Unidade 10 – trabalhar e estudar em portugal

695 visualizações

Publicada em

Curso de português língua estrangeira - Epapu Ourense

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
695
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Unidade 10 – trabalhar e estudar em portugal

  1. 1. Unidade 10 – Trabalhar e Estudar em Portugal Histórias de Vida
  2. 2. Leia os seguintes depoimentos de 4 investigadores estrangeiros que trabalham em Portugal“Estou em Portugal apenas há dois “Mudei para Portugal há um ano. Mas jámeses e troquei Chicago, nos Estados cá tinha vindo de férias antes. EmUnidos, pela Universidade do Algarve, Portugal, um investigador tem deonde faço trabalhar muito e bem para conseguir terinvestigação. Era difícil imaginar-me a ajuda financeira para a sua pesquisa.sair Neste momento tenho uma relação comde uma grande cidade como Chicago uma portuguesa e sinto muitapara curiosidade em conhecer melhor a línguauma pequena, mas a mudança está a e a cultura deste país.”correr muito bem para mim e para a Soren, dinamarquêsminha família.”Daniel, americano há sete anos e acho“Vim para Portugal “Faço trabalho de investigação naque o país oferece boas condições para a Universidade de Coimbra há um ano einvestigação. Estou casado com uma meio, mas a adaptação não está a serarquitecta portuguesa que conheci em fácil. A língua e a vida aqui são muitoMadrid, temos dois filhos e vivemos no diferentes. Tenho saudades da família ePorto. ” Andrea, italiano dos meus amigos. No fim deste ano vou voltar para o meu país .” Susan, inglesa
  3. 3. Questõesa) A mulher do Andrea b) O Soren A. veio pela primeira vez a Portugal há um ano.A. é de Madrid. B. só tem feito férias em Portugal desde que veioB. é portuguesa. viver para cá.C. é italiana. C. já conhecia Portugal quando veio para cá trabalhar.c) Para o Daniel, a adaptação d) No final deste ano, a Susanà mudança para Portugal A. vai a Inglaterra para visitar a família e os amigos. B. vai regressar para Inglaterra.A. não está a ser difícil. C. vai decidir se fica a viver em Portugal.B. está a ser difícil.C. está a ser difícil para a sua e) A adaptação à vida em Portugalfamíla. A. só é difícil para a Susan. B. está a ser difícil para todos. C. está a ser difícil para a Susan e para o Soren.
  4. 4. Ofertas de emprego - ClassificadosA. C.EMPREGO: OFERECE-SE EMPREGO: OFERECE-SEJovem de 19 anos, com o 12º ano. Carta Procuro trabalho na área de vendas.de Experiência de vendas em diferentescondução de ligeiros e de mota. Procuro áreas.trabalho em part-time. Carta de condução de ligeiros e carro℡ 914 2210 11 próprio. ℡ 939 898989B. D.Procuro trabalho como recepcionista ou Senhora responsável, oferece-se paraassistente administrativa. Tenho 29 anos trabalhos domésticos. Experiência come crianças.possuo bons conhecimentos de inglês e ℡ 969 000 888de informática. Experiência de trabalhocomo recepcionista em hospital.℡ 96 4445554
  5. 5. Carta de apresentação – exemplo• Exmos. Senhores:• Venho por este meio responder ao vosso anúncio para o lugar de empregada de mesa e de balcão. Sou moldava e tenho 20 anos. Vivo em Portugal há dois anos, mas os meus pais já cá vivem há seis anos. Quando cheguei, comecei a estudar português à noite. No princípio, foi muito difícil, mas penso que agora já falo e compreendo bem o português. Além de moldavo e de português, também falo bem inglês e estudei francês durante um ano. Na Moldávia terminei o ensino secundário e este ano comecei a estudar Economia, à noite, numa Universidade em Lisboa.• Já trabalhei como empregada de mesa num restaurante e agora estou a trabalhar numa pastelaria num centro comercial, mas não consigo conciliar o meu horário de trabalho com os estudos.• Gostava de trabalhar na vossa pastelaria/restaurante porque o vosso horário de trabalho me permite continuar a estudar na Universidade, sem problemas, pois as aulas só começam às 18:30. Além disso, o facto de ter o domingo livre é muito conveniente para mim. Penso que tenho o perfil adequado para o lugar uma vez que já tenho alguma experiência profissional e sou uma pessoa muito activa.• Envio, em anexo, o meu currículo e aguardo o vosso contacto. Estou disponível para uma entrevista e posso começar a trabalhar a partir do final deste mês.• Sem outro assunto, atenciosamente,• Raina
  6. 6. Questõesa) A Raina: d) A Raina gostava de trabalhar neste• A. fala fluentemente francês. restaurante/pastelaria :• B. fala várias línguas. • A. principalmente por causa do• C. compreende bem o português, horário de trabalho. mas fala mal. • B. porque não tem trabalho. • C. por causa do salário.b) Quando a Raina veio para Portugal:• A. os pais ficaram na Moldávia. e) A Raina quer trabalhar como• B. não tinha cá ninguém de família. empregada de mesa :• C. os pais já cá viviam. • A. para ter o sábado e o domingo livres. • B. pela primeira vez.c) Quando chegou a Portugal, a Raina: • C. e estudar ao mesmo tempo.• A. começou a estudar português.• B. terminou o ensino secundário.• C. começou a estudar na Universidade.
  7. 7. Cristina AlvesAssistente Grundtvig (2011/2012)

×