MATERIAL COMPLEMENTAR Relevo Brasil - SSM

610 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
610
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
34
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

MATERIAL COMPLEMENTAR Relevo Brasil - SSM

  1. 1. Geografia do Brasil O RELEVO BRASILEIRO
  2. 2. Estrutura Geológica do Brasil O território brasileiro situa-se sobre a Placa Sul-Americana, que separou-se da Africana há 125 milhões de anos.
  3. 3. Estrutura Geológica do Brasil  É de formação geológica antiga;  Apresenta escudos ou crátons, bacias sedimentares e dobramentos antigos;  Ausência de orogenia.  64% do território são de bacias sedimentares, 36% de escudos cristalinos.  Apenas 0,5% ultrapassa 1.200m
  4. 4. ESCUDOS CRISTALINOS: - Formação pré-cambriana; - Terrenos arqueozóicos (3,8 bilhões a 2,5 bilhões): Serra do Mar (granito); - Terrenos proterozóicos (2,5 bilhões a 540 milhões): jazidas de minerais (ferro e manganês). QUADRILÁTERO FERRÍFERO (MG) SERRA DOS CARAJÁS (PA) MACIÇO DE URUCUM (MS) CARVÃO (RS) PETRÓLEO (RECÔNCAVO) PETRÓLEO E GÁS (BACIA DE CAMPOS - RJ) PETRÓLEO E GÁS (BACIA AMAZÔNICA) TERRA ROXA (PR)
  5. 5. •BACIAS SEDIMENTARES: •Formação recente; •Terrenos paleozóicos (540 a 250 milhões de anos atrás) : jazidas carboníferas do sul; •Área mesozóica (250 a 65,5 milhões de anos atrás) : depósitos petrolíferos do litoral; •Terrenos cenozóicos (65,5 milhões de anos até o presente): planícies. QUADRILÁTERO FERRÍFERO (MG) SERRA DOS CARAJÁS (PA) MACIÇO DE URUCUM (MS) CARVÃO (RS) PETRÓLEO (RECÔNCAVO) PETRÓLEO E GÁS (BACIA DE CAMPOS - RJ) PETRÓLEO E GÁS (BACIA AMAZÔNICA) TERRA ROXA (PR)
  6. 6. •TERRENOS VULCÂNICOS: •Áreas que durante a era mesozóica (250 a 65,5 milhões de anos atrás) sofreram intensos derrames vulcânicos. (bacia do Paraná) •Rochas basálticas. •Solo fértil (terra roxa) QUADRILÁTERO FERRÍFERO (MG) SERRA DOS CARAJÁS (PA) MACIÇO DE URUCUM (MS) CARVÃO (RS) PETRÓLEO (RECÔNCAVO) PETRÓLEO E GÁS (BACIA DE CAMPOS - RJ) PETRÓLEO E GÁS (BACIA AMAZÔNICA) TERRA ROXA (PR)
  7. 7. As principais unidades do relevo  Planaltos: Superfícies mais ou menos planas em que predominam processos de erosão;  Em geral com altitudes acima de 300m, mas que alcançam até 3.000m.
  8. 8. As principais unidades do relevo  Planícies: superfícies mais ou menos planas, com pequena altitude, em que predominam processos de sedimentação;  Planícies costeiras: regiões litorâneas.  Planícies continentais: interior do país.
  9. 9. As principais unidades do relevo  Depressões: superfícies, com grau suave de inclinação, que sofreram grave processo erosivo, estando acima ou abaixo do nível do mar;  As altitudes podem variar entre e 100 e 500 m.
  10. 10. AS DEPRESSÕES PODEM SER  Depressões marginais (ENTRE BACIAS SEDIMENTARES): esculpidas em estruturas cristalinas.  Depressões interplanálticas: áreas baixas entre planaltos que as circundam.
  11. 11. Classificação do Relevo Brasileiro  Aroldo de Azevedo:  Década de 1940;  Critério: Altimetria;  Planalto e planície, estabele- cendo a altitude de 200m para comparativo;  4 planaltos e 3 planícies. 1949
  12. 12. Classificação de Aziz Ab’ Saber  Década de 1960:  Critério: Morfoclimático, com aerofotogrametria;  Classificação baseada na sedimentação e erosão, as regiões erodidas eram planaltos e as sedimentadas planícies;  7 planaltos e 3 planícies. 1962 CENTRAL NORDESTINO MARANÃO- PIAUÍ SERRAS E PLANALTOS DO LESTE SUDESTE MERIDIONAL URUGUAIO – RIO GRANDENSE DAS GUIANAS BRASILEIRO
  13. 13. DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS
  14. 14. Classificação de Jurandyr Ross  Década de 1980 (Sendo finalizada em 1995).  Projeto Radam Brasil, levantamento detalhado das características geomorfológicas, geológicas, solo, hidrografia e vegetação.  28 unidades de relevo, levando em consideração: 11 planaltos, 6 planícies, 11 depressões, escudos e bacias sedimentares.
  15. 15. Classificação de Jurandyr Ross
  16. 16. FIQUEM ATENTOS  IMPORTANTES CONCEITOS ASSOCIADOS AO RELEVO BRASILEIRO:  MAR DE MORROS;  CRÁTON;  DIQUE DIABÁSIO;
  17. 17. MAR DE MORROS Expressão usada para designar o relevo das colinas dissecadas do Planalto Atlântico (Serra Geral). Também denominados de "meias-laranjas“ (formato arredondado), ou "relevo mamelonar“. É um dos domínios de Aziz Ab'Saber. Os morros (colinas intermontanas) são consideradas feições convexas.
  18. 18. CRÁTON Pode ser o mesmo que Escudo ou Plataforma, sendo uma região geologicamente estável. Geralmente tem raízes profundas no manto da Terra e têm formação em eras pré- cambrianas (são conhecidos por serem atectônicos), sendo que este tipo de estrutura geralmente apresenta apenas movimentos epirogênicos
  19. 19. DIQUE DIABÁSIO Os diabásios exibem coloração normalmente preta, decorrente da abundância de minerais ferromagnesianos. Se formam a partir do derrame de lava (mais fluida) em fraturas de rochas cristalinas, podendo percorrer dezenas de quilômetros.
  20. 20. QUESTÃO IMPORTANTE
  21. 21. COMENTÁRIO
  22. 22. UNICAMP - 2007 RESPOSTAS:

×