SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00
TÍTULO:
TITLE:
APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA:
11/07/2022
OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega
FOLHA:
PAGE:
Página 1 de 10
PARTICIPANTES:
Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento
CLASSIFICAÇÃO DAS FONTES POTENCIA DE RISCOS
Isolamento / Sinalização de área Carga suspensa Controle de fonte de energia Ferramentas Manuais / Elétricas
Trabalho com escadas Andaime Controle de riscos de incêndio Geração de resíduos
MEDIDAS DE CONTROLE A SEREM ADOTADAS EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
Verifique as medidas de controle abaixo adotadas de acordo com a classificação das fontes
potenciais de riscos indicadas. Obs. Se for identificado com “NÃO” qualquer dos itens
relacionados a seguir, o trabalho não poderá ser realizado enquanto não forem estabelecidas
as medidas preventivas para evitar a ocorrência de qualquer tido de acidente.
Óculos de Proteção Máscara respiratória
Luva de proteção Calçado de proteção
Protetor Facial Protetor Auricular
Capacete Outros:
S N NA ISOLAMENTO / SINALIZAÇÃO DA ÁREA. S N NA CARGA SUSPENSA
A área a ser isolada foi definida pelo supervisor?
O operador do equipamento de guindar está autorizado e
habilitado?
A área esta devidamente isolada com correntes ou cerquite laranja?
Há medidas de controle para alertar que pessoas abaixo da
carga?
Caso haja interferência no tráfego de máquinas e pessoas os responsáveis
foram avisados?
Isolamento sobre a área de movimentação?
Outro:________________________________________________________ A carga esta protegida de movimentos involuntários
O equipamento suporta o peso que será içado?
Os cabos de aço, fitas, espigas e cordas e demais
equipamentos foram inspecionados?
S N NA CONTROLE DE FOCOS DE INCENDIO E EXPLOSÃO S N NA 5S / HOUSEKEEPING
Os colaboradores utilizam acendedores para maçarico
A área de trabalho está livre de materiais que podem
oferecer fiscos de acidentes?
O conjunto oxiacetileno e maçarico estão em boas condições (cabo, mangueira,
válvula, alicate e jacaré)
A área esta livre de matérias que podem agredir o meio
ambiente?
As mangueiras do conjunto de oxiacetileno possui válvula de retrocesso de
chamas?
A área será entregue de forma organizada e limpa?
As pontas de cabos elétricos, máquinas e equipamentos estão protegidos?
O armazenamento dos materiais será feito de forma
correta?
RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00
TÍTULO:
TITLE:
APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA:
11/07/2022
OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega
FOLHA:
PAGE:
Página 2 de 10
PARTICIPANTES:
Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento
Possui extintor de incendo próximo ao local de trabalho? Há recipientes adequados para coleta de resíduos
O local foi isolado para evitar passagem de pessoas não autorizadas? S N NA
GERAÇÃO DE RESIDUOS CONTAMINAÇÃO DE MEIO
AMBIENTE
Foi instalado a proteção tipo tapume contra radiação e projeção de partículas?
A contratada possui autorização de remoção de asbestos,
remoção de tintas, aplicação de agrotóxicos e podas de
arvores?
O soldador está utilizando os EPI’s adequados para a função?
A forma de acondicionamento de resíduos foi aprovada
pelo departamento de meio ambiente?
O ajudante está utilizando os EPI’s adequados para a função?
Os recipientes estão identificados conforme a exigência
legal?
Foi retirado todo material combustível envolta do local da solda, lixamento ou
corte
Os resíduos serão depositados em local aprovado pelo
Dep. Ambiental?
O operador da lixadeira está com protetor facial, avental, magote, perneira e
luva de raspa
Haverá pessoal treinado para aplicação de procedimentos
em emergências químicas?
Foi vistoriado a presença de gases inflamáveis em canaletas, poços,
tubulações?
Não será permitido o descarte irregular de produtos
químicos
Qual o limite de explosividade detectado (____________) Outros:______________________________
Outras:_________________________________________________________
__
S N NA CONTROLE DE FONTES DE ENERGIA S N NA TRABALHO COM ESCADAS
Todas as fontes de energia foram desligadas, bloqueadas ou aliviadas?
Escada simples e estável tem no máximo 7 metros de
comprimento?
Todas as fontes de energia foram etiquetadas, bloqueadas e travadas?
Escada de abrir tem no máximo 6 metros de comprimentos
(fechada)?
Os colaboradores estão com os cadeados de segurança nos suportes de
travamento de energia?
A existência de pés de borracha
O sistema está livre de qualquer tipo de energia residual (elétrica, térmica,
química, mecânica)
Em escadas de abrir existe trava para evitar aberturas
acidentais
RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00
TÍTULO:
TITLE:
APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA:
11/07/2022
OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega
FOLHA:
PAGE:
Página 3 de 10
PARTICIPANTES:
Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento
Atividade
(aspecto)
Evento de
risco
Causas
Possíveis
Consequências
P S Risco
1. Ações de controle 2. Ações mitigadoras 3.
Observações
1. Planejamento Avaliação enloco Não aplicável D IV 5
 Realizar DDS de acordo com a atividade;
 O encarregado divulgará esta análise Preliminar de Risco – APR
aos colaboradores;
 Mediante ao aparecimento de perigo que eventualmente não
estejam registrados neste documento, a suspensão imediata do
serviço, e deverá contatar imediatamente o SESMT Técnico
Responsável da RM2 engenharia antes de iniciar as atividades na
área;
 Realizar a divulgação da APR, ressaltando os perigos do serviço
e os acessos ao local, enfatizando a necessidade do uso de
EPI’s,
 SESMT, instruir os colaboradores envolvidos sobre a maneira
correta de se comportar em caso de Emergência.
2.
Trabalhos a céu
aberto
Exposição contínua aos
eventos da natureza tais
como (sol, névoa, frio)
 Insolação;
 Resfriados;
 Doenças
pulmonares tais
como: bronquite;
 Desidratação.
B I 3
 Realizar DDS de acordo com a atividade;
 Utilização de EPI´s tais como: protetor solar, uniforme adequado,
óculos de segurança, capacete de segurança, protetor auricular,
luvas, calçado de segurança, perneira, dentre outros;
 Inspecionar o local de trabalho antes da atividade verificando se
há animais peçonhentos;
 Orientação aos funcionários a ingerir bastante líquidos (água
fresca) durante a jornada de trabalho;
 O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar
munidos de apitos para serem acionados em situações de
emergência;
 Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar
imediatamente o fluxograma de atendimento à emergências.
RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00
TÍTULO:
TITLE:
APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA:
11/07/2022
OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega
FOLHA:
PAGE:
Página 4 de 10
PARTICIPANTES:
Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento
3. Descarga
atmosférica
Atividades em dias
chuvosos e nublados.
 Morte;
 Perda material.
C III 2
 Realizar DDSMS de acordo com a atividade;
 Ao sinal de intempérie (mal tempo, chuva forte, vento e outros)
suspender as atividades de imediato rigorosamente;
 Não se abrigar em locais próximos a fontes geradoras de energia
elétrica ou debaixo de árvores;
 Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de
equipamentos de comunicações (rádio/celular).
 Ao sinal de intempérie (mal tempo, chuva forte, vento e outros),
todos os funcionários deverão se recolher para o local de abrigo
mais próximo;
 O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar
munidos de apitos para serem acionados em situações de
emergência;
 Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar
imediatamente o fluxograma de atendimento à emergências.

4. Incêndio
 Jogar cigarro aceso
em local impróprio;
 Fumar em local
impróprio
 Fazer queimadas.
 Danos materiais;
 Danos
ambientais;
 Queimaduras de
pele.
C III 3
 Realizar DDS de acordo com a atividade;
 Fornecer informações aos colaboradores durante o treinamento
de integração enfatizando a proibição de fumar fora do local
apropriado;
 Não fazer fogueiras nas dependências da obra;
 Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de
equipamentos de comunicações (rádio/celular).
 O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar
munidos de apitos para serem acionados em situações de
emergência;
 Em caso de danos ou prejuízos ao meio ambiente informar
imediatamente a empresa.
 Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar
imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências.
RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00
TÍTULO:
TITLE:
APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA:
11/07/2022
OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega
FOLHA:
PAGE:
Página 5 de 10
PARTICIPANTES:
Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento
5.
Carregamento e
descarregamento
de materiais de
grande porte
 Falta de amarração
dos materiais;
 Fixação inadequada
dos acessórios;
 Falta de isolamento
da área;
 Falta de manutenção
em cabos e
acessórios de
guindaste e caminhão
munck;
 Contaminação do solo
devido a vazamento
de óleo/lubrificante
dos equipamentos;
 Falta de cabo guia;
 Improviso.
 Lesão pessoal de
graus variados;
 Perda de
material;
 Impacto
ambiental;
 Atraso no
cronograma.
B III 3
 Realizar DDS de acordo com a atividade;
 Certificar-se de que a fixação e amarração da carga estão
seguras;
 Usar EPI´s apropriados a atividade;
 Supervisão e orientação do encarregado/ TST durante a
atividade;
 Isolamento da área;
 Utilização de cabo guia;
 Fazer inspeção diária nos equipamentos;
 Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de
equipamentos de comunicações (rádio/celular).
 O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar
munidos de apitos para serem acionados em situações de
emergência;
 Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar
imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências.
6.
Transporte manual
de materiais de
pequeno porte
 Levantamento de
peso de forma
inadequada;
 Postura inadequada;
 Esforço excessivo
durante a execução
das atividades.
 Entorse;
 Lombalgia;
 Dores
musculares;
 Dores na coluna;
 Lesões.
B II 3
 Realizar DDS de acordo com a atividade;
 Orientação sobre técnicas de levantamento de pesos e noções de
ergonomia;
 O levantamento manual ou semimecanizado de cargas deve ser
executado de forma que o esforço físico realizado pelo
trabalhador seja compatível com a sua capacidade de força;
 Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de
equipamentos de comunicações (rádio/celular).
 O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar
munidos de apitos para serem acionados em situações de
emergência;
 Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar
imediatamente o fluxograma de atendimento à emergências.

RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00
TÍTULO:
TITLE:
APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA:
11/07/2022
OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega
FOLHA:
PAGE:
Página 6 de 10
PARTICIPANTES:
Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento
7. Trabalhos em
altura acima de 2M
 Quedas de diferença
de nível;
 Falta de andaime;
 Não utilização de cinto
de segurança do tipo
paraquedista;
 Falta de treinamento;
 Falta de atenção;
 Utilização de cabo
guia na estrutura;
 Descumprimento das
normas e
procedimentos.
 Lesões pessoais
graves e/ou
morte;
C III 2
 Realizar DDS de acordo com a atividade;
 Utilização de andaime conforme NR-18;
 Utilização dos EPI´s tais como: cinto de segurança do tipo
paraquedista, capacete com jugular, dentre outros;
 Ações de controle em funcionários hipertenso (aferição de
pressão arterial);
 Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de
equipamentos de comunicações (rádio/celular).
 O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar
munidos de apitos para serem acionados em situações de
emergência;
 Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar
imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências.
8.
Serviços próximos
a redes de energia
elétrica
 Descarga elétrica;
 Choque elétrico;
 Danos pessoais
de graus
variados;
 Queimaduras;
 Danos materiais;
 Morte.
C III 2
 Realizar DDS de acordo com a atividade;
 Verificar a altura do equipamento antes da passagem do mesmo
debaixo de redes elétricas;
 Detectar as interferências através de planta subterrânea antes de
iniciar as atividades;
 Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de
equipamentos de comunicações (rádio/celular).
 O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar
munidos de apitos para serem acionados em situações de
emergência;
 Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar
imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências.

RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00
TÍTULO:
TITLE:
APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA:
11/07/2022
OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega
FOLHA:
PAGE:
Página 7 de 10
PARTICIPANTES:
Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento
9. Serviços em rede
elétrica
 Choque elétrico;
 Falta de aterramento;
 Funcionário não
qualificado;
 Descarga elétrica.
 Danos pessoais
de graus
variados e/ou
morte.
C III 2
 Realizar DDS de acordo com a atividade;
 Utilização de EPI´s adequado para a atividade;
 Em casos de serviços em alta tensão, utilizar luva adequada;
 Certificar-se dê que todos os disjuntores estejam desligados;
 Realizar os serviços com profissional habilitado e qualificado
conforme item 10.8.2 e 10.8.3 da NR 10;
 Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de
equipamentos de comunicações (rádio/celular).
 O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar
munidos de apitos para serem acionados em situações de
emergência;
 Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar
imediatamente o fluxograma de atendimento à emergências.
10.
Uso de
ferramentas
manuais
 Ferramentas
inadequadas;
 Ferramentas com
defeitos;
 Uso impróprio;
 Distração;
 Ferramentas
improvisadas;
 Falta de inspeção.
 Lesões pessoais
de graus
variados;
 Danos materiais.
C I 4
 Realizar DDS de acordo com a atividade;
 Inspecionar as ferramentas antes e durante o uso;
 Utilizar somente ferramentas em perfeitas condições;
 Utilizar ferramentas adequadas;
 Não fazer improviso;
 Utilizar os EPI´s necessários para as atividades;
 Isolamento da área;
 Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de
equipamentos de comunicações (rádio/celular).
 O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar
munidos de apitos para serem acionados em situações de
emergência;
 Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar
imediatamente o fluxograma de atendimento à emergências.
RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00
TÍTULO:
TITLE:
APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA:
11/07/2022
OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega
FOLHA:
PAGE:
Página 8 de 10
PARTICIPANTES:
Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento
11.
Serviço de pintura
com utilização de
tintas e solventes
 Falta de utilização de
EPI´s adequado para
execução dos
serviços;
 Risco de incêndio;
 Doenças
pulmonares
decorrentes à
inalação de
vapores
expelidos pelas
tintas e
solventes;
 Doenças de pele
provocadas pelo
contato de tintas
e solventes;
 Danos nos olhos.
C I 4
 Realizar DDS de acordo com a atividade;
 Fazer o uso correto dos EPI´s indicados para a atividade tais
como: máscara com filtro, luvas de PVC, óculos de proteção,
dentre outros;
 Aplicar procedimento e instruções técnicas adequadas;
 Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de
equipamentos de comunicações (rádio/celular).
 O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar
munidos de apitos para serem acionados em situações de
emergência;
 Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar
imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências.
12.
Descarte irregular
de resíduos.
Manipulação de
materiais plásticos,
orgânicos, metais,
papeis, etc.
 Desconhecimento das
normas da empresa;
 Falta de sinalização;
 Falta de
conscientização;
 Falta de treinamento.
 Poluição do meio
ambiente;
 Proliferação de
animais nocivos;
 Risco de
contaminação em
pessoas e
animais.
C I 4
 Realizar DDS de acordo com a atividade;
 Promover a coleta e descarte adequado dos resíduos;
 Controle de zoonoses;
 Treinar um colaborador específico para ser um multiplicador de
conhecimento;
 Atender as normas e os procedimentos da empresa;
 Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de
equipamentos de comunicações (rádio/celular).
 O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar
munidos de apitos para serem acionados em situações de
emergência;
 Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar
imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências.
RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00
TÍTULO:
TITLE:
APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA:
11/07/2022
OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega
FOLHA:
PAGE:
Página 9 de 10
PARTICIPANTES:
Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento
METODOLOGIAPARA ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCOS
QUADRO I QUADRO II
P = PROBABILIDADE DE OCORRÊNCIA DO EVENTO S = SEVERIDADE DAS CONSEQUÊNCIAS DO EVENTO
Nº TIPO CARACTERÍSTICA
A – PROVÁVEL I CATASTRÓFICA
 MORTES OU LESÕES INCAPACITANTES
EXTERNAMENTE AODTSE;
 PERDA TOTAL DE INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS
B - RAZOAVELMENTE PROVÁVEL II CRÍTICA
 LESÕES SEVERAS OU INCAPACITANTES COM
POSSIBILIDADE DE AGRAVAMENTO;
 DANOS SEVEROS A INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS
C – REMOTA III MARGINAL
 LESÕES MODERADAS;
 DANOS MODERADOS A INSTALAÇÕES E
EQUIPAMENTOS
D - EXTREMAMENTE REMOTA
IV DESPREZÍVEL
 AUSÊNCIA DE LESÕES, O MÁXIMO QUE PODE
OCORRER SÃOCASOS DE PRIMEIROS SOCORROS OU
TRATAMENTO MÉDICO MENOR;
 SEM DANOS OU DANOS NÃO SIGNIFICATIVOS A
INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS
QUADRO III
P = PROBABILIDADE RISCOS
CRITICIDADE
SEVERIDADE A B C D 1 CRITICO
I 2 SERIO
II 3 MODERADO
III 4 MENOR
IV 5 DESPREZIVEL
RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00
TÍTULO:
TITLE:
APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO
Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA:
11/07/2022
OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega
FOLHA:
PAGE:
Página 10 de 10
PARTICIPANTES:
Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento
Dia de Trabalho - Comunicação do Plano - Data: Aprovação da APR
Assinaturas (Líder e Membros da Equipe)
1. 16.
Data:
2. 17.
3. 18.
Assinatura
4. 19.
Técnico em segurança do trabalho
5. 20.
6. 21.
Eng. Civil
7. 22.
Encarregado
8. 23.
9. 24. Observações:
10. 25.
11. 26.
12. 27.
13. 28.
14. 29.
15. 30.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

APR 33 - TERRAPLENAGEM.docx
APR 33 - TERRAPLENAGEM.docxAPR 33 - TERRAPLENAGEM.docx
APR 33 - TERRAPLENAGEM.docx
Lrian1
 
Apr 003 rev 09 carga descarga de materiais -içamento de cargas e meio ambiente
Apr 003  rev 09 carga descarga de materiais -içamento de cargas e meio ambienteApr 003  rev 09 carga descarga de materiais -içamento de cargas e meio ambiente
Apr 003 rev 09 carga descarga de materiais -içamento de cargas e meio ambiente
Orlando Junior Binda
 
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docxAPR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docx
ARTHURDeoliveiraNeto
 
Modelo check list extintores - blog segurança do trabalho
Modelo   check list extintores - blog segurança do trabalhoModelo   check list extintores - blog segurança do trabalho
Modelo check list extintores - blog segurança do trabalho
Rafael Oliveira
 

Mais procurados (20)

Apr 23 - pintura predial
Apr   23 - pintura predialApr   23 - pintura predial
Apr 23 - pintura predial
 
APR 33 - TERRAPLENAGEM.docx
APR 33 - TERRAPLENAGEM.docxAPR 33 - TERRAPLENAGEM.docx
APR 33 - TERRAPLENAGEM.docx
 
Apr 003 rev 09 carga descarga de materiais -içamento de cargas e meio ambiente
Apr 003  rev 09 carga descarga de materiais -içamento de cargas e meio ambienteApr 003  rev 09 carga descarga de materiais -içamento de cargas e meio ambiente
Apr 003 rev 09 carga descarga de materiais -içamento de cargas e meio ambiente
 
APR industrial
APR industrialAPR industrial
APR industrial
 
Analise preliminar de riscos 22
Analise preliminar de riscos 22Analise preliminar de riscos 22
Analise preliminar de riscos 22
 
Seguranca caminhao-betoneira
Seguranca caminhao-betoneiraSeguranca caminhao-betoneira
Seguranca caminhao-betoneira
 
Apr carpintaria
Apr carpintariaApr carpintaria
Apr carpintaria
 
Apr hr
Apr hrApr hr
Apr hr
 
12 - APR ESCAVAÇÃO MANUAL E MECANICA.docx
12 - APR ESCAVAÇÃO MANUAL E MECANICA.docx12 - APR ESCAVAÇÃO MANUAL E MECANICA.docx
12 - APR ESCAVAÇÃO MANUAL E MECANICA.docx
 
St apr análise preliminar de risco 04 12-2009 rev1
St apr análise preliminar de risco 04 12-2009 rev1St apr análise preliminar de risco 04 12-2009 rev1
St apr análise preliminar de risco 04 12-2009 rev1
 
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docxAPR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docx
 
APR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRA
APR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRAAPR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRA
APR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRA
 
APR-de-Abertura-de-Vala-RV-6.pdf
APR-de-Abertura-de-Vala-RV-6.pdfAPR-de-Abertura-de-Vala-RV-6.pdf
APR-de-Abertura-de-Vala-RV-6.pdf
 
APR - Instalações Elétricas..docx
APR - Instalações Elétricas..docxAPR - Instalações Elétricas..docx
APR - Instalações Elétricas..docx
 
Modelo check list extintores - blog segurança do trabalho
Modelo   check list extintores - blog segurança do trabalhoModelo   check list extintores - blog segurança do trabalho
Modelo check list extintores - blog segurança do trabalho
 
Modelo apr perfuratriz
Modelo apr perfuratrizModelo apr perfuratriz
Modelo apr perfuratriz
 
Apr 1 atividade de topografia
Apr  1 atividade de topografiaApr  1 atividade de topografia
Apr 1 atividade de topografia
 
Apr topografia
Apr topografiaApr topografia
Apr topografia
 
14671479-APR-ANALISE-PRELIMINAR-DE-RISCO.doc
14671479-APR-ANALISE-PRELIMINAR-DE-RISCO.doc14671479-APR-ANALISE-PRELIMINAR-DE-RISCO.doc
14671479-APR-ANALISE-PRELIMINAR-DE-RISCO.doc
 
Apr soldador
Apr soldadorApr soldador
Apr soldador
 

Semelhante a APR 001 - MOBILIZAÇÃO CANTEIRO DE OBRAS.doc

APR - Armação de ferragem para o piso.doc
APR - Armação de ferragem para o piso.docAPR - Armação de ferragem para o piso.doc
APR - Armação de ferragem para o piso.doc
julianaestagiariasol
 
Conteúdo de aula nr18 - trabalho na indústria da construção - modulo 02
Conteúdo de aula   nr18 - trabalho na indústria da construção - modulo 02Conteúdo de aula   nr18 - trabalho na indústria da construção - modulo 02
Conteúdo de aula nr18 - trabalho na indústria da construção - modulo 02
GilbertoNeves13
 
JHA04_Temporary Construction Facilities Assembly_Rev00 PT.pdf
JHA04_Temporary Construction Facilities Assembly_Rev00 PT.pdfJHA04_Temporary Construction Facilities Assembly_Rev00 PT.pdf
JHA04_Temporary Construction Facilities Assembly_Rev00 PT.pdf
JESUSBASILIOANTONIO
 
Art analise-de-risco-do-trabalho
Art analise-de-risco-do-trabalhoArt analise-de-risco-do-trabalho
Art analise-de-risco-do-trabalho
Nestor Neto
 
Art analise-de-risco-do-trabalho
Art analise-de-risco-do-trabalhoArt analise-de-risco-do-trabalho
Art analise-de-risco-do-trabalho
gerailto2
 
Art analise-de-risco-do-trabalho - cópia
Art analise-de-risco-do-trabalho - cópiaArt analise-de-risco-do-trabalho - cópia
Art analise-de-risco-do-trabalho - cópia
Veras Reis Reis
 
JHA08_De-Ethanizer Section Pavement Execution_Rev00 PT.pdf
JHA08_De-Ethanizer Section Pavement Execution_Rev00 PT.pdfJHA08_De-Ethanizer Section Pavement Execution_Rev00 PT.pdf
JHA08_De-Ethanizer Section Pavement Execution_Rev00 PT.pdf
JESUSBASILIOANTONIO
 
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.doc
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.docConstrução de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.doc
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.doc
LeandrodeSouzaBarros
 
JHA03_Open_Drain_Pit_Handrails_Installation_Rev01 PT.pdf
JHA03_Open_Drain_Pit_Handrails_Installation_Rev01 PT.pdfJHA03_Open_Drain_Pit_Handrails_Installation_Rev01 PT.pdf
JHA03_Open_Drain_Pit_Handrails_Installation_Rev01 PT.pdf
JESUSBASILIOANTONIO
 
246128963-APR-517-Corte-de-Perfilado-de-Ferro-Com-Uso-de-Esmerilhadeira (1).pdf
246128963-APR-517-Corte-de-Perfilado-de-Ferro-Com-Uso-de-Esmerilhadeira (1).pdf246128963-APR-517-Corte-de-Perfilado-de-Ferro-Com-Uso-de-Esmerilhadeira (1).pdf
246128963-APR-517-Corte-de-Perfilado-de-Ferro-Com-Uso-de-Esmerilhadeira (1).pdf
MuriloPucineliAlves2
 

Semelhante a APR 001 - MOBILIZAÇÃO CANTEIRO DE OBRAS.doc (20)

Apr modelo
Apr modeloApr modelo
Apr modelo
 
JHA07_Sewage System Execution_Rev00 - PT.pdf
JHA07_Sewage System Execution_Rev00 - PT.pdfJHA07_Sewage System Execution_Rev00 - PT.pdf
JHA07_Sewage System Execution_Rev00 - PT.pdf
 
028 - APR - Trabalhos em Altura.doc
028 - APR - Trabalhos em Altura.doc028 - APR - Trabalhos em Altura.doc
028 - APR - Trabalhos em Altura.doc
 
SERVIÇOS DE PERFURAÇÃO, ENSAIO DE PERCA D’ÁGUA E INJEÇÃO DE CONCRETO
SERVIÇOS DE PERFURAÇÃO, ENSAIO DE PERCA D’ÁGUA E INJEÇÃO DE CONCRETOSERVIÇOS DE PERFURAÇÃO, ENSAIO DE PERCA D’ÁGUA E INJEÇÃO DE CONCRETO
SERVIÇOS DE PERFURAÇÃO, ENSAIO DE PERCA D’ÁGUA E INJEÇÃO DE CONCRETO
 
APR - Armação de ferragem para o piso.doc
APR - Armação de ferragem para o piso.docAPR - Armação de ferragem para o piso.doc
APR - Armação de ferragem para o piso.doc
 
Revisado PCMAT ALMEIDA PASSAGEM SANTA RITA.doc
Revisado PCMAT ALMEIDA PASSAGEM SANTA RITA.docRevisado PCMAT ALMEIDA PASSAGEM SANTA RITA.doc
Revisado PCMAT ALMEIDA PASSAGEM SANTA RITA.doc
 
APRIA - Atividade instalação linha de vida1.pdf
APRIA -  Atividade instalação linha de vida1.pdfAPRIA -  Atividade instalação linha de vida1.pdf
APRIA - Atividade instalação linha de vida1.pdf
 
Conteúdo de aula nr18 - trabalho na indústria da construção - modulo 02
Conteúdo de aula   nr18 - trabalho na indústria da construção - modulo 02Conteúdo de aula   nr18 - trabalho na indústria da construção - modulo 02
Conteúdo de aula nr18 - trabalho na indústria da construção - modulo 02
 
JHA04_Temporary Construction Facilities Assembly_Rev00 PT.pdf
JHA04_Temporary Construction Facilities Assembly_Rev00 PT.pdfJHA04_Temporary Construction Facilities Assembly_Rev00 PT.pdf
JHA04_Temporary Construction Facilities Assembly_Rev00 PT.pdf
 
Art analise-de-risco-do-trabalho
Art analise-de-risco-do-trabalhoArt analise-de-risco-do-trabalho
Art analise-de-risco-do-trabalho
 
Art analise-de-risco-do-trabalho
Art analise-de-risco-do-trabalhoArt analise-de-risco-do-trabalho
Art analise-de-risco-do-trabalho
 
Art analise-de-risco-do-trabalho - cópia
Art analise-de-risco-do-trabalho - cópiaArt analise-de-risco-do-trabalho - cópia
Art analise-de-risco-do-trabalho - cópia
 
Tanque se silos
Tanque se silosTanque se silos
Tanque se silos
 
JHA08_De-Ethanizer Section Pavement Execution_Rev00 PT.pdf
JHA08_De-Ethanizer Section Pavement Execution_Rev00 PT.pdfJHA08_De-Ethanizer Section Pavement Execution_Rev00 PT.pdf
JHA08_De-Ethanizer Section Pavement Execution_Rev00 PT.pdf
 
Modelo de Plano de Ação de Emergência.docx.docx
Modelo de Plano de Ação de Emergência.docx.docxModelo de Plano de Ação de Emergência.docx.docx
Modelo de Plano de Ação de Emergência.docx.docx
 
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.doc
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.docConstrução de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.doc
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.doc
 
Ordem de-servico
Ordem de-servicoOrdem de-servico
Ordem de-servico
 
JHA03_Open_Drain_Pit_Handrails_Installation_Rev01 PT.pdf
JHA03_Open_Drain_Pit_Handrails_Installation_Rev01 PT.pdfJHA03_Open_Drain_Pit_Handrails_Installation_Rev01 PT.pdf
JHA03_Open_Drain_Pit_Handrails_Installation_Rev01 PT.pdf
 
246128963-APR-517-Corte-de-Perfilado-de-Ferro-Com-Uso-de-Esmerilhadeira (1).pdf
246128963-APR-517-Corte-de-Perfilado-de-Ferro-Com-Uso-de-Esmerilhadeira (1).pdf246128963-APR-517-Corte-de-Perfilado-de-Ferro-Com-Uso-de-Esmerilhadeira (1).pdf
246128963-APR-517-Corte-de-Perfilado-de-Ferro-Com-Uso-de-Esmerilhadeira (1).pdf
 
Cadastro Fornalha (1).doc
Cadastro Fornalha (1).docCadastro Fornalha (1).doc
Cadastro Fornalha (1).doc
 

Último

SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptxSEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
avaseg
 

Último (8)

Proposta de dimensionamento. PROJETO DO CURSO 2023.pptx
Proposta de dimensionamento. PROJETO DO CURSO 2023.pptxProposta de dimensionamento. PROJETO DO CURSO 2023.pptx
Proposta de dimensionamento. PROJETO DO CURSO 2023.pptx
 
Planejamento e controle da Produção_Lustosa.pdf
Planejamento e controle da Produção_Lustosa.pdfPlanejamento e controle da Produção_Lustosa.pdf
Planejamento e controle da Produção_Lustosa.pdf
 
CONCEITOS BÁSICOS DE CONFIABILIDADE COM EMBASAMENTO DE QUALIDADE
CONCEITOS BÁSICOS DE CONFIABILIDADE COM EMBASAMENTO DE QUALIDADECONCEITOS BÁSICOS DE CONFIABILIDADE COM EMBASAMENTO DE QUALIDADE
CONCEITOS BÁSICOS DE CONFIABILIDADE COM EMBASAMENTO DE QUALIDADE
 
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 52_2024.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 52_2024.pdfATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 52_2024.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 52_2024.pdf
 
ST 2024 Apresentação Comercial - VF.ppsx
ST 2024 Apresentação Comercial - VF.ppsxST 2024 Apresentação Comercial - VF.ppsx
ST 2024 Apresentação Comercial - VF.ppsx
 
Normas Técnicas para aparelho de solda oxi-acetileno.pdf
Normas Técnicas para aparelho de solda oxi-acetileno.pdfNormas Técnicas para aparelho de solda oxi-acetileno.pdf
Normas Técnicas para aparelho de solda oxi-acetileno.pdf
 
SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptxSEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
 
treinamento de moldagem por injeção plástica
treinamento de moldagem por injeção plásticatreinamento de moldagem por injeção plástica
treinamento de moldagem por injeção plástica
 

APR 001 - MOBILIZAÇÃO CANTEIRO DE OBRAS.doc

  • 1. RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00 TÍTULO: TITLE: APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA: 11/07/2022 OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega FOLHA: PAGE: Página 1 de 10 PARTICIPANTES: Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento CLASSIFICAÇÃO DAS FONTES POTENCIA DE RISCOS Isolamento / Sinalização de área Carga suspensa Controle de fonte de energia Ferramentas Manuais / Elétricas Trabalho com escadas Andaime Controle de riscos de incêndio Geração de resíduos MEDIDAS DE CONTROLE A SEREM ADOTADAS EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL Verifique as medidas de controle abaixo adotadas de acordo com a classificação das fontes potenciais de riscos indicadas. Obs. Se for identificado com “NÃO” qualquer dos itens relacionados a seguir, o trabalho não poderá ser realizado enquanto não forem estabelecidas as medidas preventivas para evitar a ocorrência de qualquer tido de acidente. Óculos de Proteção Máscara respiratória Luva de proteção Calçado de proteção Protetor Facial Protetor Auricular Capacete Outros: S N NA ISOLAMENTO / SINALIZAÇÃO DA ÁREA. S N NA CARGA SUSPENSA A área a ser isolada foi definida pelo supervisor? O operador do equipamento de guindar está autorizado e habilitado? A área esta devidamente isolada com correntes ou cerquite laranja? Há medidas de controle para alertar que pessoas abaixo da carga? Caso haja interferência no tráfego de máquinas e pessoas os responsáveis foram avisados? Isolamento sobre a área de movimentação? Outro:________________________________________________________ A carga esta protegida de movimentos involuntários O equipamento suporta o peso que será içado? Os cabos de aço, fitas, espigas e cordas e demais equipamentos foram inspecionados? S N NA CONTROLE DE FOCOS DE INCENDIO E EXPLOSÃO S N NA 5S / HOUSEKEEPING Os colaboradores utilizam acendedores para maçarico A área de trabalho está livre de materiais que podem oferecer fiscos de acidentes? O conjunto oxiacetileno e maçarico estão em boas condições (cabo, mangueira, válvula, alicate e jacaré) A área esta livre de matérias que podem agredir o meio ambiente? As mangueiras do conjunto de oxiacetileno possui válvula de retrocesso de chamas? A área será entregue de forma organizada e limpa? As pontas de cabos elétricos, máquinas e equipamentos estão protegidos? O armazenamento dos materiais será feito de forma correta?
  • 2. RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00 TÍTULO: TITLE: APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA: 11/07/2022 OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega FOLHA: PAGE: Página 2 de 10 PARTICIPANTES: Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento Possui extintor de incendo próximo ao local de trabalho? Há recipientes adequados para coleta de resíduos O local foi isolado para evitar passagem de pessoas não autorizadas? S N NA GERAÇÃO DE RESIDUOS CONTAMINAÇÃO DE MEIO AMBIENTE Foi instalado a proteção tipo tapume contra radiação e projeção de partículas? A contratada possui autorização de remoção de asbestos, remoção de tintas, aplicação de agrotóxicos e podas de arvores? O soldador está utilizando os EPI’s adequados para a função? A forma de acondicionamento de resíduos foi aprovada pelo departamento de meio ambiente? O ajudante está utilizando os EPI’s adequados para a função? Os recipientes estão identificados conforme a exigência legal? Foi retirado todo material combustível envolta do local da solda, lixamento ou corte Os resíduos serão depositados em local aprovado pelo Dep. Ambiental? O operador da lixadeira está com protetor facial, avental, magote, perneira e luva de raspa Haverá pessoal treinado para aplicação de procedimentos em emergências químicas? Foi vistoriado a presença de gases inflamáveis em canaletas, poços, tubulações? Não será permitido o descarte irregular de produtos químicos Qual o limite de explosividade detectado (____________) Outros:______________________________ Outras:_________________________________________________________ __ S N NA CONTROLE DE FONTES DE ENERGIA S N NA TRABALHO COM ESCADAS Todas as fontes de energia foram desligadas, bloqueadas ou aliviadas? Escada simples e estável tem no máximo 7 metros de comprimento? Todas as fontes de energia foram etiquetadas, bloqueadas e travadas? Escada de abrir tem no máximo 6 metros de comprimentos (fechada)? Os colaboradores estão com os cadeados de segurança nos suportes de travamento de energia? A existência de pés de borracha O sistema está livre de qualquer tipo de energia residual (elétrica, térmica, química, mecânica) Em escadas de abrir existe trava para evitar aberturas acidentais
  • 3. RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00 TÍTULO: TITLE: APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA: 11/07/2022 OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega FOLHA: PAGE: Página 3 de 10 PARTICIPANTES: Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento Atividade (aspecto) Evento de risco Causas Possíveis Consequências P S Risco 1. Ações de controle 2. Ações mitigadoras 3. Observações 1. Planejamento Avaliação enloco Não aplicável D IV 5  Realizar DDS de acordo com a atividade;  O encarregado divulgará esta análise Preliminar de Risco – APR aos colaboradores;  Mediante ao aparecimento de perigo que eventualmente não estejam registrados neste documento, a suspensão imediata do serviço, e deverá contatar imediatamente o SESMT Técnico Responsável da RM2 engenharia antes de iniciar as atividades na área;  Realizar a divulgação da APR, ressaltando os perigos do serviço e os acessos ao local, enfatizando a necessidade do uso de EPI’s,  SESMT, instruir os colaboradores envolvidos sobre a maneira correta de se comportar em caso de Emergência. 2. Trabalhos a céu aberto Exposição contínua aos eventos da natureza tais como (sol, névoa, frio)  Insolação;  Resfriados;  Doenças pulmonares tais como: bronquite;  Desidratação. B I 3  Realizar DDS de acordo com a atividade;  Utilização de EPI´s tais como: protetor solar, uniforme adequado, óculos de segurança, capacete de segurança, protetor auricular, luvas, calçado de segurança, perneira, dentre outros;  Inspecionar o local de trabalho antes da atividade verificando se há animais peçonhentos;  Orientação aos funcionários a ingerir bastante líquidos (água fresca) durante a jornada de trabalho;  O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar munidos de apitos para serem acionados em situações de emergência;  Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar imediatamente o fluxograma de atendimento à emergências.
  • 4. RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00 TÍTULO: TITLE: APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA: 11/07/2022 OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega FOLHA: PAGE: Página 4 de 10 PARTICIPANTES: Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento 3. Descarga atmosférica Atividades em dias chuvosos e nublados.  Morte;  Perda material. C III 2  Realizar DDSMS de acordo com a atividade;  Ao sinal de intempérie (mal tempo, chuva forte, vento e outros) suspender as atividades de imediato rigorosamente;  Não se abrigar em locais próximos a fontes geradoras de energia elétrica ou debaixo de árvores;  Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de equipamentos de comunicações (rádio/celular).  Ao sinal de intempérie (mal tempo, chuva forte, vento e outros), todos os funcionários deverão se recolher para o local de abrigo mais próximo;  O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar munidos de apitos para serem acionados em situações de emergência;  Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar imediatamente o fluxograma de atendimento à emergências.  4. Incêndio  Jogar cigarro aceso em local impróprio;  Fumar em local impróprio  Fazer queimadas.  Danos materiais;  Danos ambientais;  Queimaduras de pele. C III 3  Realizar DDS de acordo com a atividade;  Fornecer informações aos colaboradores durante o treinamento de integração enfatizando a proibição de fumar fora do local apropriado;  Não fazer fogueiras nas dependências da obra;  Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de equipamentos de comunicações (rádio/celular).  O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar munidos de apitos para serem acionados em situações de emergência;  Em caso de danos ou prejuízos ao meio ambiente informar imediatamente a empresa.  Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências.
  • 5. RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00 TÍTULO: TITLE: APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA: 11/07/2022 OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega FOLHA: PAGE: Página 5 de 10 PARTICIPANTES: Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento 5. Carregamento e descarregamento de materiais de grande porte  Falta de amarração dos materiais;  Fixação inadequada dos acessórios;  Falta de isolamento da área;  Falta de manutenção em cabos e acessórios de guindaste e caminhão munck;  Contaminação do solo devido a vazamento de óleo/lubrificante dos equipamentos;  Falta de cabo guia;  Improviso.  Lesão pessoal de graus variados;  Perda de material;  Impacto ambiental;  Atraso no cronograma. B III 3  Realizar DDS de acordo com a atividade;  Certificar-se de que a fixação e amarração da carga estão seguras;  Usar EPI´s apropriados a atividade;  Supervisão e orientação do encarregado/ TST durante a atividade;  Isolamento da área;  Utilização de cabo guia;  Fazer inspeção diária nos equipamentos;  Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de equipamentos de comunicações (rádio/celular).  O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar munidos de apitos para serem acionados em situações de emergência;  Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências. 6. Transporte manual de materiais de pequeno porte  Levantamento de peso de forma inadequada;  Postura inadequada;  Esforço excessivo durante a execução das atividades.  Entorse;  Lombalgia;  Dores musculares;  Dores na coluna;  Lesões. B II 3  Realizar DDS de acordo com a atividade;  Orientação sobre técnicas de levantamento de pesos e noções de ergonomia;  O levantamento manual ou semimecanizado de cargas deve ser executado de forma que o esforço físico realizado pelo trabalhador seja compatível com a sua capacidade de força;  Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de equipamentos de comunicações (rádio/celular).  O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar munidos de apitos para serem acionados em situações de emergência;  Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar imediatamente o fluxograma de atendimento à emergências. 
  • 6. RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00 TÍTULO: TITLE: APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA: 11/07/2022 OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega FOLHA: PAGE: Página 6 de 10 PARTICIPANTES: Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento 7. Trabalhos em altura acima de 2M  Quedas de diferença de nível;  Falta de andaime;  Não utilização de cinto de segurança do tipo paraquedista;  Falta de treinamento;  Falta de atenção;  Utilização de cabo guia na estrutura;  Descumprimento das normas e procedimentos.  Lesões pessoais graves e/ou morte; C III 2  Realizar DDS de acordo com a atividade;  Utilização de andaime conforme NR-18;  Utilização dos EPI´s tais como: cinto de segurança do tipo paraquedista, capacete com jugular, dentre outros;  Ações de controle em funcionários hipertenso (aferição de pressão arterial);  Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de equipamentos de comunicações (rádio/celular).  O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar munidos de apitos para serem acionados em situações de emergência;  Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências. 8. Serviços próximos a redes de energia elétrica  Descarga elétrica;  Choque elétrico;  Danos pessoais de graus variados;  Queimaduras;  Danos materiais;  Morte. C III 2  Realizar DDS de acordo com a atividade;  Verificar a altura do equipamento antes da passagem do mesmo debaixo de redes elétricas;  Detectar as interferências através de planta subterrânea antes de iniciar as atividades;  Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de equipamentos de comunicações (rádio/celular).  O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar munidos de apitos para serem acionados em situações de emergência;  Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências. 
  • 7. RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00 TÍTULO: TITLE: APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA: 11/07/2022 OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega FOLHA: PAGE: Página 7 de 10 PARTICIPANTES: Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento 9. Serviços em rede elétrica  Choque elétrico;  Falta de aterramento;  Funcionário não qualificado;  Descarga elétrica.  Danos pessoais de graus variados e/ou morte. C III 2  Realizar DDS de acordo com a atividade;  Utilização de EPI´s adequado para a atividade;  Em casos de serviços em alta tensão, utilizar luva adequada;  Certificar-se dê que todos os disjuntores estejam desligados;  Realizar os serviços com profissional habilitado e qualificado conforme item 10.8.2 e 10.8.3 da NR 10;  Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de equipamentos de comunicações (rádio/celular).  O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar munidos de apitos para serem acionados em situações de emergência;  Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar imediatamente o fluxograma de atendimento à emergências. 10. Uso de ferramentas manuais  Ferramentas inadequadas;  Ferramentas com defeitos;  Uso impróprio;  Distração;  Ferramentas improvisadas;  Falta de inspeção.  Lesões pessoais de graus variados;  Danos materiais. C I 4  Realizar DDS de acordo com a atividade;  Inspecionar as ferramentas antes e durante o uso;  Utilizar somente ferramentas em perfeitas condições;  Utilizar ferramentas adequadas;  Não fazer improviso;  Utilizar os EPI´s necessários para as atividades;  Isolamento da área;  Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de equipamentos de comunicações (rádio/celular).  O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar munidos de apitos para serem acionados em situações de emergência;  Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar imediatamente o fluxograma de atendimento à emergências.
  • 8. RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00 TÍTULO: TITLE: APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA: 11/07/2022 OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega FOLHA: PAGE: Página 8 de 10 PARTICIPANTES: Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento 11. Serviço de pintura com utilização de tintas e solventes  Falta de utilização de EPI´s adequado para execução dos serviços;  Risco de incêndio;  Doenças pulmonares decorrentes à inalação de vapores expelidos pelas tintas e solventes;  Doenças de pele provocadas pelo contato de tintas e solventes;  Danos nos olhos. C I 4  Realizar DDS de acordo com a atividade;  Fazer o uso correto dos EPI´s indicados para a atividade tais como: máscara com filtro, luvas de PVC, óculos de proteção, dentre outros;  Aplicar procedimento e instruções técnicas adequadas;  Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de equipamentos de comunicações (rádio/celular).  O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar munidos de apitos para serem acionados em situações de emergência;  Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências. 12. Descarte irregular de resíduos. Manipulação de materiais plásticos, orgânicos, metais, papeis, etc.  Desconhecimento das normas da empresa;  Falta de sinalização;  Falta de conscientização;  Falta de treinamento.  Poluição do meio ambiente;  Proliferação de animais nocivos;  Risco de contaminação em pessoas e animais. C I 4  Realizar DDS de acordo com a atividade;  Promover a coleta e descarte adequado dos resíduos;  Controle de zoonoses;  Treinar um colaborador específico para ser um multiplicador de conhecimento;  Atender as normas e os procedimentos da empresa;  Encarregado, TST, Engenheiro deverá estar munidos de equipamentos de comunicações (rádio/celular).  O encarregado e técnico de segurança do trabalho devem estar munidos de apitos para serem acionados em situações de emergência;  Em caso de qualquer tipo de ocorrência anormal, acionar imediatamente o fluxograma de atendimento a emergências.
  • 9. RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00 TÍTULO: TITLE: APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA: 11/07/2022 OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega FOLHA: PAGE: Página 9 de 10 PARTICIPANTES: Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento METODOLOGIAPARA ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCOS QUADRO I QUADRO II P = PROBABILIDADE DE OCORRÊNCIA DO EVENTO S = SEVERIDADE DAS CONSEQUÊNCIAS DO EVENTO Nº TIPO CARACTERÍSTICA A – PROVÁVEL I CATASTRÓFICA  MORTES OU LESÕES INCAPACITANTES EXTERNAMENTE AODTSE;  PERDA TOTAL DE INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS B - RAZOAVELMENTE PROVÁVEL II CRÍTICA  LESÕES SEVERAS OU INCAPACITANTES COM POSSIBILIDADE DE AGRAVAMENTO;  DANOS SEVEROS A INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS C – REMOTA III MARGINAL  LESÕES MODERADAS;  DANOS MODERADOS A INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS D - EXTREMAMENTE REMOTA IV DESPREZÍVEL  AUSÊNCIA DE LESÕES, O MÁXIMO QUE PODE OCORRER SÃOCASOS DE PRIMEIROS SOCORROS OU TRATAMENTO MÉDICO MENOR;  SEM DANOS OU DANOS NÃO SIGNIFICATIVOS A INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS QUADRO III P = PROBABILIDADE RISCOS CRITICIDADE SEVERIDADE A B C D 1 CRITICO I 2 SERIO II 3 MODERADO III 4 MENOR IV 5 DESPREZIVEL
  • 10. RM2 Engenharia APR: N°: 001 Rev . 00 TÍTULO: TITLE: APR - ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCO Construção, montagem e manutenção de canteiros de obras DATA: 11/07/2022 OBRA: Ampliação da Subestação 230kV Arcelormittal Vega FOLHA: PAGE: Página 10 de 10 PARTICIPANTES: Legenda: Valor do Risco (1- Crítico 2- Sério 3- Moderado 4- Menor 5- Desprezível) / P- Probabilidade;S- Severidade das conseqüências do evento Dia de Trabalho - Comunicação do Plano - Data: Aprovação da APR Assinaturas (Líder e Membros da Equipe) 1. 16. Data: 2. 17. 3. 18. Assinatura 4. 19. Técnico em segurança do trabalho 5. 20. 6. 21. Eng. Civil 7. 22. Encarregado 8. 23. 9. 24. Observações: 10. 25. 11. 26. 12. 27. 13. 28. 14. 29. 15. 30.