A agua e a saúde

127 visualizações

Publicada em

Ciencias 6 ano editora positivo 3 volume

Publicada em: Ciências
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
127
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A agua e a saúde

  1. 1. A AGUA E A SAÚDE COMPONENTES : ACSA , ANA MARIA, CARLOS HABACUK, MARINA, MILTON, NAYRA, GABRIEL
  2. 2. O DIA MUNDIAL DA ÁGUA FOI CRIADO PELA ASSEMBLEIA GERAL DA ONU (ORGANIZAÇÃO DA NAÇÕES UNIDAS) EM 1993 PARA DISCUSSÃO SOBRE OS DIVERSOS TEMAS RELACIONADOS A ESSE IMPORTANTE BEM NATURAL
  3. 3. ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA
  4. 4. • A ÁGUA ANTES DE SER DISTRIBUÍDA EM NOSSAS CASAS PASSA POR UM LONGO TRATAMENTO: • 1ª ETAPA: DECANTAÇÃO A ÁGUA DOS LAGOS E RIOS É COLOCADA INICIALMENTE PARA DESCANSAR, DE MODO QUE OCORRA NESTA ETAPA A DECANTAÇÃO (SEDIMENTAÇÃO) DE ALGUNS RESÍDUOS SÓLIDOS. • 2ª ETAPA: COAGULAÇÃO PARA A RETIRADA DE PEQUENAS PARTÍCULAS EM SUSPENSÃO, QUE NÃO SERIAM RETIRADAS NA FILTRAÇÃO E SEDIMENTAÇÃO, É ADICIONADO À ÁGUA SULFATO DE ALUMÍNIO AL2(SO4)3, JUNTAMENTE COM HIDRÓXIDO DE CÁLCIO CA(OH)2, OU BARRILHA, NA2CO3 (CARBONATO DE SÓDIO), OS QUAIS FORMAM UM PRECIPITADO GELATINOSO ONDE AS PARTÍCULAS SÃO AGLUTINADAS. • 3ª ETAPA: FLOCULAÇÃO PROCESSO FÍSICO QUE OCORRE LOGO EM SEGUIDA À COAGULAÇÃO E SE BASEIA NA OCORRÊNCIA DE
  5. 5. • 4ª ETAPA: TANQUE DE DECANTAÇÃO TODAS AS IMPUREZAS MAIS GROSSEIRAS SEPARAM-SE DA ÁGUA E VÃO SE JUNTAR NO FUNDO DO TANQUE. DE TEMPOS EM TEMPOS É NECESSÁRIO FAZER UMA LIMPEZA PARA REMOÇÃO DA SUJEIRA. • 5ª ETAPA: FILTRAÇÃO MESMO COM A DECANTAÇÃO, ALGUMAS PARTÍCULAS MAIS FINAS AINDA FICAM E PRECISAM SER RETIRADAS POR FILTRAGEM. ESTA FILTRAGEM É FEITA FAZENDO-SE A ÁGUA PASSAR POR CAMADAS DE AREIA FINA, GROSSA E PEDRAS, ESPECIALMENTE PROJETADAS PARA ESTA FUNÇÃO. • 6ª ETAPA: AERAÇÃO POR ESSE PROCESSO, A ÁGUA É AGITADA PARA QUE OS ODORES SEJAM REMOVIDOS E A OXIGENAÇÃO ACONTEÇA DE MANEIRA COMPLETA. O CARVÃO ATIVO, EFICIENTE ADSORVENTE TAMBÉM É USADO PARA REMOVER ODOR, COR E SABOR. • 7ª ETAPA: CLORAÇÃO E FLUORAÇÃO SÃO ADICIONADOS CLORO (PRODUTO QUE AGE COMO UM BACTERICIDA) E
  6. 6. DISTRIBUIÇÃO DA ÁGUA
  7. 7. DEPOIS DE TRATADA, A ÁGUA É ARMAZENADA EM RESERVATÓRIOS DE DISTRIBUIÇÃO PARA, DEPOIS, SER LEVADA ATÉ OS RESERVATÓRIOS DE BAIRROS, ESTRATEGICAMENTE LOCALIZADOS. DE LÁ, A ÁGUA SEGUE POR TUBULAÇÕES MAIORES (ADUTORAS) E ENTRA NAS REDES DE DISTRIBUIÇÃO ATÉ CHEGAR AO CONSUMIDOR FINAL. GERALMENTE, O ARMAZENAMENTO É FEITO EM CAIXAS-D’ÁGUA. A RESPONSABILIDADE DA SABESP É LEVAR A ÁGUA ATÉ A ENTRADA DA RESIDÊNCIA, ONDE ESTÃO O CAVALETE E O HIDRÔMETRO (O RELÓGIO QUE REGISTRA O CONSUMO DE ÁGUA). A PARTIR DAÍ, O CLIENTE DEVE CUIDAR DAS INSTALAÇÕES INTERNAS E DA LIMPEZA E CONSERVAÇÃO DO SEU RESERVATÓRIO. A SABESP RECOMENDA QUE A CAIXAS- D’ÁGUA SEJA LIMPA A CADA 6 MESES E FIQUE DEVIDAMENTE FECHADA, EVITANDO A SUJEIRA E A CONTAMINAÇÃO POR INSETOS OU ANIMAIS. A SABESP TAMBÉM REALIZA MANUTENÇÕES PREVENTIVAS NAS INSTALAÇÕES, PARA
  8. 8. POLUIÇÃO DA ÁGUA A ÁGUA É UM BEM PRECIOSO E CADA VEZ MAIS TEMA DE DEBATES NO MUNDO TODO. O USO IRRACIONAL E A POLUIÇÃO DE FONTES IMPORTANTES (RIOS E LAGOS), PODEM OCASIONAR A FALTA DE ÁGUA DOCE MUITO EM BREVE, CASO NENHUMA PROVIDÊNCIA SEJA TOMADA.
  9. 9. CAUSAS DA POLUIÇÃO DAS ÁGUAS DO PLANETA AS PRINCIPAIS CAUSAS DE DETERIORIZAÇÃO DOS RIOS, LAGOS E DOS OCEANOS SÃO: POLUIÇÃO E CONTAMINAÇÃO POR POLUENTES E ESGOTOS. O SER HUMANO TEM CAUSADO TODO ESTE PREJUÍZO À NATUREZA, ATRAVÉS DOS LIXOS, ESGOTOS, DEJETOS QUÍMICOS INDUSTRIAIS E MINERAÇÃO SEM CONTROLE. EM FUNÇÃO DESTES PROBLEMAS, OS GOVERNOS PREOCUPADOS, TEM INCENTIVADO A EXPLORAÇÃO DE AQÜÍFEROS (GRANDES RESERVAS DE ÁGUA DOCE SUBTERRÂNEAS). NA AMÉRICA DO SUL, TEMOS O AQÜÍFERO GUARANI, UM DOS MAIORES DO MUNDO E AINDA POUCO UTILIZADO.GRANDE PARTE DAS
  10. 10. DOENÇAS RELACIONADAS A ÁGUA
  11. 11. AMEBÍASE INFECÇÃO CAUSADA POR UM PROTOZOÁRIO QUE SE APRESENTA EM DUAS FORMAS: CISTO E TROFOZOÍTO. ESSE PARASITO PODE ATUAR COMO COMENSAL OU PROVOCAR A INVASÃO DE TECIDOS, ORIGINANDO AS FORMAS INTESTINAL E EXTRA- INTESTINAL DA DOENÇA. O QUADRO CLÍNICO VARIA DE ATÉ UMA FORMA BRANDA, CARACTERIZADA POR DESCONFORTO ABDOMINAL LEVE OU MODERADO, COM SANGUE E/OU MUCO NAS DEJEÇÕES, A UMA DIARRÉIA AGUDA E FULMINANTE, DE CARÁTER SANGUINOLENTO OU MUCÓIDE, ACOMPANHADA DE FEBRE E CALAFRIOS. PODEM OU NÃO OCORRER PERÍODOS DE REMISSÃO. EM CASOS GRAVES, AS FORMAS TROFOZOÍTICAS SE DISSEMINAM PELA CORRENTE SANGÜÍNEA, PROVOCANDO ABCESSO NO FÍGADO (COM MAIOR FREQÜÊNCIA), NOS PULMÕES OU CÉREBRO. QUANDO
  12. 12. CÓLERA 1. ETIOLOGIA E SINONÍMIA DOENÇA INFECCIOSA INTESTINAL AGUDA, CAUSADA PELA ENTEROTOXINA DO VIBRIO CHOLERAE, PODENDO SE APRESENTAR DE FORMA GRAVE, COM DIARRÉIA AQUOSA E PROFUSA, COM OU SEM VÔMITOS, DOR ABDOMINAL E CÃIMBRAS. ESSE QUADRO, QUANDO NÃO TRATADO PRONTAMENTE, PODE EVOLUIR PARA DESIDRATAÇÃO, ACIDOSE, COLAPSO CIRCULATÓRIO, COM CHOQUE HIPOVOLÊMICO E INSUFICIÊNCIA RENAL. MAS, FREQÜENTEMENTE, A INFECÇÃO É ASSINTOMÁTICA OU OLIGOSSINTOMÁTICA, COM DIARRÉIA LEVE. A ACLORIDRIA GÁSTRICA AGRAVA O QUADRO CLÍNICO DA DOENÇA. A INFECÇÃO PRODUZ AUMENTO DE ANTICORPOS E
  13. 13. DENGUE 1. ETIOLOGIA E SINONÍMIA É UMA DOENÇA INFECCIOSA FEBRIL AGUDA, QUE PODE SE APRESENTAR DE FORMA BENIGNA OU GRAVE. ISSO VAI DEPENDER DE DIVERSOS FATORES, ENTRE ELES: O VÍRUS E A CEPA ENVOLVIDOS, INFECÇÃO ANTERIOR PELO VÍRUS DA DENGUE E FATORES INDIVIDUAIS COMO DOENÇAS CRÔNICAS (DIABETES, ASMA BRÔNQUICA, ANEMIA FALCIFORME). ESTA DOENÇA, TAMBÉM, É CONHECIDA COMO FEBRE DE QUEBRA OSSO.
  14. 14. ESQUISTOSSOMOSE
  15. 15. A ESQUISTOSSOMOSE É UMA DOENÇA QUE LEVA A PROBLEMAS DE SAÚDE CRÔNICA. A INFECÇÃO É ADQUIRIDA QUANDO AS PESSOAS ENTRAM EM CONTATO COM ÁGUA DOCE QUE ESTÁ INFECTADA COM AS FORMAS LARVAIS DE PARASITAS DA ESPÉCIE SCHISTOSOMA. OS VERMES ADULTOS MICROSCÓPICOS VIVEM NAS VEIAS DE DRENAGEM DO TRATO URINÁRIO E DOS INTESTINOS. A MAIORIA DE SEUS OVOS FICA PRESA NOS TECIDOS E REAÇÃO DO CORPO A ELES PODE CAUSAR GRANDES DANOS À SAÚDE. HÁ DUAS FORMAS PRINCIPAIS DE ESQUISTOSSOMOSE - INTESTINAIS E UROGENITAIS - CAUSADAS POR CINCO ESPÉCIES DIFERENTES DE SCHISTOSOMA. SEGUNDO A ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE, A ESQUISTOSSOMOSE AFETA QUASE 240 MILHÕES DE PESSOAS NO MUNDO, E MAIS DE 700 MILHÕES DE PESSOAS VIVEM EM ÁREAS ENDÊMICAS. A INFECÇÃO É PREVALENTE EM ÁREAS TROPICAIS E SUBTROPICAIS, EM COMUNIDADES CARENTES SEM ACESSO A ÁGUA POTÁVEL E SANEAMENTO

×