SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 22
Gestão de dados e
infraestruturas de
investigação:
Sobreposições, Convergências e
Articulações
7ª Conferência Luso-Brasileira de Acesso Aberto (CONFOA)
Pedro Moura Ferreira (ICS)
Bárbara Rodrigues (ICS)
O desafio do acesso aos dados de investigação
Depois da política de acesso aberto
relativa à produção científica, os dados
de investigação constituem um desafio
atual do sistema científico nacional
Os benefícios são múltiplos
• Reutilização dos dados
• Transparência
• Peer review
• Maior exigência
• Evitar duplicações
Há importantes iniciativas no domínio da
gestão dos dados
Rcaap
As orientações da secretaria de estado
da ciência
Repositórios de dados (projetos)
Novos atores: as
infraestruturas
•
Como as infraestruturas que integram o
roteiro nacional das infraestruturas de
investigação
Produtoras de dados
Que destino lhes dão? Como preservam
e disseminam os dados?
O caso das ciências sociais:
a infraestrutura PASSDA
A infraestrutura Production and Archive
of Social Science Data (PASSDA):
• Programas das Atitudes Sociais e
Políticas dos Portugueses (ASP)
• Arquivo Português de Informação
Social (APIS)
A articulação do
arquivo com uma
rede internacional
O que a rede europeia de arquivos de
dados em ciências sociais (CESSDA)
proporciona aos seus membros?
OAIS:
OPEN ARCHIVAL
INFORMATION
SYSTEM
A organização e funcionamento dos
arquivos apoia-se no mesmo modelo de
referência
(OAIS)
Arquivo
Gestão
dos dados
ConsumidorProdutor
O ciclo de vida dos dados:
Desde a sua criação até à reutilização
Coleções de dados
compostas por:
• base de dados
• documentação (i.e. questionários,
relatórios metodológicos)
Uso de Metadados
Referenciar os dados
e resultados da
investigação
Descrição
compreensiva
Conexões
longitudinais
Dados
quantitativos
Inquéritos
Dados qualitativos
Recursos
Catálogo de estudos (ELSST thesaurus)
Inquéritos internacionais
Outras redes internacionais de arquivos
Ligações a outras infraestruturas
Certificação:
Data Seal Approval
16 orientações que, em conjunto,
qualificam o repositório para o Data
Seal Approval.
Sujeita a uma prévia peer review
Preservação
Preservação dos dados a longo prazo:
Obsolescência tecnológica
gestão inadequada dos dados
Serviços à comunidade científica (disseminação)
Além das bases de dados,
Bases de questões/perguntas
Consentimento informado
Planos de gestão
Apoio na localização dos recursos
Codebooks
Resumindo
Como esta experiência proporcionada pelas infraestruturas
europeias pode ser integrada no desenvolvimento dos
repositórios nacionais de dados?
Modelo de base genérica vs modelo de base disciplinar
RCAAP
Desaconselhava mega soluções
Modelo com base em:
• Investigadores
• Instituições científicas
• Instituições financiadoras
• Repositórios
Sobreposições e articulações
Existem sobreposições em algumas das
infraestruturas que compõem o roteiro
nacional.
Como se evita a duplicação?
Como se articulam as infraestruturas?
A gestão de dados e os investigadores:
Novas práticas e novas regras:
• O depósito dos dados
• A análise secundária
• Períodos de embargo
• Regras de citação
• Monitorização
A Gestão de dados e as instituições
São necessárias orientações de política
científica para desenhar a configuração
institucional da gestão de dados e as
relações com as infraestruturas.
Gestão de dados e infraestruturas de investigação

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Organização da informação nos Repositórios de Dados de Pesquisa em Portugal
Organização da informação nos Repositórios de Dados de Pesquisa em PortugalOrganização da informação nos Repositórios de Dados de Pesquisa em Portugal
Organização da informação nos Repositórios de Dados de Pesquisa em PortugalProjeto RCAAP
 
Aproveitamento de dados bibliográficos de publicação científica indexada na b...
Aproveitamento de dados bibliográficos de publicação científica indexada na b...Aproveitamento de dados bibliográficos de publicação científica indexada na b...
Aproveitamento de dados bibliográficos de publicação científica indexada na b...Antonio Conserva Jr
 
Serviços para suporte à gestão de dados científicos na UMINHO: plano de inter...
Serviços para suporte à gestão de dados científicos na UMINHO: plano de inter...Serviços para suporte à gestão de dados científicos na UMINHO: plano de inter...
Serviços para suporte à gestão de dados científicos na UMINHO: plano de inter...Pedro Príncipe
 
Análise do Tesauro de Biblioteconomía e Documentácion
Análise do Tesauro de Biblioteconomía e DocumentácionAnálise do Tesauro de Biblioteconomía e Documentácion
Análise do Tesauro de Biblioteconomía e Documentáciondaianadelima
 
CATALOGAÇÃO DE RECURSOS BIBLIOGRÁFICOS DIGITAIS NO PADRÃO DE METADADOS DUBLIN...
CATALOGAÇÃO DE RECURSOS BIBLIOGRÁFICOS DIGITAIS NO PADRÃO DE METADADOS DUBLIN...CATALOGAÇÃO DE RECURSOS BIBLIOGRÁFICOS DIGITAIS NO PADRÃO DE METADADOS DUBLIN...
CATALOGAÇÃO DE RECURSOS BIBLIOGRÁFICOS DIGITAIS NO PADRÃO DE METADADOS DUBLIN...Felipe Arakaki
 
Indexação de dados científicos: uma análise a partir das políticas da Rede de...
Indexação de dados científicos: uma análise a partir das políticas da Rede de...Indexação de dados científicos: uma análise a partir das políticas da Rede de...
Indexação de dados científicos: uma análise a partir das políticas da Rede de...Projeto RCAAP
 

Mais procurados (15)

Estudo para integração entre a plataforma Lattes, a Biblioteca Digital Brasil...
Estudo para integração entre a plataforma Lattes, a Biblioteca Digital Brasil...Estudo para integração entre a plataforma Lattes, a Biblioteca Digital Brasil...
Estudo para integração entre a plataforma Lattes, a Biblioteca Digital Brasil...
 
Dados de pesquisa: compartilhamento e publicação
Dados de pesquisa: compartilhamento e publicaçãoDados de pesquisa: compartilhamento e publicação
Dados de pesquisa: compartilhamento e publicação
 
Sistemas de Gestão de Ciência e Repositórios - DSpaceCRIS
Sistemas de Gestão de Ciência e Repositórios - DSpaceCRISSistemas de Gestão de Ciência e Repositórios - DSpaceCRIS
Sistemas de Gestão de Ciência e Repositórios - DSpaceCRIS
 
Rumo ao futuro: a nova geração de repositórios
Rumo ao futuro: a nova geração de repositóriosRumo ao futuro: a nova geração de repositórios
Rumo ao futuro: a nova geração de repositórios
 
Gestão de Dados de Pesquisa: os princípios FAIR e as estratégias institucionais
Gestão de Dados de Pesquisa: os princípios FAIR e as estratégias institucionaisGestão de Dados de Pesquisa: os princípios FAIR e as estratégias institucionais
Gestão de Dados de Pesquisa: os princípios FAIR e as estratégias institucionais
 
Organização da informação nos Repositórios de Dados de Pesquisa em Portugal
Organização da informação nos Repositórios de Dados de Pesquisa em PortugalOrganização da informação nos Repositórios de Dados de Pesquisa em Portugal
Organização da informação nos Repositórios de Dados de Pesquisa em Portugal
 
A Influência das Revistas Científicas de Acesso Aberto para o Depósito e Publ...
A Influência das Revistas Científicas de Acesso Aberto para o Depósito e Publ...A Influência das Revistas Científicas de Acesso Aberto para o Depósito e Publ...
A Influência das Revistas Científicas de Acesso Aberto para o Depósito e Publ...
 
Aproveitamento de dados bibliográficos de publicação científica indexada na b...
Aproveitamento de dados bibliográficos de publicação científica indexada na b...Aproveitamento de dados bibliográficos de publicação científica indexada na b...
Aproveitamento de dados bibliográficos de publicação científica indexada na b...
 
Serviços para suporte à gestão de dados científicos na UMINHO: plano de inter...
Serviços para suporte à gestão de dados científicos na UMINHO: plano de inter...Serviços para suporte à gestão de dados científicos na UMINHO: plano de inter...
Serviços para suporte à gestão de dados científicos na UMINHO: plano de inter...
 
Luciene Delazari - Os periódicos brasileiros frente aos desafios da Ciência A...
Luciene Delazari - Os periódicos brasileiros frente aos desafios da Ciência A...Luciene Delazari - Os periódicos brasileiros frente aos desafios da Ciência A...
Luciene Delazari - Os periódicos brasileiros frente aos desafios da Ciência A...
 
Análise do Tesauro de Biblioteconomía e Documentácion
Análise do Tesauro de Biblioteconomía e DocumentácionAnálise do Tesauro de Biblioteconomía e Documentácion
Análise do Tesauro de Biblioteconomía e Documentácion
 
Tudo sobre o Acesso Aberto no IPV: as infraestruturas, os serviços e os requi...
Tudo sobre o Acesso Aberto no IPV: as infraestruturas, os serviços e os requi...Tudo sobre o Acesso Aberto no IPV: as infraestruturas, os serviços e os requi...
Tudo sobre o Acesso Aberto no IPV: as infraestruturas, os serviços e os requi...
 
CATALOGAÇÃO DE RECURSOS BIBLIOGRÁFICOS DIGITAIS NO PADRÃO DE METADADOS DUBLIN...
CATALOGAÇÃO DE RECURSOS BIBLIOGRÁFICOS DIGITAIS NO PADRÃO DE METADADOS DUBLIN...CATALOGAÇÃO DE RECURSOS BIBLIOGRÁFICOS DIGITAIS NO PADRÃO DE METADADOS DUBLIN...
CATALOGAÇÃO DE RECURSOS BIBLIOGRÁFICOS DIGITAIS NO PADRÃO DE METADADOS DUBLIN...
 
Indexação de dados científicos: uma análise a partir das políticas da Rede de...
Indexação de dados científicos: uma análise a partir das políticas da Rede de...Indexação de dados científicos: uma análise a partir das políticas da Rede de...
Indexação de dados científicos: uma análise a partir das políticas da Rede de...
 
Servico de descoberta
Servico de descobertaServico de descoberta
Servico de descoberta
 

Destaque

Repositórios Temáticos e Memória: a constituição da Educação em Saúde no Bras...
Repositórios Temáticos e Memória: a constituição da Educação em Saúde no Bras...Repositórios Temáticos e Memória: a constituição da Educação em Saúde no Bras...
Repositórios Temáticos e Memória: a constituição da Educação em Saúde no Bras...Conferência Luso-Brasileira de Ciência Aberta
 

Destaque (18)

Universidade de Coimbra: Análise das Publicações em Acesso Aberto, por Área C...
Universidade de Coimbra: Análise das Publicações em Acesso Aberto, por Área C...Universidade de Coimbra: Análise das Publicações em Acesso Aberto, por Área C...
Universidade de Coimbra: Análise das Publicações em Acesso Aberto, por Área C...
 
Os Repositórios das Instituições de Ensino Superior Portuguesas – Estudo Comp...
Os Repositórios das Instituições de Ensino Superior Portuguesas – Estudo Comp...Os Repositórios das Instituições de Ensino Superior Portuguesas – Estudo Comp...
Os Repositórios das Instituições de Ensino Superior Portuguesas – Estudo Comp...
 
Repositórios Temáticos e Memória: a constituição da Educação em Saúde no Bras...
Repositórios Temáticos e Memória: a constituição da Educação em Saúde no Bras...Repositórios Temáticos e Memória: a constituição da Educação em Saúde no Bras...
Repositórios Temáticos e Memória: a constituição da Educação em Saúde no Bras...
 
Marketing Digital em Portais de Periódicos Científicos de Acesso Aberto
Marketing Digital em Portais de Periódicos Científicos de Acesso AbertoMarketing Digital em Portais de Periódicos Científicos de Acesso Aberto
Marketing Digital em Portais de Periódicos Científicos de Acesso Aberto
 
O RI no Contexto da Gestão da Produção Científica: Proposta de um Questionári...
O RI no Contexto da Gestão da Produção Científica: Proposta de um Questionári...O RI no Contexto da Gestão da Produção Científica: Proposta de um Questionári...
O RI no Contexto da Gestão da Produção Científica: Proposta de um Questionári...
 
Perfil dos Usuários do Repositório Institucional da Universidade Federal da B...
Perfil dos Usuários do Repositório Institucional da Universidade Federal da B...Perfil dos Usuários do Repositório Institucional da Universidade Federal da B...
Perfil dos Usuários do Repositório Institucional da Universidade Federal da B...
 
Mudanças na Cultura e na Estrutura Institucional: Reflexões sobre a Política ...
Mudanças na Cultura e na Estrutura Institucional: Reflexões sobre a Política ...Mudanças na Cultura e na Estrutura Institucional: Reflexões sobre a Política ...
Mudanças na Cultura e na Estrutura Institucional: Reflexões sobre a Política ...
 
Peças de Teatro Manuscritas (Séc. XVIII e XIX) em Acesso Aberto na Escola Sup...
Peças de Teatro Manuscritas (Séc. XVIII e XIX) em Acesso Aberto na Escola Sup...Peças de Teatro Manuscritas (Séc. XVIII e XIX) em Acesso Aberto na Escola Sup...
Peças de Teatro Manuscritas (Séc. XVIII e XIX) em Acesso Aberto na Escola Sup...
 
Panorama do Autoarquivamento nos Repositórios Institucionais Portugueses
Panorama do Autoarquivamento nos Repositórios Institucionais PortuguesesPanorama do Autoarquivamento nos Repositórios Institucionais Portugueses
Panorama do Autoarquivamento nos Repositórios Institucionais Portugueses
 
Acesso Aberto à Informação Científica: Diretrizes, Políticas e Modelos de Rep...
Acesso Aberto à Informação Científica: Diretrizes, Políticas e Modelos de Rep...Acesso Aberto à Informação Científica: Diretrizes, Políticas e Modelos de Rep...
Acesso Aberto à Informação Científica: Diretrizes, Políticas e Modelos de Rep...
 
Ritmos da Informação/Comunicação de Ciência dos Centros de Investigação em Po...
Ritmos da Informação/Comunicação de Ciência dos Centros de Investigação em Po...Ritmos da Informação/Comunicação de Ciência dos Centros de Investigação em Po...
Ritmos da Informação/Comunicação de Ciência dos Centros de Investigação em Po...
 
Promover o Acesso Aberto com o Open Journal Systems: Duas Instituições, Duas ...
Promover o Acesso Aberto com o Open Journal Systems: Duas Instituições, Duas ...Promover o Acesso Aberto com o Open Journal Systems: Duas Instituições, Duas ...
Promover o Acesso Aberto com o Open Journal Systems: Duas Instituições, Duas ...
 
O Retrato Situacional das Revistas Científicas Brasileiras
O Retrato Situacional das Revistas Científicas BrasileirasO Retrato Situacional das Revistas Científicas Brasileiras
O Retrato Situacional das Revistas Científicas Brasileiras
 
Publicação de Livros em Acesso Aberto: um Caso Perdido ou a Aposta Certa?
Publicação de Livros em Acesso Aberto: um Caso Perdido ou a Aposta Certa?Publicação de Livros em Acesso Aberto: um Caso Perdido ou a Aposta Certa?
Publicação de Livros em Acesso Aberto: um Caso Perdido ou a Aposta Certa?
 
Bibliotecas, Repositórios Institucionais e Direitos Autorais
Bibliotecas, Repositórios Institucionais e Direitos AutoraisBibliotecas, Repositórios Institucionais e Direitos Autorais
Bibliotecas, Repositórios Institucionais e Direitos Autorais
 
Social Dendro - Aplicação de Conceitos de Redes Sociais à Gestão de Dados de ...
Social Dendro - Aplicação de Conceitos de Redes Sociais à Gestão de Dados de ...Social Dendro - Aplicação de Conceitos de Redes Sociais à Gestão de Dados de ...
Social Dendro - Aplicação de Conceitos de Redes Sociais à Gestão de Dados de ...
 
From Open Access to Open Science
From Open Access to Open ScienceFrom Open Access to Open Science
From Open Access to Open Science
 
Política de Acesso Aberto: a Contribuição da Editora da Universidade Federal ...
Política de Acesso Aberto: a Contribuição da Editora da Universidade Federal ...Política de Acesso Aberto: a Contribuição da Editora da Universidade Federal ...
Política de Acesso Aberto: a Contribuição da Editora da Universidade Federal ...
 

Semelhante a Gestão de dados e infraestruturas de investigação

Gestão de Dados Científicos: desafios e estratégias nas Instituições #ConfOA2015
Gestão de Dados Científicos: desafios e estratégias nas Instituições #ConfOA2015Gestão de Dados Científicos: desafios e estratégias nas Instituições #ConfOA2015
Gestão de Dados Científicos: desafios e estratégias nas Instituições #ConfOA2015Pedro Príncipe
 
Gestão de dados para periódicos científicos
Gestão de dados para periódicos científicosGestão de dados para periódicos científicos
Gestão de dados para periódicos científicosPortal de Periódicos UFSC
 
Desafios da preservação de dados de pesquisa no Brasil
Desafios da preservação de dados de pesquisa no BrasilDesafios da preservação de dados de pesquisa no Brasil
Desafios da preservação de dados de pesquisa no BrasilCariniana Rede
 
Workshop APDIS sobre Gestão de Dados Científicos
Workshop APDIS sobre Gestão de Dados CientíficosWorkshop APDIS sobre Gestão de Dados Científicos
Workshop APDIS sobre Gestão de Dados CientíficosPedro Príncipe
 
Dataverse cariniana 2017
Dataverse cariniana 2017Dataverse cariniana 2017
Dataverse cariniana 2017Cariniana Rede
 
Situação e tendências da gestão de dados de investigação
Situação e tendências da gestão de dados de investigaçãoSituação e tendências da gestão de dados de investigação
Situação e tendências da gestão de dados de investigaçãoPedro Príncipe
 
Gestão de Dados de Investigação e Bibliotecas em Portugal: estratégias, servi...
Gestão de Dados de Investigação e Bibliotecas em Portugal: estratégias, servi...Gestão de Dados de Investigação e Bibliotecas em Portugal: estratégias, servi...
Gestão de Dados de Investigação e Bibliotecas em Portugal: estratégias, servi...Pedro Príncipe
 
23 coisas: Bibliotecas para a Gestão de Dados de Investigação (Webinar BAD do...
23 coisas: Bibliotecas para a Gestão de Dados de Investigação (Webinar BAD do...23 coisas: Bibliotecas para a Gestão de Dados de Investigação (Webinar BAD do...
23 coisas: Bibliotecas para a Gestão de Dados de Investigação (Webinar BAD do...Pedro Príncipe
 
Gestão de Dados Científicos nas Instituições - workshop #ConfOA2015
Gestão de Dados Científicos nas Instituições - workshop #ConfOA2015Gestão de Dados Científicos nas Instituições - workshop #ConfOA2015
Gestão de Dados Científicos nas Instituições - workshop #ConfOA2015Pedro Príncipe
 
Data RepositóriUM: projeto de implementação do repositório de dados para a Un...
Data RepositóriUM: projeto de implementação do repositório de dados para a Un...Data RepositóriUM: projeto de implementação do repositório de dados para a Un...
Data RepositóriUM: projeto de implementação do repositório de dados para a Un...Pedro Príncipe
 
Estratégia Institucional para a gestão de dados de investigação na UMINHO: o ...
Estratégia Institucional para a gestão de dados de investigação na UMINHO: o ...Estratégia Institucional para a gestão de dados de investigação na UMINHO: o ...
Estratégia Institucional para a gestão de dados de investigação na UMINHO: o ...Pedro Príncipe
 
Acesso aberto a dados de pesquisa no Brasil
Acesso aberto a dados de pesquisa no BrasilAcesso aberto a dados de pesquisa no Brasil
Acesso aberto a dados de pesquisa no BrasilProjeto RCAAP
 
Da ciência aos dados abertos
Da ciência aos dados abertosDa ciência aos dados abertos
Da ciência aos dados abertosFabrício Garrido
 
Ofinia em Gestão de dados científicos: o papel das bibliotecas
Ofinia em Gestão de dados científicos: o papel das bibliotecasOfinia em Gestão de dados científicos: o papel das bibliotecas
Ofinia em Gestão de dados científicos: o papel das bibliotecasPedro Príncipe
 
Repositórios de produção científica e seu potencial nos sistemas de avaliação
Repositórios de produção científica e seu potencial nos sistemas de avaliaçãoRepositórios de produção científica e seu potencial nos sistemas de avaliação
Repositórios de produção científica e seu potencial nos sistemas de avaliaçãoRoberto C. S. Pacheco
 
Diretrizes OpenAire para Repositórios de Dados, Repositórios de Literatura e ...
Diretrizes OpenAire para Repositórios de Dados, Repositórios de Literatura e ...Diretrizes OpenAire para Repositórios de Dados, Repositórios de Literatura e ...
Diretrizes OpenAire para Repositórios de Dados, Repositórios de Literatura e ...Pedro Príncipe
 

Semelhante a Gestão de dados e infraestruturas de investigação (20)

Gestão de Dados Científicos: desafios e estratégias nas Instituições #ConfOA2015
Gestão de Dados Científicos: desafios e estratégias nas Instituições #ConfOA2015Gestão de Dados Científicos: desafios e estratégias nas Instituições #ConfOA2015
Gestão de Dados Científicos: desafios e estratégias nas Instituições #ConfOA2015
 
Gestão de dados para periódicos científicos
Gestão de dados para periódicos científicosGestão de dados para periódicos científicos
Gestão de dados para periódicos científicos
 
Conferencia primeira luso_brasileira_acesso_aberto-u_minho_2010_11_26
Conferencia primeira luso_brasileira_acesso_aberto-u_minho_2010_11_26Conferencia primeira luso_brasileira_acesso_aberto-u_minho_2010_11_26
Conferencia primeira luso_brasileira_acesso_aberto-u_minho_2010_11_26
 
Desafios da preservação de dados de pesquisa no Brasil
Desafios da preservação de dados de pesquisa no BrasilDesafios da preservação de dados de pesquisa no Brasil
Desafios da preservação de dados de pesquisa no Brasil
 
Workshop APDIS sobre Gestão de Dados Científicos
Workshop APDIS sobre Gestão de Dados CientíficosWorkshop APDIS sobre Gestão de Dados Científicos
Workshop APDIS sobre Gestão de Dados Científicos
 
Dataverse cariniana 2017
Dataverse cariniana 2017Dataverse cariniana 2017
Dataverse cariniana 2017
 
Situação e tendências da gestão de dados de investigação
Situação e tendências da gestão de dados de investigaçãoSituação e tendências da gestão de dados de investigação
Situação e tendências da gestão de dados de investigação
 
Gdibibliotecas
GdibibliotecasGdibibliotecas
Gdibibliotecas
 
Gestão de Dados de Investigação e Bibliotecas em Portugal: estratégias, servi...
Gestão de Dados de Investigação e Bibliotecas em Portugal: estratégias, servi...Gestão de Dados de Investigação e Bibliotecas em Portugal: estratégias, servi...
Gestão de Dados de Investigação e Bibliotecas em Portugal: estratégias, servi...
 
23 coisas: Bibliotecas para a Gestão de Dados de Investigação (Webinar BAD do...
23 coisas: Bibliotecas para a Gestão de Dados de Investigação (Webinar BAD do...23 coisas: Bibliotecas para a Gestão de Dados de Investigação (Webinar BAD do...
23 coisas: Bibliotecas para a Gestão de Dados de Investigação (Webinar BAD do...
 
Gestão de Dados Científicos nas Instituições - workshop #ConfOA2015
Gestão de Dados Científicos nas Instituições - workshop #ConfOA2015Gestão de Dados Científicos nas Instituições - workshop #ConfOA2015
Gestão de Dados Científicos nas Instituições - workshop #ConfOA2015
 
Data RepositóriUM: projeto de implementação do repositório de dados para a Un...
Data RepositóriUM: projeto de implementação do repositório de dados para a Un...Data RepositóriUM: projeto de implementação do repositório de dados para a Un...
Data RepositóriUM: projeto de implementação do repositório de dados para a Un...
 
Estratégia Institucional para a gestão de dados de investigação na UMINHO: o ...
Estratégia Institucional para a gestão de dados de investigação na UMINHO: o ...Estratégia Institucional para a gestão de dados de investigação na UMINHO: o ...
Estratégia Institucional para a gestão de dados de investigação na UMINHO: o ...
 
Acesso aberto a dados de pesquisa no Brasil
Acesso aberto a dados de pesquisa no BrasilAcesso aberto a dados de pesquisa no Brasil
Acesso aberto a dados de pesquisa no Brasil
 
Da ciência aos dados abertos
Da ciência aos dados abertosDa ciência aos dados abertos
Da ciência aos dados abertos
 
Ofinia em Gestão de dados científicos: o papel das bibliotecas
Ofinia em Gestão de dados científicos: o papel das bibliotecasOfinia em Gestão de dados científicos: o papel das bibliotecas
Ofinia em Gestão de dados científicos: o papel das bibliotecas
 
Repositórios de produção científica e seu potencial nos sistemas de avaliação
Repositórios de produção científica e seu potencial nos sistemas de avaliaçãoRepositórios de produção científica e seu potencial nos sistemas de avaliação
Repositórios de produção científica e seu potencial nos sistemas de avaliação
 
Diretrizes OpenAire para Repositórios de Dados, Repositórios de Literatura e ...
Diretrizes OpenAire para Repositórios de Dados, Repositórios de Literatura e ...Diretrizes OpenAire para Repositórios de Dados, Repositórios de Literatura e ...
Diretrizes OpenAire para Repositórios de Dados, Repositórios de Literatura e ...
 
SciELO: Acesso Aberto em alinhamento com a Ciência Aberta
SciELO: Acesso Aberto em alinhamento com a Ciência AbertaSciELO: Acesso Aberto em alinhamento com a Ciência Aberta
SciELO: Acesso Aberto em alinhamento com a Ciência Aberta
 
Esquemas de metadados utilizados por repositórios digitais científicos latino...
Esquemas de metadados utilizados por repositórios digitais científicos latino...Esquemas de metadados utilizados por repositórios digitais científicos latino...
Esquemas de metadados utilizados por repositórios digitais científicos latino...
 

Mais de Conferência Luso-Brasileira de Ciência Aberta

Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...
Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...
Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...Conferência Luso-Brasileira de Ciência Aberta
 

Mais de Conferência Luso-Brasileira de Ciência Aberta (20)

Citações e métricas complementares: um estudo da sua correlação em artigos ci...
Citações e métricas complementares: um estudo da sua correlação em artigos ci...Citações e métricas complementares: um estudo da sua correlação em artigos ci...
Citações e métricas complementares: um estudo da sua correlação em artigos ci...
 
Pré-Workshop: Formação em Edição Eletrónica
Pré-Workshop: Formação em Edição EletrónicaPré-Workshop: Formação em Edição Eletrónica
Pré-Workshop: Formação em Edição Eletrónica
 
Análise relacional entre princípios FAIR de gestão de dados de pesquisa e nor...
Análise relacional entre princípios FAIR de gestão de dados de pesquisa e nor...Análise relacional entre princípios FAIR de gestão de dados de pesquisa e nor...
Análise relacional entre princípios FAIR de gestão de dados de pesquisa e nor...
 
10 anos RCAAP - ConfOA
10 anos RCAAP - ConfOA10 anos RCAAP - ConfOA
10 anos RCAAP - ConfOA
 
Programa de formação modular sobre Ciência Aberta
Programa de formação modular sobre Ciência AbertaPrograma de formação modular sobre Ciência Aberta
Programa de formação modular sobre Ciência Aberta
 
Análise da Produção Científica Brasileira em Periódicos de Acesso Aberto
Análise da Produção Científica Brasileira em Periódicos de Acesso AbertoAnálise da Produção Científica Brasileira em Periódicos de Acesso Aberto
Análise da Produção Científica Brasileira em Periódicos de Acesso Aberto
 
Acesso aberto como ferramenta para o empoderamento do paciente
Acesso aberto como ferramenta para o empoderamento do pacienteAcesso aberto como ferramenta para o empoderamento do paciente
Acesso aberto como ferramenta para o empoderamento do paciente
 
Livros eletrônicos, políticas de licenciamento e acesso aberto - relações con...
Livros eletrônicos, políticas de licenciamento e acesso aberto - relações con...Livros eletrônicos, políticas de licenciamento e acesso aberto - relações con...
Livros eletrônicos, políticas de licenciamento e acesso aberto - relações con...
 
Ciência aberta e revisão por pares aberta: aspectos e desafios da participaçã...
Ciência aberta e revisão por pares aberta: aspectos e desafios da participaçã...Ciência aberta e revisão por pares aberta: aspectos e desafios da participaçã...
Ciência aberta e revisão por pares aberta: aspectos e desafios da participaçã...
 
Melhorando a citabilidade de programas de computador para pesquisa com o Cita...
Melhorando a citabilidade de programas de computador para pesquisa com o Cita...Melhorando a citabilidade de programas de computador para pesquisa com o Cita...
Melhorando a citabilidade de programas de computador para pesquisa com o Cita...
 
Técnicas de Search Engine Optimization (SEO) aplicadas no site da Biblioteca ...
Técnicas de Search Engine Optimization (SEO) aplicadas no site da Biblioteca ...Técnicas de Search Engine Optimization (SEO) aplicadas no site da Biblioteca ...
Técnicas de Search Engine Optimization (SEO) aplicadas no site da Biblioteca ...
 
Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...
Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...
Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...
 
Serviço Nacional de Registo de Identificadores DOI
Serviço Nacional de Registo de Identificadores DOIServiço Nacional de Registo de Identificadores DOI
Serviço Nacional de Registo de Identificadores DOI
 
Recursos educacionais abertos na Universidade Aberta. A rede como estratégia ...
Recursos educacionais abertos na Universidade Aberta. A rede como estratégia ...Recursos educacionais abertos na Universidade Aberta. A rede como estratégia ...
Recursos educacionais abertos na Universidade Aberta. A rede como estratégia ...
 
Infraestrutura OpenAIRE: desenvolvimentos para o fortalecimento da Ciência Ab...
Infraestrutura OpenAIRE: desenvolvimentos para o fortalecimento da Ciência Ab...Infraestrutura OpenAIRE: desenvolvimentos para o fortalecimento da Ciência Ab...
Infraestrutura OpenAIRE: desenvolvimentos para o fortalecimento da Ciência Ab...
 
Preservação digital, gestão de dados de pesquisa e biodversidade
Preservação digital, gestão de dados de pesquisa e biodversidadePreservação digital, gestão de dados de pesquisa e biodversidade
Preservação digital, gestão de dados de pesquisa e biodversidade
 
Dados governamentais na perspectiva da Ciência Aberta: potencialidades e desa...
Dados governamentais na perspectiva da Ciência Aberta: potencialidades e desa...Dados governamentais na perspectiva da Ciência Aberta: potencialidades e desa...
Dados governamentais na perspectiva da Ciência Aberta: potencialidades e desa...
 
Do acesso à informação aos Dados Parlamentares Abertos em Portugal
Do acesso à informação aos Dados Parlamentares Abertos em PortugalDo acesso à informação aos Dados Parlamentares Abertos em Portugal
Do acesso à informação aos Dados Parlamentares Abertos em Portugal
 
Transparência e Dados Abertos do Recife: Uma Estratégia Bem Sucedida de Publi...
Transparência e Dados Abertos do Recife: Uma Estratégia Bem Sucedida de Publi...Transparência e Dados Abertos do Recife: Uma Estratégia Bem Sucedida de Publi...
Transparência e Dados Abertos do Recife: Uma Estratégia Bem Sucedida de Publi...
 
Revistas científicas brasileiras de acesso aberto: qualidade do ponto de vist...
Revistas científicas brasileiras de acesso aberto: qualidade do ponto de vist...Revistas científicas brasileiras de acesso aberto: qualidade do ponto de vist...
Revistas científicas brasileiras de acesso aberto: qualidade do ponto de vist...
 

Gestão de dados e infraestruturas de investigação

  • 1. Gestão de dados e infraestruturas de investigação: Sobreposições, Convergências e Articulações 7ª Conferência Luso-Brasileira de Acesso Aberto (CONFOA) Pedro Moura Ferreira (ICS) Bárbara Rodrigues (ICS)
  • 2. O desafio do acesso aos dados de investigação Depois da política de acesso aberto relativa à produção científica, os dados de investigação constituem um desafio atual do sistema científico nacional
  • 3. Os benefícios são múltiplos • Reutilização dos dados • Transparência • Peer review • Maior exigência • Evitar duplicações
  • 4. Há importantes iniciativas no domínio da gestão dos dados Rcaap As orientações da secretaria de estado da ciência Repositórios de dados (projetos)
  • 5. Novos atores: as infraestruturas • Como as infraestruturas que integram o roteiro nacional das infraestruturas de investigação Produtoras de dados Que destino lhes dão? Como preservam e disseminam os dados?
  • 6. O caso das ciências sociais: a infraestrutura PASSDA A infraestrutura Production and Archive of Social Science Data (PASSDA): • Programas das Atitudes Sociais e Políticas dos Portugueses (ASP) • Arquivo Português de Informação Social (APIS)
  • 7. A articulação do arquivo com uma rede internacional O que a rede europeia de arquivos de dados em ciências sociais (CESSDA) proporciona aos seus membros?
  • 8. OAIS: OPEN ARCHIVAL INFORMATION SYSTEM A organização e funcionamento dos arquivos apoia-se no mesmo modelo de referência (OAIS) Arquivo Gestão dos dados ConsumidorProdutor
  • 9. O ciclo de vida dos dados: Desde a sua criação até à reutilização Coleções de dados compostas por: • base de dados • documentação (i.e. questionários, relatórios metodológicos)
  • 10. Uso de Metadados Referenciar os dados e resultados da investigação Descrição compreensiva Conexões longitudinais
  • 13. Recursos Catálogo de estudos (ELSST thesaurus) Inquéritos internacionais Outras redes internacionais de arquivos Ligações a outras infraestruturas
  • 14. Certificação: Data Seal Approval 16 orientações que, em conjunto, qualificam o repositório para o Data Seal Approval. Sujeita a uma prévia peer review
  • 15. Preservação Preservação dos dados a longo prazo: Obsolescência tecnológica gestão inadequada dos dados
  • 16. Serviços à comunidade científica (disseminação) Além das bases de dados, Bases de questões/perguntas Consentimento informado Planos de gestão Apoio na localização dos recursos Codebooks
  • 17. Resumindo Como esta experiência proporcionada pelas infraestruturas europeias pode ser integrada no desenvolvimento dos repositórios nacionais de dados?
  • 18. Modelo de base genérica vs modelo de base disciplinar RCAAP Desaconselhava mega soluções Modelo com base em: • Investigadores • Instituições científicas • Instituições financiadoras • Repositórios
  • 19. Sobreposições e articulações Existem sobreposições em algumas das infraestruturas que compõem o roteiro nacional. Como se evita a duplicação? Como se articulam as infraestruturas?
  • 20. A gestão de dados e os investigadores: Novas práticas e novas regras: • O depósito dos dados • A análise secundária • Períodos de embargo • Regras de citação • Monitorização
  • 21. A Gestão de dados e as instituições São necessárias orientações de política científica para desenhar a configuração institucional da gestão de dados e as relações com as infraestruturas.