O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
Cadernos abertos de laboratório
e a proposta de uma nova cultura epistêmica
no movimento da Ciência Aberta
Anne Clinio e S...
Prog. de pesquisa Ciência Aberta e Inovação cidadã
André BrazilMaria Lucia MacielSarita Albagli
Coordenadora
André Appel
V...
Open notebook science
“ [...] eu me refiro à existência de uma URL
linkada a um caderno de laboratório (como
esse) que est...
Open notebook science
“[...] um modo de fazer ciência em que - da
melhor maneira possível - você torna a sua
pesquisa aber...
Objetivo de pesquisa
> Compreender a cultura epistêmica que está
sendo engendrada pela inovação do open
notebook science n...
Metodologia
1. Seguir o cientista “recrutador”
> Identificar os discursos e as aspirações via
pesquisa documental
2. Descr...
Cultura epistêmica
“Amálgamas de arranjos e mecanismos
alcançados – ligados pela afinidade,
necessidade e coincidência his...
Testemunho
Testemunha modesta
Testemunhas diretas,
“indiretas porém próximas”
ou virtuais
“Três tecnologias” de Shapin e S...
Discurso: origens
Análise do contexto:
- Modos de produção e comunicação da
ciência são inadequados
- Tecnologias digitais...
Testers que verificam a
qualidade da contribuição
ao utilizá-la
Três tecnologias da “Ciência do Caderno Aberto”
Material
R...
Da confiança à prova
> Confiança > Toda transparência + proveniência de dados.
> Ciência com aparência de infalível > Ativ...
Obrigada
anne@clinio.net
@anneclinio
academia.edu/anneclinio
Anne Clinio
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Cadernos abertos de laboratório e a proposta de uma nova cultura epistêmica no movimento da ciência aberta - CONFOA 2017

122 visualizações

Publicada em

Cadernos abertos de laboratório e a proposta de uma nova cultura epistêmica no movimento da ciência aberta
Anne Clinio, Sarita Albagli

Publicada em: Ciências
  • Seja o primeiro a comentar

Cadernos abertos de laboratório e a proposta de uma nova cultura epistêmica no movimento da ciência aberta - CONFOA 2017

  1. 1. Cadernos abertos de laboratório e a proposta de uma nova cultura epistêmica no movimento da Ciência Aberta Anne Clinio e Sarita Albagli 8o Confoa - Rio de Janeiro - 4-6 out 2017 Licença Creative Commons - Atribuição - Compartilhar Igual - Não comercial
  2. 2. Prog. de pesquisa Ciência Aberta e Inovação cidadã André BrazilMaria Lucia MacielSarita Albagli Coordenadora André Appel Vanessa Jorge Allan Yu Anne Clinio Beatriz Martins Daniel S. Ribeiro Hesley PyHenrique Parra Miguel Papi Paulo GuanaesLuana Rocha
  3. 3. Open notebook science “ [...] eu me refiro à existência de uma URL linkada a um caderno de laboratório (como esse) que está disponível abertamente e é indexado por ferramentas de busca habituais. Ele não precisa obrigatoriamente parecer com um caderno de laboratório de papel, mas é essencial que as informações necessárias para que o pesquisador chegue às suas conclusões estejam igualmente disponíveis para o resto do mundo. Basicamente, não há informação privilegiada.” (BRADLEY, 26 set 2006) Jean-Claude Bradley
  4. 4. Open notebook science “[...] um modo de fazer ciência em que - da melhor maneira possível - você torna a sua pesquisa aberta ao público em tempo real” (BRADLEY, 2010)BRADLEY set 2006) Jean-Claude Bradley
  5. 5. Objetivo de pesquisa > Compreender a cultura epistêmica que está sendo engendrada pela inovação do open notebook science no âmbito da Ciência Aberta.BRADLEY, 26 set 2006) Página de experimento
  6. 6. Metodologia 1. Seguir o cientista “recrutador” > Identificar os discursos e as aspirações via pesquisa documental 2. Descrever o conhecimento enquanto prática > Realizar uma etnografia do “laboratório aberto” Principais fontes de informação
  7. 7. Cultura epistêmica “Amálgamas de arranjos e mecanismos alcançados – ligados pela afinidade, necessidade e coincidência histórica – que, em um determinado campo, compõem como nós sabemos o que sabemos” (p.1) “Culturas que criam e certificam o conhecimento” (p. 8) nas quais os cientistas estão envolvidos por uma “conjunção de convenções e dispositivos parcialmente elaborados, organizados e dinamizados sob os quais nenhum ator tem controle.” (p. 11) Knorr-Cetina (1990)
  8. 8. Testemunho Testemunha modesta Testemunhas diretas, “indiretas porém próximas” ou virtuais “Três tecnologias” de Shapin e Shaffer (1985) Material Espaço privado do laboratório e instrumentos científicos rudimentares. Literária Experimentals essays relato de experimento em narrativa que o projeta na mente do leitor. Social Fato científico “Nova variedade de conhecimento”; “base do conhecimento apropriado” =++ Imagens: Wikimedia Commons
  9. 9. Discurso: origens Análise do contexto: - Modos de produção e comunicação da ciência são inadequados - Tecnologias digitais como oportunidade para retornar a “verdadeira ciência” Motivação pessoal: - Por uma ciência útil à humanidade - Colaboração: Faster science, better science Falhas sistêmicas Revisão por pares: apenas 3 atores - Quali: “informação satisfatória”? - Quanti: - 87% da produção Gatekeppers - Artigo: formato reduz a comunicação - O “fracasso” ensina. Não descartar. Cientistas - A ideia de “fonte confiável” - A noção de “fato científico” como nocivo
  10. 10. Testers que verificam a qualidade da contribuição ao utilizá-la Três tecnologias da “Ciência do Caderno Aberto” Material Rede de lab. abertos: informação, instrumentos e insumos compartilhados Literária Novo tipo de arquivo, parte de ecossistema de produção aberta Social Questão de prova Matter of proof Qualidade da documentação de resultados que devem ser tratados como evidência =++ Imagens: UsefulChem e Wikimedia Commons
  11. 11. Da confiança à prova > Confiança > Toda transparência + proveniência de dados. > Ciência com aparência de infalível > Atividade c/ ambiguidades e incertezas > Cientista gênio > Propensos a erros e corrupções > Modelo de difusão: “ciência pronta” > Translação: estratégias das “caixas pretas” > Revisão às cegas e pontual > Curadoria aberta e constante > Autor de narrativas (artigos) > Storyless experiments, videos, games, apps, etc. > Proprietário de informação > Doador de “código” > Testemunha > Testador > Obsessão c/ construção de fato científico > Documentação minuciosa das evidências
  12. 12. Obrigada anne@clinio.net @anneclinio academia.edu/anneclinio Anne Clinio

×