SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 5
Baixar para ler offline
RETARDO DO CRESCIMENTO INFANTO-JUVENIL É UM
PROBLEMA FREQUENTE EM PACIENTES COM
COMPROMETIMENTO GENÉTICO E QUE SOFRE INFLUÊNCIA
DO MEIO AMBIENTE ALÉM DE DOENÇAS CRÔNICAS COMO:
ARTRITE DA INFÂNCIA E PODE RESULTAR NUMA BAIXA
ESTATURA FINAL; DR. JOÃO SANTOS CAIO JR. ET DRA.
HENRIQUETA V. CAIO–ENDOCRINOLOGIA–
NEUROENDOCRINOLOGIA–FISIOLOGIA.

FATORES ENVOLVIDOS NA PATOGÊNESE DO RETARDO DO CRESCIMENTO
DESTA POPULAÇÃO INCLUEM INFLAMAÇÃO CRÔNICA, DESNUTRIÇÃO,
CORTICOTERAPIA E ANORMALIDADES NO HORMÔNIO DO CRESCIMENTO
(IGF-1).

Pacientes com artrite idiopática juvenil apresentam elevada
prevalência de baixa estatura. A atividade, duração e subtipo
da doença são fatores independentemente associados à baixa
estatura em artrite idiopática infanto-juvenil. A dose
cumulativa de corticóide não foi um fator de risco
independente para baixa estatura. Entretanto, uma miríade de
causas pode levar à variação pondo-estatural em humanos; o
estudo do crescimento humano é conhecido como auxologia.
Crescimento e altura há muito são reconhecidos como uma
avaliação de saúde do indivíduo desde a fase infantil, infantojuvenil. Genética é um fator importante na determinação da
altura dos indivíduos, mas é muito menos influente no que se
refere às populações. A média é cada vez mais utilizada como
uma medida de saúde e bem-estar (padrão de vida e
qualidade de vida) das populações. Diversos fatores como a
alimentação, doenças, problemas como obesidade, exercícios
físicos, poluição, padrões de sono, clima e até mesmo o estado
emocional do indivíduo podem afetar o crescimento. Logo, a
altura é determinada por uma combinação de genética e
fatores externos. Na passagem da infância para a adolescência
é um período crítico onde fatores externos, principalmente a
alimentação e exercícios físicos têm grande efeito sobre o
crescimento.
Exercícios
físicos
em
excesso
são
desaconselháveis para crianças, infanto-juvenis, pois causa a
liberação precoce da testosterona, que aumenta a calcificação
dos ossos levando ao fechamento da epífise óssea e
consolidando a diáfise, fazendo com que o esqueleto
amadureça mais cedo, impedindo o crescimento adequado, ou
seja, estratos definitivos de baixa estatura durante toda a
vida, é um desastre anunciado.

Além disso, a saúde da mãe durante toda a sua vida,
especialmente durante a gravidez desempenha um papel
importante. A saúde da mãe durante a gravidez é importante,
como é um período crítico para o embrião, apesar de alguns
problemas que podem afetar a altura durante este período
possam ser resolvidos, deve-se verificar se as condições de
crescimento na infância serão boas, tais cuidados podem ou
não avaliar se haverá problemas de diferentes graus no
crescimento dos descendentes. Ainda assim a relação exata
entre altura e alimentação, genética e ambiente é complexa e
incerta. A população indígena americana, original das
planícies, estava entre as populações mais altas do mundo na
época. Hoje vários países, incluindo muitos países da Europa,
já ultrapassaram a média dos E.U.A, mais notavelmente a
Holanda e dos Alpes Dináricos (Os Alpes Dináricos (em
italiano: Alpi Dinariche; Dinaridi ou Dinarsko gorje em croata e
sérvio) são uma cordilheira na Europa Meridional que abrange
partes da Eslovênia, da Croácia, da Bósnia e Herzegovina, da
Sérvia, do Montenegro e da Albânia. Apesar do nome, estão
separados dos Alpes), que hoje possuem respectivamente
uma média de 1,83 m e 1,86 m para homens jovens. Dada
como uma importante razão para a tendência de aumento da
altura em partes da Europa é a adequada nutrição e
assistência médica, que são relativamente bem distribuídas.
Alterações na alimentação, bem como um aumento geral na
qualidade dos cuidados de saúde e qualidade de vida são os
fatores citados nas populações asiáticas. A desnutrição é
conhecida por causar a baixa estatura, como exemplo, nos
norte-coreanos, alguns povos africanos, antigos povos
europeus, e outras populações.
ALPES DINÁRICOS
Para que, como responsáveis por nossas proles, devemos
envidar qualquer esforço, no sentido de em sendo possível não
permitamos que nossos filhos tenham uma baixa estatura
(altura), pois este estado definitivo traz consequências em
qualquer fase da vida humana seja ela criança, infanto-juvenil,
pré-adolescente, adolescente e mesmo em adulto provocando
um turbilhão de problemas, desde o bullying a princípio, até a
depressão no final.
Dr. João Santos Caio Jr.
Endocrinologia – Neuroendocrinologista
CRM 20611
Dra. Henriqueta V. Caio
Endocrinologista – Medicina Interna
CRM 28930
Como Saber Mais:
1. A mais abundante e bioativa forma do GH-hormônio de
crescimento é o peptídeo com 191 aminoácidos, cujo peso
molecular possui 22 kDa, e é codificado com o gene do GHhormônio de crescimento através do cromossoma 17...
http://baixaestaturaecrescimento.blogspot.com
2. O GH-hormônio de crescimento atua sobre o fígado, onde
estimula a produção de insulina-like growth factor-I (IGF-I),
que é liberado para a circulação...
http://especialistacrescimento.blogspot.com
3. O IGF-I é uma proteína de aproximadamente 95% de
ligação, que forma um complexo com o fator de crescimento
semelhante à insulina-binding protein-3 (IGFBP-3)...
http://baixaestaturaecrescer.blogspot.com
AUTORIZADO O USO DOS DIREITOS AUTORAIS COM CITAÇÃO
DOS AUTORES PROSPECTIVOS ET REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA.

Referências Bibliográficas:
Dr. João Santos Caio Jr, Endocrinologista, Neuroendocrinologista, Dra
Henriqueta Verlangieri Caio, Endocrinologista, Medicina Interna – Van Der
Häägen Brazil, São Paulo, Brasil; Bessett JH et al. (Feb 1998).
"Characterization of mutations in patients with multiple endocrine
neoplasia type 1". American Journal of Human Genetics 62 (2): 232–44.
doi:10.1086/301729. PMC 1376903. PMID 9463336; Hughes, David J.
(2008-02-19). "Use of association studies to define genetic modifiers of
breast cancer risk in BRCA1 and BRCA2 mutation carriers". Familial Cancer
(Springer Netherlands) 7 (3): 233–244. doi:10.1007/s10689-008-9181-0.
ISSN 1573-7292. PMID 18283561; Beutler, Ernest (2003-05-01).
"Penetrance in hereditary hemochromatosis: The HFE Cys282Tyr mutation
as a necessary but not sufficient cause of clinical hereditary
hemochromatosis". Blood 101 (9): 3347–3350. doi:10.1182/blood-200206-1747. PMID 12707220; KJ Allen, LC Gurrin, CC Constantine, et al.
(2008-01-17). "Iron-Overload–Related Disease in HFE Hereditary
Hemochromatosis". New England Journal of Medicine 358 (3): 221–230.
doi:10.1056/NEJMoa073286. PMID 18199861.

Contato:
Fones: 55(11) 5087-4404 ou 6197-0305
Nextel: 55(11) 7717-1257
ID:111*101625
Rua: Estela, 515 – Bloco D -12ºandar - Conj. 121/122
Paraiso - São Paulo - SP - Cep 04011-002
e-mails: drcaio@vanderhaagenbrasil.com
drahenriqueta@vanderhaagenbrasil.com
vanderhaagen@vanderhaagenbrasil.com
Site Van Der Häägen Brazil
www.vanderhaagenbrazil.com.br
www.clinicavanderhaagen.com.br
www.clinicasvanderhaagenbrasil.com.br
www.crescimentoinfoco.com.br
www.obesidadeinfoco.com.br
www.tireoidismo.com.br
http://drcaiojr.site.med.br
http://dracaio.site.med.br
Google Maps:
http://maps.google.com.br/maps/place?cid=5099901339000
351730&q=Van+Der+Haagen+Brasil&hl=pt&sll=23.578256,46.645653&sspn=0.005074,0.009645&ie
=UTF8&ll=-23.575591,-46.650481&spn=0,0&t = h&z=17

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenis
Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenisDiferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenis
Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenisVan Der Häägen Brazil
 
BAIXA ESTATURA E CRESCER INFANTIL E JUVENIL; ANORMALIDADES CROMOSSÔMICAS E SÍ...
BAIXA ESTATURA E CRESCER INFANTIL E JUVENIL; ANORMALIDADES CROMOSSÔMICAS E SÍ...BAIXA ESTATURA E CRESCER INFANTIL E JUVENIL; ANORMALIDADES CROMOSSÔMICAS E SÍ...
BAIXA ESTATURA E CRESCER INFANTIL E JUVENIL; ANORMALIDADES CROMOSSÔMICAS E SÍ...Van Der Häägen Brazil
 
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...Van Der Häägen Brazil
 
Crescimento Pré-Puberal, Puberal Infanto-Juvenil
Crescimento Pré-Puberal, Puberal Infanto-JuvenilCrescimento Pré-Puberal, Puberal Infanto-Juvenil
Crescimento Pré-Puberal, Puberal Infanto-JuvenilVan Der Häägen Brazil
 
CRESCER E FECHAR EPÍFISES; FATORES ENDÓGENOS-EXÓGENOS PODEM ALTERAR IDADE PUB...
CRESCER E FECHAR EPÍFISES; FATORES ENDÓGENOS-EXÓGENOS PODEM ALTERAR IDADE PUB...CRESCER E FECHAR EPÍFISES; FATORES ENDÓGENOS-EXÓGENOS PODEM ALTERAR IDADE PUB...
CRESCER E FECHAR EPÍFISES; FATORES ENDÓGENOS-EXÓGENOS PODEM ALTERAR IDADE PUB...Van Der Häägen Brazil
 
CRESCER CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL; CONSTÂNCIA E COMPROMETIMENTOS LONGITUDIN...
CRESCER CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL; CONSTÂNCIA E COMPROMETIMENTOS LONGITUDIN...CRESCER CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL; CONSTÂNCIA E COMPROMETIMENTOS LONGITUDIN...
CRESCER CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL; CONSTÂNCIA E COMPROMETIMENTOS LONGITUDIN...Van Der Häägen Brazil
 
Desenvolvimento Puberal; Maturação Esquelética e Aquisição de Massa Óssea
Desenvolvimento Puberal; Maturação Esquelética e Aquisição de Massa ÓsseaDesenvolvimento Puberal; Maturação Esquelética e Aquisição de Massa Óssea
Desenvolvimento Puberal; Maturação Esquelética e Aquisição de Massa ÓsseaVan Der Häägen Brazil
 
Baixa altura em criança infantil juvenil diferença entre a baixa estatura e c...
Baixa altura em criança infantil juvenil diferença entre a baixa estatura e c...Baixa altura em criança infantil juvenil diferença entre a baixa estatura e c...
Baixa altura em criança infantil juvenil diferença entre a baixa estatura e c...Van Der Häägen Brazil
 
Ações Funcionais Hormonais e Nutricionais do Crescimento
Ações Funcionais Hormonais e Nutricionais do CrescimentoAções Funcionais Hormonais e Nutricionais do Crescimento
Ações Funcionais Hormonais e Nutricionais do CrescimentoVan Der Häägen Brazil
 
PARADOXO; PRECOCIDADE SEXUAL UM COMPROMETIMENTO CERTO NA BAIXA ESTATURA CRIAN...
PARADOXO; PRECOCIDADE SEXUAL UM COMPROMETIMENTO CERTO NA BAIXA ESTATURA CRIAN...PARADOXO; PRECOCIDADE SEXUAL UM COMPROMETIMENTO CERTO NA BAIXA ESTATURA CRIAN...
PARADOXO; PRECOCIDADE SEXUAL UM COMPROMETIMENTO CERTO NA BAIXA ESTATURA CRIAN...Van Der Häägen Brazil
 
Estatura crescimento infantil juvenil adolescente não depende apenas gh igf-1...
Estatura crescimento infantil juvenil adolescente não depende apenas gh igf-1...Estatura crescimento infantil juvenil adolescente não depende apenas gh igf-1...
Estatura crescimento infantil juvenil adolescente não depende apenas gh igf-1...Van Der Häägen Brazil
 
Fatores Influenciam o Crescimento Somático Maturação
Fatores Influenciam o Crescimento Somático MaturaçãoFatores Influenciam o Crescimento Somático Maturação
Fatores Influenciam o Crescimento Somático MaturaçãoVan Der Häägen Brazil
 
Fator de crescimento epidermal (egf) no crescimento fetal; tabagismo uma das ...
Fator de crescimento epidermal (egf) no crescimento fetal; tabagismo uma das ...Fator de crescimento epidermal (egf) no crescimento fetal; tabagismo uma das ...
Fator de crescimento epidermal (egf) no crescimento fetal; tabagismo uma das ...Van Der Häägen Brazil
 
Crescer infantil, Juvenil: O Crescer Depende de Hormônios e de Outros Fatores
Crescer infantil, Juvenil: O Crescer Depende de Hormônios e de Outros FatoresCrescer infantil, Juvenil: O Crescer Depende de Hormônios e de Outros Fatores
Crescer infantil, Juvenil: O Crescer Depende de Hormônios e de Outros FatoresVan Der Häägen Brazil
 
Relevância hormônios específicos no crescer feto criança juvenil adolescente ...
Relevância hormônios específicos no crescer feto criança juvenil adolescente ...Relevância hormônios específicos no crescer feto criança juvenil adolescente ...
Relevância hormônios específicos no crescer feto criança juvenil adolescente ...Van Der Häägen Brazil
 
DIAGNÓSTICO DE BAIXA ESTATURA (ALTURA); DESDE O DESENCADEAMENTO NA FASE CRIAN...
DIAGNÓSTICO DE BAIXA ESTATURA (ALTURA); DESDE O DESENCADEAMENTO NA FASE CRIAN...DIAGNÓSTICO DE BAIXA ESTATURA (ALTURA); DESDE O DESENCADEAMENTO NA FASE CRIAN...
DIAGNÓSTICO DE BAIXA ESTATURA (ALTURA); DESDE O DESENCADEAMENTO NA FASE CRIAN...Van Der Häägen Brazil
 
Crescimento acelerado em pacientes com baixa estatura
Crescimento acelerado em pacientes com baixa estaturaCrescimento acelerado em pacientes com baixa estatura
Crescimento acelerado em pacientes com baixa estaturaVan Der Häägen Brazil
 
SÍNDROMES DE BAIXA ESTATURA; UM COMPROMETIMENTO SÉRIO DE CRESCIMENTO EM CRIAN...
SÍNDROMES DE BAIXA ESTATURA; UM COMPROMETIMENTO SÉRIO DE CRESCIMENTO EM CRIAN...SÍNDROMES DE BAIXA ESTATURA; UM COMPROMETIMENTO SÉRIO DE CRESCIMENTO EM CRIAN...
SÍNDROMES DE BAIXA ESTATURA; UM COMPROMETIMENTO SÉRIO DE CRESCIMENTO EM CRIAN...Van Der Häägen Brazil
 
Crescer estatural menor que genética, meio ambiente em criança,situação de va...
Crescer estatural menor que genética, meio ambiente em criança,situação de va...Crescer estatural menor que genética, meio ambiente em criança,situação de va...
Crescer estatural menor que genética, meio ambiente em criança,situação de va...Van Der Häägen Brazil
 
DIAGNÓSTICO DEFICIÊNCIA DE CRESCIMENTO
DIAGNÓSTICO DEFICIÊNCIA DE CRESCIMENTO DIAGNÓSTICO DEFICIÊNCIA DE CRESCIMENTO
DIAGNÓSTICO DEFICIÊNCIA DE CRESCIMENTO Van Der Häägen Brazil
 

Mais procurados (20)

Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenis
Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenisDiferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenis
Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenis
 
BAIXA ESTATURA E CRESCER INFANTIL E JUVENIL; ANORMALIDADES CROMOSSÔMICAS E SÍ...
BAIXA ESTATURA E CRESCER INFANTIL E JUVENIL; ANORMALIDADES CROMOSSÔMICAS E SÍ...BAIXA ESTATURA E CRESCER INFANTIL E JUVENIL; ANORMALIDADES CROMOSSÔMICAS E SÍ...
BAIXA ESTATURA E CRESCER INFANTIL E JUVENIL; ANORMALIDADES CROMOSSÔMICAS E SÍ...
 
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...
 
Crescimento Pré-Puberal, Puberal Infanto-Juvenil
Crescimento Pré-Puberal, Puberal Infanto-JuvenilCrescimento Pré-Puberal, Puberal Infanto-Juvenil
Crescimento Pré-Puberal, Puberal Infanto-Juvenil
 
CRESCER E FECHAR EPÍFISES; FATORES ENDÓGENOS-EXÓGENOS PODEM ALTERAR IDADE PUB...
CRESCER E FECHAR EPÍFISES; FATORES ENDÓGENOS-EXÓGENOS PODEM ALTERAR IDADE PUB...CRESCER E FECHAR EPÍFISES; FATORES ENDÓGENOS-EXÓGENOS PODEM ALTERAR IDADE PUB...
CRESCER E FECHAR EPÍFISES; FATORES ENDÓGENOS-EXÓGENOS PODEM ALTERAR IDADE PUB...
 
CRESCER CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL; CONSTÂNCIA E COMPROMETIMENTOS LONGITUDIN...
CRESCER CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL; CONSTÂNCIA E COMPROMETIMENTOS LONGITUDIN...CRESCER CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL; CONSTÂNCIA E COMPROMETIMENTOS LONGITUDIN...
CRESCER CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL; CONSTÂNCIA E COMPROMETIMENTOS LONGITUDIN...
 
Desenvolvimento Puberal; Maturação Esquelética e Aquisição de Massa Óssea
Desenvolvimento Puberal; Maturação Esquelética e Aquisição de Massa ÓsseaDesenvolvimento Puberal; Maturação Esquelética e Aquisição de Massa Óssea
Desenvolvimento Puberal; Maturação Esquelética e Aquisição de Massa Óssea
 
Baixa altura em criança infantil juvenil diferença entre a baixa estatura e c...
Baixa altura em criança infantil juvenil diferença entre a baixa estatura e c...Baixa altura em criança infantil juvenil diferença entre a baixa estatura e c...
Baixa altura em criança infantil juvenil diferença entre a baixa estatura e c...
 
Ações Funcionais Hormonais e Nutricionais do Crescimento
Ações Funcionais Hormonais e Nutricionais do CrescimentoAções Funcionais Hormonais e Nutricionais do Crescimento
Ações Funcionais Hormonais e Nutricionais do Crescimento
 
PARADOXO; PRECOCIDADE SEXUAL UM COMPROMETIMENTO CERTO NA BAIXA ESTATURA CRIAN...
PARADOXO; PRECOCIDADE SEXUAL UM COMPROMETIMENTO CERTO NA BAIXA ESTATURA CRIAN...PARADOXO; PRECOCIDADE SEXUAL UM COMPROMETIMENTO CERTO NA BAIXA ESTATURA CRIAN...
PARADOXO; PRECOCIDADE SEXUAL UM COMPROMETIMENTO CERTO NA BAIXA ESTATURA CRIAN...
 
Estatura crescimento infantil juvenil adolescente não depende apenas gh igf-1...
Estatura crescimento infantil juvenil adolescente não depende apenas gh igf-1...Estatura crescimento infantil juvenil adolescente não depende apenas gh igf-1...
Estatura crescimento infantil juvenil adolescente não depende apenas gh igf-1...
 
Fatores Influenciam o Crescimento Somático Maturação
Fatores Influenciam o Crescimento Somático MaturaçãoFatores Influenciam o Crescimento Somático Maturação
Fatores Influenciam o Crescimento Somático Maturação
 
Fator de crescimento epidermal (egf) no crescimento fetal; tabagismo uma das ...
Fator de crescimento epidermal (egf) no crescimento fetal; tabagismo uma das ...Fator de crescimento epidermal (egf) no crescimento fetal; tabagismo uma das ...
Fator de crescimento epidermal (egf) no crescimento fetal; tabagismo uma das ...
 
Crescer infantil, Juvenil: O Crescer Depende de Hormônios e de Outros Fatores
Crescer infantil, Juvenil: O Crescer Depende de Hormônios e de Outros FatoresCrescer infantil, Juvenil: O Crescer Depende de Hormônios e de Outros Fatores
Crescer infantil, Juvenil: O Crescer Depende de Hormônios e de Outros Fatores
 
Relevância hormônios específicos no crescer feto criança juvenil adolescente ...
Relevância hormônios específicos no crescer feto criança juvenil adolescente ...Relevância hormônios específicos no crescer feto criança juvenil adolescente ...
Relevância hormônios específicos no crescer feto criança juvenil adolescente ...
 
DIAGNÓSTICO DE BAIXA ESTATURA (ALTURA); DESDE O DESENCADEAMENTO NA FASE CRIAN...
DIAGNÓSTICO DE BAIXA ESTATURA (ALTURA); DESDE O DESENCADEAMENTO NA FASE CRIAN...DIAGNÓSTICO DE BAIXA ESTATURA (ALTURA); DESDE O DESENCADEAMENTO NA FASE CRIAN...
DIAGNÓSTICO DE BAIXA ESTATURA (ALTURA); DESDE O DESENCADEAMENTO NA FASE CRIAN...
 
Crescimento acelerado em pacientes com baixa estatura
Crescimento acelerado em pacientes com baixa estaturaCrescimento acelerado em pacientes com baixa estatura
Crescimento acelerado em pacientes com baixa estatura
 
SÍNDROMES DE BAIXA ESTATURA; UM COMPROMETIMENTO SÉRIO DE CRESCIMENTO EM CRIAN...
SÍNDROMES DE BAIXA ESTATURA; UM COMPROMETIMENTO SÉRIO DE CRESCIMENTO EM CRIAN...SÍNDROMES DE BAIXA ESTATURA; UM COMPROMETIMENTO SÉRIO DE CRESCIMENTO EM CRIAN...
SÍNDROMES DE BAIXA ESTATURA; UM COMPROMETIMENTO SÉRIO DE CRESCIMENTO EM CRIAN...
 
Crescer estatural menor que genética, meio ambiente em criança,situação de va...
Crescer estatural menor que genética, meio ambiente em criança,situação de va...Crescer estatural menor que genética, meio ambiente em criança,situação de va...
Crescer estatural menor que genética, meio ambiente em criança,situação de va...
 
DIAGNÓSTICO DEFICIÊNCIA DE CRESCIMENTO
DIAGNÓSTICO DEFICIÊNCIA DE CRESCIMENTO DIAGNÓSTICO DEFICIÊNCIA DE CRESCIMENTO
DIAGNÓSTICO DEFICIÊNCIA DE CRESCIMENTO
 

Semelhante a BAIXA ESTATURA;UM RISCO FREQUENTE LIGADO A GENÉTICA E MEIO AMBIENTE

Crescimento baixa estatura avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...
Crescimento baixa estatura  avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...Crescimento baixa estatura  avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...
Crescimento baixa estatura avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...Van Der Häägen Brazil
 
Crescimento baixa estatura avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...
Crescimento baixa estatura  avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...Crescimento baixa estatura  avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...
Crescimento baixa estatura avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...Van Der Häägen Brazil
 
Crescimento Compensatório Infantil, Juvenil após Correção Distúrbios que Reta...
Crescimento Compensatório Infantil, Juvenil após Correção Distúrbios que Reta...Crescimento Compensatório Infantil, Juvenil após Correção Distúrbios que Reta...
Crescimento Compensatório Infantil, Juvenil após Correção Distúrbios que Reta...Van Der Häägen Brazil
 
Fatores Maternos que Implicam na Baixa Altura Desde a Fase Intra Útero de fet...
Fatores Maternos que Implicam na Baixa Altura Desde a Fase Intra Útero de fet...Fatores Maternos que Implicam na Baixa Altura Desde a Fase Intra Útero de fet...
Fatores Maternos que Implicam na Baixa Altura Desde a Fase Intra Útero de fet...Van Der Häägen Brazil
 
Baixa estatura;deprivação materna ou nanismo psicológico
Baixa estatura;deprivação materna ou nanismo psicológicoBaixa estatura;deprivação materna ou nanismo psicológico
Baixa estatura;deprivação materna ou nanismo psicológicoVan Der Häägen Brazil
 
O HIPOTIREOIDISMO ADQUIRIDO EM CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL MAIS VELHAS LEVA A...
O HIPOTIREOIDISMO ADQUIRIDO EM CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL MAIS VELHAS LEVA A...O HIPOTIREOIDISMO ADQUIRIDO EM CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL MAIS VELHAS LEVA A...
O HIPOTIREOIDISMO ADQUIRIDO EM CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL MAIS VELHAS LEVA A...Van Der Häägen Brazil
 
Criança, infantil, juvenil e o desenvolvimento linear da massa óssea para cre...
Criança, infantil, juvenil e o desenvolvimento linear da massa óssea para cre...Criança, infantil, juvenil e o desenvolvimento linear da massa óssea para cre...
Criança, infantil, juvenil e o desenvolvimento linear da massa óssea para cre...Van Der Häägen Brazil
 
Obesidade infantil efeitos metabólicos do exercício físico uma visão atual.
Obesidade infantil efeitos metabólicos do exercício físico uma visão atual.Obesidade infantil efeitos metabólicos do exercício físico uma visão atual.
Obesidade infantil efeitos metabólicos do exercício físico uma visão atual.Van Der Häägen Brazil
 
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...Van Der Häägen Brazil
 
Baixa altura avaliação crescimento longitudinal é essencial no cuidado da cr...
Baixa altura  avaliação crescimento longitudinal é essencial no cuidado da cr...Baixa altura  avaliação crescimento longitudinal é essencial no cuidado da cr...
Baixa altura avaliação crescimento longitudinal é essencial no cuidado da cr...Van Der Häägen Brazil
 
Crescimento baixa altura criança infantil juvenil situação que pode estar agr...
Crescimento baixa altura criança infantil juvenil situação que pode estar agr...Crescimento baixa altura criança infantil juvenil situação que pode estar agr...
Crescimento baixa altura criança infantil juvenil situação que pode estar agr...Van Der Häägen Brazil
 
Estatura Baixa Fatores Maternos; do Feto,Neonatal, Criança,Infantil e Juvenil
Estatura Baixa Fatores Maternos; do Feto,Neonatal, Criança,Infantil e JuvenilEstatura Baixa Fatores Maternos; do Feto,Neonatal, Criança,Infantil e Juvenil
Estatura Baixa Fatores Maternos; do Feto,Neonatal, Criança,Infantil e JuvenilVan Der Häägen Brazil
 
Estatura Baixa: Fatores Maternos; do Feto, Neonatal, Criança, Infantil e Juvenil
Estatura Baixa: Fatores Maternos; do Feto, Neonatal, Criança, Infantil e JuvenilEstatura Baixa: Fatores Maternos; do Feto, Neonatal, Criança, Infantil e Juvenil
Estatura Baixa: Fatores Maternos; do Feto, Neonatal, Criança, Infantil e JuvenilVan Der Häägen Brazil
 
Crescimento Baixa Estatura (altura) Criança, Infantil, Juvenil Manejo Biopsic...
Crescimento Baixa Estatura (altura) Criança, Infantil, Juvenil Manejo Biopsic...Crescimento Baixa Estatura (altura) Criança, Infantil, Juvenil Manejo Biopsic...
Crescimento Baixa Estatura (altura) Criança, Infantil, Juvenil Manejo Biopsic...Van Der Häägen Brazil
 
Crescer ósseo longitudinal também é regulado pela ingestão nutricional mediad...
Crescer ósseo longitudinal também é regulado pela ingestão nutricional mediad...Crescer ósseo longitudinal também é regulado pela ingestão nutricional mediad...
Crescer ósseo longitudinal também é regulado pela ingestão nutricional mediad...Van Der Häägen Brazil
 
Crescer infantil juvenil adolescente o efeito dos fármacos inibidores da arom...
Crescer infantil juvenil adolescente o efeito dos fármacos inibidores da arom...Crescer infantil juvenil adolescente o efeito dos fármacos inibidores da arom...
Crescer infantil juvenil adolescente o efeito dos fármacos inibidores da arom...Van Der Häägen Brazil
 
Pesquisas recentes em placa crescimento mpacto citocinas inflamatórias no cre...
Pesquisas recentes em placa crescimento mpacto citocinas inflamatórias no cre...Pesquisas recentes em placa crescimento mpacto citocinas inflamatórias no cre...
Pesquisas recentes em placa crescimento mpacto citocinas inflamatórias no cre...Van Der Häägen Brazil
 
Criança mudanças morfológicas no tamanho,forma,composição
Criança mudanças morfológicas no tamanho,forma,composiçãoCriança mudanças morfológicas no tamanho,forma,composição
Criança mudanças morfológicas no tamanho,forma,composiçãoVan Der Häägen Brazil
 

Semelhante a BAIXA ESTATURA;UM RISCO FREQUENTE LIGADO A GENÉTICA E MEIO AMBIENTE (20)

Crescimento baixa estatura avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...
Crescimento baixa estatura  avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...Crescimento baixa estatura  avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...
Crescimento baixa estatura avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...
 
Crescimento baixa estatura avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...
Crescimento baixa estatura  avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...Crescimento baixa estatura  avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...
Crescimento baixa estatura avaliação gestão de uma criança juvenil adolescen...
 
Crescimento Compensatório Infantil, Juvenil após Correção Distúrbios que Reta...
Crescimento Compensatório Infantil, Juvenil após Correção Distúrbios que Reta...Crescimento Compensatório Infantil, Juvenil após Correção Distúrbios que Reta...
Crescimento Compensatório Infantil, Juvenil após Correção Distúrbios que Reta...
 
Fatores Maternos que Implicam na Baixa Altura Desde a Fase Intra Útero de fet...
Fatores Maternos que Implicam na Baixa Altura Desde a Fase Intra Útero de fet...Fatores Maternos que Implicam na Baixa Altura Desde a Fase Intra Útero de fet...
Fatores Maternos que Implicam na Baixa Altura Desde a Fase Intra Útero de fet...
 
Baixa estatura;deprivação materna ou nanismo psicológico
Baixa estatura;deprivação materna ou nanismo psicológicoBaixa estatura;deprivação materna ou nanismo psicológico
Baixa estatura;deprivação materna ou nanismo psicológico
 
O HIPOTIREOIDISMO ADQUIRIDO EM CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL MAIS VELHAS LEVA A...
O HIPOTIREOIDISMO ADQUIRIDO EM CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL MAIS VELHAS LEVA A...O HIPOTIREOIDISMO ADQUIRIDO EM CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL MAIS VELHAS LEVA A...
O HIPOTIREOIDISMO ADQUIRIDO EM CRIANÇA, INFANTIL E JUVENIL MAIS VELHAS LEVA A...
 
Criança, infantil, juvenil e o desenvolvimento linear da massa óssea para cre...
Criança, infantil, juvenil e o desenvolvimento linear da massa óssea para cre...Criança, infantil, juvenil e o desenvolvimento linear da massa óssea para cre...
Criança, infantil, juvenil e o desenvolvimento linear da massa óssea para cre...
 
Obesidade infantil efeitos metabólicos do exercício físico uma visão atual.
Obesidade infantil efeitos metabólicos do exercício físico uma visão atual.Obesidade infantil efeitos metabólicos do exercício físico uma visão atual.
Obesidade infantil efeitos metabólicos do exercício físico uma visão atual.
 
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...
 
Baixa altura avaliação crescimento longitudinal é essencial no cuidado da cr...
Baixa altura  avaliação crescimento longitudinal é essencial no cuidado da cr...Baixa altura  avaliação crescimento longitudinal é essencial no cuidado da cr...
Baixa altura avaliação crescimento longitudinal é essencial no cuidado da cr...
 
Crescimento baixa altura criança infantil juvenil situação que pode estar agr...
Crescimento baixa altura criança infantil juvenil situação que pode estar agr...Crescimento baixa altura criança infantil juvenil situação que pode estar agr...
Crescimento baixa altura criança infantil juvenil situação que pode estar agr...
 
Estatura Baixa Fatores Maternos; do Feto,Neonatal, Criança,Infantil e Juvenil
Estatura Baixa Fatores Maternos; do Feto,Neonatal, Criança,Infantil e JuvenilEstatura Baixa Fatores Maternos; do Feto,Neonatal, Criança,Infantil e Juvenil
Estatura Baixa Fatores Maternos; do Feto,Neonatal, Criança,Infantil e Juvenil
 
Estatura Baixa: Fatores Maternos; do Feto, Neonatal, Criança, Infantil e Juvenil
Estatura Baixa: Fatores Maternos; do Feto, Neonatal, Criança, Infantil e JuvenilEstatura Baixa: Fatores Maternos; do Feto, Neonatal, Criança, Infantil e Juvenil
Estatura Baixa: Fatores Maternos; do Feto, Neonatal, Criança, Infantil e Juvenil
 
Crescimento ao Nascer
Crescimento ao NascerCrescimento ao Nascer
Crescimento ao Nascer
 
Crescimento Baixa Estatura (altura) Criança, Infantil, Juvenil Manejo Biopsic...
Crescimento Baixa Estatura (altura) Criança, Infantil, Juvenil Manejo Biopsic...Crescimento Baixa Estatura (altura) Criança, Infantil, Juvenil Manejo Biopsic...
Crescimento Baixa Estatura (altura) Criança, Infantil, Juvenil Manejo Biopsic...
 
Crescer ósseo longitudinal também é regulado pela ingestão nutricional mediad...
Crescer ósseo longitudinal também é regulado pela ingestão nutricional mediad...Crescer ósseo longitudinal também é regulado pela ingestão nutricional mediad...
Crescer ósseo longitudinal também é regulado pela ingestão nutricional mediad...
 
Crescer infantil juvenil adolescente o efeito dos fármacos inibidores da arom...
Crescer infantil juvenil adolescente o efeito dos fármacos inibidores da arom...Crescer infantil juvenil adolescente o efeito dos fármacos inibidores da arom...
Crescer infantil juvenil adolescente o efeito dos fármacos inibidores da arom...
 
Crescimento Começa com um Ato de Amor
Crescimento Começa com um Ato de AmorCrescimento Começa com um Ato de Amor
Crescimento Começa com um Ato de Amor
 
Pesquisas recentes em placa crescimento mpacto citocinas inflamatórias no cre...
Pesquisas recentes em placa crescimento mpacto citocinas inflamatórias no cre...Pesquisas recentes em placa crescimento mpacto citocinas inflamatórias no cre...
Pesquisas recentes em placa crescimento mpacto citocinas inflamatórias no cre...
 
Criança mudanças morfológicas no tamanho,forma,composição
Criança mudanças morfológicas no tamanho,forma,composiçãoCriança mudanças morfológicas no tamanho,forma,composição
Criança mudanças morfológicas no tamanho,forma,composição
 

Mais de Van Der Häägen Brazil

OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDEOBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDEVan Der Häägen Brazil
 
A IMPORTÂNCIA CLÍNICA DA ADIPOSIDADE VISCERAL: UMA PESQUISA PROSPECTIVA CRÍTI...
A IMPORTÂNCIA CLÍNICA DA ADIPOSIDADE VISCERAL: UMA PESQUISA PROSPECTIVA CRÍTI...A IMPORTÂNCIA CLÍNICA DA ADIPOSIDADE VISCERAL: UMA PESQUISA PROSPECTIVA CRÍTI...
A IMPORTÂNCIA CLÍNICA DA ADIPOSIDADE VISCERAL: UMA PESQUISA PROSPECTIVA CRÍTI...Van Der Häägen Brazil
 
A DISTRIBUIÇÃO DA GORDURA CORPORAL É MAIS PREDITIVA (INFORMATIVA) DE MORTALID...
A DISTRIBUIÇÃO DA GORDURA CORPORAL É MAIS PREDITIVA (INFORMATIVA) DE MORTALID...A DISTRIBUIÇÃO DA GORDURA CORPORAL É MAIS PREDITIVA (INFORMATIVA) DE MORTALID...
A DISTRIBUIÇÃO DA GORDURA CORPORAL É MAIS PREDITIVA (INFORMATIVA) DE MORTALID...Van Der Häägen Brazil
 
VOCÊ PENSA QUE APENAS OBESO OU GORDO QUE NÃO FAZ EXERCICIO, É QUE MORRE? BEM ...
VOCÊ PENSA QUE APENAS OBESO OU GORDO QUE NÃO FAZ EXERCICIO, É QUE MORRE? BEM ...VOCÊ PENSA QUE APENAS OBESO OU GORDO QUE NÃO FAZ EXERCICIO, É QUE MORRE? BEM ...
VOCÊ PENSA QUE APENAS OBESO OU GORDO QUE NÃO FAZ EXERCICIO, É QUE MORRE? BEM ...Van Der Häägen Brazil
 
PODE ACREDITAR, QUE O SOBREPESO E A OBESIDADE ESTA LIGADA AO HIPOTIREOIDISMO
PODE ACREDITAR, QUE O SOBREPESO E A OBESIDADE ESTA LIGADA AO HIPOTIREOIDISMOPODE ACREDITAR, QUE O SOBREPESO E A OBESIDADE ESTA LIGADA AO HIPOTIREOIDISMO
PODE ACREDITAR, QUE O SOBREPESO E A OBESIDADE ESTA LIGADA AO HIPOTIREOIDISMOVan Der Häägen Brazil
 
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDEOBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDEVan Der Häägen Brazil
 
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE; LARGUE DESSA VIDA IRRESPONSÁV...
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE; LARGUE DESSA VIDA IRRESPONSÁV...OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE; LARGUE DESSA VIDA IRRESPONSÁV...
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE; LARGUE DESSA VIDA IRRESPONSÁV...Van Der Häägen Brazil
 
NOVIDADES E CONCEITOS NOVOS ATRAVÉS DO SOBREPESO
NOVIDADES E CONCEITOS NOVOS ATRAVÉS DO SOBREPESONOVIDADES E CONCEITOS NOVOS ATRAVÉS DO SOBREPESO
NOVIDADES E CONCEITOS NOVOS ATRAVÉS DO SOBREPESOVan Der Häägen Brazil
 
INTERFERÊNCIAS DA OBESIDADE NA FUNÇÃO IMUNOLÓGICA
INTERFERÊNCIAS DA OBESIDADE NA FUNÇÃO IMUNOLÓGICAINTERFERÊNCIAS DA OBESIDADE NA FUNÇÃO IMUNOLÓGICA
INTERFERÊNCIAS DA OBESIDADE NA FUNÇÃO IMUNOLÓGICAVan Der Häägen Brazil
 
DIABETES MELLITUS TIPO 2, DOENÇAS CARDIO RESPIRATÓRIAS, RENAIS, ENTRE OUTRAS.
DIABETES MELLITUS TIPO 2, DOENÇAS CARDIO RESPIRATÓRIAS, RENAIS, ENTRE OUTRAS.DIABETES MELLITUS TIPO 2, DOENÇAS CARDIO RESPIRATÓRIAS, RENAIS, ENTRE OUTRAS.
DIABETES MELLITUS TIPO 2, DOENÇAS CARDIO RESPIRATÓRIAS, RENAIS, ENTRE OUTRAS.Van Der Häägen Brazil
 
VOCÊ TERIA DÚVIDA DE QUE MESMO VACINADA, VOCÊ NÃO CONTRAIRIA POR EXEMPLO A CO...
VOCÊ TERIA DÚVIDA DE QUE MESMO VACINADA, VOCÊ NÃO CONTRAIRIA POR EXEMPLO A CO...VOCÊ TERIA DÚVIDA DE QUE MESMO VACINADA, VOCÊ NÃO CONTRAIRIA POR EXEMPLO A CO...
VOCÊ TERIA DÚVIDA DE QUE MESMO VACINADA, VOCÊ NÃO CONTRAIRIA POR EXEMPLO A CO...Van Der Häägen Brazil
 

Mais de Van Der Häägen Brazil (20)

OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDEOBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE
 
A IMPORTÂNCIA CLÍNICA DA ADIPOSIDADE VISCERAL: UMA PESQUISA PROSPECTIVA CRÍTI...
A IMPORTÂNCIA CLÍNICA DA ADIPOSIDADE VISCERAL: UMA PESQUISA PROSPECTIVA CRÍTI...A IMPORTÂNCIA CLÍNICA DA ADIPOSIDADE VISCERAL: UMA PESQUISA PROSPECTIVA CRÍTI...
A IMPORTÂNCIA CLÍNICA DA ADIPOSIDADE VISCERAL: UMA PESQUISA PROSPECTIVA CRÍTI...
 
A DISTRIBUIÇÃO DA GORDURA CORPORAL É MAIS PREDITIVA (INFORMATIVA) DE MORTALID...
A DISTRIBUIÇÃO DA GORDURA CORPORAL É MAIS PREDITIVA (INFORMATIVA) DE MORTALID...A DISTRIBUIÇÃO DA GORDURA CORPORAL É MAIS PREDITIVA (INFORMATIVA) DE MORTALID...
A DISTRIBUIÇÃO DA GORDURA CORPORAL É MAIS PREDITIVA (INFORMATIVA) DE MORTALID...
 
GORDURA VISCERAL
GORDURA VISCERALGORDURA VISCERAL
GORDURA VISCERAL
 
VOCÊ PENSA QUE APENAS OBESO OU GORDO QUE NÃO FAZ EXERCICIO, É QUE MORRE? BEM ...
VOCÊ PENSA QUE APENAS OBESO OU GORDO QUE NÃO FAZ EXERCICIO, É QUE MORRE? BEM ...VOCÊ PENSA QUE APENAS OBESO OU GORDO QUE NÃO FAZ EXERCICIO, É QUE MORRE? BEM ...
VOCÊ PENSA QUE APENAS OBESO OU GORDO QUE NÃO FAZ EXERCICIO, É QUE MORRE? BEM ...
 
PODE ACREDITAR, QUE O SOBREPESO E A OBESIDADE ESTA LIGADA AO HIPOTIREOIDISMO
PODE ACREDITAR, QUE O SOBREPESO E A OBESIDADE ESTA LIGADA AO HIPOTIREOIDISMOPODE ACREDITAR, QUE O SOBREPESO E A OBESIDADE ESTA LIGADA AO HIPOTIREOIDISMO
PODE ACREDITAR, QUE O SOBREPESO E A OBESIDADE ESTA LIGADA AO HIPOTIREOIDISMO
 
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDEOBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE
 
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE; LARGUE DESSA VIDA IRRESPONSÁV...
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE; LARGUE DESSA VIDA IRRESPONSÁV...OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE; LARGUE DESSA VIDA IRRESPONSÁV...
OBESIDADE, EMAGRECER, EU QUERO CUIDAR DA SAÚDE; LARGUE DESSA VIDA IRRESPONSÁV...
 
NOVIDADES E CONCEITOS NOVOS ATRAVÉS DO SOBREPESO
NOVIDADES E CONCEITOS NOVOS ATRAVÉS DO SOBREPESONOVIDADES E CONCEITOS NOVOS ATRAVÉS DO SOBREPESO
NOVIDADES E CONCEITOS NOVOS ATRAVÉS DO SOBREPESO
 
OBESIDADE EM PACIENTES INFANTIL
OBESIDADE EM PACIENTES INFANTILOBESIDADE EM PACIENTES INFANTIL
OBESIDADE EM PACIENTES INFANTIL
 
OBESIDADE E SUAS CAUSAS
OBESIDADE E SUAS CAUSASOBESIDADE E SUAS CAUSAS
OBESIDADE E SUAS CAUSAS
 
OBESITY AND GENETICS
OBESITY AND GENETICSOBESITY AND GENETICS
OBESITY AND GENETICS
 
INTERFERÊNCIAS DA OBESIDADE NA FUNÇÃO IMUNOLÓGICA
INTERFERÊNCIAS DA OBESIDADE NA FUNÇÃO IMUNOLÓGICAINTERFERÊNCIAS DA OBESIDADE NA FUNÇÃO IMUNOLÓGICA
INTERFERÊNCIAS DA OBESIDADE NA FUNÇÃO IMUNOLÓGICA
 
GORDURA (ADIPÓCITO)
GORDURA (ADIPÓCITO)GORDURA (ADIPÓCITO)
GORDURA (ADIPÓCITO)
 
GENEALOGIA
GENEALOGIAGENEALOGIA
GENEALOGIA
 
DIABETES MELLITUS TIPO 2, DOENÇAS CARDIO RESPIRATÓRIAS, RENAIS, ENTRE OUTRAS.
DIABETES MELLITUS TIPO 2, DOENÇAS CARDIO RESPIRATÓRIAS, RENAIS, ENTRE OUTRAS.DIABETES MELLITUS TIPO 2, DOENÇAS CARDIO RESPIRATÓRIAS, RENAIS, ENTRE OUTRAS.
DIABETES MELLITUS TIPO 2, DOENÇAS CARDIO RESPIRATÓRIAS, RENAIS, ENTRE OUTRAS.
 
OBESIDADE ABDOMINAL
OBESIDADE ABDOMINAL OBESIDADE ABDOMINAL
OBESIDADE ABDOMINAL
 
SOBREPESO, OBESIDADE (OBESOS)
SOBREPESO, OBESIDADE (OBESOS)SOBREPESO, OBESIDADE (OBESOS)
SOBREPESO, OBESIDADE (OBESOS)
 
GORDURA EM EXCESSO
GORDURA EM EXCESSOGORDURA EM EXCESSO
GORDURA EM EXCESSO
 
VOCÊ TERIA DÚVIDA DE QUE MESMO VACINADA, VOCÊ NÃO CONTRAIRIA POR EXEMPLO A CO...
VOCÊ TERIA DÚVIDA DE QUE MESMO VACINADA, VOCÊ NÃO CONTRAIRIA POR EXEMPLO A CO...VOCÊ TERIA DÚVIDA DE QUE MESMO VACINADA, VOCÊ NÃO CONTRAIRIA POR EXEMPLO A CO...
VOCÊ TERIA DÚVIDA DE QUE MESMO VACINADA, VOCÊ NÃO CONTRAIRIA POR EXEMPLO A CO...
 

BAIXA ESTATURA;UM RISCO FREQUENTE LIGADO A GENÉTICA E MEIO AMBIENTE

  • 1. RETARDO DO CRESCIMENTO INFANTO-JUVENIL É UM PROBLEMA FREQUENTE EM PACIENTES COM COMPROMETIMENTO GENÉTICO E QUE SOFRE INFLUÊNCIA DO MEIO AMBIENTE ALÉM DE DOENÇAS CRÔNICAS COMO: ARTRITE DA INFÂNCIA E PODE RESULTAR NUMA BAIXA ESTATURA FINAL; DR. JOÃO SANTOS CAIO JR. ET DRA. HENRIQUETA V. CAIO–ENDOCRINOLOGIA– NEUROENDOCRINOLOGIA–FISIOLOGIA. FATORES ENVOLVIDOS NA PATOGÊNESE DO RETARDO DO CRESCIMENTO DESTA POPULAÇÃO INCLUEM INFLAMAÇÃO CRÔNICA, DESNUTRIÇÃO, CORTICOTERAPIA E ANORMALIDADES NO HORMÔNIO DO CRESCIMENTO (IGF-1). Pacientes com artrite idiopática juvenil apresentam elevada prevalência de baixa estatura. A atividade, duração e subtipo da doença são fatores independentemente associados à baixa estatura em artrite idiopática infanto-juvenil. A dose cumulativa de corticóide não foi um fator de risco independente para baixa estatura. Entretanto, uma miríade de causas pode levar à variação pondo-estatural em humanos; o estudo do crescimento humano é conhecido como auxologia. Crescimento e altura há muito são reconhecidos como uma avaliação de saúde do indivíduo desde a fase infantil, infantojuvenil. Genética é um fator importante na determinação da
  • 2. altura dos indivíduos, mas é muito menos influente no que se refere às populações. A média é cada vez mais utilizada como uma medida de saúde e bem-estar (padrão de vida e qualidade de vida) das populações. Diversos fatores como a alimentação, doenças, problemas como obesidade, exercícios físicos, poluição, padrões de sono, clima e até mesmo o estado emocional do indivíduo podem afetar o crescimento. Logo, a altura é determinada por uma combinação de genética e fatores externos. Na passagem da infância para a adolescência é um período crítico onde fatores externos, principalmente a alimentação e exercícios físicos têm grande efeito sobre o crescimento. Exercícios físicos em excesso são desaconselháveis para crianças, infanto-juvenis, pois causa a liberação precoce da testosterona, que aumenta a calcificação dos ossos levando ao fechamento da epífise óssea e consolidando a diáfise, fazendo com que o esqueleto amadureça mais cedo, impedindo o crescimento adequado, ou seja, estratos definitivos de baixa estatura durante toda a vida, é um desastre anunciado. Além disso, a saúde da mãe durante toda a sua vida, especialmente durante a gravidez desempenha um papel importante. A saúde da mãe durante a gravidez é importante,
  • 3. como é um período crítico para o embrião, apesar de alguns problemas que podem afetar a altura durante este período possam ser resolvidos, deve-se verificar se as condições de crescimento na infância serão boas, tais cuidados podem ou não avaliar se haverá problemas de diferentes graus no crescimento dos descendentes. Ainda assim a relação exata entre altura e alimentação, genética e ambiente é complexa e incerta. A população indígena americana, original das planícies, estava entre as populações mais altas do mundo na época. Hoje vários países, incluindo muitos países da Europa, já ultrapassaram a média dos E.U.A, mais notavelmente a Holanda e dos Alpes Dináricos (Os Alpes Dináricos (em italiano: Alpi Dinariche; Dinaridi ou Dinarsko gorje em croata e sérvio) são uma cordilheira na Europa Meridional que abrange partes da Eslovênia, da Croácia, da Bósnia e Herzegovina, da Sérvia, do Montenegro e da Albânia. Apesar do nome, estão separados dos Alpes), que hoje possuem respectivamente uma média de 1,83 m e 1,86 m para homens jovens. Dada como uma importante razão para a tendência de aumento da altura em partes da Europa é a adequada nutrição e assistência médica, que são relativamente bem distribuídas. Alterações na alimentação, bem como um aumento geral na qualidade dos cuidados de saúde e qualidade de vida são os fatores citados nas populações asiáticas. A desnutrição é conhecida por causar a baixa estatura, como exemplo, nos norte-coreanos, alguns povos africanos, antigos povos europeus, e outras populações.
  • 4. ALPES DINÁRICOS Para que, como responsáveis por nossas proles, devemos envidar qualquer esforço, no sentido de em sendo possível não permitamos que nossos filhos tenham uma baixa estatura (altura), pois este estado definitivo traz consequências em qualquer fase da vida humana seja ela criança, infanto-juvenil, pré-adolescente, adolescente e mesmo em adulto provocando um turbilhão de problemas, desde o bullying a princípio, até a depressão no final. Dr. João Santos Caio Jr. Endocrinologia – Neuroendocrinologista CRM 20611 Dra. Henriqueta V. Caio Endocrinologista – Medicina Interna CRM 28930 Como Saber Mais: 1. A mais abundante e bioativa forma do GH-hormônio de crescimento é o peptídeo com 191 aminoácidos, cujo peso molecular possui 22 kDa, e é codificado com o gene do GHhormônio de crescimento através do cromossoma 17... http://baixaestaturaecrescimento.blogspot.com 2. O GH-hormônio de crescimento atua sobre o fígado, onde estimula a produção de insulina-like growth factor-I (IGF-I), que é liberado para a circulação... http://especialistacrescimento.blogspot.com 3. O IGF-I é uma proteína de aproximadamente 95% de ligação, que forma um complexo com o fator de crescimento semelhante à insulina-binding protein-3 (IGFBP-3)... http://baixaestaturaecrescer.blogspot.com AUTORIZADO O USO DOS DIREITOS AUTORAIS COM CITAÇÃO DOS AUTORES PROSPECTIVOS ET REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA. Referências Bibliográficas: Dr. João Santos Caio Jr, Endocrinologista, Neuroendocrinologista, Dra Henriqueta Verlangieri Caio, Endocrinologista, Medicina Interna – Van Der Häägen Brazil, São Paulo, Brasil; Bessett JH et al. (Feb 1998). "Characterization of mutations in patients with multiple endocrine neoplasia type 1". American Journal of Human Genetics 62 (2): 232–44. doi:10.1086/301729. PMC 1376903. PMID 9463336; Hughes, David J. (2008-02-19). "Use of association studies to define genetic modifiers of breast cancer risk in BRCA1 and BRCA2 mutation carriers". Familial Cancer
  • 5. (Springer Netherlands) 7 (3): 233–244. doi:10.1007/s10689-008-9181-0. ISSN 1573-7292. PMID 18283561; Beutler, Ernest (2003-05-01). "Penetrance in hereditary hemochromatosis: The HFE Cys282Tyr mutation as a necessary but not sufficient cause of clinical hereditary hemochromatosis". Blood 101 (9): 3347–3350. doi:10.1182/blood-200206-1747. PMID 12707220; KJ Allen, LC Gurrin, CC Constantine, et al. (2008-01-17). "Iron-Overload–Related Disease in HFE Hereditary Hemochromatosis". New England Journal of Medicine 358 (3): 221–230. doi:10.1056/NEJMoa073286. PMID 18199861. Contato: Fones: 55(11) 5087-4404 ou 6197-0305 Nextel: 55(11) 7717-1257 ID:111*101625 Rua: Estela, 515 – Bloco D -12ºandar - Conj. 121/122 Paraiso - São Paulo - SP - Cep 04011-002 e-mails: drcaio@vanderhaagenbrasil.com drahenriqueta@vanderhaagenbrasil.com vanderhaagen@vanderhaagenbrasil.com Site Van Der Häägen Brazil www.vanderhaagenbrazil.com.br www.clinicavanderhaagen.com.br www.clinicasvanderhaagenbrasil.com.br www.crescimentoinfoco.com.br www.obesidadeinfoco.com.br www.tireoidismo.com.br http://drcaiojr.site.med.br http://dracaio.site.med.br Google Maps: http://maps.google.com.br/maps/place?cid=5099901339000 351730&q=Van+Der+Haagen+Brasil&hl=pt&sll=23.578256,46.645653&sspn=0.005074,0.009645&ie =UTF8&ll=-23.575591,-46.650481&spn=0,0&t = h&z=17