SlideShare uma empresa Scribd logo

Conversasconnect 210508013722

O documento discute processos colaborativos em comunidades de aprendizagem em rede. Ele descreve como a Web 1.0 era individual e centralizada, enquanto a Web 2.0 tornou-se colaborativa em rede. A Web 3.0 trará conteúdo dinâmico e aplicativos inteligentes. A Web 4.0 envolverá agentes híbridos inteligentes e humanos para promover a ciência aberta de forma responsável.

1 de 27
Baixar para ler offline
Ale.Okada@open.ac.uk
“Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
Ale.Okada@open.ac.uk
V E R S A S
“Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
Comunidades de Aprendizagem Formação ao longo da vida Inclusão Digital
Sociedade em rede Globalização
Comunidades de Prática Intervenção Inovação Redes e Contextos
V E R S A S
“Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
Portugal
“Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
V E R S A S
https://www.menti.com/r9qmcwhsmt
The voting code 2462 4686
https://www.mentimeter.com/s/9509b9afb1fbacf8f6667c6aebe25147/31ed0c37b1a6
“Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
Qual o seu tema de profundo interesse?
Source: (Roberts, 2015)
https://u3071399.wordpress.com/tag/web4-0/
População mundial 7,874 bilhões em abril de 2021.
“Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”

Recomendados

Redes e comunidades - ensino-aprendizagem pela internet
Redes e comunidades - ensino-aprendizagem pela internetRedes e comunidades - ensino-aprendizagem pela internet
Redes e comunidades - ensino-aprendizagem pela internetRenata de Sousa
 
Pedagogia no ensino online
Pedagogia no ensino onlinePedagogia no ensino online
Pedagogia no ensino onlineJosé Mota
 
A aprendizagem em rede no ensino superior online
A aprendizagem em rede no ensino superior onlineA aprendizagem em rede no ensino superior online
A aprendizagem em rede no ensino superior onlineJosé Mota
 
Recursos Educacionais Abertos: Que Futuro?
Recursos Educacionais Abertos: Que Futuro?Recursos Educacionais Abertos: Que Futuro?
Recursos Educacionais Abertos: Que Futuro?José Mota
 
Apresentacao da tematica
Apresentacao da tematicaApresentacao da tematica
Apresentacao da tematicaMargarida Costa
 
Redes sociais na educação superior
Redes sociais na educação superiorRedes sociais na educação superior
Redes sociais na educação superiorCarloney
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Redes sociais na educação superior
Redes sociais na educação superiorRedes sociais na educação superior
Redes sociais na educação superiorbrazuk
 
Aula3 Tendencias
Aula3 TendenciasAula3 Tendencias
Aula3 TendenciasAna Paula
 
G2 ana lucia tr 38 do ensinamento interativo...nova sociabilidade na educação
G2 ana lucia tr 38 do ensinamento interativo...nova sociabilidade na educaçãoG2 ana lucia tr 38 do ensinamento interativo...nova sociabilidade na educação
G2 ana lucia tr 38 do ensinamento interativo...nova sociabilidade na educaçãoIsabel Santos
 
Biblioteca 2.0
Biblioteca 2.0Biblioteca 2.0
Biblioteca 2.0zyzypires
 
Oficina MetaSorocaba 2008
Oficina MetaSorocaba 2008 Oficina MetaSorocaba 2008
Oficina MetaSorocaba 2008 Hudson Augusto
 
A ESCOLA E OS NOVOS DESAFIOS: A Escola, o Digital e o Professor
A ESCOLA E OS NOVOS DESAFIOS: A Escola, o Digital e o ProfessorA ESCOLA E OS NOVOS DESAFIOS: A Escola, o Digital e o Professor
A ESCOLA E OS NOVOS DESAFIOS: A Escola, o Digital e o ProfessorLuis Borges Gouveia
 
Tarefa 1 refexão de anabela rodrigues
Tarefa 1 refexão de anabela rodriguesTarefa 1 refexão de anabela rodrigues
Tarefa 1 refexão de anabela rodriguesbela610
 
Wikis - Instrumento de avaliação em contexto de eLearning
Wikis - Instrumento de avaliação em contexto de eLearningWikis - Instrumento de avaliação em contexto de eLearning
Wikis - Instrumento de avaliação em contexto de eLearningAdelaide Dias
 
Redes sociais na educaçao enped
Redes sociais na educaçao   enpedRedes sociais na educaçao   enped
Redes sociais na educaçao enpedSilvia Fichmann
 
As ferramentas web 2.0 e as comunidades de aprendizagem : estudo de casos sob...
As ferramentas web 2.0 e as comunidades de aprendizagem : estudo de casos sob...As ferramentas web 2.0 e as comunidades de aprendizagem : estudo de casos sob...
As ferramentas web 2.0 e as comunidades de aprendizagem : estudo de casos sob...Mónica Aresta
 
CVACs e CoPs: como e porque construi-las para profissionais da informacao
CVACs e CoPs: como e porque construi-las para profissionais da informacaoCVACs e CoPs: como e porque construi-las para profissionais da informacao
CVACs e CoPs: como e porque construi-las para profissionais da informacaoSuelybcs .
 
Apresentacao tematica a_be_2.0
Apresentacao tematica a_be_2.0Apresentacao tematica a_be_2.0
Apresentacao tematica a_be_2.0manuela203
 
Apresentacao teias atualizada
Apresentacao teias atualizadaApresentacao teias atualizada
Apresentacao teias atualizadaminasinvest
 
Apresentação Nave 2008
Apresentação Nave 2008Apresentação Nave 2008
Apresentação Nave 2008Hudson Augusto
 

Mais procurados (18)

Redes sociais na educação superior
Redes sociais na educação superiorRedes sociais na educação superior
Redes sociais na educação superior
 
Aula3 Tendencias
Aula3 TendenciasAula3 Tendencias
Aula3 Tendencias
 
G2 ana lucia tr 38 do ensinamento interativo...nova sociabilidade na educação
G2 ana lucia tr 38 do ensinamento interativo...nova sociabilidade na educaçãoG2 ana lucia tr 38 do ensinamento interativo...nova sociabilidade na educação
G2 ana lucia tr 38 do ensinamento interativo...nova sociabilidade na educação
 
Biblioteca 2.0
Biblioteca 2.0Biblioteca 2.0
Biblioteca 2.0
 
Oficina MetaSorocaba 2008
Oficina MetaSorocaba 2008 Oficina MetaSorocaba 2008
Oficina MetaSorocaba 2008
 
A ESCOLA E OS NOVOS DESAFIOS: A Escola, o Digital e o Professor
A ESCOLA E OS NOVOS DESAFIOS: A Escola, o Digital e o ProfessorA ESCOLA E OS NOVOS DESAFIOS: A Escola, o Digital e o Professor
A ESCOLA E OS NOVOS DESAFIOS: A Escola, o Digital e o Professor
 
CCM_ICPD_1
CCM_ICPD_1CCM_ICPD_1
CCM_ICPD_1
 
Tarefa 1 refexão de anabela rodrigues
Tarefa 1 refexão de anabela rodriguesTarefa 1 refexão de anabela rodrigues
Tarefa 1 refexão de anabela rodrigues
 
Inteligencia coletiva SENAED
Inteligencia coletiva   SENAEDInteligencia coletiva   SENAED
Inteligencia coletiva SENAED
 
Wikis - Instrumento de avaliação em contexto de eLearning
Wikis - Instrumento de avaliação em contexto de eLearningWikis - Instrumento de avaliação em contexto de eLearning
Wikis - Instrumento de avaliação em contexto de eLearning
 
Redes sociais na educaçao enped
Redes sociais na educaçao   enpedRedes sociais na educaçao   enped
Redes sociais na educaçao enped
 
As ferramentas web 2.0 e as comunidades de aprendizagem : estudo de casos sob...
As ferramentas web 2.0 e as comunidades de aprendizagem : estudo de casos sob...As ferramentas web 2.0 e as comunidades de aprendizagem : estudo de casos sob...
As ferramentas web 2.0 e as comunidades de aprendizagem : estudo de casos sob...
 
CVACs e CoPs: como e porque construi-las para profissionais da informacao
CVACs e CoPs: como e porque construi-las para profissionais da informacaoCVACs e CoPs: como e porque construi-las para profissionais da informacao
CVACs e CoPs: como e porque construi-las para profissionais da informacao
 
Apresentacao tematica a_be_2.0
Apresentacao tematica a_be_2.0Apresentacao tematica a_be_2.0
Apresentacao tematica a_be_2.0
 
Apresentacao teias atualizada
Apresentacao teias atualizadaApresentacao teias atualizada
Apresentacao teias atualizada
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
 
Apresentação Nave 2008
Apresentação Nave 2008Apresentação Nave 2008
Apresentação Nave 2008
 
Comunidades virtuais
Comunidades virtuaisComunidades virtuais
Comunidades virtuais
 

Semelhante a Conversasconnect 210508013722

Educação Fora da Caixa & Escolarização Aberta
Educação Fora da Caixa & Escolarização AbertaEducação Fora da Caixa & Escolarização Aberta
Educação Fora da Caixa & Escolarização AbertaAlexandra Okada
 
Uema - Coaprender & Coinvestigar
Uema - Coaprender & CoinvestigarUema - Coaprender & Coinvestigar
Uema - Coaprender & CoinvestigarAlexandra Okada
 
Tecnologias da Web Social Aplicadas a Ambientes Educacionais
Tecnologias da Web Social Aplicadas a Ambientes EducacionaisTecnologias da Web Social Aplicadas a Ambientes Educacionais
Tecnologias da Web Social Aplicadas a Ambientes EducacionaisEwout ter Haar
 
Tecnologias emergentes e ferramentas de web social nas bibliotecas: oportunid...
Tecnologias emergentes e ferramentas de web social nas bibliotecas: oportunid...Tecnologias emergentes e ferramentas de web social nas bibliotecas: oportunid...
Tecnologias emergentes e ferramentas de web social nas bibliotecas: oportunid...Pedro Príncipe
 
A web Semântica e o futuro da Aprendizagem
A web Semântica e o futuro da AprendizagemA web Semântica e o futuro da Aprendizagem
A web Semântica e o futuro da AprendizagemJoão Pinto
 
Web Social e os novos ambientes de comunicação, informação e aprendizagem [b...
Web Social e os novos ambientes de comunicação, informação e aprendizagem  [b...Web Social e os novos ambientes de comunicação, informação e aprendizagem  [b...
Web Social e os novos ambientes de comunicação, informação e aprendizagem [b...Pedro Príncipe
 
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoPolítica Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoREA Brasil
 
Política pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoPolítica pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoREA Brasil
 
REA na Frente Parlamentar de Cultura
REA na Frente Parlamentar de CulturaREA na Frente Parlamentar de Cultura
REA na Frente Parlamentar de CulturaCarolina Rossini
 
Áreas interesse investigacão Francislê Sousa
Áreas interesse investigacão Francislê SousaÁreas interesse investigacão Francislê Sousa
Áreas interesse investigacão Francislê SousaLuis Pedro
 
Evolucao computadores web_e_elearning
Evolucao computadores web_e_elearningEvolucao computadores web_e_elearning
Evolucao computadores web_e_elearningNeuza Pedro
 
Leitur@s_bibliotecas sem fronteiras
Leitur@s_bibliotecas sem fronteirasLeitur@s_bibliotecas sem fronteiras
Leitur@s_bibliotecas sem fronteirasertedgidc
 
PrêMio Instituto Vivo Toda CriançA Em Rede
PrêMio Instituto Vivo Toda CriançA Em RedePrêMio Instituto Vivo Toda CriançA Em Rede
PrêMio Instituto Vivo Toda CriançA Em RedeProjeto Criança em Rede
 
MOODLE REFLEXÃO CRITICA:SUA UTILIZAÇÃO, O QUE PODERIA TER.
MOODLE REFLEXÃO CRITICA:SUA UTILIZAÇÃO, O QUE PODERIA TER.MOODLE REFLEXÃO CRITICA:SUA UTILIZAÇÃO, O QUE PODERIA TER.
MOODLE REFLEXÃO CRITICA:SUA UTILIZAÇÃO, O QUE PODERIA TER.Jesse Miguel Doces
 
Webquests - Reinildes - CBLA
Webquests - Reinildes - CBLAWebquests - Reinildes - CBLA
Webquests - Reinildes - CBLAFALE - UFMG
 
Entregar a biblioteca aos utilizadores: oportunidades da web social
Entregar a biblioteca aos utilizadores: oportunidades da web social Entregar a biblioteca aos utilizadores: oportunidades da web social
Entregar a biblioteca aos utilizadores: oportunidades da web social Pedro Príncipe
 

Semelhante a Conversasconnect 210508013722 (20)

Conversas CONNECT
Conversas CONNECTConversas CONNECT
Conversas CONNECT
 
Educação Fora da Caixa & Escolarização Aberta
Educação Fora da Caixa & Escolarização AbertaEducação Fora da Caixa & Escolarização Aberta
Educação Fora da Caixa & Escolarização Aberta
 
Uema - Coaprender & Coinvestigar
Uema - Coaprender & CoinvestigarUema - Coaprender & Coinvestigar
Uema - Coaprender & Coinvestigar
 
Tecnologias da Web Social Aplicadas a Ambientes Educacionais
Tecnologias da Web Social Aplicadas a Ambientes EducacionaisTecnologias da Web Social Aplicadas a Ambientes Educacionais
Tecnologias da Web Social Aplicadas a Ambientes Educacionais
 
Tecnologias emergentes e ferramentas de web social nas bibliotecas: oportunid...
Tecnologias emergentes e ferramentas de web social nas bibliotecas: oportunid...Tecnologias emergentes e ferramentas de web social nas bibliotecas: oportunid...
Tecnologias emergentes e ferramentas de web social nas bibliotecas: oportunid...
 
A web Semântica e o futuro da Aprendizagem
A web Semântica e o futuro da AprendizagemA web Semântica e o futuro da Aprendizagem
A web Semântica e o futuro da Aprendizagem
 
Web Social e os novos ambientes de comunicação, informação e aprendizagem [b...
Web Social e os novos ambientes de comunicação, informação e aprendizagem  [b...Web Social e os novos ambientes de comunicação, informação e aprendizagem  [b...
Web Social e os novos ambientes de comunicação, informação e aprendizagem [b...
 
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoPolítica Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
 
Política pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoPolítica pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
 
REA na Frente Parlamentar de Cultura
REA na Frente Parlamentar de CulturaREA na Frente Parlamentar de Cultura
REA na Frente Parlamentar de Cultura
 
Áreas interesse investigacão Francislê Sousa
Áreas interesse investigacão Francislê SousaÁreas interesse investigacão Francislê Sousa
Áreas interesse investigacão Francislê Sousa
 
Evolucao computadores web_e_elearning
Evolucao computadores web_e_elearningEvolucao computadores web_e_elearning
Evolucao computadores web_e_elearning
 
Leitur@s_bibliotecas sem fronteiras
Leitur@s_bibliotecas sem fronteirasLeitur@s_bibliotecas sem fronteiras
Leitur@s_bibliotecas sem fronteiras
 
Aprnovoi2eap
Aprnovoi2eapAprnovoi2eap
Aprnovoi2eap
 
Tarefa 4
Tarefa 4Tarefa 4
Tarefa 4
 
Tarefa 4
Tarefa 4Tarefa 4
Tarefa 4
 
PrêMio Instituto Vivo Toda CriançA Em Rede
PrêMio Instituto Vivo Toda CriançA Em RedePrêMio Instituto Vivo Toda CriançA Em Rede
PrêMio Instituto Vivo Toda CriançA Em Rede
 
MOODLE REFLEXÃO CRITICA:SUA UTILIZAÇÃO, O QUE PODERIA TER.
MOODLE REFLEXÃO CRITICA:SUA UTILIZAÇÃO, O QUE PODERIA TER.MOODLE REFLEXÃO CRITICA:SUA UTILIZAÇÃO, O QUE PODERIA TER.
MOODLE REFLEXÃO CRITICA:SUA UTILIZAÇÃO, O QUE PODERIA TER.
 
Webquests - Reinildes - CBLA
Webquests - Reinildes - CBLAWebquests - Reinildes - CBLA
Webquests - Reinildes - CBLA
 
Entregar a biblioteca aos utilizadores: oportunidades da web social
Entregar a biblioteca aos utilizadores: oportunidades da web social Entregar a biblioteca aos utilizadores: oportunidades da web social
Entregar a biblioteca aos utilizadores: oportunidades da web social
 

Último

3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...apoioacademicoead
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...excellenceeducaciona
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...azulassessoriaacadem3
 
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;azulassessoriaacadem3
 
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...azulassessoriaacadem3
 
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...azulassessoriaacadem3
 
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...azulassessoriaacadem3
 
QUESTÃO 2 Com base nas informações sobre Matheus (Perfil 1), calcule a carga ...
QUESTÃO 2 Com base nas informações sobre Matheus (Perfil 1), calcule a carga ...QUESTÃO 2 Com base nas informações sobre Matheus (Perfil 1), calcule a carga ...
QUESTÃO 2 Com base nas informações sobre Matheus (Perfil 1), calcule a carga ...azulassessoriaacadem3
 
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...assessoriaff01
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...azulassessoriaacadem3
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...azulassessoriaacadem3
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...apoioacademicoead
 
Planejamento Anual Matemática para o ENEM - 1º ano 1, 2 e 3 anos-.pdf
Planejamento Anual Matemática para o ENEM -  1º ano 1, 2 e 3  anos-.pdfPlanejamento Anual Matemática para o ENEM -  1º ano 1, 2 e 3  anos-.pdf
Planejamento Anual Matemática para o ENEM - 1º ano 1, 2 e 3 anos-.pdfCludiaFrancklim
 
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024excellenceeducaciona
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...apoioacademicoead
 
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptxAndreia Silva
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...azulassessoriaacadem3
 
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...excellenceeducaciona
 
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
 
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
 
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...
 
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
 
QUESTÃO 2 Com base nas informações sobre Matheus (Perfil 1), calcule a carga ...
QUESTÃO 2 Com base nas informações sobre Matheus (Perfil 1), calcule a carga ...QUESTÃO 2 Com base nas informações sobre Matheus (Perfil 1), calcule a carga ...
QUESTÃO 2 Com base nas informações sobre Matheus (Perfil 1), calcule a carga ...
 
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
 
Planejamento Anual Matemática para o ENEM - 1º ano 1, 2 e 3 anos-.pdf
Planejamento Anual Matemática para o ENEM -  1º ano 1, 2 e 3  anos-.pdfPlanejamento Anual Matemática para o ENEM -  1º ano 1, 2 e 3  anos-.pdf
Planejamento Anual Matemática para o ENEM - 1º ano 1, 2 e 3 anos-.pdf
 
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
 
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
 
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
 
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
 

Conversasconnect 210508013722

  • 1. Ale.Okada@open.ac.uk “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 2. Ale.Okada@open.ac.uk V E R S A S “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 3. Comunidades de Aprendizagem Formação ao longo da vida Inclusão Digital Sociedade em rede Globalização Comunidades de Prática Intervenção Inovação Redes e Contextos V E R S A S “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 4. Portugal “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede” V E R S A S
  • 5. https://www.menti.com/r9qmcwhsmt The voting code 2462 4686 https://www.mentimeter.com/s/9509b9afb1fbacf8f6667c6aebe25147/31ed0c37b1a6 “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede” Qual o seu tema de profundo interesse?
  • 6. Source: (Roberts, 2015) https://u3071399.wordpress.com/tag/web4-0/ População mundial 7,874 bilhões em abril de 2021. “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 9. Wikipedia Multi-Idiomas “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 10. Source Natah 2015 What Comes after Web 3.0? Web 4.0 and the Future “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 11. “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 12. WEB 1.0 e-Learning WEB 2.0 Co-Learning Web 3.0 Co-Inquiry Web4.0 Connect/Colead scientific Aprendizes Leitores passivos Comunidades de Coautores Coletividades, cidadãos participativos Pesquisador inovador responsável Educadores Tradicionais, fechados Hibridos, interativos Hibridos, interativos, visionários Pesquisador inovador responsável Papel do Aprendiz Receptor e reprodutor de conhecimentos. Agente ativo, social, colaborativo, coautor e cogestor do seu próprio processo de aprendizagem. Pesquisador-colaborador, cientista-coaprendiz. Agente colaborativo conectado em redes autoorganizadas como ecossistema vivo Papel do Educador Instrutor, detentor do conhecimento. Facilitador da aprendizagem, mentor, gestor do contexto de aprendizagem aberta. Orientador nas diversas etapas da pesquisa. Avaliador crítico construtivo . Emancipador, Pesquisador, Inovador na diversidade, inclusão, equidade e bem-estar Contexto Desconectado do processo de aprendizagem. Aprendizagem Aberta com situações contextualizadas no mundo real Cenários de investigação do interesse dos participantes . Cenários de investigação para sustentabilidade glocal Foco Informacional Construção coletiva Agentes inteligentes Ecosistemas responsivos inovadores Possibilidades Leitura Edição com Autoria Compartilhada Via agentes inteligentes Agentes inteligentes e humanizadores Tecnologias Informação e comunicação Conhecimento e de redes sociais Redes semânticas, widgets Inteligência artificial Responsável Recursos Tecnológicos Tecnologias desktop, e aplicações eletrônicas individuais. Wikis, Weblogs, Redes Sociais, RSS feeds, peer2peer content bookmark, social networking Semânticas, móveis, personalizadas, analíticas. Inteligentes, preditivos e responsivos Ambiente Virtual Individual e centralizado Colaborativo em rede Móvel e personalizado Hibrido, Analitico, Formato Limitado – páginas web ou arquivos Aberto e diversificado –som, vídeo, animações... Conteúdo dinâmico ágil Aplicativos Navegadores Aplicações Diversas e Abertas Busca, localização, compartilhamento e integração: inteligente Inclusivos, móveis, inteligentes, divertidos Conteúdo Programa curricular impresso, livro texto, leitura complementar. Rede web, múltiplos formatos, materiais em vários canais, variedade de interfaces digitais. Selecionados e construídos durante o processo de investigação com parceria. multilinguas conconstruído, científico Status do Conteúdo Material educacional preescrito e preestabelecido pelo currículo. Conteúdo flexível e compartilhado com contextos específicos de aprendizagem. Conteúdos personalizados, acesso portátil, móvel. Multi-midiáticos-inteligentes Recursos Educacionais Unidades estáticas, baixa granularidade, pouca atualização. Alta granularidade, diversidade, variedade, atualização frequente, busca compartilhada. Aplicativos inteligentes,Cidades Digitais, Cidades Inteligentes Multi, inter e transdisciplinares Feedback Restrito, registro, autenticação. Acesso aberto, coletivo ou individual. Aberto, múltiplo, flexível. Científico Produção Gerado por Instituições Gerado por qualquer usuário Focado nas preferências dos indivíduos Inovadora científica responsável Copyright Rígido, direitos reservados, institucional Licenças Abertas (ex. creative commons) Licença, metodologia e dados abertos. Ciência aberta Mapeamentos Mapas em Enciclopédias Mapas em Wikis, blogs, LMS ... Smart search, loja virtual, virtual worlds Mapa coletivos atualizado instantaneamente Facilitadores Interpretativos Imagem ou hipertexto Espaços abertos para download, reedição e remixagem Web semântica, indicadores analíticos, comportamento e motivação Agentes híbridos inteligentes e humanos Sistematização & design Produção externa, Montagem, Publicação, Distribuição em massa. Criação Colaborativa: Compartilhamento Reutilização – Aprimoramento Coletivo – Acesso Aberto. Metodologia científica Sistemas ontológicos Metacognição, metadados. autônomo, metamorfológico, auto-organizado, auto-manutenção / científico e inteligente. Avaliação Por disciplina e realizados por especialistas da área. Realizado por comunidades de prática, aprendizes e educadores. Científica – revisão de pares. Crachás abertos de reconhecimento Feedback inteligente, autoria autenticada, coavaliação formativa Autoria Poucos profissionais autores. Diversos autores, incluindo profissionais, e múltiplos Múltiplas coautorias . Autoria científico-social-política inteligente , EDUCAÇÃO em rede 1.0 para 4.0
  • 13. Exemplos de Práticas Ambientes Virtuais para criação, reutilização e disseminação de REA Redes Sociais para criação, reutilização e disseminação de pesquisas como REA Espaços Massivos abertos para criação, reutilização e disseminação de investigações colaborativas Parcerias Colaborativas para escolarização aberta, engajamento científico divertido e cenários reais Projetos CONNECT Plataforma Moodle Elgg, Wordpress & Facebook Elgg, Ning, Redess & repositórios Multi idiomas Atualizado, Agentes inteligentes, Ciência aberta e RRI Tecnologias Compendium, FM, Forum Aplicativos e Mídias para REA Vários Aplicativos, widgets, Analíticos, Interfaces Móveis Analíticos, Big Data, ambientes de coautoria científica Participantes 2006 – 50 participantes 2013 – 3500 membros 2010 – 200 membros 2011 – 113 coautores 2013 - 9,526 visitantes por mês 2013 – mais de 50 membros evento com mais de 50000 participantes Mais de 30,000 estudantes coLiderado Web2.0 web3.0 web 4.0 Projetos de Pesquisa Internacional em Educação Aberta “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 18. “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 19. “A escola, em cooperação com outras partes interessadas, torna-se um agente de bem-estar da comunidade; As famílias são encorajadas a se tornarem verdadeiras parceiras na vida escolar e nas atividades; Profissionais de empresas, civis e da sociedade em geral estão ativamente envolvidos em trazer projetos da vida real para a sala de aula. ” (Ryan et. al, 2015) “open schooling” – escolarização aberta O objetivo da Comissão Europeia é aumentar a aceitação de estudos científicos e carreiras baseadas na ciência para melhorar a empregabilidade e sustentabilidade “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 20. Ciência-ação para estudantes aprenderem ciências e a usarem seus conhecimentos, habilidades e atitudes para beneficiar suas vidas, sua comunidade e a sociedade “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 21. Cenários estruturados: atividades que as escolas podem personalizar para maximizar um projeto de sucesso apoiado por cientistas. Cenários abertos: modelo para escolas e cientistas identificarem seus próprios problemas e criarem atividades. “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 22. Desafios reais COVID-19 REWILDING CLIMATE CHANGE “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 23. Apoio para o futuro de novos cidadãos cientistas e cientista-cidadão COVID-19 REWILDING CLIMATE CHANGE “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 24. Ciência Participativa entre estudante e sua Família e Comunidade COVID-19 well-being Interdependence - Biodiversity Climate Change “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 25. Ciência-ação divertida para ampliar habilidades científicas de estudantes Think and Talk outside school Exploratory and Experimental Science Citizen Science & Open Data “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 26. Estudantes & Cientistas are engaged with a real-life issue Estudantes & Professores acquire knowledge and skills in science Estudantes & Famílias SABER FAZER CUIDAR Conhecimentos e Habilidades Atitudes e valores Competências científicas “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”
  • 27. Participantes: comunidades educacionais, professores, acadêmicos, profissionais, estudantes de doutorado, líderes e membros de projeto de ciência e de educação Contact: Dr Alexandra Okada (ale.okada @open .ac.uk) “Os processos colaborativos nas comunidades de aprendizagem em rede”