HOMEM SACERDOTE AULA 5

367 visualizações

Publicada em

Sacerdotes

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
367
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

HOMEM SACERDOTE AULA 5

  1. 1. CURSO ONLINE DE CASAIS APOSTILA AULA 51 Ministério sacerdotal dos homens. Pr. Estevam Fernandes O ministério sacerdotal do homem pai. 1. Sacerdote – hebr. Kõhen aquele que ensina a Torah (5 primeiros livros da Biblia), fala dos oráculos de Deus e faz previsões sobre os juízos de Deus Sacerdote - Grego – Hiereus, aquele que é santo, separado para o serviço de Deus Sacerdote é aquele que é separado por Deus para comunicar a sua voz e o seu coração ao povo. Primeiro à sua família, depois aos demais.As esposas têm o seu lugar neste papel sacer- dotal, principalmente na educação dos filhos. 1 Ouvi, filhos, a instrução do pai e estai atentos para conhecerdes o entendimento; 2 porque vos dou boa doutrina; não deixeis o meu ensino. 3 Quando eu era filho em companhia de meu pai, tenro e único diante de minha mãe, 4 então, ele me ensinava e me dizia: Retenha o teu coração as minhas palavras; guarda os meus mandamentos e vive; 5 adquire a sabedoria, adquire o entendimento e não te esqueças das palavras da minha boca, nem delas te apartes. (Pv 4.1-5) Que os homens assumam a sua missão sacerdotal e permitam que em casa se façam oráculos de Deus.Todo homem crente, marido e pai que não assume esta verdade está em falta com Deus.O pai deve ser um pedagogo,que não pode se omitir.O ensino é absoluto,é a Palavra de Deus. Quando o filho passar por dificuldades se lembrará do que foi ensinado pelo pai e isto lhe será um bálsamo. 5 dimensões bíblicas da paternidade 1. ensino doutrina exemplo instrução companhia Hoje o pai se isola e não ensina. Somente paga contas. Não basta levar para a igreja, tem que ser igreja,não basta apontar o caminho,tem que ser exemplo.Muitos filhos abandonam o reino, porque foram abandonados pelos pais. Só se pode ser vencedor se seu filho disser que quer ser como pai, que deseja seguir seus pais. Pai não deve se isolar e deve ser amável, abraçar e beijar. Ser homem não é ser bruto e distante, mas sim trabalhar a dimensão afetiva da vida.
  2. 2. CURSO ONLINE DE CASAIS APOSTILA AULA 52 O papel do homem na perspectiva bíblica O papel do homem na perspectiva bíblica é ser o líder da casa,deixar pai e mãe e assumir uma mulher para que se tornem uma só carne.Esta é tarefa do homem.Casar é romper com a casa paterna. Homem maduro precisa romper para fazer-se pleno no novo lar. O homem deve ser o lider que: lidera e pastoreia a esposa provê a casa prepara os filhos para a vida. O que passa disto é doença relacional.Não é dominar,mas sim liderar.O homem é quem deve instruir o filho para a vida. Não é simplesmente dar dinheiro e esperar que a mulher eduque. O homem é o primeiro pedagogo, não a mulher. Infelizmente, a mulher está obrigada a fazer tudo, a educar os filhos e ainda arrastar o homem para o culto! O homem comunica a dimensão do sagrado para família. Ele deve abrir a Bíblia em casa e dei- xar Deus falar dentro de casa. Pai com a Bíblia na mão é Deus falando O homem na família é aquele que encarna a graça, o amor e o cuidado de Deus sobre os seus. Devemos ser a Graça ambulante dentro de casa. Não devemos ser intransigentes, brutos e escorar a fragilidade da liderança no“grito”. O homem deve ser a voz da graça de Deus dentro de casa, que abraça, que beija, que perdoa, que cuida e manifesta este amor. Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela, (Ef 5.25) Este é o meu Filho amado; a ele ouvi. (Mc 9.7b) O pai deve ser a memória viva da história da redenção e do mundo para sua casa e para o mundo. tu as inculcarás a teus filhos, e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-te. (Dt 6.7) A perversão da família ao longo dos séculos Modernidade. Séculos XVI - XVII – o racionalismo trouxe a crise da religião. Patrocinado por filosofias de Hume e Kante. O sagrado foi tercerisado e a religião se tornou “coisa pra mulher”. Século XIX – A revolução industrial e urbana transformou o homem em operário e deixou as famílias com pais ausentes. Os filhos se tornaram órfãos de pais vivos.A mulher assumiu a educação dos filhos, incluindo a instrução religiosa.
  3. 3. CURSO ONLINE DE CASAIS APOSTILA AULA 53 Posteriormente, a mulher também entrou no mercado de trabalho e tornou-se uma mãe apressada e divida. Os filhos ficaram sem os pais.. Pós modernidade Século XX – aconteceu a emancipação da mulher e a revolução sexual.A pregação da autono- mia sobre o próprio corpo trouxe consigo as práticas do aborto,da busca pela anti concepção pois a mulher se vê dona do próprio corpo.A filha passou a dizer ao pai que “transaria” com quem qusesse e o filho informou ao pai que não se sentia homem e que seria homossexual. Drogar-se também passou a ser opção consequente desta busca por prazer e autonomia. O viés cultural foi a rejeição da liderança masculina, mesmo porque muitos maridos exerciam incorretamente este papel. Com o advento das duas grandes guerras as mulheres ficaram sós e passam a ter que resolver sem os homens. O casamento foi banalizado, o divórcio se alastrou e as uniões alternativas passaram a se alas- trar. Infelizmente a competição, independência e o individualismo passou a reinar no lar. Século XXI – a família experimenta uma radical crise, pois o casamento é secularizado. Os ho- mens se perguntam:- Para que casar? Os jovens moram juntos sem ser casados e a homoafeti- vidade passou a invadir as casas patrocinado pela política de “nivelamento” do governo. Crian- ças e adolescentes são atingidas em cheio e já mostram sinais de mudanças comportamentais. O homem deixou de ser referência e sacerdote. Todo homem é um sacerdote Todo homem é um sacerdote,mesmo que ainda não seja pai.Na nova aliança o centro do culto é no lar.A primeira igreja é o lar. Se o pastor não for em casa, não pode ser na igreja. As vestes, pois, que farão são estas: um peitoral, uma estola sacerdotal, uma sobrepeliz, uma túnica bordada, mitra e cinto. (Ex 28.4a) As vestes sacerdotais servem como analogia do ofício paterno e de sacerdote.As vestes são símbolo da glória de Deus e representação de Jesus. Estola - Ficava sobre os ombros – sacerdote intercede pelos seus filhos e os leva nos ombros. Peitoral – tinha 12 pedras, relativas às 12 tribos e também pedras quadradas, do Urim e do Tumim para saber a vontade de Deus. Os pais devem, portanto, orientar os filhos para dizer o que Deus quer para a vida deles.Os filhos devem procurar o pai em primeiro lugar,não um tio ou um pastor. O pai precisa falar por Deus. Túnica de linho e cinto de ouro – túnica representa a integridade e a pureza.O pai não precisa ser perfeito, mas íntegro. Integridade é completude moral, inteireza e honestidade. Sobrepelis – composta de Romans, que representam a vida frutífera – Espera-se fruto do Espírito, na vida dos pais. Azul representa o caráter celestial do ministério representativo.
  4. 4. CURSO ONLINE DE CASAIS APOSTILA AULA 54 Púrpura é o sinal de autoridade, que deve ser exercida em dependência de Deus. Carmesim reprenta o sangue do sacrifício. Do amor sacrificial e do testemunho de Cristo. Mitra, um turbante, que aponta para santidade ao Senhor. Jó era sacerdote e intercedia pelos filhos. Devemos seguir-lhe os passos … chamava Jó a seus filhos e os santificava; levantava-se de madrugada e oferecia holocaustos segundo o número de todos eles,pois dizia:Talvez tenham pecado os meus filhos e blasfemado contra Deus em seu coração.Assim o fazia Jó continuamente. (Jó 1.5) O pai não deve permitir pornografia, amizades pervertidas, televisão, acessos a internet estra- nhos,mas deve ser manifestação da verdade,da justiça,da integridade,do amor,da coragem,de trabalho, de humildade, zelando pela família, sendo exemplo de fé e temor, enquanto represen- tante do Reido de Deus na terra. 24 O SENHOR te abençoe e te guarde; 25 o SENHOR faça resplandecer o rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti; 26 o SENHOR sobre ti levante o rosto e te dê a paz. (Nm 6.24-26)

×