SlideShare uma empresa Scribd logo

Profissão biólogo

D
D

Profissão biólogo

1 de 15
Baixar para ler offline
PROFISSÃO BIÓLOGO



Faculdades Magsul
Curso: Ciências Biológicas
Acadêmicas: Angélica Almeida, Danielli da Silva,
Pâmela Greff e Patrícia Pazinato
Profissão biólogo
O BIÓLOGO

 “Profissional da Ciência que estuda os seres vivos
 e suas relações, a fim de conhecer as leis
 peculiares à matéria viva.”
                            Fonte: Dicionário Michaelis




 A Profissão foi instituída no Brasil há 75 anos,
 inicialmente se chamando História Natural, e os
 profissionais eram os Naturalistas.
Profissão biólogo
Em 03 de setembro de 1979, foi sancionada a
Lei nº 6.684, que regulamentou a Profissão de
Biólogo e criou o CFBio – Conselho Federal de
Biologia, e os CRBios – Conselhos Regionais de
Biologia. A Lei tornou legal o exercício
profissional do Biólogo, passando a compor o
cenário       nacional     das      profissões
regulamentadas.
Os Conselhos Profissionais foram criados com o
objetivo de defender e disciplinar o exercício
profissional e tem permitido ampliar a
visibilidade do Biólogo, nos mais variados
campos: em análises clínicas, meio ambiente,
saúde, agricultura, educação entre outros.

Recomendados

O que implica ser biólogo
O que implica ser biólogoO que implica ser biólogo
O que implica ser biólogounesp
 
Biologia (lamarckismo e darwinismo)
Biologia  (lamarckismo e darwinismo)Biologia  (lamarckismo e darwinismo)
Biologia (lamarckismo e darwinismo)Vanessa Anzolin
 
Importância da biodiversidade
Importância da biodiversidade Importância da biodiversidade
Importância da biodiversidade Sara Afonso
 
Celular prcariontes e eucariontes
Celular prcariontes e eucariontesCelular prcariontes e eucariontes
Celular prcariontes e eucariontesPedro Lopes
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Tráfico de animais - apresentação
Tráfico de animais - apresentaçãoTráfico de animais - apresentação
Tráfico de animais - apresentaçãoMarcus Corradini
 
Ciclos biogeoquímicos água, carbono
Ciclos biogeoquímicos água, carbonoCiclos biogeoquímicos água, carbono
Ciclos biogeoquímicos água, carbonoDomingos Oliveira
 
Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01Ilsoflavio
 
Evolução ( Lamarck e darwin)
Evolução ( Lamarck e darwin)Evolução ( Lamarck e darwin)
Evolução ( Lamarck e darwin)Gisele A. Barbosa
 
Vera Lucia Imperatriz Fonseca - Os serviços ecossistêmicos das abelhas
Vera Lucia Imperatriz Fonseca - Os serviços ecossistêmicos das abelhasVera Lucia Imperatriz Fonseca - Os serviços ecossistêmicos das abelhas
Vera Lucia Imperatriz Fonseca - Os serviços ecossistêmicos das abelhasApiculturaeAgricultura
 
1. apresentação do curso
1. apresentação do curso1. apresentação do curso
1. apresentação do cursometazoario
 
Aula Classificação dos Seres Vivos
Aula Classificação dos Seres VivosAula Classificação dos Seres Vivos
Aula Classificação dos Seres VivosPlínio Gonçalves
 
Os reinos
Os reinosOs reinos
Os reinosISJ
 
BIOLOGIA - 2ª SÉRIE - HABILIDADE DA BNCC - (EM13CNT206) D3
BIOLOGIA - 2ª SÉRIE - HABILIDADE DA BNCC - (EM13CNT206) D3BIOLOGIA - 2ª SÉRIE - HABILIDADE DA BNCC - (EM13CNT206) D3
BIOLOGIA - 2ª SÉRIE - HABILIDADE DA BNCC - (EM13CNT206) D3GernciadeProduodeMat
 
TÓPICOS EM BIOTECNOLOGIA - TEXTO INTRODUTÓRIO
TÓPICOS EM BIOTECNOLOGIA - TEXTO INTRODUTÓRIOTÓPICOS EM BIOTECNOLOGIA - TEXTO INTRODUTÓRIO
TÓPICOS EM BIOTECNOLOGIA - TEXTO INTRODUTÓRIOJuliana Aguiar
 
Aulão 2° ano - Ensino Médio
Aulão 2° ano - Ensino MédioAulão 2° ano - Ensino Médio
Aulão 2° ano - Ensino MédioClécio Bubela
 
Códigos de nomenclatura
Códigos de nomenclaturaCódigos de nomenclatura
Códigos de nomenclaturaunesp
 
III. 1 Histórico Biotecnologia
III. 1 Histórico BiotecnologiaIII. 1 Histórico Biotecnologia
III. 1 Histórico BiotecnologiaRebeca Vale
 
I. 2 Origem da vida
I. 2 Origem da vidaI. 2 Origem da vida
I. 2 Origem da vidaRebeca Vale
 

Mais procurados (20)

Tráfico de animais - apresentação
Tráfico de animais - apresentaçãoTráfico de animais - apresentação
Tráfico de animais - apresentação
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
 
Ciclos biogeoquímicos água, carbono
Ciclos biogeoquímicos água, carbonoCiclos biogeoquímicos água, carbono
Ciclos biogeoquímicos água, carbono
 
Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01
 
Evolução ( Lamarck e darwin)
Evolução ( Lamarck e darwin)Evolução ( Lamarck e darwin)
Evolução ( Lamarck e darwin)
 
Aula Biodiversidade
Aula BiodiversidadeAula Biodiversidade
Aula Biodiversidade
 
Vera Lucia Imperatriz Fonseca - Os serviços ecossistêmicos das abelhas
Vera Lucia Imperatriz Fonseca - Os serviços ecossistêmicos das abelhasVera Lucia Imperatriz Fonseca - Os serviços ecossistêmicos das abelhas
Vera Lucia Imperatriz Fonseca - Os serviços ecossistêmicos das abelhas
 
1. apresentação do curso
1. apresentação do curso1. apresentação do curso
1. apresentação do curso
 
Aula Classificação dos Seres Vivos
Aula Classificação dos Seres VivosAula Classificação dos Seres Vivos
Aula Classificação dos Seres Vivos
 
Os reinos
Os reinosOs reinos
Os reinos
 
BIOLOGIA - 2ª SÉRIE - HABILIDADE DA BNCC - (EM13CNT206) D3
BIOLOGIA - 2ª SÉRIE - HABILIDADE DA BNCC - (EM13CNT206) D3BIOLOGIA - 2ª SÉRIE - HABILIDADE DA BNCC - (EM13CNT206) D3
BIOLOGIA - 2ª SÉRIE - HABILIDADE DA BNCC - (EM13CNT206) D3
 
Educação ambiental
Educação ambientalEducação ambiental
Educação ambiental
 
Sucessão ecológica
Sucessão ecológicaSucessão ecológica
Sucessão ecológica
 
TÓPICOS EM BIOTECNOLOGIA - TEXTO INTRODUTÓRIO
TÓPICOS EM BIOTECNOLOGIA - TEXTO INTRODUTÓRIOTÓPICOS EM BIOTECNOLOGIA - TEXTO INTRODUTÓRIO
TÓPICOS EM BIOTECNOLOGIA - TEXTO INTRODUTÓRIO
 
Introdução a biologia
Introdução a biologiaIntrodução a biologia
Introdução a biologia
 
Aulão 2° ano - Ensino Médio
Aulão 2° ano - Ensino MédioAulão 2° ano - Ensino Médio
Aulão 2° ano - Ensino Médio
 
Códigos de nomenclatura
Códigos de nomenclaturaCódigos de nomenclatura
Códigos de nomenclatura
 
III. 1 Histórico Biotecnologia
III. 1 Histórico BiotecnologiaIII. 1 Histórico Biotecnologia
III. 1 Histórico Biotecnologia
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
 
I. 2 Origem da vida
I. 2 Origem da vidaI. 2 Origem da vida
I. 2 Origem da vida
 

Destaque

Areas de Atuação do Biólogo: Meio ambiente e biodiversidade
Areas de Atuação do Biólogo: Meio ambiente e biodiversidadeAreas de Atuação do Biólogo: Meio ambiente e biodiversidade
Areas de Atuação do Biólogo: Meio ambiente e biodiversidadeLaís Santos
 
Vou ser biólogo - 10 dicas importantes para estudantes de biologia
Vou ser biólogo - 10 dicas importantes para estudantes de biologiaVou ser biólogo - 10 dicas importantes para estudantes de biologia
Vou ser biólogo - 10 dicas importantes para estudantes de biologiaGuellity Marcel
 
BIÓLOGA MARINHA
BIÓLOGA MARINHABIÓLOGA MARINHA
BIÓLOGA MARINHASuuh Silva
 
Thermal Hydrolysis of Biosolids & BNR Enhancement
Thermal Hydrolysis of Biosolids & BNR EnhancementThermal Hydrolysis of Biosolids & BNR Enhancement
Thermal Hydrolysis of Biosolids & BNR EnhancementLystek
 
Mesa Redonda Biosemana 2013 - Comparação entre a licenciatura e o bacharelado...
Mesa Redonda Biosemana 2013 - Comparação entre a licenciatura e o bacharelado...Mesa Redonda Biosemana 2013 - Comparação entre a licenciatura e o bacharelado...
Mesa Redonda Biosemana 2013 - Comparação entre a licenciatura e o bacharelado...Leonardo Kaplan
 
Bioindicadores de qualidade ambiental ii
Bioindicadores de qualidade ambiental iiBioindicadores de qualidade ambiental ii
Bioindicadores de qualidade ambiental iiFilgueira Nogueira
 
Bioindicadores
BioindicadoresBioindicadores
Bioindicadorescolegiomb
 
Risco+biologico+hc[1]
Risco+biologico+hc[1]Risco+biologico+hc[1]
Risco+biologico+hc[1]itsufpr
 
Bioética e pesquisa em seres humanos - Luiz Antonio Bento
Bioética e pesquisa em seres humanos - Luiz Antonio BentoBioética e pesquisa em seres humanos - Luiz Antonio Bento
Bioética e pesquisa em seres humanos - Luiz Antonio BentoFamília Cristã
 
Uso de Bioindicadores de Qualidade Ambiental
Uso de Bioindicadores de Qualidade AmbientalUso de Bioindicadores de Qualidade Ambiental
Uso de Bioindicadores de Qualidade AmbientalWilliam Rodrigues
 
Por que estudar biologia 1 em
Por que estudar biologia 1 emPor que estudar biologia 1 em
Por que estudar biologia 1 emANA LUCIA FARIAS
 

Destaque (20)

Areas de Atuação do Biólogo: Meio ambiente e biodiversidade
Areas de Atuação do Biólogo: Meio ambiente e biodiversidadeAreas de Atuação do Biólogo: Meio ambiente e biodiversidade
Areas de Atuação do Biólogo: Meio ambiente e biodiversidade
 
Vou ser biólogo - 10 dicas importantes para estudantes de biologia
Vou ser biólogo - 10 dicas importantes para estudantes de biologiaVou ser biólogo - 10 dicas importantes para estudantes de biologia
Vou ser biólogo - 10 dicas importantes para estudantes de biologia
 
Biólogo não
Biólogo nãoBiólogo não
Biólogo não
 
Biologia ciencia e vida
Biologia ciencia e vidaBiologia ciencia e vida
Biologia ciencia e vida
 
Oficina apa tiete
Oficina apa tieteOficina apa tiete
Oficina apa tiete
 
Ata 4ª reunião
Ata 4ª reuniãoAta 4ª reunião
Ata 4ª reunião
 
BIÓLOGA MARINHA
BIÓLOGA MARINHABIÓLOGA MARINHA
BIÓLOGA MARINHA
 
Thermal Hydrolysis of Biosolids & BNR Enhancement
Thermal Hydrolysis of Biosolids & BNR EnhancementThermal Hydrolysis of Biosolids & BNR Enhancement
Thermal Hydrolysis of Biosolids & BNR Enhancement
 
Aula de Geometria
Aula de GeometriaAula de Geometria
Aula de Geometria
 
Biodegradação de pc bs (2)
Biodegradação de pc bs (2)Biodegradação de pc bs (2)
Biodegradação de pc bs (2)
 
Mesa Redonda Biosemana 2013 - Comparação entre a licenciatura e o bacharelado...
Mesa Redonda Biosemana 2013 - Comparação entre a licenciatura e o bacharelado...Mesa Redonda Biosemana 2013 - Comparação entre a licenciatura e o bacharelado...
Mesa Redonda Biosemana 2013 - Comparação entre a licenciatura e o bacharelado...
 
Bioindicadores de qualidade ambiental ii
Bioindicadores de qualidade ambiental iiBioindicadores de qualidade ambiental ii
Bioindicadores de qualidade ambiental ii
 
Bioindicadores
BioindicadoresBioindicadores
Bioindicadores
 
Biologia: A Ciência da Vida - APP
Biologia: A Ciência da Vida - APPBiologia: A Ciência da Vida - APP
Biologia: A Ciência da Vida - APP
 
Monografia neuropedagogia of.doc
Monografia neuropedagogia of.docMonografia neuropedagogia of.doc
Monografia neuropedagogia of.doc
 
Risco+biologico+hc[1]
Risco+biologico+hc[1]Risco+biologico+hc[1]
Risco+biologico+hc[1]
 
Bioética e pesquisa em seres humanos - Luiz Antonio Bento
Bioética e pesquisa em seres humanos - Luiz Antonio BentoBioética e pesquisa em seres humanos - Luiz Antonio Bento
Bioética e pesquisa em seres humanos - Luiz Antonio Bento
 
Bioindicadores
BioindicadoresBioindicadores
Bioindicadores
 
Uso de Bioindicadores de Qualidade Ambiental
Uso de Bioindicadores de Qualidade AmbientalUso de Bioindicadores de Qualidade Ambiental
Uso de Bioindicadores de Qualidade Ambiental
 
Por que estudar biologia 1 em
Por que estudar biologia 1 emPor que estudar biologia 1 em
Por que estudar biologia 1 em
 

Semelhante a Profissão biólogo

Código de ética biólogo cr bio 01 2012 ii
Código de ética biólogo cr bio 01 2012 iiCódigo de ética biólogo cr bio 01 2012 ii
Código de ética biólogo cr bio 01 2012 iiNicolas Albuquerque
 
BióLogo Marinho
BióLogo MarinhoBióLogo Marinho
BióLogo Marinhoguest00c266
 
Manual de treinamento em manipulacao animal ufpr (1)
Manual de treinamento em manipulacao animal ufpr (1)Manual de treinamento em manipulacao animal ufpr (1)
Manual de treinamento em manipulacao animal ufpr (1)Ana Isabel Nascimento
 
Alexandre Juan Lucas
Alexandre Juan LucasAlexandre Juan Lucas
Alexandre Juan LucasABESE
 
Apresentação francisco roberto caporal cba agroecologia 2013
Apresentação francisco roberto caporal   cba agroecologia 2013Apresentação francisco roberto caporal   cba agroecologia 2013
Apresentação francisco roberto caporal cba agroecologia 2013Agroecologia
 
Painel sobre a biomedicina parte i pdf
Painel sobre a biomedicina   parte i pdfPainel sobre a biomedicina   parte i pdf
Painel sobre a biomedicina parte i pdfIsnara Candida
 
Aspectos Juridicos Da Leishmaniose Visceral Canina No Brasil
Aspectos Juridicos Da Leishmaniose Visceral Canina No BrasilAspectos Juridicos Da Leishmaniose Visceral Canina No Brasil
Aspectos Juridicos Da Leishmaniose Visceral Canina No BrasilLeishmaniose Canina
 
Código florestal e a ciência - Contribuição para o diálogo
Código florestal e a ciência - Contribuição para o diálogoCódigo florestal e a ciência - Contribuição para o diálogo
Código florestal e a ciência - Contribuição para o diálogoGuellity Marcel
 
Conselho federal de biologia (cf bio) 2014 i
Conselho federal de biologia (cf bio) 2014 iConselho federal de biologia (cf bio) 2014 i
Conselho federal de biologia (cf bio) 2014 iNicolas Albuquerque
 
Participação nec 2016
Participação nec 2016Participação nec 2016
Participação nec 2016Marta Fischer
 
Convite -seminario_sustentabilidade_usp28abrilv7
Convite  -seminario_sustentabilidade_usp28abrilv7Convite  -seminario_sustentabilidade_usp28abrilv7
Convite -seminario_sustentabilidade_usp28abrilv7revistaamazonia
 
ONGs pedem na PGR apuração contra incêndios na Amazônia e cobram posicionamen...
ONGs pedem na PGR apuração contra incêndios na Amazônia e cobram posicionamen...ONGs pedem na PGR apuração contra incêndios na Amazônia e cobram posicionamen...
ONGs pedem na PGR apuração contra incêndios na Amazônia e cobram posicionamen...diariodocentrodomundo
 
Manual do Biomédico
Manual do BiomédicoManual do Biomédico
Manual do Biomédicossusera819e3
 

Semelhante a Profissão biólogo (20)

Código de ética biólogo cr bio 01 2012 ii
Código de ética biólogo cr bio 01 2012 iiCódigo de ética biólogo cr bio 01 2012 ii
Código de ética biólogo cr bio 01 2012 ii
 
Artigo007788
Artigo007788Artigo007788
Artigo007788
 
BIOSSEGURANÇA TEC TRABALHO.pdf
BIOSSEGURANÇA TEC TRABALHO.pdfBIOSSEGURANÇA TEC TRABALHO.pdf
BIOSSEGURANÇA TEC TRABALHO.pdf
 
BióLogo Marinho
BióLogo MarinhoBióLogo Marinho
BióLogo Marinho
 
Aspectos eticosanimais
Aspectos eticosanimaisAspectos eticosanimais
Aspectos eticosanimais
 
Manual de treinamento em manipulacao animal ufpr (1)
Manual de treinamento em manipulacao animal ufpr (1)Manual de treinamento em manipulacao animal ufpr (1)
Manual de treinamento em manipulacao animal ufpr (1)
 
Alexandre Juan Lucas
Alexandre Juan LucasAlexandre Juan Lucas
Alexandre Juan Lucas
 
Apresentação francisco roberto caporal cba agroecologia 2013
Apresentação francisco roberto caporal   cba agroecologia 2013Apresentação francisco roberto caporal   cba agroecologia 2013
Apresentação francisco roberto caporal cba agroecologia 2013
 
Painel sobre a biomedicina parte i pdf
Painel sobre a biomedicina   parte i pdfPainel sobre a biomedicina   parte i pdf
Painel sobre a biomedicina parte i pdf
 
Aspectos Juridicos Da Leishmaniose Visceral Canina No Brasil
Aspectos Juridicos Da Leishmaniose Visceral Canina No BrasilAspectos Juridicos Da Leishmaniose Visceral Canina No Brasil
Aspectos Juridicos Da Leishmaniose Visceral Canina No Brasil
 
Código florestal e a ciência - Contribuição para o diálogo
Código florestal e a ciência - Contribuição para o diálogoCódigo florestal e a ciência - Contribuição para o diálogo
Código florestal e a ciência - Contribuição para o diálogo
 
Conselho federal de biologia (cf bio) 2014 i
Conselho federal de biologia (cf bio) 2014 iConselho federal de biologia (cf bio) 2014 i
Conselho federal de biologia (cf bio) 2014 i
 
P3 - como usar ct&i
 P3 - como usar ct&i P3 - como usar ct&i
P3 - como usar ct&i
 
Participação nec 2016
Participação nec 2016Participação nec 2016
Participação nec 2016
 
Codigo florestal e_a_ciencia
Codigo florestal e_a_cienciaCodigo florestal e_a_ciencia
Codigo florestal e_a_ciencia
 
Codigo florestal e_a_ciencia
Codigo florestal e_a_cienciaCodigo florestal e_a_ciencia
Codigo florestal e_a_ciencia
 
Convite -seminario_sustentabilidade_usp28abrilv7
Convite  -seminario_sustentabilidade_usp28abrilv7Convite  -seminario_sustentabilidade_usp28abrilv7
Convite -seminario_sustentabilidade_usp28abrilv7
 
ONGs pedem na PGR apuração contra incêndios na Amazônia e cobram posicionamen...
ONGs pedem na PGR apuração contra incêndios na Amazônia e cobram posicionamen...ONGs pedem na PGR apuração contra incêndios na Amazônia e cobram posicionamen...
ONGs pedem na PGR apuração contra incêndios na Amazônia e cobram posicionamen...
 
Bioética pesquisa em animais
Bioética  pesquisa em animaisBioética  pesquisa em animais
Bioética pesquisa em animais
 
Manual do Biomédico
Manual do BiomédicoManual do Biomédico
Manual do Biomédico
 

Último

Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e AppsApresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e AppsAlexandre Oliveira
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...azulassessoriaacadem3
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptxSlides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOLUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOxogilo3990
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Jean Carlos Nunes Paixão
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADOPROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADOColaborar Educacional
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...azulassessoriaacadem3
 
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...azulassessoriaacadem3
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Mary Alvarenga
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.azulassessoriaacadem3
 
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...manoelaarmani
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfkeiciany
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfalexandrerodriguespk
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaFicha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfQ20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfPedroGual4
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e AppsApresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
 
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptxSlides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
 
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOLUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADOPROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADO
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
 
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...
Minimalismo Fitness Simplifique sua Rotina de Exercícios e Maximize Resultado...
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaFicha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfQ20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 

Profissão biólogo

  • 1. PROFISSÃO BIÓLOGO Faculdades Magsul Curso: Ciências Biológicas Acadêmicas: Angélica Almeida, Danielli da Silva, Pâmela Greff e Patrícia Pazinato
  • 3. O BIÓLOGO “Profissional da Ciência que estuda os seres vivos e suas relações, a fim de conhecer as leis peculiares à matéria viva.” Fonte: Dicionário Michaelis A Profissão foi instituída no Brasil há 75 anos, inicialmente se chamando História Natural, e os profissionais eram os Naturalistas.
  • 5. Em 03 de setembro de 1979, foi sancionada a Lei nº 6.684, que regulamentou a Profissão de Biólogo e criou o CFBio – Conselho Federal de Biologia, e os CRBios – Conselhos Regionais de Biologia. A Lei tornou legal o exercício profissional do Biólogo, passando a compor o cenário nacional das profissões regulamentadas.
  • 6. Os Conselhos Profissionais foram criados com o objetivo de defender e disciplinar o exercício profissional e tem permitido ampliar a visibilidade do Biólogo, nos mais variados campos: em análises clínicas, meio ambiente, saúde, agricultura, educação entre outros.
  • 11. Instituiu-se o Dia do Biólogo no dia 03 de setembro, em homenagem a data da Lei sancionada.
  • 12. JURAMENTO OFICIAL DO BIÓLOGO: "JURO, PELA MINHA FÉ E PELA MINHA HONRA E DE ACORDO COM OS PRINCÍPIOS ÉTICOS DO BIÓLOGO, EXERCER AS MINHAS ATIVIDADES PROFISSIONAIS COM HONESTIDADE, EM DEFESA DA VIDA, ESTIMULANDO O DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO, TECNOLÓGICO E HUMANÍSTICO COM JUSTIÇA E PAZ".
  • 14. “Ser biólogo é educar, para que gerações futuras não vivam em detrimento da vida de outros seres...”