alta performance por meio do Coaching
Conquistando alta performance por meio do CoachingConquistando alta performance por meio do Coaching
Conquistando alta performance por meio do CoachingMBIANCHINI CONSULTING
 
Prevenção Primária e Secundária
Prevenção Primária e SecundáriaPrevenção Primária e Secundária
Prevenção Primária e Secundáriapsimais
 
Coaching versus terapia (Paulo Vieira)
Coaching versus terapia (Paulo Vieira)Coaching versus terapia (Paulo Vieira)
Coaching versus terapia (Paulo Vieira)Giba Canto
 
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégias
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégiasPrograma de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégias
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégiaspsimais
 
Arquivo Curso Marketing Pessoal.pdf
Arquivo Curso Marketing Pessoal.pdfArquivo Curso Marketing Pessoal.pdf
Arquivo Curso Marketing Pessoal.pdfAlcidesTiago2
 
Workshop sobre COACHING "O que é e para que serve"
Workshop sobre COACHING "O que é e para que serve"Workshop sobre COACHING "O que é e para que serve"
Workshop sobre COACHING "O que é e para que serve"Manuela Selas
 
Atitudes que Geram Resultados
Atitudes que Geram ResultadosAtitudes que Geram Resultados
Atitudes que Geram ResultadosGrupo E. Fabris
 
Planejamento pessoal - Passo a passo para transformar um sonho em objetivo.
Planejamento pessoal - Passo a passo para transformar um sonho em objetivo.Planejamento pessoal - Passo a passo para transformar um sonho em objetivo.
Planejamento pessoal - Passo a passo para transformar um sonho em objetivo.Maitê Ferreira
 
Aplicacões do Processo de Coaching III
Aplicacões do Processo de Coaching IIIAplicacões do Processo de Coaching III
Aplicacões do Processo de Coaching IIIpsimais
 
Psicoterapia para funcionários a pedido da empresa
Psicoterapia para funcionários a pedido da empresaPsicoterapia para funcionários a pedido da empresa
Psicoterapia para funcionários a pedido da empresaMarcelo da Rocha Carvalho
 
Career Business Mentor Coach
Career Business Mentor CoachCareer Business Mentor Coach
Career Business Mentor CoachCarolina M. Luize
 

Semelhante a Aula 2 apresentação queixas em metas (20)

Atinja seus objetivos e se faça feliz!
Atinja seus objetivos e se faça feliz!Atinja seus objetivos e se faça feliz!
Atinja seus objetivos e se faça feliz!
 
Qualidade de vida - Administração do Tempo e Finanças Pessoais
Qualidade de vida - Administração do Tempo e Finanças PessoaisQualidade de vida - Administração do Tempo e Finanças Pessoais
Qualidade de vida - Administração do Tempo e Finanças Pessoais
 
Metas de Vida
Metas de VidaMetas de Vida
Metas de Vida
 
Coaching Educativo - Projecto Fénix
Coaching Educativo - Projecto FénixCoaching Educativo - Projecto Fénix
Coaching Educativo - Projecto Fénix
 
Conquistando alta performance por meio do Coaching
Conquistando alta performance por meio do CoachingConquistando alta performance por meio do Coaching
Conquistando alta performance por meio do Coaching
 
Atingindo METAS
Atingindo METASAtingindo METAS
Atingindo METAS
 
Prevenção Primária e Secundária
Prevenção Primária e SecundáriaPrevenção Primária e Secundária
Prevenção Primária e Secundária
 
Aula plano de vida e carreira
Aula plano de vida e carreiraAula plano de vida e carreira
Aula plano de vida e carreira
 
Treinamento Planejamento - Embali
Treinamento Planejamento - EmbaliTreinamento Planejamento - Embali
Treinamento Planejamento - Embali
 
Coaching versus terapia (Paulo Vieira)
Coaching versus terapia (Paulo Vieira)Coaching versus terapia (Paulo Vieira)
Coaching versus terapia (Paulo Vieira)
 
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégias
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégiasPrograma de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégias
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégias
 
Arquivo Curso Marketing Pessoal.pdf
Arquivo Curso Marketing Pessoal.pdfArquivo Curso Marketing Pessoal.pdf
Arquivo Curso Marketing Pessoal.pdf
 
Workshop sobre COACHING "O que é e para que serve"
Workshop sobre COACHING "O que é e para que serve"Workshop sobre COACHING "O que é e para que serve"
Workshop sobre COACHING "O que é e para que serve"
 
Atitudes que Geram Resultados
Atitudes que Geram ResultadosAtitudes que Geram Resultados
Atitudes que Geram Resultados
 
Planejamento pessoal - Passo a passo para transformar um sonho em objetivo.
Planejamento pessoal - Passo a passo para transformar um sonho em objetivo.Planejamento pessoal - Passo a passo para transformar um sonho em objetivo.
Planejamento pessoal - Passo a passo para transformar um sonho em objetivo.
 
Coaching Education
Coaching EducationCoaching Education
Coaching Education
 
Aplicacões do Processo de Coaching III
Aplicacões do Processo de Coaching IIIAplicacões do Processo de Coaching III
Aplicacões do Processo de Coaching III
 
Psicoterapia para funcionários a pedido da empresa
Psicoterapia para funcionários a pedido da empresaPsicoterapia para funcionários a pedido da empresa
Psicoterapia para funcionários a pedido da empresa
 
Career Business Mentor Coach
Career Business Mentor CoachCareer Business Mentor Coach
Career Business Mentor Coach
 
Recolocação Profissional
Recolocação Profissional Recolocação Profissional
Recolocação Profissional
 

Aula 2 apresentação queixas em metas

  • 1. Terapia Focada em Metas Goal Oriented Therapy Por: Profa. Dra. Mônica Portella m.portella@uol.com.br
  • 2. “If you are able to dream … You are able to do it.” (W. Disney)
  • 3. Enfoques do Programa de Metas Prevenção Terapeutico (pessoas sem queixa) (pessoas com queixa) Terapia Prevenção Focada da em Recaída Metas
  • 4. Sem metas você é levado pela corrente.
  • 5. Com metas você voa como uma flexa e alcança o alvo…
  • 6. Terapia Focada em Metas Transformar Queixas Metas
  • 7. Formulação de Metas • Formular junto com o cliente metas sobre cada uma das áreas a serem trabalhadas. • Dicas: 3) Metas formuladas em termos positivos; 4) Metas específicas e detalhadas.
  • 8. Como estabelecer metas na TCC? Metas de Longo Prazo (5 a 10 anos) Queixas Metas de Médio Prazo (1 a 2 anos) Queixas Metas de Curto Prazo (3 a 6 meses) Metas Diárias Na TCC trabalhamos com metas de (tarefas de casa diárias) médio e de curto prazo.
  • 9. Como estabelecer metas na TCC? Dor de cabeça. Aperfeiçoamento profissional Depressão. Definição de carreira Ansiedade. Medo do Futuro Trabalhar como professora Entrevistas (preparação e fazer) Selecionar carreiras Distribuir currículo Selecionar locais para distribuir currículos Montar currículos Network (tarefas de casa)
  • 10. Estabelecimento Implementação de Metas de Metas A importância do Princípio da Aprendizagem Sem Erro.
  • 11. Técnicas Para Formulação de Metas: Linha do Tempo 0 5 10 15 20 30 35 40 Prevenção (metas de 5 Idade do cliente anos) Metas para Terapia
  • 12. Técnicas Para Formulação de Metas: Análise das Áreas Atual Ideal
  • 13. Vantagens de se Ter Metas na Terapia 1) Foco na Saúde. 2) Explicitar o que o cliente pode esperar do tratamento. 3) Ressaltar a possiblilidade de mudaças (foco em possibilidades futuras). 4) Foco nos resultados e orientação para o futuro.
  • 14. Vantagens de se Ter Metas na Terapia 5) Reforça a idéia de que o cliente é ativo. 6) As metas ajudam a estruturar o tratamento. 7) Ajudam a preparar o cliente para o término da terapia. 8) Avaliação de progressos e resultados.
  • 15. Metas conferem um senso de direção. 1) Cada passo que o cliente dá em direção a sua meta aumenta sua convicção de que pode estabelecer e concretizar metas. 2) Aumenta o senso de auto-eficácia, a confiança no processo terapeutico e incentiva o processo de mudanças. 3) Intencifica os ganhos da terapia x reduz e ajuda o cliente a questionar ganhos funcionais.
  • 16. Alguns Problemas que Levas as Pessoas a Terapia 1)Transtornos Psiquiátricos 3) Incongruência de valores. 5)Valores emprestados da cultura e da família. Em alguns casos  Locus de Controle
  • 17. Locus de Controle Locus de Controle Interno Externo  Controle da vida.  Controladas por  Consideram-se fatores externos. fortes.  Sentem-se  Confiantes. impotentes diante da  Costumam ser vida. otimistas.  Sentem-se fora do  Sentem-se controle. satisfeitas consigo Sentem-se fracas e mesmas. irritadas.  Sentem-se no Costumam ser controle de seu pessimistas. destino. Sentem muito medo.
  • 18. Metas e Responsabilidade “Você é o senhor de sua vida”. Se não está satisfeito com alguma de suas escolhas, assuma a resposabilidade e planeja novas escolhas (metas). Locus de Controle Interno x Locus de Controle Externo
  • 19. Metas: Programa de Prevenção É possível aplicar o programa de metas no final da terapia como forma de prevenção de futuros problemas e para ajudar a melhorar a qualidade de vida.
  • 20. Estabelescer metas dissipa a neblina e permite focalizar motivação e capacidades.
  • 21. Porque as pessoas não estabelecem metas? 1) Não acham que metas são importantes. 2) Não aprenderam como fazer. 3) Medo do fracasso. 4) Medo da rejeição. (Manter segredo quando começar a estabelecer metas)
  • 22. Metas Metas são claras. Metas são escritas. Você pode saber se alcançou suas metas.
  • 23. Cuidados ao Formular Metas e Specíficas Mensuráveis Atraentes Realistas Temporais
  • 24. Vantagens do Programa de Metas Como Prevenção (pessoas sem queixa) • Conferem direção. • Aumentam o senso de auto-eficácia. • Estimulam a capacidade de realização. • Foco no presente e no futuro desejado. • Viver x Ser engolido pela vida.
  • 25. • Esbalecem sua próprias metas. • Vivem de verdade e são responsáveis. • Atores principais de suas vidas. Viver de Verdade Sobre – Viver • Não tem metas os outros estabelecem suas metas. • Apagar incêndio. • Coadjuvantes de suas próprias vidas.
  • 26. Está em suas mãos … 1) Tomar ciência de seus potenciais e qualidades. 2) Descobrir seus próprios valores e alinha-los com as suas metas. 3) Saber extamente o que quer (metas). 4) Aceitar a responsabilidade pela criação da sua vida. 5) Determinar o preço que terá de pagar e pagá-lo. 6) Trabalhar diariamente para alcançar as metas.
  • 27. “O segredo do amanhã é viver seus sonhos hoje. (W. Disney)