O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

APRESENTAÇÃO - EMPREENDEDORISMO SOCIAL

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Próximos SlideShares
Empreendedorismo social
Empreendedorismo social
Carregando em…3
×

Confira estes a seguir

1 de 17 Anúncio
Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Diapositivos para si (20)

Quem viu também gostou (20)

Anúncio

Semelhante a APRESENTAÇÃO - EMPREENDEDORISMO SOCIAL (20)

Anúncio

Mais recentes (20)

APRESENTAÇÃO - EMPREENDEDORISMO SOCIAL

  1. 1. CENTRO POPULAR DE CULTURA E COMUNICAÇÃO BANCO COMUNITÁRIO DE DESENVOLVIMENTO JARDIM BOTÂNICO
  2. 2. O economista austríaco Joseph A. Schumpeter, no livro “Capitalismo, socialismo e democracia”, publicado em 1942, associa o empreendedor ao desenvolvimento econômico. Para ele o sistema capitalista tem como característica, uma força que ele denomina de processo de Destruição Criativa, em síntese, trata-se de destruir o velho para se criar o novo. Segundo Schumpeter, o agente básico desse processo de destruição criativa está é o que ele denominou de empreendedor.
  3. 3. “empreendedor é alguém que cria algo novo, algo diferente, que modifica ou transforma valores. Ele está sempre buscando a mudança, reage a ela e a explora como sendo uma oportunidade. Os empreendedores inovam. A inovação é o instrumento específico do espírito empreendedor. O empreendedor, por definição, transfere recursos de áreas de baixa produtividade e rendimento para áreas de produtividade e rendimento mais elevados. De acordo com o raciocínio de Drucker, o fato de alguém abrir uma nova empresa não faz dessa pessoa necessariamente um empreendedor. Ela poderá estar iniciando um negócio igual a tantos outros já existentes no mercado”
  4. 4. EMPREENDEDOR: IMAGINAÇÃO E CONHECIMENTO A imaginação é mais importante que o conhecimento. O conhecimento é limitado.A imaginaçãoenvolveo mundo. (ALBERT EINSTEIN)
  5. 5. O empreendedor tem de certa forma uma perspectiva diferente sobre as coisas. Ele enxerga com um olhar crítico, considerando suas experiências e valores para então tomar decisões corretas. Suas habilidades se dividem em 3 áreas: - TÉCNICAS: saber escrever, ouvir as pessoas e captar informações, ser organizado, saber liderar e trabalhar em equipe; - GERENCIAIS: incluem as áreas envolvidas na criação e gerenciamento da organização; - CARACTERÍSTICAS pessoais: ser disciplinado, assumir riscos, ser inovador, ter ousadia, ser persistente e visionário, ter iniciativa e coragem e principalmente ter paixão pelo que faz.
  6. 6. "EMPRESÁRIO" é a condição jurídica do indivíduo que foi aos órgão públicos e registrou uma empresa no seu nome, enquanto que o "EMPREENDEDOR" é a expressão de um conjunto de comportamentos que potencializa a condição deste empresário direcionando-o com mais eficiência rumo aos seus objetivos.
  7. 7. Destacam-se as seguintes: a) Iniciativa; b) Visão; c) Coragem; d) Firmeza; e) Decisão; f) Atitude de respeito humano; g) Capacidade de organização e direção. O Empreendedor se destaca no meio da multidão!
  8. 8. O empreendedor deve focalizar o aprendizado nos quatro pilares da educação: Aprender a conhecer, Aprender a fazer, Aprender a conviver e, Aprender a ser, e com isso, ser capaz de tomar a decisão certa frente à concorrência existente. Novas habilidades vêm sendo exigidas dos profissionais para poderem enfrentar a globalização com responsabilidade,
  9. 9. Os empreendedores sociais são indivíduos com soluções inovadoras para os problemas sociais mais prementes da sociedade. São ambiciosos e persistentes, enfrentando as grandes questões sociais e propondo novas ideias de mudança em larga escala. Em vez de relegarem as necessidades da sociedade para os setores público ou privado, os empreendedores sociais identificam o que não está a funcionar e resolvem o problema mudando o sistema, disseminando a solução e persuadindo sociedades inteiras a seguir um novo rumo. Os empreendedores sociais muitas vezes parecem estar possuídos pelas suas ideias, dedicando a vida a mudar a orientação do seu setor. São simultaneamente visionários e muito realistas, preocupando-se acima de tudo com a aplicação prática da sua visão.
  10. 10. Este tipo de negócio com impacto social tem proliferado por todo o País, por uma geração de empreendedores que pautam sua estratégia em valores sustentáveis. Diversas instituições têm colaborado para a conceituação e fomento deste novo modelo de negócio.A organização internacional Artemisia, a Ashoka, pioneira no campo da inovação social, e a Fundação Schwab, responsável pelo prêmio Empreendedor Social no Brasil, são alguns dos órgãos que estimulam o desenvolvimento
  11. 11. Educaç ão Segurança Alimentar Reciclagem/Catador es Padaria Comunitária
  12. 12. "Seu tempo é limitado, então não perca tempo vivendo a vida de outra pessoa“ Steve Jobs
  13. 13. REFERÊNCIAS CHIAVENATO, Idalberto. Empreendedorismo: dando asas ao espirito empreendedor. SAO PAULO: Saraiva, 2004. 278p. ___________. Gerenciando pessoas: o passo decisivo para a administração participativa.. 3ª ed. SÃO PAULO: Makron Books, 1994. 257p. ___________. Gestão de pessoas. 2ª ed. RIO DE JANEIRO: Elservier, 2005. 529 p. BERNARDI, Luiz Antônio. Manual de empreendedorismo e gestão: fundamentos, estratégias e dinâmicas. SÃO PAULO: Atlas, 2003. 314p. DOLABELA, Fernando. Oficina do empreendedor. SÃO PAULO: Cultura, 1999. 275p.
  14. 14. CENTRO POPULAR DE CULTURA E COMUNICAÇÃO http://www.cpcc.webnode.com.br Email: cpcc.org.br@gmail.com Fones: (83) 9 8602-3591 (83) 9 8854-8148

×