Mudanas de Fase

381 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
381
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Exercícios pg 161 13 a 17
    pg 167 18 a 26
  • Exercícios pg 170 27 a 30
  • Mudanas de Fase

    1. 1. Mudanças de estado físico
    2. 2. Relembrando os estados da matéria
    3. 3. Mudanças de estado físico É a quantidade de energia que um objeto deve receber ou ceder para variar sua temperatura. (Entre as mudanças de fase) Calor sensível É a quantidade de energia que um objeto deve receber ou ceder para provocar uma mudança de estado. É representado pela letra L e medido em cal/g ou J/Kg (SI). (Durante as mudanças de fase) Calor latente Q mc T   Q m L  
    4. 4. Calor latente Equivalência Exemplo • O calor latente numa mudança de fase tem o mesmo valor absoluto nos dois sentidos do fluxo de calor. Por exemplo: • A água possui calor latente de solidificação igual a -80 cal/g, deve perder 80 cal para cada grama de água líquida que se tornar água sólida. fusao solidificacaoL L   ebulição condensacaoL L  
    5. 5. Calor latente Fórmula • O calor latente é obtido por: • Q  calor recebido ou cedido • m  massa • L  calor latente Q m L  
    6. 6. Mudanças de estado físico Vaporização Evaporação Ocorre a uma temperatura definida para uma dada pressão. Por exemplo: a água se vaporiza à 100°C sob uma pressão de 1,0 atm (nível do mar). Ocorre a qualquer temperatura. A velocidade da evaporação depende da temperatura do líquido, da saturação de vapor em sua superfície e da área da superfície do líquido.
    7. 7. Evaporação Filtro de barro Devido a porosidade do barro a água passa pelo material e ao evaporar na superfície externa do filtro leva muita energia na forma de calor e isso esfria a água no interior do filtro.
    8. 8. Evaporação Roupa no varal Colocamos a roupa no varal aberta e não dobrada para aumentar a área de superfície e assim aumentar a rapidez na secagem.
    9. 9. Sublimação Evaporação de um solido Exemplo Sob algumas condições de temperatura e pressão, os sólidos podem evaporar passando diretamente do estado sólido para o gasoso. Exercícios pg 161, 13 a 17 pg 167, 18 a 26
    10. 10. A energia é utilizada para a mudança de energia potencial de interação entre as moléculas e não em sua energia cinética média. Modelo para a mudança de fase
    11. 11. Curvas de aquecimento e resfriamento
    12. 12. Cálculo da quantidade de calor Exercícios pg 170, 27 a 30

    ×