capa
Tempo de Duração: 8 aulas
Caderno do Aluno
Volume 3 (2013) – 9º ano
Prof. Marco Antônio Alves de Faria
Diretoria de E...
Como
enxergamos
as coisas?
Muitos estudantes dizem que os olhos lançam um raio invisível que
detecta informações.
Embora o...
Para começar a explorar o tema,
sugeri questionar aos alunos:
A pergunta leva a turma a pensar no papel da luz:
sem ela, é...
Introdução à óptica
com espelhos planos
Objetivos
- Iniciar o estudo da óptica, conhecendo a relação
entre luz e o process...
Chame a atenção dos
alunos para a forma
como a imagem é
invertida.
Repare que tanto o dedão (que aponta para cima) como o ...
Outro
equipamento
que os alunos
podem montar,
utilizando uma
associação de
espelhos planos,
é um periscópio.
Neste equipam...
Como
montar
um
periscópio
Para montar um
periscópio os alunos
devem utilizar uma caixa
retangular (quanto mais
comprida me...
Sensações
Térmicas
Sensibilidade
Capacidade de sentir.
Propriedade de reação dos organismos
aos estímulos externos ou internos:
sensibilidade...
Nesse relato, observe como os alunos compreenderam os conceitos
envolvidos nestas atividades.
Filme: Viagem em Grupo
COMO MONTAR UM PROJETO
ESTRUTURA BÁSICA DE UM PROJETO
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)

223 visualizações

Publicada em

MGME

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
223
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Seminário MGME Ciências - SÃO JOÃO DA BOA VISTA (EE Vicente Zanchetta)

  1. 1. capa Tempo de Duração: 8 aulas Caderno do Aluno Volume 3 (2013) – 9º ano Prof. Marco Antônio Alves de Faria Diretoria de Ensino de São João da Boa Vista - SP EE “Prof. Vicente Paulo Zanchetta” E.T.I. Venda Branca - Casa Branca/SP Curso: MGME de Ciências
  2. 2. Como enxergamos as coisas? Muitos estudantes dizem que os olhos lançam um raio invisível que detecta informações. Embora o mecanismo da visão seja um conteúdo mais comum nas aulas de Ciências e Biologia, o assunto deve ser estudado também sob o viés da Física, no campo da óptica. Afinal, enxergar tem a ver com o modo como a luz refletida pelos objetos atinge a retina.
  3. 3. Para começar a explorar o tema, sugeri questionar aos alunos: A pergunta leva a turma a pensar no papel da luz: sem ela, é impossível ver. "Os raios luminosos, após incidirem sobre os objetos, são refletidos e chegam aos olhos que, por sua vez, são sensíveis a eles", evidentemente, apresentar só essa resposta aos estudantes não é o ideal. Eles precisam investigar a informação e, para isso, você tem de propor situações de investigação.
  4. 4. Introdução à óptica com espelhos planos Objetivos - Iniciar o estudo da óptica, conhecendo a relação entre luz e o processo de visão. - Identificar como ocorre a reflexão da luz em uma superfície plana espelhada e as características da imagem observada. - Conhecer a utilização de espelhos planos na construção de equipamentos como periscópios, caleidoscópios e microscópio. Conteúdos - Óptica. - Espelhos planos. - Reflexão - Sensibilidade Ano 9º ano. Material necessário - Lâmina de plástico metalizado (pode ser comprada em lojas que trabalham com embalagens de presentes) - Papelão grosso, plástico polionda ou placa de MDF de 5mm (para fixar a lâmina de plástico metalizado). - Caixa de papelão grande com frestas e emendas vedadas com papel opaco escuro. - Lanterna e ponteira laser.
  5. 5. Chame a atenção dos alunos para a forma como a imagem é invertida. Repare que tanto o dedão (que aponta para cima) como o dedo médio (que aponta para fora da folha) mantêm a mesma orientação, tanto na imagem como no objeto. Já o dedo indicador do objeto (que está “entrando” no espelho) é invertido na imagem (está “saindo” do espelho). Esta é a real inversão que ocorre em um espelho plano.
  6. 6. Outro equipamento que os alunos podem montar, utilizando uma associação de espelhos planos, é um periscópio. Neste equipamento, dois espelhos são colocados no interior de um tubo, permitindo observar um objeto por cima de um obstáculo, por exemplo. Esse tipo de equipamento é utilizado em submarinos, permitindo ver sobre a superfície.
  7. 7. Como montar um periscópio Para montar um periscópio os alunos devem utilizar uma caixa retangular (quanto mais comprida melhor) e posicionar dois espelhos como mostra o esquema a seguir. Repare que, na montagem do periscópio, os espelhos devem ficar paralelos entre si e formando um ângulo de 45 com o fundo ou o teto da caixa. Para utilizar o periscópio, os alunos devem posicionar os olhos próximos à abertura de observação e girar a montagem até que a abertura de entrada de luz esteja voltada para o local que se quer observar. Você pode utilizar a lanterna ou a ponteira laser para demonstrar o caminho da luz dentro do periscópio.
  8. 8. Sensações Térmicas
  9. 9. Sensibilidade Capacidade de sentir. Propriedade de reação dos organismos aos estímulos externos ou internos: sensibilidade cutânea; sensibilidade moral. Percepção aguda: sensibilidade visual, percepção tática. Tendência, disposição a ser dominado pelas impressões, sentimentos, emoções; impressionabilidade, suscetibilidade. Física. Qualidade de um instrumento que acusa as mínimas variações de quantidade ou intensidade: a sensibilidade de uma balança; a sensibilidade fotográfica de um filme.
  10. 10. Nesse relato, observe como os alunos compreenderam os conceitos envolvidos nestas atividades.
  11. 11. Filme: Viagem em Grupo
  12. 12. COMO MONTAR UM PROJETO ESTRUTURA BÁSICA DE UM PROJETO

×