Estudo de caso 1. berlin

185 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
185
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estudo de caso 1. berlin

  1. 1. estudo de caso 1
  2. 2. arquiteto Meinhard von Gerkan alemão, dono do escritório gmp
  3. 3. local Berlin, Alemanha data do projeto 1993 construção 1996/2006 A Estação Ferroviária Central de Berlim – a maior estação ferroviária da Europa para transporte local, regional e de longas distâncias – foi construída em seu lugar histórico no bairro Tiergarten, a oeste do porto Humboldthafen.
  4. 4. terreno 100.000 m² área total da construção 175.000 m² em 5 níveis
  5. 5. A nova Estação Ferroviária Central de Berlim abrange uma superfície total de 175.000 m². Aproximadamente 15.000 m² são reservados para o comércio e restaurantes, 50.000 m² estão à disposição dos prédios de escritórios em forma de arco, 5.500 m² servem para o uso operacional ferroviário, bem como 21.000 m² se destinam à circulação. As plataformas ocupam uma área de 32.000 m², o edifício-garagem abrange 25.000 m².
  6. 6. plantas Nível -1 Nível -2
  7. 7. Nível 1 Nível 2 Nível 0 plantas
  8. 8. áreas serventes e áreas servidas
  9. 9. áreas serventes e áreas servidas
  10. 10. Nível 1 Moda Nível 0 Restauração Alimentação Presentes Serviços Saúde/Bem-estar setorização nível -1
  11. 11. Nível 1 Moda Nível 0 Restauração Alimentação Presentes Serviços Saúde/Bem-estar setorização nível 0 setorização nível 1
  12. 12. sofisticada da estrutura de aço e vidro do complexo cortes
  13. 13. A idéia básica do conceito de clima é a troca de ar, ventilação natural por meio do controle da oferta do ar de exaustão e ventilação de fumaça. Compatível com o formato curvo do teto de vidro, aumenta o ar que foi aquecido pela direta e difusa da radiação solar no interior do salão, até o topo.
  14. 14. circulação dada por meio de escadas e elevadores
  15. 15. detalhe – telhado de Vidro O telhado de vidro da estação, é uma construção de alta tecnologia. O telhado de leste a oeste, cobre as pontes ferroviárias. Um total de 23 treliças de aço apoiadas em um arco de telhado de 16m de altura e 59-68m de largura. Os lados inferiores dos dois ultimos andares são concebidas como abóbodas cruzadas, a fim de criar espaços de alta qualidade. Entre o teto de vidro, uma área de 2.700m² de painéis solares constitui o projeto.
  16. 16. detalhe – telhado de Vidro
  17. 17. maquete eletrônica
  18. 18. maquete física
  19. 19. construção A parte complexa da construção foi relacionada com a fundação, uma vez que oedifício repousa sobre um solo arenoso, nas margens de um rio. Para superar esta dificuldade, lagoas de concreto foram construídos a uma profundidade de 25m que foram preenchidos com água subterrânea.

×