O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

1ª Frequência 1314.pdf

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Carregando em…3
×

Confira estes a seguir

1 de 9 Anúncio
Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Mais recentes (20)

Anúncio

1ª Frequência 1314.pdf

  1. 1. Instituto Politécnico de Leiria Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso de Gestão – Contabilidade Financeira I Ano Letivo 2013/14 – 1º Semestre – 1ª Frequência – 09/11/2013 -- Pagina 1 de 9 -- Equipa Docente: Alexandra Carvalho, Joaquim Duarte, José Martins, Manuel Andrino e Rui Patrício Duração: 2 horas (sem tolerância) ATENÇÃO NÃO SÃO PERMITIDOS ELEMENTOS DE CONSULTA; RESPONDA A CADA UM DOS GRUPOS EM FOLHAS SEPARADAS; APRESENTE TODOS OS CÁLCULOS JUSTIFICATIVOS DOS RESULTADOS E CONCLUSÕES; IDENTIFIQUE CLARAMENTE OS NÚMEROS E ALÍNEAS DE CADA UM DOS GRUPOS DATA PREVISTA PARA PUBLICAÇÃO DAS CLASSIFICAÇÕES: 9 DE DEZEMBRO DE 2013 Grupo I (10 valores) Resposta certa: 1 valor; Resposta errada: -0,2 valores; Ausência de resposta: 0 Identifique a resposta correta, na folha em anexo, para as seguintes questões: 1. De entre outros aspetos, a Estrutura Concetual (EC) do SNC trata dos objetivos da informação financeira. De entre as afirmações seguintes, indique qual é a verdadeira: a) O balanço representa a posição financeira num determinado momento e a demonstração dos resultados representa o desempenho num determinado período; b) O balanço representa a posição financeira num determinado período e a demonstração dos resultados o desempenho num determinado momento; c) A demonstração dos fluxos de caixa representa o desempenho num determinado período e o balanço a posição financeira num determinado momento; d) A demonstração das alterações no capital próprio representa apenas as operações com os detentores do capital num período; e) Nenhuma das alternativas anteriores. 2. Das afirmações seguintes, diga qual é a verdadeira: a) Uma nota de crédito é emitida pelo comprador; b) Uma nota de débito é emitida pelo vendedor; c) Uma nota de devolução é emitida pelo vendedor; d) Uma fatura é um documento de recebimento; e) Nenhuma das alternativas anteriores. 3. O débito numa conta: a) Corresponde sempre a um aumento do ativo; b) Corresponde sempre a uma diminuição do passivo; c) Corresponde sempre a uma diminuição do passivo ou do capital próprio ou a um aumento do ativo; d) Corresponde sempre a uma diminuição do ativo ou a um aumento do passivo; e) Nenhuma das alternativas anteriores. 4. Após o apuramento do IVA, uma empresa: a) Não pode ficar, em simultâneo, com saldo nas contas 2436 – IVA a pagar e 2437 – IVA a recuperar; b) Não pode ficar, em simultâneo, com saldo nas contas 2437 – IVA a recuperar e 2438 – IVA Reembolsos pedidos; c) Pode ter saldo nas contas 2432 – IVA dedutível e 2433 – IVA liquidado; d) Pode ficar, em simultâneo, com saldo nas contas 2436 – IVA a pagar e 2438 – IVA Reembolsos pedidos; e) Nenhuma das alternativas anteriores.
  2. 2. Instituto Politécnico de Leiria Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso de Gestão – Contabilidade Financeira I Ano Letivo 2013/14 – 1º Semestre – 1ª Frequência – 09/11/2013 -- Pagina 2 de 9 -- 5. É reconhecido um rendimento sempre que: a) Ocorra um aumento do ativo; b) Ocorra uma diminuição do passivo; c) Ocorra um aumento do capital próprio; d) Ocorra um aumento do ativo e uma diminuição do passivo; e) Nenhuma das alternativas anteriores. 6. As isenções de IVA são completas ou incompletas. Classificam-se de completas quando: a) O sujeito passivo não liquida o imposto nas suas operações, mas deduz o imposto suportado nas aquisições; b) O sujeito passivo liquida o imposto nas suas operações, mas não deduz o imposto suportado nas aquisições; c) O sujeito passivo não liquida imposto, mas também não pode deduzir o imposto suportado; d) O sujeito passivo liquida o imposto nas suas operações e deduz o imposto suportado nas aquisições; e) Nenhuma das alternativas anteriores. 7. A Sociedade OLX, SA, vendeu mercadorias pelo montante de € 10.000 + IVA à taxa de 23%, dos quais 50% a pronto pagamento. Sabendo que a empresa pratica uma margem de 25% sobre o preço de custo, qual o efeito desta operação no balanço: a) Aumento do ativo em € 12.300, aumento do passivo em € 2.300 e aumento do capital próprio em € 10.000; b) Aumento do ativo em € 4.300, aumento do passivo em € 2.300 e aumento do capital próprio em € 2.000; c) Aumento do ativo em € 6.150, aumento do passivo € 1.150 e aumento do capital próprio em € 5.000; d) Aumento do ativo em € 2.000 e aumento do capital próprio em € 2.000. e) Nenhuma das alternativas anteriores. 8. A Sociedade KA, Lda, em N, incorreu em gastos no montante de € 12.000 para produzir 120 unidades do produto X. Destas unidades produzidas vendeu 100 unidades a € 125/unidade tendo pago em N+1, comissões com as vendas efetuadas em N no montante de € 1.000. Qual o resultado líquido do período N: a) Resultado líquido do período positivo de € 2.500. b) Resultado líquido do período positivo de € 3.500. c) Resultado líquido do período positivo de € 1.500 d) Resultado líquido do período negativo de € 500. e) Nenhuma das anteriores. 9. A empresa XXL, Lda. iniciou a sua atividade em julho do Ano N. Em 31 de dezembro conheciam-se os seguintes elementos: Valores em euros Compra de Mercadorias (50% a pronto e 50% a crédito) 30.000 Depreciações 10.000 Gastos com o pessoal (pagos por transfª bancária) 15.000 Renda do escritório referente ao mês de Janeiro de N+1 (paga em Dez/N) 1.000 Seguro de incêndio relativo ao período 01/10/N a 30/09/N+1 (pago em out/N) 2.400 Relativamente aos elementos referidos, qual o montante de gastos, despesas e pagamentos que a empresa deverá considerar relativos ao Ano N? a) Gastos de € 25.600; Despesas de € 33.400; Pagamentos de € 43.400. b) Gastos de € 26.600; Despesas de € 58.400; Pagamentos de € 33.400. c) Gastos de € 28.000; Despesas de € 48.400; Pagamentos de € 32.400. d) Gastos de € 25.600; Despesas de € 48.400; Pagamentos de € 33.400. e) Nenhuma das anteriores.
  3. 3. Instituto Politécnico de Leiria Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso de Gestão – Contabilidade Financeira I Ano Letivo 2013/14 – 1º Semestre – 1ª Frequência – 09/11/2013 -- Pagina 3 de 9 -- 10. Da empresa TDT, Lda que iniciou a sua atividade em março/N, conhecem-se os seguintes elementos à data de 31/12/N: Valores em euros Compras de mercadorias 500.000 Empréstimo bancário, 25% a pagar em N+1 e o restante a liquidar nos anos seguintes 400.000 Dívidas de clientes 150.000 Dívidas a fornecedores 30.000 Vendas no período 600.000 Ativos fixos tangíveis 300.000 Capital social 50.000 Adiantamento efetuado a trabalhadores por conta do vencimento de janeiro/N+1 2.000 Gastos com o pessoal 128.000 Inventário de mercadorias em 01/01/N 0 Inventário de mercadorias em 31/12/N 50.000 O balanço da empresa TDT, Lda, em 31/12/N, apresentava os seguintes valores: a) Ativo não corrente: € 202.000; Ativo corrente: € 300.000; Capital próprio: € 72.000; Passivo não corrente: € 400.000; Passivo corrente: 30.000. b) Ativo não corrente: € 300.000; Ativo corrente: € 202.000; Capital próprio: € 72.000; Passivo não corrente: € 400.000; Passivo corrente: 30.000. c) Ativo não corrente: € 300.000; Ativo corrente: € 202.000; Capital próprio: € 50.000; Passivo não corrente: € 300.000; Passivo corrente: 152.000 d) Ativo não corrente: € 300.000; Ativo corrente: € 200.000; Capital próprio: € 68.000; Passivo não corrente: € 300.000; Passivo corrente: 132.000 e) Nenhuma das alternativas anteriores. Grupo II (5 valores) A empresa InfoLeiria, Lda, dedica-se à comercialização de equipamentos informáticos e é um sujeito passivo de IVA com periodicidade mensal. Iniciou a sua atividade no mês de agosto de 2012. No mês de outubro de 2012 realizou as seguintes operações: 1. N/Fatura nº 856 respeitante à venda de 100 computadores ao cliente XPTO, SA, com um valor unitário de € 360 + IVA 23%. Foi concedido na fatura um desconto de quantidade de 5%. 2. Fatura nº GH-567 da empresa grega Zeus-INFO respeitante à aquisição de diversas mercadorias (sujeitas a IVA 23%). Total da fatura: € 17.460. A empresa Zeus-INFO é sujeito passivo na Grécia. 3. Fatura nº 23233 da EDP referente a eletricidade consumida, no valor de € 150 (IVA incluído de 23%). 4. Fatura nº 1111 de Combustão, Lda. referente a gasóleo consumido no n/ veículo, no valor de € 160 (IVA 23% Incluído). 5. Foi oferecido ao cliente XPTO um rato no valor de € 15 e um computador no valor de € 400. Os valores indicados não incluem IVA e verificou-se que aquando da aquisição desses bens havia sido deduzido o IVA a 23%. 6. Fatura nº KT5687 da empresa Estgauto, SA referente à aquisição de uma viatura comercial para efetuar o transporte das mercadorias, no montante de € 10.000 (+IVA 23%) e outra viatura ligeira de passageiros, no montante de € 40.300 (+ IVA 23%). 7. N/ Nota de Devolução n.º 375 ao fornecedor Infotudo, Lda. relativa à devolução de 3 computadores, cujo valor unitário ascende a € 300 + IVA 23%. Pede-se: a) Preencha um quadro com o modelo que se apresenta em anexo, identificando as contas de IVA que irão ser movimentadas em cada operação, bem como o IVA a favor do Estado ou do sujeito passivo. b) Sabendo que em agosto de 2012 a InfoLeiria, Lda. havia apurado IVA a pagar ao Estado de € 15.000, que liquidou em 10 de outubro de 2012, e que em Setembro apurou IVA a recuperar de € 7.000, apure o IVA a pagar/recuperar referente a outubro 2012.
  4. 4. Instituto Politécnico de Leiria Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso de Gestão – Contabilidade Financeira I Ano Letivo 2013/14 – 1º Semestre – 1ª Frequência – 09/11/2013 -- Pagina 4 de 9 -- Grupo III (5 valores) A empresa Sába-Do, Lda dedica-se à produção do produto Ypslon-9. No final do ano n foi disponibilizada a seguinte informação respeitante ao balanço: Em euros Caixa 5.000 Depósitos à ordem 66.000 Dívidas de clientes 154.000 Equipamento básico 670.000 Edifícios 520.000 Equipamento administrativo 48.000 Equipamento de transporte 78.000 Capital social 800.000 Dívidas a fornecedores 164.000 Dívidas ao estado 83.000 Empréstimos bancários de médio e longo prazo com início de reembolso em N+2 560.000 Compras de matérias-primas 900.000 Existência final de matérias-primas 20.000 Existência inicial de matérias-primas 139.000 Existência final de produtos acabados 160.000 Existência inicial de produtos acabados 88.000 Subcontratos, eletricidade e outros serviços 555.000 Gastos com pessoal 844.000 Gastos depreciação de ativos tangíveis 151.000 Juros suportados 18.000 Descontos pronto pagamento obtidos 30.000 Vendas de produtos acabados 2.637.000 Taxa de imposto sobre o rendimento 25% Pedidos: 1. (2,5 valores) Calcule: a) (1,5 valor) O resultado antes de depreciações, gastos de financiamentos e impostos b) (0,5 valor) O resultado operacional (antes de gastos de financiamento e impostos); c) (0,5 valor) O resultado líquido do período; 2. (2,5 valores) Elabore o balanço da empresa Sába-Do, Lda (utilize o Anexo identificado com o Grupo III)
  5. 5. Instituto Politécnico de Leiria Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso de Gestão – Contabilidade Financeira I Ano Letivo 2013/14 – 1º Semestre – 1ª Frequência – 09/11/2013 -- Pagina 5 de 9 -- Resposta ao Grupo I Nº ________ Nome Aluno: ______________________________________________________________ Regime:_________ Responda às questões do Grupo I, identificando com um “X” a opção correspondente à resposta correta. QUESTÃO a) b) c) d) e) 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
  6. 6. Instituto Politécnico de Leiria Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso de Gestão – Contabilidade Financeira I Ano Letivo 2013/14 – 1º Semestre – 1ª Frequência – 09/11/2013 -- Pagina 6 de 9 -- Página deixada propositadamente em branco
  7. 7. Instituto Politécnico de Leiria Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso de Gestão – Contabilidade Financeira I Ano Letivo 2013/14 – 1º Semestre – 1ª Frequência – 09/11/2013 -- Pagina 7 de 9 -- Resposta ao Grupo II Nº ________ Nome Aluno: ______________________________________________________________ Regime:_________ Nº Oper Descrição Conta IVA a favor do Sujeito passivo IVA a favor do Estado IVA A PAGAR/RECUPERAR
  8. 8. Instituto Politécnico de Leiria Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso de Gestão – Contabilidade Financeira I Ano Letivo 2013/14 – 1º Semestre – 1ª Frequência – 09/11/2013 -- Pagina 8 de 9 -- Página deixada propositadamente em branco
  9. 9. Instituto Politécnico de Leiria Escola Superior de Tecnologia e Gestão Curso de Gestão – Contabilidade Financeira I Ano Letivo 2013/14 – 1º Semestre – 1ª Frequência – 09/11/2013 -- Pagina 9 de 9 -- Resposta ao Grupo III Nº ________ Nome Aluno: ______________________________________________________________ Regime:_________ Balanço Individual em 31 de dezembro de N Unidade monetária: Euros 31/dez/N 31/dez/N-1 Ativo não corrente: Ativo corrente: Total do ativo Capital próprio: Total do capital próprio Passivo: Passivo não corrente: Passivo corrente: Total do passivo Total do capital próprio e do passivo Sába-Do, Lda RUBRICAS NOTAS DATAS ATIVO CAPITAL PRÓPRIO E PASSIVO

×