SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 5
Publicado em http://linguaportuguesa7ano.blogspot.com por prof. António Alves pág. 1
LÍNGUA PORTUGUESA, 7º ANO
PROF. ANTÓNIO ALVES
LEANDRO, REI DA HELÍRIA de Alice Vieira
Questionário de interpretação global
Acto 1
Cena I
1. Onde se passa a primeira cena entre o rei e o bobo?
A. No jardim do palácio real de Helíria.
B. Dentro do palácio.
C. Nas terras do rei.
2. Para o rei os sonhos:
A. Não têm qualquer significado.
B. São delírios do povo.
C. São recados dos deuses.
3. O rei pergunta ao bobo se ele também sonha. O que revela esta pergunta?
A. Não sabe se os pobres sonham ou não.
B. O rei pensa que o bobo e os pobres nem sequer têm o direito de sonhar.
C. É apenas uma pergunta sem segundo sentido.
4. O rei sonhou que poderia ficar:
A. Mais rico e poderoso.
B. Sem as suas filhas.
C. Pobre, sem coroa e sem poder.
Cena II
5. O que é que Amarílis pede ao bobo para lhe cantar?
A. Trovas sobre a irmã que a fizessem rir à gargalhada
B. Trovas para elogiar a sua irmã, porque gosta dela.
C. Trovas sobre o seu pai.
6. Violeta foi pedida em casamento pelo:
A. Príncipe Simplício
B. Príncipe Felizardo.
C. Príncipe Reginaldo.
7. Violeta é o oposto das irmãs:
A. É bondosa, sensata e verdadeira nos seus sentimentos.
B. É falsa e mentirosa.
C. É mentirosa, mas sensata.
Publicado em http://linguaportuguesa7ano.blogspot.com por prof. António Alves pág. 2
8. O que significa o nome Hortênsia?
A. Mulher sensata e bondosa.
B. Mulher caprichosa e inconstante
C. Mulher romântica e dedicada.
9. E Amarílis?
A. Mulher artificiosa e enganadora.
B. Mulher solidária e amiga.
C. Mulher sensata, mas dissimulada.
10. O que pensam as duas irmãs do povo?
A. Nem sequer sabem o que isso é.
B. Têm muito respeito por ele.
C. Ajudam-no a ter melhores condições de vida.
Cena IV
11. Como se chama o noivo de Hortênsia?
A. Simplício.
B. Felizardo.
C. Reginaldo.
12. Como é caracterizado o Príncipe Felizardo?
A. Sensato, amigo, só pensa na felicidade da sua noiva.
B. Delicado, culto, só pensa em ser artista.
C. Novo rico, rude, ignorante, só pensa no dinheiro.
13. E o Príncipe Simplício?
A. É a sombra do Príncipe Felizardo, não tendo qualquer iniciativa.
B. É um homem cheio de iniciativa e empreendedor.
C. É um homem sem ambições na vida.
Cena VII
14. O que é que os Príncipes Felizardo e Simplício têm para oferecer às suas noivas?
A. Dinheiro e riqueza.
B. Amor e protecção.
C. Jóias e sabedoria.
15. E o Príncipe Reginaldo?
A. Dinheiro e riqueza.
B. Muitas terras a perder de vista.
C. Amor e respeito, pois vê o mundo com os mesmos olhos de Violeta.
Cena IX
16. Para as duas irmãs, Hortênsia e Amarílis, o mais importante é:
A. Que os seus noivos tenham sempre as bolsas abertas e as bocas caladas.
B. Que os noivos as amem.
C. Que os noivos tenham as bocas abertas, mas as bolsas fechadas.
Publicado em http://linguaportuguesa7ano.blogspot.com por prof. António Alves pág. 3
Cena X
17. Finalmente, o rei conta o seu sonho dizendo que dará o seu trono à filha que:
A. Demonstrar ter mais amor por ele.
B. Demonstrar ter capacidade para construir um novo reino.
C. Demonstrar ter capacidade para melhorar as condições de vida do seu povo.
18. O que responde Hortênsia ao pai?
A. Que o quer mais do que ao sol.
B. Que o quer mais do que a si própria.
C. Que o quer mais do que ao seu povo.
19. E Amarílis?
A. Que dá a vida pelo seu povo.
B. Que dá a vida pelo pai.
C. Que dá a vida pelas irmãs.~
20. Como interpretas a resposta de Violeta – «Preciso tanto de vós… como a comida precisa
do sal»?
A. A comida sem sal não tem sabor, não presta, assim como a sua vida sem o
amor do pai, não tem sentido.
B. Precisa tanto do pai como de comida salgada.
C. Precisa tanto do pai como o sal precisa da comida.
Cena XI
21. O rei mandou chamar o escrivão para se fazer saber que:
A. A partir desse momento, Violeta é expulsa do reino, sem levar tostão nem
manto.
B. A partir desse momento, Hortênsia é expulsa do reino, sem levar tostão nem
manto.
C. A partir desse momento, Amarílis é expulsa do reino, sem levar tostão nem
manto.
22. O Príncipe Reginaldo intervém dizendo que:
A. O amor que sente por Violeta nada tem a ver com oiro, jóias ou terras
B. O amor que sente por Violeta está dependente do seu dote.
C. O amor que sente por Violeta é muito frágil.
23. Em troca, o que pede?
A. Uma cama para dormir e passar seis meses em cada um dos reinos.
B. Ter sempre criados para o servir.
C. Usufruir de todos os seus privilégios.
Publicado em http://linguaportuguesa7ano.blogspot.com por prof. António Alves pág. 4
Acto 2
Cena I
24. Muitos anos depois, como se encontram o rei e o bobo?
A. Escorraçados pelas filhas, transformaram-se em mendigos esfarrapados e
com fome.
B. Bem tratados e cheios de saúde.
C. Cheios de saúde, mas maltratados.
25. Porque repete o rei várias vezes Eu sou o rei de Helíria mesmo sendo um mendigo?
A. Por orgulho, por não querer acreditar e aceitar a sua condição actual.
B. Porque já não está na posse das suas faculdades mentais.
C. Porque não acredita que deixou de ser rei.
Cena II
26. O rei e o bobo encontram um pastor. O bobo conta-lhe a história deles, dizendo que
o rei já morreu. Porquê?
A. Porque o rei já não tem poder, é apenas um pobre diabo.
B. Porque o rei já morreu mesmo.
C. Porque quer pregar uma partida ao pastor.
Cena III
27. As duas irmãs, passados os seis meses em que tiveram que suportar o pai, o que
decidiram fazer?
A. Mandaram-no matar.
B. Fecharam-no numa masmorra.
C. Expulsaram o pai do reino e trataram-no como qualquer súbdito, sem
respeito, nem dignidade.
Cena IV
28. O que sugere o pastor ao bobo?
A. Que se dirija ao seu reino e procure Violeta.
B. Que se dirija novamente ao reino das suas filhas e lhes peça perdão.
C. Que devem aceitar a sua condição actual.
Cena V
29. O reino do pastor é o mesmo da:
A. Princesa Hortênsia e do Príncipe Felizardo.
B. Princesa Violeta e do Príncipe Reginaldo.
C. Princesa Amarílis e do Príncipe Simplício.
Cena VI
30. Como é o reino onde vive o pastor?
A. Um reino farto, onde não há escravos, nem chibatadas nem mesmo para os
animais. Um reino onde todos são livres e iguais.
B. Um reino onde reina a escravidão e a fome.
C. Um reino à deriva, onde cada um sobrevive como pode.
Publicado em http://linguaportuguesa7ano.blogspot.com por prof. António Alves pág. 5
31. O rei não acredita nas palavras do pastor, pois em todo o lado há:
A. Pessoas mentirosas.
B. Ambição, morte, loucura, fome, traições, vinganças, injustiças, ciladas…
C. Pessoas que o querem enganar.
Cena VII
32. Violeta, ao saber que o seu pai se encontra no seu reino, o que resolve fazer?
A. Uma grande festa para o receber.
B. Expulsá-lo do seu reino.
C. Fechá-lo dentro do castelo, para que ninguém veja que o seu pai é um
mendigo.
Cena VIII
33. Ao chegar ao reino de Violeta, o rei sente um cheiro familiar. Porquê?
A. Porque sente o cheiro a comida boa.
B. Porque sente que está em sua casa.
C. Porque era assim que o seu reino cheirava: a alegria, a música, a felicidade, a
violetas
Cena IX
34. O rei e o bobo reconhecem Violeta através:
A. Da sua voz e dos seus olhos.
B. Das suas palavras rudes.
C. Dos seus olhos irados.
35. Violeta providencia imediatamente novas vestes e um grande banquete em honra
do seu pai. Mas o rei rejeita todos os pratos que lhe são oferecidos. Porquê?
A. Porque pensa que é uma conspiração para o matar e também porque a
comida lhe sabe mal.
B. Porque não tem fome.
C. Porque não quer ficar em dívida para com a filha.
36. Violeta perdoa o pai, mas ainda assim acusa-o de:
A. Só ter dado ouvidos às palavras da lisonja e da mentira.
B. Só pensar em ter mais riquezas e aumentar o seu reino.
C. Só pensar no seu povo.
37. Indica, então, o que simboliza o sal.
A. O amor, o desinteresse, a solidariedade, a amizade…
B. Jóias, riquezas e terras a perder de vista.
C. É um condimento utilizado na confecção da comida.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ficha formativa_ Relação entre palavras
Ficha formativa_ Relação entre palavrasFicha formativa_ Relação entre palavras
Ficha formativa_ Relação entre palavrasRaquel Antunes
 
Teste cavaleiro da dinamarca
Teste cavaleiro da dinamarca Teste cavaleiro da dinamarca
Teste cavaleiro da dinamarca Escola
 
Ficha informativa e de trabalho modificadores
Ficha informativa e de trabalho modificadores Ficha informativa e de trabalho modificadores
Ficha informativa e de trabalho modificadores quintaldasletras
 
Inglês 5º ano
Inglês 5º anoInglês 5º ano
Inglês 5º anooibafinho
 
lab7_teste_avaliacao_6a.docx
lab7_teste_avaliacao_6a.docxlab7_teste_avaliacao_6a.docx
lab7_teste_avaliacao_6a.docxMarisa Miranda
 
Funções sintáticas
Funções sintáticasFunções sintáticas
Funções sintáticasrijcp
 
Ficha verbos correçao bom
Ficha verbos correçao bomFicha verbos correçao bom
Ficha verbos correçao bomostrapaula
 
Análise assobiando à vontade
Análise assobiando à vontadeAnálise assobiando à vontade
Análise assobiando à vontadeSandra Machado
 
Crise de 1383 85
Crise de 1383 85Crise de 1383 85
Crise de 1383 85Maria Gomes
 
Ficha formativa determinantes pronomes
Ficha formativa determinantes pronomesFicha formativa determinantes pronomes
Ficha formativa determinantes pronomesPatrícia Valério
 
Ficha de-trabalho-saga
Ficha de-trabalho-sagaFicha de-trabalho-saga
Ficha de-trabalho-sagasandramarques8
 
Teste de História 8º ano- Porto Editora
Teste de História 8º ano- Porto EditoraTeste de História 8º ano- Porto Editora
Teste de História 8º ano- Porto EditoraZé Mário
 
Guião de leitura "O principezinho"
Guião de leitura "O principezinho"Guião de leitura "O principezinho"
Guião de leitura "O principezinho"Grupo300estreito
 
Teste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 brunoTeste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 brunoDelfina Sousa
 
Funções sintáticas - 6.º ano.ppt
Funções sintáticas - 6.º ano.pptFunções sintáticas - 6.º ano.ppt
Funções sintáticas - 6.º ano.pptPaula Magalhães
 
Paratextos 8º ano teste 3 com soluções
Paratextos 8º ano teste 3 com soluçõesParatextos 8º ano teste 3 com soluções
Paratextos 8º ano teste 3 com soluçõesZélia fernandes
 

Mais procurados (20)

Ficha formativa_ Relação entre palavras
Ficha formativa_ Relação entre palavrasFicha formativa_ Relação entre palavras
Ficha formativa_ Relação entre palavras
 
Teste cavaleiro da dinamarca
Teste cavaleiro da dinamarca Teste cavaleiro da dinamarca
Teste cavaleiro da dinamarca
 
Ficha informativa e de trabalho modificadores
Ficha informativa e de trabalho modificadores Ficha informativa e de trabalho modificadores
Ficha informativa e de trabalho modificadores
 
Inglês 5º ano
Inglês 5º anoInglês 5º ano
Inglês 5º ano
 
lab7_teste_avaliacao_6a.docx
lab7_teste_avaliacao_6a.docxlab7_teste_avaliacao_6a.docx
lab7_teste_avaliacao_6a.docx
 
Funções sintáticas
Funções sintáticasFunções sintáticas
Funções sintáticas
 
Ficha verbos correçao bom
Ficha verbos correçao bomFicha verbos correçao bom
Ficha verbos correçao bom
 
Análise assobiando à vontade
Análise assobiando à vontadeAnálise assobiando à vontade
Análise assobiando à vontade
 
Testes 6º ano etapas
Testes 6º ano etapasTestes 6º ano etapas
Testes 6º ano etapas
 
Teste a aia 2
Teste a aia 2Teste a aia 2
Teste a aia 2
 
Crise de 1383 85
Crise de 1383 85Crise de 1383 85
Crise de 1383 85
 
Ficha formativa determinantes pronomes
Ficha formativa determinantes pronomesFicha formativa determinantes pronomes
Ficha formativa determinantes pronomes
 
Ficha de-trabalho-saga
Ficha de-trabalho-sagaFicha de-trabalho-saga
Ficha de-trabalho-saga
 
Teste de História 8º ano- Porto Editora
Teste de História 8º ano- Porto EditoraTeste de História 8º ano- Porto Editora
Teste de História 8º ano- Porto Editora
 
Guião de leitura "O principezinho"
Guião de leitura "O principezinho"Guião de leitura "O principezinho"
Guião de leitura "O principezinho"
 
"O Príncipe Nabo"
"O Príncipe Nabo""O Príncipe Nabo"
"O Príncipe Nabo"
 
Teste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 brunoTeste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 bruno
 
Funções sintáticas - 6.º ano.ppt
Funções sintáticas - 6.º ano.pptFunções sintáticas - 6.º ano.ppt
Funções sintáticas - 6.º ano.ppt
 
Teste de frances 7º ano
Teste de frances 7º anoTeste de frances 7º ano
Teste de frances 7º ano
 
Paratextos 8º ano teste 3 com soluções
Paratextos 8º ano teste 3 com soluçõesParatextos 8º ano teste 3 com soluções
Paratextos 8º ano teste 3 com soluções
 

Destaque

Ficha De Verificação De Leitura, "Leandro, rei da Helíria"
Ficha De Verificação De Leitura, "Leandro, rei da Helíria"Ficha De Verificação De Leitura, "Leandro, rei da Helíria"
Ficha De Verificação De Leitura, "Leandro, rei da Helíria"Profmaria
 
Ficha E VerificaçãO De Leitura
Ficha E VerificaçãO De LeituraFicha E VerificaçãO De Leitura
Ficha E VerificaçãO De Leituradinocarvalho8
 
Guiao leandro rei_da_heliria
Guiao leandro rei_da_heliriaGuiao leandro rei_da_heliria
Guiao leandro rei_da_heliriabibliotecap
 
LP: Leandro Rei da Helíria
LP: Leandro Rei da HelíriaLP: Leandro Rei da Helíria
LP: Leandro Rei da Helíria7F
 
Leandro, o rei da helíria
Leandro, o rei da helíriaLeandro, o rei da helíria
Leandro, o rei da helíriaTeresa Maia
 
Leandro, rei da helíria
Leandro, rei da helíriaLeandro, rei da helíria
Leandro, rei da helíriaanatss
 
Leandro rei da heliria caracterização das personagens2
Leandro rei da heliria   caracterização das personagens2Leandro rei da heliria   caracterização das personagens2
Leandro rei da heliria caracterização das personagens2Belmira Baptista
 
Textos em diálogo
Textos em diálogoTextos em diálogo
Textos em diálogoProfmaria
 
Teste de verificação de leitura
Teste de verificação de leituraTeste de verificação de leitura
Teste de verificação de leituraluciamcp
 
Atividade De Matrizes
Atividade De MatrizesAtividade De Matrizes
Atividade De Matrizesguest556bff
 
Fichadeverificaodeleituraleandro 100130122929-phpapp02
Fichadeverificaodeleituraleandro 100130122929-phpapp02Fichadeverificaodeleituraleandro 100130122929-phpapp02
Fichadeverificaodeleituraleandro 100130122929-phpapp02Tiago Magalhães
 
Cantigas de amigo
Cantigas de amigoCantigas de amigo
Cantigas de amigoTreballs
 

Destaque (16)

Ficha De Verificação De Leitura, "Leandro, rei da Helíria"
Ficha De Verificação De Leitura, "Leandro, rei da Helíria"Ficha De Verificação De Leitura, "Leandro, rei da Helíria"
Ficha De Verificação De Leitura, "Leandro, rei da Helíria"
 
Ficha E VerificaçãO De Leitura
Ficha E VerificaçãO De LeituraFicha E VerificaçãO De Leitura
Ficha E VerificaçãO De Leitura
 
Guiao leandro rei_da_heliria
Guiao leandro rei_da_heliriaGuiao leandro rei_da_heliria
Guiao leandro rei_da_heliria
 
LP: Leandro Rei da Helíria
LP: Leandro Rei da HelíriaLP: Leandro Rei da Helíria
LP: Leandro Rei da Helíria
 
Leandro, o rei da helíria
Leandro, o rei da helíriaLeandro, o rei da helíria
Leandro, o rei da helíria
 
Leandro, rei da helíria
Leandro, rei da helíriaLeandro, rei da helíria
Leandro, rei da helíria
 
Leandro rei da heliria caracterização das personagens2
Leandro rei da heliria   caracterização das personagens2Leandro rei da heliria   caracterização das personagens2
Leandro rei da heliria caracterização das personagens2
 
Textos em diálogo
Textos em diálogoTextos em diálogo
Textos em diálogo
 
Teste de verificação de leitura
Teste de verificação de leituraTeste de verificação de leitura
Teste de verificação de leitura
 
. Maias simplificado
. Maias simplificado. Maias simplificado
. Maias simplificado
 
Atividade De Matrizes
Atividade De MatrizesAtividade De Matrizes
Atividade De Matrizes
 
Convite a5
Convite a5Convite a5
Convite a5
 
Alice Viera
Alice VieraAlice Viera
Alice Viera
 
Fichadeverificaodeleituraleandro 100130122929-phpapp02
Fichadeverificaodeleituraleandro 100130122929-phpapp02Fichadeverificaodeleituraleandro 100130122929-phpapp02
Fichadeverificaodeleituraleandro 100130122929-phpapp02
 
Regulamento geral das competições
Regulamento geral das competiçõesRegulamento geral das competições
Regulamento geral das competições
 
Cantigas de amigo
Cantigas de amigoCantigas de amigo
Cantigas de amigo
 

Semelhante a Resumo do questionário de interpretação global sobre a peça Leandro, Rei da Helíria de Alice Vieira

Semelhante a Resumo do questionário de interpretação global sobre a peça Leandro, Rei da Helíria de Alice Vieira (8)

testePT7Leandro.docx
testePT7Leandro.docxtestePT7Leandro.docx
testePT7Leandro.docx
 
Escolha multipla rei da heliria
Escolha multipla rei da heliriaEscolha multipla rei da heliria
Escolha multipla rei da heliria
 
Questionário a aia
Questionário a aiaQuestionário a aia
Questionário a aia
 
A aia
A aiaA aia
A aia
 
teste adaptado- AAia.doc
teste adaptado-  AAia.docteste adaptado-  AAia.doc
teste adaptado- AAia.doc
 
Leandro-Rei-Da-Heliria - ppt.pptx
Leandro-Rei-Da-Heliria - ppt.pptxLeandro-Rei-Da-Heliria - ppt.pptx
Leandro-Rei-Da-Heliria - ppt.pptx
 
A aia
A aiaA aia
A aia
 
Aia
AiaAia
Aia
 

Resumo do questionário de interpretação global sobre a peça Leandro, Rei da Helíria de Alice Vieira

  • 1. Publicado em http://linguaportuguesa7ano.blogspot.com por prof. António Alves pág. 1 LÍNGUA PORTUGUESA, 7º ANO PROF. ANTÓNIO ALVES LEANDRO, REI DA HELÍRIA de Alice Vieira Questionário de interpretação global Acto 1 Cena I 1. Onde se passa a primeira cena entre o rei e o bobo? A. No jardim do palácio real de Helíria. B. Dentro do palácio. C. Nas terras do rei. 2. Para o rei os sonhos: A. Não têm qualquer significado. B. São delírios do povo. C. São recados dos deuses. 3. O rei pergunta ao bobo se ele também sonha. O que revela esta pergunta? A. Não sabe se os pobres sonham ou não. B. O rei pensa que o bobo e os pobres nem sequer têm o direito de sonhar. C. É apenas uma pergunta sem segundo sentido. 4. O rei sonhou que poderia ficar: A. Mais rico e poderoso. B. Sem as suas filhas. C. Pobre, sem coroa e sem poder. Cena II 5. O que é que Amarílis pede ao bobo para lhe cantar? A. Trovas sobre a irmã que a fizessem rir à gargalhada B. Trovas para elogiar a sua irmã, porque gosta dela. C. Trovas sobre o seu pai. 6. Violeta foi pedida em casamento pelo: A. Príncipe Simplício B. Príncipe Felizardo. C. Príncipe Reginaldo. 7. Violeta é o oposto das irmãs: A. É bondosa, sensata e verdadeira nos seus sentimentos. B. É falsa e mentirosa. C. É mentirosa, mas sensata.
  • 2. Publicado em http://linguaportuguesa7ano.blogspot.com por prof. António Alves pág. 2 8. O que significa o nome Hortênsia? A. Mulher sensata e bondosa. B. Mulher caprichosa e inconstante C. Mulher romântica e dedicada. 9. E Amarílis? A. Mulher artificiosa e enganadora. B. Mulher solidária e amiga. C. Mulher sensata, mas dissimulada. 10. O que pensam as duas irmãs do povo? A. Nem sequer sabem o que isso é. B. Têm muito respeito por ele. C. Ajudam-no a ter melhores condições de vida. Cena IV 11. Como se chama o noivo de Hortênsia? A. Simplício. B. Felizardo. C. Reginaldo. 12. Como é caracterizado o Príncipe Felizardo? A. Sensato, amigo, só pensa na felicidade da sua noiva. B. Delicado, culto, só pensa em ser artista. C. Novo rico, rude, ignorante, só pensa no dinheiro. 13. E o Príncipe Simplício? A. É a sombra do Príncipe Felizardo, não tendo qualquer iniciativa. B. É um homem cheio de iniciativa e empreendedor. C. É um homem sem ambições na vida. Cena VII 14. O que é que os Príncipes Felizardo e Simplício têm para oferecer às suas noivas? A. Dinheiro e riqueza. B. Amor e protecção. C. Jóias e sabedoria. 15. E o Príncipe Reginaldo? A. Dinheiro e riqueza. B. Muitas terras a perder de vista. C. Amor e respeito, pois vê o mundo com os mesmos olhos de Violeta. Cena IX 16. Para as duas irmãs, Hortênsia e Amarílis, o mais importante é: A. Que os seus noivos tenham sempre as bolsas abertas e as bocas caladas. B. Que os noivos as amem. C. Que os noivos tenham as bocas abertas, mas as bolsas fechadas.
  • 3. Publicado em http://linguaportuguesa7ano.blogspot.com por prof. António Alves pág. 3 Cena X 17. Finalmente, o rei conta o seu sonho dizendo que dará o seu trono à filha que: A. Demonstrar ter mais amor por ele. B. Demonstrar ter capacidade para construir um novo reino. C. Demonstrar ter capacidade para melhorar as condições de vida do seu povo. 18. O que responde Hortênsia ao pai? A. Que o quer mais do que ao sol. B. Que o quer mais do que a si própria. C. Que o quer mais do que ao seu povo. 19. E Amarílis? A. Que dá a vida pelo seu povo. B. Que dá a vida pelo pai. C. Que dá a vida pelas irmãs.~ 20. Como interpretas a resposta de Violeta – «Preciso tanto de vós… como a comida precisa do sal»? A. A comida sem sal não tem sabor, não presta, assim como a sua vida sem o amor do pai, não tem sentido. B. Precisa tanto do pai como de comida salgada. C. Precisa tanto do pai como o sal precisa da comida. Cena XI 21. O rei mandou chamar o escrivão para se fazer saber que: A. A partir desse momento, Violeta é expulsa do reino, sem levar tostão nem manto. B. A partir desse momento, Hortênsia é expulsa do reino, sem levar tostão nem manto. C. A partir desse momento, Amarílis é expulsa do reino, sem levar tostão nem manto. 22. O Príncipe Reginaldo intervém dizendo que: A. O amor que sente por Violeta nada tem a ver com oiro, jóias ou terras B. O amor que sente por Violeta está dependente do seu dote. C. O amor que sente por Violeta é muito frágil. 23. Em troca, o que pede? A. Uma cama para dormir e passar seis meses em cada um dos reinos. B. Ter sempre criados para o servir. C. Usufruir de todos os seus privilégios.
  • 4. Publicado em http://linguaportuguesa7ano.blogspot.com por prof. António Alves pág. 4 Acto 2 Cena I 24. Muitos anos depois, como se encontram o rei e o bobo? A. Escorraçados pelas filhas, transformaram-se em mendigos esfarrapados e com fome. B. Bem tratados e cheios de saúde. C. Cheios de saúde, mas maltratados. 25. Porque repete o rei várias vezes Eu sou o rei de Helíria mesmo sendo um mendigo? A. Por orgulho, por não querer acreditar e aceitar a sua condição actual. B. Porque já não está na posse das suas faculdades mentais. C. Porque não acredita que deixou de ser rei. Cena II 26. O rei e o bobo encontram um pastor. O bobo conta-lhe a história deles, dizendo que o rei já morreu. Porquê? A. Porque o rei já não tem poder, é apenas um pobre diabo. B. Porque o rei já morreu mesmo. C. Porque quer pregar uma partida ao pastor. Cena III 27. As duas irmãs, passados os seis meses em que tiveram que suportar o pai, o que decidiram fazer? A. Mandaram-no matar. B. Fecharam-no numa masmorra. C. Expulsaram o pai do reino e trataram-no como qualquer súbdito, sem respeito, nem dignidade. Cena IV 28. O que sugere o pastor ao bobo? A. Que se dirija ao seu reino e procure Violeta. B. Que se dirija novamente ao reino das suas filhas e lhes peça perdão. C. Que devem aceitar a sua condição actual. Cena V 29. O reino do pastor é o mesmo da: A. Princesa Hortênsia e do Príncipe Felizardo. B. Princesa Violeta e do Príncipe Reginaldo. C. Princesa Amarílis e do Príncipe Simplício. Cena VI 30. Como é o reino onde vive o pastor? A. Um reino farto, onde não há escravos, nem chibatadas nem mesmo para os animais. Um reino onde todos são livres e iguais. B. Um reino onde reina a escravidão e a fome. C. Um reino à deriva, onde cada um sobrevive como pode.
  • 5. Publicado em http://linguaportuguesa7ano.blogspot.com por prof. António Alves pág. 5 31. O rei não acredita nas palavras do pastor, pois em todo o lado há: A. Pessoas mentirosas. B. Ambição, morte, loucura, fome, traições, vinganças, injustiças, ciladas… C. Pessoas que o querem enganar. Cena VII 32. Violeta, ao saber que o seu pai se encontra no seu reino, o que resolve fazer? A. Uma grande festa para o receber. B. Expulsá-lo do seu reino. C. Fechá-lo dentro do castelo, para que ninguém veja que o seu pai é um mendigo. Cena VIII 33. Ao chegar ao reino de Violeta, o rei sente um cheiro familiar. Porquê? A. Porque sente o cheiro a comida boa. B. Porque sente que está em sua casa. C. Porque era assim que o seu reino cheirava: a alegria, a música, a felicidade, a violetas Cena IX 34. O rei e o bobo reconhecem Violeta através: A. Da sua voz e dos seus olhos. B. Das suas palavras rudes. C. Dos seus olhos irados. 35. Violeta providencia imediatamente novas vestes e um grande banquete em honra do seu pai. Mas o rei rejeita todos os pratos que lhe são oferecidos. Porquê? A. Porque pensa que é uma conspiração para o matar e também porque a comida lhe sabe mal. B. Porque não tem fome. C. Porque não quer ficar em dívida para com a filha. 36. Violeta perdoa o pai, mas ainda assim acusa-o de: A. Só ter dado ouvidos às palavras da lisonja e da mentira. B. Só pensar em ter mais riquezas e aumentar o seu reino. C. Só pensar no seu povo. 37. Indica, então, o que simboliza o sal. A. O amor, o desinteresse, a solidariedade, a amizade… B. Jóias, riquezas e terras a perder de vista. C. É um condimento utilizado na confecção da comida.