Palerma de boliqueime

450 visualizações

Publicada em

Cavaquistão

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
450
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
39
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Palerma de boliqueime

  1. 1. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 PENSAR SOBRE CAVACO SILVA
  2. 2. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Em 1980-1981 - foi Ministro das Finanças e do Plano </li></ul><ul><li>Em 1981, foi Presidente do Conselho Nacional do Plano, eleito pela Assembleia da República, cargo que exerceu até 1984 </li></ul><ul><li>De 1985 a 1995 foi Primeiro-Ministro – 10 anos </li></ul><ul><li>Em 2006 foi eleito Presidente da República </li></ul><ul><li>É dos políticos portugueses com mais tempo de governação </li></ul>CAVACO SILVA
  3. 3. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 - Aumentou a idade da reforma das mulheres. CAVACO SILVA – durante a sua governação
  4. 4. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>a formação profissional foi acompanhada por grande corrupção e os milhões de euros vindos da Comunidade Europeia de nada serviram, como agora se verifica. </li></ul>CAVACO SILVA – durante a sua governação
  5. 5. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Não tomou medidas na formação de médicos. Na sua governação já se sabia que volvidos alguns anos haveria falta de médicos, como está a acontecer agora. Sabia-se que a saída de médicos para aposentação seria maior que a entrada de novos médicos. </li></ul><ul><li>Actualmente estão a ser recrutados médicos estrangeiros. </li></ul><ul><li>As populações mais carenciadas têm sido </li></ul><ul><li>muito prejudicadas com a falta de médicos </li></ul><ul><li>nos centro de saúde como são exemplo as filas </li></ul><ul><li>e os meses de espera de consultas e tratamentos. </li></ul>CAVACO SILVA – durante a sua governação
  6. 6. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Foi durante a sua governação que chegaram os fundos da Europa em maior quantidade mas de nada serviram para o desenvolvimento do país, como verificamos agora. </li></ul><ul><li>De nada serviram os fundos pois simultaneamente foi destruído o nosso sistema produtivo. </li></ul>CAVACO SILVA
  7. 7. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Muitas outras más medidas ou a falta de boas medidas poderiam ser aqui referidas. </li></ul><ul><li>O principal da sua nefasta governação foi o desmantelamento do sistema produtivo, por si iniciado: </li></ul><ul><li>da agricultura e da floresta </li></ul><ul><li>- da industria ligada com a agricultura e a floresta </li></ul><ul><li>das pescas </li></ul><ul><li>da industria ligada com as pescas </li></ul><ul><li>e da industria em geral (mecânica, eléctrica, etc.). </li></ul>CAVACO SILVA
  8. 8. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Cavaco Silva cometeu o grave erro de negociar com a Comunidade Europeia a troca do período de 10 anos de preparação/transição da agricultura portuguesa por dinheiro que foi aplicado em políticas que dariam mais votos. Procurou o seu interesse eleitoral em vez de preparar o país para as dificuldades que a abertura dos mercados provocaria. </li></ul><ul><li>ELE É O PRINCIPAL RESPONSÁVEL PELA DEGRADAÇÃO DA AGRICULTURA E O ABANDONO DAS TERRAS. </li></ul>CAVACO SILVA – durante a sua governação
  9. 9. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>COMEÇOU A DESTRUIÇÃO DA AGRICULTURA – deram-se subsídios para não se produzir e abandonar as terras. </li></ul>CAVACO SILVA – durante os seus governos
  10. 10. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 COMEÇOU A DESTRUIÇÃO DAS PESCAS com o abate de barcos e subsídios aos armadores para não pescarem. CAVACO SILVA – durante os seus governos
  11. 11. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>COMEÇOU A DESTRUIÇÃO DA FLORESTA </li></ul>CAVACO SILVA – durante os seus governos
  12. 12. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>COMEÇOU A DESTRUIÇÃO DA INDÚSTRIA MECÂNICA </li></ul>CAVACO SILVA – durante os seus governos
  13. 13. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>COMEÇOU A DESTRUIÇÃO DA INDÚSTRIA ELÉCTRICA </li></ul>CAVACO SILVA – durante os seus governos
  14. 14. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>COMEÇOU A DESTRUIÇÃO DA INDÚSTRIA DE CONSTRUÇÃO DE BARRAGENS E COM ISSO PERDEMOS ESSE CONHECIMENTO TÉCNICO E CIENTÍFICO. Esta situação aconteceu noutros sectores de actividade. </li></ul>CAVACO SILVA – durante os seus governos
  15. 15. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>As grandes obras públicas tiveram aumentos dos custos várias vezes para além do orçamentado. Foi com Cavaco Silva que se tornou norma a derrapagem dos custos das obras públicas (a Expo, Centro Cultural de Belém, etc). </li></ul><ul><li>Quando se gasta mal o dinheiro é certo que em algum momento fará falta. </li></ul>CAVACO SILVA – durante os seus governos
  16. 16. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Lançou as ruinosas parcerias com privados. </li></ul><ul><li>Fez a lei das empresas municipais e estatais que hoje são um sorvedouro da riqueza do país e um exemplo de clientelismo e corrupção. </li></ul>CAVACO SILVA – durante os seus governos
  17. 17. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Como presidente da República alinhou com todas as medidas do governo que têm empobrecido as classes mais desfavorecidas, as classes médias e as pequenas e médias empresas. </li></ul><ul><li>Promoveu o diálogo entre o PS e o PSD, no sentido da aprovação do Orçamento Geral do Estado feito a gosto dos banqueiros que lhe pagaram as campanhas eleitorais ( não há almoços grátis – seria muito ingrato depois dos milhões recebidos dos banqueiros não lhes dar atenção.) </li></ul>CAVACO SILVA
  18. 18. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>No plano político foi desastrado ao dar pensões a dois PIDEs (Polícia Política) e recusar ao Capitão Salgueiro Maia, um artificie do 25 de Abril e do Portugal Democrático, quando se encontrava muito doente devido a um cancro que o matou.. </li></ul>CAVACO SILVA – ao logo da sua governação Salgueiro Maia em pleno 25 de Abril de 1974
  19. 19. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Perdeu as eleições de 1995 para a Assembleia da República porque a sua governação não respondeu às expectativas da população. </li></ul><ul><li>Perdeu a eleição para a presidência quando ainda estava na memória dos portugueses a sua má politica. </li></ul>CAVACO SILVA
  20. 20. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Durante os anos que se seguiram, após perder as eleições presidenciais, o PSD, os senhores da alta finança e os orgãos de informação (propriedade de seus apoiantes) conseguiram branquear o seu papel negativo. Cavaco surgiu de novo. Surgiu com grande apoio económico eleitoral dado por todos os banqueiros em especial dos seus amigos do BPN </li></ul>CAVACO SILVA
  21. 21. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>As razões do apoio dos banqueiros resultam deles quererem gente “sua” nos postos chaves do poder. </li></ul><ul><li>Os banqueiro são, a par dos políticos dos diversos governos, o sector mais responsável da crise porque impediram o desenvolvimento do país não apoiando as pequenas e médias empresas e em especial o sector produtivo. </li></ul><ul><li>Os banqueiros apostaram em empresas que não são a base da economia real. </li></ul>CAVACO SILVA
  22. 22. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>GRANDES APOIANTES DE CAVACO SILVA SÃO OS BANQUEIROS </li></ul>CAVACO SILVA
  23. 23. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Cavaco argumenta que quando deixou o governo os indicadores económicos eram melhores que os actuais esquecendo que foi ele que começou o processo de destruição do tecido produtivo. Os impactos negativos de certas politicas só se sentem passados alguns anos. </li></ul><ul><li>Foi com a sua governação que começou a queda até à grave crise em que vivemos hoje. A crise é grave porque não temos o sistema produtivo organizado para dar resposta à situação. </li></ul>CAVACO SILVA
  24. 24. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Sobre o Serviço Nacional de Saúde não fala e quando o faz apenas se refere às instituições de solidariedade social esquecendo deliberadamente que o que está em causa é direito da população ter acesso ao Serviço Nacional de Saúde, aos hospitais, aos pagamentos da aposentação, direito a medicamentos subsidiados, abonos de família, etc. </li></ul><ul><li>Em politica está em causa os direitos e não a caridade. </li></ul>CAVACO SILVA
  25. 25. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Durante a sua governação desenvolveu-se a pobreza. Há mais de 25 anos que temos 2 milhões de pobres e outros 2 milhões em grandes dificuldades. </li></ul><ul><li>A partir dos seus governos aumentou a má distribuição da riqueza de tal maneira que cresceu a diferença entre os 20% dos mais pobres e os 20% mais ricos. </li></ul>CAVACO SILVA
  26. 26. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 <ul><li>Os seus apoiantes propagandeiam a imagem de Cavaco Silva de pessoa cuidadosa, austera e honestas mas escondem que é o mais gastador nas campanhas eleitorais e o maior gastador presidente da República. </li></ul>CAVACO SILVA
  27. 27. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 CAVACO SILVA
  28. 28. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011
  29. 29. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 PENSAR SOBRE CAVACO SILVA
  30. 30. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 PENSAR SOBRE CAVACO SILVA DESTRUIÇÃO DA INDUSTRIA
  31. 31. AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2011 PENSAR SOBRE CAVACO SILVA DESTRUIÇÃO DA INDUSTRIA

×