Ligações químicas

208 visualizações

Publicada em

Slide sobre ligações químicas disponível na internet

Publicada em: Ciências
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
208
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ligações químicas

  1. 1. Ligações Químicas Arranjos Atômicos
  2. 2. • As ligações químicas tem forte influência sobre diversas propriedades dos materiais • Os elétrons de valência (do último nível) são os que participam das ligações químicas. • Os átomos buscam a configuração mais estável dos gases nobres (com 2 ou 8 elétrons) • Dependendo da energia envolvida na ligação elas podem ser divididas em • Fortes • Fracas
  3. 3. • Ligações fortes: Iônicas Covalentes Metálicas • Ligações fracas: Van der waals
  4. 4. Representação esquemática dos estados de energia preenchidos para um átomo de sódio
  5. 5. Ligação iônica
  6. 6. Ligação Iônica
  7. 7. Representação esquemática da ligação iônica para o NaCl • Resulta da atração mútua entre íons positivos e negativos
  8. 8. Representação esquemática da ligação covalente em uma molécula de metano. • Os átomos atingem a configuração estável compartilhando elétrons com um átomo adjacente
  9. 9. Ligação Covalente – Cl - Cl
  10. 10. A ligação covalente é direcional, ou seja mantém um ângulo entre as ligações. Nos materiais covalentes há uma tendência a reduzir a expansão térmica e a densidade em relação a materiais iônicos com massa atômica semelhante
  11. 11. União de dois átomos de sódio por meio da ligação metálica
  12. 12. Modelo da Ligação Metálica
  13. 13. Ilustração esquemática da ligação metálica • Estrutura formada por íons positivos e elétrons livres de valência que formam uma “nuvem eletrônica” que circula livremente entre os íons positivos
  14. 14. Propriedades associadas as ligações metálicas • Alta condutividade elétrica e térmica: os elétrons podem se mover em presença de uma f.e.m. ou de um gradiente de temperatura. • Permitem grande deformação plástica pois as ligações são móveis ou seja não são rígidas como as iônicas e as covalentes • Possuem o brilho metálico, como os elétrons são muito móveis trocam de nível energético com facilidade emitindo fótons • São sempre opacos: pela mesma razão acima mas nesse caso absorvendo a luz incidente
  15. 15. Representação esquemática de uma molécula polar • Dipolos elétricos ocorrem quando os centros das cargas positivas não coincidem com o centro das cargas negativas em uma molécula
  16. 16. Ilustração esquemática da ligação de van der waals • São ligações secundárias fracas que estão relacionadas a atração de dipolos elétricos
  17. 17. Representação esquemática da ligação de Van der Waals para o ácido fluorídrico
  18. 18. Ligações por dipolos induzidos
  19. 19. Atração por pontes de hidrogênio entre moléculas de água
  20. 20. Expansão da água no estado sólido
  21. 21. Ligações químicas em relação aos tipos de materiais
  22. 22. Influência da energia da ligação em algumas propriedades dos materiais • Quanto maior a energia envolvida na ligação química há uma tendência de: • Maior ser o ponto de fusão do composto • Maior a resistência mecânica • Maior a dureza • Maior o módulo de elasticidade • Maior a estabilidade química • Menor a dilatação térmica

×