Peça de teatro

25.038 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
11 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
25.038
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
11
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Peça de teatro

  1. 1. Entidade formadora: Consultua, Lda. Curso EFA: Operadores de Jardinagem e Espaços Verdes Tema de Vida: Local: Vila Verde da Raia A Saúde vem em Primeiro Área de Competência-Chave: Linguagem e Comunicação Lugar! Formandos: 15 Peça de Teatro: O Capuchinho Saudável ACTO I (cenário – cozinha da casa da mãe do Capuchinho) Cena 1 (Abrem-se as cortinas e aparece o Capuchinho) Capuchinho: Hei! Tantos meninos e meninos! Olá! (E os meninos respondem) Capuchinho: Sabem quem sou? (Os meninos respondem: o Capuchinho Vermelho) Capuchinho: Não, sou o Capuchinho Saudável… Vou explicar-vos porquê… Cena 2 (Entra o gato das botas aos trambolhões, e interrompe a fala do Capuchinho) Gato: Hello! How are you? Capuchinho: O que dizes gato? (O Capuchinho vira-se para o público e sussurra) Capuchinho: É o meu gato, é Inglês, não fala muito bem Português… Às vezes não percebo nada do que diz… Gato: Eu disse: olá, como estão… Capuchinho: Ah! Mãe (voz de fundo): Capuchinho, pega na cesta e vai às compras para a tua avó. Depois leva-lhas a casa. Vê lá o que compras porque ela está doente. Vai pela estrada, não vás pela floresta! Capuchinho: Sim, mãe! Já vou! Vamos gatinho? Gato: Yes. (fecham-se as cortinas) 1
  2. 2. ACTO II (cenário - Supermercado) Cena 3 (Abrem-se as cortinas e o Capuchinho e o Gato já estão no Supermercado, o Capuchinho com o cesto na mão) Capuchinho: Então gatinho? Já estamos no supermercado, o que vamos comprar? Gato: Temos que comprar coisas boas, que lhe façam bem… Vamos ver… (Surge o Pacote de Leite) Cena 4 Leite (aos saltos): Levem-me! Levem-me! Eu sou bom e faço muito bem… Gato (babado por ver o leite): Miiilk…. Huuummm! Que bom! Leva Capuchinho, leva! Capuchinho: Milk? O que é isso? Sabem meninos? (Os meninos respondem: Leite!) Leite: Sim, sou o leite. Sou muito completo. Tenho muito cálcio, faço muito bem aos ossos e aos dentes. Faço bem aos meninos, velhinhos e doentinhos. Capuchinho (perguntam aos meninos): O que acham? Levo? (Os meninos respondem: sim!) Capuchinho (pensativa): Huuummm… Está bem! Entra para a cesta. (E o leite salta para a cesta) Gato (continua hipnotizado por ver o leite): Miiilkk… Cena 5 (Aparece o Chupa-chupa) Chupa-chupa: Olá! Capuchinho: Olá! Quem és tu? Chupa-chupa: Eu sou o Chupa-chupa, sou docinho, colorido e faço bem à… Ao… (atrapalha-se) Gato: Não ouças Capuchinho, não o leves, faz mal aos dentes, esse lollypope… Capuchinho: Esse quê? Gato: Chupa-chupa… 2
  3. 3. Capuchinho: Ah! Mas é tão bonito, tão colorido… (Hipnotizada) Chupa-chupa: Sim, leva-me… (chega-se perto do Capuchinho). Capuchinho: O que acham meninos? (Os meninos respondem: sim!) Capuchinho (confusa): Mas a minha avó está doentinha, só pode comer coisas que lhe façam bem. Gato: Não leves Capuchinho. Capuchinho: Desculpa Chupa-chupa, mas vais ter que ficar. (O Chupa-chupa afasta-se) Cena 6 (Aparece o frango) Frango: Olá! Sabem quem sou meninos? (Os meninos respondem: sim, és o frango) Frango: Sim, sou o frango. Tenho proteínas, boas para construir as células do nosso corpo, dão força ao meu corpo para crescer e viver. Gato (a lamber as barbas): Sim Capuchinho, sim… É verdade… Leva-o, leva o chicken… Capuchinho: Chi… Quê?... Gato: Frango, Capuchinho, frango… Capuchinho: Proteínas? Força? O que acham meninos? (os meninos respondem: sim!) Capuchinho: Está bem! Salta para a cesta frango. (O frango salta para a cesta) Gato (ainda a lamber as barbas por ver o frango): Chicken… Cena 7 (Entra o Pacote das Batatas Fritas) Pacote de Batatas Fritas (Encosta-se ao Capuchinho e tenta seduzi-la): Olá miúda! Não me queres levar nesse teu cestinho? Sou estaladiço e salgadinho… Tão bom… Capuchinho (encantada): Sim… Salgadinho… 3
  4. 4. Gato (puxa o Capuchinho para trás): Não Capuchinho, não, ele está a enganar-te. Faz muito mal à saúde… Capuchinho: Oh! Só um bocadinho não faz mal… Gato: Mas a tua avó está doente Capuchinho… Pacote de Batatas Fritas (aproximando-se do Capuchinho): Capuchinho… A tua avó vai adorar-me… Olha para mim… Gato (metendo-se entre os dois): Vai embora Frites! (O Pacote de Batatas Fritas vai embora) Capuchinho: Frites? O que dizes gatinho? O que é isso meninos? Sabem? (Os meninos respondem: Batatas Fritas!) Cena 8 (Aparece o peixe) Capuchinho (mete a mão no nariz): Brrr… Que cheiro é este? Que mal cheiras! Quem és tu? Gato (agarra-se ao Capuchinho desesperado): Segura-me Capuchinho! Tu segura-me! É o fish! Segura-me que eu não me controlo e salto-lhe para a espinha! (O Peixe chega-se para trás assustado) Capuchinho (pergunta aos meninos): Fish? O que é isso? (Os meninos respondem: peixe!) Capuchinho (segurando o gato): Ah! Pára gato, estás a assustar o peixinho! Peixe (assustado): Sim, sou o peixe. Sou muito completo, tenho nutrientes e proteínas boas para o organismo. Ajudo a crescer e dou força para viver. Capuchinho: Mas cheiras tão mal… Gato (agarrado ao Capuchinho, lambendo as barbas): Depois de cozinhado cheira bem, até bem demais… Capuchinho: O que acham meninos? (Os meninos respondem, é necessário improvisar) Gato: Leva Capuchinho, leva! Capuchinho: Está bem, gostei de ti, entra para a cesta. (O peixe salta para o cesto e o Gato larga o Capuchinho, suspirando) 4
  5. 5. Cena 9 (Aparece o hambúrguer a assobiar) Hambúrguer: Hello! Gato: Ah! Um Inglês como eu? Hambúrguer (com pronúncia americana): Quem? Eu? Inglês? No, no, sou americano. Sou muito saboroso, não é meninos? (Os meninos respondem: Sim!) Gato: És um hambúrguer! A avó ia gostar Capuchinho… Capuchinho: Não gato, a minha mãe diz que os hambúrgueres têm muitas calorias e muitas gorduras e que fazem muita mal à saúde. Não podemos levar gatinho… Gato: Oh… mas até fala inglês… Hambúrguer: Yes… Capuchinho: Desculpa hambúrguer, mas vais ter que ficar. (O hambúrguer afasta-se) Cena 10 (Entra a Laranja) Capuchinho: Oh! Que linda! Tão colorida e fresquinha! Quem és tu? Gato: é uma Orange. Capuchinho (pergunta aos meninos): Uma quê? (Os meninos respondem: uma laranja) Laranja (muito animada): Sim, sou uma laranja, sou rica em vitaminas, faço bem aos olhos e à pele, e protejo das doenças. Gato: Olha Capuchinho, é boa para a tua avó. Laranja: Sim, e sou docinha e saborosa. Capuchinho: O que acham meninos? (Os meninos respondem, é necessário improvisar) Capuchinho: Salta para o cesto laranja! (A laranja salta para o cesto) 5
  6. 6. Cena 11 (Chega o Refrigerante) Refrigerante (a imitar um feirante a vender o seu produto): Ooolláaa! Eu sou o refrigerante, fresquinho, fresquinho, cheio de bolhinhas para animar a malta! Não é meninos? (Os meninos respondem: sim!) Capuchinho: Animar? Sim, pode ser boa ideia, a avó precisa de animação! Salta para a cesta! (Quanto o refrigerante se prepara para saltar o gato mete-se à frente) Gato: Não Capuchinho, não, só tem calorias e conservantes, faz mal a avó. Vai embora refrigerante. (O refrigerante afasta-se) Cena 12 (Chega a cenoura aos saltos, como um coelho) Gato: Olha, uma carrot! Capuchinho (pergunta aos meninos): Uma quê? (Os meninos respondem: Uma cenoura!) Cenoura: Sim, sou a cenoura, rica em vitaminas e sais minerais e faço muuiiitooo bem aos olhos! Capuchinho: Ah… Então fazes bem à minha avó? Cenoura: sim, sim. Capuchinho: O que acham meninos? (Os meninos respondem, é necessário improvisar) Capuchinho: Anda, salta para a cesta. (A Laranja salta para a cesta) Cena 13 (Entra o Ovo, vaidoso) Ovo: Olá, eu sou um… Gato (interrompendo a fala do ovo): Egg. Capuchinho (pergunta aos meninos): Um quê? (Os meninos respondem: um ovo!) 6
  7. 7. Ovo: sim, sou o ovo. Tenho proteínas boas para o organismo, dou força para crescer e viver. Capuchinho: Mas tens um aspecto tão esquisito… Gato: As aparências iludem Capuchinho, o ovo é muito bom e pode-se comer de muitas maneiras. Capuchinho (pensativa): O que acham meninos? (Os meninos respondem, é necessário improvisar) Capuchinho (pensativa): hummm… Está bem, salta para o cesto ovo! (O ovo salta para o cesto) Cena 14 (Entra a Garrafa de Água a dançar e a cantarolar) Gato: Water! Já estava cá com uma sede. Capuchinho: O que disseste gatinho? Perceberam meninos? (Os meninos respondem: água!) Garrafa de Água (vaidosa): Sim, já todos me conhecem. Sou o nutriente mais importante para o organismo, ajudo a cuidar da saúde, sem mim não há vida! Capuchinho (encantada): És tão bonita e transparente! Anda, salta para o cesto! E vamos embora. (A Garrafa de Água salta para o cesto e as cortinas fecham-se) ACTO III (cenário - Floresta) Cena 15 (Abrem-se as cortinas e aparece o Gato e o Capuchinho a caminhar) Capuchinho: Bem gatinho, já temos o cesto cheio, vamos lá! Gato: E por onde vamos Capuchinho? Capuchinho: A mãe disse para não ir pela floresta, mas já estamos tão atrasados… E pela floresta é mais perto… Gato (a coçar as barbas pensativo): Hummm, está bem! Se for preciso também estou aqui eu para te defender com estas minhas garras (Olha para as unhas vaidoso). Capuchinho (com um sorriso de gozo): sim, sim, gatinho, sim, sim… (O Gato e o Capuchinho recomeçam a caminhar) 7
  8. 8. Cena 16 (Surge o lobo mau com ar intrigado) Lobo: Oláaa… Mas o que temos aqui… Uma linda menina, um cestinho cheio de coisas boas e um gatinho tão apetitoso… Gato (esconde-se atrás do Capuchinho a tremer de medo): Ai, ai Capuchinho… Capuchinho (corajosa): Quem és tu? O que queres? Lobo: Eu? Eu sou o rei desta floresta (ruge). Controlo tudo o que se passa aqui… O que é que andam por aqui a fazer? Capuchinho: Vamos visitar a minha avó que está doentinha. Lobo: A tua avó? Aquela velhinha que mora do outro lado da floresta? Capuchinho: Sim. Lobo (pensativo): Ah… Muito bem… E essa cestinha? O que levam ai dentro? Capuchinho: As compras da minha avó. Só coisas boas para a saúde. Lobo: Coisas boas… Uhmmm… Tipo chocolates, bolos e essas coisas? Capuchinho: Não, frutas, legumes, tudo o que faz bem à saúde, ajuda a crescer e a viver. Lobo (sussura aos meninos): A cesta não me interessa para nada, mas uma menina e um gatinho… Lobo (voltando-se novamente para o Capuchinho): Querem companhia até lá? Eu conheço bem a floresta, posso proteger-vos dos perigos (volta-se novamente para o público e ri-se cinicamente). Gato (continua atrás do Capuchinho a tremer): Acho melhor não Capuchinho, vamos embora! Capuchinho: Obrigada rei da floresta, mas preferimos ir sozinhos. (O Capuchinho e o Gato se afastam) Cena 17 Lobo (dirige-se para o público): Bem, então vou fazer-lhes uma surpresa, sei um caminho mais rápido para chegar a casa da avozinha… (A cortina fecha-se) 8
  9. 9. ACTO III (cenário – Quarto da casa da avó) Cena 18 (Abre-se a cortina e está o lobo na cama, disfarçado de avó e a avó escondida no armário) Capuchinho: Avóoo! Somos nós, o Capuchinho e o Gatinho, podemos entrar? Lobo (a fingir a voz da avó): Sim minha netinha, entrem, entrem… (O Capuchinho e o Gato aproximam-se da cama) Capuchinho: Então avozinha? Como estás? Lobo (a fingir a voz da avó): Cá andamos Capuchinho… Chega aqui mais perto para eu te ver melhor. (O Gato, já desconfiado, agarra a capa do Capuchinho para não a deixar aproximar-se) Capuchinho (desconfiada): Estás tão gorda avó… Lobo (a fingir a voz da avó): É de comer muitas coisas boas. Capuchinho: Coisas boas? Lobo (a fingir a voz da avó): Sim, bolos, bolachas, batatas fritas e hambúrgueres… Capuchinho: É por isso que estás doente? Lobo (a fingir a voz da avó): Deve ser Capuchinho, mas chega aqui para eu te ver melhor… (O gato volta a agarrar na capa do Capuchinho) Capuchinho: Estás com um ar sujo e cheiras mal… Lobo (a fingir a voz da avó): É de não tomar banho. Capuchinho (admirada): Não tomas banho avozinha? Lobo (a fingir a voz da avó, e já impaciente): Ando a poupar água. Chega aqui minha netinha… (O gato volta a agarrar na capa do Capuchinho) Capuchinho: Tens o nariz e os dentes tão sujos… Lobo (a fingir a voz da avó, e já enervado): Já te disse Capuchinho! Chega aqui. Capuchinho: Mas avozinha, tens que te cuidar, ter uma alimentação saudável, tomar banhinho, lavar os dentinhos todos os dias, senão ficas doente. Sabias que o nosso corpo tem micróbios e que não tomarmos banho para os eliminar eles podem causar-nos doenças? E sabias que temos que cuidar bem da nossa alimentação para nos protegermos e crescermos com força? 9
  10. 10. Lobo (já desesperado): Sim Capuchinho, mas anda cá! (O lobo tira a pata de debaixo do lençol e faz sinal ao Capuchinho para se aproximar) Capuchinho: Ah! Avózinha! Que nojo! Tens que lavar e cortar as unhas! Pareces um… (O Lobo salta da cama, fica de pé em cima da cama. O Capuchinho e o Gato agarram-se um ao outro assustados) Capuchinho e Gato (gritam): Aaaah! Socorroooo!... Lobo (a gritar): Um lobo! Sim, sou um lobo! E vou devorar-vos aos dois! Cena 19 (Entra a Fada Madrinha, erguendo a varinha mágica) Fada: Pára lobo! Eu sou a fada madrinha do Capuchinho e vim salva-la. Vou transformar este lobo gordo e malcheiroso num linda… (Abana a varinha) Gatinha! (O lobo transforma-se na Gatinha) Gatinha (com voz sexy): Miaauuu! Gato (fascinado com a gatinha, agarrando o coração): Oh! I´m in love! Capuchinho: O quê gatinho? Gato: É amor Capuchinho, estou apaixonado! Gatinha (a inclinar-se para o Gato): Miauuu… (A Fada e o Capuchinho riem-se) Cena 20 (ouve-se uma voz abafada vinda do armário, a pedir socorro) Capuchinho: O que é isto? É a minha avó! (A fada corre para o armário e tira a avó que tem uma mordaça na boca. O Capuchinho corre para a avó, abraça-a tira-lhe a mordaça) Avó (aliviada): A minha netinha! Obrigada! Tive tanto medo! Fada: O que aconteceu avozinha? Avó: O lobo mau fechou-me aqui dentro, queria guardar-me para sobremesa! Capuchinho (consola a avó): Pronto avó, acalma-te, estamos todos salvos, graças à Fada Madrinha. Olha o que te trouxe. 10
  11. 11. Cena 21 (Começa a tocar a música e os alimentos vão saindo da cesta a dançar) Gato (Enquanto os alimentos saem da cesta, agarrando a Gatinha pela mão): Vou ensinar-vos uma canção em Inglês sobre o corpo humano! (Todos começam a cantar a música e a dançar, no fim da música, o Gato e a Gatinha estão no centro e dão em beijinho. As cortinas fecham-se) FIM 11

×