SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
Baixar para ler offline
COMO FAZER UM RELATÓRIO
Um RELATÓRIO é a explicação por escrito de uma atividade
prática, de um trabalho ou de uma experiência laboratorial.
A qualidade do relatório determina a qualidade da atividade e a
compreensão e conhecimentos que se retiraram da mesma
Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro /
http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
O RELATÓRIO descrevea atividade realizada ou experimentada e os resultadosobtidos,
assim como as ideias associadas, de modo a constituir uma compilação coerente de tudo o
que diga respeito a essa atividade.
O aspeto geral e qualidade gráfica do relatório
têm uma importância primordial.
Por isso deve evitar-se rasurar, riscar ou utilizar corretor.
Apertar a letra, diminuir o espaço entre linhas, ocupar as
margens tornará a leitura difícile a apresentação
pouco atraente.
Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro /
http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
O relatório é um instrumento de trabalho portanto
deve-se utilizar uma linguagem simples, clara e
objetiva.
A clareza do raciocínio, característica do método
científico, deverá transparecer na forma como o
relatório é escrito.
As frases utilizadas devem ser completas, para que, através da sua leitura seja
possível seguir um raciocínio lógico.
Em ciência, todas as afirmações devem ser baseadas em provas factuais e não em
opiniões não fundamentadas.
Deve ser evitado o excesso de conclusões e estas devem ser precisas e sintéticas.
As conclusões devem, igualmente, ser coerentes com a discussão dos resultados.
Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro /
http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
A divisão metodológica de um relatório em várias
secções ajuda à sua organização e escrita por parte
dos autores e, de igual modo, permite ao leitor
encontrar mais facilmente a informação que procura.
Estas diferentes partes do relatório devem ser
identificadas com subtítulos que devem ser
destacados de algum modo: sublinhado, letra maior
ou maiúscula.
O relatório de um trabalho científico deve incluir um
resumo e indicar a bibliografia. Pode ou não ter
anexos
Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro /
http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
• Capa
• Introdução
• Procedimentos
• Resultados
• Interpretação dos
resultados
• Conclusões
• Bibliografia
Deve conter a informação seguinte pela ordem indicada:
1º nome da instituição ou entidade onde a investigação foi
realizada;
2º título do trabalho (destacado com letra maior ou sublinhado). O
título deve dar uma indicação clara do assunto tratado
explicitando o problema resolvido. (Na maioria das vezes pode
utilizar-se o título do procedimento experimental);
3º nome do autor e identificação do mesmo;
4º âmbito de realização do trabalho (disciplina, projeto,
unidade, módulo, etc.);
5º local e data.
Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro /
http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
Instituição
Título
Autor(es)
Disciplina
Local e data
O relatório deve ter uma capa.
No entanto, sobretudo se for pequeno, pode dispensar uma
encadernação.
Os objetivos do trabalho, ou seja, qual é o problema a ser resolvido
devem ser indicados de modo claro e breve. Podem ser incluídos
na introdução.
Evidentemente, é quem orienta a investigação/pesquisa/estudo
que deve definir, claramente, quais são os objetivos do trabalho.
A introdução deve apresentar o tema geral e conter a informação
essencial à compreensão do trabalho.
Deve incluir uma breve explicação da matéria estudada relacionada
com a atividade.
Deve enunciar o problema de partida (aquilo que se pretende
resolver ou aprender). Pode ainda, indicar parâmetros com os
quais se pretende comparar os resultados obtidos e as previsões,
ou seja, os resultados que se esperam obter.
Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro /
http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
Deve ser resumido, mas preciso, contendo, no entanto, informação suficiente de
modo que, no caso da experiência vir a ser repetida por outrem, possam ser
obtidos resultados idênticos.
Normalmente considerado como um ponto secundário do trabalho, esta parte do
relatório é, no entanto, essencial para a compreensão da experiência a realizar.
Exemplo de relatório de experiência química:
[O procedimento experimental seguinte refere-se à purificação por recristalização (técnica
utilizada) do ácido acetilsalicílico]:
"1. Medir cerca de 50 cm3 de do solvente fornecido(água + álcool 8:1) para um erlenmeyer.
2. Dissolver uma dada porção de ácido acetilsalicílico a quente.
3. Filtrar a quente com filtro de pregas para um copo (colocar previamente o funil e papel de filtro na
estufa).
4. Deixar cristalizar por arrefecimento.
5. Filtrar a pressão reduzida de modo a separar e secar os cristais de ácido acetilsalicílico.
6.Lavar com água fria."
Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro /
http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
3.4 PROCEDIMENTO EXPERIMENTAL OU ATIVIDADE PRÁTICA
Descrição do que se observa na experiência ou atividade. Inclui o
registo e tratamento da informação, bem como os esquemas e/ou
as figuras das observações efetuadas.
[Pode chamar-se, também, Análise de Resultados, Registo e Tratamento de Resultados ou ainda Observações].
A apresentação dos resultados deve constituir uma compilação do conjunto
dos dados, resultados e observações obtido durante a atividade
experimental.
Não deve ter um carácter interpretativo, deverá limitar-se a destacar os
resultados considerados mais evidentes ou então a dar-lhes uma forma
mais compreensível, geralmente através do seu tratamento em tabelas, quadros,
esquemas ou gráficos.
Muitas vezes a apresentação dos resultados resume-se à caracterização das amostras
obtidas e/ou às observações efetuadas durante a realização do trabalho.
Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro /
http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
É a discussão dos resultados obtidos que devem ser analisados à luz
do(s) objetivo(s) pretendido(s).
Constitui uma das partes mais importantes do relatório, uma vez
que é nela que os autores evidenciam todos os conhecimentos
adquiridos.
[Também se pode chamar “Comentários Finais” ou “discussão”].
Será necessário realçar os principais resultados e comentá-los de um ponto de vista
crítico, traduzindo a opinião do autor sobre o seu interesse e qualidade.
Isso implica avaliar se estes são aceitáveis tendo em consideração os objetivos iniciais do
trabalho e aquilo que estava previsto ou estipulado, o que, por vezes, envolve uma
comparação entre os dados obtidos experimentalmente e a informação bibliográfica.
No final deve apresentar-se, claramente, a resposta ao problema enunciado na
introdução.
Os fenómenos ou resultados imprevistos devem ser aqui referidos e, sempre que
possível, interpretados.
Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro /
http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
Esta parte do relatório deve resumir as principais conclusões obtidas
no decurso do trabalho realizado. Deverão ser indicadas as
dificuldades sentidas e limitações identificadas.
Podem ser apresentadas recomendações ou propostas de decisões
a tomar em função dos resultados obtidos.
Podem também indicar-se sugestões para investigações posteriores
ou ainda, alterações ao procedimento seguido ou à técnica utilizada.
A bibliografia deve figurar no fim do relatório.
Nela devem ser apresentadas todas as referências mencionadas no texto ou
que foram usadas para fazer o Relatório.
Podem ser livros, revistas, impressos ou online, DVD, CD-ROM, etc.
Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro /
http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
3.8 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Como Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De PesquisaComo Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De Pesquisa
mauricio aquino
 
Relatorio pronto
Relatorio prontoRelatorio pronto
Relatorio pronto
Diego Moura
 
Como fazer um relatório
Como fazer um relatórioComo fazer um relatório
Como fazer um relatório
elia22
 
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escrito
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escritoComo redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escrito
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escrito
Biblioteca Escolar Ourique
 
Modelo de relatório de aula prática
Modelo de relatório de aula práticaModelo de relatório de aula prática
Modelo de relatório de aula prática
TEYSON VASCONCELOS
 

Mais procurados (20)

Como Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De PesquisaComo Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De Pesquisa
 
Como se faz uma introdução
Como se faz uma introduçãoComo se faz uma introdução
Como se faz uma introdução
 
Relatorio pronto
Relatorio prontoRelatorio pronto
Relatorio pronto
 
Slide= Normas da ABNT
 Slide= Normas da ABNT Slide= Normas da ABNT
Slide= Normas da ABNT
 
Como fazer um relatório
Como fazer um relatórioComo fazer um relatório
Como fazer um relatório
 
O RelatóRio
O RelatóRioO RelatóRio
O RelatóRio
 
Modelo de relatório de visita
Modelo de relatório de visitaModelo de relatório de visita
Modelo de relatório de visita
 
Slide sobre artigo cientifico
Slide sobre artigo cientificoSlide sobre artigo cientifico
Slide sobre artigo cientifico
 
Apresentacao Seminario
Apresentacao SeminarioApresentacao Seminario
Apresentacao Seminario
 
Slides para Apresentação acadêmica
Slides para Apresentação acadêmicaSlides para Apresentação acadêmica
Slides para Apresentação acadêmica
 
Planificação
PlanificaçãoPlanificação
Planificação
 
Modelo slide para apresentação do artigo
Modelo   slide para apresentação do artigoModelo   slide para apresentação do artigo
Modelo slide para apresentação do artigo
 
Modelo de relatorio
Modelo de relatorioModelo de relatorio
Modelo de relatorio
 
Pesquisa De Campo
Pesquisa De CampoPesquisa De Campo
Pesquisa De Campo
 
Aula tcc
Aula tccAula tcc
Aula tcc
 
Etapas da pesquisa científica
Etapas da pesquisa científicaEtapas da pesquisa científica
Etapas da pesquisa científica
 
Resenha de artigo para estudantes
Resenha de artigo para estudantesResenha de artigo para estudantes
Resenha de artigo para estudantes
 
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escrito
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escritoComo redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escrito
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escrito
 
Elaborar Um Relatorio
Elaborar Um RelatorioElaborar Um Relatorio
Elaborar Um Relatorio
 
Modelo de relatório de aula prática
Modelo de relatório de aula práticaModelo de relatório de aula prática
Modelo de relatório de aula prática
 

Semelhante a Como fazer um Relatório

Relatorio instrucoes unifesp_2013
Relatorio instrucoes unifesp_2013Relatorio instrucoes unifesp_2013
Relatorio instrucoes unifesp_2013
FRSensato
 
Como elaborar um relatório
Como elaborar um relatórioComo elaborar um relatório
Como elaborar um relatório
José Pedro
 
O que é um relatório científico (2)
O que é um relatório científico (2)O que é um relatório científico (2)
O que é um relatório científico (2)
Maria Joao Ramalho
 
Sandrogreco Modelo%20de%20relat%F3rio%20das%20aulas%20experimentais
Sandrogreco Modelo%20de%20relat%F3rio%20das%20aulas%20experimentaisSandrogreco Modelo%20de%20relat%F3rio%20das%20aulas%20experimentais
Sandrogreco Modelo%20de%20relat%F3rio%20das%20aulas%20experimentais
Profª Cristiana Passinato
 
Sandrogreco Modelo De RelatóRio Das Aulas Experimentais
Sandrogreco Modelo De RelatóRio Das Aulas ExperimentaisSandrogreco Modelo De RelatóRio Das Aulas Experimentais
Sandrogreco Modelo De RelatóRio Das Aulas Experimentais
Profª Cristiana Passinato
 
Normas para elaboração de um relatório científico
Normas para elaboração de um relatório científicoNormas para elaboração de um relatório científico
Normas para elaboração de um relatório científico
Carlos Moutinho
 
Como elaborar um relatório
Como elaborar um relatórioComo elaborar um relatório
Como elaborar um relatório
Tiago Oliveira
 
Elaboração de um relatório científico
Elaboração de um relatório científicoElaboração de um relatório científico
Elaboração de um relatório científico
Carla Martins
 

Semelhante a Como fazer um Relatório (20)

ComoElaborarUmRelatorio.pdf
ComoElaborarUmRelatorio.pdfComoElaborarUmRelatorio.pdf
ComoElaborarUmRelatorio.pdf
 
Relatorio instrucoes unifesp_2013
Relatorio instrucoes unifesp_2013Relatorio instrucoes unifesp_2013
Relatorio instrucoes unifesp_2013
 
Apostila qui 200_2013-2
Apostila qui 200_2013-2Apostila qui 200_2013-2
Apostila qui 200_2013-2
 
Como elaborar um relatório
Como elaborar um relatórioComo elaborar um relatório
Como elaborar um relatório
 
O que é um relatório científico (2)
O que é um relatório científico (2)O que é um relatório científico (2)
O que é um relatório científico (2)
 
Produção de relatório técnico
Produção de relatório técnicoProdução de relatório técnico
Produção de relatório técnico
 
Relatnormas
RelatnormasRelatnormas
Relatnormas
 
Sandrogreco Modelo%20de%20relat%F3rio%20das%20aulas%20experimentais
Sandrogreco Modelo%20de%20relat%F3rio%20das%20aulas%20experimentaisSandrogreco Modelo%20de%20relat%F3rio%20das%20aulas%20experimentais
Sandrogreco Modelo%20de%20relat%F3rio%20das%20aulas%20experimentais
 
Sandrogreco Modelo De RelatóRio Das Aulas Experimentais
Sandrogreco Modelo De RelatóRio Das Aulas ExperimentaisSandrogreco Modelo De RelatóRio Das Aulas Experimentais
Sandrogreco Modelo De RelatóRio Das Aulas Experimentais
 
Normas para elaboração de um relatório científico
Normas para elaboração de um relatório científicoNormas para elaboração de um relatório científico
Normas para elaboração de um relatório científico
 
Relatório - estrutura
Relatório - estruturaRelatório - estrutura
Relatório - estrutura
 
Como elaborar um relatório
Como elaborar um relatórioComo elaborar um relatório
Como elaborar um relatório
 
Modelo de relatório_25
Modelo de relatório_25Modelo de relatório_25
Modelo de relatório_25
 
Modelo de relatório_25
Modelo de relatório_25Modelo de relatório_25
Modelo de relatório_25
 
Relatório
RelatórioRelatório
Relatório
 
Aulas práticas-de-química-ambiental alguns-experimentos-para-a-determinação-d...
Aulas práticas-de-química-ambiental alguns-experimentos-para-a-determinação-d...Aulas práticas-de-química-ambiental alguns-experimentos-para-a-determinação-d...
Aulas práticas-de-química-ambiental alguns-experimentos-para-a-determinação-d...
 
Elaboração de um relatório científico
Elaboração de um relatório científicoElaboração de um relatório científico
Elaboração de um relatório científico
 
CONTROLADORIA PARA ALTO CUSTO NA ASSISTÊNCIA À SAÚDE
CONTROLADORIA PARA ALTO CUSTO NA ASSISTÊNCIA À SAÚDECONTROLADORIA PARA ALTO CUSTO NA ASSISTÊNCIA À SAÚDE
CONTROLADORIA PARA ALTO CUSTO NA ASSISTÊNCIA À SAÚDE
 
Modelo 21
Modelo 21Modelo 21
Modelo 21
 
Tcc exemplo-130410183157-phpapp02
Tcc exemplo-130410183157-phpapp02Tcc exemplo-130410183157-phpapp02
Tcc exemplo-130410183157-phpapp02
 

Mais de BibPFerreiro (6)

Bibliografando
BibliografandoBibliografando
Bibliografando
 
Como realizar um Trabalho Escrito
Como realizar um Trabalho EscritoComo realizar um Trabalho Escrito
Como realizar um Trabalho Escrito
 
Como realizar um Trabalho de Pesquisa
Como realizar um Trabalho de PesquisaComo realizar um Trabalho de Pesquisa
Como realizar um Trabalho de Pesquisa
 
Apresentar um trabalho em Powerpoint
Apresentar um trabalho em PowerpointApresentar um trabalho em Powerpoint
Apresentar um trabalho em Powerpoint
 
Como fazer uma entrevista
Como fazer uma entrevistaComo fazer uma entrevista
Como fazer uma entrevista
 
Regras para a realização de um trabalho escrito
Regras para a realização de um trabalho escritoRegras para a realização de um trabalho escrito
Regras para a realização de um trabalho escrito
 

Último

PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
carlaOliveira438
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
sfwsoficial
 

Último (20)

PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptxCONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptx
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docxUnidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 

Como fazer um Relatório

  • 1. COMO FAZER UM RELATÓRIO Um RELATÓRIO é a explicação por escrito de uma atividade prática, de um trabalho ou de uma experiência laboratorial. A qualidade do relatório determina a qualidade da atividade e a compreensão e conhecimentos que se retiraram da mesma Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro / http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
  • 2. O RELATÓRIO descrevea atividade realizada ou experimentada e os resultadosobtidos, assim como as ideias associadas, de modo a constituir uma compilação coerente de tudo o que diga respeito a essa atividade. O aspeto geral e qualidade gráfica do relatório têm uma importância primordial. Por isso deve evitar-se rasurar, riscar ou utilizar corretor. Apertar a letra, diminuir o espaço entre linhas, ocupar as margens tornará a leitura difícile a apresentação pouco atraente. Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro / http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
  • 3. O relatório é um instrumento de trabalho portanto deve-se utilizar uma linguagem simples, clara e objetiva. A clareza do raciocínio, característica do método científico, deverá transparecer na forma como o relatório é escrito. As frases utilizadas devem ser completas, para que, através da sua leitura seja possível seguir um raciocínio lógico. Em ciência, todas as afirmações devem ser baseadas em provas factuais e não em opiniões não fundamentadas. Deve ser evitado o excesso de conclusões e estas devem ser precisas e sintéticas. As conclusões devem, igualmente, ser coerentes com a discussão dos resultados. Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro / http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
  • 4. A divisão metodológica de um relatório em várias secções ajuda à sua organização e escrita por parte dos autores e, de igual modo, permite ao leitor encontrar mais facilmente a informação que procura. Estas diferentes partes do relatório devem ser identificadas com subtítulos que devem ser destacados de algum modo: sublinhado, letra maior ou maiúscula. O relatório de um trabalho científico deve incluir um resumo e indicar a bibliografia. Pode ou não ter anexos Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro / http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf • Capa • Introdução • Procedimentos • Resultados • Interpretação dos resultados • Conclusões • Bibliografia
  • 5. Deve conter a informação seguinte pela ordem indicada: 1º nome da instituição ou entidade onde a investigação foi realizada; 2º título do trabalho (destacado com letra maior ou sublinhado). O título deve dar uma indicação clara do assunto tratado explicitando o problema resolvido. (Na maioria das vezes pode utilizar-se o título do procedimento experimental); 3º nome do autor e identificação do mesmo; 4º âmbito de realização do trabalho (disciplina, projeto, unidade, módulo, etc.); 5º local e data. Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro / http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf Instituição Título Autor(es) Disciplina Local e data O relatório deve ter uma capa. No entanto, sobretudo se for pequeno, pode dispensar uma encadernação.
  • 6. Os objetivos do trabalho, ou seja, qual é o problema a ser resolvido devem ser indicados de modo claro e breve. Podem ser incluídos na introdução. Evidentemente, é quem orienta a investigação/pesquisa/estudo que deve definir, claramente, quais são os objetivos do trabalho. A introdução deve apresentar o tema geral e conter a informação essencial à compreensão do trabalho. Deve incluir uma breve explicação da matéria estudada relacionada com a atividade. Deve enunciar o problema de partida (aquilo que se pretende resolver ou aprender). Pode ainda, indicar parâmetros com os quais se pretende comparar os resultados obtidos e as previsões, ou seja, os resultados que se esperam obter. Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro / http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
  • 7. Deve ser resumido, mas preciso, contendo, no entanto, informação suficiente de modo que, no caso da experiência vir a ser repetida por outrem, possam ser obtidos resultados idênticos. Normalmente considerado como um ponto secundário do trabalho, esta parte do relatório é, no entanto, essencial para a compreensão da experiência a realizar. Exemplo de relatório de experiência química: [O procedimento experimental seguinte refere-se à purificação por recristalização (técnica utilizada) do ácido acetilsalicílico]: "1. Medir cerca de 50 cm3 de do solvente fornecido(água + álcool 8:1) para um erlenmeyer. 2. Dissolver uma dada porção de ácido acetilsalicílico a quente. 3. Filtrar a quente com filtro de pregas para um copo (colocar previamente o funil e papel de filtro na estufa). 4. Deixar cristalizar por arrefecimento. 5. Filtrar a pressão reduzida de modo a separar e secar os cristais de ácido acetilsalicílico. 6.Lavar com água fria." Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro / http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf 3.4 PROCEDIMENTO EXPERIMENTAL OU ATIVIDADE PRÁTICA
  • 8. Descrição do que se observa na experiência ou atividade. Inclui o registo e tratamento da informação, bem como os esquemas e/ou as figuras das observações efetuadas. [Pode chamar-se, também, Análise de Resultados, Registo e Tratamento de Resultados ou ainda Observações]. A apresentação dos resultados deve constituir uma compilação do conjunto dos dados, resultados e observações obtido durante a atividade experimental. Não deve ter um carácter interpretativo, deverá limitar-se a destacar os resultados considerados mais evidentes ou então a dar-lhes uma forma mais compreensível, geralmente através do seu tratamento em tabelas, quadros, esquemas ou gráficos. Muitas vezes a apresentação dos resultados resume-se à caracterização das amostras obtidas e/ou às observações efetuadas durante a realização do trabalho. Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro / http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
  • 9. É a discussão dos resultados obtidos que devem ser analisados à luz do(s) objetivo(s) pretendido(s). Constitui uma das partes mais importantes do relatório, uma vez que é nela que os autores evidenciam todos os conhecimentos adquiridos. [Também se pode chamar “Comentários Finais” ou “discussão”]. Será necessário realçar os principais resultados e comentá-los de um ponto de vista crítico, traduzindo a opinião do autor sobre o seu interesse e qualidade. Isso implica avaliar se estes são aceitáveis tendo em consideração os objetivos iniciais do trabalho e aquilo que estava previsto ou estipulado, o que, por vezes, envolve uma comparação entre os dados obtidos experimentalmente e a informação bibliográfica. No final deve apresentar-se, claramente, a resposta ao problema enunciado na introdução. Os fenómenos ou resultados imprevistos devem ser aqui referidos e, sempre que possível, interpretados. Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro / http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf
  • 10. Esta parte do relatório deve resumir as principais conclusões obtidas no decurso do trabalho realizado. Deverão ser indicadas as dificuldades sentidas e limitações identificadas. Podem ser apresentadas recomendações ou propostas de decisões a tomar em função dos resultados obtidos. Podem também indicar-se sugestões para investigações posteriores ou ainda, alterações ao procedimento seguido ou à técnica utilizada. A bibliografia deve figurar no fim do relatório. Nela devem ser apresentadas todas as referências mencionadas no texto ou que foram usadas para fazer o Relatório. Podem ser livros, revistas, impressos ou online, DVD, CD-ROM, etc. Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro / http://www.mat.uc.pt/~mat0228/biblioteca/ComoElaborarUmRelatorio.pdf 3.8 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS