Projeto GTU - Projeto Curitiba 2030 - CICI2011

846 visualizações

Publicada em

Apresentação dos resultados do projeto Curitiba 2030 SENAI/FIEP
Apresentação da temática Saúde e Bem Estar: projeto GTU - CICI2011

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
846
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto GTU - Projeto Curitiba 2030 - CICI2011

  1. 1. La Ville fertileVers une nature urbaineExposition temporaireà la Cité de l’architecture et du paysageParis23 Mars 2011 - 24 Juil. 2011
  2. 2. 10 personalidades (arquitetos, urbanistas, paisagistas mas também poetas,“naturalistas”, escritores…) sobre as relações entre a cidade e a natureza http://www.citechaillot.fr/vod.php?id_categorie=8&canal=vod
  3. 3. Encomenda:Uso noturno dos parques de Curitiba
  4. 4. encomenda levantamento nós chaves propostas
  5. 5. Parque Tanguá
  6. 6. Por que usar o parque à noite?
  7. 7. Foto com parque cheioooo de genteDolores Park, São Francisco, EUA
  8. 8. Foto – bariqui cercado de prédios – “pressão” urbana
  9. 9. Parque Barigui Bosque João Paulo II
  10. 10. Central Park – New York
  11. 11. Festival de Árvores e Luzes - Genebra
  12. 12. Sydney Olympic Park - Sydney
  13. 13. Jardim Botânico - Curitiba
  14. 14. 83,6% Parque Barigui
  15. 15. Parque Tanguá73,4%
  16. 16. 16%
  17. 17. Show na Pedreira Paulo Leminski
  18. 18. Biblioparque no Parque Barigui
  19. 19. Multiplicidade Cultural nos Parques
  20. 20. Reverter sentimento de insegurança do usuário noturnoParque Barigui
  21. 21. Parques como espaço da Arte e da Cultura
  22. 22. Nós e Chaves
  23. 23. Nós• Incompatibilidade entre a legislação ambiental e os usos e práticas atuais e futuros;• Visão tradicionalista/conservadora dos curitibanos quanto ao uso noturno dos parques, tanto população quanto gestores• Insegurança (vivenciada, percebida);
  24. 24. Nós• Recursos financeiros em relação à ambição do projeto;• Falta de civilidade de parte da população• Dificuldade de convivência e preconceitos culturais;• Limitações climáticas;• Processo de decisão informal quanto aos usos dos parques;
  25. 25. Chaves• Seguir as condicionantes ambientais estabelecidas para cada local de uso e atenuar as incompatibilidades entre os usos e a classificação ambiental;• Acompanhar a evolução e a mudança do paradigma de uso noturno dos parques;• Permitir que haja condições para que se tenha um sentimento de segurança e uma segurança efetiva;
  26. 26. Chaves• Ressaltar a importância de oficializar um procedimento para permitir o uso noturno dos parques a fim de que as decisões futuras sejam baseadas nas mesmas diretrizes;
  27. 27. Chaves• Ser elaborado de forma que seu custo seja compatível com as reais possibilidades do município em obter financiamento;• Prever medidas e campanhas de conscientização dos usuários dos parques públicos, especialmente jovens e adolescentes, no sentido de cidadania e respeito aos demais usuários;• Promover atividades que permitam a integração entre os diversos públicos durante o mesmo período (no caso noturno);• Considerar as limitações climáticas, promovendo programações de inverno e de verão;
  28. 28. Conceito do Projeto
  29. 29. Percurso completo
  30. 30. Configuração atual
  31. 31. Configuração atual a noite x Proposta
  32. 32. Trecho Percurso
  33. 33. Planta
  34. 34. Corte Percurso
  35. 35. Ações e Projeto Piloto
  36. 36. Foto ciclovia + iluminação do primeiro trecho• Pode ser uma foto montagem da anna ou não
  37. 37. Mostrar 2 imagens p falar dos recursos humanos necessáriosPode ser um instrutor, recreador ao ar livrePolicial ou guarda municipal
  38. 38. Trombinoscópio GTU 2010/11

×