Estação de tratamento de água

3.795 visualizações

Publicada em

Aula 12 sobre: Estação de tratamento de água e suas fases de funcionamento.

Publicada em: Educação
0 comentários
10 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.795
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
242
Comentários
0
Gostaram
10
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estação de tratamento de água

  1. 1. Prof Carlos Priante AULA 12
  2. 2. Tratamento de água Tratamento de água é um conjunto de procedimentos físicos e químicos que são aplicados na água para que ela fique em condições adequadas para o consumo, ou seja, para que ela se torne potável. Este processo de tratamento retira qualquer tipo de contaminação, evitando a transmissão de doenças.
  3. 3. ETA - estação de tratamento de água.
  4. 4.  A água captada dos mananciais, através de adutoras, pode estar insalubre, ou seja, pode originar doenças por estar contaminada e poluída por esgotos.  A água contaminada contém microrganismos transmissores de muitas doenças, algumas bastante graves.
  5. 5. Nos países subdesenvolvidos ou em desenvolvimento (como o Brasil), a falta de água para uso da população é um dos fatores que contribuem para a alta taxa de mortalidade infantil.
  6. 6.  O processo convencional de tratamento de água é dividido em fases.  Em cada uma delas, existe um rígido controle de dosagem de produtos químicos e acompanhamento dos padrões de qualidade.
  7. 7.  Primeiro, o cloro é adicionado assim que a água chega à estação. Isso facilita a retirada de matéria orgânica, metais e outras partículas.  Ajudando no combate a microrganismos, como as bactérias causadoras de doenças.
  8. 8.  Depois do cloro, a água recebe cal ou soda, que servem para ajustar o pH* aos valores exigidos.  *Fator pH – o pH denomina se uma solução líquida é ácida, alcalina ou neutra, inclusive a água. Um pH de 7 é neutro; um pH abaixo de 7 é ácido e um pH acima de 7 é básico ou alcalino. Para o consumo humano, recomenda-se um pH entre 6,0 e 9,5.
  9. 9.  Nessa fase, é adicionado sulfato de alumínio, cloreto férrico ou outro coagulante, seguido de uma agitação violenta da água.  Assim, as partículas de sujeira ficam eletricamente desestabilizadas e mais fáceis de agregar.
  10. 10.  Após a coagulação, há uma mistura lenta da água, que serve para provocar a formação de flocos com as partículas.  Assim, as partículas e sujeiras da água se agregam formando “flocos”.
  11. 11.  Nesse processo, a água passa por grandes tanques para separar os flocos de sujeira formados na etapa anterior.  Os flocos sedimentam no fundo do tanque, permitindo a separação entre sujeira e a água.
  12. 12.  Logo depois, a água atravessa tanques formados por pedras, areia e carvão antracito.  Eles são responsáveis por reter a sujeira que restou da fase de decantação.
  13. 13.  Em seguida, é feita a correção final do pH da água, para evitar a corrosão ou incrustação das tubulações.
  14. 14.  É feita uma última adição de cloro no líquido antes de sua saída da Estação de Tratamento.  Ela garante que a água fornecida chegue isenta de bactérias e vírus até a casa do consumidor.
  15. 15.  O flúor também é adicionado à água.  A substância ajuda a combater as bactérias causadoras de cáries presentes na água, e portando previne as cáries.
  16. 16.  cor;  turbidez;  pH;  sabor e odor;  determinação da concentração de Cloro e Flúor total (fluoretos) dissolvidos (para efetuar correções);  determinação da concentração de metais: Alumínio, Ferro,Manganês, Cromo Hexavalente;  concentração de Nitrogênio;  pureza (concentração de carbonatos de cálcio e magnésio);  determinação de OD (Oxigênio Dissolvido);  determinação da DBO (Demanda Bioquímica de Oxigênio);  determinação da DQO (Demanda Química de Oxigênio);  determinação da concentração de Trihalometanos.
  17. 17.  As análises microbiológicas têm o objetivo de certificar-se de que a água está isenta de microrganismos causadores de doenças.  O Grupo Coliforme (microrganismos patogênicos) indicam a contaminação fecal da água de abastecimento:,  Os métodos utilizados nas análises microbiológicas são:  Determinação para coliforme (reagente colilert – meio de cultura);  Determinação de toxina Cianobacterias – Microcistina;  Contagem de bactérias heterotróficas.
  18. 18.  Ainda existem muitas casas no Brasil e por todo o mundo, que não possuem encanamentos que distribuam a água tratada.  Existem métodos de tratamentos de água caseiros, que podem ser feitos por qualquer um.  São eles:  purificação caseira por meio da filtração;  fervura e ozonização;  purificação industrial (destilação).
  19. 19.  Nas localidades onde não existem rede de distribuição nem estação de tratamento de água, os moradores geralmente cavam um poço perto de casa.  Também chamados “cacimbas” ou “cisternas”, fazem parte de um conjunto de vasos comunicantes da natureza e são considerados mananciais.  Mesmo estas águas devem ser tratadas, para evitar doenças.  Os métodos são:
  20. 20.  A água é colocada no filtro, um recipiente geralmente de barro e que contém uma porcelana porosa, conhecida como vela do filtro.  A água passa pela vela do filtro, ali ficam retidas quase todas as impurezas.  Mas o filtro caseiro não retém os microrganismos nem as substâncias químicas presentes na água.
  21. 21.  Pode-se ferver a água e esperar, com a panela fechada, que ela esfrie antes de colocá-la no filtro.  A fervura da água deve durar de 15 a 20 minutos, a fim de matar todos os micróbios nela contidos.  Depois de fervida e já de volta à temperatura normal, a água deve ser agitada com uma colher bem limpa, para misturar a água e o ar (evaporado).
  22. 22.  Esse método de purificação da água exige um tipo de filtro doméstico: o aparelho chamado ozonizador.  A ozonização consiste em fazer a água sair da torneira passando diretamente por uma certa quantidade de ozônio.  O ozonizador produz o ozônio que mata os micróbios, deixando a água purificada.
  23. 23.  Destilação – A água passa por um aparelho destilador, que transforma a água em vapor, livrando-a de todas as impurezas. Em seguida, o vapor é esfriado, ainda dentro do destilador, transformando-se em gotas de água, agora já destilada.  Etapas da destilação: • ao ser aquecida, a água que está no frasco entra em ebulição (ferve), liberando vapor de água; • no condensador e, portanto, ao redor da serpentina, circula água fresca obtida diretamente da torneira; essa água em circulação mantém a serpentina sempre fria.
  24. 24.  Ao entrar em contato com a superfície fria da serpentina, o vapor condensa-se, transformando-se novamente em líquido, que cai pingando no recipiente preparado para recebê-lo, o qual já é a água destilada.  Água destilada é água completamente pura, isto é, contém apenas moléculas de água.  Nela não se encontra misturada nenhuma outra substância, nem mesmo os sais minerais necessários ao nosso organismo. Portanto, água destilada não é própria para beber.
  25. 25.  Quais doenças podem ser transmitidas através de água contaminada

×