SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 24
Baixar para ler offline
PÓLO: Três de Maio
                     DISCIPLINA: Elaboração de Artigo Científico
                  PROFESSOR ORIENTADOR: Roseclea Duarte Medina
                                    05/11/2010



A utilização de TICs em sala de aula: estudo de caso do Colégio Dom Hermeto, Três
                                    de Maio, RS.


   The use of TICs in the classroom: case study of College Dom Hermeto, Três de
                                     Maio, RS.

                                     VOGEL, Mercia Maria
                   Mestre em Geografia, Universidade Federal de Santa Maria


Este artigo apresenta a pesquisa realizada no Colégio Dom Hermeto, município de Três de Maio-
RS, no que se refere à utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação no contexto
escolar. Assim, tem-se como objetivos levantar quais os recursos tecnológicos os docentes e
alunos da instituição pesquisada usam; analisar os objetivos dos docentes ao utilizarem as TICs;
entender a postura dos alunos frente ao emprego desses recursos e investigar os resultados
desse processo no contexto ensino-aprendizagem. Com a aplicação de questionários e
entrevistas com a direção, coordenação pedagógica, docentes e alunos, foi possível traçar um
panorama da utilização das TICs. O Colégio Dom Hermeto utiliza-se de Tecnologias da
Informação e da Comunicação em sala de aula, destacando-se o portal educacional da escola,
onde há uma diversidade de ferramentas a disposição de alunos e docentes.

Palavras-chave: Tecnologias da Informação e da Comunicação; Portal Educacional; Educação.

This article presents the survey conducted in Colégio Dom Hermeto, municipality of Três de Maio-
RS, will use of Information and Communication Technologies in the school context. So, has as
objective to raise the technological resources which teachers and students of the institution search
use; analyze the goals of teachers to use TICs; understand the attitude of students against use of
those resources and investigate the results of this process in the teaching-learning process. With
the application of questionnaires and interviews with the direction, coordinating education,
teachers and pupils, it was possible to draw a picture of the use of TICs. The Colégio Dom
Hermeto uses of Information and Communication Technologies in the classroom, the school's
educational portal, where there are a variety of tools available to students and teachers.
Keywords: Information and Communication Technologies; Educational Portal; Colégio Dom
Hermeto



1 INTRODUÇÃO

      O desenvolvimento da sociedade informatizada ou do conhecimento implica em
mudanças nos padrões de comportamento das pessoas, que cada vez mais precisam se
adaptar à esses novos tempos. Assim, são necessárias novas competências e
habilidades para participar dos tempos atuais, adequados aos recursos tecnológicos
disponíveis. Dessa forma, o uso do computador e da internet estão disseminados nas
casas, escolas e demais espaços, e é preciso aprender a utilizar essas ferramentas no
cotidiano.


      Da mesma forma, as instituições de ensino também precisam adaptar-se à essa
nova realidade, alterando as formas do processo de ensino-aprendizagem e os recursos
utilizados para esse fim. As tecnologias inserem-se nesse contexto escolar, à medida que
participam do cotidiano de professores e alunos, e da própria instituição de ensino em si.


      A comunidade escolar, em um contexto generalizado, espera ter acesso às TICs
(Tecnologias da Informação e Comunicação), mas ainda estão sendo construídas formas
para apropriar-se dessas tecnologias e aliá-las aos objetivos pedagógicos nas escolas.


      Assim, para assegurar-se que uma escola se apropriou das TICs é preciso que
aconteçam transformações em suas práticas, de maneira que a tecnologia contribua com
alterações no fazer pedagógico, e não seja tratada como atividade separada e apenas
pontual. Há um processo de transformação, ao inserir as TICs e utilizá-las, a escola cria
novas estratégias para seu desenvolvimento, e é nesse sentido e sob essa ótica que se
conduzirá a pesquisa.


      Pretende-se com esse estudo, apresentar um panorama da situação atual das TICs
no Colégio Dom Hermeto, demonstrando a importância das mesmas no contexto escolar,
levantar quais os recursos tecnológicos os docentes e alunos da instituição pesquisada
utilizam, analisar quais os objetivos dos docentes ao utilizarem as TICs (expectativas) e
entender a postura dos alunos frente à utilização (ou não) desses recursos.
2 AS TECNOLOGIAS E AS TICS - TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E DA
COMUNICAÇÃO APLICADAS À EDUCAÇÃO

      O conceito de tecnologia, como aplicação prática da ciência, pode ser amplo e
abrangente (MELO NETO, 2007), sendo a tecnologia uma produção basicamente
humana.
      Assim, tem-se que cada tecnologia modifica algumas dimensões da nossa inter-
relação com o mundo, da percepção da realidade, da interação com o tempo e o espaço
(MORAN, 1995).
                     As tecnologias são tão antigas quanto a espécie humana. Na verdade, foi a
                     engenhosidade humana, em todos os tempos, que deu origem às mais
                     diferenciadas tecnologias. O uso do raciocínio tem garantido ao homem um
                     processo crescente de inovações. Os conhecimentos daí derivados, quando
                     colocados em prática, dão origem a diferentes equipamentos, instrumentos,
                     recursos, produtos, processos, ferramentas, enfim, as tecnologias (KENSKI, 2007,
                     p.15).


      “Quando a tecnologia é chamada de educativa, se refere à todas as ferramentas
intelectuais, organizativas e artificiais a disposição de ou criadas pelos responsáveis pelo
planejamento, posto em prática a evolução da aprendizagem” (SANCHO, 200, p. 7-8).


      Ao utilizar as TICs na escola, de maneira adequada e planejada, tem-se a
produção compartilhada, que leva alunos e professores a trocarem informações, ideias,
conhecimentos e experiências, promovendo o desenvolvimento em nível pessoal e do
grupo todo, e a melhor compreensão da realidade.


      Dessa forma, a comunidade escolar pode repelir as tecnologias e tentar ficar fora
do processo; apropriar-se da técnica e transformar a vida em uma corrida atrás do novo,
ou apropriar-se dos processos, desenvolvendo habilidades que permitam o controle das
tecnologias e de seus efeitos (BRITO; PURIFICAÇÃO, 2008).


      Nesse contexto, a escola tem a oportunidade de romper com os velhos processos,
integrando-se à nova sociedade da informação e também a outros espaços produtores do
conhecimento, aproximando-se da realidade dos seus alunos e transformando a
sociedade contemporânea.


      Em seu trabalho, Spanhol e Spanhol (2009) apresentam a utilização da vídeo-aula
no contexto escolar, reportam que as possibilidades de disseminação do conhecimento
aumentaram de forma exponencial a partir da incorporação das TICs na Educação. A
introdução do vídeo previamente gravado e com linguagem audiovisual adequada
permitiram não só mostrar a imagem do professor, como também exemplificar conteúdos
com riqueza de detalhes e informações promovendo assim, uma maior compreensão do
aluno sobre os conteúdos das aulas.


       Os pesquisadores Rodrigues; Schlünzen Júnior e Schlünzen (2009), destacam
projetos do MEC (Ministério da Educação e Cultura) como o repositório educacional do
Banco Internacional de Objetos Educacionais, que promove a utilização das TICs em sala
de aula através de objetos educacionais1, e o Portal do Professor, que visa aperfeiçoar a
formação continuada dos profissionais, com o auxílio de recursos digitais pedagógicos.


       Também, Savi (2009) realizou uma pesquisa que avaliou o uso de conteúdo
multimídia em escolas públicas, através de projeção multimídia, tendo observado que
apesar das dificuldades por falta de conhecimentos na operação do equipamento, os
professores reconheceram a importância do uso desses recursos, e as aulas com
multimídia agradaram e motivaram os alunos.


       Em estudos de Nakashima e Ferreira do Amaral (2006), tem-se propostas
pedagógicas para a utilização da lousa digital como um instrumento que proporciona a
inserção da linguagem audiovisual no contexto escolar e uma mudança metodológica,
oportunizando a adaptação das aulas para os alunos da atualidade. Assim, a linguagem
utilizada é audiovisual e dinâmica, permitindo que o aluno seja produtor de informações.


       Barbosa e Oeiras (2008) destacam o uso de wikis em projetos escolares com
alunos do ensino fundamental, que proporcionam experiências de aprendizagem
colaborativa. Os resultados obtidos na pesquisa desenvolvida pelos autores atestaram a
adesão dos alunos ao projeto e a vontade que os professores demonstraram de
incorporar esta ferramenta em suas práticas pessoais e profissionais.



1
   O conceito aplicado ao termo objetos educacionais define, de acordo com Tarouco (2009) qualquer
recurso suplementar ao processo de aprendizagem, que pode ser reutilizado para apoiar a aprendizagem e,
geralmente, aplica-se a materiais educacionais projetados e construídos em pequenos conjuntos, com a
finalidade de maximizar as situações de aprendizagem onde o objeto pode ser aplicado.
“É perceptível que o uso das TICs introduz inovações nos processos de ensinar e
de aprender, ou seja, é necessário repensar e ressignificar as formas de ministrar aula, as
quais implicam na articulação de diferentes linguagens, de diferentes realidades” (LEAL;
ALVES; HETKOWSKI, 2006, p. 24). Porém, não basta a inserção de novas tecnologias no
contexto escolar para solucionar todos os problemas, é necessário conhecimento e
interesse para gerar as transformações.



3 PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS


      A utilização das TICs na pesquisa desenvolvida foi analisada a partir do contexto e
da prática escolar a que ela se refere, como recurso auxiliar no desenvolvimento do
processo de ensino-aprendizagem. A pesquisa realizada caracteriza-se como um estudo
de caso, qualitativa, pois visa à avaliação do uso das TICs no contexto pesquisado. O
ambiente de pesquisa é o Colégio Dom Hermeto, uma escola particular, escolhido em
razão da existência de recursos tecnológicos como computadores, laboratório de
informática, lousa interativa e o portal educacional, que as outras escolas do município
não possuem, onde verificou-se os aspectos referentes à utilização das TICs.


      A metodologia da pesquisa apoiou-se na aplicação de questionários e entrevistas
com a direção, coordenação pedagógica, docentes e alunos, a fim de auferir a situação
atual da instituição com relação às TICs. As informações foram sistematizadas, e a partir
daí, pode-se analisá-las e chegar ao resultado final da pesquisa.


      A coleta de dados realizada referiu-se às características físicas da escola;
características dos recursos humanos da escola: (direção, vice-direção, professores,
coordenação e alunos) quantidade e turnos, formação, atuação, visão das TICs, utilização
das TICs, expectativas; aspectos administrativos, pedagógicos e recursos tecnológicos.


      Assim, a direção respondeu a um questionário de características físicas da escola,
um questionário de recursos humanos, um questionário de características tecnológicas
(recursos materiais), uma entrevista sobre as características tecnológicas (recursos
humanos) e uma entrevista com a diretora sobre as TICs.
Ainda, foi aplicado um questionário sobre as TICs para a coordenação pedagógica,
um questionário para os professores, onde do total de 34, 8 responderam, e um
questionário para os alunos de uma turma de 3º ano do ensino médio (total de 29 alunos).



4 RESULTADOS E DISCUSSÃO


       A pesquisa realizada baseou-se principalmente na aplicação de questionários e
entrevistas relativos ao tema. Assim, a direção da escola respondeu à questionários
sobre as características físicas, recursos humanos, tecnológicos e materiais da escola.
Também, a diretora da instituição respondeu à entrevista sobre as TICs e sua utilização
na instituição de ensino. Ainda, a coordenação pedagógica respondeu ao questionário
sobre as TICs, além de professores e alunos da escola.


       O Colégio Dom Hermeto, de acordo com informações da direção, possui 14 salas
de aula, 8 salas de apoio e 1 sala para os professores. A escola atende à educação
infantil, ensino fundamental e ensino médio, nos turnos da manhã e tarde, e conta com 34
professores, 370 alunos, divididos em 16 turmas, e 21 funcionários. Ainda, relativo aos
recursos materiais e tecnológicos, possui 42 computadores, com acesso à internet, e uma
sala com lousa interativa2, onde são desenvolvidas aulas com recursos diferenciados,
através do Portal Educacional.


       As tecnologias disponíveis na escola são utilizadas em todos os níveis de ensino.
No que se refere aos usuários das TICs, tem-se que há uma profissional responsável pela
implementação e orientação no uso das tecnologias na escola, que é pedagoga, com
curso técnico em informática e acadêmica de pós-graduação em tecnologias interativas,
essa profissional é a coordenadora pedagógica da instituição. Os demais professores não
possuem formação específica na área de informática ou tecnologias, mas são
capacitados mensalmente, através de cursos, e também através do Portal Educacional,
para a melhor utilização das tecnologias.




2
  A lousa interativa é composta por uma tela conectada a um computador e um projetor multimídia. A
superfície dessa tela é sensível ao toque, isto é, quando alguém executa algum movimento sobre ela, o
computador registra o que se fez em um software específico que acompanha a lousa digital (NAKASHIMA;
FERREIRA DO AMARAL, 2006).
Nota-se que a existência de uma profissional com formação especializada para
orientar e auxiliar os professores da escola na utilização das tecnologias é muito
importante, é um facilitador do processo de inserção de novas ferramentas no contexto do
ensino-aprendizagem, porém é um limitador pois seria desejável que os professores
tivessem uma autonomia maior para buscarem novas formas de ensinar os conteúdos em
suas aulas. Uma liberdade maior talvez estimulasse mais aos professores pesquisarem,
aprenderem e colocarem em prática maneiras diferenciadas de utilizar as TICs na sala de
aula, ao invés de ficarem esperando por orientação.


      A diretora da instituição, em sua entrevista, respondeu possuir conhecimentos na
área de TICs, além de estar em formação contínua nesse aspecto, e destaca como
pontos positivos da utilização das tecnologias, serem ferramentas de auxílio didático-
pedagógico, criação e utilização de ambientes motivadores de aprendizagem,
conhecimento e informação, aberto para todos, trocas de experiência, autonomia e co-
responsabilidade no processo educativo. Como aspectos negativos, destaca o excesso de
informações, que não são transformadas em conhecimento. Ainda, a direção adota uma
estratégia de acompanhamento e avaliação mensal de utilização das TICs, que possibilita
o replanejamento, se necessário. A diretora da escola é a maior entusiasta na utilização
das TICs na escola, ela busca leituras e informações sobre o assunto, o que é um
aspecto importante a ser destacado.


      A coordenadora pedagógica possui conhecimentos sobre as TICs, e coordena o
trabalho pedagógico relacionado ao Portal Educacional na instituição. Nesse sentido, as
TICs fazem parte do Projeto Político Pedagógico da escola, sendo utilizadas como
ferramenta de apoio e de utilização no processo de ensino-aprendizagem desde 2003.
Desde então, a escola passou a investir em tecnologia, até o momento em que passaram
a utilizar o Portal Educacional, voltado para alunos e professores, que consiste em um
ambiente web seguro, para navegação e realização de estudos e pesquisas.


      No que se refere a utilização desse portal educacional, cujo mantenedor é o Grupo
Positivo, tem-se que passou a ser utilizado desde o início do ano letivo de 2010. Esse
portal consiste em um ambiente virtual de ensino e aprendizagem, disponibilizado em
uma página web da própria instituição, que pode utilizar todos os recursos disponíveis
através de uma associação. Assim, a escola passa a ter sua própria homepage, onde
pode disponibilizar conteúdos e serviços próprios, assim como contar com todos os
conteúdos e serviços do Portal Educacional.


      Esse portal (figura 1) disponibiliza um ambiente multidisciplinar, com projetos
colaborativos, oficina do texto, pesquisa escolar, enciclopédia, professor on-line,
conteúdos multimídia, atlas educacional, banco de imagens e vozes, atividades e jogos
pedagógicos, temas para sala de aula, desafios, blog do professor, editor de projetos,
aulas para telão interativo (lousa digital) e outras ferramentas.




        Figura 1 – Apresentação visual do Portal Educacional do Colégio Dom Hermeto.


      Como aspectos positivos da utilização das TICs, a coordenadora destaca a
inovação, trabalho em rede, aproximação do aluno com diferentes realidades, apoio para
ampliação do conhecimento e planejamento. Já como pontos negativos, a falta de tempo
e a resistência dos professores em se apropriarem das novas tecnologias, e no que se
refere aos alunos, o uso inadequado da internet nas pesquisas escolares, utilizando
informações incorretas ou não-confiáveis, apenas copiando conteúdos.
No que se refere aos professores, 8 responderam ao questionário (figura 2), sendo
que, destes, 6 estudam no momento, 2 estudam na área de informática (TICs e
tecnologias interativas).




                      6

                      5

                      4
                       3
                       2
                       1
                          0
                               sim
                                           não




                 Figura 2 – Gráfico representativo do questionário dos professores relativo
                 à questão sobre estudos.




       Isso demonstra que há pouco interesse por parte dos professores para a realização
de cursos sobre novas tecnologias, e exemplifica o que a coordenadora pedagógica
destacou como pontos negativos da utilização das TICs. Seria muito proveitoso para toda
a comunidade escolar e para o processo de ensino-aprendizagem em si se os
professores pudessem aprender e aperfeiçoar o uso das TICs em suas aulas.


       Ainda, todos possuem conhecimentos na área de TICs, utilizando esses recursos
principalmente para pesquisas de temas específicos relativos aos conteúdos trabalhados,
filmes como instrumento de apoio em algumas situações, e ferramentas como blogs,
lousa interativa e o portal educacional da instituição.


       Do total de professores que responderam ao questionário (figura 3), apenas um
sabia a que referia-se o termo AVA3 (Ambiente Virtual de Aprendizagem), por acessá-lo

3
   Segundo Almeida (2010) o termo refere-se à sistemas computacionais destinados ao suporte de
atividades mediadas pelas tecnologias de informação e comunicação, permitem integrar múltiplas mídias e
no seu curso de EAD (Educação a Distância), mas não é utilizado na prática escolar da
instituição, os demais professores que responderam ao questionário não sabem o que é
um AVA.




                     7
                     6
                     5
                     4
                     3
                      2
                         1
                         0
                              Sim
                                          Não




                Figura 3 – Gráfico representativo do questionário dos professores relativo
                à questão sobre conhecimento sobre AVAs.




       Dessa forma, seria interessante se a direção e os professores ampliassem a visão
sobre esse recurso tecnológico, que poderia abrir novas possibilidades de ensino-
aprendizagem.


       Deve-se destacar que alguns professores utilizam recursos diferenciados, um
professor da área de letras, por exemplo, destaca o uso de wikis 4, em construções
coletivas, e o skype5, para a prática da oralidade. Essas são iniciativas interessantes,
embora seja apenas uma professora que utilize esses recursos. Essa prática de inserção


recursos, apresentam informações de maneira organizada, proporcionam interações entre pessoas e
objetos de conhecimento, visando atingir determinados objetivos.
4
  De acordo com Barbosa e Oeiras (2008), Wiki é um termo utilizado para definir um site da Web que
contém páginas que podem ser editadas por qualquer visitante, a depender da sua configuração. Criadas
inicialmente com a finalidade de facilitar a comunicação entre desenvolvedores de software, as Wikis
passaram a ser utilizadas por públicos diferentes para diversas finalidades, entre elas a Educação.
5
  O Skype é um software que permite comunicação pela Internet através de conexões de voz, enviando
mensagens instantâneas.
de novas formas de aprender e ensinar no contexto das TICs poderia ser ampliado na
escola, sendo incentivada sua prática.


       Além disso, poderiam ser utilizadas ferramentas como objetos de aprendizagem e
webquests6 para facilitar a compreensão dos alunos acerca de determinado conteúdo e
estimular a pesquisa por parte dos mesmos. A utilização da metodologia webquest, por
exemplo, pode ser vista como uma solução didática e orientada de apresentar aos alunos
atividades que exijam pesquisas na internet, evitando ao máximo as técnicas do famoso
copiar e colar e estimulando a criatividade e busca por novas soluções dentro da
resolução de problemas.


       Assim, sendo a webquest um método organizado e previamente elaborado pelo
professor permite desencadear esses processos por meio da apresentação de desafios
aos alunos referentes ao contexto social em que eles estão inseridos (PENTEADO;
FERNANDES, 2009).


       Sobre os aspectos positivos da utilização das TICs na escola, todos demonstraram
concordar com seu uso, como ferramenta de apoio e suporte, dinamicidade e
interatividade, além de fazer parte do cotidiano de alunos e professores. Sobre os
aspectos negativos, destacaram a necessidade de orientação permanente dos alunos em
relação à linguagem utilizada, filtragem de informações coletadas (cópias de conteúdos e
conteúdos inapropriados) e postura crítica diante da infinidade de informações
disponíveis, além da necessidade de formação dos professores para utilizá-las.
       A respeito das TICs na escola, os professores concluem que elas não podem ser
ignoradas, o que demanda de uma formação e aperfeiçoamento por parte do professor,
para saber utilizá-las como ferramenta para dinamizar e qualificar seu trabalho. Ainda,
quando questionados sobre as mudanças que ocorreram nas aulas com a utilização das
TICs, os professores destacam que os alunos demonstram maior interesse nas aulas, e o
acesso à determinados conteúdos mais abstratos ou de difícil compreensão são



6
  A tecnologia educacional WebQuest foi proposta em 1995, por Bernie Dodge, professor da San Diego
State University, e destina-se à educação presencial, com participação ativa dos alunos sob a orientação do
professor, estendendose pela pesquisa guiada na Internet. Uma atividade WebQuest oferece a
possibilidade da construção do saber em um processo cooperativo na realização de um projeto (ABAR;
BARBOSA, 2008).
facilitados, através de animações, por exemplo. Também, os alunos e professores
interagem mais, tem mais contato, e as aulas são mais atrativas.


       Com relação ao questionário dos alunos, optou-se por uma turma de 3º ano do
ensino médio (total de 29 alunos), que responderam a perguntas relativas às tecnologias.
Assim, tem-se que a maioria dos alunos possui computador e acesso à internet em sua
casa, utilizando esses recursos para pesquisar, acessar redes sociais, mensagens
instantâneas e e-mail. Ainda, alguns, em quantidade menor, utilizam os recursos da
internet para assistir e baixar filmes, videoclips e jogos.


       Sobre os conhecimentos que possuem na área da informática, especificando quais
os recursos e softwares que sabem utilizar, a maioria dos alunos respondeu que edita
textos, fotos, publica fotos e vídeos, além de utilizar o software power point para
apresentações de trabalhos escolares. Apenas dois alunos responderam que possuem
conhecimentos relativos à construção de páginas web. Ainda, quando questionados sobre
a opinião acerca do uso do computador e outras tecnologias na escola, todos os alunos
demonstraram aprovar a inclusão dessas no contexto escolar, utilizando adjetivos como
“bom”, “útil”, “ótimo” , destacando sua importância e utilidade, por serem ferramentas mais
dinâmicas e atraentes, despertando o interesse dos alunos, e proporcionando
disponibilidade de acesso.


       Através da pesquisa realizada, observa-se que a instituição em análise inseriu no
contexto escolar um portal educacional, onde podem e são desenvolvidas atividades
utilizando-se novas ferramentas tecnológicas, que estimulam e favorecem o processo de
ensino-aprendizagem.


       Os professores, equipe diretiva e alunos tem acesso ao portal, através de um login
e senha, que permite o acesso aos conteúdos. Também, o portal permite o registro dos
acessos dos alunos e a área onde foi realizado, para que os professores possam auferir a
produtividade de cada um.


       Esse processo de inserção iniciou-se em março deste ano, estando apenas no
estágio inicial de desenvolvimento, ainda há muito a descobrir e realizar. Dessa forma, é
necessário que a escola continue na sua busca por formação especializada e
capacitação, principalmente por parte dos professores, e estimulando a utilização das
novas tecnologias no âmbito da instituição de ensino.


      A utilização das TICs na escola deve acontecer na ação pedagógica; não basta
apenas introduzir recursos tecnológicos na escola, mas sim, é necessário discutir e
orientar sobre métodos e técnicas, de sua utilização, do ponto de vista pedagógico.



5 CONCLUSÕES E RECOMENDAÇÕES


      As mudanças tecnológicas vêm revolucionando as concepções de aprendizagem.
As instituições de ensino, frente às transformações do mundo, são desafiadas a buscarem
situações inovadoras de aprendizagem, sendo impostos novos ritmos e dimensões no
processo de ensino-aprendizagem. Também, os professores são levados à criarem novas
formas de participarem do processo educativo. É nesse contexto que se realizou essa
pesquisa sobre o uso das TICs no Colégio Dom Hermeto e suas implicações, cuja
importância está ao se traçar um panorama da situação atual da utilização das TICs na
instituição analisada, e através disso, incentivar a utilização dessas novas tecnologias.


      Através da pesquisa, constatou-se que a instituição pesquisada inseriu as TICs em
sua prática escolar, através de um portal educacional, que disponibiliza aos professores e
alunos possibilidades de interação e aprendizagem diferenciados. É uma prática
inovadora, que pode ser melhor explorada se os professores forem capacitados para
utilizar todas as ferramentas disponíveis, e forem motivados a inserirem essas tecnologias
em suas aulas.


      Os profissionais e alunos da escola evidenciaram em suas respostas a importância
da inserção das TICs no contexto escolar e as melhorias decorrentes desse processo,
pois as tecnologias propiciam novas formas de se ensinar e aprender os conteúdos. A
direção e a coordenação pedagógica destacaram a implementação das TICs e os
avanços alcançados, principalmente com relação à utilização do portal educacional, por
ser um processo de mudança na escola, mas, apesar das dificuldades, como falta de
tempo e a resistência de alguns profissionais em utilizaram as tecnologias disponíveis,
vem sendo proveitoso esta prática nova na escola.
Os professores da instituição possuem conhecimentos superficiais na área de
TICs, mas a escola tenta melhorar esse quadro através de cursos de capacitação
oferecidos. As principais ferramentas relativas à tecnologia que eles utilizam são filmes,
blogs, lousa interativa e o portal educacional da escola. Dessa forma, poderiam explorar
melhor a infinidade de recursos tecnológicos a sua disposição, para incrementar suas
aulas e despertar o interesse dos alunos, mas, para isso, os professores também
precisam estar motivados, e muitos destacaram a necessidade de formação para
utilização adequada das TICs em sala de aula, que ainda é insuficiente, precisando ser
aperfeiçoada.


      Os alunos pesquisados utilizam o computador e a internet no seu cotidiano, e estão
familiarizados com essas tecnologias, além de aprovarem a inserção dessas no cotidiano
escolar, principalmente por despertarem um maior interesse dos mesmos para os
conteúdos a serem desenvolvidos.


      Assim, tem-se que a escola procura se inserir no contexto atual de utilização de
novas tecnologias, e toda a comunidade escolar se beneficia com isso e percebe as
mudanças e melhorias decorrentes desse processo. No entanto, é necessário que ocorra
a formação e preparação adequada dos agentes envolvidos, principalmente os
professores, que precisam aplicar na sala de aula esses recursos tecnológicos de
maneira adequada e consciente.


      Então não basta a inserção de equipamentos e tecnologia na escola, mas sim,
apoiar o professor para que ele saiba planejar a sua utilização e operar os equipamentos
e recursos disponíveis, pois a prática profissional demanda de novas competências a
serem adquiridas.


      Dessa forma, futuramente a escola poderia qualificar os professores de maneira
que não tenham dificuldades em usar as tecnologias disponíveis, e que consigam explorar
as funcionalidades do portal educacional da escola da melhor maneira possível. Também,
os professores podem inserir novas ferramentas para suas aulas, como a utilização de
AVAs e Objetos de Aprendizagem, que são recursos para auxiliarem o processo de
ensino-aprendizagem.
Ainda, pode-se expandir o campo de pesquisa, investigando as demais escolas do
município no que se refere à utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação,
para obter uma visão do contexto municipal da educação e uso de recursos tecnológicos.


                                    REFERÊNCIAS



ABAR, C. A. A. P.; BARBOSA, L. M. WebQuest: um desafio para o professor!. São Paulo:
Avercamp, 2008.



ALMEIDA, M. E. B. Tecnologia e educação a distância: abordagens e contribuições
dos ambientes digitais e interativos de aprendizagem. Disponível em:
<http://www.anped.org.br/reunioes/26/trabalhos/mariaeliza bethalmeida.rtf.> Acesso em:
28 ago. 2010.



BARBOSA, L. P. F.; OEIRAS, J. Y. Y. Uso de Wikis em projetos escolares: experiências
colaborativas com alunos de ensino fundamental. In: CONGRESSO DA SOCIEDADE
BRASILEIRA DE COMPUTAÇÃO, 28, Belém do Pará. Anais... Belém do Pará: SBC ,
2008.



BRITO, G. S.; PURIFICAÇÃO, I. Educação e novas tecnologias: um repensar. 2 ed.
Curitiba: IBPEX, 2008.



KENSKI, V. M. Educação e tecnologias: o novo ritmo da informação. Campinas:
Papirus, 2007.



LEAL, J.; ALVES, L.; HETKOWSKI, T. M. Educação e tecnologia: rompendo os
obstáculos epistemológicos. In: SANTOS, E.; ALVES, L. (org.) Práticas pedagógicas e
tecnologias digitais. Rio de Janeiro: E-papers, 2006. cap.1, p. 17-30.



MELO NETO, J. A. Tecnologia educacional: formação de professores no labirinto de
ciberespaço. Rio de Janeiro: MEMVAMEM, 2007.
MORAN, J. M. Novas tecnologias e o re-encantamento do mundo. Tecnologia
Educacional. Rio de Janeiro, n.126, vol. 23, setembro-outubro 1995. Disponível em:
<http://www.eca.usp.br/prof/moran/novtec.htm>. Acesso em: 10 jul. 2010.



NAKASHIMA, R. H. R. ; FERREIRA DO AMARAL, S. A linguagem audiovisual da lousa
digital interativa no contexto educacional. Educação temática Digital. n. 1, v. 8,
dezembro 2006. Disponível em: <
http://lantec.fae.unicamp.br/lantec/publicacoes/rosaria.pdf>. Acesso em 03 set. 2010.



RODRIGUES, P. A. A. ; SCHLÜNZEN JÚNIOR, K.; SCHLÜNZEN, E. T. M. Novas
ferramentas pedagógicas digitais para auxiliar os professores no processo de ensino-
aprendizagem. Novas tecnologias na educação. n. 3, v. 7, Dezembro 2009. Disponível
em:<http://www.cinted.ufrgs.br/renote/ dez2009/.../11a_palomaalinne.pdf>. Acesso em: 10
set. 2010.



SANCHO, J. M. (org.) Para uma tecnologia educativa. Barcelona: Horsori Editorial,
2001.



SAVI, R. Utilização de Projeção Multimídia em salas de aula: observação de uso em três
escolas públicas. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO, 20,
Florianópolis. Anais... Florianópolis: UFSC , 2009.



SPANHOL, G. K.; SPANHOL, F. J. Processos de produção de vídeo-aula. Novas
tecnologias na educação. n. 3, v. 7, Dezembro 2009. Disponível
em:<http://www.cinted.ufrgs.br/renote/jul2009/artigos/1a_greicy.pdf>. Acesso em: 10 set.
2010.



TAROUCO, L. M. R. Aprendendo on-line: o que há de novo no papel do aluno.
Disponível em: <http://penta2.ufrgs.br/edu/espie/alunonline.htm> Acesso em: 12 dez. de
2009.
QUESTIONÁRIO DE CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DA ESCOLA

1)Nome:

2)Endereço:

3)Área:

4)Salas de aula:

5)Salas de professores:

6)Salas de serviços de apoio (direção, vice-direção, coordenação, secretaria,
recepção,salas de apoio):

7)Laboratórios:

8)Biblioteca:

9)Área recreativa:

10)Cozinha/cantina/bar:

11)Outras informações:
QUESTIONÁRIO DE CARACTERÍSTICAS DOS RECURSOS HUMANOS DA
ESCOLA



Nível de       Manhã     Tarde           Noite
ensino




                 Manhã           Tarde           Noite
Direção
Vice-direção
Coordenação
Professores
Alunos
Turmas
Funcionários
QUESTIONÁRIO DE CARACTERÍSTICAS TECNOLÓGICAS DA ESCOLA –
RECURSOS MATERIAIS

1)Quantidade de computador(es):

2)Webcam(s):

3)Tv(s):

4)Projetor(es) multimídia:

5)Possui conexão de internet? Que tipo?

6)Softwar(es):

7)Outros equipamentos que possui:
QUESTIONÁRIO SOBRE AS CARACTERÍSTICAS TECNOLÓGICAS DA ESCOLA –
RECURSOS HUMANOS

1)Pessoas preparadas para utilizarem as tecnologias da escola:

                                     Quantidade
Direção
Professores
Alunos
Funcionários


2)Qual o uso que é feito das tecnologias disponíveis na escola, e quem as utiliza?



3)Qual a capacitação/ formação possuem as pessoas preparadas para utilizarem
essa tecnologia na escola?
ROTEIRO PARA ENTREVISTA COM A DIRETORA

1)Possui conhecimentos/capacitação na área de TICs?

2)Uso que faz das TICs:

3)Histórico de utilização/implementação das TICs na escola:

4)Aspectos positivos das TICs na escola:

5)Aspectos negativos das TICs na escola:

6)Qual a sua conclusão/opinião a respeito das TICs na escola?

7)Qual é o seu papel em relação ao trabalho com TICs na escola?

8)Busca laboratórios novos?

9)Interage com outras escolas para verificar como utilizam, quais resultados?

10)Está em contato com SEC estadual ou municipal para passar para seus
professores oportunidades de atualização?

11)Proporciona ao corpo docente tempo para discussão e capacitação na própria
escola?

12)Existe na escola uma estratégia de utilização de TICs? Caso exista, os
professores da escola são orientados para seguir esta estratégia?

13)Quais as suas expectativas com relação ao uso de TICs na escola?

14)Que mudanças ocorreram na área diretiva com a utilização das TICs na
escola?

15)Observações:
QUESTIONÁRIO DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA

1)Possui conhecimentos na área de TICs?

2)Uso que faz das TICs:

3)Histórico de utilização/implementação das TICs na escola:

4)Aspectos positivos das TICs na escola:

5)Aspectos negativos das TICs na escola:

6)Qual a sua conclusão/opinião a respeito das TICs na escola?

7)Que mudanças ocorreram na área pedagógica com a utilização das TICs na
escola? Exemplos:

8)Observações:
QUESTIONÁRIO DOS PROFESSORES

1)Estuda? Que curso e em que área?

2)Possui conhecimentos na área de TICs?

3)Uso que faz das TICs:

   a)   Usa o Google ou outro buscador? Qual? Como?
   b)   Usa filmes? Como?
   c)   Usa AVAs? Como?
   d)   Usa outras ferramentas? Quais? Como as utiliza?

4)Aspectos positivos das TICs na escola:

5)Aspectos negativos das TICs na escola:

6)Qual a sua conclusão/opinião a respeito das TICs na escola?

7)Há algo que diferencia essa escola das outras que você conhece ou atua?

8)Que mudanças ocorreram nas suas aulas com a utilização das TICs?

9)Observações:
QUESTIONÁRIO DOS ALUNOS

1)Idade:

2)Série:

3)Quais as suas principais atividades fora da sala de aula?



4)Possui computador e acesso à internet em casa? Se possuir, assinale quais os
usos que faz do computador e internet (pode marcar mais de uma opção):

   a)Pesquisa na internet
   b) Redes sociais como orkut, facebook...
   c)Mensagens instantâneas
   d)Assistir/baixar filmes
   e)Assistir/baixar videoclips
   f)Uso de e-mail
   g)Jogos ( 1- no computador ; 2 - em rede)
   h)Outros : explique....

5)Assinale quais os conhecimentos que possui em informática (pode marcar mais
de uma opção):

   a) Edita textos no Word ou outro editor?
   b) Constrói paginas?
   c) Edita fotos?
   d) Publica fotos na internet? Onde? (Orkut, página pessoal, facebook, outros)
   e) Edita vídeos?
   f) Faz uso do PowerPoint para apresentação de trabalhos?
6)Qual sua opinião sobre o uso do computador e outras tecnologias novas na
escola?



7)Sugestões:

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

PIXTON Histórias em quadrinhos na web
PIXTON Histórias em quadrinhos na webPIXTON Histórias em quadrinhos na web
PIXTON Histórias em quadrinhos na webAna Paula Ó
 
Pedagogia Surda
Pedagogia SurdaPedagogia Surda
Pedagogia Surdalexmarcal
 
HISTÓRIAS EM QUADRINHOS NA WEB: PIXTON FERRRAMENTA MEDIADORA NO PROCESSO DE E...
HISTÓRIAS EM QUADRINHOS NA WEB: PIXTON FERRRAMENTA MEDIADORA NO PROCESSO DE E...HISTÓRIAS EM QUADRINHOS NA WEB: PIXTON FERRRAMENTA MEDIADORA NO PROCESSO DE E...
HISTÓRIAS EM QUADRINHOS NA WEB: PIXTON FERRRAMENTA MEDIADORA NO PROCESSO DE E...Ana Paula Ó
 
Santana do Livramento - Maribel Pires da Rosa
Santana do Livramento - Maribel Pires da RosaSantana do Livramento - Maribel Pires da Rosa
Santana do Livramento - Maribel Pires da RosaCursoTICs
 
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela Melaré
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela MelaréEducação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela Melaré
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela MelaréElizabeth Fantauzzi
 
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...Adroaldo Dallabrida
 
Artigo defesa tic patricia fernandes agudo
Artigo defesa tic patricia fernandes agudoArtigo defesa tic patricia fernandes agudo
Artigo defesa tic patricia fernandes agudoequipetics
 
Artigo tic carmem 3 janeiro 2013
Artigo tic carmem 3 janeiro 2013Artigo tic carmem 3 janeiro 2013
Artigo tic carmem 3 janeiro 2013equipetics
 
Produção de significados sobre roldanas a partir do uso dos aplicativos “Físi...
Produção de significados sobre roldanas a partir do uso dos aplicativos “Físi...Produção de significados sobre roldanas a partir do uso dos aplicativos “Físi...
Produção de significados sobre roldanas a partir do uso dos aplicativos “Físi...hawbertt
 
Texto exemplo
Texto exemploTexto exemplo
Texto exemplo231511
 
Agudo - Farli Lilian Borfe Streck
Agudo - Farli Lilian Borfe StreckAgudo - Farli Lilian Borfe Streck
Agudo - Farli Lilian Borfe StreckCursoTICs
 
Carla rita franceschett-paim_sobradinho
Carla rita franceschett-paim_sobradinhoCarla rita franceschett-paim_sobradinho
Carla rita franceschett-paim_sobradinhoequipetics
 
Apresentação Lidiane
Apresentação LidianeApresentação Lidiane
Apresentação Lidianejorgellss
 
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos Santos
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos SantosSantana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos Santos
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos SantosCursoTICs
 
São João do Polêsine - Marcelo Peixoto Marques
São João do Polêsine - Marcelo Peixoto MarquesSão João do Polêsine - Marcelo Peixoto Marques
São João do Polêsine - Marcelo Peixoto MarquesCursoTICs
 
Imersão tecnológica na educação possibilidades,limitações e dificuldades no ...
Imersão tecnológica na educação  possibilidades,limitações e dificuldades no ...Imersão tecnológica na educação  possibilidades,limitações e dificuldades no ...
Imersão tecnológica na educação possibilidades,limitações e dificuldades no ...Cleyton Souza
 

Mais procurados (20)

PIXTON Histórias em quadrinhos na web
PIXTON Histórias em quadrinhos na webPIXTON Histórias em quadrinhos na web
PIXTON Histórias em quadrinhos na web
 
Pedagogia Surda
Pedagogia SurdaPedagogia Surda
Pedagogia Surda
 
HISTÓRIAS EM QUADRINHOS NA WEB: PIXTON FERRRAMENTA MEDIADORA NO PROCESSO DE E...
HISTÓRIAS EM QUADRINHOS NA WEB: PIXTON FERRRAMENTA MEDIADORA NO PROCESSO DE E...HISTÓRIAS EM QUADRINHOS NA WEB: PIXTON FERRRAMENTA MEDIADORA NO PROCESSO DE E...
HISTÓRIAS EM QUADRINHOS NA WEB: PIXTON FERRRAMENTA MEDIADORA NO PROCESSO DE E...
 
Texto do artigo 2494-1-10-20170925
Texto do artigo 2494-1-10-20170925Texto do artigo 2494-1-10-20170925
Texto do artigo 2494-1-10-20170925
 
Santana do Livramento - Maribel Pires da Rosa
Santana do Livramento - Maribel Pires da RosaSantana do Livramento - Maribel Pires da Rosa
Santana do Livramento - Maribel Pires da Rosa
 
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela Melaré
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela MelaréEducação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela Melaré
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela Melaré
 
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...
 
Maria fermina
Maria ferminaMaria fermina
Maria fermina
 
Artigo defesa tic patricia fernandes agudo
Artigo defesa tic patricia fernandes agudoArtigo defesa tic patricia fernandes agudo
Artigo defesa tic patricia fernandes agudo
 
Artigo tic carmem 3 janeiro 2013
Artigo tic carmem 3 janeiro 2013Artigo tic carmem 3 janeiro 2013
Artigo tic carmem 3 janeiro 2013
 
Produção de significados sobre roldanas a partir do uso dos aplicativos “Físi...
Produção de significados sobre roldanas a partir do uso dos aplicativos “Físi...Produção de significados sobre roldanas a partir do uso dos aplicativos “Físi...
Produção de significados sobre roldanas a partir do uso dos aplicativos “Físi...
 
Texto exemplo
Texto exemploTexto exemplo
Texto exemplo
 
Apresentacao
ApresentacaoApresentacao
Apresentacao
 
Mariana busin
Mariana businMariana busin
Mariana busin
 
Agudo - Farli Lilian Borfe Streck
Agudo - Farli Lilian Borfe StreckAgudo - Farli Lilian Borfe Streck
Agudo - Farli Lilian Borfe Streck
 
Carla rita franceschett-paim_sobradinho
Carla rita franceschett-paim_sobradinhoCarla rita franceschett-paim_sobradinho
Carla rita franceschett-paim_sobradinho
 
Apresentação Lidiane
Apresentação LidianeApresentação Lidiane
Apresentação Lidiane
 
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos Santos
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos SantosSantana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos Santos
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos Santos
 
São João do Polêsine - Marcelo Peixoto Marques
São João do Polêsine - Marcelo Peixoto MarquesSão João do Polêsine - Marcelo Peixoto Marques
São João do Polêsine - Marcelo Peixoto Marques
 
Imersão tecnológica na educação possibilidades,limitações e dificuldades no ...
Imersão tecnológica na educação  possibilidades,limitações e dificuldades no ...Imersão tecnológica na educação  possibilidades,limitações e dificuldades no ...
Imersão tecnológica na educação possibilidades,limitações e dificuldades no ...
 

Semelhante a Três de Maio - Mercia Maria Vogel

Apropriaçãoo das tecnologias um fenomeno em espiral
Apropriaçãoo das tecnologias  um fenomeno em espiralApropriaçãoo das tecnologias  um fenomeno em espiral
Apropriaçãoo das tecnologias um fenomeno em espiralDeusirene Magalhaes de Araujo
 
Marcia rozane b. pipper
Marcia rozane b. pipperMarcia rozane b. pipper
Marcia rozane b. pipperequipetics
 
Vildaine simões taschetto
Vildaine simões taschettoVildaine simões taschetto
Vildaine simões taschettoequipetics
 
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...Mauricio Maulaz
 
Santana do Livramento - Maria Francisca Ilha Hardem Neves
Santana do Livramento - Maria Francisca Ilha Hardem NevesSantana do Livramento - Maria Francisca Ilha Hardem Neves
Santana do Livramento - Maria Francisca Ilha Hardem NevesCursoTICs
 
Prescepção do professor acerca do uso das mídias e da tecnologia na prática p...
Prescepção do professor acerca do uso das mídias e da tecnologia na prática p...Prescepção do professor acerca do uso das mídias e da tecnologia na prática p...
Prescepção do professor acerca do uso das mídias e da tecnologia na prática p...Jéssica Rodrigues'
 
11998 39180-1-pb(1) Para uma boa leitura
11998 39180-1-pb(1) Para uma boa leitura11998 39180-1-pb(1) Para uma boa leitura
11998 39180-1-pb(1) Para uma boa leituraRenata2014morgado
 
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...Adroaldo Dallabrida
 
Análise dos Dados E.E.M. Macário Borba
Análise dos Dados E.E.M. Macário BorbaAnálise dos Dados E.E.M. Macário Borba
Análise dos Dados E.E.M. Macário Borbajana_ramos
 
Forma qim teresa_tic_educa2012
Forma qim teresa_tic_educa2012Forma qim teresa_tic_educa2012
Forma qim teresa_tic_educa2012Teresa Vasconcelos
 
MÍDIAS E EDUCAÇÃO GEOGRÁFICA NO PROJETO PIBID/UEPB: O USO DAS NOVAS TECNOLOGI...
MÍDIAS E EDUCAÇÃO GEOGRÁFICA NO PROJETO PIBID/UEPB: O USO DAS NOVAS TECNOLOGI...MÍDIAS E EDUCAÇÃO GEOGRÁFICA NO PROJETO PIBID/UEPB: O USO DAS NOVAS TECNOLOGI...
MÍDIAS E EDUCAÇÃO GEOGRÁFICA NO PROJETO PIBID/UEPB: O USO DAS NOVAS TECNOLOGI...pibidgeo
 
As tecnologias no cotidiano escolar possibilidades de __articular o trabalh...
As tecnologias no cotidiano   escolar possibilidades de __articular o trabalh...As tecnologias no cotidiano   escolar possibilidades de __articular o trabalh...
As tecnologias no cotidiano escolar possibilidades de __articular o trabalh...Mayke Machado
 
Acção formação pte1
Acção formação pte1Acção formação pte1
Acção formação pte1Ádila Faria
 
A Blogosfera como Ambiente para o Desenvolvimento Profissional dos Professore...
A Blogosfera como Ambiente para o Desenvolvimento Profissional dos Professore...A Blogosfera como Ambiente para o Desenvolvimento Profissional dos Professore...
A Blogosfera como Ambiente para o Desenvolvimento Profissional dos Professore...Cornélia Castro
 
Texto preliminar eliana, alexsandra, humberto
Texto preliminar   eliana, alexsandra, humbertoTexto preliminar   eliana, alexsandra, humberto
Texto preliminar eliana, alexsandra, humbertoelianabraungorl
 
Tatiane de camargo rohrs
Tatiane de camargo rohrsTatiane de camargo rohrs
Tatiane de camargo rohrsequipetics
 
O aluno de química como co-autor de Recursos Educativos Digitais: no palco e ...
O aluno de química como co-autor de Recursos Educativos Digitais: no palco e ...O aluno de química como co-autor de Recursos Educativos Digitais: no palco e ...
O aluno de química como co-autor de Recursos Educativos Digitais: no palco e ...Cornélia Castro
 

Semelhante a Três de Maio - Mercia Maria Vogel (20)

Comunicação na educação
Comunicação na educaçãoComunicação na educação
Comunicação na educação
 
Apropriaçãoo das tecnologias um fenomeno em espiral
Apropriaçãoo das tecnologias  um fenomeno em espiralApropriaçãoo das tecnologias  um fenomeno em espiral
Apropriaçãoo das tecnologias um fenomeno em espiral
 
Marcia rozane b. pipper
Marcia rozane b. pipperMarcia rozane b. pipper
Marcia rozane b. pipper
 
Vildaine simões taschetto
Vildaine simões taschettoVildaine simões taschetto
Vildaine simões taschetto
 
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...
 
Santana do Livramento - Maria Francisca Ilha Hardem Neves
Santana do Livramento - Maria Francisca Ilha Hardem NevesSantana do Livramento - Maria Francisca Ilha Hardem Neves
Santana do Livramento - Maria Francisca Ilha Hardem Neves
 
Prescepção do professor acerca do uso das mídias e da tecnologia na prática p...
Prescepção do professor acerca do uso das mídias e da tecnologia na prática p...Prescepção do professor acerca do uso das mídias e da tecnologia na prática p...
Prescepção do professor acerca do uso das mídias e da tecnologia na prática p...
 
11998 39180-1-pb(1) Para uma boa leitura
11998 39180-1-pb(1) Para uma boa leitura11998 39180-1-pb(1) Para uma boa leitura
11998 39180-1-pb(1) Para uma boa leitura
 
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...
Uso pedagogico do excel novos paradigmas para novos tempos versão final para ...
 
Análise dos Dados E.E.M. Macário Borba
Análise dos Dados E.E.M. Macário BorbaAnálise dos Dados E.E.M. Macário Borba
Análise dos Dados E.E.M. Macário Borba
 
Forma qim teresa_tic_educa2012
Forma qim teresa_tic_educa2012Forma qim teresa_tic_educa2012
Forma qim teresa_tic_educa2012
 
MÍDIAS E EDUCAÇÃO GEOGRÁFICA NO PROJETO PIBID/UEPB: O USO DAS NOVAS TECNOLOGI...
MÍDIAS E EDUCAÇÃO GEOGRÁFICA NO PROJETO PIBID/UEPB: O USO DAS NOVAS TECNOLOGI...MÍDIAS E EDUCAÇÃO GEOGRÁFICA NO PROJETO PIBID/UEPB: O USO DAS NOVAS TECNOLOGI...
MÍDIAS E EDUCAÇÃO GEOGRÁFICA NO PROJETO PIBID/UEPB: O USO DAS NOVAS TECNOLOGI...
 
O uso-das-midias-na-sala-de-aula-resistencias-e-aprendizagens
O uso-das-midias-na-sala-de-aula-resistencias-e-aprendizagensO uso-das-midias-na-sala-de-aula-resistencias-e-aprendizagens
O uso-das-midias-na-sala-de-aula-resistencias-e-aprendizagens
 
As tecnologias no cotidiano escolar possibilidades de __articular o trabalh...
As tecnologias no cotidiano   escolar possibilidades de __articular o trabalh...As tecnologias no cotidiano   escolar possibilidades de __articular o trabalh...
As tecnologias no cotidiano escolar possibilidades de __articular o trabalh...
 
Acção formação pte1
Acção formação pte1Acção formação pte1
Acção formação pte1
 
A Blogosfera como Ambiente para o Desenvolvimento Profissional dos Professore...
A Blogosfera como Ambiente para o Desenvolvimento Profissional dos Professore...A Blogosfera como Ambiente para o Desenvolvimento Profissional dos Professore...
A Blogosfera como Ambiente para o Desenvolvimento Profissional dos Professore...
 
Texto preliminar eliana, alexsandra, humberto
Texto preliminar   eliana, alexsandra, humbertoTexto preliminar   eliana, alexsandra, humberto
Texto preliminar eliana, alexsandra, humberto
 
Tatiane de camargo rohrs
Tatiane de camargo rohrsTatiane de camargo rohrs
Tatiane de camargo rohrs
 
Apres Sancho
Apres SanchoApres Sancho
Apres Sancho
 
O aluno de química como co-autor de Recursos Educativos Digitais: no palco e ...
O aluno de química como co-autor de Recursos Educativos Digitais: no palco e ...O aluno de química como co-autor de Recursos Educativos Digitais: no palco e ...
O aluno de química como co-autor de Recursos Educativos Digitais: no palco e ...
 

Mais de CursoTICs

Três de Maio - Laenir Ana Busanello Sipmann
Três de Maio - Laenir Ana Busanello SipmannTrês de Maio - Laenir Ana Busanello Sipmann
Três de Maio - Laenir Ana Busanello SipmannCursoTICs
 
Três de Maio - Kerly Jussana Backes
Três de Maio - Kerly Jussana BackesTrês de Maio - Kerly Jussana Backes
Três de Maio - Kerly Jussana BackesCursoTICs
 
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de Mattos
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de MattosTrês de Maio - Flávia Hitomi Takei de Mattos
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de MattosCursoTICs
 
Três de Maio - Emilene Andréa Eichelberger
Três de Maio - Emilene Andréa EichelbergerTrês de Maio - Emilene Andréa Eichelberger
Três de Maio - Emilene Andréa EichelbergerCursoTICs
 
Três de Maio - Claudenir Beatriz Grizotti
Três de Maio - Claudenir Beatriz GrizottiTrês de Maio - Claudenir Beatriz Grizotti
Três de Maio - Claudenir Beatriz GrizottiCursoTICs
 
Três de Maio - Arlete Justina Monegat Hamerski
Três de Maio - Arlete Justina Monegat HamerskiTrês de Maio - Arlete Justina Monegat Hamerski
Três de Maio - Arlete Justina Monegat HamerskiCursoTICs
 
Três de Maio - Taísa Soares Valdameri
Três de Maio - Taísa Soares ValdameriTrês de Maio - Taísa Soares Valdameri
Três de Maio - Taísa Soares ValdameriCursoTICs
 
Sobradinho - Simoni Timm Hermes
Sobradinho - Simoni Timm HermesSobradinho - Simoni Timm Hermes
Sobradinho - Simoni Timm HermesCursoTICs
 
Sobradinho - Saionara Carlotto da Silva
Sobradinho - Saionara Carlotto da SilvaSobradinho - Saionara Carlotto da Silva
Sobradinho - Saionara Carlotto da SilvaCursoTICs
 
Sobradinho - Rômulo Limberger da Silva
Sobradinho - Rômulo Limberger da SilvaSobradinho - Rômulo Limberger da Silva
Sobradinho - Rômulo Limberger da SilvaCursoTICs
 
Sobradinho - Marcele Lazzari
Sobradinho - Marcele LazzariSobradinho - Marcele Lazzari
Sobradinho - Marcele LazzariCursoTICs
 
Sobradinho - Luciano Machado
Sobradinho - Luciano MachadoSobradinho - Luciano Machado
Sobradinho - Luciano MachadoCursoTICs
 
Sobradinho - Larissa Perobelli Rech
Sobradinho - Larissa Perobelli RechSobradinho - Larissa Perobelli Rech
Sobradinho - Larissa Perobelli RechCursoTICs
 
Sobradinho - Helena Maria da Silva Rech
Sobradinho - Helena Maria da Silva RechSobradinho - Helena Maria da Silva Rech
Sobradinho - Helena Maria da Silva RechCursoTICs
 
Sobradinho - Fátima Regina da Silva Bandeira
Sobradinho - Fátima Regina da Silva BandeiraSobradinho - Fátima Regina da Silva Bandeira
Sobradinho - Fátima Regina da Silva BandeiraCursoTICs
 
Sobradinho - Diana Lurdes Muraro Vendruscollo
Sobradinho - Diana Lurdes Muraro VendruscolloSobradinho - Diana Lurdes Muraro Vendruscollo
Sobradinho - Diana Lurdes Muraro VendruscolloCursoTICs
 
Sobradinho - Daniela Carlotto
Sobradinho - Daniela CarlottoSobradinho - Daniela Carlotto
Sobradinho - Daniela CarlottoCursoTICs
 
Sobradinho - Clair Batista da Silva
Sobradinho - Clair Batista da SilvaSobradinho - Clair Batista da Silva
Sobradinho - Clair Batista da SilvaCursoTICs
 
Sobradinho - Ana Paula Coe Fagundes
Sobradinho - Ana Paula Coe FagundesSobradinho - Ana Paula Coe Fagundes
Sobradinho - Ana Paula Coe FagundesCursoTICs
 
Sobradinho - Viviane Guidotti
Sobradinho - Viviane GuidottiSobradinho - Viviane Guidotti
Sobradinho - Viviane GuidottiCursoTICs
 

Mais de CursoTICs (20)

Três de Maio - Laenir Ana Busanello Sipmann
Três de Maio - Laenir Ana Busanello SipmannTrês de Maio - Laenir Ana Busanello Sipmann
Três de Maio - Laenir Ana Busanello Sipmann
 
Três de Maio - Kerly Jussana Backes
Três de Maio - Kerly Jussana BackesTrês de Maio - Kerly Jussana Backes
Três de Maio - Kerly Jussana Backes
 
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de Mattos
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de MattosTrês de Maio - Flávia Hitomi Takei de Mattos
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de Mattos
 
Três de Maio - Emilene Andréa Eichelberger
Três de Maio - Emilene Andréa EichelbergerTrês de Maio - Emilene Andréa Eichelberger
Três de Maio - Emilene Andréa Eichelberger
 
Três de Maio - Claudenir Beatriz Grizotti
Três de Maio - Claudenir Beatriz GrizottiTrês de Maio - Claudenir Beatriz Grizotti
Três de Maio - Claudenir Beatriz Grizotti
 
Três de Maio - Arlete Justina Monegat Hamerski
Três de Maio - Arlete Justina Monegat HamerskiTrês de Maio - Arlete Justina Monegat Hamerski
Três de Maio - Arlete Justina Monegat Hamerski
 
Três de Maio - Taísa Soares Valdameri
Três de Maio - Taísa Soares ValdameriTrês de Maio - Taísa Soares Valdameri
Três de Maio - Taísa Soares Valdameri
 
Sobradinho - Simoni Timm Hermes
Sobradinho - Simoni Timm HermesSobradinho - Simoni Timm Hermes
Sobradinho - Simoni Timm Hermes
 
Sobradinho - Saionara Carlotto da Silva
Sobradinho - Saionara Carlotto da SilvaSobradinho - Saionara Carlotto da Silva
Sobradinho - Saionara Carlotto da Silva
 
Sobradinho - Rômulo Limberger da Silva
Sobradinho - Rômulo Limberger da SilvaSobradinho - Rômulo Limberger da Silva
Sobradinho - Rômulo Limberger da Silva
 
Sobradinho - Marcele Lazzari
Sobradinho - Marcele LazzariSobradinho - Marcele Lazzari
Sobradinho - Marcele Lazzari
 
Sobradinho - Luciano Machado
Sobradinho - Luciano MachadoSobradinho - Luciano Machado
Sobradinho - Luciano Machado
 
Sobradinho - Larissa Perobelli Rech
Sobradinho - Larissa Perobelli RechSobradinho - Larissa Perobelli Rech
Sobradinho - Larissa Perobelli Rech
 
Sobradinho - Helena Maria da Silva Rech
Sobradinho - Helena Maria da Silva RechSobradinho - Helena Maria da Silva Rech
Sobradinho - Helena Maria da Silva Rech
 
Sobradinho - Fátima Regina da Silva Bandeira
Sobradinho - Fátima Regina da Silva BandeiraSobradinho - Fátima Regina da Silva Bandeira
Sobradinho - Fátima Regina da Silva Bandeira
 
Sobradinho - Diana Lurdes Muraro Vendruscollo
Sobradinho - Diana Lurdes Muraro VendruscolloSobradinho - Diana Lurdes Muraro Vendruscollo
Sobradinho - Diana Lurdes Muraro Vendruscollo
 
Sobradinho - Daniela Carlotto
Sobradinho - Daniela CarlottoSobradinho - Daniela Carlotto
Sobradinho - Daniela Carlotto
 
Sobradinho - Clair Batista da Silva
Sobradinho - Clair Batista da SilvaSobradinho - Clair Batista da Silva
Sobradinho - Clair Batista da Silva
 
Sobradinho - Ana Paula Coe Fagundes
Sobradinho - Ana Paula Coe FagundesSobradinho - Ana Paula Coe Fagundes
Sobradinho - Ana Paula Coe Fagundes
 
Sobradinho - Viviane Guidotti
Sobradinho - Viviane GuidottiSobradinho - Viviane Guidotti
Sobradinho - Viviane Guidotti
 

Último

UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...Manuais Formação
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é precisoMary Alvarenga
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdfdanielagracia9
 
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIAHISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIAElianeAlves383563
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoIlda Bicacro
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Rosana Andrea Miranda
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalcarlamgalves5
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....LuizHenriquedeAlmeid6
 
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfprova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfssuser06ee57
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfcarloseduardogonalve36
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfmaria794949
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.HandersonFabio
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitlerhabiwo1978
 
Geometria para 6 ano retas angulos .docx
Geometria para 6 ano retas angulos .docxGeometria para 6 ano retas angulos .docx
Geometria para 6 ano retas angulos .docxlucivaniaholanda
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisIlda Bicacro
 
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxSismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxpatriciapedroso82
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...LuizHenriquedeAlmeid6
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASyan1305goncalves
 

Último (20)

UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
 
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIAHISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfprova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Geometria para 6 ano retas angulos .docx
Geometria para 6 ano retas angulos .docxGeometria para 6 ano retas angulos .docx
Geometria para 6 ano retas angulos .docx
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxSismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
 

Três de Maio - Mercia Maria Vogel

  • 1. PÓLO: Três de Maio DISCIPLINA: Elaboração de Artigo Científico PROFESSOR ORIENTADOR: Roseclea Duarte Medina 05/11/2010 A utilização de TICs em sala de aula: estudo de caso do Colégio Dom Hermeto, Três de Maio, RS. The use of TICs in the classroom: case study of College Dom Hermeto, Três de Maio, RS. VOGEL, Mercia Maria Mestre em Geografia, Universidade Federal de Santa Maria Este artigo apresenta a pesquisa realizada no Colégio Dom Hermeto, município de Três de Maio- RS, no que se refere à utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação no contexto escolar. Assim, tem-se como objetivos levantar quais os recursos tecnológicos os docentes e alunos da instituição pesquisada usam; analisar os objetivos dos docentes ao utilizarem as TICs; entender a postura dos alunos frente ao emprego desses recursos e investigar os resultados desse processo no contexto ensino-aprendizagem. Com a aplicação de questionários e entrevistas com a direção, coordenação pedagógica, docentes e alunos, foi possível traçar um panorama da utilização das TICs. O Colégio Dom Hermeto utiliza-se de Tecnologias da Informação e da Comunicação em sala de aula, destacando-se o portal educacional da escola, onde há uma diversidade de ferramentas a disposição de alunos e docentes. Palavras-chave: Tecnologias da Informação e da Comunicação; Portal Educacional; Educação. This article presents the survey conducted in Colégio Dom Hermeto, municipality of Três de Maio- RS, will use of Information and Communication Technologies in the school context. So, has as objective to raise the technological resources which teachers and students of the institution search use; analyze the goals of teachers to use TICs; understand the attitude of students against use of those resources and investigate the results of this process in the teaching-learning process. With the application of questionnaires and interviews with the direction, coordinating education, teachers and pupils, it was possible to draw a picture of the use of TICs. The Colégio Dom Hermeto uses of Information and Communication Technologies in the classroom, the school's educational portal, where there are a variety of tools available to students and teachers.
  • 2. Keywords: Information and Communication Technologies; Educational Portal; Colégio Dom Hermeto 1 INTRODUÇÃO O desenvolvimento da sociedade informatizada ou do conhecimento implica em mudanças nos padrões de comportamento das pessoas, que cada vez mais precisam se adaptar à esses novos tempos. Assim, são necessárias novas competências e habilidades para participar dos tempos atuais, adequados aos recursos tecnológicos disponíveis. Dessa forma, o uso do computador e da internet estão disseminados nas casas, escolas e demais espaços, e é preciso aprender a utilizar essas ferramentas no cotidiano. Da mesma forma, as instituições de ensino também precisam adaptar-se à essa nova realidade, alterando as formas do processo de ensino-aprendizagem e os recursos utilizados para esse fim. As tecnologias inserem-se nesse contexto escolar, à medida que participam do cotidiano de professores e alunos, e da própria instituição de ensino em si. A comunidade escolar, em um contexto generalizado, espera ter acesso às TICs (Tecnologias da Informação e Comunicação), mas ainda estão sendo construídas formas para apropriar-se dessas tecnologias e aliá-las aos objetivos pedagógicos nas escolas. Assim, para assegurar-se que uma escola se apropriou das TICs é preciso que aconteçam transformações em suas práticas, de maneira que a tecnologia contribua com alterações no fazer pedagógico, e não seja tratada como atividade separada e apenas pontual. Há um processo de transformação, ao inserir as TICs e utilizá-las, a escola cria novas estratégias para seu desenvolvimento, e é nesse sentido e sob essa ótica que se conduzirá a pesquisa. Pretende-se com esse estudo, apresentar um panorama da situação atual das TICs no Colégio Dom Hermeto, demonstrando a importância das mesmas no contexto escolar, levantar quais os recursos tecnológicos os docentes e alunos da instituição pesquisada utilizam, analisar quais os objetivos dos docentes ao utilizarem as TICs (expectativas) e entender a postura dos alunos frente à utilização (ou não) desses recursos.
  • 3. 2 AS TECNOLOGIAS E AS TICS - TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO APLICADAS À EDUCAÇÃO O conceito de tecnologia, como aplicação prática da ciência, pode ser amplo e abrangente (MELO NETO, 2007), sendo a tecnologia uma produção basicamente humana. Assim, tem-se que cada tecnologia modifica algumas dimensões da nossa inter- relação com o mundo, da percepção da realidade, da interação com o tempo e o espaço (MORAN, 1995). As tecnologias são tão antigas quanto a espécie humana. Na verdade, foi a engenhosidade humana, em todos os tempos, que deu origem às mais diferenciadas tecnologias. O uso do raciocínio tem garantido ao homem um processo crescente de inovações. Os conhecimentos daí derivados, quando colocados em prática, dão origem a diferentes equipamentos, instrumentos, recursos, produtos, processos, ferramentas, enfim, as tecnologias (KENSKI, 2007, p.15). “Quando a tecnologia é chamada de educativa, se refere à todas as ferramentas intelectuais, organizativas e artificiais a disposição de ou criadas pelos responsáveis pelo planejamento, posto em prática a evolução da aprendizagem” (SANCHO, 200, p. 7-8). Ao utilizar as TICs na escola, de maneira adequada e planejada, tem-se a produção compartilhada, que leva alunos e professores a trocarem informações, ideias, conhecimentos e experiências, promovendo o desenvolvimento em nível pessoal e do grupo todo, e a melhor compreensão da realidade. Dessa forma, a comunidade escolar pode repelir as tecnologias e tentar ficar fora do processo; apropriar-se da técnica e transformar a vida em uma corrida atrás do novo, ou apropriar-se dos processos, desenvolvendo habilidades que permitam o controle das tecnologias e de seus efeitos (BRITO; PURIFICAÇÃO, 2008). Nesse contexto, a escola tem a oportunidade de romper com os velhos processos, integrando-se à nova sociedade da informação e também a outros espaços produtores do conhecimento, aproximando-se da realidade dos seus alunos e transformando a sociedade contemporânea. Em seu trabalho, Spanhol e Spanhol (2009) apresentam a utilização da vídeo-aula no contexto escolar, reportam que as possibilidades de disseminação do conhecimento
  • 4. aumentaram de forma exponencial a partir da incorporação das TICs na Educação. A introdução do vídeo previamente gravado e com linguagem audiovisual adequada permitiram não só mostrar a imagem do professor, como também exemplificar conteúdos com riqueza de detalhes e informações promovendo assim, uma maior compreensão do aluno sobre os conteúdos das aulas. Os pesquisadores Rodrigues; Schlünzen Júnior e Schlünzen (2009), destacam projetos do MEC (Ministério da Educação e Cultura) como o repositório educacional do Banco Internacional de Objetos Educacionais, que promove a utilização das TICs em sala de aula através de objetos educacionais1, e o Portal do Professor, que visa aperfeiçoar a formação continuada dos profissionais, com o auxílio de recursos digitais pedagógicos. Também, Savi (2009) realizou uma pesquisa que avaliou o uso de conteúdo multimídia em escolas públicas, através de projeção multimídia, tendo observado que apesar das dificuldades por falta de conhecimentos na operação do equipamento, os professores reconheceram a importância do uso desses recursos, e as aulas com multimídia agradaram e motivaram os alunos. Em estudos de Nakashima e Ferreira do Amaral (2006), tem-se propostas pedagógicas para a utilização da lousa digital como um instrumento que proporciona a inserção da linguagem audiovisual no contexto escolar e uma mudança metodológica, oportunizando a adaptação das aulas para os alunos da atualidade. Assim, a linguagem utilizada é audiovisual e dinâmica, permitindo que o aluno seja produtor de informações. Barbosa e Oeiras (2008) destacam o uso de wikis em projetos escolares com alunos do ensino fundamental, que proporcionam experiências de aprendizagem colaborativa. Os resultados obtidos na pesquisa desenvolvida pelos autores atestaram a adesão dos alunos ao projeto e a vontade que os professores demonstraram de incorporar esta ferramenta em suas práticas pessoais e profissionais. 1 O conceito aplicado ao termo objetos educacionais define, de acordo com Tarouco (2009) qualquer recurso suplementar ao processo de aprendizagem, que pode ser reutilizado para apoiar a aprendizagem e, geralmente, aplica-se a materiais educacionais projetados e construídos em pequenos conjuntos, com a finalidade de maximizar as situações de aprendizagem onde o objeto pode ser aplicado.
  • 5. “É perceptível que o uso das TICs introduz inovações nos processos de ensinar e de aprender, ou seja, é necessário repensar e ressignificar as formas de ministrar aula, as quais implicam na articulação de diferentes linguagens, de diferentes realidades” (LEAL; ALVES; HETKOWSKI, 2006, p. 24). Porém, não basta a inserção de novas tecnologias no contexto escolar para solucionar todos os problemas, é necessário conhecimento e interesse para gerar as transformações. 3 PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS A utilização das TICs na pesquisa desenvolvida foi analisada a partir do contexto e da prática escolar a que ela se refere, como recurso auxiliar no desenvolvimento do processo de ensino-aprendizagem. A pesquisa realizada caracteriza-se como um estudo de caso, qualitativa, pois visa à avaliação do uso das TICs no contexto pesquisado. O ambiente de pesquisa é o Colégio Dom Hermeto, uma escola particular, escolhido em razão da existência de recursos tecnológicos como computadores, laboratório de informática, lousa interativa e o portal educacional, que as outras escolas do município não possuem, onde verificou-se os aspectos referentes à utilização das TICs. A metodologia da pesquisa apoiou-se na aplicação de questionários e entrevistas com a direção, coordenação pedagógica, docentes e alunos, a fim de auferir a situação atual da instituição com relação às TICs. As informações foram sistematizadas, e a partir daí, pode-se analisá-las e chegar ao resultado final da pesquisa. A coleta de dados realizada referiu-se às características físicas da escola; características dos recursos humanos da escola: (direção, vice-direção, professores, coordenação e alunos) quantidade e turnos, formação, atuação, visão das TICs, utilização das TICs, expectativas; aspectos administrativos, pedagógicos e recursos tecnológicos. Assim, a direção respondeu a um questionário de características físicas da escola, um questionário de recursos humanos, um questionário de características tecnológicas (recursos materiais), uma entrevista sobre as características tecnológicas (recursos humanos) e uma entrevista com a diretora sobre as TICs.
  • 6. Ainda, foi aplicado um questionário sobre as TICs para a coordenação pedagógica, um questionário para os professores, onde do total de 34, 8 responderam, e um questionário para os alunos de uma turma de 3º ano do ensino médio (total de 29 alunos). 4 RESULTADOS E DISCUSSÃO A pesquisa realizada baseou-se principalmente na aplicação de questionários e entrevistas relativos ao tema. Assim, a direção da escola respondeu à questionários sobre as características físicas, recursos humanos, tecnológicos e materiais da escola. Também, a diretora da instituição respondeu à entrevista sobre as TICs e sua utilização na instituição de ensino. Ainda, a coordenação pedagógica respondeu ao questionário sobre as TICs, além de professores e alunos da escola. O Colégio Dom Hermeto, de acordo com informações da direção, possui 14 salas de aula, 8 salas de apoio e 1 sala para os professores. A escola atende à educação infantil, ensino fundamental e ensino médio, nos turnos da manhã e tarde, e conta com 34 professores, 370 alunos, divididos em 16 turmas, e 21 funcionários. Ainda, relativo aos recursos materiais e tecnológicos, possui 42 computadores, com acesso à internet, e uma sala com lousa interativa2, onde são desenvolvidas aulas com recursos diferenciados, através do Portal Educacional. As tecnologias disponíveis na escola são utilizadas em todos os níveis de ensino. No que se refere aos usuários das TICs, tem-se que há uma profissional responsável pela implementação e orientação no uso das tecnologias na escola, que é pedagoga, com curso técnico em informática e acadêmica de pós-graduação em tecnologias interativas, essa profissional é a coordenadora pedagógica da instituição. Os demais professores não possuem formação específica na área de informática ou tecnologias, mas são capacitados mensalmente, através de cursos, e também através do Portal Educacional, para a melhor utilização das tecnologias. 2 A lousa interativa é composta por uma tela conectada a um computador e um projetor multimídia. A superfície dessa tela é sensível ao toque, isto é, quando alguém executa algum movimento sobre ela, o computador registra o que se fez em um software específico que acompanha a lousa digital (NAKASHIMA; FERREIRA DO AMARAL, 2006).
  • 7. Nota-se que a existência de uma profissional com formação especializada para orientar e auxiliar os professores da escola na utilização das tecnologias é muito importante, é um facilitador do processo de inserção de novas ferramentas no contexto do ensino-aprendizagem, porém é um limitador pois seria desejável que os professores tivessem uma autonomia maior para buscarem novas formas de ensinar os conteúdos em suas aulas. Uma liberdade maior talvez estimulasse mais aos professores pesquisarem, aprenderem e colocarem em prática maneiras diferenciadas de utilizar as TICs na sala de aula, ao invés de ficarem esperando por orientação. A diretora da instituição, em sua entrevista, respondeu possuir conhecimentos na área de TICs, além de estar em formação contínua nesse aspecto, e destaca como pontos positivos da utilização das tecnologias, serem ferramentas de auxílio didático- pedagógico, criação e utilização de ambientes motivadores de aprendizagem, conhecimento e informação, aberto para todos, trocas de experiência, autonomia e co- responsabilidade no processo educativo. Como aspectos negativos, destaca o excesso de informações, que não são transformadas em conhecimento. Ainda, a direção adota uma estratégia de acompanhamento e avaliação mensal de utilização das TICs, que possibilita o replanejamento, se necessário. A diretora da escola é a maior entusiasta na utilização das TICs na escola, ela busca leituras e informações sobre o assunto, o que é um aspecto importante a ser destacado. A coordenadora pedagógica possui conhecimentos sobre as TICs, e coordena o trabalho pedagógico relacionado ao Portal Educacional na instituição. Nesse sentido, as TICs fazem parte do Projeto Político Pedagógico da escola, sendo utilizadas como ferramenta de apoio e de utilização no processo de ensino-aprendizagem desde 2003. Desde então, a escola passou a investir em tecnologia, até o momento em que passaram a utilizar o Portal Educacional, voltado para alunos e professores, que consiste em um ambiente web seguro, para navegação e realização de estudos e pesquisas. No que se refere a utilização desse portal educacional, cujo mantenedor é o Grupo Positivo, tem-se que passou a ser utilizado desde o início do ano letivo de 2010. Esse portal consiste em um ambiente virtual de ensino e aprendizagem, disponibilizado em uma página web da própria instituição, que pode utilizar todos os recursos disponíveis através de uma associação. Assim, a escola passa a ter sua própria homepage, onde
  • 8. pode disponibilizar conteúdos e serviços próprios, assim como contar com todos os conteúdos e serviços do Portal Educacional. Esse portal (figura 1) disponibiliza um ambiente multidisciplinar, com projetos colaborativos, oficina do texto, pesquisa escolar, enciclopédia, professor on-line, conteúdos multimídia, atlas educacional, banco de imagens e vozes, atividades e jogos pedagógicos, temas para sala de aula, desafios, blog do professor, editor de projetos, aulas para telão interativo (lousa digital) e outras ferramentas. Figura 1 – Apresentação visual do Portal Educacional do Colégio Dom Hermeto. Como aspectos positivos da utilização das TICs, a coordenadora destaca a inovação, trabalho em rede, aproximação do aluno com diferentes realidades, apoio para ampliação do conhecimento e planejamento. Já como pontos negativos, a falta de tempo e a resistência dos professores em se apropriarem das novas tecnologias, e no que se refere aos alunos, o uso inadequado da internet nas pesquisas escolares, utilizando informações incorretas ou não-confiáveis, apenas copiando conteúdos.
  • 9. No que se refere aos professores, 8 responderam ao questionário (figura 2), sendo que, destes, 6 estudam no momento, 2 estudam na área de informática (TICs e tecnologias interativas). 6 5 4 3 2 1 0 sim não Figura 2 – Gráfico representativo do questionário dos professores relativo à questão sobre estudos. Isso demonstra que há pouco interesse por parte dos professores para a realização de cursos sobre novas tecnologias, e exemplifica o que a coordenadora pedagógica destacou como pontos negativos da utilização das TICs. Seria muito proveitoso para toda a comunidade escolar e para o processo de ensino-aprendizagem em si se os professores pudessem aprender e aperfeiçoar o uso das TICs em suas aulas. Ainda, todos possuem conhecimentos na área de TICs, utilizando esses recursos principalmente para pesquisas de temas específicos relativos aos conteúdos trabalhados, filmes como instrumento de apoio em algumas situações, e ferramentas como blogs, lousa interativa e o portal educacional da instituição. Do total de professores que responderam ao questionário (figura 3), apenas um sabia a que referia-se o termo AVA3 (Ambiente Virtual de Aprendizagem), por acessá-lo 3 Segundo Almeida (2010) o termo refere-se à sistemas computacionais destinados ao suporte de atividades mediadas pelas tecnologias de informação e comunicação, permitem integrar múltiplas mídias e
  • 10. no seu curso de EAD (Educação a Distância), mas não é utilizado na prática escolar da instituição, os demais professores que responderam ao questionário não sabem o que é um AVA. 7 6 5 4 3 2 1 0 Sim Não Figura 3 – Gráfico representativo do questionário dos professores relativo à questão sobre conhecimento sobre AVAs. Dessa forma, seria interessante se a direção e os professores ampliassem a visão sobre esse recurso tecnológico, que poderia abrir novas possibilidades de ensino- aprendizagem. Deve-se destacar que alguns professores utilizam recursos diferenciados, um professor da área de letras, por exemplo, destaca o uso de wikis 4, em construções coletivas, e o skype5, para a prática da oralidade. Essas são iniciativas interessantes, embora seja apenas uma professora que utilize esses recursos. Essa prática de inserção recursos, apresentam informações de maneira organizada, proporcionam interações entre pessoas e objetos de conhecimento, visando atingir determinados objetivos. 4 De acordo com Barbosa e Oeiras (2008), Wiki é um termo utilizado para definir um site da Web que contém páginas que podem ser editadas por qualquer visitante, a depender da sua configuração. Criadas inicialmente com a finalidade de facilitar a comunicação entre desenvolvedores de software, as Wikis passaram a ser utilizadas por públicos diferentes para diversas finalidades, entre elas a Educação. 5 O Skype é um software que permite comunicação pela Internet através de conexões de voz, enviando mensagens instantâneas.
  • 11. de novas formas de aprender e ensinar no contexto das TICs poderia ser ampliado na escola, sendo incentivada sua prática. Além disso, poderiam ser utilizadas ferramentas como objetos de aprendizagem e webquests6 para facilitar a compreensão dos alunos acerca de determinado conteúdo e estimular a pesquisa por parte dos mesmos. A utilização da metodologia webquest, por exemplo, pode ser vista como uma solução didática e orientada de apresentar aos alunos atividades que exijam pesquisas na internet, evitando ao máximo as técnicas do famoso copiar e colar e estimulando a criatividade e busca por novas soluções dentro da resolução de problemas. Assim, sendo a webquest um método organizado e previamente elaborado pelo professor permite desencadear esses processos por meio da apresentação de desafios aos alunos referentes ao contexto social em que eles estão inseridos (PENTEADO; FERNANDES, 2009). Sobre os aspectos positivos da utilização das TICs na escola, todos demonstraram concordar com seu uso, como ferramenta de apoio e suporte, dinamicidade e interatividade, além de fazer parte do cotidiano de alunos e professores. Sobre os aspectos negativos, destacaram a necessidade de orientação permanente dos alunos em relação à linguagem utilizada, filtragem de informações coletadas (cópias de conteúdos e conteúdos inapropriados) e postura crítica diante da infinidade de informações disponíveis, além da necessidade de formação dos professores para utilizá-las. A respeito das TICs na escola, os professores concluem que elas não podem ser ignoradas, o que demanda de uma formação e aperfeiçoamento por parte do professor, para saber utilizá-las como ferramenta para dinamizar e qualificar seu trabalho. Ainda, quando questionados sobre as mudanças que ocorreram nas aulas com a utilização das TICs, os professores destacam que os alunos demonstram maior interesse nas aulas, e o acesso à determinados conteúdos mais abstratos ou de difícil compreensão são 6 A tecnologia educacional WebQuest foi proposta em 1995, por Bernie Dodge, professor da San Diego State University, e destina-se à educação presencial, com participação ativa dos alunos sob a orientação do professor, estendendose pela pesquisa guiada na Internet. Uma atividade WebQuest oferece a possibilidade da construção do saber em um processo cooperativo na realização de um projeto (ABAR; BARBOSA, 2008).
  • 12. facilitados, através de animações, por exemplo. Também, os alunos e professores interagem mais, tem mais contato, e as aulas são mais atrativas. Com relação ao questionário dos alunos, optou-se por uma turma de 3º ano do ensino médio (total de 29 alunos), que responderam a perguntas relativas às tecnologias. Assim, tem-se que a maioria dos alunos possui computador e acesso à internet em sua casa, utilizando esses recursos para pesquisar, acessar redes sociais, mensagens instantâneas e e-mail. Ainda, alguns, em quantidade menor, utilizam os recursos da internet para assistir e baixar filmes, videoclips e jogos. Sobre os conhecimentos que possuem na área da informática, especificando quais os recursos e softwares que sabem utilizar, a maioria dos alunos respondeu que edita textos, fotos, publica fotos e vídeos, além de utilizar o software power point para apresentações de trabalhos escolares. Apenas dois alunos responderam que possuem conhecimentos relativos à construção de páginas web. Ainda, quando questionados sobre a opinião acerca do uso do computador e outras tecnologias na escola, todos os alunos demonstraram aprovar a inclusão dessas no contexto escolar, utilizando adjetivos como “bom”, “útil”, “ótimo” , destacando sua importância e utilidade, por serem ferramentas mais dinâmicas e atraentes, despertando o interesse dos alunos, e proporcionando disponibilidade de acesso. Através da pesquisa realizada, observa-se que a instituição em análise inseriu no contexto escolar um portal educacional, onde podem e são desenvolvidas atividades utilizando-se novas ferramentas tecnológicas, que estimulam e favorecem o processo de ensino-aprendizagem. Os professores, equipe diretiva e alunos tem acesso ao portal, através de um login e senha, que permite o acesso aos conteúdos. Também, o portal permite o registro dos acessos dos alunos e a área onde foi realizado, para que os professores possam auferir a produtividade de cada um. Esse processo de inserção iniciou-se em março deste ano, estando apenas no estágio inicial de desenvolvimento, ainda há muito a descobrir e realizar. Dessa forma, é necessário que a escola continue na sua busca por formação especializada e
  • 13. capacitação, principalmente por parte dos professores, e estimulando a utilização das novas tecnologias no âmbito da instituição de ensino. A utilização das TICs na escola deve acontecer na ação pedagógica; não basta apenas introduzir recursos tecnológicos na escola, mas sim, é necessário discutir e orientar sobre métodos e técnicas, de sua utilização, do ponto de vista pedagógico. 5 CONCLUSÕES E RECOMENDAÇÕES As mudanças tecnológicas vêm revolucionando as concepções de aprendizagem. As instituições de ensino, frente às transformações do mundo, são desafiadas a buscarem situações inovadoras de aprendizagem, sendo impostos novos ritmos e dimensões no processo de ensino-aprendizagem. Também, os professores são levados à criarem novas formas de participarem do processo educativo. É nesse contexto que se realizou essa pesquisa sobre o uso das TICs no Colégio Dom Hermeto e suas implicações, cuja importância está ao se traçar um panorama da situação atual da utilização das TICs na instituição analisada, e através disso, incentivar a utilização dessas novas tecnologias. Através da pesquisa, constatou-se que a instituição pesquisada inseriu as TICs em sua prática escolar, através de um portal educacional, que disponibiliza aos professores e alunos possibilidades de interação e aprendizagem diferenciados. É uma prática inovadora, que pode ser melhor explorada se os professores forem capacitados para utilizar todas as ferramentas disponíveis, e forem motivados a inserirem essas tecnologias em suas aulas. Os profissionais e alunos da escola evidenciaram em suas respostas a importância da inserção das TICs no contexto escolar e as melhorias decorrentes desse processo, pois as tecnologias propiciam novas formas de se ensinar e aprender os conteúdos. A direção e a coordenação pedagógica destacaram a implementação das TICs e os avanços alcançados, principalmente com relação à utilização do portal educacional, por ser um processo de mudança na escola, mas, apesar das dificuldades, como falta de tempo e a resistência de alguns profissionais em utilizaram as tecnologias disponíveis, vem sendo proveitoso esta prática nova na escola.
  • 14. Os professores da instituição possuem conhecimentos superficiais na área de TICs, mas a escola tenta melhorar esse quadro através de cursos de capacitação oferecidos. As principais ferramentas relativas à tecnologia que eles utilizam são filmes, blogs, lousa interativa e o portal educacional da escola. Dessa forma, poderiam explorar melhor a infinidade de recursos tecnológicos a sua disposição, para incrementar suas aulas e despertar o interesse dos alunos, mas, para isso, os professores também precisam estar motivados, e muitos destacaram a necessidade de formação para utilização adequada das TICs em sala de aula, que ainda é insuficiente, precisando ser aperfeiçoada. Os alunos pesquisados utilizam o computador e a internet no seu cotidiano, e estão familiarizados com essas tecnologias, além de aprovarem a inserção dessas no cotidiano escolar, principalmente por despertarem um maior interesse dos mesmos para os conteúdos a serem desenvolvidos. Assim, tem-se que a escola procura se inserir no contexto atual de utilização de novas tecnologias, e toda a comunidade escolar se beneficia com isso e percebe as mudanças e melhorias decorrentes desse processo. No entanto, é necessário que ocorra a formação e preparação adequada dos agentes envolvidos, principalmente os professores, que precisam aplicar na sala de aula esses recursos tecnológicos de maneira adequada e consciente. Então não basta a inserção de equipamentos e tecnologia na escola, mas sim, apoiar o professor para que ele saiba planejar a sua utilização e operar os equipamentos e recursos disponíveis, pois a prática profissional demanda de novas competências a serem adquiridas. Dessa forma, futuramente a escola poderia qualificar os professores de maneira que não tenham dificuldades em usar as tecnologias disponíveis, e que consigam explorar as funcionalidades do portal educacional da escola da melhor maneira possível. Também, os professores podem inserir novas ferramentas para suas aulas, como a utilização de AVAs e Objetos de Aprendizagem, que são recursos para auxiliarem o processo de ensino-aprendizagem.
  • 15. Ainda, pode-se expandir o campo de pesquisa, investigando as demais escolas do município no que se refere à utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação, para obter uma visão do contexto municipal da educação e uso de recursos tecnológicos. REFERÊNCIAS ABAR, C. A. A. P.; BARBOSA, L. M. WebQuest: um desafio para o professor!. São Paulo: Avercamp, 2008. ALMEIDA, M. E. B. Tecnologia e educação a distância: abordagens e contribuições dos ambientes digitais e interativos de aprendizagem. Disponível em: <http://www.anped.org.br/reunioes/26/trabalhos/mariaeliza bethalmeida.rtf.> Acesso em: 28 ago. 2010. BARBOSA, L. P. F.; OEIRAS, J. Y. Y. Uso de Wikis em projetos escolares: experiências colaborativas com alunos de ensino fundamental. In: CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE COMPUTAÇÃO, 28, Belém do Pará. Anais... Belém do Pará: SBC , 2008. BRITO, G. S.; PURIFICAÇÃO, I. Educação e novas tecnologias: um repensar. 2 ed. Curitiba: IBPEX, 2008. KENSKI, V. M. Educação e tecnologias: o novo ritmo da informação. Campinas: Papirus, 2007. LEAL, J.; ALVES, L.; HETKOWSKI, T. M. Educação e tecnologia: rompendo os obstáculos epistemológicos. In: SANTOS, E.; ALVES, L. (org.) Práticas pedagógicas e tecnologias digitais. Rio de Janeiro: E-papers, 2006. cap.1, p. 17-30. MELO NETO, J. A. Tecnologia educacional: formação de professores no labirinto de ciberespaço. Rio de Janeiro: MEMVAMEM, 2007.
  • 16. MORAN, J. M. Novas tecnologias e o re-encantamento do mundo. Tecnologia Educacional. Rio de Janeiro, n.126, vol. 23, setembro-outubro 1995. Disponível em: <http://www.eca.usp.br/prof/moran/novtec.htm>. Acesso em: 10 jul. 2010. NAKASHIMA, R. H. R. ; FERREIRA DO AMARAL, S. A linguagem audiovisual da lousa digital interativa no contexto educacional. Educação temática Digital. n. 1, v. 8, dezembro 2006. Disponível em: < http://lantec.fae.unicamp.br/lantec/publicacoes/rosaria.pdf>. Acesso em 03 set. 2010. RODRIGUES, P. A. A. ; SCHLÜNZEN JÚNIOR, K.; SCHLÜNZEN, E. T. M. Novas ferramentas pedagógicas digitais para auxiliar os professores no processo de ensino- aprendizagem. Novas tecnologias na educação. n. 3, v. 7, Dezembro 2009. Disponível em:<http://www.cinted.ufrgs.br/renote/ dez2009/.../11a_palomaalinne.pdf>. Acesso em: 10 set. 2010. SANCHO, J. M. (org.) Para uma tecnologia educativa. Barcelona: Horsori Editorial, 2001. SAVI, R. Utilização de Projeção Multimídia em salas de aula: observação de uso em três escolas públicas. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO, 20, Florianópolis. Anais... Florianópolis: UFSC , 2009. SPANHOL, G. K.; SPANHOL, F. J. Processos de produção de vídeo-aula. Novas tecnologias na educação. n. 3, v. 7, Dezembro 2009. Disponível em:<http://www.cinted.ufrgs.br/renote/jul2009/artigos/1a_greicy.pdf>. Acesso em: 10 set. 2010. TAROUCO, L. M. R. Aprendendo on-line: o que há de novo no papel do aluno. Disponível em: <http://penta2.ufrgs.br/edu/espie/alunonline.htm> Acesso em: 12 dez. de 2009.
  • 17. QUESTIONÁRIO DE CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DA ESCOLA 1)Nome: 2)Endereço: 3)Área: 4)Salas de aula: 5)Salas de professores: 6)Salas de serviços de apoio (direção, vice-direção, coordenação, secretaria, recepção,salas de apoio): 7)Laboratórios: 8)Biblioteca: 9)Área recreativa: 10)Cozinha/cantina/bar: 11)Outras informações:
  • 18. QUESTIONÁRIO DE CARACTERÍSTICAS DOS RECURSOS HUMANOS DA ESCOLA Nível de Manhã Tarde Noite ensino Manhã Tarde Noite Direção Vice-direção Coordenação Professores Alunos Turmas Funcionários
  • 19. QUESTIONÁRIO DE CARACTERÍSTICAS TECNOLÓGICAS DA ESCOLA – RECURSOS MATERIAIS 1)Quantidade de computador(es): 2)Webcam(s): 3)Tv(s): 4)Projetor(es) multimídia: 5)Possui conexão de internet? Que tipo? 6)Softwar(es): 7)Outros equipamentos que possui:
  • 20. QUESTIONÁRIO SOBRE AS CARACTERÍSTICAS TECNOLÓGICAS DA ESCOLA – RECURSOS HUMANOS 1)Pessoas preparadas para utilizarem as tecnologias da escola: Quantidade Direção Professores Alunos Funcionários 2)Qual o uso que é feito das tecnologias disponíveis na escola, e quem as utiliza? 3)Qual a capacitação/ formação possuem as pessoas preparadas para utilizarem essa tecnologia na escola?
  • 21. ROTEIRO PARA ENTREVISTA COM A DIRETORA 1)Possui conhecimentos/capacitação na área de TICs? 2)Uso que faz das TICs: 3)Histórico de utilização/implementação das TICs na escola: 4)Aspectos positivos das TICs na escola: 5)Aspectos negativos das TICs na escola: 6)Qual a sua conclusão/opinião a respeito das TICs na escola? 7)Qual é o seu papel em relação ao trabalho com TICs na escola? 8)Busca laboratórios novos? 9)Interage com outras escolas para verificar como utilizam, quais resultados? 10)Está em contato com SEC estadual ou municipal para passar para seus professores oportunidades de atualização? 11)Proporciona ao corpo docente tempo para discussão e capacitação na própria escola? 12)Existe na escola uma estratégia de utilização de TICs? Caso exista, os professores da escola são orientados para seguir esta estratégia? 13)Quais as suas expectativas com relação ao uso de TICs na escola? 14)Que mudanças ocorreram na área diretiva com a utilização das TICs na escola? 15)Observações:
  • 22. QUESTIONÁRIO DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA 1)Possui conhecimentos na área de TICs? 2)Uso que faz das TICs: 3)Histórico de utilização/implementação das TICs na escola: 4)Aspectos positivos das TICs na escola: 5)Aspectos negativos das TICs na escola: 6)Qual a sua conclusão/opinião a respeito das TICs na escola? 7)Que mudanças ocorreram na área pedagógica com a utilização das TICs na escola? Exemplos: 8)Observações:
  • 23. QUESTIONÁRIO DOS PROFESSORES 1)Estuda? Que curso e em que área? 2)Possui conhecimentos na área de TICs? 3)Uso que faz das TICs: a) Usa o Google ou outro buscador? Qual? Como? b) Usa filmes? Como? c) Usa AVAs? Como? d) Usa outras ferramentas? Quais? Como as utiliza? 4)Aspectos positivos das TICs na escola: 5)Aspectos negativos das TICs na escola: 6)Qual a sua conclusão/opinião a respeito das TICs na escola? 7)Há algo que diferencia essa escola das outras que você conhece ou atua? 8)Que mudanças ocorreram nas suas aulas com a utilização das TICs? 9)Observações:
  • 24. QUESTIONÁRIO DOS ALUNOS 1)Idade: 2)Série: 3)Quais as suas principais atividades fora da sala de aula? 4)Possui computador e acesso à internet em casa? Se possuir, assinale quais os usos que faz do computador e internet (pode marcar mais de uma opção): a)Pesquisa na internet b) Redes sociais como orkut, facebook... c)Mensagens instantâneas d)Assistir/baixar filmes e)Assistir/baixar videoclips f)Uso de e-mail g)Jogos ( 1- no computador ; 2 - em rede) h)Outros : explique.... 5)Assinale quais os conhecimentos que possui em informática (pode marcar mais de uma opção): a) Edita textos no Word ou outro editor? b) Constrói paginas? c) Edita fotos? d) Publica fotos na internet? Onde? (Orkut, página pessoal, facebook, outros) e) Edita vídeos? f) Faz uso do PowerPoint para apresentação de trabalhos? 6)Qual sua opinião sobre o uso do computador e outras tecnologias novas na escola? 7)Sugestões: