Semanal 25 07 11

113 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Negócios, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
113
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Semanal 25 07 11

  1. 1. Relatório Semanal 25 Jul 2011Destaque de alta na semanaGafisa ON 15,4% / Rossi Resid ON 9,8% / MRV Engenharia ON 9,7% / PDG Realt ON 8,34% /Cyrela Realty ON 8,30% – Creditamos o bom desempenho do setor na semana aos seguintesfatores: (i) comunicado do COPOM após a última reunião, o qual indicava proximidade do fim doaperto monetário; (ii) boas prévias operacionais das empresas relativas ao segundo trimestre de2011, afastando o temor dos investidores de desaceleração das vendas contratadas; (iii)recuperação parcial das fatores desvarolização das ações no ano, bem superiores à efetivadeterioração do cenário, e (iv) redução da aversão ao risco, após o pacote de ajuda à Grécia,lembrando que tais empresas possuem elevado Beta.Destaque de queda na semanaJBS ON (6,1%) – Paira sobre a JBS uma série de incertezas. São elas: seu elevado grau dealavancagem financeira; o atraso na captação de sinergias proveniente das operações daempresa norte-americana de carne de frangos Pilgrim’s Pride, visto que os EUA ainda convivemcom dificuldades conjunturais; o aumento dos custos e a forte concorrência no setor de proteínasanimais.Gol ON (2,7%) – Acreditamos que as declarações de que a compra da Webjet possa ser vetadapelo CADE, frente à possível concentração de mercado decorrente da aquisição, seja o principalmotivo para o desempenho negativo do papel. 1/3
  2. 2. Relatório Semanal 25 Jul 2011 RESULTADOS 2º TRIMESTRE – SEMANA 18 a 22 JULHO/2011Natura - A empresa de cosmético e perfumaria Natura apresentou nesta uma lucro líquido de R$188,1 milhões no segundo trimestre, com queda de 1,8% ante o mesmo período no ano passado.Segundo a empresa, o motivo da queda é a desaceleração nas taxas de crescimento daeconomia e do mercado de cosmético e perfumaria, que cresceu 9,5% nos primeiros quatromeses do ano, ante 13,5% no ano anterior. Conforme dados divulgado pela empresa, o indicadorEbitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) registrado no período foi de R$327,3 milhões, 1,4% menor do que no mesmo período do ano anterior. Na contramão, a empresaapresentou receita líquida de R$ 1,39 bilhão, uma expansão de 8,6%. No primeiro semestre, areceita líquida consolidada foi de R$ 2,539 bilhões - crescimento de 10,5%. Ao final do período dejaneiro a junho de 2011, o lucro líquido acumulado é de R$ 338,6 milhões. (20/07/2011)Weg - A fabricante multinacional de motores, equipamentos de energia e tintas WEG encerrou osegundo trimestre com lucro líquido de R$ 154,6 milhões, o que representa um aumento de 32,6%em relação ao mesmo período do ano passado, quando reportou ganho de R$ 116,5 milhões. Onúmero faz parte do balanço fiscal divulgado há pouco pela empresa.O desempenho foi influenciado por um avanço de 26% na receita operacional líquida, quealcançou R$ 1,27 bilhão. O destaque continua sendo o forte crescimento do mercado externo, queapresentou um incremento de 44,9% na mesma base de comparação e hoje é destino de 38%das vendas da WEG. O lucro operacional da empresa medido pelo Ebitda (lucro antes de juros,impostos, depreciação e amortização) contabilizou R$ 215,6 milhões no período, o que configuraum incremento de 23,9% ante o segundo trimestre de 2010. No entanto, a margem Ebitda recuoude 17,2% para 16,9% no intervalo de um ano. Ao fim de junho, o caixa da companhia totalizavaR$ 2,9 bilhões, com dívida financeira bruta de R$ 2,67 bilhões. (22/07/2011)Disclaimer iAtendimento Souza BarrosSão Paulo (11) 32492-6900 - 0800 77 123 00www.souzabarros.com.br – www.investtrader.com.brClodoir Vieira - CNPI 2/3
  3. 3. Relatório Semanal 25 Jul 2011i Declaração do analista de valores mobiliários de investimento, nos termos do art. 17 da ICVM 483 -As informações financeiras utilizadas neste relatório foram obtidas diretamente das empresas. Todas asinformações foram obtidas de fontes públicas que acreditamos confiáveis e de boa fé, mas não foramindependentemente conferidas e nenhuma garantia expressa ou implícita, é feita sobre sua exatidão, ou se ainformação é completa. Este documento foi preparado pelo analista da Souza Barros e está sendo fornecidoexclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e projeções referem-se à datapresente e estão sujeitas a mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio.O analista de investimento ou de valores mobiliários, envolvido na elaboração deste relatório “Clodoir GabrielVieira” ou simplesmente “Clodoir Vieira”, declara que as recomendações contidas neste refletem exclusivamentesuas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente eautônoma, inclusive em relação à Corretora Souza Barros Câmbio e Títulos S.A. e demais empresas do Grupo.O analista de investimentos, envolvido na elaboração deste relatório, tem vínculo como cotista do “Clube deinvestimento SB”, porém não participa da administração. A empresa analisada pode fazer ou não parte da carteira.As operações realizadas podem ou não seguir a tendência da recomendação. 3/3

×