QuestõesConsultec
Questão 01
[...] Sempre houve um campo alegando que os organismos vivos não eram, na verdade, nada difer...
E) A proporção de água presente nos sistemas vivos reflete a sua importância no estabelecimento de um ambiente
adequado pa...
Questão 05
O esquema a seguir ilustra uma das etapas de um importante processo de transformação de energia nomundo vivo.

...
A interpretação da figura e os conhecimentos atuais a respeito da expressão do código genético permitem concluir:
A) A exp...
A) A necessidade imposta pelo ambiente é responsável pela geração de características que deverão ser preservadas
pela sele...
A respeito do conhecimento pertinente a essa técnica, é possível afirmar:
A) A técnica ilustra o processo de formação de o...
Com base na análise da figura e utilizando-se do conhecimento a respeito da herança dos heterocromossomos, é
possível afir...
Considerando-se que os anfípodos que permanecem expostos na superfície do lodo, se tornam mais vulneráveis aos
seus predad...
A respeito da fisiologia relacionada a essas trocas gasosas, pode-se afirmar que
A) as trocas gasosas na superfície respir...
A) A captação da quarta molécula de O2 pela hemoglobina requerum aumento significativo da PO2, se comparado à
captaçãodas ...
D) A capacidade mutacional do HIV deve-se à alta virulência presente no seu ciclo lisogênico ao longo do processo
de infec...
descarte. A pequena e singela proposta de redução do uso de embalagens plásticas nas compras problematiza,
ainda que levem...
C) o contexto colonial foi uma das etapas intermediárias naevolução de seres procariontes unicelulares em
seresprocarionte...
A) O gene A, como qualquer outro gene presente em célulaseucarióticas, é responsável pela expressão de apenas
uma única ca...
O esquema ilustra uma das etapas de um importanteprocesso biológico de transformação de energia presente
nomundo vivo.Em r...
admitem poucas variações em seu modo de participaçãona autopoiese, mas admitem muitas peculiaridadesna
maneira comose real...
A) Todas as formas de vida, da bactéria aos humanos, estãoligadas por cadeias descontínuas de descendência.
B) As árvores ...
C) O cruzamento entre tipos puros produziu na F1 100% dedescendência híbrida que, ao ser
autofecundada,determinou uma F2 c...
I. Durante este ciclo, o vírus é capaz de produzir novasunidades virais, levando à inexorável morte da
bactériahospedeira....
O gráfico representa o gasto de energia de uma pessoadurante a marcha (andando) e a corrida, em três
inclinaçõesdiferentes...
O gráfico ilustra a variação da taxa respiratória, em litros porminuto, em relação à variação da quantidade de CO2
eO2pres...
A) O parasitismo é uma relação desvantajosa para a manutenção do equilíbrio dos ecossistemas naturais.
B) As “corridas arm...
A) Apesar do grande esforço promovido pela ONU, aconferência não trouxe nenhum resultado concreto tanto no
âmbito social, ...
B) A amônia presente na atmosfera dos planetas externospode desenvolver vida na condição de estar
combinadacom uma força v...
B) difusão simples
C) difusão facilitada.
D)transporteativo.
E) endocitose
Questão 45

A figura ilustra o transporte de um...
B) Diferentes normas de reação podem levar a comportamentos semelhantes nas mesmas condições ambientais.
C) O controle das...
D) Organismos capazes de produzir descendentes nãodevem apresentar diferenças significativas no seuconjunto
gênico que jus...
A partir da compreensão dessas etapas e da importânciadesse mecanismo de divisão para a diversificação da vida,
écorreto a...
A ilustração representa uma pirâmide de energia de umadeterminada cadeia alimentar.
Em relação a essa pirâmide, pode-se af...
B) a presença, a partir das pteridófitas, de uma faseesporofítica mais desenvolvida e nutricionalmenteindependente
da fase...
O esquema representa, de forma simbólica, a configuraçãodos cromossomos sexuais na determinação da
herançagenética do sexo...
A ilustração representa a ação integrada de vários sistemasfisiológicos humanos na manutenção das funções do
corpo.

A res...
Considerando-se as informações presentes no texto e nográfico e o conhecimento sobre a importância da
vacinaçãona prevençã...
E) a pesquisa em engenharia genética é limitada à manipulação de organismos simples, ou seja, de padrão
organizacionalproc...
B) O processo fotossintético contribuiu para a disseminaçãode organismos anaeróbios obrigatórios capazes de
obteralimento ...
plantas.Esse combustível pode ser queimado como petróleoou gás natural para abastecer carros e gerar calor
ouenergia elétr...
Questão 67
Proteínas presentes na superfície das célulasepiteliais que revestem o intestino utilizam um sistema eficiente ...
D) macromoléculas, como a glicose, podemtranspassar a membrana plasmática com oauxílio de proteínas
carreadoras ou difundi...
( ) A evolução de uma cutícula eficiente na retenção da águae o desenvolvimento de camadas protetoras para
osgametângios p...
Com base no texto e nos conhecimentos relacionados àestrutura da molécula de DNA, analise, dentre as
proposiçõesa seguir, ...
Questão 75
Com base na aplicação de métodos matemáticos paracálculos de probabilidade de genótipos advindos
decruzamentos ...
Questões consultec
Questões consultec
Questões consultec
Questões consultec
Questões consultec
Questões consultec
Questões consultec
Questões consultec
Questões consultec
Questões consultec
Questões consultec
Questões consultec
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Questões consultec

11.178 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
11.178
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
0
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
88
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Questões consultec

  1. 1. QuestõesConsultec Questão 01 [...] Sempre houve um campo alegando que os organismos vivos não eram, na verdade, nada diferentes da matéria inanimada; algumas vezes essas pessoas foram chamadas de mecanicistas, mais tarde de fisicalistas. E sempre houve um campo oposto — os chamados vitalistas — reivindicando, por sua vez, que os organismos vivos possuíam propriedades que não poderiam ser encontradas na matéria inerte e que, portanto, conceitos e teorias biológicas não poderiam ser reduzidos às leis da física e da química. Em alguns períodos e centros intelectuais, os fisicalistas pareciam vencer o debate, e em outras épocas elocais os vitalistas pareciam prevalecer. Neste século (XX), ficou claro que ambos os lados estavamparcialmente certos e parcialmente errados. (MAYR, 2008, p. 21) Considerando-se o texto acima e os modelos utilizados pela ciência na caracterização da vida, é possível afirmar: A) Os fisicalistas acertaram ao insistir que não há um componente metafísico da vida e que, no nível molecular, ela pode ser explicada de acordo com os princípios da física e da química. B) Os vitalistas acertaram ao considerar que os organismos são equivalentes à matéria inerte, mas possuem diversas características autônomas, em particular a presença de uma força vital etérea, na determinação das propriedades biológicas. C) A corrente filosófica que terminou por incorporar os melhores princípios, tanto do fisicalismo quanto do vitalismo, ficou conhecida como darwinismo social e é hoje o modelo mais aceito pelos cientistas. D) O conceito de seleção natural na luta pela sobrevivência, proposto por Darwin, pode ser considerado como a prova mais decisiva da validade exclusiva de causas que operam em todos os domínios da biologia, o que confirma, dessa forma, interpretações teológicas para a questão da vida. E) A abiogênese, ao fornecer um mecanismo coerente para a evolução, ao mesmo tempo em que negava qualquer visão finalista da vida, tornou-se o alicerce de um novo paradigma para a biologia. Questão 02 A água pode nos fascinar. Não apenas por sua incrível abundância ou variedade de formas, ou mesmo por seu papel fundamental em moldar nosso planeta e a evolução da vida. [...] o fascinante é que propriedades tão ricas possam surgir de uma estrutura tão simples. [...] Que suas propriedades incomuns sejam essenciais para o surgimento e manutenção da vida é uma dimensão a mais, a ser acrescentada ao prazer de se contemplar a água. (ATKINS, 1997. p. 51.) A respeito da importância da água na geração e na manutenção metabólica dos sistemas vivos, é possívelafirmar: A) A água deve ser considerada um solvente universal, já que todos os componentes químicos celulares estão dissolvidos nessas moléculas polares. B) Nas reações bioenergéticas, a água fornece a energia necessária para a redução das moléculas de CO2 em moléculas orgânicas utilizáveis pelos seres vivos. C) As células que apresentam maior atividade metabólica devem apresentar uma menor proporção de água, se comparadas às células de metabolismo reduzido. D) O alto calor específico presente nas moléculas da água favorece o controle térmico exclusivamente em animais homeotermos, como as aves e os mamíferos.
  2. 2. E) A proporção de água presente nos sistemas vivos reflete a sua importância no estabelecimento de um ambiente adequado para a ocorrência de reações bioquímicas. Questões 03 e 04 A figura abaixo ilustra um corte transversal de determinada célula juntamente com o detalhe de sua parede celular. Questão 03 Em relação ao padrão de organização da célula ilustrada, é possível considerar que A) a presença de mitocôndrias no citoplasma caracteriza a célula como pertencente a um organismo animal aeróbio. B) a diversidade de organelas no citoplasma foi uma inovação evolutiva associada a um aumento das funções exercidas pela célula, tal como o advento da fotossíntese e da respiração celular no mundo vivo. C) a presença de um núcleo definido possibilitou que o organismo unicelular passasse a realizar a transcrição e a tradução do código genético de forma simultânea em um único compartimento. D) esse padrão celular eucariótico permitiu uma maior eficiência na realização das funções metabólicas e favoreceu o desenvolvimento da pluricelularidade ao longo da evolução dos seres vivos. E) a presença de um padrão procariótico garante ao organismo representado ser autótrofo e realizar reações de oxidação completa de matéria Questão 04 A respeito da ultraestrutura presente na parede celular ilustrada, pode-se afirmar que A) o reforço de quitina garante a espessura e a resistência das paredes celulares da célula vegetal representada. B) a presença dos plasmodesmos tem como função aumentar a aderência presente entre células contíguas do tecido vegetal. C) o retículo endoplasmático granuloso encontrado associado aos plasmodesmos favorece o transporte de substâncias que ocorrem entre os citoplasmas de células vizinhas. D) a parede celular presente nos fungos é constituída por longas e resistentes microfibrilas de celulose que, junto com a lignina, reforça a estrutura esquelética da célula. E) a estrutura primária da parede celular deve ser elástica o suficiente para permitir o crescimento e, ao mesmo tempo, fornecer toda a sustentação esquelética necessária para manter a célula vegetal.
  3. 3. Questão 05 O esquema a seguir ilustra uma das etapas de um importante processo de transformação de energia nomundo vivo. A partir da análise do esquema, pode-se inferir que A) o processo ilustrado se refere à cadeia transportadora deelétrons que ocorre na etapa dependente do oxigênio darespiração celular. B) a síntese de ATP está diretamente associada ao transportede elétrons realizado pelo complexo de citocromos presentena membrana dos tilacoides. C) o aumento da concentração de íons de hidrogênio dentrodos tilacoides gera um refluxo de prótons pela sintetase doATP que culmina com um intenso processo de fosforilação. D) o processo representa a etapa fotoquímica da fotossíntese,já que o ATP produzido na fotofosforilação participa da síntesede carboidratos no lúmen dos tilacoides. E) a concentração de clorofila nos complexos antena dostilacoides aumenta a eficiência de captação de luz em todasas frequências dentro da faixa visível do espectro de ondaseletromagnéticas. Questão 06 O esquema abaixo compara, de forma resumida, o processo de expressão da informação genética em seres procariontes e eucariontes.
  4. 4. A interpretação da figura e os conhecimentos atuais a respeito da expressão do código genético permitem concluir: A) A expressão da informação genética em bactérias ocorre através do processo de replicação do DNA circular. B) Apenas o gene eucariótico apresenta regiões denominadas de íntrons, que não são traduzidas em sequências específicas de aminoácidos. C) Os genes presentes no material genético de seres eucariontes produzem as proteínas necessárias para garantir a manutenção do metabolismo celular sem a necessidade de utilização do RNA. D) O RNA polimerase transcreve apenas as regiões dos éxons na produção do pré-RNA mensageiro para que posteriormente, possa ocorrem a ação do splicing genético. E) A expressão do código genético das bactérias ocorre através de processos que se modificaram acentuadamente ao longo da evolução desse grupo, o que provocou uma diferenciação significativa em relação ao padrão eucariótico. Questão 07 Em 1859, depois de 20 anos de estudos minuciosos e de reflexões, Darwin publicou A origem das espécies. A obra não somente colocou por terra as ciências da vida, na época, como revelou ao homem seu humilde lugar entre os seres vivos. (CONTINENZA, 2007) Por causa da importância da variação, a seleção natural deve ser considerada um processo de duas etapas: a produção de variação abundante seguida pela eliminação de indivíduos inferiores. Esse último passo é direcional. Ao adotar a seleção natural, Darwin encerrou a discussão de várias centenas de anos entre os filósofos sobre o acaso e a necessidade. A mudança na Terra é resultado de ambos, sendo o primeiro passo dominado pela aleatoriedade, e o segundo, pela necessidade. (MAYR, 2007, p. 58.) Para muitos, foi a Teoria da Evolução que de fato consolidou a própria Biologia como uma ciência autônoma, estruturadora do trabalho dos biólogos por todo o século XX e até mesmo nesse século. Assim, o ano de 2009 foi eleito pela International Union of Biological Sciences como o ‘ano de Darwin’, não somente porque se comemoram 150 anos da publicação de A Origem das Espécies, mas também porque se completam 200 anos desde o nascimento de Darwin, ocorrido em 12 de fevereiro de 1809. Considerando o impacto das idéias de Charles Darwin a respeito da importância da seleção natural no processo de evolução biológica, é correto afirmar:
  5. 5. A) A necessidade imposta pelo ambiente é responsável pela geração de características que deverão ser preservadas pela seleção natural. B) A ação da seleção natural dentro do processo evolutivo deve ser considerada dependente do ambiente, já que este determina a forma e a intensidade com que a pressão seletiva será imposta às populações. C) A variabilidade genética é estabelecida a partir da ação da seleção natural sobre um grupo de indivíduos de uma população. D) As ideias de Darwin sobre a seleção natural permitiram estabelecer um antropocentrismo baseado em visões teológicas sobre a origem da vida e a hierarquia entre os seres vivos. E) Darwin reforçou as ideias sobre determinismo ao negar a universalidade da aleatoriedade e do acaso durante os processos que envolvem a seleção natural. Questão 08 Não deve causar espanto que o desenvolvimento tenha um papel importante na compreensão da evolução. Afinal, é ele que produz a forma dos organismos multicelulares. Assim, ele é necessariamente a base para qualquer inovação morfológica sobre a qual a seleção natural atua. [...] No desenvolvimento, um único ser vivo sofre uma série de transformações até chegar à forma adulta. Na evolução, o que se transforma ao longo das gerações são populações, e não organismos individuais. Enquanto a evolução modifica o desenvolvimento (o desenvolvimento também evolui!), o desenvolvimento restringe as possibilidades da evolução. [...] Assim, as mudanças evolutivas são restritas às que “podem ocorrer” como consequência de mudanças no desenvolvimento. (EL-HANI, Charbel N., Meyer, Diogo. A evolução da teoria darwiniana. In: O homem em buscas das origens. Scientific American História, No. 7. São Paulo: Duetto. pag. 80.) A respeito das relações abordadas no texto entre a evolução biológica e o desenvolvimento do organismo até a maturidade, considere as seguintes afirmativas: I. A evolução caracteriza-se pelo sequenciamento de estágios transformadores de um único ser, enquanto, no desenvolvimento, ocorrem mudanças na distribuição de características em uma população ao longo das gerações. II. Enquanto o desenvolvimento apresenta um estado final preferencial, que é a forma adulta, a evolução não apresenta qualquer tendência a um padrão estabelecido para a perfeição das formas. III. A complexidade do sistema de desenvolvimento e a interação de suas etapas permitem que determinadas novidades evolutivas tenham poucas possibilidades de ser preservadas pela evolução. IV. O desenvolvimento do organismo expressa-se a partir de informações genéticas herdadas, enquanto a evolução se estabelece, dentre outras causas, pela ação da seleção natural na população. Dessas afirmativas, estão corretas as indicadas em A) I e III. D) II, III e IV. B) III e IV. E) I, II, III e IV. C) I, II e IV. Questão 09
  6. 6. A respeito do conhecimento pertinente a essa técnica, é possível afirmar: A) A técnica ilustra o processo de formação de organismos clones a partir da introdução do núcleo de células somáticas em óvulos previamente enucleados. B) A técnica objetiva destruir bactérias parasitas a partir da introdução de genes letais que impedem os processos de transcrição e tradução do material genético bacteriano. C) O plasmídeo vetor é utilizado nessa técnica para ativar a tradução do material genético introduzido e, consequentemente garantir a produção da proteína bacteriana. D) O material genético presente no nucleoide bacteriano comanda a síntese de insulina humana a partir da replicação de porções específicas da sua molécula de DNA. E) A transgenia produz DNA recombinante que, ao ser introduzido no organismo hospedeiro, comanda a formação da estrutura primária de cadeias polipeptídicas específicas. Questão 10 Mendel elaborou os princípios básicos da herança em plantas durante um período de aproximadamente nove anos. Seu trabalho culminou com uma aula pública em 1865 e um detalhado documento publicado em 1866. O artigo de Mendel apareceu em uma revista que era recebida por 120 bibliotecas, e ele mandou cópias para vários professores importantes. Entretanto, sua teoria não foi aceita. De fato, ela foi ignorada [...]. (PURVES, 2006, p. 177) Um dos motivos considerado como crucial para que o trabalho de Mendel tivesse sido ignorado pelos cientistas da época foi A) a utilização da ervilha-de-cheiro como material biológico estudado, já que não era habitual a utilização de trabalhos com hibridização de plantas pelos estudiosos do século XIX. B) o pouco rigor metodológico utilizado por Mendel em seus experimentos, o que gerou pouca credibilidade nos resultados encontrados. C) a abordagem matemática utilizada por Mendel na análise dos resultados obtidos, pois essa prática não era comum em experimentos biológicos da época. D) a análise simultânea de sete características genéticas da espécie pesquisada, que levou a erros de inferência nos resultados obtidos. E) o longo tempo necessário para conclusão dos trabalhos devido ao pequeno número de descendentes obtidos por geração, resultante da incapacidade de autofecundação da espécie analisada. Questão 11 A figura a seguir ilustra os tipos de heranças que estão associadas ao par sexual do sistema XY de determinação do sexo.
  7. 7. Com base na análise da figura e utilizando-se do conhecimento a respeito da herança dos heterocromossomos, é possível afirmar: A) Os heterocromossomos caracterizam-se por apresentar genes que estão exclusivamente envolvidos com características genéticas sexuais. B) Genes que estão posicionados na parte homóloga dos cromossomos X e Y devem ocorrer com a mesma frequência, tanto nas mulheres quanto nos homens. C) Todos os genes presentes no cromossomo Y determinam heranças que são exclusivas do sexo masculino. D) Genes da herança ligada ao sexo, por estarem posicionados apenas no cromossomo X, expressam características encontradas preferencialmente no sexo feminino. E) Os genes da herança restrita ao sexo são exclusivos dos homens, por estarem posicionados na parte homóloga do cromossomo X. Questões 12 a 14 O esquema a seguir ilustra os passos (método) de um experimento com crustáceos anfípodos a fim de verificar mudanças no comportamento desses animais quando s ão infectados por vermes nematoides parasitas. Questão 12
  8. 8. Considerando-se que os anfípodos que permanecem expostos na superfície do lodo, se tornam mais vulneráveis aos seus predadores naturais, se comparados aos anfípodos que continuam enterrados, é possível concluir, a partir da observação do experimento, que A) os vermes nematoides, ao longo do processo, diminuem progressivamente a capacidade de deslocamento dos anfípodos infectados. B) as populações de anfipodos não infectados apresentam uma alta mortalidade após o 18º dia do início do experimento. C) não existem modificações significativas no comportamento dos dois grupos de anfípodos que foram utilizados nesse experimento. D) os anfípodos não parasitados, a partir do 13º dia, passam aser predados mais intensamente pelo fato de terem se tornado mais ativos e numerosos. E) os vermes nematoides interferem no comportamento de seus hospedeiros somente após terem alcançado o estágio infectivo. Questão 13 A respeito das relações ecológicas estabelecidas pelos organismos envolvidos direta e indiretamente no experimento, pode-se dizer que A) o parasitismo e o predatismo são relações alimentares que favorecem o fluxo de energia e matéria nas cadeias alimentares dos ecossitemas naturais. B) o parasitismo é uma relação considerada harmônica para o hospedeiro, mas desarmônica para o parasita que obtém o seu alimento. C) as relações ecológicas podem ser consideradas como fatores bióticos de resistência ambiental e, por isso, podem interferir no potencial biótico das populações em crescimento. D) o predatismo e o parasitismo são relações ecológicas que afastam as comunidades do equilíbrio dinâmico natural dos ecossitemas. E) o processo co-evolutivo entre simbiontes no parasitismo estabelece adaptações que levam inexoravelmente à morte do tipo hospedeiro. Questão 14 Os anfípodos fazem parte de um filo animal, que é considerado “o mais diversificado filo do planeta”. A respeito desse grupo, é possível afirmar: A) Os moluscos caracterizam-se pela presença de um exoesqueleto quitinoso que não permite o crescimento corporal e, por isso, precisa ser trocado regularmente pelo organismo. B) Os anelídeos apresentam, como novidade evolutiva, em relação aos outros grupos ancestrais, a presença de segmentos ou metâmeros que se repetem ao longo do corpo do animal. C) Os vermes platelmintos foram os primeiros animais, ao longo da história evolutiva, a apresentar concentração dos principais órgãos dos sentidos e das células nervosas na região anterior do corpo. D) O sucesso da “estratégia artrópode” é atribuído principalmente ao esqueleto corporal externo, que protege o corpo do animal como uma armadura articulada. E) Os nematelmintos apresentam cavidades corporais cheias de líquidos que servem de apoio para as contrações da musculatura e permitem movimentar e alterar a forma do corpo. Questão 15 As estruturas apresentadas a seguir exemplificam a diversidade de adaptações encontradas nos animais para permitir a troca de gases respiratórios do ambiente externo com o interior do corpo.
  9. 9. A respeito da fisiologia relacionada a essas trocas gasosas, pode-se afirmar que A) as trocas gasosas na superfície respiratória ocorrem exclusivamente em animais adaptados ao ambiente terrestre. B) a maior parte dos invertebrados que apresentam trocas gasosas com o ar são insetos, os quais possuem eficientes pigmentos respiratórios de transporte de oxigênio pelo sangue. C) as brânquias não apresentam adaptação ao ambiente terrestre devido à menor concentração de oxigênio dissolvido encontrado nesse meio, se comparado ao ambiente aquático. D) uma característica presente nas diversas adaptações para troca gasosa nos animais é a extensa área superficial para a difusão dos gases respiratórios. E) os pulmões são capazes de suprir todas as necessidades de trocas gasosas nos diversos grupos de vertebrados Terrestres Questão 16 A habilidade da hemoglobina para captar ou liberar O2 depende da pressão parcial de O2 (PO2) no seu ambiente. Quando a PO2 do plasma sanguíneo é alta, como habitualmente acontece nos capilares dos pulmões, cada molécula de hemoglobina pode transportar sua carga máxima de quatro moléculas de O2. Assim, o sangue que circula através dos vasos pelo corpo encontra valores mais baixos de PO2. Nesses valores mais baixos de PO2, a hemoglobina libera algum O2 que estava transportando. [...] Isso significa que, em condições metabólicas normais à medida que o sangue circula ao longo do corpo, somente cerca de uma das quatro moléculas de O2, que a hemoglobina carreia é liberada para os tecidos. Isso parece ineficiente, mas é, na verdade, bastante adaptativo, pois a hemoglobina mantém 75% do seu oxigênio na reserva para satisfazer aspara satisfazer as necessidades de demandas máximas. A partir do texto e da análise do gráfico apresentado, é possível concluir:
  10. 10. A) A captação da quarta molécula de O2 pela hemoglobina requerum aumento significativo da PO2, se comparado à captaçãodas outras três primeiras moléculas. B) Uma reserva de até 25% de oxigênio é mantida pelahemoglobina durante a demanda comum do corpo e pode ser liberada para os tecidos, se houver uma baixa da PO2. C) A PO2 presente no sangue tende aumentar à medida que ofluido sanguíneo se desloca através dos vasos em direçãoaos tecidos. D) A hemoglobina que retorna ao coração através do sangueapresenta aproximadamente 50% da capacidade máximade captação de oxigênio. E) Em situações de demanda máxima de oxigênio, é esperadauma taxa entre 60% a 80% de PO2 presente no sangue. Questão 17 A restrição das briófitas a ambientes úmidos também está ligada ao fato de elas dependerem da água para a reprodução sexuada, pois seus gametas masculinos, chamados anterozoides, são flagelados, deslocando-se apenas em meio líquido. Ao atingir o gameta feminino, chamado oosfera, forma ao zigoto, que é imóvel. (LOPES, 2008. p. 444) Em relação à adaptação dos grupos vegetais ao ambiente terrestre ao longo de sua história evolutiva, pode-se considerar: A) As briófitas, apesar da presença de algumas limitações, desenvolveram densas florestas no ambiente terrestre anteriormente ao advento do grupo das pteridófitas. B) A solução desenvolvida pelas pteridófitas para resolver as limitações, em relação à reprodução sexuada, consistiu no desenvolvimento de estruturas específicas para a fecundação, como, por exemplo, os estróbilos. C) A etapa do ciclo de vida das briófitas que apresenta a produção de gametas é considerada transitória devido às limitações reprodutivas presentes nesse grupo vegetal. D) O zigoto formado no grupo das fanerógamas está sempre acompanhado de uma estrutura de proteção e dispersão do embrião denominada de fruto. E) A ausência de vasos condutores nas briófitas também é considerada como um dos fatores limitantes na adaptação ao ambiente terrestre devido à pouca eficiência desse grupo na captação e transporte de água em solos onde o lençolfreático é mais profundo. Questão 18 Descobertas de vírus da Aids e de câncer dão prêmio Nobel de 2008 a europeus.[...] A premiação chega 25 anos depois do trabalho original de Françoise Barré-Sinoussi e Luc Montagnier sobre o agente da doença do século — O HIV. (Folha de S. Paulo. Ciência. São Paulo, terça-feira, 07 de outubro de 2008) As estratégias de sobrevivência mais surpreendentes do HIV são a capacidade de multiplicação rápida e a de sofrer mutações. À custa delas, o vírus enfrenta as adversidades do meio externo, e faz de tudo para escapar das investidas do sistema imunológico do hospedeiro e dos medicamentos usados para eliminá-lo. O HIV se multiplica em velocidade alucinante. No organismo infectado, em condições habituais, são produzidos 10 bilhões de novos vírions (partículas de vírus) em um único dia. Nesse processo, surgem milhões de variantes geneticamente distintas das que lhes deram origem. (VARELA, 2008. p. 25) A respeito do trabalho desenvolvido por Luc Montagnier e colaboradores, bem como do conhecimento atual sobre a AIDS pode-se afirmar: A) O trabalho laureado com o prêmio Nobel de 2008 refere-se à descoberta da utilização do AZT como uma eficiente droga anti-HIV. B) As variantes geneticamente distintas produzidas a partir da reprodução do HIV aumentam o potencial adaptativo desse vírus em relação às tentativas de ação do sistema de defesa do organismo hospedeiro. C) A estrutura viral, apesar de simples, é capaz de se autoduplicarcom grande eficiência no interior das hemácias do sangue.
  11. 11. D) A capacidade mutacional do HIV deve-se à alta virulência presente no seu ciclo lisogênico ao longo do processo de infecção da célula hospedeira. E) O vírus HIV é estruturalmente semelhante a outros vírus parasitas humanos, podendo, dessa forma, apresentar DNA ou RNA como material genético. Questão 19 O esquema abaixo representa interações bióticas que podem ocorrer de forma direta e indireta entre determinadas populações de uma ecossistema. A respeito dessas alelobioses, pode-se considerar que A) a população de carvalhos faz parte do único elo nessa cadeia,que deverá crescer permanentemente próximo ao seu potencial biótico. B) a relação entre os camundongos e os carvalhos interfere tanto na curva de crescimento da população de mariposas como na curva da população de predadores desses camundongos. C) a relação entre as mariposas-cigana e os carvalhos se configura como um exemplo de parasitismo, já que não interfere na produção de novos descendentes para as árvores de carvalho. D) os predadores de camundongos e as mariposas-cigana são prejudiciais ao equilíbrio das populações envolvidas. E) o aumento da população de mariposas-cigana garante, de forma aparentemente contraditória, o incremento da população de camundongo que, por sua vez, é o seu principal predador. Questão 20 As sacolas plásticas simbolizam a vitória do cidadão consumidor de uma sociedade individualista centrada apenas no presente. [...] Imediatamente, em casa, tornam-se embalagem para o lixo, no circuto sem fim do consumo e do
  12. 12. descarte. A pequena e singela proposta de redução do uso de embalagens plásticas nas compras problematiza, ainda que levemente, esse circuito do consumismo. Propõe pensar antes de ir ao supermercado, quem sabe limitar um pouco as compras ao necessário, fazer um pouco, claro, porém fazer algo. Parar, pensar, reduzir. (SCHILLING, 2008, p. 37-39) A sustentabilidade torna-se, cada vez mais, um conceito presente nas nossas ações do dia-a-dia. A respeito dessa nova postura em relação ao mundo e suas repercussões, é possível afirmar: A) A sustentabilidade propõe a criação de uma nova noção do coletivo para que, mesmo atendendo às necessidades do presente, as gerações futuras possam também suprir suas próprias necessidades. B) O sujeito da sociedade de consumo é um sujeito do coletivo, preocupado com a formação de uma consciência global para a preservação da natureza. C) As sacolas plásticas estão associadas ao símbolo do descartável, fruto de um pensamento ecológico que favorece a reciclagem de matéria que ocorre na natureza. D) O consumidor ideal é aquele que considera os aspectos ambientais ao comprar equipamentos exclusivamente de última geração, ou seja, produtos que já não acarretam impacto para o meio ambiente. E) A sustentabilidade é um conceito que deverá ser empregado pelas próximas gerações para impedir que o consumismo desenfreado de hoje possa provocar danos aos habitantes do planeta no futuro. Questões 21 e 22 Os micro-organismos foram as primeiras formasde vida na Terra. Com eles, iniciava-se a históriada sua futura relação com o ser humano. Asbactérias foram testemunhas de todas as formasde vida que surgiram a seguir e de muitas queviriam a se extinguir. Surgiram há cerca de quatrobilhões de anos e reinaram absolutas atéseiscentos milhões de anos, época em queapareceram outras formas de vida, dessa vezmulticelulares. (UJVARI, 2003, p. 14). Questão 21 É possível identificar como uma característica exclusiva dopadrão organizacional dos organismos que representam asprimeiras formas de vida presentes na Terra a A) presença de uma membrana lipoproteica, que permiteisolar a célula das trocas com o ambiente externo. B) diversidade de estruturas endomembranosas quedesempenham funções específicas no citoplasma celular. C) presença do material genético restrito a um ambientepróprio e interno devido à existência de uma membrana delimitante. D) ocorrência de processos bioenergéticos fotoautótrofos,que convertem a energia luminosa em energia química presente nas moléculas orgânicas. E) realização simultânea, durante a expressão da informaçãogenética, da transcrição e da tradução do código genéticoenvolvendo uma mesma molécula de RNA. Questão 22 Considerando-se os diversos processos evolutivos envolvidosna geração da vida multicelular e as suas consequências naformação do diversos grupos atuais de seres pluricelulares,é possível afirmar que A) a pluricelularidade evoluiu a partir de um aumento daautonomia metabólica entre as células que exercem funções semelhantes. B) a diversificação das funções citoplasmáticas, a partir dapresença de endomembranas, foi um dos fatoresfavoráveis para o estabelecimento, com sucesso, dapluricelularidade no mundo vivo.
  13. 13. C) o contexto colonial foi uma das etapas intermediárias naevolução de seres procariontes unicelulares em seresprocariontes pluricelulares. D) a endossimbiose que originou o cloroplasto antecedeuo processo que originou a mitocôndria ao longo da formação dos grupos atuais de seres vivos. E) a especialização das funções metabólicas favoreceu odesenvolvimento de grupos celulares — os tecidos — presentes em todos os seres pluricelulares, como osanimais, os vegetais e os protozoários. Questão 23 A vida senciente é atraída pelo sexo e pelosalimentos porque, amando e devorando, a vidase conserva e se amplia. Nem todas as espécies,no entanto, precisam da sexualidade para sereproduzir. Em todas as que necessitam dela, osexo é uma parte crucial do processo detransformação de energia pelo qual, deleitando-se,as espécies preservam e aumentam suacomplexidade neste cosmo impregnado deenergia. (MARGULIS; SAGAN, 2002, p.11). A nutrição e a reprodução são propriedades consideradasinerentes a todos os seres vivos celulares.É possível afirmar em relação a essas propriedades: A) Os vegetais são organismos independentes do processode nutrição devido à presença — em suas células — de sistemas enzimáticos que garantem as funçõesfotoautótrofas. B) A sexualidade, ao fornecer aumento de variabilidadegenética durante a reprodução dos organismos, permite incrementar o seu potencial adaptativo com o advento denovidades que apresentem importância evolutiva. C) Os alimentos fornecem a energia necessária para que,durante o sexo, os organismos gerem descendentes idênticos, cada vez mais complexos e perfeitos. D) A reprodução sexuada é a única que, por estar associadaà hereditariedade, transfere para a descendência características genéticas contidas em moléculas própriasde armazenamento de informação. E) A utilização da energia presente nos alimentos para apreservação e o aumento da complexidade dosorganismos aproxima os sistemas vivos do equilíbriotermodinâmico existente no cosmo “impregnado deenergia”. Questão 24 O diagrama ilustra, de forma simplificada, o processo detranscrição e tradução do código genético nos seres eucariontes. A partir da análise do diagrama juntamente com oconhecimento pertinente ao tema, pode-se afirmar:
  14. 14. A) O gene A, como qualquer outro gene presente em célulaseucarióticas, é responsável pela expressão de apenas uma única característica genética. B) O processo ilustrado é característico da etapa S dainterfase, durante a ativação do material genético. C) O momento X representa o splicing, que permite aeliminação das porções inativas (íntrons) e a fusão das porções ativas (éxons), durante a formação do RNAm. D) Os ribossomos permanecem ativos, coordenando aformação do RNAm, durante toda a etapa de transcrição do código genético. E) A replicação é o processo que sempre precede atranscrição e a tradução da informação genética. Questão 25 Embora o processo reprodutivo de gerar cópiasvivas possa parecer o traço mais fundamental davida, ele é, naverdade, secundário. A reproduçãobaseia-se na autopoiese. A reprodução ouprodução de outros que sejamsemelhantes anós mesmos é, do ponto de vista conceitual, umderivado de nossa conservação tal como somos. Diversamente dos objetos inertes, os seres vivosficam expostos a fluxos materiais e energéticoscontínuos. Acapacidade de mudar parapermanecer idêntico, de empregar o fluxo deenergia para acionar a rotatividade cíclica da matéria, necessária à manutenção de um eu,constitui o truque bioquímico básico da autopoiese. (MARGULIS;SAGAN, 2002, p.14) Com base no texto e nos conceitos associados à autopoiesepresente nos sistemas vivos, é possível afirmar: A) Empregando a energia para acionar os numerososprocessos bioquímicos do mundo vivo, as redesautopoiéticasreciclam continuamente seus componentesmateriais, a fim de se conservar. B) A produção de cópias vivas idênticas é o objetivo maiordo processo reprodutivo presente nos seres vivos sexuados. C) Os fluxos materiais e energéticos fornecem, de formacíclica, todos os componentes necessários para apreservação das redes autopoiéticas. D) O “truque bioquímico” da autopoiese garante amanutenção de uma imutabilidade, que é essencial napreservaçãoe evolução dos sistemas vivos. E) Diversamente da matéria inerte, os seres vivos sãoconstituídos de elementos da matéria que lhe são próprios e exclusivos, o que justifica a existência de redesautopoiéticas. Questão 26
  15. 15. O esquema ilustra uma das etapas de um importanteprocesso biológico de transformação de energia presente nomundo vivo.Em relação ao conhecimento associado às reações químicaspresentes na ilustração, é possível afirmarque esse esquemaé a representação da etapa A) fotoquímica da fotossíntese na qual ocorre intensaprodução de ATP e NADPH utilizados na etapa seguinte, durante a redução de moléculas de CO2 em carboidrato. B) da glicólise da respiração aeróbica em que ocorre intensafosforilação a partir da oxidação de moléculas orgânicas presentes como reagentes. C) do ciclo do ácido cítrico devido à redução de NADs e FADs,durante a quebra de moléculas de carboidratos da respiração aeróbica. D) química da fotossíntese em que ocorre a utilização dooxigênio, liberado na etapa anterior, para a produção de moléculas de ATP e NADPH. E) da cadeia transportadora de elétrons liberados durante aquebra da molécula da água e utilizados juntamente com os prótons H+ na produção de NADPH e ATP na etapa finalda respiração aeróbica. Questão 27 O gráfico representa a variação da quantidade de DNA (Ploidia)de uma célula ao longo das etapas de um ciclo celular. A partir da análise do gráfico e dos conhecimentos pertinente ao tema, pode-se afirmar: A) O ciclo representa a variação do material genético entreduas reproduções por divisão binária em bactérias. B) O número de cromossomos existentes na etapa G2 é odobro do número de cromossomos presentes na etapa G1 da interfase. C) A replicação é o processo que provoca a redução daquantidade de DNA durante a divisão por mitose dentro do ciclo celular representado. D) A divisão celular representada no gráfico é consideradareducional devido à diminuição da ploidia ao longo do ciclo. E) A replicação na etapa S da interfase e a separação dascromátides-irmãs, durante a anáfase da mitose, sãoresponsáveis pela variação da quantidade de DNA aolongo do ciclo representado. Questão 28 Na reprodução celular, há muitas instâncias nasquais é possível detectar com precisão ascircunstâncias estruturaisque determinam tantoa variação quanto a conservação da semelhança.Assim, há alguns componentes que
  16. 16. admitem poucas variações em seu modo de participaçãona autopoiese, mas admitem muitas peculiaridadesna maneira comose realiza essa participação.Tais componentes participam de configuraçõesestruturais fundamentais, que semantêm degeração a geração com apenas ligeiras variações.(MATURANA; VARELA, 2007. p. 80) O texto descreve a ação de determinados componentes dossistemas vivos que estão associados à capacidade de ocorrência de uma hereditariedade integrada à reprodução. A alternativa que pode ser considerada como exemplodessescomponentes é A) Os ácidos desoxirribonucleicos. B) O fuso acromático da mitose. C) Os fosfolipídios presentes nas membranas celulares. D) As proteínas de ação catalítica, como a ATP sintetase. E) Os polissacarídeos de função estrutural. Questão 29 [...] podemos dizer que a teoria da evolução porseleção natural envolve o acaso e a necessidade. O acaso aparece na aleatoriedade do processomutacional de geração de diversidade. Anecessidade, no processode reproduçãodiferencial dos indivíduos mais bem adaptadosao ambiente.A ideia revolucionária de Darwin foi queessasduas forças combinadas eram suficientes paraexplicar, de forma natural, a emergência eevolução dasdiversas formas de vida na Terra.(PENA, 2007, p. 84) A opção que melhor se aproxima do conceito desenvolvidoinicialmente por Charles Darwin para explicar a evolução biológica através da seleção natural é A) O acaso gera variabilidade conforme a natureza vainecessitando de determinadas características adaptativas. B) A reprodução diferenciada preserva indivíduos frutos daunião de espécies diferentes mais bem ajustadas ao ambiente em que vivem. C) A evolução biológica é considerada um processoplenamente aleatório devido à imprevisibilidade dos seus resultados adaptativos. D) A adaptação é uma das principais consequências da açãoda seleção natural, ao favorecer a capacidade média dosorganismos de uma população de sobreviver e reproduzirno seu ambiente. E) Mudanças no conjunto gênico das populações favorecema formação de espécies que se tornam independentes das condições impostas pelo ambiente natural. Questão 30 [...] a História da Evolução tem dois componentesprincipais: a ramificação das linhagens e asmudanças dentro daslinhagens (incluindo aextinção). Espécies inicialmente similares tornam-secada vez mais diferentes, de modo que, decorrido tempo suficiente, elas podem chegar aapresentar diferenças profundas. [...] Os padrõeshierarquicamenteorganizados de aspectoscomuns entre as espécies — tais como ascaracterísticas comuns de todos os primatas, de todos os mamíferos, todos os vertebrados, todosos eucariontes e todos os seres vivos — refletemuma história naqual todas as espécies vivas podemser seguidas retrospectivamente ao longo do tempo,até se chegar a um númerocada vez menor deancestrais comuns. (FUTUYMA, 2002, p.3) A partir da análise dos conceitos evolutivos expostos no texto,é possível afirmar:
  17. 17. A) Todas as formas de vida, da bactéria aos humanos, estãoligadas por cadeias descontínuas de descendência. B) As árvores filogenéticas expressam a evolução linearexistente entre os seres vivos através de convergências adaptativas presentes durante a formação dos grandesgrupos de organismos. C) As provas da descendência de ancestrais comunstambém residem nas características comuns dosorganismosvivos, incluindo sua anatomia, seudesenvolvimento embrionário e seu DNA. D) A cladogênese é o processo evolutivo que justifica asmudanças que ocorrem ao longo do tempo dentro de uma única linhagem. E) Os padrões hierarquicamente organizados de aspectos comuns entre as espécies atuais são denominados de analogias e são derivados de uma irradiação evolutiva que ocorreu ao longo da história evolutiva dos grupos vivos. Questão 31 Afirmar que a Evolução é um fato é confrontar-secom controvérsias, pois provavelmente nenhumaafirmação emtoda a Ciência desperta tantaoposição emocional quanto à evolução biológica.Apesar disso, nenhuma hipótesecientíficadiferente da descendência comum commodificações consegue elucidar e fazer previsõesa respeito daunidade, diversidade e propriedadesdos organismos vivos.[...] A Teoria da Evolução é controversa porque épercebida por algumas pessoas como sendoincompatível comcrenças religiosas, especialmenteno que diz respeito à natureza e às origens humanas. [...] A maioria dos biólogos que estuda a Evoluçãoconcorda que as questões referentes à crençaespiritual nãopodem ser decididas pela Ciência,que, pela sua natureza, é limitada a determinarcausas naturais observáveis, nãopodepronunciar-se a respeito de assuntossobrenaturais e não pode dar respostas aperguntas filosóficas ou éticasfundamentais.(FUTUYMA, 2002, p. 42) A partir de uma análise com base científica do tema abordadono texto, é possível inferir que. A) a ciência apresenta todas as informações necessáriaspara compreender a realidade a partir de um estudodetalhado e preciso das partes componentes do Universo. B) a religião deve validar as descobertas da ciência para queas teorias científicas permaneçam respaldadas ao longodo tempo. C) a evolução biológica enfrentou muitos questionamentos nopassado por defender a idéia de imutabilidade daespéciehumana em relação às outras espécies vivas atuais. D) o convívio harmônico entre os diversos modelos depercepção da realidade — ciência, artes, religião etc — favorece uma compreensão de mundo que apresentaafinidade com uma diversidade de pensamento. E) a ciência, por estar sustentada em observações eexperimentação, deve ser capaz de explicar até mesmoos fenômenos considerados espirituais, sobrenaturais oumetafísicos. Questão 32 Mendel foi um revolucionário dentro do seu meioe do seu tempo. Aceitando o evolucionismo e ateoria da seleçãonatural, apesar de discordar deDarwin em vários pontos, assumia, na suaqualidade de sacerdote, uma posiçãoaltamentearrojada para a sua época. [...] Mendel introduziuum padrão matemático onde antes haviaconfusão, tendodescoberto leis estatísticas queregem fenômenos dantes considerados comomisteriosos e caóticos. O universobiológico é umuniverso mendeliano. (FREIRE-MAIA, 1995, p. 46)Em relação aos experimentos clássicos realizados por Mendelcom Pisum sativum, que permitiram, posteriormente,revolucionar a nossa compreensão a respeito dahereditariedade, é possível afirmar: A) Os cálculos estatísticos utilizados por Mendel em seusexperimentos com ervilhas-de-cheiro permitiramestabelecer uma proporção fenotípica de 1:2: 1, nosresultados da F2. B) A espécie utilizada nos clássicos experimentosmendelianos favoreceu a obtenção de resultadosprecisos porapresentar gerações de ciclo longo compequena produção de descendentes.
  18. 18. C) O cruzamento entre tipos puros produziu na F1 100% dedescendência híbrida que, ao ser autofecundada,determinou uma F2 com a presença dos dois tipos defenótipos presentes na geração parental. D) A presença do tipo recessivo na F2 esclarece a presençade um único alelo na determinação das característicasanalisadas. E) Cada característica estudada é determinada por um parde fatores que se segregam na fecundação e serecombinam na formação dos gametas. Questão 33 O gráfico representa um padrão de expressão de uma herançagenética em que os efeitos de vários genes eminteração sesomam, possibilitando que a característica estudada possaser identificada por uma curva contínua com os genótipos maisheterozigotos aparecendo em maior número. Esse padrão genético representado pode ser caracterizadocomo um tipo de herança A) parcialmente ligada ao sexo. B) quantitativa ou poligênica. C) mendeliana clássica. D) com ligação fatorial. E) restrita ao sexo. Questão 34 O esquema ilustra um tipo de ciclo de vida presente embacteriófagos. Considerando-se as características inerentes a esse tipo deciclo, é correto afirmar:
  19. 19. I. Durante este ciclo, o vírus é capaz de produzir novasunidades virais, levando à inexorável morte da bactériahospedeira. II. O bacteriófago infecta a célula ao injetar o seu materialgenético no interior do citoplasma bacteriano. III. O ciclo representado é do tipo lisogênico por favorecer aprodução de cópias do material genético do vírus a partirdo processo de reprodução das bactérias. IV. Os bacteriófagos se utilizam da maquinaria presente nascélulas humanas para produção das novas proteínasvirais. Dessas afirmativas, estão corretas as indicadas em. A) apenas I e II. B) apenas II e III. C) apenas III e IV. D) apenas II III e IV. E) I, II, III e IV. Questão 35 O esquema representa de forma resumida o ciclo de vidatípico dos vegetais.Considerando as características desseciclo representado, épossível afirmar: A) O ciclo representa uma etapa de reprodução sexuadaalternada por uma outra etapa de reprodução assexuada. B) A metagênese é responsável pela presença de uma etapagametofítica diploide que se alterna com uma etapaesporofítica haploide. C) Os gametas, formados por meiose, unem-se porfecundação, dando origem a novos indivíduos diploides. D) A meiose espórica, que ocorre na etapa diploide, é umadas principais características do ciclo haplodiplobiontepresente no grupo dos vegetais. E) A etapa gametofítica é sempre a mais desenvolvida nosvegetais, enquanto a etapa esporofítica é reduzida edependente da planta haploide. Questão 36
  20. 20. O gráfico representa o gasto de energia de uma pessoadurante a marcha (andando) e a corrida, em três inclinaçõesdiferentes:+5% (aclive); 0% (plano); -5% (declive). Com base nas informações do gráfico e no conhecimentoreferente à fisiologia humana associada ao metabolismoenergético, é possível afirmar: I. Com o aumento da velocidade, apenas a marcha passaapresentar um maior gasto energético por tempodecorrido. II. Quando a velocidade da caminhada excede o valor de 12,5Km h-1, a curva para a marcha cruza e excede a curvadacorrida. III. A partir do ponto de intersecção das duas curvas (marchae corrida) e com o aumento da velocidade, tornasemaisdesgastante andar do que correr. IV. Conforme o gráfico é mais desgastante mover-se emaclives do que mover-se em declives. Dessas afirmativas, estão corretas as indicadas em. A) apenas I e II. B) apenas II e III. C) apenas III e IV. D) apenas I, II e III. E) I, II, III e IV. Questão 37
  21. 21. O gráfico ilustra a variação da taxa respiratória, em litros porminuto, em relação à variação da quantidade de CO2 eO2presentes no ar inalado. Considerando-se as informações presentes no gráfico e oconhecimento sobre o controle nervoso das trocasgasosasnos animais, é possível considerar: I. Uma queda na porcentagem de 02 no ar inaladoapresenta pouco efeito sobre a variação da taxarespiratória, se comparada à variação do CO2 tambéminspirado. II. O aumento da percentagem de O2 no ar inalado aproximaa curva referente a esse gás para uma taxa respiratóriaem torno de 30 litros por minuto. III. A respiração é mais sensível ao aumento no conteúdo dedióxido de carbono no ar inalado do que ao decréscimono conteúdo de oxigênio. IV. O sistema nervoso autônomo mantém a respiração emodifica a sua profundidade e frequência para satisfazeràs exigências do corpo pelo suprimento de O2 eeliminação do CO2. Dessas afirmativas, estão corretas as indicadas em. A) apenas I e II. B) apenas II e III. C) apenas III e IV. D) apenas I, III e III E) I, II, III e IV. Questão 38 Os ecólogos que se dedicam ao estudo daEvolução estão elaborando e testando hipótesessobre o modo pelo qualespécies que interagemafetam reciprocamente a sua evolução. Porexemplo, o antagonismo entre presa epredadorese entre hospedeiros e parasitas ou patógenospode levar a “corridas armamentistas” evolutivas,nas quais cada um muda em resposta amudanças do outro. As adaptações resultantespodem ser intricadas: asplantas, por exemplo,desenvolveram diversas defesas químicas contraherbívoros e patógenos, incluindocompostos,como a nicotina, a cafeína e o ácido salicílico, queos humanos usam para diversos fins. Entretanto,cada uma dessas defesas foi vencida poralgumas espécies de insetos, quedesenvolveram mecanismos fisiológicosparaneutralizá-las. (FUTUYMA, 2002, p.24) Com base nas informações contidas no texto e no conhecimento a respeito da influência das alelobioses naevolução biológica, é possível afirmar:
  22. 22. A) O parasitismo é uma relação desvantajosa para a manutenção do equilíbrio dos ecossistemas naturais. B) As “corridas armamentistas” permitem, ao longo do processo co-evolutivo e apesar das mudanças adaptativas, municiar as espécies envolvidas para que permaneçam interagindo reciprocamente. C) A cafeína e o ácido salicílico são exemplos de substâncias químicas que favorecem a sobrevivência das espécies que vivem em protocooperação com determinadas plantas. D) A competição interespecífica entre espécies dificulta o processo evolutivo de determinados grupos, ao eliminarindivíduos menos aptos ao ambiente. E) Novas características adaptativas surgem nos parasitas como resposta direta à presença de mecanismos de defesa fisiológica dos seus hospedeiros. Questão 39 Diante de evidências cada vez mais claras deaquecimento global, devido às emissõesantropogênicas dos gases deefeito estufa —principalmente o gás carbônico, liberado em suamaior parte pela queima de combustíveisfósseis — o Brasil se encontra na posiçãoprivilegiada ao dispor de uma matriz energéticabaseada num alto uso de energiasrenováveis.Uma alternativa particularmente relevante no paísé a produção de biocombustíveis, como obioetanol e obiodiesel, que estão sendo usadosem motores internos de combustão, substituindoa gasolina e o óleo dieselminerais no setor detransportes. (LAROVERE, 2009, p.68). Com base na geração e utilização adequada da energia paraas atividades humanas e as consequências dessasações nadinâmica dos ciclos da natureza, é possível afirmar: A)Os biocombustíveis apresentam vantagens, secomparados aos combustíveis fósseis, por fixarem,durante o cultivo, parte do CO2 que será liberado durante a sua utilização em motores internos de combustão. B) O Brasil encontra-se em uma posição privilegiada por nãoproduzir impactos na natureza, ao utilizar energiaapenasde fontes consideradas limpas. C) Os gases de efeito estufa são capazes de reter os raiosultravioleta e a radiação infravermelha, impedindo a perdarápida do calor da superfície terrestre. D) O aquecimento global caracteriza-se pela alteração dociclo natural da água por diminuir drasticamente aquantidade dessa molécula, essencial à vida, dentro doplaneta Terra. E) O bioetanol derivado da cana-de-açúcar é resultado dafotossíntese, que permite a fixação de moléculasorgânicasem moléculas de CO2 e água com grandeprodução de moléculas de ATP. Questão 40 O maior encontro diplomático dos últimos tempos,realizado nas duas últimas semanas emCopenhague, capital daDinamarca, tinha oobjetivo de envolver o mundo em ações concretaspara evitar o aquecimento global, uma altadescontrolada da temperatura resultante da açãohumana. Mas “omissão” é a palavra que definemelhor o “resultado”da 15a Conferência dasPartes (COP), a reunião anual que congrega asnações signatárias da ConvençãoQuadrosobreMudança do Clima das Nações Unidas.Este ano, a COP foi em Copenhague, capital daDinamarca, país que sonhava em entrar para ahistória como o anfitrião de um acordo abrangenteque substituísse o Protocolo de Kyoto, acordadoem 1997 na COP 3, sediada na cidade japonesa.Mas, para azar do mundo, o que vai constar nosanais da história será a desconcertanteincapacidade de aglutinação da liderançadinamarquesa e a truculentarepressão demanifestações de ONGs ambientalistas. (MUNIZ,2010, p. 89.) Considerando-se os resultados e as possíveis consequênciasrelacionadas ao COP 15 realizada em Copenhague, noFinalde 2009, pode-se afirmar:
  23. 23. A) Apesar do grande esforço promovido pela ONU, aconferência não trouxe nenhum resultado concreto tanto no âmbito social, como político ou econômico, devido àausência da assinatura, pelos líderes presentes, dequalquer tipo de acordo ou carta de intenções. B) O principal entrave de um acordo que pudesse diminuira emissão de gases estufas estava na dificuldade de ospaíses subdesenvolvidos aceitarem uma redução naprodução industrial de seus bens manufaturados. C) A confirmação oficial de que a humanidade não éresponsável pelo aumento do efeito estufa pode serconsiderada como uma das poucas conclusões positivasobtidas na conferência de Copenhague. D) Apesar das dificuldades encontradas, a conferênciaserviu para chamar atenção da mídia e da populaçãomundial da necessidade de uma ação dos governosjuntamente com cada cidadão na preservação doambiente, firmando-se como uma questão geopolíticaestratégica. E) Sem um acordo definitivo, espera-se um aumento dosefeitos danosos do clima, como, por exemplo, umasignificativa elevação do nível dos oceanos devido aoderretimento dos icebergs que vagam nos mares gelados. Questões 41 e42 A evolução, assim como a replicação doácido nucleico, própria da reprodução e daautopoese — capacidade de autoorganização eautorregeneração dos seres vivos —, é um“tropeço para adiante”, destinado a protelar aameaça da dissolução termodinâmica. A maioriados átomos de nossos corpos é feita dehidrogênio — o elemento que, como gás, deacordo com os modelos astronômicos, foiexplosivamente deslocado para além dos confinsdo sistema solar interno, quando o Sol seacendeu. Hoje em dia, gases ricos em hidrogênio,como a amônia, existem não apenas nasatmosferas dos gigantescos planetas externos,mas também no sistema solar interno, onde avida os preservou com sua mesmíssima estrutura,desde que começou a se manter e a se reproduzir.(MARGULIS & SAGAN, 2002, p. 92). Questão 41 Em relação à afirmação “tropeço para adiante” presente notexto, é possível inferir como um significado coerente com aproposta do autor o explicitado em A) Mutações aleatórias podem gerar modificações quediminuem o potencial adaptativo de uma população, levando à sua provável extinção. B) Determinados processos biológicos permitem manter ossistemas vivos afastados de um equilíbrio termodinâmico,ao gerar e estabelecer uma ordem interna intrínseca àvida. C) A reprodução sexuada é o único processo evolutivo quepermite desenvolver variações genéticas que garantem amanutenção das espécies ao ambiente. D) A replicação semiconservativa do DNA é responsáveldiretamente pela capacidade de expressão da informaçãogenética contida nos cromossomos. E) A evolução e a replicação do DNA favorecem umaestabilidade autopoética dos seres vivos, ao aproximá-losde uma dissolução termodinâmica. Questão 42 A vida estabelecida no planeta Terra apresenta uma basefísico-química presente, possivelmente, em outros refúgios doUniverso. Ao considerar as condições necessárias para se reconhecercientificamente a possibilidade de vida em outro planeta e combase no padrão terrestre, é possível afirmar: A) A presença de moléculas baseadas em cadeias decarbono, de água na forma líquida e de uma fonte deenergia é considerada como condição essencial parauma possível biogênese.
  24. 24. B) A amônia presente na atmosfera dos planetas externospode desenvolver vida na condição de estar combinadacom uma força vital etérea, essencial à geraçãoespontânea. C) Os elementos químicos presentes no seres vivos sãoexclusivos dos sistemas biológicos, portanto inexistentesem um ambiente abiótico. D) As condições mínimas para formação de vida, com baseno referencial terrestre, exigem a presença de moléculasorgânicas associadas à luz solar e à presença deoxigênio molecular. E) A vida extraterrestre depende essencialmente dacapacidade de se preservar as mesmas estruturasmoleculares primordiais da formação do sistema solar. Questão 43 A célula, menor estrutura autopoética hojeconhecida, é a unidade mínima capaz de ummetabolismo auto-organizador incessante. Aorigem da mais ínfima célula bacteriana, primeirosistema autopoético, com cerca de quinhentostipos diferentes de proteínas e outras moléculasde cadeia longa, é obscura. No entanto, a maioriaconcorda em que compostos complexos decarbono, expostos de algum modo a uma energiaincessante e à transformação ambiental,convertem-se em gotículas oleosas que acabampor se tornar células delimitadas por umamembrana. (MARGULIS & SAGAN, 2002, p. 91). Conforme proposto por Alexander Oparin, na sua hipóteseheterotrófica de origem da vida, esta pode ter surgido a partirde uma longa evolução química.Com relação aos pressupostos desenvolvidos por essahipótese e dos novos conhecimentos associados a esse tema,é possível afirmar: A) A hipótese heterotrófica de Oparin foi um marco na históriada ciência por desvendar os mistérios antes relacionadosao tema de origem da vida. B) As gotículas oleosas formadas nas camadas mais altasda atmosfera primitiva eram resultado da interação devários gases atmosféricos com a radiação infravermelha. C) A presença de uma célula delimitada por uma membranalipoproteica com capacidade seletiva foi essencial naestabilização e evolução das reações metabólicas doprotobionte. D) O estabelecimento de um metabolismo auto-organizadorincessante prescindiu da participação de uma moléculainformativa, provavelmente na forma de RNA. E) A energia incessante presente no ambiente favoreceu aformação dos primeiros protobiontes que já fixavam a luzsolar como fonte energética. Questão 44 A figura ilustra o mecanismo de autosselagem presente na membrana plasmática dos seres vivos, responsável pela capacidadede autorregeneração existente nessa estrutura. Considerando-se a importância desse fenômeno, pode-se apontar um tipo de transporte entre o meio externo e a célula queé diretamente dependente desse mecanismo, como A) osmose.
  25. 25. B) difusão simples C) difusão facilitada. D)transporteativo. E) endocitose Questão 45 A figura ilustra o transporte de um determinado tipo de soluto através da membrana plasmática em um ambiente celular. Em relação às características associadas a esse tipo de transporte, é correto afirmar que A) esse tipo transporte, por ocorrer a favor de um gradiente de concentração, exige um gasto energético com utilização demoléculas de ATP. B) as permeases que participam desse transporte deslocam soluto do ambiente hipotônico para um ambiente hipertônico. C) a bicamada lipídica garante o isolamento da célula em relação a qualquer tipo de soluto presente no ambiente extracelular. D) as proteínas transportadoras favorecem o transporte de soluto a favor de um gradiente promovendo a busca de um equilíbriona concentração desse soluto entre os dois ambientes. E) o soluto, ao se deslocar do meio mais concentrado para o meio de menor concentração, deve inverter, ao longo do tempo,esse gradiente existente entre os dois ambientes. Questão 46 O material genético propriamente dito é o genoma (haploide) ou o genótipo (diploide) e controla a produção dostecidos de um organismo e todos os seus atributos, o fenótipo. Esse é o resultado da interação do genótipo com oambiente durante o desenvolvimento. A amplitude das variações produzidas no fenótipo por determinado genótipo emdiferentes condições ambientais é chamada de norma de reação. [...] As populações que se reproduzem sexuadamenteapresentam duas fontes de variação, superpostas uma a outra: do genótipo (pois em uma espécie sexuada nãoexistem dois indivíduos iguais) e do fenótipo. (MAYR, 2009, p. 117-118). A partir do entendimento das interações existentes entre o genótipo e o ambiente na expressão das informações genéticas, écorreto afirmar: A) As fontes de variação na reprodução sexuada dificultam a expressão de caracteres genéticos que sejam evolutivamentevantajosos.
  26. 26. B) Diferentes normas de reação podem levar a comportamentos semelhantes nas mesmas condições ambientais. C) O controle das funções celulares ocorre a partir da ativação dos genes que lhe são exclusivos na composição de cadatipo de tecido presente nos organismos. D) A interação do fenótipo com o ambiente produz genótipos que variam sua expressão ao longo do desenvolvimento do indivíduo. E) Populações de reprodução sexuada potencializam a ação do ambiente, independentemente da seleção natural, noestabelecimento de diferentes normas de reação. Questão 47 A figura ilustra um momento do processo de duplicação domaterial genético presente nos seres vivos.É possível afirmar em relação a esse processo: A) Duas novas moléculas de DNA são produzidas a partirde duas cadeias já existentes na molécula utilizada comomolde da replicação. B) A replicação ocorre de forma unidirecional, ao apresentarum sentido único dentro do sítio replicativo. C) A molécula de RNA produzida durante esse processo seráresponsável pela síntese de proteínas ao longo datradução da informação genética. D) Enzimas específicas participam da separação dascadeias polinucleotídicas através da quebra das ligaçõespeptídicas presentes entre elas. E) O sentido obrigatório de montagem das novas cadeiaspolinucleotídicas pelo DNA polimerase é sempre 3’→5’. Questão 48 A organização de indivíduos e populações emespécies evita a degradação de genótiposmaduros, bem sucedidos, que ocorreria caso semisturassem com genótipos incompatíveis. Ahibridação, quando possível, costuma produzirindivíduos inferiores, muitas vezes estéreis, Issodemonstra que os genótipos, por serem sistemasharmoniosos e bem ajustados, devem sersimilares para que um cruzamento seja bemsucedido. (MAYR, 2009, p. 202). Considerando-se as etapas necessárias para oestabelecimento da especiação a partir de populaçõesoriginais e a importância desse processo evolutivo nadiversidade da vida, é possível afirmar: A) Genótipos incompatíveis se expressam inexoravelmentena formação de híbridos inferiores ou estéreis. B) A hibridação produz indivíduos inferiores devido à baixaestatura provocada pelo nascimento precoce das crias. C) Na especiação simpátrica, o distanciamento genético queprovoca a incompatibilidade entre os indivíduos seestabelece apesar da interação persistente entre osgrupos.
  27. 27. D) Organismos capazes de produzir descendentes nãodevem apresentar diferenças significativas no seuconjunto gênico que justifiquem algum tipo de progressoespeciativo. E) O isolamento geográfico em populações alopátricasfavorece uma aproximação do conjunto gênico durante oprocesso de especiação. Questão 49 A figura ilustra algumas etapas de determinadas reaçõesoxidativas presentes em células eucarióticas. Em relação a esse processo e às reações associadas a ele,é possível afirmar: A) O processo biológico representado é o da fotossíntesee ocorre no interior dos cloroplastos. B) As reações ilustradas da cadeia transportadora deelétrons são responsáveis por uma intensa fosforilaçãodependente da ação da enzima ATP sintase. C) A figura ilustra etapas da síntese de cadeiaspolipeptídicas no interior do retículo endoplasmático. D) A glicose é o principal produto resultado da reduçãoquímica do CO2 utilizado como reagente da reação. E) O gradiente de prótons gerado no interior das membranasinternas garante a produção intensa de ATP a partir daenergia luminosa fixada previamente pela clorofila Questão 50 O esquema ilustra as etapas da divisão celular por meioseem organismos de padrão eucarionte.
  28. 28. A partir da compreensão dessas etapas e da importânciadesse mecanismo de divisão para a diversificação da vida, écorreto afirmar: A) A meiose é caracterizada como uma divisão reducionalpor duplicar o material genético presente no núcleocelular. B) A separação das cromátides-irmãs é um dos destaquespresentes na meiose I. C) As células-filhas divergem geneticamente da célula-mãe,mas são geneticamente idênticas entre si. D) Nos seres humanos, os gametas sofrem meiose durantea sua formação, mas garantem o restabelecimento dadiploidia no momento da fecundação. E) A meiose evoluiu como uma divisão que permite produzirdescendentes com uma ampla variabilidade genéticadevido às constantes mutações inerentes a esseprocesso. Questão 51 O aumento constante do impacto dos sereshumanos sobre as demais espécies, sobre aatmosfera, os mares e a superfície da Terra, requernovos padrões de adaptação e novos tipos depercepção, pois o rumo natural de uma espécieque destrói seu ambiente é a extinção.Precisamos olhar mais à frente no futuro, usarmais ciência de boa qualidade e aprender apensar com mais clareza sobre nossainterdependência com outras formas de vida. Aofazer isso, estaremos seguindo a nossa naturezade espécie que sobrevive pelo aprendizado.(BATESON, 1997, p. 29). A respeito da importância do estabelecimento de umasustentabilidade ecológica para a preservação da vida quehabita o planeta, é correto afirmar: A) A sustentabilidade ecológica consiste no aumento dasáreas de preservação ecológica livres de qualquer tipo deação humana. B) O primeiro passo na construção de comunidadessustentáveis deve ser a compreensão dos princípiosde organização que os ecossistemas naturaisdesenvolveram ao longo do tempo para manter a vida. C) O uso adequado da tecnologia é o principal fatorresponsável por uma mudança de comportamento visandoanular os impactos negativos da ação humana. D) O estudo da ecologia no nível ecológico de populaçõesé o fator fundamental para o entendimento da biosferacomo sistema vivo integrado. E) O aprendizado ecológico visa formar as futuras geraçõespara que tomem a iniciativa de implementar medidasconservacionistas para salvar a natureza. Questão 52
  29. 29. A ilustração representa uma pirâmide de energia de umadeterminada cadeia alimentar. Em relação a essa pirâmide, pode-se afirmar que A) o fluxo de energia se desloca dos produtores para osconsumidores, retornando para os produtores devido àação dos decompositores. B) o nível dos consumidores terciários apresenta uma maiorquantidade de energia acumulada, se comparado aosníveis inferiores. C) os fluxos de energia e matéria viabilizam a manutençãodo metabolismo celular através de sua ação cíclica nossistemas vivos. D) os produtores fazem parte do único elo indispensável paraa manutenção do equilíbrio de uma cadeia alimentar, aolongo do tempo. E) variações significativas no tamanho populacional dosconsumidores primários devem provocar alterações naspopulações de todos os outros níveis tróficosrepresentados. Questões 53 e 54 Questão 53 Em relação aos eventos endossimbióticos que favorecerama evolução estrutural e metabólica dos sistemas vivos, pode-seafirmar: A) O estabelecimento da pluricelularidade nos eucariontesfoi dependente das relações de endossimbiose queoriginaram os cloroplastos. B) A fagocitose realizada por células ancestrais permitiudigerir a parede celular de antigas cianobactérias,originando as mitocôndrias atuais. C) A capacidade fotossintética presente no padrão eucariontese estabeleceu a partir do evento simbiótico entre célulasaeróbias ancestrais e as cianobactérias. D) A relação de dependência parasitária entre ascianobactérias e plantas ancestrais condicionou oestabelecimento dos cloroplastos e o padrãofotossintetizante. E) As algas evoluíram a partir de bactérias fotossintetizantesque utilizavam o H2S como doador de hidrogênio. Questão 54 O modo como ocorreu à evolução dos processos sexuadose dos ciclos de vida nas plantas foi de fundamental importânciapara a conquista do ambiente terrestre. Pode-se considerar como um desses fatores evolutivos naformação do grupo vegetal A) a alternância de gerações entre uma fase sexuada e umaoutra fase assexuada, ao longo do ciclo de vida.
  30. 30. B) a presença, a partir das pteridófitas, de uma faseesporofítica mais desenvolvida e nutricionalmenteindependente da fase gametofítica. C) o advento das flores, frutos e sementes nos indivíduosdo grupo das fanerógamas. D) a presença de vasos condutores que condicionou umamelhor adaptação das briófitas aos ambientes com menordisponibilidade de água. E) a consolidação da meiose espórica na etapa gametofíticadesenvolvida pelo grupo. Questão 55 O esquema ilustra experimentos, hoje considerados clássicos,do monge Gregor Mendel, utilizando características herdáveisda ervilha-de-cheiro. A partir da análise do experimento e do conhecimento arespeito da genética mendeliana, pode-se afirmar: A) Indivíduos da F1 em processo de autofecundação devemproduzir uma geração F2 com uma proporção fenotípicade 9:3: 3:1. B) A utilização, por parte de Mendel, de uma análiseestatística dos resultados obtidos favoreceu umacompreensão mais rápida dos seus trabalhos pelacomunidade científica da época. C) Cada caráter analisado é determinado por um par defatores que se unem na formação dos gametas e sesegregam na fecundação. D) A análise em genética de duas ou mais característicassimultaneamente é possível devido ao fato de que, emtodas as heranças, cada gene age de forma independentede outros genes não alelos. E) O cruzamento da geração parental representada permitiua produção de uma F1 com 100% de indivíduosdominantes homozigotos. Questão 56
  31. 31. O esquema representa, de forma simbólica, a configuraçãodos cromossomos sexuais na determinação da herançagenética do sexo. Com base nas informações apresentadas e no conhecimentoatual em relação a esse tipo de herança, pode-se afirmar que a A) ligada ao sexo é determinada por genes presentes naporção não homóloga de X e Y. B) ligada ao sexo é determinada por genes presentesapenas na porção não homóloga de X. C) restrita ao sexo é determinada por genes posicionadosna porção homóloga de Y e X. D) parcialmente ligada ao sexo é determinada por genesposicionados na porção homóloga apenas de X. E) influenciada pelo sexo é determinada por genesposicionados na porção homóloga de X e Y. Questão 57 O gráfico representa a variação da velocidade de reação emrelação à variação da temperatura do ambiente de duasclasses distintas de enzimas. Considerando-se a análise das informações contidas nográfico, pode-se inferir que A) as enzimas representadas participam de reações distintase em locais distintos, ao longo do trato digestivo humano. B) a enzima B é característica de um indivíduo humano emestado febril, com temperatura corpórea acima de 40oC. C) a capacidade de manutenção da estrutura terciária daenzima A é maior do que se comparada à enzima B. D) variações de temperatura a partir da faixa ótima interferemmais na velocidade de reação da enzima A do que navelocidade de reação da enzima B. E) a enzima B indica uma alta resistência ao calor, como asque ocorrem, por exemplo, em bactérias termófilas. Questão 58
  32. 32. A ilustração representa a ação integrada de vários sistemasfisiológicos humanos na manutenção das funções do corpo. A respeito dessa integração orgânica, é possível afirmar: A) Uma intensa hematose ocorre nos capilares durante atroca de gás oxigênio e gás carbônico, nos diversostecidos do corpo. B) Os nutrientes absorvidos no intestino são transportadospor vasos venosos até os capilares, para seremdistribuídos pelas células. C) O sangue rico em oxigênio, ao sair dos pulmões, ébombeado pela porção direita do coração antes de serenviado para os tecidos do corpo. D) O sistema cardiovascular funciona como estruturaintegradora de diversos sistemas presentes noorganismo. E) O fígado, ao filtrar o sangue, retira de circulação osresíduos do metabolismo e os nutriente Questão 59 A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária)acaba de aprovar uma vacina contra a gripeH1N1 produzida sem a proteína do ovo.Indicada para todas as pessoas, mas, emespecial, para aquelas que são alérgicas a essaproteína, a vacina é feita em cultivo de célulasVero-derivadas de rins de macaco verde africano. Menos de 1% da população tem alergia a ovo enão pode tomar a vacina disponível nos postosde saúde e nas clínicas atualmente.Por ser produzida em células mais parecidas comas de humanos (no caso, de macacos), essavacina não precisa de substâncias quepotencializam a ação. Assim, provoca menosefeitos colaterais. A vacina feita do ovo podeprovocar reações, como dor local, febre e dor decabeça. (BASSETE, 2010). O quadro abaixo ilustra a variação da concentração deanticorpos no corpo de um indivíduo em relação ao tempo,como resposta à aplicação em duas doses de umadeterminada vacina.
  33. 33. Considerando-se as informações presentes no texto e nográfico e o conhecimento sobre a importância da vacinaçãona prevenção de doenças, é possível afirmar: A) As vacinas H1N1 produzidas sem a proteína do ovoapresentam uma resposta imunológica mais rápida porpossuírem apenas proteínas de origem viral. B) A presença de uma segunda dose em determinadasvacinações favorece a imunização, ao produzir umaresposta secundária mais rápida e efetiva. C) A presença de anticorpos específicos na vacina H1N1desenvolve a imunização esperada nos indivíduosvacinados exclusivamente para esse vírus em questão. D) O sistema imunológico, ao ser ativado na primeirainoculação do antígeno, aumenta progressivamente aprodução de monócitos para a produção dos anticorposespecíficos. E) A vacina H1N1 produzida a partir de células de macacoevita a contaminação dos vacinados contra doençasproduzidas por aves e transmitidas por ingestão deproteínas do ovo. Questão 60 A biologia molecular deu mais um passo extraordinário na última semana, ao produzir o que vem sendo chamado deprimeira célula sintética. Há algum exagero na designação. A base do artefato biotecnológico foi um organismo natural,espécime da bactéria Mycoplasma mycoides.De imediato, o experimento contribui para compreender o genoma e seu papel no controle da vida celular. A médioprazo, o programa de pesquisa do Instituto J. Craig Venter quer criar microorganismos úteis e patenteáveis. (A BIOLOGIAmolecular..., 2010). A partir da análise do texto, do conhecimento sobre o tema e do impacto gerado por esse tipo de experimento na sociedadeem geral, pode-se afirmar que A) se trata essencialmente de uma nova etapa da engenharia genética por manipular e acrescentar genes exógenos no núcleode uma determinada espécie de bactéria. B) esse novo micro-organismo sintético já é capaz de produzir energia limpa a partir do hidrogênio como consequência dosgenes nele introduzidos. C) a coleção de genes projetada em computador e enxertada no organismo procarionte pela equipe autora da pesquisa nãoencontra equivalente na natureza. D) a possível má utilização de pesquisas nessa área justifica o cancelamento imediato dos projetos em desenvolvimento,independente dos benéficos que possam trazer à humanidade.
  34. 34. E) a pesquisa em engenharia genética é limitada à manipulação de organismos simples, ou seja, de padrão organizacionalprocarionte. Questão 61 A vida como a conhecemos éextremamente diversificada e adaptável, permitindo queorganismos existam emalguns dos lugares maisinóspitos do planeta. Mas a“vida” tende a se basear emuma matriz, recombinandoseis elementos básicos e deixando aberta apossibilidade de outras combinações quecompõem tipos totalmente diferentes deatividades biológicas. A vida como a conhecemospode não ser tudo o que existe, tanto para a biologiaterrestre quanto extraterrestre.Essa possibilidade parece agora mais promissoraà luz de um novo estudo sobre uma bactéria isoladado lago Mono, na Califórnia, que usa arsênio,geralmente venenoso à vida, como um dos seusprincipais nutrientes. (A VIDA como..., 2010). O estudo realizado por cientistas americanos modificou acompreensão sobre a origem de vida na Terra, devido A) à substituição do carbono pelo arsênio para formação dasmoléculas orgânicas essenciais à vida, tais comoaçúcares e lipídios. B) à incorporação do arsênio às biomoléculas domicrorganismo analisado, substituindo o fósforo nacomposição da molécula de DNA. C) à utilização de um elemento químico tóxico parasobrevivência celular, sendo essa via metabólica apenascompatível com formas de vida extraterrestre descobertasno planeta Marte. D) ao armazenamento de arsênio em vesículas intracelulares,servindo, assim, como elemento químico capaz de fornecerenergia independentemente das condições nutricionais domeio ambiente. E) ao fortalecimento da hipótese de que os organismosdescendem de um mesmo ancestral que possuíacapacidade de internalização de arsênio. Questão 62 A busca de evidências da existência de vida em outros planetasconduz o ser humano à análise das condições iniciais noplaneta Terra. Diante dos conhecimentos atuais, propostos porOparin e Haldane e relacionados à primeira forma de vidaexistente na Terra e às condições da sua atmosfera primitiva,pode-se inferir que os primeiros seres vivos possuíam modode vida A) autotrófico, habitando uma atmosfera redutora diferenteda atmosfera atual. B) autotrófico, sobrevivendo em uma atmosfera rica emgases complexos, tais como metano e gás carbônico. C) heterotrófico anaeróbico, habitando uma atmosferaredutora, possivelmente devido à combinação do oxigêniocom outros elementos químicos, formando determinadoscompostos. D) heterotrófico anaeróbico, habitando uma atmosferaoxidante, semelhante às condições atuais da atmosferaterrestre. E) heterotrófico aeróbico, sobrevivendo em uma atmosferaaltamente oxidante. Questão 63 De acordo com os conhecimentos relativos à evolução dometabolismo celular, uma análise cuidadosa permite presumir-seque a evolução da fotossíntese favoreceu a evolução dometabolismo oxidativo na afirmação explicitada na alternativa A) A fotossíntese forneceu a fonte de energia necessária paraa realização de outras reações metabólicas a partir dacaptação e degradação de moléculas orgânicaspré-formadas.
  35. 35. B) O processo fotossintético contribuiu para a disseminaçãode organismos anaeróbios obrigatórios capazes de obteralimento e energia diretamente do ambiente. C) A fotossíntese, como via metabólica de maiorespecificidade, favoreceu o desenvolvimento de ummecanismo de liberação de energia celular a partir daoxidação parcial de moléculas orgânicas. D) O desenvolvimento de vias metabólicas que levavam àliberação de oxigênio atmosférico alterara a atmosferaterrestre e possibilita a obtenção mais eficiente deenergia celular a partir de moléculas orgânicas. E) A incorporação de moléculas de gás carbônico àscélulas capazes de realizar a fotossíntese favoreceu odesenvolvimento de mecanismos mais eficientes degeração de energia e aumento de biomassa. Questão 64 Com base nos conhecimentos referentes à organização básicados seres vivos, pode-se inferir: A) Associações simbióticas estabelecidas entre células decomplexidade diferenciada permitiram o surgimento damulticelularidade. B) A seleção de células procarióticas primitivas induziu amodificações que culminaram com o desenvolvimento de células eucarióticas. C) O desenvolvimento de características mais adaptadas ao ambiente terrestre possibilitou o surgimento de células eucarióticas em detrimento das células procarióticas. D) O agrupamento de células com características comuns e organização intracelular semelhante dita as bases da existência de vida no planeta Terra. E) O aumento da especialização celular possibilitou a evolução de agregados celulares primitivos para verdadeiros organismos multicelulares. Questão 65 Como um pregador que anuncia um inferno de “fogoe enxofre”, Nathan S. Lewis vem proferindo umdiscurso sobre a crise energética que é, ao mesmo tempo, aterrador e estimulante. Para evitar umaquecimento global potencialmente debilitante, oquímico do CaliforniaInstituteof Technology (Caltech)afirma que a civilização deve ser capaz de gerar mais de 10 trilhões de watts de energia limpa e livre decarbono até 2050. Isso corresponde a três vezes ademanda média americana de 3,2 trilhões de watts O represamento de todos os lagos, rios e riachos doplaneta, avalia ele, só forneceria 5 trilhões de watts deenergia hidrelétrica. A energia nuclear poderia darconta do recado, mas o mundo precisaria construirum novo reator a cada dois dias nos próximos 50anos. Antes que seus ouvintes fiquem excessivamentedeprimidos, Lewis anuncia uma fonte de salvação:o Sol lança mais energia sobre a Terra por hora doque a energia que a humanidade consome em umano. Mas ressalta que, para se salvar, a humanidadecarece de uma descoberta radical em tecnologia decombustível solar: folhas artificiais que captem seusraios e produzam combustível químico em massano local, de modo muito semelhante ao das
  36. 36. plantas.Esse combustível pode ser queimado como petróleoou gás natural para abastecer carros e gerar calor ouenergia elétrica, e também armazenado e utilizadoquando o Sol se põe. (REGALADO, 2010, p. 76-79). Com base nos conhecimentos relacionados ao processo de fotossíntese que ocorre em folhas naturais, pode-se afirmar: A) A captação de energia luminosa que ocorre nesse processo viabiliza a produção de moléculas inorgânicas a partir de moléculasorgânicas simples. B) Complexos proteicos presentes na membrana tilacoide de cloroplastos de células vegetais possibilitam a geração da energiacelular, à medida que atuam no transporte de elétrons e no bombeamento de prótons. C) Cloroplastos expostos à luz têm os seus pigmentos fotossintetizantes excitados e liberados, a partir dos complexos antena,para toda a rede proteica da membrana do tilacoide, impulsionando, assim, a síntese dirigida de ATP pela ATP sintase. D) O centro de reação fotossintética apresenta um papel relevante na produção de energia celular de seres autotróficos, poragrupar os substratos necessários para produção de glicídios, produtos finais da fotossíntese. E) O ciclo de Calvin-Benson (ciclo das pentoses) corresponde à etapa fotossintética que contribui com os maiores índices deprodução de ATP e formação de oxigênio molecular. Questão 66 A citocalasina B é uma droga que atua se ligando aos microfilamentos de actina, impedindo a sua polimerização. Diante dessa afirmação e com base nos conhecimentos relacionados às funções desempenhadas pelo citoesqueleto celular,pode-se inferir que a ação da citocalasina A) impede a formação de novas células por impossibilitar a geração das fibras do fuso mitótico, sob as quais se ligam oscromossomos durante a metáfase mitótica. B) impede o batimento coordenado de cílios e flagelos nas diversas células eucarióticas que apresentam essas estruturas de locomoção. C) inviabiliza grande parte dos movimentos celulares, principalmente os que dependem da emissão de pseudópodos. D) incapacita a formação dos centríolos que, quando orientados perpendicularmente, formam os centrossomos ou centrosorganizadores de divisão celular. E) torna as células desestabilizadas e sensíveis a qualquer estresse mecânico, reduzindo, assim, a rigidez dos tecidos desuperfície corporal que compõem.
  37. 37. Questão 67 Proteínas presentes na superfície das célulasepiteliais que revestem o intestino utilizam um sistema eficiente de transporte para internalização dos açúcares da dieta, como demonstrado na figura. Com base na análise da ilustração e nos conhecimentosrelacionados ao transporte através das membranascelulares, pode-se afirmar que A) a difusão facilitada de glicose para o meiointracelular menos concentrado favorece amanutenção dos baixos níveis de açúcar nosangue. B) a energia necessária para translocação deglicose para o meio intracelular é fornecida pelotransporte de Na+ a favor do seu gradiente deconcentração. C) a glicose é transportada para as célulasepiteliais a favor do seu gradiente deconcentração por meio de transporte passivo.
  38. 38. D) macromoléculas, como a glicose, podemtranspassar a membrana plasmática com oauxílio de proteínas carreadoras ou difundir-seatravés da bicamada fosfolipídica. E) o transporte de glicose para a matriz extracelularestá diretamente ligada ao transporte de K+passivamente para o meio intracelular. Questão 68 Os animais recebem vários tipos de informações internas e externas ao seu corpo. Essas informações são recebidase convertidas, ou transduzidas, por células sensoriais em sinais elétricos que podem ser transmitidos e processadospor neurônios. (OS ANIMAIS recebem..., 2006. p. 773). Em relação ao processo de propagação da informação neuronal, é correto afirmar: A) A liberação de neurotransmissores, através da fenda sináptica, ocorre quando o potencial de ação atinge o axônio terminalde uma célula nervosa. B) Proteínas carreadoras, presentes na superfície das células nervosas, permitem a constante estabilidade do potencial derepouso celular necessário à propagação do estímulo nervoso. C) O processo de despolarização de um célula nervosa corresponde ao momento em que a superfície interna desta se tornamomentaneamente mais negativa que a externa. D) Axônios recobertos por mielina apresentam a velocidade de condução do impulso nervoso reduzida, acentuando, dessemodo, a eficiência da transmissão da informação neuronal. E) A repolarização ocorre a partir da difusão de íons de sódio para o meio extracelular, permitindo, assim, o reestabelecimentodo potencial de equilíbrio iônico da célula nervosa. Questão 69 À primeira vista, a ventosa de um polvo se assemelha à de uma flecha de brinquedo ou à que fixa um GPS no parabrisa.Na verdade, porém, é um órgão, notavelmente sofisticado, que pode não só prender objetos com diferentes intensidades,mas também manejá-los graças a grupos de músculos especializados. (VENTOSA sensacional..., 2010. p. 66-67). A complexidade da percepção táctil e gustativa desse grupo de animais dar-se-á A) pelo sistema nervoso difuso, formado por células que se distribuem por toda epiderme, concentrando-se principalmenteao redor da boca. B) pelas células glandulares especializadas dispersas por todo o corpo, capazes de agir independentemente da ação do gângliocerebral. C) pela ação de receptores que se organizam em órgãos quase primitivos, denominados ocelos, que informam ao sistemanervoso os estímulos presentes no ambiente. D) pela presença de cordões nervosos ligados a anéis de células nervosas, que se comunicam com a camada de célulasmusculares presentes na epiderme. E) pela presença de diversos gânglios nervosos unidos e ligados a nervos que trazem informações dos órgãos dos sentidose ditam ação à sua complexa musculatura. Questão 70 A colonização do ambiente terrestre pelos vegetais foi de sumaimportância para o desenvolvimento da vida animal.Com relação às características e adaptações desenvolvidaspelos vegetais que permitiram a colonização do ambienteterrestre, identifique as afirmativas verdadeiras com V e comF, as falsas.
  39. 39. ( ) A evolução de uma cutícula eficiente na retenção da águae o desenvolvimento de camadas protetoras para osgametângios possibilitaram o desenvolvimento dasplantas avasculares. ( ) As plantas vasculares, hoje existentes, assemelham-seàs primeiras plantas terrestres, apresentando um padrãode crescimento restrito, que limita o seu acesso à captaçãode água e minerais presentes no solo. ( ) Os ciclos de vida de plantas terrestres caracterizam-se poralternância de gerações, alternando uma fase esporofíticadiploide com uma fase gametofítica haploide. ( ) A expansão das gimnospermas e angiospermas sobreo ambiente terrestre, dentre outros motivos, deveu-se aofato das sementes apresentarem longos períodos delatência, germinando apenas quando em condiçõesfavoráveis. A alternativa que apresenta a sequência correta, de cima parabaixo, é a A) V V F FD) F V VV B) F FF V E) V VVV C) F F V V Questão 71 Desde 2003, soldados americanos quesobreviveram a graves ferimentos no Iraquetiveram que enfrentar um inimigo ainda maismortal quando retornaram aos Estados Unidos.Debilitados por cirurgias e entupidos deantibióticos, se tornaram presas fáceis parabactérias que atacam justamente pessoas comproblemas graves de saúde. No caso americano,a responsável foi a Acinetobacterbaumannii, quecontaminou 700 soldados entre 2003 e 2007.Agora é a vez de o Brasil enfrentar um surto deKPC, superbactéria que matou uma pessoa noParaná e 18 no Distrito Federal, e infectou outras22 em mais quatro estados. (KPC não é...., 2010).Muitos casos de infecção hospitalar diagnosticados noshospitais brasileiros, nos últimos meses do ano de 2010, foramrelacionados à superbactéria Klebsiellapneumoniae(KPC). Com relação à resistência a antibióticos observada nassuperbactérias, normalmente isoladas em Unidades deTerapia Intensiva de hospitais, pode-se afirmar que A) a utilização desenfreada de antibióticos induz a ocorrência dealterações metabólicas e comportamentais em alguns gruposde células procarióticas, tornando-as mais resistentes. B) a intensificação do controle de comercialização demedicamentos pela ANVISA tem como principal objetivoevitar a utilização de antibióticos que estimulem areplicação bacteriana. C) a bactéria Klebsiellapneumoniae, produtora da enzimacarbapenemase, é capaz de causar infecção generalizadaindependentemente do estado imunológico do indivíduo. D) a ocorrência de mutações em bactérias comuns, comoas do gênero Klebsiella, pode aumentar o potencialadaptativo desses organismos. E) nos hospitais, principais focos de contaminaçãomicrobiológica, ocorre a disseminação de fungos que seassociam a bactérias comuns, tornando-as resistentessob condições adversas. Questão 72 Como geralmente acontecia aos sábados demanhã, comecei a trabalhar no laboratório deCavendish, da Universidade de Cambridge, antesde Francis Crick, no dia 28 de fevereiro de 1953.Eu tinha bons motivos pra levantar cedo. Sabiaque estávamos perto de decifrar a estrutura deuma molécula quase desconhecida na época,chamada ácido desoxirribonucleico (DNA). Masessa não era uma molécula qualquer: o DNA,como Crick e eu estávamos cientes, contém achave da natureza das coisas vivas, armazenandoas informações hereditárias que são passadasde uma geração a outra e orquestrando o mundoinacreditavelmente complexo da célula. Sedecifrássemos sua estrutura tridimensional, aarquitetura da molécula, teríamos um vislumbredo que Crick chamava de “o segredo da vida”.(WATSON, 2005, p. 11).
  40. 40. Com base no texto e nos conhecimentos relacionados àestrutura da molécula de DNA, analise, dentre as proposiçõesa seguir, aquela que reflete informações corretas sobre aestrutura dessa molécula. A) “dois tipos de desoxinucleotídeos constituem as unidadesque formam cada uma das cadeias da molécula de DNA”. B) “a molécula consiste em uma cadeia única denucleotídeos, estabelecendo pareamentos transitóriosentre as bases nitrogenadas A-T e G-C em regiõesespecíficas”. C) “a formação de ligações de Hidrogênio unem pares debases específicos na dupla hélice”. D) “o pareamento inespecífico estabelecido entre as basescomplementares na dupla hélice é a base para afidelidade da replicação conservativa do DNA”. E) “a possibilidade de formação de quatro moléculas filhasidênticas a partir de uma molécula molde caracteriza abase molecular da hereditariedade”. Questão 73 Na tentativa de decifrar o código genético, foram feitos diversosexperimentos relacionando os tripletes de nucleotídeos com osseus aminoácidos correspondentes. O primeiro dessesexperimentos foi realizado por Marshall Niremberg e HeinrichMatthaei e envolveu a tradução in vitro de polímeros sintéticosde RNA. Desse modo, utilizandose polímeros de RNA contendomisturas de nucleotídeos, conseguiu-se decifrar o significadodo código de todos os 64 tripletes de nucleotídeos possíveis. Com base nos conhecimentos advindos dos experimentosrealizados pelos cientistas na tentativa de elucidar o códigogenético, é possível afirmar: A) Cada trinca de nucleotídeos corresponde especificamenteà decodificação de um único RNA mensageiro. B) Dentre as trincas de aminoácidos que constituem o códigogenético, dez possíveis combinações levam à incorporaçãode nucleotídeos que finalizam a síntese proteica. C) Diferentes tipos celulares utilizam distintos códigosgenéticos para viabilizar a produção variada de proteínas,compatível com a função celular específica. D) Muitos aminoácidos são especificados por mais de umcódon, explicando, assim, a existência de 64 tipos decódons e de apenas 20 tipos de aminoácidos. E) Em todos os seres vivos, os códons existentes codificamexatamente os mesmos aminoácidos, inclusive em setratando de DNA mitocondrial. Questão 74 Em distintas categorias taxonômicas, existe uma relaçãodiretamente proporcional entre o tamanho do genoma e acomplexidade do organismo. No entanto, comparações genômicasadicionais revelam que um genoma maior nem sempre indicamaior complexidade. Muitos organismos não mais complexos queos humanos, tais como salamandras e lírios, possuem em tornode 40 vezes mais DNA que os seres humanos.Isso se deve A) ao maior número de genes funcionais em células deorganismos que apresentam menor complexidade. B) à maior quantidade de DNA codificante presente nascélulas eucarióticas que apresentam maior genoma emenor complexidade. C) à maior possibilidade de troca de nucleotídeos pormutação para produção de diversidade proteica, emorganismos de maior complexidade. D) à maior quantidade de proteínas ativas presentes nascélulas dos organismos menos complexos. E) à maior quantidade de DNA não codificante presente nascélulas menos complexas que apresentam maior genoma.
  41. 41. Questão 75 Com base na aplicação de métodos matemáticos paracálculos de probabilidade de genótipos advindos decruzamentos que envolvem vários loci, considere o cruzamentoentre organismos de genótipos AaBbccDdEe x AaBbCcddEe.A probabilidade esperada de a prole desse cruzamento ter ogenótipo aabbccddee é A) 1/1012B) 1/512 C) 1/458 D) 1/256 E)1/144 Questão 76 As células que constituem o sistema imune atuam em conjuntode uma forma orquestrada para assegurar proteção ao corpohumano. De acordo com os conhecimentos relacionados àscaracterísticas das células que compõem o sistema imunitáriohumano e seu modo de ação, pode-se afirmar: A) Linfócitos B, por meio da sua ação fagocitária, são asprimeiras células que reconhecem proteínas de superfíciede células estranhas capazes de causar danos ao corpohumano. B) Citocinas inflamatórias produzidas por monócitos ativadospromovem a inibição da produção de toxinas pelosagentes estranhos ao corpo. C) A liberação de interleucinas pelos macrófagos estimulaa multiplicação de linfócitos T auxiliares para oreconhecimento de agentes agressores e o recrutamentode linfócitos especializados em destruir células alteradasdo corpo. D) A diferenciação dos linfócitos T em plasmócitos maduroscapacita-os a produzir anticorpos capazes de inativarsubstâncias nocivas ao corpo humano produzidas pelosmicro-organismos invasores. E) A movimentação contínua de fagócitos entre os tecidosfavorece a sua ligação aos anticorpos e a consequenteativação de antígenos específicos presentes na superfíciede linfócitos matadores. Questão 77 Com relação a um segundo processo de infecção do corpohumano pelo mesmo agente agressor, pode-se esperar que A) o organismo já possua linfócitos T e B diferenciados querespondam com maior eficiência ao agente agressor. B) ocorra perda da capacidade de reconhecimento do agenteinvasor por parte do organismo pré-imunizado, devido auma sobrecarga de ativação imunitária. C) seja necessário um novo processo de apresentação deantígenos por macrófagos para que a resposta imunitáriaseja desencadeada. D) a liberação de toxinas dos micro-organismos invasoresdificulte o seu reconhecimento pelas células fagocitárias, favorecendo, assim, a sua reprodução e disseminação. E) a resposta imunitária seja muito mais lenta, por esseagente agressor não mais possuir potencial infectivo paracausar danos ao possível hospedeiro. Questão 78 Entre agosto e setembro deste ano, algumasregiões do Brasil sofreram grande estiagem,marcada pela intensificação das queimadas e porespessa nuvem de fumaça que cobre as cidades.Segundo dados do Instituto de PesquisasEspaciais (Inpe), os satélites registraram, em umúnico dia de agosto, 12629 focos de queimadasem todo o

×