Sustentabilidade 
Sócio- Ambiental
CCoonnssuummoo ee ddeessppeerrddíícciioo 
A HISTÓRIA DAS COISAS 
Fonte: Tides Foundation 
Vídeo
CCoonncceeiittoo 
Meio ambiente 
Meio ambiente envolve todas as coisas vivas e 
não-vivas que ocorrem na Terra, ou em 
alg...
CCoonncceeiittoo 
Meio ambiente é um conjunto de unidades 
ecológicas que funcionam como um sistema 
natural, e incluem to...
1987 
DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL 
RELATÓRIO BRUNDTLAND 
“Desenvolvimento sustentável é desenvolvimento 
que satisfaz as n...
Questões Ambientais da 
Questões Ambientais da 
Atualidade 
Atualidade 
RESÍDUOS SÓLIDOS 
ÁGUA 
PRESERVAÇÃO DOS 
ECOSSISTE...
AA QQuueessttããoo ddooss RReessíídduuooss SSóólliiddooss 
No MUNDO: Entre lixo domiciliar e comercial são 
produzidas, por...
O BÁSICO: LIXO NO LUGAR 
O BÁSICO: LIXO NO LUGAR 
CERTO 
CERTO
SENÃO... LIXO NO LUGAR 
SENÃO... LIXO NO LUGAR 
ERRADO 
ERRADO
SENÃO... LIXO NO LUGAR 
SENÃO... LIXO NO LUGAR 
ERRADO 
ERRADO
SENÃO... LIXO NO LUGAR 
SENÃO... LIXO NO LUGAR 
ERRADO 
ERRADO
CLASSIFICAÇÃO CLASSIFICAÇÃO DDOOSS RREESSÍÍDDUUOOSS 
RReessíídduuooss 
Classe I 
PERIGOSOS 
Classe I 
PERIGOSOS 
Classe II...
eduzir 
eutilizar 
eciclar 
ecusar 
efletir 
Você realmente precisa? 
Os materiais precisam ser descartados? 
Este materia...
AA QQuueessttããoo ddaa ÁÁGGUUAA 
No MUNDO: Estudiosos prevêem que em breve a água será causa 
principal de conflitos entre...
AA QQuueessttããoo ddaa ÁÁGGUUAA 
A superfície da Terra é dominada, em 75%, pelas águas. Porém, deste 
volume somente 2,7%...
AA QQuueessttããoo ddaa ÁÁGGUUAA 
 A água permanece constante na natureza, através de um 
perfeito CICLO HIDROLÓGICO 
 Ne...
AA QQuueessttããoo ddaa ÁÁGGUUAA 
 Doenças relacionadas à água estão entre as 
causas mais comuns de morte no mundo e afet...
A Questão da A Questão da PPrreesseerrvvaaççããoo AAmmbbiieennttaall 
No MUNDO: Já foram destruídas mais da metade das mata...
OO BBIIOOMMAA CCEERRRRAADDOO 
 O Cerrado é considerado a mais diversificada savana 
tropical do mundo. 
 O número de esp...
A Questão da A Questão da PPrreesseerrvvaaççããoo AAmmbbiieennttaall 
Cerrado, segundo maior bioma 
encontrado no Brasil, b...
OO qquuee éé SSuusstteennttaabbiilliiddaaddee?? 
Social 
Ambiental 
Econômica
SSUUSSTTEENNTTAABBIILLIIDD 
AADDEE 
EDUCAÇÃO 
AMBIENTAL 
RESPONSABILIDADE 
SOCIAL 
LICENCIAMENTO 
AMBIENTAL 
CERTIFICAÇÕES...
DDeesseennvvoollvviimmeennttoo 
DDEESSEENNVVOOLLVVIIMMEENNTTOO 
QUALIDADE 
DE VIDA
DDeesseennvvoollvviimmeennttoo 
 Envolve um amplo conjunto de experiências, situações e 
percepções individuais e sociais...
DDeesseennvvoollvviimmeennttoo 
 Produção de riquezas que ocorre em uma 
determinada sociedade, em um 
determinado períod...
DDeesseennvvoollvviimmeennttoo 
Um real desenvolvimento deve considerar o 
aumento e distribuição equitativa das riquezas ...
Conceitos Conceitos ddee DDeesseennvvoollvviimmeennttoo 
social 
organizacional 
DESENVOLVIMENTO 
econômico 
local 
susten...
Ambiente e Estilos de 
Desenvolvimento 
Ambiente e Estilos de 
Desenvolvimento 
 Vivemos uma época de requestionamento de...
Ambiente e Estilos de 
Desenvolvimento 
Ambiente e Estilos de 
Desenvolvimento 
 Transformações são necessárias... e URGE...
Ambiente e Estilos de 
Desenvolvimento 
Ambiente e Estilos de 
Desenvolvimento 
REPETIÇÃO DE MODELOS 
OU 
CONSTRUÇÃO DE NO...
Ambiente e Estilos de 
Desenvolvimento 
Ambiente e Estilos de 
Desenvolvimento 
Uma nova articulação deve ser criada entre...
PPrriinnccííppiioo ddaa PPrreeccaauuççããoo 
 Na Conferência RIO 92 foi proposto formalmente o 
Princípio da Precaução 
 ...
JJuussttiiççaa AAmmbbiieennttaall 
DEGRADAÇÃO 
AMBIENTAL 
CUSTOS SOCIAIS 
Agente 
Responsável=Público 
atingido
JJuussttiiççaa AAmmbbiieennttaall 
RAZÃO UTILITÁRIA Modernização ecológica 
RAZÃO CULTURAL “Conflitos ambientais” 
Afirmaç...
OO hhoommeemm ee oo sseeuu nniicchhoo 
NICHO: 
Papel ecológico de uma espécie numa 
comunidade 
 Espaço multidimensional...
OO hhoommeemm ee oo sseeuu nniicchhoo 
ESPÉCIE COMPETIDORA 
AAcchhaattiinnaa FFuulliiccaa 
““TTiiccoo-- 
ttiiccoo”” 
MMeeg...
OO hhoommeemm ee oo sseeuu nniicchhoo 
ESPÉCIE COMPETIDORA 
HOMEM 
x 
LIXO!
OO hhoommeemm ee oo sseeuu nniicchhoo 
EVOLUÇÃO .... SAPIENS SAPIENS?
TTééccnniiccaass ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo 
ATERRO SANITÁRIO: Vantagens: 
• TÉNICA AMBIENTALMENTE 
CONFIÁVEL...
TTééccnniiccaass ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo
TTééccnniiccaass ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo 
INCINERAÇÃO: 
Vantagens: 
• REDUZ 
SIGNIFICATIVAMENTE O 
VOLUME ...
Técnicas Técnicas ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo 
COMPOSTAGEM: 
Vantagens: 
• REDUZ O VOLUME DO LIXO 
• O PRODUTO...
TTééccnniiccaass ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo 
RECICLAGEM: 
Vantagens: 
• MINIMIZAÇÃO DO IMPACTO 
AMBIENTAL 
•R...
Técnicas Técnicas ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo 
A DIGNIDADE QUE 
HÁ NO LIXO: ESTAÇÃO 
RECICLAR 
Fonte: Projeto ...
TI Verde 
Incorpora a preocupação com o meio 
ambiente e a sustentabilidade
TI Verde 
• Consumo Eficiente de Energia 
• Impacto da cadeia produtiva 
• Uso e reuso de recursos naturais 
• Reciclagem ...
TI Verde 
Consumo eficiente de energia 
•Virtualização 
•Configuração para economia de energia nos 
computadores e servido...
TI Verde 
Impacto da cadeia produtiva 
•Produção de equipamentos 
•Desenvolver produtos que utilizam 
materiais menos noci...
TI Verde
TI Verde 
Uso e reuso de recursos naturais 
•Reutilizáveis 
•Reciclável 
•Maior utilização de fontes não-renováveis 
•Caso...
TI Verde 
Reciclagem de equipamentos 
•Redução dos impactos ambientais 
•Degradação do solo 
•Conservação de matérias prim...
TI Verde 
• Consumo Eficiente de Energia 
• Impacto da cadeia produtiva 
• Uso e reuso de recursos naturais 
• Reciclagem ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Sustentabilidade

180 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
180
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sustentabilidade

  1. 1. Sustentabilidade Sócio- Ambiental
  2. 2. CCoonnssuummoo ee ddeessppeerrddíícciioo A HISTÓRIA DAS COISAS Fonte: Tides Foundation Vídeo
  3. 3. CCoonncceeiittoo Meio ambiente Meio ambiente envolve todas as coisas vivas e não-vivas que ocorrem na Terra, ou em alguma região dela, que afetam os ecossistemas. Para as Nações Unidas, meio ambiente é o conjunto de componentes físicos, químicos, biológicos e sociais capazes de causar efeitos diretos ou indiretos, em um prazo curto ou longo, sobre os seres vivos e as atividades humanas.
  4. 4. CCoonncceeiittoo Meio ambiente é um conjunto de unidades ecológicas que funcionam como um sistema natural, e incluem toda a vegetação, animais, micro-organismos, solo, rochas, atmosfera e fenômenos naturais que podem ocorrer em seus limites. No Brasil existe a PNMA, que é a Política Nacional do Meio Ambiente. A PNMA define meio ambiente como o conjunto de condições, leis, influências e interações de ordem física, química e biológica, que permite, abriga e rege a vida em todas as suas formas.
  5. 5. 1987 DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RELATÓRIO BRUNDTLAND “Desenvolvimento sustentável é desenvolvimento que satisfaz as necessidades do presente sem comprometer a capacidade de as futuras gerações satisfazerem as suas próprias necessidades” 1973 ECODESENVOLVIMENTO SATISFAÇÃO DE NECESSIDADES BÁSICAS; SOLIDARIEDADE COM GERAÇÕES FUTURAS; PARTICIPAÇÃO DA POPULAÇÃO ENVOLVIDA; PRESERVAÇÃO AMBIENTAL; ELABORAÇÃO DE SISTEMA SOCIO-CULTURAL; PROGRAMAS DE EDUCAÇÃO. 1972 Estocolmo Clube de Roma – “limites do crescimento” 2004 SUSTENTABILIDADE= “Desenvolvimento socialmente includente, ambientalmente sustentável e economicamente sustentado”. SACHS.
  6. 6. Questões Ambientais da Questões Ambientais da Atualidade Atualidade RESÍDUOS SÓLIDOS ÁGUA PRESERVAÇÃO DOS ECOSSISTEMAS
  7. 7. AA QQuueessttããoo ddooss RReessíídduuooss SSóólliiddooss No MUNDO: Entre lixo domiciliar e comercial são produzidas, por dia, 2 milhões de toneladas, o que equivale a 700 gr por habitante de áreas urbanas. No BRASIL: produz de 125 a 130 mil toneladas/dia de lixo, resultando em 45 milhões de toneladas por ano. O Brasil, que concentra 3% da população mundial, é responsável por 6,5% da produção de lixo no mundo. Somente 11% vai para aterros adequados. Nas EMPRESAS: A nova Política Nacional de Resíduos Sólidos (2010) institui prazo para as empresas se adequarem quanto à: Responsabilidade compartilhada, logística reversa, coleta seletiva, classificação de resíduos e atualização de cadastro.
  8. 8. O BÁSICO: LIXO NO LUGAR O BÁSICO: LIXO NO LUGAR CERTO CERTO
  9. 9. SENÃO... LIXO NO LUGAR SENÃO... LIXO NO LUGAR ERRADO ERRADO
  10. 10. SENÃO... LIXO NO LUGAR SENÃO... LIXO NO LUGAR ERRADO ERRADO
  11. 11. SENÃO... LIXO NO LUGAR SENÃO... LIXO NO LUGAR ERRADO ERRADO
  12. 12. CLASSIFICAÇÃO CLASSIFICAÇÃO DDOOSS RREESSÍÍDDUUOOSS RReessíídduuooss Classe I PERIGOSOS Classe I PERIGOSOS Classe II NÃO-PERIGOSOS Classe II NÃO-PERIGOSOS INERTES NÃO-INERTES
  13. 13. eduzir eutilizar eciclar ecusar efletir Você realmente precisa? Os materiais precisam ser descartados? Este material pode ser transformado? Existe alternativa melhor? PPeennssee,, pprraattiiqquuee,, mmuullttiipplliiqquuee
  14. 14. AA QQuueessttããoo ddaa ÁÁGGUUAA No MUNDO: Estudiosos prevêem que em breve a água será causa principal de conflitos entre nações. Atualmente, mais de um bilhão de pessoas já não têm acesso a água para suprir suas necessidades básicas. No ritmo de uso e do crescimento populacional, nos próximos 30 anos, a quantidade de água disponível por pessoa estará reduzida a 20% do que temos hoje No BRASIL: Possui 12% de toda água doce disponível no mundo. Mais de 80% desta água encontra-se na Amazônia. Também está entre os que mais desperdiçam, 40% da água apropriada ao consumo humano é desperdiçado. O índice recomendado pela ONU é de até 20%. Nas EMPRESAS: Iniciativas de reuso da água tem sido incentivadas em todo o país. Existem estados que monitoram os efluentes das indústrias e o valor cobrado é proporcional ao consumo e a qualidade de retorno da água.
  15. 15. AA QQuueessttããoo ddaa ÁÁGGUUAA A superfície da Terra é dominada, em 75%, pelas águas. Porém, deste volume somente 2,7% é de água doce e nem toda ela está disponível. Fonte: www.rededasaguas.org.br
  16. 16. AA QQuueessttããoo ddaa ÁÁGGUUAA  A água permanece constante na natureza, através de um perfeito CICLO HIDROLÓGICO  Neste instante milhares de gotas d’água estão percorrendo a Terra, o Brasil, sua cidade e o seu corpo...
  17. 17. AA QQuueessttããoo ddaa ÁÁGGUUAA  Doenças relacionadas à água estão entre as causas mais comuns de morte no mundo e afetam especialmente países em desenvolvimento.  Mais de 2,2 milhões de pessoas morrem anualmente devido ao consumo de água contaminada e à falta de saneamento. As crianças com até cinco anos são as mais afetadas.  Os rios asiáticos são os mais poluídos do mundo, e metade da população nos países pobres está exposta a água
  18. 18. A Questão da A Questão da PPrreesseerrvvaaççããoo AAmmbbiieennttaall No MUNDO: Já foram destruídas mais da metade das matas nativas de todo planeta. O mundo está longe de cumprir as metas estabelecidas para a conservação da Biodiversidade. Apenas 13% da superfície global encontra-se áreas com alguma proteção ambiental. No BRASIL: Houve destaque nesta área uma vez que, o país é responsável pela criação de 74% do total de áreas protegidas criadas no mundo desde 2003. Há conflitos e escassez de recursos humanos e financeiros para sua gestão e dentre os principais desafios está o avanço da agricultura insustentável. Nas EMPRESAS: O engajamento das empresas brasileiras cresceu nos últimos anos, notadamente nos segmentos de energia, mineração, agronegócios e reflorestamento. Percebemos a aplicação de instrumentos de comunicação socioambiental e monitoramento de sua cadeia de valor, inclusive por incentivos fiscais e econômicos.
  19. 19. OO BBIIOOMMAA CCEERRRRAADDOO  O Cerrado é considerado a mais diversificada savana tropical do mundo.  O número de espécies vegetais supera 6.000. A riqueza de espécies de peixes, aves, mamíferos, répteis, anfíbios e invertebrados é igualmente grande, ocorrendo a metade das espécies de aves, 45% dos peixes, 40% dos mamíferos e 38% dos répteis com relação ao Brasil.  Estima-se que nada menos do que 320 mil espécies ocorram no Cerrado.  Esse valor representa cerca de 30% de tudo o que existe no Brasil, pelo menos, segundo as estimativas realizadas. Portanto, a biodiversidade do Cerrado é elevada, mas geralmente menosprezada.
  20. 20. A Questão da A Questão da PPrreesseerrvvaaççããoo AAmmbbiieennttaall Cerrado, segundo maior bioma encontrado no Brasil, bastante ameaçado pela monocultura intensiva e investimentos industriais e de infraestrutura sem adequado planejamento.
  21. 21. OO qquuee éé SSuusstteennttaabbiilliiddaaddee?? Social Ambiental Econômica
  22. 22. SSUUSSTTEENNTTAABBIILLIIDD AADDEE EDUCAÇÃO AMBIENTAL RESPONSABILIDADE SOCIAL LICENCIAMENTO AMBIENTAL CERTIFICAÇÕES (ISO 14000, 26000...) QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL GESTÃO DE RESÍDUOS
  23. 23. DDeesseennvvoollvviimmeennttoo DDEESSEENNVVOOLLVVIIMMEENNTTOO QUALIDADE DE VIDA
  24. 24. DDeesseennvvoollvviimmeennttoo  Envolve um amplo conjunto de experiências, situações e percepções individuais e sociais  Complexo. Difícil medição. NNUUTTRRIIÇÇÃÃOO HHAABBIITTAAÇÇÃÃOO CCUULLTTUURRAA,, EESSPPOORRTTEE EE LLAAZZEERR QQUUAALLIIDDAADDEE DDEE VVIIDDAA TTRRAANNSSPPOORRTTEE AAMMBBIIEENNTTEE VVIIDDAA SSOOCCIIAALL TTRRAABBAALLHHOO EE RREENNDDAA SSAAÚÚDDEE EEDDUUCCAAÇÇÃÃOO
  25. 25. DDeesseennvvoollvviimmeennttoo  Produção de riquezas que ocorre em uma determinada sociedade, em um determinado período de tempo  Medido por indicadores  Riscos para o desenvolvimento (PNUD, 1996):  CRESCIMENTO SEM EMPREGOS – não às oportunidades  CRESCIMENTO IMPLACÁVEL – não às transformações  CRESCIMENTO SEM VOZ – não à democracia  CRESCIMENTO DESENRAIZADO – não à identidade  CRESCIMENTO SEM FUTURO – não à sustentabilidade
  26. 26. DDeesseennvvoollvviimmeennttoo Um real desenvolvimento deve considerar o aumento e distribuição equitativa das riquezas e graus crescentes de bem estar da população, medidos por um acesso adequado aos recursos que precisam para viver uma vida melhor: água, saúde, educação, infra-estrutura, ambiente limpo e seguro, casa/terra, crédito, assim como outros elementos vitais, subjetivos e que dependem da percepção de cada sociedade
  27. 27. Conceitos Conceitos ddee DDeesseennvvoollvviimmeennttoo social organizacional DESENVOLVIMENTO econômico local sustentável comunitário
  28. 28. Ambiente e Estilos de Desenvolvimento Ambiente e Estilos de Desenvolvimento  Vivemos uma época de requestionamento de valores por uma sociedade à procura de novos referenciais ideológicos para problemas que parecem insolúveis, apesar dos progressos espetaculares do crescimento material.  DEGRADAÇÃO DE VALORES;  MAL-ESTAR DA JUVENTUDE;  PERSISTÊNCIA DA MISÉRIA;  AGRESSÃO AO MEIO AMBIENTE;  FRUSTRAÇÃO DOS PAÍSES “EM DESENVOLVIMENTO”. O ATUAL MODELO ECONÔMICO PAUTADO PELO MILAGRE DO CRESCIMENTO, DA CIÊNCIA E DA TECNOLOGIA É INSUSTENTÁVEL
  29. 29. Ambiente e Estilos de Desenvolvimento Ambiente e Estilos de Desenvolvimento  Transformações são necessárias... e URGENTES!  Repetir o mesmo caminho de consumo e produção praticado pelos países “desenvolvidos” é impraticável.
  30. 30. Ambiente e Estilos de Desenvolvimento Ambiente e Estilos de Desenvolvimento REPETIÇÃO DE MODELOS OU CONSTRUÇÃO DE NOVOS PARADIGMAS
  31. 31. Ambiente e Estilos de Desenvolvimento Ambiente e Estilos de Desenvolvimento Uma nova articulação deve ser criada entre as ciências do homem e as ciências naturais, a fim de apreender a interação dos processos naturais e sociais, nos quais o homem é simultaneamente sujeito e objeto.
  32. 32. PPrriinnccííppiioo ddaa PPrreeccaauuççããoo  Na Conferência RIO 92 foi proposto formalmente o Princípio da Precaução  O Princípio da Precaução é a garantia contra os riscos potenciais que, de acordo com o estado atual do conhecimento, não podem ser ainda identificados. Este Princípio afirma que a ausência da certeza científica formal, a existência de um risco de um dano sério ou irreversível requer a implementação de medidas que possam prever este dano.
  33. 33. JJuussttiiççaa AAmmbbiieennttaall DEGRADAÇÃO AMBIENTAL CUSTOS SOCIAIS Agente Responsável=Público atingido
  34. 34. JJuussttiiççaa AAmmbbiieennttaall RAZÃO UTILITÁRIA Modernização ecológica RAZÃO CULTURAL “Conflitos ambientais” Afirmação do mercado Progresso técnico Consenso político Superação de desigualdades Transferência de custos do desenvolvimento Diferencial de mobilidade Os riscos ambientais são diferenciados e desigualmente distribuídos, dada a diferente capacidade dos grupos sociais escaparem aos efeitos das fontes de tais riscos.
  35. 35. OO hhoommeemm ee oo sseeuu nniicchhoo NICHO: Papel ecológico de uma espécie numa comunidade  Espaço multidimensional cujas coordenadas são os vários parâmetros que constituem a condição da existência da espécie  Gama total de condições sobre as quais o indivíduo ou a população vive e se reproduz.
  36. 36. OO hhoommeemm ee oo sseeuu nniicchhoo ESPÉCIE COMPETIDORA AAcchhaattiinnaa FFuulliiccaa ““TTiiccoo-- ttiiccoo”” MMeeggaalloobbuulliimmuuss oobblloonngguuss ““TTiiêê ssaanngguuee”” x x
  37. 37. OO hhoommeemm ee oo sseeuu nniicchhoo ESPÉCIE COMPETIDORA HOMEM x LIXO!
  38. 38. OO hhoommeemm ee oo sseeuu nniicchhoo EVOLUÇÃO .... SAPIENS SAPIENS?
  39. 39. TTééccnniiccaass ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo ATERRO SANITÁRIO: Vantagens: • TÉNICA AMBIENTALMENTE CONFIÁVEL • BAIXO CUSTO OPERACIONAL Desvantagens: • COMPROMETIMENTO FÍSICO DE ÁREAS EXTENSAS • PODE TRASNFORMAR-SE EM UM FOCO E DIFUNDIR TODO TIPO DE ORGANISMOS PATOGÊNICOS • EXPLORADA ISOLADAMENTE NÃO HÁ RECICLAGEM DE VÁRIOS MATERIAIS DE INTERESSE
  40. 40. TTééccnniiccaass ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo
  41. 41. TTééccnniiccaass ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo INCINERAÇÃO: Vantagens: • REDUZ SIGNIFICATIVAMENTE O VOLUME ORIGINAL • PRODUZ UM RESÍDUO SÓLIDO ESTÉRIL •APROPRIADO PARA LIXO HOSPITALAR •PODE-SE OBTER ENERGIA – PROCESSOS RECUPERATIVOS Desvantagens: • A HETEROGENEIDADE DE LIXO PODE TRAZER SÉRIOS PROBLEMAS AO INCINERADOR • FONTE DE POLUIÇÃO ATMOSFÉRICA • SEM SEPARAÇÃO DO LIXO, HÁ DESPERDÍCIO DE MATERIAIS REAPROVEITÁVEIS
  42. 42. Técnicas Técnicas ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo COMPOSTAGEM: Vantagens: • REDUZ O VOLUME DO LIXO • O PRODUTO FINAL PODE SER USADO COMO ADUBO E COMO COBERTURA DE ATERROS SANITÁRIOS •OBRIGATORIAMENTE HÁ UMA SEPARAÇÃO DO LIXO, PODENDO CONSTITUIR-SE UMA FONTE DE RENDA Desvantagens: • BAIXA VELOCIDADE DE PROCESSAMENTO • EMISSÃO DE GASES MAL-CHEIROSOS PARA A ATMOSFERA
  43. 43. TTééccnniiccaass ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo RECICLAGEM: Vantagens: • MINIMIZAÇÃO DO IMPACTO AMBIENTAL •REAPROVEITAMENTO DE MATERIAIS • DESENVOLVIMENTO DE HABILIDADES E NOVOS PROCESSOS EM RECUPERAÇÃO DE PAPEL, PLÁSTICO, METAIS... • ALTERNATIVAS DE TRABALHO E RENDA Desvantagens: • ACREDITAR QUE TRATA-SE DA SOLUÇÃO PARA TODOS OS PROBLEMAS AMBIENTAIS
  44. 44. Técnicas Técnicas ddee TTrraattaammeennttoo ddee LLiixxoo A DIGNIDADE QUE HÁ NO LIXO: ESTAÇÃO RECICLAR Fonte: Projeto Horizontes Vídeo
  45. 45. TI Verde Incorpora a preocupação com o meio ambiente e a sustentabilidade
  46. 46. TI Verde • Consumo Eficiente de Energia • Impacto da cadeia produtiva • Uso e reuso de recursos naturais • Reciclagem de equipamentos • Destinação final de resíduos • Vida útil das infra-estruturas de tecnologia
  47. 47. TI Verde Consumo eficiente de energia •Virtualização •Configuração para economia de energia nos computadores e servidores •Ajuste do ar-condicionado •Aquisições de equipamentos com certificados
  48. 48. TI Verde Impacto da cadeia produtiva •Produção de equipamentos •Desenvolver produtos que utilizam materiais menos nocivos
  49. 49. TI Verde
  50. 50. TI Verde Uso e reuso de recursos naturais •Reutilizáveis •Reciclável •Maior utilização de fontes não-renováveis •Caso de descarte que consumam menos energia (transformação)
  51. 51. TI Verde Reciclagem de equipamentos •Redução dos impactos ambientais •Degradação do solo •Conservação de matérias primas •Controle econômico •Geração de empregos
  52. 52. TI Verde • Consumo Eficiente de Energia • Impacto da cadeia produtiva • Uso e reuso de recursos naturais • Reciclagem de equipamentos • Destinação final de resíduos • Vida útil para as infra-estruturas de tecnologia

×