Slides estrutura organizacional_v200

285 visualizações

Publicada em

Slides Estrutura Organizacional, matéria Análise Crítica das Organizações - Nível 8º período de Administração

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
285
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
35
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Slides estrutura organizacional_v200

  1. 1. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 1 Análise Crítica das Organizações 8º Per. Adm. – UCAM Prof. César Ventura 1) Realizar diagnósticos, análises e prognósticos organizacionais; 2) Diagnosticar problemas de planejamento, organização, controle e direção; 3) Sugerir mudanças nas organizações. 1) Influências nos Mercados e nas Pessoas; 2) Divisão de Trabalho; 3) Consequências sociais; 4) Processos de controle; 5) Descentralização (adaptação); 6) Práticas administrativas; 7) Modificação do comportamento organizacional;
  2. 2. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 2 É a reunião, análise e ordenação de atividades, recursos e conhecimentos, visando alcançar os objetivos e os resultados estabelecidos no planejamento. Preocupação com a estrutura organizacional da empresa, com a distribuição de funções e com a inter-relação entre as atividades, de forma a obter o melhor conjunto para realização do trabalho (sinergia - cooperação). ESTRUTURA: Parte Física: Prédios, Salas, etc, Parte Não Física: Elementos do Trabalho: Processos. Relações entre pessoas (superiores e subordinados; subordinados entre si)
  3. 3. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 3 Teoria de Organização: Modelo de Metas: Utilizar metas para determinar o sucesso ou o fracasso da organização.; Metas globais utilizadas como ponto de partida para determinar metas de cada subunidade da organização (departamentos). Modelo de Sistemas: Foco não são as metas e sim os atributos relevantes para realização dos objetivos. Teoria de Organização: Modelo de Metas: Consecução da meta que define os objetivos globais e desenvolve as submetas de cada departamento, seção... Modelo de Sistemas: Determina ou facilita as relações que permitem a coordenação dos esforços individuais; Adaptação da organização ao ambiente; Aquisição e manutenção dos recursos necessários; ESTRUTURA ORGANIZACIONAL: É a ferramenta administrativa resultante da identificação, análise, ordenação e reunião das atividades e dos recursos da empresa.
  4. 4. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 4 “é sempre possível encontrar uma melhor maneira de fazer o trabalho” “deve-se buscar sempre um meio de melhorar os métodos e processos de trabalho,” “a melhoria dos métodos de trabalho deve ser preocupação constante de todos” “os melhores resultados são sempre os que vem da cooperação de todos” É aquela deliberadamente planejada e formalmente definida (organograma). É identificar as tarefas que precisam ser realizadas para atingir os objetivos do plano.
  5. 5. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 5 Proporcionar a todos na empresa: Informações e Recursos necessários a realização das tarefas da forma mais eficaz possível, além de feedback; Medição de desempenho compatíveis com os objetivos e metas; Motivação para realização das tarefas o melhor possível. Identificação dos processos necessários para se atingir os objetivos do planejamento; Organização das funções e responsabilidades dos envolvidos; Disponibilizar recursos suficientes, informações necessárias e garantir o feedback aos funcionários; Medidas de desempenho e atingimento de metas, compatíveis com os objetivos; Motivação para realização das atividades; Reunir de forma funcional as tarefas a serem executadas, atribuindo as responsabilidades, ou seja, organizar as funções e responsabilidades. ◦ Responsabilidades podem ser individuais ou à grupos.
  6. 6. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 6 É a rede de relações sociais sem uma estrutura formal planejada (surge espontaneamente da interação social das pessoas, usualmente não aparecem no organograma). Exemplos: Grupo de “pelada” do final de semana; Grupo que se reúne para jogar cartas. São resultantes da forma de departamentalização e refletem diferentes formas de organização dos recursos disponíveis. Linear ou Militar ◦ Característica: uma única chefia, comum em pequenas empresas; ◦ Vantagens: Estruturação mais simples; Facilidade para transmissão e recebimento de informações; Cada unidade de trabalho executa atividades específicas e bem definidas; Definição clara das obrigações e responsabilidades de cada membro; ◦ Desvantagens: Rigidez; Exige comando excepcional (sobrecarga na direção); Na maioria das vezes não favorece o espírito de equipe e de cooperação.;
  7. 7. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 7 Linear ou Militar - Exemplo ◦ Linha e Assessoria Características: ◦ Os executivos são encarregados e tem responsabilidades (autoridade) pelas atividades principais da organização; ◦ As funções de assessoria estão relacionadas a aconselhamento e análises da organização; Linha e Assessoria - Exemplo
  8. 8. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 8 Linha e Assessoria ◦ Vantagens: Torna a organização mais facilmente adaptável as necessidades; Favorece a execução do trabalho nas unidades; Promover maior eficiência; ◦ Desvantagens: Assessoria tende a tirar a autoridade de linha; Os executores reagem negativamente as sugestões da assessoria, uma vez que as sugestões podem ser confundidas com ordens ou serem conflitantes com as determinações dos responsáveis pela execução. Comissão ou Colegiada Característica : Chefia colegiada na tomada de decisões políticas e estratégicas e na divisão de responsabilidades; ◦ Vantagens: Facilita a participação de especialistas Julgamento impessoal, de forma mais geral; ◦ Desvantagens: Menos força na direção das operações do dia à dia; Decisões mais demoradas; Responsabilidades divididas. Comissão ou Colegiada - Exemplo
  9. 9. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 9 Orientada a Processos Característica : O processo tem um líder responsável por ele; Cada participante conhece o processo no todo; As melhorias no processo são constantes; Cada membro é responsável pelo processo como um todo. Orientada a Processos - Exemplo Líder do Processo Compras Recebimento Estocagem Controle Qualidade Diretorias
  10. 10. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 10 Sistema de Responsabilidade; ◦ Alocação das Atividades (Departamentalização, Linha e Assessoria, Descrição das atividades; “É a atuação profissional de qualidade na busca de resultados através do trabalho, com ou sem cobrança por parte de terceiros”. Sistema de Autoridades; ◦ Distribuição do poder (Controle, Níveis hierárquicos, Delegação de Autoridade, Centralização ou Descentralização); “Direito estabelecido de se determinar o que deve ser realizado” (Como, por quem, quando, por quanto será realizado a tarefa) Sistema de Comunicações; ◦ Interação dos Departamentos (O que, por que, como, quando, de quem e para quem comunicar); “Processo interativo em que informações são difundidas pelas organizações, interna ou externamente,” Sistema de Decisão; ◦ Resultado da ação sobre as informações (Análise das Atividades, das Decisões e das Relações entre os departamentos); Deliberativa; ◦ Estabelece as políticas e diretrizes (Alta cúpula); Executiva; ◦ Faz cumprir o que foi determinado; Fiscal; ◦ Verifica, fiscaliza, acompanha e controla; Consultiva; ◦ Aconselha, apresenta sugestões; Técnica; ◦ Orienta a execução das operações Coordenadora; ◦ Articula e harmoniza os esforços das áreas sob sua tutela;
  11. 11. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 11 Objetivos, estratégias e políticas estabelecidas; Ambiente da empresa (fatores externos ou não controláveis); Evolução tecnológica no ambiente empresarial e na tecnologia aplicada a empresa; Recursos humanos (habilidades, capacitação, nível de motivação e comprometimento com os resultados); A eficiência da estrutura organizacional depende de sua qualidade e do valor e integração dos seus membros; ◦ Qualidade da Estrutura Organizacional: Valor das pessoas (ética, relacionamentos, etc,); Conhecimentos, habilidades das pessoas; Motivação das pessoas para dar o melhor de si, buscando realizar as tarefas da melhor maneira possível; Relacionamento entre a organização e o ambiente externo (fatores e variáveis não controláveis);
  12. 12. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 12 Fator: Objetivos, Estratégias e Políticas: ◦ Objetivo é o que se pretende alcançar; ◦ Estratégia é a definição do melhor caminho para alcançar o objetivo; ◦ Política é o parâmetro ou orientação para a tomada de decisões; O Controle está relacionado a combinação do desempenho com as condições necessárias para atingir um objetivo. ◦ Segundo LITTERER (1977, pág.271): “O Controle diz respeito não somente aos eventos diretamente relacionados com a consecução das finalidades principais, como também com o manter a organização numa condição em que possa funcionar adequadamente, para que tais propósitos possam ser realizados.”
  13. 13. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 13 Ciclo de Gerenciamento (PDCA): Foco na melhoria contínua; Ciclo para atingir metas Passos básicos do Sistema de Controle: ◦ Coleta de dados sobre o desempenho; ◦ Comparação dos dados com um padrão; ◦ Ação corretiva, se o desempenho não corresponder ao padrão; A Coordenação de um supervisor sobre a atividade de outras pessoas é limitada pela capacidade de trabalho de cada um. Assim existe um limite que para o número de pessoas que uma só pode supervisionar. ◦ “O número de pessoas que presta contas a uma só pessoa denomina-se amplitude de controle.” (LITTERER,1977, pág.352) ◦ Amplitude de controle é um dos elementos que determinam a forma da hierarquia de administração.
  14. 14. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 14 Centralização ◦ Todas as decisões, ou pelo menos as mais importantes, são tomadas por um único indivíduo ou por um pequeno grupo, formado por poucos indivíduos. Descentralização ◦ A tomada de decisões é dirigida em direção descendente na hierarquia. Administradores de nível médio e algumas vezes até empregados ao nível de trabalho, tomam e executam decisões organizacionais. Verificação do que a estrutura tem de bom e o que precisa ser melhorado (corrigido) ou eliminado: ◦ Levantamento e análise estrutural; ◦ Relacionar as alternativas possíveis; ◦ Desenhar (descrever) a estrutura ideal para a organização nesse momento; O que precisa ser considerado nessa avaliação: ◦ Resultados alcançados pela organização em relação ao planejado; ◦ Problemas evidenciados; ◦ Nível de satisfação dos que nela trabalham (todo o quadro de funcionários, inclusive os administradores). Etapas da avaliação: ◦ Levantamento; ◦ Análise dos dados coletados; ◦ Avaliação das análises; Políticas para a avaliação: ◦ Ter a estrutura adequada aos mercados atuais; ◦ Ter a estrutura adequada as novas tecnologias; ◦ Ter os recursos humanos necessários a organização;
  15. 15. Análise das Organizações - Dimensão Estrutural 03/05/2015 15 Fator Humano ◦ Um problema de estrutura organizacional acarreta, quase sempre, um problema humano: preenchimento dos cargos (aspecto técnico; qualidade e aptidões pessoais para o cargo e responsabilidades que o envolve). Aspectos que devem ser considerados: ◦ Mudança na estrutura organizacional; ◦ Processo de implantação; e ◦ Resistências que podem ocorrer, Aspectos que devem ser considerados: ◦ Se conscientizar que a estrutura mais adequada, depende da atual (bola tá rolando); ◦ Antecipar as forças restritivas e propulsoras que influenciarão no processo; ◦ Importância dos profissionais que atuam na organização (empresa); ◦ Importância do planejamento do processo de mudança, evitando minimizar os efeitos dos problemas; ◦ Identificação do problema e as variáveis a serem consideradas; ◦ Capacitação dos executantes nas rotinas que deverão ser executadas; ◦ Motivação dos executantes. CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à Teoria Geral da Administração, 6ª Ed., RJ, Campus, 2000. GONÇALVES, Sergio R.de Castro, Estrutura Organizacional, Aula 5, Disponível em: <http://pt.slideshare.net/profsergioricardo/aula-5- estrutura-organizacional?next_slideshow=1>, Acesso em: 04/04/2015. LITTERER, Joseph H., Análise das Organizações, 2ª Ed., SP, Ed.Atlas, 1977. NETO, Milton H.do Couto, Estrutura Organizacional, Aula de Gestão de Processos e Empresas, Disponível em: <http://pt.slideshare.net/miltonh/estrutura-organizacional-201201>, Acesso em: 04/04/2015. ROSAS, Adriano. Custo de Sistema de Informação - Sistemas, Organização & Métodos – Estrutura Organizacional, Disponível em: < http://pt.slideshare.net/adrianorosas27/aula-03- estruturaorganizacional1> Faculdade Fortium, Acesso em: 04/04/2015.

×