Aula 07 evolução histórica da função produção - db

496 visualizações

Publicada em

Aula apresentando a evolução histórica da função produção. Contribua! ;)

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
496
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
32
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 07 evolução histórica da função produção - db

  1. 1. Produção Escola de Administração Profa. Daniela Brauner – danibrauner@gmail.com Evolução histórica da 2016/1
  2. 2. O que é produção?
  3. 3. 3 O que é produção?  Ação de produzir;  A criação de produtos e serviços é a razão de existência de qualquer organização;
  4. 4. Evolução da produção Existia produção na Pré-história? Paleolítico ou Idade da Pedra Lascada 1º período do homem na Terra. Há dois milhões de anos. 4 Mesolítico Surgimento da agricultura. Neolítico ou Idade da Pedra Polida surgimento da metalurgia e do comércio através das trocas de alimentos excedentes. Organização em grupos – tribos, aldeias, cidades – e da divisão de poderes.  O homem, em sua evolução, sempre fabricou produtos e serviços na medida em que surgiam e evoluíam suas necessidades;  Inicialmente, com a produção artesanal, o artesão respondia por todo o processo de transformação.
  5. 5. Evolução da produção Revolução industrial 5 FONTE: Drucker, P.,Managing in the next Society, 2002. Trecho disponível em: <http://bit.ly/1Ks4buj>. Acesso em 28/04/2015. …das mãos às máquinas… + Produtos - Custo …a invenção da ferrovia…. Mobilidade de pessoas e produtos Nova dimensão para a economia! 1820 1829
  6. 6. Evolução da produção Organização da produção  Necessidade de buscar constantemente por melhores métodos de trabalho e processos capazes de obter produtividade, ou seja, produzir mais com o menor custo possível;  Neste contexto começou a se estabelecer a organização da produção. Grandes fábricas? Muitos operários? Maior produção? Menor custo? Competitividade? ORGANIZAR!! 6
  7. 7. Evolução da produção Taylorismo (1911)*  Desenvolvido pelo engenheiro norte-americano Frederick Taylor (1856-1915) - o pai da administração científica  Ênfase nas tarefas, aumentando a eficiência em nível operacional;  Características:  Substituir métodos empíricos e improvisados por métodos científicos e testados (planejamento)  Supervisionar - trabalho executado como estabelecido (controle)  Muita preocupação em reduzir o tempo de produção;  Disciplinar o trabalho (execução): - conversas + economia de movimentos;  Trabalhadores especializados:  fazendo somente uma etapa do processo (singularização das funções)  selecionados por aptidões e treinados (seleção e preparo) * Publicação: TAYLOR, Frederick W. Principles of Scientific Management. Nova Iorque: Harper & Row, 1911. 7
  8. 8. Evolução da produção Fordismo – 1913* com auge em 1945  Desenvolvido pelo empresário americano Henry Ford (1863-1947);  *Introduziu a primeira linha de montagem automobilística em 1913;  Ênfase na produção em série e em massa e na verticalização da produção;  Produto barato, simples = lucro na quantidade de vendas;  Características:  Verticalização da produção (input era a matéria-prima);  Produção em massa – introdução da esteira;  Estoques e lotes de produção elevados (muitos do mesmo); 8 Borracha, aço, madeira, vidro
  9. 9. Evolução da produção Fordismo Fordismo Ontem e Hoje https://www.youtube.com/watch?v=noIo3tYkHq4 Na Linha de Montagem Fordismo, Produção em Massa e Sociedade de consumo https://www.youtube.com/watch?v=2mLCYiTX5l U
  10. 10. Evolução da produção Toyotismo  Desenvolvido pelo engenheiro mecânico Taiichi Ohno (1912 – 1990);  Introduzido pós-segunda guerra mundial, mas teve seu auge em 1970;  Extrair o lucro máximo em cima de cada produto (devido a crise no Japão);  Características:  Produção flexível – descentralização – fornecedores associados;  Automação – robotização – tecnologia;  Controle total de qualidade;  Produção enxuta: Just-in-time (sob demanda) + Kanban;  Trabalhadores multifuncionais: equipes em ilhas de produção; 1 0
  11. 11. Sistema Toyota de Produção https://www.youtube.com/watch?v=SH8IItbvH_0 11
  12. 12. Evolução da produção Outsourcing ou terceirização  Após a segunda guerra vieram as multinacionais, a internacionalização da produção e o outsourcing;  Consiste na transferência, de uma organização para outra, da responsabilidade pela execução de atividades (terceirização);  É uma alternativa para redução de custos e aumento de produtividade;  Ajuda a empresa a manter o foco; 12
  13. 13. Evolução da produção Internacionalização da produção  Oportunidade de terceirizar seu processo produtivo para outros países, reduzindo custos e utilizando fornecedores especializados;  Transferência de unidades produtivas para países e regiões com menores custos de produção; Ex: - produtos made in China; - carros ingleses e peças fabricadas na Republica Checa; - empresas estrangeiras com desenvolvimento de software no Brasil; Califórnia Estados Unidos 13
  14. 14. Evolução da produção Globalização da Produção  Divisão internacional do trabalho;  Um único produto tem várias origens. Ex.: um automóvel é montado no Brasil, mas as peças vêm de outras nacionalidades:  os bancos vem da china  os pneus da Indonésia  o motor da Argentina  os painéis da Tailândia etc. 14
  15. 15. Evolução da produção Computadores, Internet e os novos serviços 1950 Sistemas de Processamento de dados 1960 Sistemas geravam relatórios Surgimento dos computadores 1969 Internet 1970 Sistemas de Apoio à Tomada de Decisão 1980 TI como função importante nas organizações 2000 Muitos serviços Web 1989-90 WWW 1997 1973 Primeiros celulares 1990 PDAs 2007 Smartphones 1939 2010 – até hoje - Startups tecnológicas - Aplicativos para smartphones - Mudanças no modelo de negócios de grandes empresas - Nuvem - Big Data - Internet das coisas 15
  16. 16. FASE EMBRIONÁRIA • Basicamente foi um período em que as empresas estrangeiras, seguindo uma política expansionista, procuravam implantar linhas de montagem e distribuidoras de seus produtos; • Nesse período várias empresas automobilísticas vieram para o Brasil (GM, Volksvagen, Mercedez-benz); • Criação de indústrias de base, como a siderurgia. Evolução da produção no Brasil 1919-1957 16 Slides cedidos pela profa. Aurora Zen (EA/UFRGS)
  17. 17. Expansão acelerada • Fase de ouro da indústria brasileira, com crescimento de 58% ao ano; • Estímulo ao capital estrangeiro; • Recursos eram investidos em linhas de montagem de veículos e fabricação de componentes. 17 Evolução da produção no Brasil 1958-1962 Slides cedidos pela profa. Aurora Zen (EA/UFRGS)
  18. 18. Retração do mercado (1963-1968) • Devido à recessão, o mercado sentiu forte queda de produção; O milagre econômico (1968-1978) • Embalado pelo espírito nacionalista, há um expansão considerável na economia; • Indústria automobilística crescia a taxas de 20% ao ano. A década perdida (1978-1990) • As taxas de crescimento são negativas e surge a inflação alimentada por uma política de correção monetária; • Políticas governamentais confusas, estabelecimento de reservas de mercado e a instabilidade política, que retraíam qualquer possibilidade de investimento. Evolução da produção no Brasil 1963-1990 Slides cedidos pela profa. Aurora Zen (EA/UFRGS) 18
  19. 19. A busca da competitividade (década de 90) • Com a abertura da economia, na década de 90, as empresas buscaram melhorias na qualidade e produtividade. • Evasão de multinacionais e falência de empresas brasileiras sem condições de competir no mercado externo; • Programas de redução de custos e busca de qualidade; • Estes programas foram fundamentados no método da Qualidade Total, inspirado na indústria japonesa, e representam uma realidade passada, não representando, assim, uma real competitividade internacional. Evolução da produção no Brasil a partir de 1990 Slides cedidos pela profa. Aurora Zen 19
  20. 20. As ênfases... ARTESANAL (ATÉ 1780) TRANSIÇÃO DO ARTESANATO À INDUSTRIALIZAÇÃO (1780-1860) DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL (1860-1914) MULTINACIONAIS (1914-1945) ORGANIZAÇÃO MODERNA (1945-1980) INCERTEZA (APÓS 1980) 2 0 ÊNFASE NAS TAREFAS ÊNFASE NA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL ÊNFASE NAS PESSOAS ÊNFASE NA TECNOLOGIA ÊNFASE NO AMBIENTE 20 Slides cedidos pela profa. Aurora Zen (EA/UFRGS) não de meio ambiente… mas sim o ambiente empresarial, tudo que acontece em volta.
  21. 21. Falando em meio-ambiente… e a responsabilidade ambiental na organização da produção? - Controle de qualidade do processo de produção; - Diminuição da geração de resíduos; - Diminuição da emissão de poluentes; - Diminuição do consumo energético da fábrica; - Reciclagem de resíduos; - Matérias primas alternativas; - Uso racional de recursos naturais; Emissão de poluentes Geração de resíduos Matéria-prima natural 21
  22. 22. Exemplos de ações com responsabilidade ambiental nas operações  Dicas de gestão ambiental https://www.youtube.com/watch?v=BVgXt-0d5oc  Tramontina https://www.youtube.com/watch?v=zjWD8YWI0x8  GM em Joinville http://conteudopublicitario.terra.com.br/chevrolet/veja-6-acoes-d e-uma-das-fabricas-mais-sustentaveis-do-mundo,5f1a2de06a3e8cc71d4 36b6dcfb99d228k8uRCRD.html 22
  23. 23. Cronograma A PROGRAMAÇÃO ATUALIZADA ESTARÁ NO MOODLE! https://moodleinstitucional.ufrgs.br/ AGL02072 - U (16/1) inclui turmas B e C: https://moodle.ufrgs.br/course/view.php?id=36134 23 Mudanças no cronograma da disciplina serão informadas no MOODLE

×