Apresentação dos Resultados do 3T06

199 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
199
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação dos Resultados do 3T06

  1. 1. 1Reunião APIMECApresentação: Gerson Pedro BertiDiretor de Econômico Financeiro e deRelações com Investidores
  2. 2. 2Aviso ImportanteAs informações contidas nesta apresentação poderão incluir declarações que representemexpectativas sobre os negócios da companhia, projeções e metas operacionais efinanceiras. Eventuais declarações dessa natureza, constituem-se em meras previsõesbaseadas nas expectativas da administração em relação ao futuro da companhia.Estas expectativas são altamente dependentes das condições do mercado, do desempenhoeconômico geral do país, do setor, e dos mercados internacionais, estando sujeitas amudanças. Portando, as mesmas não devem ser entendidas como recomendação apotenciais investidores.Cabe ressaltar ainda que as estimativas e projeções referem-se apenas à data em queforam expressas, sendo que a companhia não assume a obrigação de atualizarpublicamente ou revisar quaisquer dessas estimativas em razão da ocorrência de novainformação, eventos futuros ou de quaisquer outros fatores, ressalvada a regulamentaçãovigente a que nos submetemos, em especial às Instruções CVM 202 e 358.Dessa forma, nenhum dos representantes da companhia, assessores ou partesrelacionadas poderá ser responsabilizado por qualquer decisão decorrente da utilização doconteúdo desta apresentação.
  3. 3. 3► A Celesc► Desempenho Operacional► Desempenho Econômico-Financeiro► Posição de Financiamentos e Investimentos► Mercado de CapitaisIndice
  4. 4. 4A Celesc
  5. 5. 5A Companhia► É a 6a maior distribuidora em termosde GWh vendidos em 2005► Controlada pelo Governo do Estado deSanta Catarina com 50.2% das açõesordinárias.► Responde por 98% da demanda deenergia elétrica no Estado► Mais de 2,0 milhões de clientes (dosquais 1,6 milhão são residenciais)► Entre as distribuidoras de energia elétricacom menor índice de perdas.
  6. 6. 6Linha do Tempo• Criação das diretorias comercial e jurídico institucional• Criação do departamento de RI• Grupamento da ações na proporção de 20:1• Venda de ativos• Desverticalização e criação da Celesc holding• Contratação de consultoria de RI - FIRB• Listagem no Índice de Sustentabilidade da Bovespa• Venda da participação na MAESA• Aprovação para estudo da aquisição de parte da SCGASAbertura de capital na BovespaEmissão de US$ 50 milhões decommercial papersAdesão ao Nivel 2 deGovernança CorporativaAdesão ao Índice de Energia Elétricae emissão de ADR Nivel 1Criação da Celesc195519731998200219962006
  7. 7. 7CELESC(SantaCatarina)Área de ConcessãoCobertura da CelescCelesc13.701Brasil239.234Energia Vendida(GWh)Celesc95.433Brasil8.514.876Áreaem Km2Brasil184.184.264 hab.Est. Santa Catarina5.866.590 hab.População(Jul/05)Dados Gerais121.254 kmExtensão de redes de distribuição12Número de usinas4.134Número de empregados2.060.211Número de clientes91,79% da área doEstado de SCÁrea de concessão da Celesc257Node MunicípiosA Celesc (Set/2006)
  8. 8. 8A Celesc está em fase de conclusão do processo de desverticalização de suasatividades de geração e distribuição.A partir de 02/out/06, essas atividades passaram a ser desenvolvidas por duas novassubsidiárias integrais Celesc Geração S.A. e Celesc Distribuição S.A.Estrutura OrganizacionalMAESAECTECASAND. FranciscaEnergia PCHOutrosCubatão100% 100%20,00%14,63%19,30%20,00%23,03%HOLDING40,00%(*) Venda da MAESA em 01 de dezembro de 2006.
  9. 9. 9Desempenho Operacional
  10. 10. 101.9671.9811.9982.0152.0322.0462.0601T052T053T054T051T062T063T06Número de Consumidores (mil)O número de consumidores da Celesc vem apresentandocrescimento consistente ao longo dos últimos anos.+ 45 mil+ 48 milNúmeros de ConsumidoresResidencial77%Industrial3%Comercial8%Rural11%Outros1%Distribuição dos Consumidores por Classe
  11. 11. 11Número de Funcionários3.593 3.561 3.640 3.590 3.7284.015 4.1341T052T053T054T051T062T063T06Número de Funcionários em Set/200613,6%13,6%Programa de Exclusões do PDVI12074618021114678978551252103073855317428228839572003/05200620072008200920102011201220132014Exclusões do PDVIAcumulado
  12. 12. 12Vendas Trimestrais e Distribuição por ClasseResidencial26%Comercial16%Industrial37%Rural12%Outros9%9M06: 10.047 GwhVendas por Classe (%)(*) Outros: Suprimento de energia e consumo próprioVendas Trimestrais (GWh)3.5963.5923.4223.3073.5293.3013.2171T052T053T054T051T062T063T06
  13. 13. 13Venda de Energia em GWh14.030 13.91710.61010.04713.430 13.71213.6052003 2004 2005 9M05 9M06 2006(P) 2007(P)- 5,3%Energia Vendida (2003 – 2007E) - GWh+ 2,1%(P) Previsão
  14. 14. 14158,64248,29295,79198,83276,71324,72233,18280,34341,33IndustrialComercialResidencial2004 2005 9M06Preço Médio do MWh em Reais (Liquida de ICMS)Evolução da Tarifa Média (R$/MWh)
  15. 15. 15No 3T06 os indicadores de eficiência melhoraram em relação a 2005, refletindo:• Investimentos realizados em subestações, alimentadores e limpezas de faixas;• Melhores condições climáticas na região.Indicadores de Eficiência3,793,44,324,81 4,852,623,291T05 2T05 3T05 4T05 1T06 2T06 3T06DEC - Duração Equivalente de Interrupçõespor consumidor (horas ponderadas)3,452,83 2,923,65 3,652,092,661T05 2T05 3T05 4T05 1T06 2T06 3T06FEC - Freqüência Equivalente deInterrupções por Consumidor
  16. 16. 16Os indicadores de produtividade mostraram redução nos dois últimos trimestres.Indicadores de Produtividade1.000 1.008940 920 946822 7781T05 2T05 3T05 4T05 1T06 2T06 3T06MWh Vendido/Empregado547 556 549 561 545510 4981T05 2T05 3T05 4T05 1T06 2T06 3T06Número de Consumidores/Empregado
  17. 17. 17Índice de Perdas (2003 a Set/2006)6,97,7 7,99,02003 2004 2005 set/06Índice de Perdas de Energia (%)A Celesc registra oterceiro menor índice deperda de energia no setor.
  18. 18. 18Desempenho Econômico-Financeiro
  19. 19. 19696 698830770 818 777 8282.2242.4231T05 2T05 3T05 4T05 1T06 2T06 3T06 9M05 9M06Evolução da Receita Líquida (R$ mil)Crescimento de 8,9% na receita líquida em 9 meses.69% da receita bruta estão concentrados nos segmentos industrial e residencial.Receita Operacional Líquida+ 8,9%+ 8,9% Residencial35%Comercial18%Industrial34%Rural7%Outros6%Receita por Classe (%)
  20. 20. 20Receita Gerada pela TUSD (R$ mil)12.88933.02377.79598.8292003 2004 2005 9M06A receita gerada pela TUSD (Tarifa de Uso do Sistema de Distribuição deEnergia Elétrica) aumentou de R$ 13 milhões em 2003 para R$ 99milhões no acumulado de 9 meses de 2006.
  21. 21. 21EBITDA e Resultado Líquido23477662 5567 701461920501001502002501T05 2T05 3T05 4T05 1T06 2T06 3T06 9M05 9M06551022051311091221318%15%17%13%16% 16%25%1T05 2T05 3T05 4T05 1T06 2T06 3T06EBITDA Margem EBITDA+ 32%EBITDA em R$ milhões e Margem EBITDA (%) Resultado Líquido (R$ milhões)+ 32%+ 32%
  22. 22. 22Demonstrativo do Cálculo do EBITDACálculo do EBITDA antes e após as Provisões16,3%14,9%24,7%15,8%Margem EBITDA362362205131EBITDA2.2242.423830828Receita Operacional Líquida14,4%11,7%22,0%10,7%Margem EBITDA(1.020)(1.037)(365)(342)Deduções3.2443.4591.1951.170Receita Operacional Bruta71742425Depreciação/Amortização25020915963Resultado do Serviço(1.975)(2.214)(672)(765)Despesas Operacionais41792242Provisões32128218388EBITDA antes das Provisões9M059M063T053T06R$ milhões
  23. 23. 23Posição de Financiamentos e Investimentos
  24. 24. 24Posição de Financiamentos (R$ mil)--100,0%0,5%53,9%45,7%Partic. s/ o Total(8)192.625177.26080895.52080.932TOTAL(4)89.12885.99280861.89323.291CELOS(19)70.29556.728-5.00051.728BNDES433.20234.540-28.6275.913EletrobrásVar. %TotalJun/06TotalSet/06Encargosde DívidaLongoPrazoCurtoPrazoComposição da Dívida em Setembro de 200610.46231.84528.27115.0859.8572007 2008 2009 2010 Após 2010Vencimento das Parcelas de Longo Prazo (R$ mil)95.52095.520
  25. 25. 25Programa de Investimentos (R$ mil)287479697570881T05 2T05 3T05 4T05 1T06 2T06 3T062005 = R$ 250 MM 9M06: R$ 233 MM29181.135233.407Total789.09115.986Inst. Gerais27171.587217.125Distribuição(35)457296GeraçãoVar. %9M059M06Em R$ milDistribuição dos InvestimentosAté setembro de 2006 os investimentos da Celesc totalizaram R$ 233 milhões, 93%concentrados na área de distribuição.
  26. 26. 26Mercado de Capitais
  27. 27. 27100,0056.303,4540,25Porcent.38.571.59121.715.3811.329.07315.527.137Base AtualQuant.26.581.454Ações Preferenciais PNA434.307.627Ações Preferenciais PNB771.431.815Total310.542.734Ações OrdináriasEstado deSantaCatarina50,2%Previ12,6%Invesc29,3%Outros2,6%FundaçãoCelos5,3%Ações OrdináriasObs: Na AGE de 29/09/06, foi aprovadoo grupamento das ações na proporçãode 20:1.Posição Acionária AtualAções PreferenciaisInvesc2,7%Eletrobrás18,0%Previ4,6%Bndespar6,8%Invest.Estrang.11,1%Fund.Celos1,1%Outros55,7%Free Float: 63,3%
  28. 28. 28Ação Preferencial (CLSC6) versus Ibovespa e IEE (Base: 100) - Cot. em Reais406080100120140160180200220240dez/04jan/05fev/05mar/05abr/05mai/05jun/05jul/05ago/05set/05out/05nov/05dez/05jan/06fev/06mar/06abr/06mai/06jun/06jul/06ago/06set/06out/06nov/06CLSC6IEEIbovespa81%70%60%No período de dezembro de 2004 a setembro de 2006, as ações PNB da Celescregistraram valorização de 22,5% contra 9,0% do Índice Bovespa e 20,5% do IEE.Desempenho da AçãoCLSC6: 24,3%IBOVESPA: 25,3%IEE: 29,6%De Jan/06 até Nov/06
  29. 29. 29Até setembro de 2006 a Celesc já distribuiu R$ 99 milhões aos seus acionistas sob aforma e dividendos e JCP com um dividend yield de 10%.Remuneração ao Acionista2006200520040,0543260,0119770,0672770,1335791,4010%40.3758.90050.00099.27516/01/0626/06/0629/09/06RCAAGO/ERCA31/10/2005 (*)27/04/0631/08/06TotalCotação inicialDividend Yield0,0003100,0639130,042221,026%23047.50047.73028/06/0528/06/05AGO/ERCA15/12/2004 (*)15/12/2004 (*)TotalCotação inicialDividend Yield0,0376750,735%28.00028/05/04RCA10/12/2003 (*)Cotação inicialDividend YieldValor por Ação(R$)Valor TotalR$ milInício doPagamentoTipoData de Aprovação(*) Registrado contabilmente no exercício anterior.
  30. 30. 30IndicadoresValor de Mercado em 30/09/06 R$ 1,2 bilhão US$ 565 milhõesDívida Líquida/EBITDA (12 m) 0,2xValor da Empresa/EBITDA (12m) 2,6xCotação/VPA 1,1xA Celesc opera com baixo nível de endividamento e possui atualmenteuma relação VE/Ebitda bem inferior à média dos principais peers.
  31. 31. 31Administração
  32. 32. 32• MIGUEL XIMENES DE MELO FILHO Diretor Presidente• GERSON PEDRO BERTI Diretor Econômico-Financeiro e RI• JOSÉ AFFONSO DA SILVA JARDIM Diretor de Gestão Corporativa• EDUARDO CARVALHO SITÔNIO Diretor Técnico• OTÁVIO ACÁCIO ROSA Diretor Jurídico e Institucional• CARLOS ALBERTO MARTINS Diretor ComercialGERENTE DE RELAÇÕES COM INVESTIDORESAldo Roberto SchuhmacherPhone.: (55 48) 3231 5100Fax.: (55 48) 3231 6129e-mail: aldors@celesc.com.brDiretoria Executiva da Celesc
  33. 33. 331- Representantes do Acionista MajoritárioMiguel Ximenes de Melo FilhoIçuriti Pereira da SilvaIvo Carminati2 - IndependentesAdelcio Machado dos SantosWadico BucchiAlaor Francisco dos SantosHerbert Steinberg3 - Representante de Acionistas MinoritáriosRicardo MoritzFranciscoTeixeira NobreJoão Fernandes Moraes4 - Representante dos ConsumidoresAdermo Francisco CrispimGlauco José Côrte5 - Representante dos EmpregadosArno Veiga CugnierConselho de Administração Conselho Fiscal1 – Jurandir Sell Macedo Junior – independente2 – Ronaldo Baungartem Junior3 – Célio Goulart4 – Humberto Dalsasso – minoritário ON5 – Ricardo Campos Marques – minoritário PNConselho de Administração e Fiscal
  34. 34. 34CENTRAIS ELÉTRICAS DESANTA CATARINA S.A.

×