SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 22
Baixar para ler offline
Roma AntigaRoma Antiga
As mulheres menstruadas tornam o leite azedo, murcham
as plantas, seu olhar deixa o espelho opaco e cega a
lâmina.” (Plínio “o velho” – IV a.C.)
Romanos vão além dos gregos:
- Criaram um Estado Universal
- Extensão do direito de cidadania aos povos conquistados (212 – Édito
de Caracala)
FundaçãoFundação
1) Mito de Rômulo e Remo (Literatura Épica: Eneida – Virgílio)
2) Sinecismo (aglutinação de aldeias no Palatino)
Período Monárquico (753 a.C – 509 a.C.)Período Monárquico (753 a.C – 509 a.C.)
- Extinção do sistema gentílico e formação de uma aristocracia
latifundiária – critério da ancestralidade (pater-familias) que se
expressava através dos Comícios Curiais e do Senado
Organização Social:
Período Republicano (508 a.C. – 27 a.C. )Período Republicano (508 a.C. – 27 a.C. )
Principais Instituições Políticas:
Senado: principal instituição da
República, deliberava sobre as leis e
assuntos mais importantes, autorizava
as guerras e só podia ser composto
por patrícios com mais de 60 anos.
Assembleia:
1 – Centuriata: era censitária e elegia os magistrados.
2 – Por Tribos: cidadãos eram agrupados de acordo com a residência.
Elegia magistraturas inferiores.
3 – Da Plebe: votava as leis da plebe, elegia os tribunos.
Questão Patrício-Plebeia (V a.C. – IV a.C)
Partido Popular (Plebeus)
X
Partido Aristocrático (Patrícios)
Conquistas da Plebe
494 a.C. – Magistratura do Tribuno da Plebe
450 a.C. – Lei das Doze Tábuas (leis escritas – isonomia)
445 a.C. – Lei Canuleia (permite casamento patrício-plebeu)
367 a.C. – Lei Licínia Sextia (dá acesso aos plebeus ao Senado)
326 a.C. – Lei Poetélia Papíria (proíbe a escravidão por dívidas)
1ª Fase – Peninsular (Conquista da Península Itálica)
2ª Fase – Expansão Marítima e Comercial
- Conquista do Mar Mediterrâneo (mare nostrum)
- Guerras Púnicas (Roma X Cartago)
3ª Fase – Expansão Continental (Conquista do Oriente Helênico)
Expansão Militar RomanaExpansão Militar Romana
Consequências:
1) Intensificação da escravidão
2) Concentração de terras (latifúndios)
3) Êxodo-Rural e intensificação do comércio
4) Contato com a cultura grega
Crise da República – Transição para o Império
Tentativa de Reforma Agrária – Irmãos Graco
1ª) Tibério Graco (133 a.C.) – Regulamentar o ager publicus (terras do
estado)
2ª) Caio Graco (121 a.C.) – Reforma Agrária e distribuição de alimento
Política do Pão e Circo – Mito ou Realidade
Revolta de Espártaco (73 a 71 a.C) – sublevação de escravos e
camponeses
Conjuração de Catilina – Surge a figura de Cícero (Catilinarias)
Fim da República Romana
- Esvaziamento do poder senatorial e nomeação de Ditaduras (Mario X
Sila)
- Concentração de poder no exército
- I Triunvirato
- Ditadura de Júlio César (49 a.C. – 44 a.C.)
- II Triunvirato
Alto Império Romano (I a.C. – II d.C.)Alto Império Romano (I a.C. – II d.C.)
Governo de Otávio (27 a.C. – 14 d. C.)
- Manutenção do Senado (“aparentemente”) – Falsa República
- Divisão do Império em Províncias
- Acúmulo de títulos: César e Augusto
- Mecenato – proteção e financiamento de artistas (ex: Tito Lívio
e Virgílio)
- Pax Romana – Paz Armada
Governo de Nero (54 – 68)
- Perseguição dos judeus e cristãos
- Teria incendiado Roma e colocado a culpa nos cristãos
- Execução de Paulo de Tarso
Por que os cristãos eram perseguidos?
1. Negavam a autoridade divina do imperador.
2. Eram acusados de praticarem rebeliões em Roma.
3. Não adoravam os deuses romanos.
4. Eram contra a escravidão.
Baixo Império Romano (III – V d.C.)Baixo Império Romano (III – V d.C.)
1. Crise do escravismo e da produção agrícola
2. Tetrarquia do Imperador Diocleciano
3.Barbarização do Estado
4.Anarquia militar
5.Expansão do Cristianismo
6.Epidemia de peste do século V
Governo de Constantino (313 – 337)
- Édito de Milão (313) – legalização do cristianismo
- Fundação de Constantinopla (Bizâncio – atual Turquia)
- Concílio de Nicéia – Surge a Igreja Católica
Governo de Teodósio (378 – 395)
- Édito de Tessalônica – Oficialização do cristianismo
- Divisão do Império: Ocidente (Roma) e Oriente (Constantinopla)
Roma Antiga
Roma Antiga

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A Civilização Grega - 6º Ano (2016)
A Civilização Grega - 6º Ano (2016)A Civilização Grega - 6º Ano (2016)
A Civilização Grega - 6º Ano (2016)Nefer19
 
Idade média: Alta Idade Média (séc. v- x)
Idade média:   Alta Idade Média (séc. v- x)Idade média:   Alta Idade Média (séc. v- x)
Idade média: Alta Idade Média (séc. v- x)Edenilson Morais
 
1° ano - E.M. - Introdução à história
1° ano - E.M. - Introdução à história1° ano - E.M. - Introdução à história
1° ano - E.M. - Introdução à históriaDaniel Alves Bronstrup
 
Aula 2 - A crise do feudalismo
Aula 2 -  A crise do feudalismoAula 2 -  A crise do feudalismo
Aula 2 - A crise do feudalismoprofnelton
 
Republica Romana - Prof.Altair Aguilar
Republica Romana -  Prof.Altair AguilarRepublica Romana -  Prof.Altair Aguilar
Republica Romana - Prof.Altair AguilarAltair Moisés Aguilar
 
Egito e Mesopotâmia - Antiguidade Oriental
Egito e Mesopotâmia  - Antiguidade OrientalEgito e Mesopotâmia  - Antiguidade Oriental
Egito e Mesopotâmia - Antiguidade OrientalValéria Shoujofan
 
Primeira República
Primeira RepúblicaPrimeira República
Primeira Repúblicaisameucci
 
Colonizacao espanhola-america
Colonizacao espanhola-americaColonizacao espanhola-america
Colonizacao espanhola-americaMarcos Oliveira
 
Feudalismo e idade média.
Feudalismo e idade média.Feudalismo e idade média.
Feudalismo e idade média.Lara Lídia
 
Segundo Reinado (1840-1889)
Segundo Reinado (1840-1889)Segundo Reinado (1840-1889)
Segundo Reinado (1840-1889)Edenilson Morais
 
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudalCrise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudalDouglas Barraqui
 
Roma Antiga - monarquia, república e império romano
Roma Antiga - monarquia, república e império romanoRoma Antiga - monarquia, república e império romano
Roma Antiga - monarquia, república e império romanoMunis Pedro
 

Mais procurados (20)

A Civilização Grega - 6º Ano (2016)
A Civilização Grega - 6º Ano (2016)A Civilização Grega - 6º Ano (2016)
A Civilização Grega - 6º Ano (2016)
 
Idade média: Alta Idade Média (séc. v- x)
Idade média:   Alta Idade Média (séc. v- x)Idade média:   Alta Idade Média (séc. v- x)
Idade média: Alta Idade Média (séc. v- x)
 
1° ano - E.M. - Introdução à história
1° ano - E.M. - Introdução à história1° ano - E.M. - Introdução à história
1° ano - E.M. - Introdução à história
 
Aula 2 - A crise do feudalismo
Aula 2 -  A crise do feudalismoAula 2 -  A crise do feudalismo
Aula 2 - A crise do feudalismo
 
1° ano império romano - completo
1° ano    império romano - completo1° ano    império romano - completo
1° ano império romano - completo
 
Republica Romana - Prof.Altair Aguilar
Republica Romana -  Prof.Altair AguilarRepublica Romana -  Prof.Altair Aguilar
Republica Romana - Prof.Altair Aguilar
 
O Estado Moderno
O Estado ModernoO Estado Moderno
O Estado Moderno
 
Povos pré colombianos
Povos pré colombianosPovos pré colombianos
Povos pré colombianos
 
Egito e Mesopotâmia - Antiguidade Oriental
Egito e Mesopotâmia  - Antiguidade OrientalEgito e Mesopotâmia  - Antiguidade Oriental
Egito e Mesopotâmia - Antiguidade Oriental
 
Slide feudalismo 7 ano
Slide feudalismo 7 anoSlide feudalismo 7 ano
Slide feudalismo 7 ano
 
Primeira República
Primeira RepúblicaPrimeira República
Primeira República
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
Colonizacao espanhola-america
Colonizacao espanhola-americaColonizacao espanhola-america
Colonizacao espanhola-america
 
Islamismo
IslamismoIslamismo
Islamismo
 
Feudalismo e idade média.
Feudalismo e idade média.Feudalismo e idade média.
Feudalismo e idade média.
 
Império bizantino
Império bizantinoImpério bizantino
Império bizantino
 
Segundo Reinado (1840-1889)
Segundo Reinado (1840-1889)Segundo Reinado (1840-1889)
Segundo Reinado (1840-1889)
 
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudalCrise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
 
Ciclo do ouro
Ciclo do ouroCiclo do ouro
Ciclo do ouro
 
Roma Antiga - monarquia, república e império romano
Roma Antiga - monarquia, república e império romanoRoma Antiga - monarquia, república e império romano
Roma Antiga - monarquia, república e império romano
 

Destaque

O ódio no Brasil: ressignificando raízes do Brasil
O ódio no Brasil: ressignificando raízes do BrasilO ódio no Brasil: ressignificando raízes do Brasil
O ódio no Brasil: ressignificando raízes do BrasilDaniel Florence
 
Período Ditatorial (1964 1985)
Período Ditatorial (1964 1985)Período Ditatorial (1964 1985)
Período Ditatorial (1964 1985)Daniel Florence
 
República Populista (1945 - 1964)
República Populista (1945 - 1964)República Populista (1945 - 1964)
República Populista (1945 - 1964)Daniel Florence
 
16h00 Jan Engstrom Sala 1 24.09.09
16h00 Jan Engstrom Sala 1  24.09.0916h00 Jan Engstrom Sala 1  24.09.09
16h00 Jan Engstrom Sala 1 24.09.09Daniel Florence
 
Slides da aula de História (Daniel) sobre Revolução Francesa
Slides da aula de História (Daniel) sobre Revolução FrancesaSlides da aula de História (Daniel) sobre Revolução Francesa
Slides da aula de História (Daniel) sobre Revolução FrancesaTurma Olímpica
 
7. roma antiga
7. roma antiga7. roma antiga
7. roma antigabatotario
 
Roma prof. andre teixeira
Roma prof. andre teixeiraRoma prof. andre teixeira
Roma prof. andre teixeiraTâmara Almeida
 
Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.
Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.
Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.Mande Bem no ENEM
 
T5 Canvis en el Feudalisme
T5 Canvis en el FeudalismeT5 Canvis en el Feudalisme
T5 Canvis en el FeudalismeMaria Polo
 
Dictadura i Democracia
Dictadura i DemocraciaDictadura i Democracia
Dictadura i DemocraciaMaria Polo
 
Apunts socials Info
Apunts socials InfoApunts socials Info
Apunts socials InfoEduCarba
 
Representació de la TERRA
Representació de la TERRARepresentació de la TERRA
Representació de la TERRAmb_alba
 

Destaque (20)

Antiguidade Oriental
Antiguidade OrientalAntiguidade Oriental
Antiguidade Oriental
 
O ódio no Brasil: ressignificando raízes do Brasil
O ódio no Brasil: ressignificando raízes do BrasilO ódio no Brasil: ressignificando raízes do Brasil
O ódio no Brasil: ressignificando raízes do Brasil
 
Período Ditatorial (1964 1985)
Período Ditatorial (1964 1985)Período Ditatorial (1964 1985)
Período Ditatorial (1964 1985)
 
República Populista (1945 - 1964)
República Populista (1945 - 1964)República Populista (1945 - 1964)
República Populista (1945 - 1964)
 
50 Tons de João Dória
50 Tons de João Dória50 Tons de João Dória
50 Tons de João Dória
 
16h00 Jan Engstrom Sala 1 24.09.09
16h00 Jan Engstrom Sala 1  24.09.0916h00 Jan Engstrom Sala 1  24.09.09
16h00 Jan Engstrom Sala 1 24.09.09
 
Slides da aula de História (Daniel) sobre Revolução Francesa
Slides da aula de História (Daniel) sobre Revolução FrancesaSlides da aula de História (Daniel) sobre Revolução Francesa
Slides da aula de História (Daniel) sobre Revolução Francesa
 
7. roma antiga
7. roma antiga7. roma antiga
7. roma antiga
 
Mundo Romano
Mundo RomanoMundo Romano
Mundo Romano
 
Roma prof. andre teixeira
Roma prof. andre teixeiraRoma prof. andre teixeira
Roma prof. andre teixeira
 
Roma Antiga
Roma AntigaRoma Antiga
Roma Antiga
 
Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.
Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.
Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.
 
Roma Antiga
Roma  Antiga Roma  Antiga
Roma Antiga
 
T5 Canvis en el Feudalisme
T5 Canvis en el FeudalismeT5 Canvis en el Feudalisme
T5 Canvis en el Feudalisme
 
La contra
La contraLa contra
La contra
 
ANTIGA ROMA
ANTIGA ROMAANTIGA ROMA
ANTIGA ROMA
 
Dictadura i Democracia
Dictadura i DemocraciaDictadura i Democracia
Dictadura i Democracia
 
Apunts socials Info
Apunts socials InfoApunts socials Info
Apunts socials Info
 
T1 l'Estat
T1 l'EstatT1 l'Estat
T1 l'Estat
 
Representació de la TERRA
Representació de la TERRARepresentació de la TERRA
Representació de la TERRA
 

Semelhante a Roma Antiga (20)

Roma
RomaRoma
Roma
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
1º ano rafael - roma antiga e império bizantino
1º ano    rafael - roma antiga e império bizantino1º ano    rafael - roma antiga e império bizantino
1º ano rafael - roma antiga e império bizantino
 
1º ano rafael - roma antiga
1º ano    rafael - roma antiga1º ano    rafael - roma antiga
1º ano rafael - roma antiga
 
1º ano rafael - roma antiga e império bizantino 2015
1º ano    rafael - roma antiga e império bizantino 20151º ano    rafael - roma antiga e império bizantino 2015
1º ano rafael - roma antiga e império bizantino 2015
 
Império Romano-completo.pptx
Império Romano-completo.pptxImpério Romano-completo.pptx
Império Romano-completo.pptx
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
História Geral: Roma e império Bizantino
História Geral: Roma e império BizantinoHistória Geral: Roma e império Bizantino
História Geral: Roma e império Bizantino
 
3° ano - Civilização Romana - aula 1
3° ano - Civilização Romana - aula 13° ano - Civilização Romana - aula 1
3° ano - Civilização Romana - aula 1
 
4
44
4
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Roma Antiga
Roma AntigaRoma Antiga
Roma Antiga
 
Grécia clássica e roma
Grécia clássica e romaGrécia clássica e roma
Grécia clássica e roma
 
1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx
1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx
1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx
 

Último

As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadoA população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadodanieligomes4
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdfProfGleide
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 

Último (20)

As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadoA população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 

Roma Antiga

  • 2. As mulheres menstruadas tornam o leite azedo, murcham as plantas, seu olhar deixa o espelho opaco e cega a lâmina.” (Plínio “o velho” – IV a.C.) Romanos vão além dos gregos: - Criaram um Estado Universal - Extensão do direito de cidadania aos povos conquistados (212 – Édito de Caracala)
  • 3.
  • 4. FundaçãoFundação 1) Mito de Rômulo e Remo (Literatura Épica: Eneida – Virgílio) 2) Sinecismo (aglutinação de aldeias no Palatino)
  • 5. Período Monárquico (753 a.C – 509 a.C.)Período Monárquico (753 a.C – 509 a.C.) - Extinção do sistema gentílico e formação de uma aristocracia latifundiária – critério da ancestralidade (pater-familias) que se expressava através dos Comícios Curiais e do Senado Organização Social:
  • 6. Período Republicano (508 a.C. – 27 a.C. )Período Republicano (508 a.C. – 27 a.C. ) Principais Instituições Políticas: Senado: principal instituição da República, deliberava sobre as leis e assuntos mais importantes, autorizava as guerras e só podia ser composto por patrícios com mais de 60 anos.
  • 7. Assembleia: 1 – Centuriata: era censitária e elegia os magistrados. 2 – Por Tribos: cidadãos eram agrupados de acordo com a residência. Elegia magistraturas inferiores. 3 – Da Plebe: votava as leis da plebe, elegia os tribunos.
  • 8. Questão Patrício-Plebeia (V a.C. – IV a.C) Partido Popular (Plebeus) X Partido Aristocrático (Patrícios) Conquistas da Plebe 494 a.C. – Magistratura do Tribuno da Plebe 450 a.C. – Lei das Doze Tábuas (leis escritas – isonomia) 445 a.C. – Lei Canuleia (permite casamento patrício-plebeu) 367 a.C. – Lei Licínia Sextia (dá acesso aos plebeus ao Senado) 326 a.C. – Lei Poetélia Papíria (proíbe a escravidão por dívidas)
  • 9. 1ª Fase – Peninsular (Conquista da Península Itálica) 2ª Fase – Expansão Marítima e Comercial - Conquista do Mar Mediterrâneo (mare nostrum) - Guerras Púnicas (Roma X Cartago) 3ª Fase – Expansão Continental (Conquista do Oriente Helênico) Expansão Militar RomanaExpansão Militar Romana Consequências: 1) Intensificação da escravidão 2) Concentração de terras (latifúndios) 3) Êxodo-Rural e intensificação do comércio 4) Contato com a cultura grega
  • 10.
  • 11.
  • 12. Crise da República – Transição para o Império Tentativa de Reforma Agrária – Irmãos Graco 1ª) Tibério Graco (133 a.C.) – Regulamentar o ager publicus (terras do estado) 2ª) Caio Graco (121 a.C.) – Reforma Agrária e distribuição de alimento Política do Pão e Circo – Mito ou Realidade Revolta de Espártaco (73 a 71 a.C) – sublevação de escravos e camponeses Conjuração de Catilina – Surge a figura de Cícero (Catilinarias)
  • 13. Fim da República Romana - Esvaziamento do poder senatorial e nomeação de Ditaduras (Mario X Sila) - Concentração de poder no exército - I Triunvirato - Ditadura de Júlio César (49 a.C. – 44 a.C.) - II Triunvirato
  • 14.
  • 15. Alto Império Romano (I a.C. – II d.C.)Alto Império Romano (I a.C. – II d.C.) Governo de Otávio (27 a.C. – 14 d. C.) - Manutenção do Senado (“aparentemente”) – Falsa República - Divisão do Império em Províncias - Acúmulo de títulos: César e Augusto - Mecenato – proteção e financiamento de artistas (ex: Tito Lívio e Virgílio) - Pax Romana – Paz Armada
  • 16.
  • 17.
  • 18. Governo de Nero (54 – 68) - Perseguição dos judeus e cristãos - Teria incendiado Roma e colocado a culpa nos cristãos - Execução de Paulo de Tarso Por que os cristãos eram perseguidos? 1. Negavam a autoridade divina do imperador. 2. Eram acusados de praticarem rebeliões em Roma. 3. Não adoravam os deuses romanos. 4. Eram contra a escravidão.
  • 19. Baixo Império Romano (III – V d.C.)Baixo Império Romano (III – V d.C.) 1. Crise do escravismo e da produção agrícola 2. Tetrarquia do Imperador Diocleciano 3.Barbarização do Estado 4.Anarquia militar 5.Expansão do Cristianismo 6.Epidemia de peste do século V
  • 20. Governo de Constantino (313 – 337) - Édito de Milão (313) – legalização do cristianismo - Fundação de Constantinopla (Bizâncio – atual Turquia) - Concílio de Nicéia – Surge a Igreja Católica Governo de Teodósio (378 – 395) - Édito de Tessalônica – Oficialização do cristianismo - Divisão do Império: Ocidente (Roma) e Oriente (Constantinopla)