SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
EMOÇÃO
Introdução
• Sentimentos básico
• Motivos – fome, sexo
• Emoção – alegria, raiva

• Também podem dar direção aos nossos
  comportamentos, bem como acompanhar
  nossos motivos
• Ex: sexo – motivo básico e potencial de
  alegria
• Emoções – ativadas pelo meio externo e
  dirigidas ao meio externo; pode ser
  provocada por uma ampla variedade de
  estímulos (o que deixa você com raiva?)
• Motivações – ativadas pelo meio interno e
  dirigidas a objetos externo (ex: comida,
  água, parceiro); geralmente provocado
  por necessidade específica
• Emoção é uma condição complexa que surge em
  resposta a determinada experiências de caráter afetivo
  (experiência subjetiva da emoção)
• Afeição; estado corporal; crenças e ideias; expressão
  facial; reações à emoção (emoções negativas e
  positivas – visão de mundo); tendências de ação – são
  componentes de uma emoção
• Nenhum dos componentes é, por si só, uma emoção e
  podem se influenciar (dê um exemplo – profecias que se
  auto cumprem) – isso é tendência a uma postura
  sistêmica na abordagem da emoção
Excitação e emoção
•   Sist. Simpático:
•   Aumento da pressão arterial
•   Frequência cardíaca
•   Dilatação pupilar
•   Nível de açucar aumentado
•   Palidez
•   Piloereção

• Produção de energia para resposta de medo ou
  cólera (luta ou fuga)
Intensidade das emoções
• Medula espinhal e resposta emocional a
  situação específica
Emoção e comportamento
• Qual a importância da emoção no controle do
  comportamento?
• Emoção – cognição (memória, aprendizagem,
  percepção, inteligência, gênese e expressão do
  comportamento etc)
• Emoção é indispensável para a vida racional )
  razão x emoção
• As respostas emocionais nos diferenciam uns
  dos outros
• Dualismo mente x corpo (Descartes)
• Corpo influencia a mente? Mente influencia
  corpo?
• A natureza e extensão de respostas emocionais
  não depende só do cérebro, mas da interação
  do cérebro com o corpo, bem como das
  percepções do próprio corpo e do mundo com o
  qual o corpo interage
• Formação de imagens mentais
• Estudos com proposta de unir emoção e razão,
  sendo que ambos complementam e interagem
  entre si (contra Descartes)
• Pesquisas computacionais – levando-se ao
  entendimento das emoções separadas do
  corpo- simulação de processos biológicos-
  mente separada do corpo (pró Descartes) – ou
  seja, não há ideia de que o corpo seja
  modificável em certas circunstâncias
• Participação cortical
• Phineas Gage (1848)
• Em momento de decisão, é a emoção que
  determina uma resposta? (susto, choque)
• Pode haver comportamento puramente
  racional, sem influência da emoção?

• Sistema límbico e córtex
• Pesquisas sugerem que há situações em
  que informações cheguem à amígdala,
  sem serem conduzidas ao córtex (ou seja,
  não se baseiam na avaliação)
• Situações urgentes, sugerindo sentir
  antes de pensar (susto com uma sombra)
Expressão facial
• Acompanha as emoções com intuito de
  comunicação de uma emoção
• Teoria evolucionista Charles Darwin
• Expressões básicas reconhecidas
• Alegria, tristeza, nojo
• Medo e surpresa podem ser confundidos
  em algum grau

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Afetos, emoções e sentimentos
Afetos, emoções e sentimentosAfetos, emoções e sentimentos
Afetos, emoções e sentimentos
 
01 sentimentos e emoções no comportamento humano
01 sentimentos e emoções no comportamento humano01 sentimentos e emoções no comportamento humano
01 sentimentos e emoções no comportamento humano
 
Processos Emocionais
Processos EmocionaisProcessos Emocionais
Processos Emocionais
 
Emoções, Sentimentos e Afectos
Emoções, Sentimentos e AfectosEmoções, Sentimentos e Afectos
Emoções, Sentimentos e Afectos
 
Os processos emocionais
Os processos emocionaisOs processos emocionais
Os processos emocionais
 
Emoções básicas
Emoções básicasEmoções básicas
Emoções básicas
 
Emoções e sentimentos.pptx
Emoções e sentimentos.pptxEmoções e sentimentos.pptx
Emoções e sentimentos.pptx
 
CETADEB Lição 2 - A Psicologia e as nossas emoções. Livro Psicologia Pastoral
CETADEB Lição 2 - A Psicologia e as nossas emoções. Livro Psicologia PastoralCETADEB Lição 2 - A Psicologia e as nossas emoções. Livro Psicologia Pastoral
CETADEB Lição 2 - A Psicologia e as nossas emoções. Livro Psicologia Pastoral
 
Mente asemcoes
Mente asemcoesMente asemcoes
Mente asemcoes
 
Emoções
EmoçõesEmoções
Emoções
 
Sentimentos sob a ótica da Análise do Comportamento.
Sentimentos sob a ótica da Análise do Comportamento.Sentimentos sob a ótica da Análise do Comportamento.
Sentimentos sob a ótica da Análise do Comportamento.
 
Como Lidar com as emoções
Como Lidar com as emoçõesComo Lidar com as emoções
Como Lidar com as emoções
 
Gerir emoções
Gerir emoçõesGerir emoções
Gerir emoções
 
Relações Familiares, o Papel das Emoções (Vanderlei Miranda) - Cidadão do Fut...
Relações Familiares, o Papel das Emoções (Vanderlei Miranda) - Cidadão do Fut...Relações Familiares, o Papel das Emoções (Vanderlei Miranda) - Cidadão do Fut...
Relações Familiares, o Papel das Emoções (Vanderlei Miranda) - Cidadão do Fut...
 
Saude integral
Saude integralSaude integral
Saude integral
 
Emoção
EmoçãoEmoção
Emoção
 
Emoções
EmoçõesEmoções
Emoções
 
Emoções
EmoçõesEmoções
Emoções
 
Emoção
EmoçãoEmoção
Emoção
 
Emoções
EmoçõesEmoções
Emoções
 

Destaque

Slide trabalho das emoçoes
Slide trabalho das emoçoesSlide trabalho das emoçoes
Slide trabalho das emoçoesisa Palma
 
Raiva
RaivaRaiva
RaivaCL66
 
Apresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência EmocionalApresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência Emocionalanaediteaires
 
Desenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocionalDesenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocionalAlexandre Rivero
 
Dinâmica das emoções
Dinâmica das emoçõesDinâmica das emoções
Dinâmica das emoçõesThais Fraga
 
10 dinâmicas divertidas e envolventes
10 dinâmicas divertidas e envolventes10 dinâmicas divertidas e envolventes
10 dinâmicas divertidas e envolventesSeduc MT
 
6 ª Oficina dos sentimentos
6 ª Oficina dos sentimentos 6 ª Oficina dos sentimentos
6 ª Oficina dos sentimentos Leonardo Pereira
 
Inteligência emocional e o perfil do empreendedor
Inteligência emocional e o perfil do empreendedorInteligência emocional e o perfil do empreendedor
Inteligência emocional e o perfil do empreendedorYonara Mateus
 
Missão dos pais
Missão dos paisMissão dos pais
Missão dos paisLisete B.
 

Destaque (20)

Slide trabalho das emoçoes
Slide trabalho das emoçoesSlide trabalho das emoçoes
Slide trabalho das emoçoes
 
EmoçõEs
EmoçõEsEmoçõEs
EmoçõEs
 
Raiva
RaivaRaiva
Raiva
 
Gestão das emoções
Gestão das emoçõesGestão das emoções
Gestão das emoções
 
Raiva
RaivaRaiva
Raiva
 
Apresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência EmocionalApresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência Emocional
 
Raiva
RaivaRaiva
Raiva
 
Desenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocionalDesenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocional
 
Dinâmica das emoções
Dinâmica das emoçõesDinâmica das emoções
Dinâmica das emoções
 
10 dinâmicas divertidas e envolventes
10 dinâmicas divertidas e envolventes10 dinâmicas divertidas e envolventes
10 dinâmicas divertidas e envolventes
 
Crescimento pessoal
Crescimento pessoalCrescimento pessoal
Crescimento pessoal
 
Inteligencia emocional
Inteligencia emocionalInteligencia emocional
Inteligencia emocional
 
Curso online Inteligencia Emocional e Intuitiva
Curso online Inteligencia Emocional e IntuitivaCurso online Inteligencia Emocional e Intuitiva
Curso online Inteligencia Emocional e Intuitiva
 
Como Motivar Pessoas
Como Motivar PessoasComo Motivar Pessoas
Como Motivar Pessoas
 
António Damásio
António Damásio  António Damásio
António Damásio
 
Canva
CanvaCanva
Canva
 
6 ª Oficina dos sentimentos
6 ª Oficina dos sentimentos 6 ª Oficina dos sentimentos
6 ª Oficina dos sentimentos
 
Trabalho emoção
Trabalho emoçãoTrabalho emoção
Trabalho emoção
 
Inteligência emocional e o perfil do empreendedor
Inteligência emocional e o perfil do empreendedorInteligência emocional e o perfil do empreendedor
Inteligência emocional e o perfil do empreendedor
 
Missão dos pais
Missão dos paisMissão dos pais
Missão dos pais
 

Semelhante a Emoção

Psicologia Processos Básicos EMOCAO.pptx
Psicologia Processos Básicos EMOCAO.pptxPsicologia Processos Básicos EMOCAO.pptx
Psicologia Processos Básicos EMOCAO.pptxBeatrizVieira226546
 
5 slides psicanalise_desejo_desencadeador_+processo_humano_todos
5 slides psicanalise_desejo_desencadeador_+processo_humano_todos5 slides psicanalise_desejo_desencadeador_+processo_humano_todos
5 slides psicanalise_desejo_desencadeador_+processo_humano_todosNatália Martins
 
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.ppt
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.pptJUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.ppt
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.pptalinerabelo31
 
Desvende o Mistério das Emoções: Um Guia Prático para Autoconhecimento Emocional
Desvende o Mistério das Emoções: Um Guia Prático para Autoconhecimento EmocionalDesvende o Mistério das Emoções: Um Guia Prático para Autoconhecimento Emocional
Desvende o Mistério das Emoções: Um Guia Prático para Autoconhecimento EmocionalSebastioMucavele
 
A importância da raiva.pptx
A importância da raiva.pptxA importância da raiva.pptx
A importância da raiva.pptxdayane694230
 
Emoções cognição
Emoções cogniçãoEmoções cognição
Emoções cogniçãoAulas Abel
 
PROCESSOS PSICOLOGICOS BASICOSEMOÇÕES.pdf
PROCESSOS PSICOLOGICOS BASICOSEMOÇÕES.pdfPROCESSOS PSICOLOGICOS BASICOSEMOÇÕES.pdf
PROCESSOS PSICOLOGICOS BASICOSEMOÇÕES.pdfvilcielepazebem
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocionalDalila Melo
 
Aula 04 curso de psicopatologia - funções psíquicas - vontade, pensamento, ...
Aula 04   curso de psicopatologia - funções psíquicas - vontade, pensamento, ...Aula 04   curso de psicopatologia - funções psíquicas - vontade, pensamento, ...
Aula 04 curso de psicopatologia - funções psíquicas - vontade, pensamento, ...Lampsi
 
Processos Emocionais
Processos EmocionaisProcessos Emocionais
Processos EmocionaisJorge Barbosa
 

Semelhante a Emoção (20)

Psicologia Processos Básicos EMOCAO.pptx
Psicologia Processos Básicos EMOCAO.pptxPsicologia Processos Básicos EMOCAO.pptx
Psicologia Processos Básicos EMOCAO.pptx
 
NO LIMITE DAS EMOÇÕES
NO LIMITE DAS EMOÇÕESNO LIMITE DAS EMOÇÕES
NO LIMITE DAS EMOÇÕES
 
5 slides psicanalise_desejo_desencadeador_+processo_humano_todos
5 slides psicanalise_desejo_desencadeador_+processo_humano_todos5 slides psicanalise_desejo_desencadeador_+processo_humano_todos
5 slides psicanalise_desejo_desencadeador_+processo_humano_todos
 
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.ppt
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.pptJUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.ppt
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.ppt
 
Psicologia e Postura
Psicologia e PosturaPsicologia e Postura
Psicologia e Postura
 
Aula 2 psicologia apostila
Aula 2   psicologia apostilaAula 2   psicologia apostila
Aula 2 psicologia apostila
 
Desvende o Mistério das Emoções: Um Guia Prático para Autoconhecimento Emocional
Desvende o Mistério das Emoções: Um Guia Prático para Autoconhecimento EmocionalDesvende o Mistério das Emoções: Um Guia Prático para Autoconhecimento Emocional
Desvende o Mistério das Emoções: Um Guia Prático para Autoconhecimento Emocional
 
O SELF E O SOCIAL
O SELF E O SOCIALO SELF E O SOCIAL
O SELF E O SOCIAL
 
Aula de cerebro
Aula de cerebroAula de cerebro
Aula de cerebro
 
Inteligência Espiritual
Inteligência EspiritualInteligência Espiritual
Inteligência Espiritual
 
Freud 1
Freud 1Freud 1
Freud 1
 
A importância da raiva.pptx
A importância da raiva.pptxA importância da raiva.pptx
A importância da raiva.pptx
 
Emoções cognição
Emoções cogniçãoEmoções cognição
Emoções cognição
 
Mecanismos de defesa do ego
Mecanismos de defesa do egoMecanismos de defesa do ego
Mecanismos de defesa do ego
 
PROCESSOS PSICOLOGICOS BASICOSEMOÇÕES.pdf
PROCESSOS PSICOLOGICOS BASICOSEMOÇÕES.pdfPROCESSOS PSICOLOGICOS BASICOSEMOÇÕES.pdf
PROCESSOS PSICOLOGICOS BASICOSEMOÇÕES.pdf
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
 
3 vida afetiva
3 vida afetiva3 vida afetiva
3 vida afetiva
 
Aula 04 curso de psicopatologia - funções psíquicas - vontade, pensamento, ...
Aula 04   curso de psicopatologia - funções psíquicas - vontade, pensamento, ...Aula 04   curso de psicopatologia - funções psíquicas - vontade, pensamento, ...
Aula 04 curso de psicopatologia - funções psíquicas - vontade, pensamento, ...
 
Processos Emocionais
Processos EmocionaisProcessos Emocionais
Processos Emocionais
 
Introdução Psicologia
Introdução Psicologia Introdução Psicologia
Introdução Psicologia
 

Emoção

  • 2. Introdução • Sentimentos básico • Motivos – fome, sexo • Emoção – alegria, raiva • Também podem dar direção aos nossos comportamentos, bem como acompanhar nossos motivos • Ex: sexo – motivo básico e potencial de alegria
  • 3. • Emoções – ativadas pelo meio externo e dirigidas ao meio externo; pode ser provocada por uma ampla variedade de estímulos (o que deixa você com raiva?) • Motivações – ativadas pelo meio interno e dirigidas a objetos externo (ex: comida, água, parceiro); geralmente provocado por necessidade específica
  • 4. • Emoção é uma condição complexa que surge em resposta a determinada experiências de caráter afetivo (experiência subjetiva da emoção) • Afeição; estado corporal; crenças e ideias; expressão facial; reações à emoção (emoções negativas e positivas – visão de mundo); tendências de ação – são componentes de uma emoção • Nenhum dos componentes é, por si só, uma emoção e podem se influenciar (dê um exemplo – profecias que se auto cumprem) – isso é tendência a uma postura sistêmica na abordagem da emoção
  • 5. Excitação e emoção • Sist. Simpático: • Aumento da pressão arterial • Frequência cardíaca • Dilatação pupilar • Nível de açucar aumentado • Palidez • Piloereção • Produção de energia para resposta de medo ou cólera (luta ou fuga)
  • 6. Intensidade das emoções • Medula espinhal e resposta emocional a situação específica
  • 7. Emoção e comportamento • Qual a importância da emoção no controle do comportamento? • Emoção – cognição (memória, aprendizagem, percepção, inteligência, gênese e expressão do comportamento etc) • Emoção é indispensável para a vida racional ) razão x emoção • As respostas emocionais nos diferenciam uns dos outros
  • 8. • Dualismo mente x corpo (Descartes) • Corpo influencia a mente? Mente influencia corpo? • A natureza e extensão de respostas emocionais não depende só do cérebro, mas da interação do cérebro com o corpo, bem como das percepções do próprio corpo e do mundo com o qual o corpo interage • Formação de imagens mentais
  • 9. • Estudos com proposta de unir emoção e razão, sendo que ambos complementam e interagem entre si (contra Descartes) • Pesquisas computacionais – levando-se ao entendimento das emoções separadas do corpo- simulação de processos biológicos- mente separada do corpo (pró Descartes) – ou seja, não há ideia de que o corpo seja modificável em certas circunstâncias
  • 10. • Participação cortical • Phineas Gage (1848) • Em momento de decisão, é a emoção que determina uma resposta? (susto, choque) • Pode haver comportamento puramente racional, sem influência da emoção? • Sistema límbico e córtex
  • 11. • Pesquisas sugerem que há situações em que informações cheguem à amígdala, sem serem conduzidas ao córtex (ou seja, não se baseiam na avaliação) • Situações urgentes, sugerindo sentir antes de pensar (susto com uma sombra)
  • 12. Expressão facial • Acompanha as emoções com intuito de comunicação de uma emoção • Teoria evolucionista Charles Darwin • Expressões básicas reconhecidas • Alegria, tristeza, nojo • Medo e surpresa podem ser confundidos em algum grau