SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
Cinderela

                                             Cinderela é um dos contos de
                                         fada mais populares do mundo. A
                                         versão mais conhecida foi escrita por
                                         Charles Perrault, em 1697, e foi
                                         baseada num conto italiano popular
                                         chamado “A Gata Borralheira”.

                                               Uma versão também bastante
                                         conhecida é a dos irmãos Grimm
                                         onde não existe a fada-madrinha,
                                         quem realiza o desejo de ir ao baile
                                         são os pombos e uma árvore e, no
                                         final, as suas irmãs malvadas ficam
                                         cegas por acção dos pombos.

                                               Muitas pessoas vêem na história
                                          da Cinderela algo mais que um
                                          romance por não se saber a data
                                          precisa da sua criação e ter surgido
                                          em      diferentes  civilizações.  A
                                         literatura e o cinema, cientes disso,
usaram o seu enredo para desenvolverem inúmeras obras de apelo popular.
Para além das animações da Walt Disney –que sempre usaram como
inspiração os contos de fada – destaca-se o filme “Uma linda mulher” que conta
com Julia Roberts como protagonista e foi um sucesso nos 1990.

       A história da Cinderela teve adaptações para a ópera, sendo a primeira
Cendrillon (1749) de Jean-Louis Laruette e a mais recente Cendrillon, opera de
crianças (1994) de Vladimir Kojoukharov, para o ballet como primeira
Cinderella (1893) de Baron Boris Vietinghoff-Scheel e a mais recente
Cinderella (2012) - Adaptação do Covenant Ballet Theatre of Brooklyn, para a
patinagem no gelo, para a poesia, para o teatro dentro da pantomima (mímica),
estreando-se na cidade de Londres em 1904 e 1905, e dentro do teatro
musical, para filmes, sendo o primeiro filme a ser produzido francês, e para a
televisão mais propriamente com as telenovelas como, por exemplo, a
Floribella, um grande êxito no Brasil e adaptado para português.




                                          Carolina Guedes de Andrade 8ºA Número 6

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Plano de aula agosto
Plano de aula agostoPlano de aula agosto
Plano de aula agosto95594892168
 
Planejamento adaptação escolar por simone helen drumond
Planejamento adaptação escolar  por simone helen drumondPlanejamento adaptação escolar  por simone helen drumond
Planejamento adaptação escolar por simone helen drumondSimoneHelenDrumond
 
A Princesa E A Ervilha
A Princesa E A ErvilhaA Princesa E A Ervilha
A Princesa E A Ervilhavera1979
 
Modelos de relatórios dscritivos simone helen drumond
Modelos de relatórios dscritivos simone helen drumondModelos de relatórios dscritivos simone helen drumond
Modelos de relatórios dscritivos simone helen drumondSimoneHelenDrumond
 
Modelos de relatórios de alunos simone helen drumond
Modelos de relatórios de alunos simone helen drumondModelos de relatórios de alunos simone helen drumond
Modelos de relatórios de alunos simone helen drumondSimoneHelenDrumond
 
Projeto Brinquedos e Brincadeiras na Educação Infantil
Projeto Brinquedos e Brincadeiras na Educação InfantilProjeto Brinquedos e Brincadeiras na Educação Infantil
Projeto Brinquedos e Brincadeiras na Educação Infantiljanainasantosborba
 
Plano de aula dia das mães pdf
Plano de aula dia das mães pdfPlano de aula dia das mães pdf
Plano de aula dia das mães pdfAndré Moraes
 
A princesa e o sapo
A princesa e o sapoA princesa e o sapo
A princesa e o sapoSuzy Santana
 
Livro - Contos de terror - 5º ano "E"
Livro - Contos de terror - 5º ano "E"Livro - Contos de terror - 5º ano "E"
Livro - Contos de terror - 5º ano "E"Guilherme Leão
 
A criança do berçario e maternal
A criança do berçario e maternalA criança do berçario e maternal
A criança do berçario e maternalSimoneHelenDrumond
 
A HISTORIA DE UMA ARVORE
A HISTORIA DE UMA ARVOREA HISTORIA DE UMA ARVORE
A HISTORIA DE UMA ARVOREMarisa Seara
 
Projeto branca de neve
Projeto branca de neveProjeto branca de neve
Projeto branca de nevesandramirandan
 
Deu a louca nos contos de fada
Deu a louca nos contos de fadaDeu a louca nos contos de fada
Deu a louca nos contos de fadajosivaldopassos
 
Explorando o texto a princesa e a ervilha
 Explorando o texto a princesa e a ervilha Explorando o texto a princesa e a ervilha
Explorando o texto a princesa e a ervilhapipatcleopoldina
 
Reunião de pais 3º bimestre
Reunião de pais   3º bimestreReunião de pais   3º bimestre
Reunião de pais 3º bimestreflaviacrm
 
Sequencia didática para trabalhar com as fábulas
Sequencia didática para trabalhar com as fábulasSequencia didática para trabalhar com as fábulas
Sequencia didática para trabalhar com as fábulasRITA DE CASSIA LAGO GOMES
 
Teatro para o dia das mães 3
Teatro para o dia das mães 3Teatro para o dia das mães 3
Teatro para o dia das mães 3Vania Mendes
 

Mais procurados (20)

Plano de aula agosto
Plano de aula agostoPlano de aula agosto
Plano de aula agosto
 
Planejamento adaptação escolar por simone helen drumond
Planejamento adaptação escolar  por simone helen drumondPlanejamento adaptação escolar  por simone helen drumond
Planejamento adaptação escolar por simone helen drumond
 
A Princesa E A Ervilha
A Princesa E A ErvilhaA Princesa E A Ervilha
A Princesa E A Ervilha
 
Modelos de relatórios dscritivos simone helen drumond
Modelos de relatórios dscritivos simone helen drumondModelos de relatórios dscritivos simone helen drumond
Modelos de relatórios dscritivos simone helen drumond
 
Plano de aula moradia
Plano de aula moradiaPlano de aula moradia
Plano de aula moradia
 
Modelos de relatórios de alunos simone helen drumond
Modelos de relatórios de alunos simone helen drumondModelos de relatórios de alunos simone helen drumond
Modelos de relatórios de alunos simone helen drumond
 
Sequencia didatica a_princesa_e_a_ervilha
Sequencia didatica a_princesa_e_a_ervilhaSequencia didatica a_princesa_e_a_ervilha
Sequencia didatica a_princesa_e_a_ervilha
 
Projeto Brinquedos e Brincadeiras na Educação Infantil
Projeto Brinquedos e Brincadeiras na Educação InfantilProjeto Brinquedos e Brincadeiras na Educação Infantil
Projeto Brinquedos e Brincadeiras na Educação Infantil
 
Plano de aula dia das mães pdf
Plano de aula dia das mães pdfPlano de aula dia das mães pdf
Plano de aula dia das mães pdf
 
A princesa e o sapo
A princesa e o sapoA princesa e o sapo
A princesa e o sapo
 
Livro - Contos de terror - 5º ano "E"
Livro - Contos de terror - 5º ano "E"Livro - Contos de terror - 5º ano "E"
Livro - Contos de terror - 5º ano "E"
 
A criança do berçario e maternal
A criança do berçario e maternalA criança do berçario e maternal
A criança do berçario e maternal
 
A HISTORIA DE UMA ARVORE
A HISTORIA DE UMA ARVOREA HISTORIA DE UMA ARVORE
A HISTORIA DE UMA ARVORE
 
Projeto branca de neve
Projeto branca de neveProjeto branca de neve
Projeto branca de neve
 
Deu a louca nos contos de fada
Deu a louca nos contos de fadaDeu a louca nos contos de fada
Deu a louca nos contos de fada
 
Explorando o texto a princesa e a ervilha
 Explorando o texto a princesa e a ervilha Explorando o texto a princesa e a ervilha
Explorando o texto a princesa e a ervilha
 
Reunião de pais 3º bimestre
Reunião de pais   3º bimestreReunião de pais   3º bimestre
Reunião de pais 3º bimestre
 
Modelos relatorios
Modelos relatoriosModelos relatorios
Modelos relatorios
 
Sequencia didática para trabalhar com as fábulas
Sequencia didática para trabalhar com as fábulasSequencia didática para trabalhar com as fábulas
Sequencia didática para trabalhar com as fábulas
 
Teatro para o dia das mães 3
Teatro para o dia das mães 3Teatro para o dia das mães 3
Teatro para o dia das mães 3
 

Semelhante a Cinderela

O Quebra-Nozes e o Rei dos Camundongos
O Quebra-Nozes e o Rei dos CamundongosO Quebra-Nozes e o Rei dos Camundongos
O Quebra-Nozes e o Rei dos CamundongosLisvaldo Azevedo
 
A concepção de contos estudada na obra de J. K. Rowling
A concepção de contos estudada na obra de J. K. RowlingA concepção de contos estudada na obra de J. K. Rowling
A concepção de contos estudada na obra de J. K. RowlingAna Duarte
 
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionadosA verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionadosRenata Maria
 
Apresentação contos de grimm
Apresentação contos de grimmApresentação contos de grimm
Apresentação contos de grimmodetefernandes
 
Romeu e julieta
Romeu e julietaRomeu e julieta
Romeu e julietaMary Veras
 
A magia dos contos infantis: contos clássicos x contos de Oscar Wilde
A magia dos contos infantis: contos clássicos x contos de Oscar WildeA magia dos contos infantis: contos clássicos x contos de Oscar Wilde
A magia dos contos infantis: contos clássicos x contos de Oscar WildeLuis Medeiros
 

Semelhante a Cinderela (8)

O Quebra-Nozes e o Rei dos Camundongos
O Quebra-Nozes e o Rei dos CamundongosO Quebra-Nozes e o Rei dos Camundongos
O Quebra-Nozes e o Rei dos Camundongos
 
A concepção de contos estudada na obra de J. K. Rowling
A concepção de contos estudada na obra de J. K. RowlingA concepção de contos estudada na obra de J. K. Rowling
A concepção de contos estudada na obra de J. K. Rowling
 
Procedimentos De Leitura 4
Procedimentos De Leitura 4Procedimentos De Leitura 4
Procedimentos De Leitura 4
 
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionadosA verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
 
literatura infantil
literatura infantilliteratura infantil
literatura infantil
 
Apresentação contos de grimm
Apresentação contos de grimmApresentação contos de grimm
Apresentação contos de grimm
 
Romeu e julieta
Romeu e julietaRomeu e julieta
Romeu e julieta
 
A magia dos contos infantis: contos clássicos x contos de Oscar Wilde
A magia dos contos infantis: contos clássicos x contos de Oscar WildeA magia dos contos infantis: contos clássicos x contos de Oscar Wilde
A magia dos contos infantis: contos clássicos x contos de Oscar Wilde
 

Mais de Carol Guedes

Texto argumentativo
Texto argumentativoTexto argumentativo
Texto argumentativoCarol Guedes
 
Existe qualidade de vida em portugal
Existe qualidade de vida em portugalExiste qualidade de vida em portugal
Existe qualidade de vida em portugalCarol Guedes
 
Grupo 5 fq espelhos - rei, miguel e carolina
Grupo 5   fq espelhos - rei, miguel e carolinaGrupo 5   fq espelhos - rei, miguel e carolina
Grupo 5 fq espelhos - rei, miguel e carolinaCarol Guedes
 
A política dos 3 r’s
A política dos 3 r’sA política dos 3 r’s
A política dos 3 r’sCarol Guedes
 
Caderno de Leitura
Caderno de LeituraCaderno de Leitura
Caderno de LeituraCarol Guedes
 
íNdice de massa corporal
íNdice de massa corporalíNdice de massa corporal
íNdice de massa corporalCarol Guedes
 
A simbologia dos alimentos
A simbologia dos alimentosA simbologia dos alimentos
A simbologia dos alimentosCarol Guedes
 
D. Beatriz e a Crise de 1383-85
D. Beatriz e a Crise de 1383-85D. Beatriz e a Crise de 1383-85
D. Beatriz e a Crise de 1383-85Carol Guedes
 
Medição de volumes
Medição de volumesMedição de volumes
Medição de volumesCarol Guedes
 
Pensamentos carolina 7ºa
Pensamentos carolina 7ºaPensamentos carolina 7ºa
Pensamentos carolina 7ºaCarol Guedes
 
Terra no espaço pwp
Terra no espaço pwpTerra no espaço pwp
Terra no espaço pwpCarol Guedes
 
Trabalho de grupo a terra como sistema
Trabalho de grupo   a terra como sistemaTrabalho de grupo   a terra como sistema
Trabalho de grupo a terra como sistemaCarol Guedes
 
A europa cristã e o islão no século
A europa cristã e o islão no séculoA europa cristã e o islão no século
A europa cristã e o islão no séculoCarol Guedes
 
Actividade 3 ficha interdisciplinar história e matemática
Actividade 3   ficha interdisciplinar história e matemáticaActividade 3   ficha interdisciplinar história e matemática
Actividade 3 ficha interdisciplinar história e matemáticaCarol Guedes
 

Mais de Carol Guedes (20)

Texto argumentativo
Texto argumentativoTexto argumentativo
Texto argumentativo
 
Louvre
LouvreLouvre
Louvre
 
Louvre2
Louvre2Louvre2
Louvre2
 
Existe qualidade de vida em portugal
Existe qualidade de vida em portugalExiste qualidade de vida em portugal
Existe qualidade de vida em portugal
 
Grupo 5 fq espelhos - rei, miguel e carolina
Grupo 5   fq espelhos - rei, miguel e carolinaGrupo 5   fq espelhos - rei, miguel e carolina
Grupo 5 fq espelhos - rei, miguel e carolina
 
A política dos 3 r’s
A política dos 3 r’sA política dos 3 r’s
A política dos 3 r’s
 
Caderno de Leitura
Caderno de LeituraCaderno de Leitura
Caderno de Leitura
 
Richie Campbell
Richie CampbellRichie Campbell
Richie Campbell
 
Richie campbell
Richie campbellRichie campbell
Richie campbell
 
íNdice de massa corporal
íNdice de massa corporalíNdice de massa corporal
íNdice de massa corporal
 
A simbologia dos alimentos
A simbologia dos alimentosA simbologia dos alimentos
A simbologia dos alimentos
 
D. Beatriz e a Crise de 1383-85
D. Beatriz e a Crise de 1383-85D. Beatriz e a Crise de 1383-85
D. Beatriz e a Crise de 1383-85
 
Medição de volumes
Medição de volumesMedição de volumes
Medição de volumes
 
Pensamentos carolina 7ºa
Pensamentos carolina 7ºaPensamentos carolina 7ºa
Pensamentos carolina 7ºa
 
Almeida garrett
Almeida garrettAlmeida garrett
Almeida garrett
 
Terra no espaço pwp
Terra no espaço pwpTerra no espaço pwp
Terra no espaço pwp
 
Trabalho de grupo a terra como sistema
Trabalho de grupo   a terra como sistemaTrabalho de grupo   a terra como sistema
Trabalho de grupo a terra como sistema
 
A europa cristã e o islão no século
A europa cristã e o islão no séculoA europa cristã e o islão no século
A europa cristã e o islão no século
 
História
HistóriaHistória
História
 
Actividade 3 ficha interdisciplinar história e matemática
Actividade 3   ficha interdisciplinar história e matemáticaActividade 3   ficha interdisciplinar história e matemática
Actividade 3 ficha interdisciplinar história e matemática
 

Cinderela

  • 1. Cinderela Cinderela é um dos contos de fada mais populares do mundo. A versão mais conhecida foi escrita por Charles Perrault, em 1697, e foi baseada num conto italiano popular chamado “A Gata Borralheira”. Uma versão também bastante conhecida é a dos irmãos Grimm onde não existe a fada-madrinha, quem realiza o desejo de ir ao baile são os pombos e uma árvore e, no final, as suas irmãs malvadas ficam cegas por acção dos pombos. Muitas pessoas vêem na história da Cinderela algo mais que um romance por não se saber a data precisa da sua criação e ter surgido em diferentes civilizações. A literatura e o cinema, cientes disso, usaram o seu enredo para desenvolverem inúmeras obras de apelo popular. Para além das animações da Walt Disney –que sempre usaram como inspiração os contos de fada – destaca-se o filme “Uma linda mulher” que conta com Julia Roberts como protagonista e foi um sucesso nos 1990. A história da Cinderela teve adaptações para a ópera, sendo a primeira Cendrillon (1749) de Jean-Louis Laruette e a mais recente Cendrillon, opera de crianças (1994) de Vladimir Kojoukharov, para o ballet como primeira Cinderella (1893) de Baron Boris Vietinghoff-Scheel e a mais recente Cinderella (2012) - Adaptação do Covenant Ballet Theatre of Brooklyn, para a patinagem no gelo, para a poesia, para o teatro dentro da pantomima (mímica), estreando-se na cidade de Londres em 1904 e 1905, e dentro do teatro musical, para filmes, sendo o primeiro filme a ser produzido francês, e para a televisão mais propriamente com as telenovelas como, por exemplo, a Floribella, um grande êxito no Brasil e adaptado para português. Carolina Guedes de Andrade 8ºA Número 6