A literatura retratada na arte da fotonovela

5.172 visualizações

Publicada em

Projeto fotonovela na íntegra.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.172
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
36
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A literatura retratada na arte da fotonovela

  1. 1. ESCOLA ESTADUAL ERNESTO SOLON BORGES A Literatura Retratada na Arte da Fotonovela. BANDEIRANTES, MS JULHO DE 2009
  2. 2. ESCOLA ESTADUAL ERNESTO SOLON BORGES A Literatura Retratada na Arte da Fotonovela. Diretor: José Cândido de Castro Neto Coordenadora pedagógica: Fátima Suriano Batista Adelaide Alle Fantinato Equipe elaboradora: Prof. Regente: Léa Pereira da Silva Prof. Regente: Vagna Luiz Rossales Prof. Regente: Rosa Dalva Borges Jussiani Prof. STE: Dirce Cristiane Camilotti José Alberto Melão dos Santos Ensino Médio Período: Matutino e Noturno
  3. 3. Índice Apresentação......................................................................................01 Introdução .........................................................................................01 Justificativa........................................................................................02 Objetivos............................................................................................02 Metodologia.......................................................................................03 Avaliação ......................................................................................... 05 Cronograma........................................................................................05 Referências........................................................................................06
  4. 4. 1. Apresentação Ao elaborar o presente projeto de leitura a ser realizado com os alunos de todos os anos do Ensino Médio procuramos promover a leitura na escola de maneira que ela se torne uma experiência agradável e condutora de conhecimento. A literatura é fundamental na vida do ser humano e, por isso, o objetivo de qualquer escola que queira oferecer uma educação de qualidade deve priorizar a formação de leitores da boa literatura, nesta perspectiva desejamos através desse projeto capacitar o aluno a olhar o mundo com olhar crítico e nele interferir, buscando uma tomada de posição ativa, transmitidas por palavras e imagens. Partindo desse pressuposto foi concebido esse projeto com a finalidade de incentivar a leitura como um processo contínuo de aprendizagem, ajudando a formar seres pensantes, capazes de suscitarem a reflexão, como uma fonte inesgotável de conhecimentos que os ajudem a perceber o mundo, propiciando o crescimento interior e oportunizando a vivência das mais diferentes emoções. 2. Introdução É necessária a tomada de consciência da importância de saber ler para ter melhores oportunidades de trabalho, para tentar melhorar de vida e enfrentar as muitas situações que encontramos no dia a dia e também a de que vivemos num país muito desigual. Enquanto algumas crianças frequentam boas escolas, outras enfrentam muitas dificuldades para estudar. Cada vez mais a população vem lutando para garantir o acesso à moradia, ao trabalho, à saúde, à educação e à justiça, neste esforço para se construir um país mais justo, existe um direito ao qual não temos dado a devida atenção: exatamente o direito de acesso à literatura. Considerando que muitos jovens que frequentam esta escola fazem parte dessa realidade, ou seja, não leem porque não têm acesso às obras literárias, foi elaborado esse projeto com a intenção de proporcionar-lhes esse contato com a literatura como um instrumento necessário para o seu contínuo processo de auto- formação capaz de levá-los a pressupor, questionar e extrapolar o que leem. A proposta principal desse projeto é desenvolver com os alunos de todos os anos do Ensino Médio a leitura de obras literárias, correspondentes a cada período literário, de modo a estimular o gosto pela leitura e a criatividade, intensificando as
  5. 5. possibilidades de reconstrução de significação sugeridas e, a partir daí, corporificando um processo inédito, original, não convencional. 3. Justificativa No Brasil, onde, por questões históricas, sociais e econômicas, a leitura nem sempre faz parte do dia a dia das famílias, cabe à escola a tarefa de conquistar os leitores em formação, assim a escola deve atentar para um trabalho que objetive o gosto pela leitura. Diante dessa perspectiva nossa realidade não é diferente, nossa escola possui uma clientela formada na sua maioria por filhos de trabalhadores da zona rural, pessoas com pouca formação escolar, sendo que o restante também são provenientes de famílias com pouca ou nenhuma tradição de leitura, fato esse que causa certa inquietação e atormenta em relação à falta de interesse da maioria de nossos alunos pela leitura, por desconhecerem o ato de ler. Segundo CHARTIER et. al. (1996, p.115), “para uma criança, os conhecimentos são em primeiro lugar, construídos dentro da experiência do mundo no qual ela se move, age e fala com adultos e outras crianças”. Preocupados em oferecer a esses jovens a oportunidade de contato com o livro como instrumento de conhecimento, lazer e cultura, surgiu a idéia da elaboração de um projeto de leitura para suprir essa necessidade, o qual envolveria todos os alunos do Ensino Médio. Por toda a parte há leitura, não apenas a de letras, número e palavras, além de todo material escrito com letras, símbolos e sinais, também podem ser lidos: os silêncios, os não-ditos, os olhares, os gestos, as artes, as imagens e os sons. Pensando na possibilidade de trabalhar novas e diferentes formas de expressão esse projeto será executado também na disciplina de Artes que através da análise da obra lida fará sua interpretação utilizando imagens e sons, recriando a obra a partir de sua compreensão e criatividade. Segundo FREIRE (1980 p.380), “não só por suas relações e por suas respostas o homem é criador de cultura, ele é também “fazedor” da história. Na medida em que o homem cria e decide as épocas vão se formando e reformando”. Reconhecendo os múltiplos valores que a leitura possui em nossa cultura, pretendemos com a realização desse projeto dar-lhe um valor positivo, benéfico ao aluno como forma de lazer, prazer, enriquecimento cultural e ampliação de horizontes. 4. Objetivos
  6. 6. 4.1 Gerais • Despertar o gosto pela leitura e o espírito critico na apreciação de obras literárias. 4.1 Específicos • Ampliar o repertório literário do aluno. • Fazer com que os estudantes reconheçam as características das obras lidas e trabalhadas pelos colegas. • Identificar os elementos linguísticos que compõem as obras. • Formar uma nova atitude em relação à leitura. • Utilizar as tecnologias disponíveis na escola para desenvolver as competências de organizar informações, elaborar novos conhecimentos e divulgá-los. Estimular o trabalho em grupo, o respeito aos princípios éticos, a solidariedade e a responsabilidade, estimulando a divulgação do conhecimento resultante por 1O ANO – ENSINO MÉDIO Obra Período literário Uma mulher vestida de Sol (Ariano Suassuna) Humanismo O Santo e a Porca (Ariano Suassuna) Humanismo Os Lusíadas (Camões) Classicismo Farsa de Inês Pereira (Gil Vicente) Humanismo Auto da Compadecida (Ariano Suassuna) Humanismo 2O ANO – ENSINO MÉDIO Obra Período literário Ressureição (Machado de Assis) Romantismo O Primo Basílio (Eça de Queiroz) Realismo/Naturalismo Esaú e Jacó (Machado de Assis) Realismo/Naturalismo Memórias Póstumas (Machado de Assis) Realismo/Naturalismo Dom Casmurro (Machado de Assis) Realismo/Naturalismo Triste fim de Policarpo Quaresma (Lima Barreto) Pré-Modernismo Casa de Pensão (Aluísio de Azevedo) Realismo/Naturalismo O Ateneu (Raul Pompéia) Realismo/Naturalismo 3O ANO – ENSINO MÉDIO Obra Período literário O Quinze (Raquel de Queiroz) Modernismo O Continente (Érico Veríssimo) Modernismo Memórias Inventadas (Manuel de Barros) Modernismo Manuelzão e Miguilim (Guimarães Rosa) Modernismo Grande Sertão: Veredas (Guimarães Rosa) Modernismo Vidas Secas (Graciliano Ramos) Modernismo
  7. 7. Ana Terra (Érico Veríssimo) Modernismo Morte e Vida Severina (João Cabral de Melo Neto) Modernismo Lavoura Arcaica (Raduan Nassar) Modernismo O projeto será desenvolvido seguindo as seguintes etapas: • Organização dos grupos e distribuição das obras - os grupos serão organizados em sala e as obras sorteadas. Cada grupo ficará responsável pela leitura, resumo, dramatização, e apresentação de uma obra literária. • Leitura e discussão da obra entre os membros do grupo - os grupos farão a leitura dos textos em casa e um resumo do seu conteúdo em sala de aula. A atividade será direcionada pela professora regente nas disciplinas de língua portuguesa e literatura, focalizando as características da obra. • Teatro dramatizando a obra que será passo a passo fotografado com a supervisão da professora de artes. Essas fotos terão a finalidade de ilustrar a fotonovela. • Montagem da fotonovela no Movie Maker - essa atividade será realizada na Sala de Tecnologias Educacionais (STE) com o auxílio da professora regente de artes, de literatura, de língua portuguesa e da professora da STE. Será criada uma pasta titulada “Projeto Fotonovela” dentro da pasta de cada turma do ensino médio. Dentro dessa, serão criadas subpastas com o título das obras trabalhado por cada grupo, onde serão disponibilizados os seguintes arquivos: um roteiro com os principais passos a serem seguidos para a montagem do vídeo, uma apostila orientando a utilização do Movie Maker disponibilizada pelo Proinesp (UFRG), um arquivo onde será digitado o resumo da obra, uma pasta (fotos) onde serão salvas as fotos ilustrando a obra e um atalho para o gravador de voz, onde serão gravadas as narrativas da fotonovela a partir do resumo. • Gravação das fotonovelas em CD, pela professora da STE, que fará parte do arquivo e do acervo da biblioteca, como material de apoio. • Apresentação da fotonovela - será realizada no auditório da escola em três aulas com a utilização do Data-Show. Os alunos farão à apresentação dos seus trabalhos para todas as turmas do ensino médio e em seguida haverá um debate sobre a obra apresentada. 5.1 Recursos
  8. 8. • Livros e e-books das obras analisadas; • Máquina digital; • Computadores com Movie Maker, internet e gravador de som; • Microfone e caixa de som; • Data-show. 6. Avaliação Os alunos serão avaliados continuamente mediante a participação e realização das atividades propostas pelas professoras, observando os seguintes itens:  Participação, interesse e entusiasmo;  Desenvolvimento da criatividade na realização das atividades propostas;  Mudanças comportamentais em relação à leitura;  Apresentação da fotonovela. 7. Cronograma de execução. Atividade Meses Planejamento do projeto julho Organização dos grupos e distribuição dos agosto contos. Leitura e discussão entre os membros do grupo. agosto/setembro Confecção e correção dos resumos setembro Dramatização das obras e registro. outubro Montagem da fotonovela outubro Apresentação do projeto novembro 8. Bibliografia AGUIAR, Vera Teixeira de. Et. al. Leitura em crise na escola: as alternativas do professor. Porto Alegre: Mercado aberto, 1985. CHARTIER, A. M. et. al. Ler e escrever. Entrando no mundo da escrita. Porto Alegre: Artmed, 1996. FREIRE, Paulo. A importância do ato de ler. São Paulo: Cortez, 1986.
  9. 9. _____________ Conscientização. São Paulo: Moraes. 1980. PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DA ESCOLA ESTADUAL ERNESTO SOLON BORGES. 2009. SILVA, Ezequiel Teodoro da. O ato de ler. São Paulo, 1981.

×