Evolução

181 visualizações

Publicada em

estudo espirita apresentado na casa - fraternidade espirita albino teixeira em belo horizonte - minas gerais - brasil
por carla c pinheiro

Publicada em: Ciências
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
181
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Evolução

  1. 1. Evolução
  2. 2. • Segundo o Espírito Emmanuel, JesusJesus recebeu o orbe terrestre, desde o momento em que se desprendia da massa solar. Junto a uma legião de trabalhadores, presidiu à formação da lualua, à solidificação do orbesolidificação do orbe, à formação dos oceanosformação dos oceanos, da atmosferaatmosfera e à estruturaçãoestruturação do globodo globo. Posteriormente, estatuiu os regulamentos dosregulamentos dos fenômenos físicosfenômenos físicos da Terra, organizando-lhe o equilíbrio futuro na base dos corpos simples da matéria (Xavier, 1972, cap. 1). Gênese e Espiritismo Gênese Planetária
  3. 3. • No início, há 5 bilhões de5 bilhões de anosanos, as temperaturas eram quentes demais para permitir a existência de protoplasma, a matéria prima das células vivas. • A águaágua, um dos principais componentes do protoplasma, só estava presente como vapor, um entre muitos gazes na quente e escura atmosfera. Depois de arrefecida, formou-se a água e com ela a vida. O primeiro passoprimeiro passo na evolução foi a formação de células vivasformação de células vivas, o segundosegundo foi a expansão da vidaexpansão da vida, a partir do lodo e pântano. Assim, O protoplasmaprotoplasma evolui para as bactérias, as bactériasbactérias para os vírus, os vírusvírus para as amebas, as amebasamebas para as algas, as algasalgas para as plantas, as plantasplantas para os animais até chegar à formação do homemformação do homem. LEMBRAR NOSSO LAR CAP 7 Gênese e Espiritismo Gênese Orgânica
  4. 4. Gênese e Espiritismo Gênese Orgânica: Tempo Decorrido • Há ± 4.5004.500 milhões de anos - as mais antigas rochas conhecidas; • Há ± 4.0004.000 milhões de anos - a água condensa-se; • Há ± 3.8003.800 milhões de anos - aparecimento das moléculas orgânicas; • Há ± 3.5003.500 milhões de anos - aparecimento das moléculas de polímero; • Há ± 3.3003.300 milhões de anos - aparecimento das bactérias anaeróbias; • Há ± 2.9002.900 milhões de anos - aparecimento das bactérias anaeróbias com fotossíntese; • Há ± 2.0002.000 milhões de anos - aparecimento das algas, dos protozoários e das bactérias; • Há ± 800800 milhões de anos - aparecimento das plantas e dos animais (Taylor, 1983, p. 18 e 19).
  5. 5. A vida, também, é o resultado desta complexa evolução comprovada pela Ciência. Allan Kardec, em A Gênese, André Luiz, em Evolução em Dois Mundos e Emmanuel, em A Caminho da Luz, atestam para a formação da camada gelatinosa, depois das altas temperaturas e resfriamento pelo qual passou o nosso planeta, na época de sua constituição, há cinco bilhões de anos. Há o aparecimento do protoplasma e toda a cadeia evolutiva. Gênese e Espiritismo Gênese Orgânica: Sintetizando
  6. 6. Como entender esse raciocínio? DeusDeus é a causa primária de tudo. DELE vertem-se dois PRINCÍPIOS: PRINCÍPIOPRINCÍPIO ESPIRITUAL E PRINCÍPIO MATERIAL.ESPIRITUAL E PRINCÍPIO MATERIAL. Condensando-se o Fluido UniversalCondensando-se o Fluido Universal, teremos os vários tipos de matéria: matéria bruta, corpo físico, perispírito, fluido vital etc. O EspíritoEspírito, como essência, difere de tudo o que conhecemos por matéria. Gênese e Espiritismo Gênese Espiritual
  7. 7. Gênese e Espiritismo Gênese Espiritual
  8. 8. • O ESPÍRITO NÃO RETROGRADA O nível de evolução alcançado pelo Espírito não retorna a nível inferior, não retrocede. Pode permanecer estacionário., mas não retrograda. Perg. 118 (01)
  9. 9. •Há duas espécies de progresso, que uma a outra se prestam mútuo apoio, mas que, no entanto, não marcham lado a lado: o progresso intelectual e o progresso moral (...). Allan Kardec: O livro dos espíritos, questão 785 – comentário. •O progresso moral acompanha sempre o progresso intelectual? Decorre deste, mas nem sempre o segue imediatamente. Allan Kardec: O livro dos espíritos, questão 780.
  10. 10. •O progresso intelectual engendra o progresso moral fazendo [...] compreensíveis o bem e o mal. O homem, desde então, pode escolher. O desenvolvimento do livre- arbítrio acompanha o da inteligência e aumenta a responsabilidade dos atos. Allan Kardec: O livro dos espíritos, questão 780-a.
  11. 11. A formação do homem • A exteriorização mais ou menos intensa dessa herança divina que trazemos é que nos torna diferentes uns dos outros. • O que diferencia os Espíritos não é a sua natureza, a sua origem, mas apenas evolução. As diferenças individuais se originam no homem, não em Deus.
  12. 12. • A evolução do Espírito se efetiva através de inúmeras vidas sucessivas, que oferecem-lhe oportunidades variadas de incorporar em si as experiências que o meio lhe propicia, num processo que se pode chamar de desenvolvimento da inteligência e das virtudes que lhe são imanentes. • Reencarnação
  13. 13. • A moral do Cristo, contida no Evangelho, é o roteiro para a evolução segura de todos os homens, e a sua prática é a solução para todos os problemas humanos e o objetivo a ser atingido pela Humanidade. . O homem tem o livre-arbítrio para agir, mas responde pelas consequências de suas ações.
  14. 14. Sob o império da lei de progresso, porém, o homem é impulsionado a ascender planos mais elevados, a rever as suas concepções religiosas, a entender o significado de sua existência e qual é a sua destinação espiritual. C om o advento do Cristo consolador, a Humanidade caminha em outra direção, buscando Deus dentro de si, para mais tarde, com o Espiritismo, transformar se em colaborador de Deus. Neste sentido, vemos que [...] O Cristo foi o iniciador da moral mais pura, da mais sublime: a moral evangélico cristã, que há de renovar o mundo, aproximar os homens e torna Ios irmãos; que há de fazer brotar de todos os corações humanos a caridade e o amor do próximo e estabelecer entre os homens uma solidariedade comum; de uma moral, enfim, que há de transformar a Terra, tornando-a morada de Espíritos superiores aos que hoje a habitam. [...].
  15. 15. Jesus: Vinde a mim todos os que estais cansados sob o peso do vosso fardo e vos darei descanso. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração, e encontrareis descanso para vossas almas, pois o meu jugo é suave e meu fardo é leve. (Mateus, 11: 28-30 - Bíblia de Jerusalém )
  16. 16. O progresso intelectual e o progresso moral raramente marcham juntos, mas o que o Espírito não consegue em dado tempo, alcança em outro, de modo que os dois progressos acabam por atingir o mesmo nível. Eis por que se vêem muitas vezes homens inteligentes e instruídos pouco adiantados moralmente, e vice-versa. O céu e o inferno. Primeira parte, cap. 3, item 7, p. 34-34. No entanto, o progresso intelectual pode engendrar o progresso moral fazendo [...] compreensíveis o bem e o mal. O homem, desde então, pode escolher. O desenvolvimento do livre-arbítrio acompanha o da inteligência e aumenta a responsabilidade dos atos. O livro dos espíritos. Questão 780-a, p. 408-409.
  17. 17. CONCLUSÃO: O orgulho e o egoísmo, assim como todas as demais imperfeições capazes de retardar a marcha evolutiva da Humanidade, chegarão um dia ao seu término, pois Deus reserva ao ser humano um venturoso estado de plenitude espiritual. Entretanto, por ora, enquanto nos encontramos no processo evolutivo que a lei do progresso faculta, a [...] suprema felicidade só é compartilhada pelos Espíritos perfeitos, ou, por outra, pelos puros Espíritos, que não a conseguem senão depois de haverem progredido em inteligência e moralidade. O céu e o inferno. Primeira parte, cap. 3, item 7, p.34.

×