Solar Tracker...A verdadeira Força do Sol

167 visualizações

Publicada em

Conheça o Sistema de Geração Solar Fotovoltaico que realmente se torna Viável para a população!
O Seguidor Solar é programado Geograficamente através de um super Computador, ele possui incríveis recursos como Sensor de Vento Ultra-Sônico para reconhecimento de Força e posição dos Ventos, gerencia Remota do servo mecanismo para facilitar eventuais manutenções de posicionamento entre vários outros recursos...

Publicada em: Engenharia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
167
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Solar Tracker...A verdadeira Força do Sol

  1. 1. “ A CSI Automação Solar Tracker é uma empresa séria, comprometida com seus clientes. Com ousadia, planejamento e inovação como diferenciais competitivos, a empresa segue rumo ao futuro, investindo em qualidade e satisfação para criação de novos produtos que viabilizem tecnologias para o mais diversos tipos de clientes. Os novos tempos impõem grandes desafios. Por isso, contamos com um corpo empresarial arrojado e empreendedor, que conta com uma equipe de engenheiros e técnicos cada vez mais qualificados e comprometidos com os resultados. Não poderia ser diferente, a visão estratégica da empresa prioriza a qualidade no atendimento em parâmetros tecnológicos, processuais e socioambientais.”
  2. 2.  O mercado FV no Brasil  Região dos Lagos “ CINTURÃO SOLAR”  Sistemas de Geração Smart-Grid e Off-Grid  Processo de Homologação (Prodist/Aneel)  Componentes para Geração Fotovoltaica  Tecnologia Solar Tracker
  3. 3.  Desde o início de 2014, por causa de uma iminente crise energética, o mercado de energia solar cresceu e se desenvolveu muito, tanto sob o aspecto da comercialização dos itens para a produção de energia solar quanto na criação de novos postos de trabalho.
  4. 4.  Com o setor ainda virgem e sem incentivos, porém muito promissor, o Brasil segue hoje com uma capacidade instalada de 20MW, o que seria suficiente para abastecer 10.000 domicílios.  São 140 MIL m² de placas fotovoltaicas instaladas, o que ainda é muito pouco, segundo ABSOLAR. Mas de acordo com as projeções o mercado prevê um crescimento de 300% no próximo ano.
  5. 5.  O sol responde hoje por apenas 0,01% de toda energia no Brasil, uma realidade que começou a mudar a partir dos leilões de energia que abriram espaço para o Sol na Matriz Energética no país.  O primeiro foi realizado no ano passado e o ultimo no mês de agosto. Somados os resultados foram contratados até o momento mais de 2091MW em capacidade instalada.  Suficiente para abastecer 1Milhão de residências ou 4 milhões de pessoas o que seria suficiente para abastecer mais da metade da região dos lagos.
  6. 6. China, seguida por Japão e Estados Unidos, hoje são os mercados de energia fotovoltaica que mais crescem, enquanto a Alemanha continua sendo o maior produtor do mundo de energia fotovoltaica.
  7. 7. A partir do ano que vem será possível avaliar a capacidade de geração de energia nas diferentes regiões do estado do Rio de Janeiro. Após a medição in loco, que está sendo feita desde dezembro de 2014, o Atlas Solarimétrico está agora na etapa de editoração dos dados.
  8. 8.  As primeiras informações apontam que o norte fluminense, parte da Região dos Lagos e o litoral sul do estado são as áreas com maior potencial para produção de energia solar. Os dados vêm sendo obtidos de três estações: em Duque de Caxias, Macaé e Resende.  “Sabemos que do extremo norte [do litoral] do estado até Arraial do Cabo é onde há maior possibilidade de ganho, a partir da geração fotovoltaica. Por outro lado, a Região Serrana é a que tem menor potencial”, destacou. “Mas esse potencial é ainda maior do que o de todos os lugares que têm geração fotovoltaica na Alemanha, que lidera a expansão da energia solar fotovoltaica no mundo. O que significa que temos potencial no estado inteiro”, acrescentou.
  9. 9.  Conforme disposto nesses regulamentos, a micro e a mini geração distribuída consistem na produção de energia elétrica a partir de pequenas centrais geradoras que utilizam fontes com base em energia hidráulica, solar, eólica, biomassa ou cogeração qualificada, conectadas à rede de distribuição por meio de instalações de unidades consumidoras.
  10. 10. A fim de que a central geradora seja caracterizada como micro ou mini geração distribuída, são obrigatórias as etapas de solicitação e de parecer de acesso. A solicitação de acesso é o requerimento formulado pelo acessante(consumidor),e que, uma vez entregue à acessada (distribuidora), implica em prioridade de atendimento, de acordo com a ordem cronológica de protocolo.
  11. 11. Deve-se destacar que compete à distribuidora a responsabilidade pela coleta das informações das unidades geradoras junto aos micro e mini geradores distribuídos e envio dos dados à ANEEL para fins de Registro. Segue abaixo as Etapas para Homologação
  12. 12. A Origem Humilde A maioria dos painéis solares atualmente são feitos de Silício, o segundo elemento mais abundante na terra e o ingrediente primário da areia da praia. O primeiro passo para fazer painel solar é criar lingotes de silício com elevado grau de pureza (99,99%)
  13. 13. O principal papel do inversor solar no sistema fotovoltaico é inverter a energia elétrica gerada pelos painéis, de corrente continua (CC) para corrente alternada (CA). O Seu papel secundário e garantir a segurança do sistema e medir a energia produzida pelos painéis solares O PBE Fotovoltaico foi implementado em caráter compulsório por meio da Portaria Inmetro no 4, de 4 de janeiro de 2011, complementada pelos critérios estabelecidos na Portaria Inmetro n° 357/2014. O objetivo dessa legislação é o estabelecimento de regras para os inversores de energia solar fotovoltaica.
  14. 14.  Solar Tracker (Seguidor solar) é um termo genérico usado para descrever o dispositivo que orienta vários painéis fotovoltaicos e acompanha a direção do sol aumentando a eficiência dos painéis e a geração de energia. Isso aumenta a quantidade de energia produzida a partir de uma quantia fixa de capacidade instalada de painéis.  Através de um único eixo, com sistema de rastreamento do sol o “Tracker” é programado geograficamente, sem o uso de sensores e com auxilio de um PLC, movimenta os painéis aumentando a geração de energia em até 80% em comparação aos módulos fixos.
  15. 15. comparando investimentos Custos X Benefícios
  16. 16. Sistema Fixo para gerar 380kwh/mês  Nível de insolação=4.5hs  Quantidade de placas=12/250Wp  Área ocupada=20m²  Inversor= 3KW  Livre de manutenção Investimento a partir de R$=29.800 Sistema Tracker para gerar 380Kwh/mês  Nível de insolação=9hs  Quantidade de placas=6/250Wp  Área ocupada=10.5m²  Inversor=1.5KW  Manutenção preventiva a cada 18 meses  Investimento Total a partir de R$= 17.500
  17. 17. WWW.CSIAUTOMAÇÃO.COM.BR contato@csiautomacao.com.br +55 22 3053-1998

×