O Grupo Inditex

862 visualizações

Publicada em

Apresentação de um Case Study elaborado pelo Eng Renato Cardoso (formando da 12ª Edição da PG Lean Management, elearning)

Publicada em: Negócios
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
862
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Grupo Inditex

  1. 1. Inditex Supply Chain Analysis(the business that never sleeps)12ª Edição da Pós Graduação em Lean Management (elearning)COMUNIDADE LEAN THINKING22, Abril de 20131Renato Cardoso
  2. 2. AgendaCaracterização da InditexModelo de negócioAspectos diferenciadores de sucessoFontes2Inditex Supply Chain Analysis
  3. 3. Caracterização da Inditex3Inditex Supply Chain AnalysisInditex, um dos retalhistas mais importantes domundo da moda hoje em dia.Tem mais de 6.000 lojas em 86 mercados emtodo o mundo.Além da Zara, a maior de suas marcas, aInditex detém outros conceitos:Pull & Bear, MassimoDutti, Bershka, Stradivarius, Oysho, ZaraHome e Uterqüe.
  4. 4. Caracterização da Inditex4Inditex Supply Chain AnalysisA primeira loja Zara abriu na Coruña em 1975.Na década seguinte a Zara continuou a abrirlojas em toda a Espanha. Estreou-se no Portoem 1988, e nos anos seguintes para fora daPenínsula Ibérica, em Nova Iorque (1989) eParis (1990).
  5. 5. Caracterização da Inditex5Inditex Supply Chain AnalysisA forma de entrar num novo mercado começacom um pequeno número de lojas, depois comanálise do seu desempenho antes deavançarem para uma massa crítica de clientes.Os novos conceitos adicionados ao Grupodesde 1991 partilham a mesma abordageminternacional da Zara.Todas as marcas têm expandidosimultaneamente em Espanha e noestrangeiro. Na maioria dos casos, a Zara foi oprimeiro conceito para desembarcar em novospaíses, ganhando experiência que facilita aposterior implantação de outros conceitos. Estaexperiência acumulada tem também permitidoa expansão acelerada internacional dosconceitos mais recentes.
  6. 6. Caracterização da Inditex6Inditex Supply Chain AnalysisInditex tem crescido fortemente nos últimosanos, alcançando um volume de negóciosconsolidado de 15.946 milhões de euros em2012, e lucro líquido de 2.361 milhões deeuros.Em 2012:- Criou 10,802 novos postos detrabalho, aumentando o número decolaboradores para 120,314.- Investiu 1,4 bilhões de euros em matéria delogística.- O lucro líquido aumentou 22% face a 2011.- Abriu mais 482 lojas em 64 mercados.- A rede de lojas on-line atingiu 23 mercados.
  7. 7. Caracterização da Inditex7Inditex Supply Chain AnalysisEm 31 de janeiro de 2013, a Inditex tinha120.314 funcionários no mundo:- 55% em Espanha,- idade média de 26 anos e- 80,4 % são colaboradoras femininas.A cultura corporativa da Inditex é baseada notrabalho em equipe e comunicação aberta, eas expectativas de desempenho são muitoelevados.Estes princípios alicerçam o empenho pessoalde cada funcionário para atender àsnecessidades dos clientes.
  8. 8. Modelo de negócio8Inditex Supply Chain AnalysisO modelo de negócio Inditex é caracterizadapor um elevado grau de integração vertical.Este modelo envolve todas as fases doprocesso de criação de valor:design, fabricação, logística e distribuição paralojas próprias.Tem uma estrutura flexível e uma forteorientação para o cliente de todas as suasáreas de negócio.É na loja que também obtêm informações úteispara adaptar as colecções ao gosto dosclientes.Para Inditex, velocidade é a prioridadenúmero 1, acima e para além dos custos deprodução. A integração vertical tem comoobjectivo aumentar o tempo de resposta ásnecessidades identificadas na loja através deuma grande flexibilidade, mantendo os stockse riscos de estar démodé nos mínimos.
  9. 9. Modelo de negócio9Inditex Supply Chain AnalysisDesignO sucesso das colecções da Inditex reside nacapacidade de identificar e adaptar a rápidaevolução das tendências de moda, design denovos itens de forma continuada parasatisfazer os desejos dos clientes.No último ano, os seus produtoscompreenderam mais de 30.000 itens.A Inditex conta com mais de 300 designers -200 deles na Zara, a sua inspiração principaltem como principais fontes as tendênciaspredominantes na indústria da moda, ospróprios clientes e o feedback recebidodas lojas.
  10. 10. Modelo de negócio10Inditex Supply Chain AnalysisProduçãoUma parte significativa da produção é feita emfábricas próprias do Grupo, que produzemprincipalmente o vestuário mais fashion-forward.A Inditex controla directamente o fornecimentodo tecido, marcação e corte e, o acabamentofinal, enquanto subcontrata a confecção paraempresas especialistas localizadaspredominantemente na região noroeste daPenínsula Ibérica. Dois terços dosfornecedores externos são europeus.
  11. 11. Modelo de negócio11Inditex Supply Chain AnalysisLogísticaTodas as mercadorias, independentemente dasua origem, são entregues nos centros dedistribuição do conceito, a partir de onde édistribuído para as lojas de todo o mundonuma base muito frequente e contínua. Sãoefectuadas entregas nas lojas 2 vezes porsemana e sempre com novos modelos, paragarantir que as colecções da loja sãoconstantemente renovadas e actualizadas.O sistema de logística, com base em softwareconcebido por equipas internas dacompanhia, asseguram que o tempo entre arecepção das ordens dos centros dedistribuição e quando a mercadoria é entreguenas lojas é, em média, apenas 24 horas paralojas europeias e não mais de 48 horas paralojas americanas e asiáticas.
  12. 12. Modelo de negócio12Inditex Supply Chain AnalysisDistribuição em lojas própriasA loja não é o fim do processo, mas sim oinício, representando um veículo para arecolha de informações de mercado sobretendências solicitados pelos clientes.As vitrines actuam como um veículo depublicidade nas principais zonas comerciais domundo, enquanto o objectivo do design deinteriores é criar um espaço onde as roupasassumem destaque principal.Em mercados menores ou culturalmentediferentes, a Inditex ampliou sua rede de lojasatravés de franchising. No final de 2012, tinha763 lojas franchisadas.Neste modelo assume a integração total daslojas com gestão própria em termos deproduto, recursoshumanos, formação, decoração, optimizaçãoda logística, etc. , para garantir uma imagemglobal padronizada.
  13. 13. Modelo de negócio13Inditex Supply Chain AnalysisOrganização funcionalCada conceito tem margem de manobragrande para gerir o seu negócio.No entanto, o facto deles pertencerem a umgrupo que opera em mais de 86 mercadosusufruem de grande número de sinergiasorganizacionais e de conhecimento de gestão.Cada equipa de gestãopode, assim, concentrar-se nodesenvolvimento de seu negócio sabendoque certos elementos de suporte são cobertospela experiência acumulada do Grupo.A Inditex, como “empresa-mãe”, é responsávelpor serviços corporativos centrais dos oitoconceitos, o que facilita o crescimentointernacional, nomeadamente: a tecnologia delogística, política de RH, questões legais, acapacidade financeira, entre outros.
  14. 14. Aspectos diferenciadores de sucesso14Inditex Supply Chain AnalysisAmancio Ortega, o fundador, tinha o pensamento de que as roupas seriamcommodities perecíveis, para serem consumidos ao invés de guardados emarmários.A Inditex possui um modelo de negócio único baseado na vantagemcompetitiva de sua cadeia de abastecimento. Trata-se de um benchmarkmundial em Just-in-time e supply chain management.A proposta de valor da Inditex é “moda rápida a preços acessíveis” com umacadeia de valor que cuida do desenho, fabricação, distribuição e venda.A Inditex garante a entrega em qualquer lugar do mundo em 24 a 48 horas.Isto só é possível porque o seu armazém é centralizado em Espanha ondecada uma de suas 8 marcas possui uma única central onde são tomadastodas as decisões de desenho, fabricação e distribuição.
  15. 15. Aspectos diferenciadores de sucesso15Inditex Supply Chain AnalysisA Inditex produz um terço da sua produção na Ásia (muito menos que amaioria de empresas do sector que preferem fabricar em países com custode mão de obra mais baixo) e a grande maioria perto de seus principaismercados (a Europa ainda responde por mais de 75% de suas vendas)mesmo sendo “mais caro” compensa ter um melhor tempo de resposta.Cerca de 40% das confecções são produzidas internamente, e o restante éproveniente da Europa, Norte da África e Ásia.O sistema fabril da Zara é semelhante ao da Benetton, contudo foimelhorado para instalar um sistema JIT, em joint-venture com a Toyota.Sendo coerente com suas escolhas estratégicas, todo o investimento emmarketing é voltado para o ponto de venda, em concordância com suavantagem estratégica competitiva.
  16. 16. Aspectos diferenciadores de sucesso16Inditex Supply Chain AnalysisDo design até a entrega do produto nas lojas a empresa demora apenas 15dias, o que é pelo menos a metade do tempo dos principais concorrentes.A velocidade com que a empresa coloca o produto no ponto devenda, caracterizando um segmento chamado de Fast Fashion:- Reduz o risco de não vender,- Maximiza o retorno baixando os stocks de produtos obsoletos,- Possibilita uma maior variedade de linhas de produtos,- Assegura lojas constantemente renovadas (duas entregas por semana),- Mantendo a moda no topo das prioridades.Isto permite a oferta de uma nova colecção ao início de cada estação e aolongo da estação, são apresentados novos cortes e cores, oferecendo aoconsumidor um constante ar de novidade.Hoje, em grande parte graças à sua estratégia verticalizada de produção elogística, a Zara é líder do mercado europeu de confecções, à frente degigantes como a GAP, H&M, Next e Puma.
  17. 17. Aspectos diferenciadores de sucesso17Inditex Supply Chain AnalysisA Zara detém os dois tipos de vantagens básicos que Porter consideraimportantes: o baixo custo e a diferenciação.A Zara não dita tendências; prefere segui-las. Evita colaborações comestilistas famosos e caras campanhas publicitárias. Envia pessoas paraacompanhar os principais desfiles, de modo a ter novas ideias, e acompanhaa concorrência, ambientes universitários, clubes e cafés, além de eventosrelevantes para o estilo de vida de seu público.A Zara chegou à liderança do segmento europeu de confecções, enfrentandoempresas tradicionais e já estabelecidas em inúmeros mercados. O seusucesso deve-se em grande parte à introdução de novos paradigmas noretalho do pronto a vestir, tendo sido uma das redes inovadoras naaplicação de sistemas baseados no JIT adaptados às peculiaridades dosetor, e desenvolvidos em conjunto com a Toyota.A introdução do JIT no retalho pode ser apontada como um dos factores a tercriado um novo segmento, hoje denominado fast fashion.
  18. 18. Aspectos diferenciadores de sucesso18Inditex Supply Chain AnalysisA produção da Zara começa na própria Loja, e conta com os seguintes passos:1) Feedback das lojas: informações sobre vendas e comentários qualitativos.2) Pesquisa de tendências em campus de universidades, bares e outros locaispertinentes.3) Envio de informações diárias ao “quartel general” onde se analisam deperto as tendências de moda e o comportamento de compra.4) No “quartel general”, os gerentes regionais analisam o feedback das lojas.5) A equipe comercial reúne-se com os designers para criar linhas novas eremover as existentes, decidindo desde logo questões como fabricação, cortee preços do novo vestuário.6) Os tecidos vêm de armazéns próprios.7) Tingimento dos tecidos.8) Produção.9) Envio dos produtos às lojas.10) Linhas no ponto de venda.
  19. 19. Fontes:19Existem inúmeros casos de estudo que referenciam o Grupo Inditex como exemplo deexcelência a seguir no que diz respeito ás opções estratégicas e na gestão da cadeia devalor.Inditex press dossier kit 2012MBA Logistica Empresarial Integrada, Prof. Dr. Luciel Henrique de Oliveira, EAESP- FGV/SPhttp://www.nytimes.com/2012/11/11/magazine/how-zara-grew-into-the-worlds-largest-fashion-retailer.html?pagewanted=all&_r=0http://www.economist.com/node/21551063http://blogs.hbr.org/cs/2012/12/the_gift_that_keeps_giving_bus.html

×