O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

INCORPORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS INOVADORAS NO PROCESSO DE PLANIFICAÇÃO DA ATENÇÃO À SAÚDE NA 4ª REGIÃO DE SAÚDE DO PARANÁ

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

Confira estes a seguir

1 de 18 Anúncio

INCORPORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS INOVADORAS NO PROCESSO DE PLANIFICAÇÃO DA ATENÇÃO À SAÚDE NA 4ª REGIÃO DE SAÚDE DO PARANÁ

Baixar para ler offline

Apresentação feita por Jackeline da Rocha Vasques
no II Seminário da Planificação da Atenção à Saúde, realizado em Brasília, nos dias 10 e 11 de dezembro de 2019.

Apresentação feita por Jackeline da Rocha Vasques
no II Seminário da Planificação da Atenção à Saúde, realizado em Brasília, nos dias 10 e 11 de dezembro de 2019.

Anúncio
Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Diapositivos para si (18)

Semelhante a INCORPORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS INOVADORAS NO PROCESSO DE PLANIFICAÇÃO DA ATENÇÃO À SAÚDE NA 4ª REGIÃO DE SAÚDE DO PARANÁ (20)

Anúncio

Mais de Conselho Nacional de Secretários de Saúde - CONASS (20)

Mais recentes (20)

Anúncio

INCORPORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS INOVADORAS NO PROCESSO DE PLANIFICAÇÃO DA ATENÇÃO À SAÚDE NA 4ª REGIÃO DE SAÚDE DO PARANÁ

  1. 1. INCORPORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS INOVADORAS NO PROCESSO DE PLANIFICAÇÃO DA ATENÇÃO À SAÚDE NA 4ª REGIÃO DE SAÚDE DO PARANÁ AUTORES: Jackeline da Rocha Vasques Giseli da Rocha Emalline Angélica de Paula Santos Patrícia Sobutka Padilha Érica Ianoski Walter HenriqueTrevisan Willidiane Tessari Lucimara Garcia Baena Moura Juliana Istchuk Bruning de Oliveira Maria Goretti David Lopes - II Seminário da Planificação da Atenção à Saúde - Brasília - 11/12/2019
  2. 2. Fonte: redehumanizasus.net <acesso em: 08/12/2019>
  3. 3. Direciona cada etapa e levantamento de dados “As is” – Onde estamos?
  4. 4. Dentro de cada processo podem existir pontos falhos e superposições desnecessárias que precisam ser investigados, a fim de detectar fatores que comprometem a integração entre a APS e AAE  propor planejamento efetivo.
  5. 5. Processos  atividades inter-relacionadas que solucionam uma questão específica
  6. 6. Objetivo Geral: Apresentar a experiência da 4ª Região de Saúde, na incorporação da ferramenta “Blue Print” no processo de Planificação da Atenção à Saúde, como projeto de melhoria.
  7. 7. Design Thinking É uma metodologia criativa e prática, que foca na solução de problemas e concepção de projetos, através de um processo colaborativo e centrado no cliente. Podendo ser aplicado em qualquer campo.
  8. 8. Design Thinking
  9. 9. Blue Print Ferramenta  busca por soluções que facilitem o processos de solucionar problemas.
  10. 10. Oficina de Monitoramento no CIS Amcespar
  11. 11. Equipe da AAE revisita linhas de cuidado, através de ferramenta inovadora, a fim de otimizar processos
  12. 12. Resultados Usuário – “As is” e “To be” Ausência  fluxos assistenciais e de acesso Exames desnecessários Fragilidade na carteira de serviço Encaminhamento inadequado – estratificação risco Organização agenda do ambulatório Análise estratégica do processos na RAS
  13. 13. Muitas vezes não achamos a solução, pois estamos lidando com o problema errado.
  14. 14. Conclusão O PlanificaSUS é um projeto promissor, que organiza processos em rede entre a APS e AAE. A associação de ferramentas inovadoras como o “blue print”,“bizagi” e outros, podem auxiliar na otimização dos processos e na tomada de decisão, gerando oportunidades de mudança e inovação estratégica e tática.
  15. 15. Referências
  16. 16. Agradecimentos jackeline.vasques@gmail.com / jackeline.vasques@sesa.pr.gov.br

Notas do Editor

  • Fragilidade na análise preisa dos processos. Tais ferramentas não eram efetivas no levantamento de OM
  • Muitas vezes não achamos a solução, pois estamos lidando com o problemaa errado.

×