SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 25
CRE: SANTA MARIA E GAMA
CURSO: CORREÇÃO DA DISTORÇÃO IDADE/SÉRIE - CDIS:
ESPAÇO DE EXPERIÊNCIAS NA CONSTRUÇÃO DE SABERES
PEDAGÓGICOS


PROFESSORAS CURSISTAS:
  BELISTER ROCHA PAULINO
  CLÁUDIA RIBEIRO DO NASCIMENTO
  LAIDE JANE DIAS SILVA
  SIMONE DE JESUS CAMPOS


DOCENTES:
  ADRIANA SANTOS DE OLIVEIRA
  LAÉCIA MARIA DE ARAÚJO GONÇALVES
               SÉRIE: CDIS/ ANOS INICIAIS
APRESENTAÇÃO

     De acordo com as atividades pedagógicas
sugeridas e as experiências compartilhadas
pelas docentes e colegas no decorrer do
curso, procurou-se elaborar um projeto que
estivesse de acordo com o perfil das turmas
de     CDIS/Anos   Iniciais   atendidas   pelos
profissionais das CREs de Santa Maria e
Gama, que participam do curso no Gama no
turno matutino.
Diante da diversidade de temas optou-se
pela          abordagem             afrodescendente,
acreditando na importância e relevância das
questões relacionadas ao tema dentro do
contexto educacional e na contribuição deste
estudo    para        o       desenvolvimento      da
aprendizagem          dos      alunos    de     forma
consciente      diante        das    implicações    e
influências     que       a   temática   do     negro
apresenta.
JUSTIFICATIVA

   A Lei 10.639/03, complementada pela Lei 11.645/08,
estabelece a obrigatoriedade do ensino da história e
cultura afro-brasileira, africana e indígena na educação do
ensino fundamental e médio.

   As políticas de ações afirmativas expressas na LDB e
nas leis citadas acima contribuem para que o caminho seja
traçado de forma a se executar um trabalho contra o
racismo e a injustiça social, levando estudantes e
professores a saírem do nível da tolerância para chegarem
ao nível da valorização da cultura afrodescendente.
A SEDF no documento Orientações Iniciais para a Correção da
Distorção Idade/Série do Ensino Fundamental do corrente ano dispõe,
dentre outras coisas:

• Sobre a organização do trabalho pedagógico e

• As metodologias de ensino para essas turmas.

Com     isso,   o   trabalho   pedagógico   deve   acontecer   de   forma
diferenciada no espaço e no tempo e com ações pautadas em
experiências conjuntas que apontem caminhos para a ação pedagógica
dentro da sala de aula.

As metodologias devem ser construídas de forma participativa
proporcionando interdisciplinaridade que permita que as experiências
dos professores e alunos possam ser inseridas no cotidiano da sala de
aula.
OBJETIVO GERAL



Valorizar   a   contribuição   africana   na
formação da cultura do povo brasileiro.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
•      Desenvolver conceitos dos valores
civilizatórios afrodescendentes.
•      Respeitar as diferenças.
•      Valorizar a herança cultural dos negros
africanos.
•      Identificar representantes negros brasileiros
que se destacaram em diversas áreas e profissões.
•      Identificar contos e histórias de origem
africana.
•      Desenvolvimento do conceito de igualdade
racial.
•      Reconhecer-se como um afrodescendente.
•      Resgatar a memória histórica do povo negro.
•      Recuperar valores artísticos e religiosos.
•      Destacar a beleza negra.
ATIVIDADES
  Valorização do eu: Utilizar espelho para autodescrição;
  Autorretrato; Músicas; Ficha de identificação;
  Quando penso em África penso em...: Colar as palavras
  resultantes no mapa da África.
  Regate da memória: Trazer de casa objetos com
  identidade africana pra exposição em sala; Relicário da
  Família.
• Pinturas rupestres
• Confecção de mapas do Brasil e da África decorados
  com sucatas, grãos, folhas, areia, tinta etc.
• Capoeira
• Desfile de trajes africanos.
Confecção de máscaras utilizando diversos materiais.

Confecção da boneca Abayomi com pedaços de tecidos.

Histórias e contos africanos: Leitura, dramatização e desenhos de
contos africanos; Vídeos; Comidas; Músicas.

Provérbios africanos: Os alunos podem pesquisar alguns e
conhecer outros que o professor apresentar.

Palavras de origem africana: Pesquisa de palavras do vocabulário
cotidiano que fazem parte da cultura africana.


Quilombo e Zumbi - Consciência Negra: Pesquisa e/ ou estudo
sobre a formação de quilombos como forma de resistência dos
negros aos abusos dos senhores de escravo.
RESULTADOS ESPERADOS


• A aprendizagem deve se desenvolver de
  forma interdisciplinar e de acordo com as
  experiências e conhecimentos construídos
  com as atividades sugeridas e especificadas
  no projeto.
• Espera-se que as turmas nas quais o projeto
  seja desenvolvido possam adquirir respeito
  às questões raciais e valorização da cultura
  da qual fazem parte e estão ajudando a
  construir.
• As pequenas ações de combate ao
  racismo e ao preconceito, deste modo,
  podem se constituir em grandes passos
  no caminho da superação e da
  valorização da cultura afro-brasileira.
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Orientações Iniciais para Correção da Distorção Idade/Série do
Ensino Fundamental da Rede Pública de Ensino - Governo do
Distrito Federal- Secretaria de Estado de Educação – 2012


______. Saberes e Fazeres,
v.1: Modos de Ver.
v.2: Modos de Sentir.
v.3: Modos de Interagir.
v.4: Modos de Fazer
v.5: Modos de Brincar.
Coordenação do Projeto: Ana Paula Brandão. – Rio de Janeiro:
Fundação Roberto Marinho, 2006 (A Cor da Cultura).
A cultura afro-brasileira foi historicamente marcada
como inferior e relegou seus representantes a uma vida
de luta e combate às injustiças, desigualdades e
exclusões resultantes do preconceito e do descrédito
no potencial de uma raça.

    Talvez um dia possamos ouvir que a história mudou
e que em todos os lugares se reconheça a existência de
uma só raça, a raça humana.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Projeto Diversidade Cultural - Prof. Iria Rejane
Projeto Diversidade Cultural - Prof. Iria RejaneProjeto Diversidade Cultural - Prof. Iria Rejane
Projeto Diversidade Cultural - Prof. Iria RejaneAlexandre da Rosa
 
Culinária afro-brasileira
Culinária afro-brasileiraCulinária afro-brasileira
Culinária afro-brasileiraMary Alvarenga
 
Didática Projeto Diversidade
Didática Projeto DiversidadeDidática Projeto Diversidade
Didática Projeto Diversidadejuliana_rebelo
 
Projeto afrodescendente
Projeto afrodescendenteProjeto afrodescendente
Projeto afrodescendentenogcaritas
 
Projeto contra racismo na escola
Projeto contra racismo na escolaProjeto contra racismo na escola
Projeto contra racismo na escolanivalda
 
Projeto diversidade cultural na educação infantil
Projeto diversidade cultural na educação infantilProjeto diversidade cultural na educação infantil
Projeto diversidade cultural na educação infantilCecília Alcântara
 
Culinária afro brasileira
Culinária afro brasileiraCulinária afro brasileira
Culinária afro brasileirapratesclaudio
 
Brinquedos e brincadeiras de crianças africanas
Brinquedos e brincadeiras de crianças africanasBrinquedos e brincadeiras de crianças africanas
Brinquedos e brincadeiras de crianças africanasPerseu Silva
 
Cultura Afro Brasileira
Cultura Afro   BrasileiraCultura Afro   Brasileira
Cultura Afro Brasileiramartinsramon
 
Projeto consciência negra
Projeto consciência negraProjeto consciência negra
Projeto consciência negravaniaabatista
 
Plano De Aula Eja 09.12 Bahia
Plano De Aula Eja 09.12 BahiaPlano De Aula Eja 09.12 Bahia
Plano De Aula Eja 09.12 Bahiamarcusbrandao1
 
Projeto consciência negra 2012
Projeto consciência negra 2012Projeto consciência negra 2012
Projeto consciência negra 2012vaniamariaazevedo
 
Cultura Africana e suas influências no Brasil
Cultura Africana e suas influências no BrasilCultura Africana e suas influências no Brasil
Cultura Africana e suas influências no BrasilBruna Medeiros
 
Projeto interdisciplinar
Projeto interdisciplinarProjeto interdisciplinar
Projeto interdisciplinarkarinacancado
 
Aula patrimônio cultural
Aula patrimônio culturalAula patrimônio cultural
Aula patrimônio culturalCurso Letrados
 

Mais procurados (20)

Projeto Diversidade Cultural - Prof. Iria Rejane
Projeto Diversidade Cultural - Prof. Iria RejaneProjeto Diversidade Cultural - Prof. Iria Rejane
Projeto Diversidade Cultural - Prof. Iria Rejane
 
Culinária afro-brasileira
Culinária afro-brasileiraCulinária afro-brasileira
Culinária afro-brasileira
 
Didática Projeto Diversidade
Didática Projeto DiversidadeDidática Projeto Diversidade
Didática Projeto Diversidade
 
Projeto consciência negra powerpoint
Projeto consciência negra powerpointProjeto consciência negra powerpoint
Projeto consciência negra powerpoint
 
Projeto afrodescendente
Projeto afrodescendenteProjeto afrodescendente
Projeto afrodescendente
 
Projeto contra racismo na escola
Projeto contra racismo na escolaProjeto contra racismo na escola
Projeto contra racismo na escola
 
Projeto diversidade cultural na educação infantil
Projeto diversidade cultural na educação infantilProjeto diversidade cultural na educação infantil
Projeto diversidade cultural na educação infantil
 
Culinária afro brasileira
Culinária afro brasileiraCulinária afro brasileira
Culinária afro brasileira
 
Projeto feira de cultura
Projeto feira de culturaProjeto feira de cultura
Projeto feira de cultura
 
Projeto educação infantil etnico racial
Projeto educação infantil etnico racialProjeto educação infantil etnico racial
Projeto educação infantil etnico racial
 
Brinquedos e brincadeiras de crianças africanas
Brinquedos e brincadeiras de crianças africanasBrinquedos e brincadeiras de crianças africanas
Brinquedos e brincadeiras de crianças africanas
 
Cultura Afro Brasileira
Cultura Afro   BrasileiraCultura Afro   Brasileira
Cultura Afro Brasileira
 
Projeto consciência negra
Projeto consciência negraProjeto consciência negra
Projeto consciência negra
 
Plano De Aula Eja 09.12 Bahia
Plano De Aula Eja 09.12 BahiaPlano De Aula Eja 09.12 Bahia
Plano De Aula Eja 09.12 Bahia
 
Guia da eletiva africanidade
Guia da  eletiva africanidadeGuia da  eletiva africanidade
Guia da eletiva africanidade
 
Projeto consciência negra 2012
Projeto consciência negra 2012Projeto consciência negra 2012
Projeto consciência negra 2012
 
Cultura Africana e suas influências no Brasil
Cultura Africana e suas influências no BrasilCultura Africana e suas influências no Brasil
Cultura Africana e suas influências no Brasil
 
Diversidade Cultural Brasileira
Diversidade Cultural BrasileiraDiversidade Cultural Brasileira
Diversidade Cultural Brasileira
 
Projeto interdisciplinar
Projeto interdisciplinarProjeto interdisciplinar
Projeto interdisciplinar
 
Aula patrimônio cultural
Aula patrimônio culturalAula patrimônio cultural
Aula patrimônio cultural
 

Semelhante a Valorizando a cultura afro-brasileira

Projetodiversidade 131103135555-phpapp02
Projetodiversidade 131103135555-phpapp02Projetodiversidade 131103135555-phpapp02
Projetodiversidade 131103135555-phpapp02maluryan
 
Projeto diversidade
Projeto diversidadeProjeto diversidade
Projeto diversidadeMarly Correa
 
LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das relações étnicos raciais no...
 LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das  relações  étnicos raciais no... LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das  relações  étnicos raciais no...
LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das relações étnicos raciais no...Sonia Augusta Sonia
 
A Cor da Cultura - Ações interventivas
A Cor da Cultura - Ações interventivasA Cor da Cultura - Ações interventivas
A Cor da Cultura - Ações interventivasBelister
 
Projeto Pérola negra
Projeto Pérola negraProjeto Pérola negra
Projeto Pérola negranogcaritas
 
CIÊNCIAS E AFRICANIDADES: IMPLEMENTAÇÃO DA LEI 10.639 ATRAVÉS DA FORMAÇÃO DE ...
CIÊNCIAS E AFRICANIDADES: IMPLEMENTAÇÃO DA LEI 10.639 ATRAVÉS DA FORMAÇÃO DE ...CIÊNCIAS E AFRICANIDADES: IMPLEMENTAÇÃO DA LEI 10.639 ATRAVÉS DA FORMAÇÃO DE ...
CIÊNCIAS E AFRICANIDADES: IMPLEMENTAÇÃO DA LEI 10.639 ATRAVÉS DA FORMAÇÃO DE ...Linconly Jesus
 
Aula prova didática IFTO- Greice
Aula prova didática IFTO- GreiceAula prova didática IFTO- Greice
Aula prova didática IFTO- GreiceGreice Mesquita
 
PROJETO INTERDISCIPLINAR MAMA ÁFRICA: reconhecimento e valorização da influên...
PROJETO INTERDISCIPLINAR MAMA ÁFRICA: reconhecimento e valorização da influên...PROJETO INTERDISCIPLINAR MAMA ÁFRICA: reconhecimento e valorização da influên...
PROJETO INTERDISCIPLINAR MAMA ÁFRICA: reconhecimento e valorização da influên...PIBID-H
 
Há cor na educação
Há cor na educaçãoHá cor na educação
Há cor na educaçãoJuciara Brito
 
FORMAÇÃO DOCENTE PARA O ENSINO DE HISTÓRIA DA ÁFRICA E CULTURA AFRO-BRASILEIRA
FORMAÇÃO DOCENTE PARA O ENSINO DE HISTÓRIA DA ÁFRICA E CULTURA AFRO-BRASILEIRAFORMAÇÃO DOCENTE PARA O ENSINO DE HISTÓRIA DA ÁFRICA E CULTURA AFRO-BRASILEIRA
FORMAÇÃO DOCENTE PARA O ENSINO DE HISTÓRIA DA ÁFRICA E CULTURA AFRO-BRASILEIRABárbara Dourado
 
Banner a-cor-da-cultura2
Banner a-cor-da-cultura2Banner a-cor-da-cultura2
Banner a-cor-da-cultura2Marilene
 
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etnias
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etniasBicastiradentes pluralidadeculturalii etnias
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etniastemastransversais
 
Projeto consciência negra 2012
Projeto consciência negra 2012Projeto consciência negra 2012
Projeto consciência negra 2012vaniamariaazevedo
 
cultura afro-brasileira
cultura afro-brasileiracultura afro-brasileira
cultura afro-brasileiraculturaafro
 

Semelhante a Valorizando a cultura afro-brasileira (20)

Projetodiversidade 131103135555-phpapp02
Projetodiversidade 131103135555-phpapp02Projetodiversidade 131103135555-phpapp02
Projetodiversidade 131103135555-phpapp02
 
Projeto diversidade
Projeto diversidadeProjeto diversidade
Projeto diversidade
 
LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das relações étnicos raciais no...
 LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das  relações  étnicos raciais no... LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das  relações  étnicos raciais no...
LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das relações étnicos raciais no...
 
A Cor da Cultura - Ações interventivas
A Cor da Cultura - Ações interventivasA Cor da Cultura - Ações interventivas
A Cor da Cultura - Ações interventivas
 
Apresentação2.pptx
Apresentação2.pptxApresentação2.pptx
Apresentação2.pptx
 
A cor da cultura
A cor da cultura A cor da cultura
A cor da cultura
 
Projeto Pérola negra
Projeto Pérola negraProjeto Pérola negra
Projeto Pérola negra
 
CIÊNCIAS E AFRICANIDADES: IMPLEMENTAÇÃO DA LEI 10.639 ATRAVÉS DA FORMAÇÃO DE ...
CIÊNCIAS E AFRICANIDADES: IMPLEMENTAÇÃO DA LEI 10.639 ATRAVÉS DA FORMAÇÃO DE ...CIÊNCIAS E AFRICANIDADES: IMPLEMENTAÇÃO DA LEI 10.639 ATRAVÉS DA FORMAÇÃO DE ...
CIÊNCIAS E AFRICANIDADES: IMPLEMENTAÇÃO DA LEI 10.639 ATRAVÉS DA FORMAÇÃO DE ...
 
Projeto Afro 2023.doc
Projeto Afro 2023.docProjeto Afro 2023.doc
Projeto Afro 2023.doc
 
Aula prova didática IFTO- Greice
Aula prova didática IFTO- GreiceAula prova didática IFTO- Greice
Aula prova didática IFTO- Greice
 
PROJETO INTERDISCIPLINAR MAMA ÁFRICA: reconhecimento e valorização da influên...
PROJETO INTERDISCIPLINAR MAMA ÁFRICA: reconhecimento e valorização da influên...PROJETO INTERDISCIPLINAR MAMA ÁFRICA: reconhecimento e valorização da influên...
PROJETO INTERDISCIPLINAR MAMA ÁFRICA: reconhecimento e valorização da influên...
 
Tema
TemaTema
Tema
 
Há cor na educação
Há cor na educaçãoHá cor na educação
Há cor na educação
 
FORMAÇÃO DOCENTE PARA O ENSINO DE HISTÓRIA DA ÁFRICA E CULTURA AFRO-BRASILEIRA
FORMAÇÃO DOCENTE PARA O ENSINO DE HISTÓRIA DA ÁFRICA E CULTURA AFRO-BRASILEIRAFORMAÇÃO DOCENTE PARA O ENSINO DE HISTÓRIA DA ÁFRICA E CULTURA AFRO-BRASILEIRA
FORMAÇÃO DOCENTE PARA O ENSINO DE HISTÓRIA DA ÁFRICA E CULTURA AFRO-BRASILEIRA
 
Banner a-cor-da-cultura2
Banner a-cor-da-cultura2Banner a-cor-da-cultura2
Banner a-cor-da-cultura2
 
K apresentação lei 10639 03 3 versao
K apresentação lei 10639 03  3 versaoK apresentação lei 10639 03  3 versao
K apresentação lei 10639 03 3 versao
 
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etnias
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etniasBicastiradentes pluralidadeculturalii etnias
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etnias
 
Africanidades brasileiras
Africanidades brasileirasAfricanidades brasileiras
Africanidades brasileiras
 
Projeto consciência negra 2012
Projeto consciência negra 2012Projeto consciência negra 2012
Projeto consciência negra 2012
 
cultura afro-brasileira
cultura afro-brasileiracultura afro-brasileira
cultura afro-brasileira
 

Último

Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfEyshilaKelly1
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 anoAdelmaTorres2
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 

Último (20)

treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 

Valorizando a cultura afro-brasileira

  • 1. CRE: SANTA MARIA E GAMA CURSO: CORREÇÃO DA DISTORÇÃO IDADE/SÉRIE - CDIS: ESPAÇO DE EXPERIÊNCIAS NA CONSTRUÇÃO DE SABERES PEDAGÓGICOS PROFESSORAS CURSISTAS: BELISTER ROCHA PAULINO CLÁUDIA RIBEIRO DO NASCIMENTO LAIDE JANE DIAS SILVA SIMONE DE JESUS CAMPOS DOCENTES: ADRIANA SANTOS DE OLIVEIRA LAÉCIA MARIA DE ARAÚJO GONÇALVES SÉRIE: CDIS/ ANOS INICIAIS
  • 2.
  • 3. APRESENTAÇÃO De acordo com as atividades pedagógicas sugeridas e as experiências compartilhadas pelas docentes e colegas no decorrer do curso, procurou-se elaborar um projeto que estivesse de acordo com o perfil das turmas de CDIS/Anos Iniciais atendidas pelos profissionais das CREs de Santa Maria e Gama, que participam do curso no Gama no turno matutino.
  • 4. Diante da diversidade de temas optou-se pela abordagem afrodescendente, acreditando na importância e relevância das questões relacionadas ao tema dentro do contexto educacional e na contribuição deste estudo para o desenvolvimento da aprendizagem dos alunos de forma consciente diante das implicações e influências que a temática do negro apresenta.
  • 5. JUSTIFICATIVA A Lei 10.639/03, complementada pela Lei 11.645/08, estabelece a obrigatoriedade do ensino da história e cultura afro-brasileira, africana e indígena na educação do ensino fundamental e médio. As políticas de ações afirmativas expressas na LDB e nas leis citadas acima contribuem para que o caminho seja traçado de forma a se executar um trabalho contra o racismo e a injustiça social, levando estudantes e professores a saírem do nível da tolerância para chegarem ao nível da valorização da cultura afrodescendente.
  • 6. A SEDF no documento Orientações Iniciais para a Correção da Distorção Idade/Série do Ensino Fundamental do corrente ano dispõe, dentre outras coisas: • Sobre a organização do trabalho pedagógico e • As metodologias de ensino para essas turmas. Com isso, o trabalho pedagógico deve acontecer de forma diferenciada no espaço e no tempo e com ações pautadas em experiências conjuntas que apontem caminhos para a ação pedagógica dentro da sala de aula. As metodologias devem ser construídas de forma participativa proporcionando interdisciplinaridade que permita que as experiências dos professores e alunos possam ser inseridas no cotidiano da sala de aula.
  • 7. OBJETIVO GERAL Valorizar a contribuição africana na formação da cultura do povo brasileiro.
  • 8. OBJETIVOS ESPECÍFICOS • Desenvolver conceitos dos valores civilizatórios afrodescendentes. • Respeitar as diferenças. • Valorizar a herança cultural dos negros africanos. • Identificar representantes negros brasileiros que se destacaram em diversas áreas e profissões. • Identificar contos e histórias de origem africana. • Desenvolvimento do conceito de igualdade racial. • Reconhecer-se como um afrodescendente. • Resgatar a memória histórica do povo negro. • Recuperar valores artísticos e religiosos. • Destacar a beleza negra.
  • 9. ATIVIDADES Valorização do eu: Utilizar espelho para autodescrição; Autorretrato; Músicas; Ficha de identificação; Quando penso em África penso em...: Colar as palavras resultantes no mapa da África. Regate da memória: Trazer de casa objetos com identidade africana pra exposição em sala; Relicário da Família. • Pinturas rupestres • Confecção de mapas do Brasil e da África decorados com sucatas, grãos, folhas, areia, tinta etc. • Capoeira • Desfile de trajes africanos.
  • 10. Confecção de máscaras utilizando diversos materiais. Confecção da boneca Abayomi com pedaços de tecidos. Histórias e contos africanos: Leitura, dramatização e desenhos de contos africanos; Vídeos; Comidas; Músicas. Provérbios africanos: Os alunos podem pesquisar alguns e conhecer outros que o professor apresentar. Palavras de origem africana: Pesquisa de palavras do vocabulário cotidiano que fazem parte da cultura africana. Quilombo e Zumbi - Consciência Negra: Pesquisa e/ ou estudo sobre a formação de quilombos como forma de resistência dos negros aos abusos dos senhores de escravo.
  • 11. RESULTADOS ESPERADOS • A aprendizagem deve se desenvolver de forma interdisciplinar e de acordo com as experiências e conhecimentos construídos com as atividades sugeridas e especificadas no projeto. • Espera-se que as turmas nas quais o projeto seja desenvolvido possam adquirir respeito às questões raciais e valorização da cultura da qual fazem parte e estão ajudando a construir.
  • 12. • As pequenas ações de combate ao racismo e ao preconceito, deste modo, podem se constituir em grandes passos no caminho da superação e da valorização da cultura afro-brasileira.
  • 13. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Orientações Iniciais para Correção da Distorção Idade/Série do Ensino Fundamental da Rede Pública de Ensino - Governo do Distrito Federal- Secretaria de Estado de Educação – 2012 ______. Saberes e Fazeres, v.1: Modos de Ver. v.2: Modos de Sentir. v.3: Modos de Interagir. v.4: Modos de Fazer v.5: Modos de Brincar. Coordenação do Projeto: Ana Paula Brandão. – Rio de Janeiro: Fundação Roberto Marinho, 2006 (A Cor da Cultura).
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22.
  • 23.
  • 24.
  • 25. A cultura afro-brasileira foi historicamente marcada como inferior e relegou seus representantes a uma vida de luta e combate às injustiças, desigualdades e exclusões resultantes do preconceito e do descrédito no potencial de uma raça. Talvez um dia possamos ouvir que a história mudou e que em todos os lugares se reconheça a existência de uma só raça, a raça humana.