SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 17
Baixar para ler offline
QUANDO
O FEITIÇO
    É
QUEBRADO
Era uma vez…….Há muito , muito tempo na cidade de
               Cedrom havia uma bruxa chamada katrain’s que era
               muito má. Ela era baixa , magra, e por isso podia passar
               por ser muita gente, pois tinha muitos feitiços.
               Um dia ela decidiu aproveitar-se do rei, por ter muito
               dinheiro e poder pagar as suas dividas e ela poder também
               aproveitar-se do reino.
               Mandou os gémeos enfeitiçados por ela, seus escravos
               , irem à cidade de Cedrom saber mais novidades do rei.

O gémeo mais alto ,o Chily, disse para o seu irmão:
-Nikolas, como é que vamos fazer esta missão?
E o seu irmão, que era mais baixo, respondeu:
-Vamos montar uma armadilha . Vamo-nos
disfarçar de forasteiros cheios de fome.
Foram então para o Castelo disfarçados de forasteiros cheios
 de fome quando então disseram ao guarda:




- Estamos cheios de fome dê-nos de comer.
-Vou chamar o rei. Disse o guarda.
-Ah, Ah , Ah … vão cair que nem uns
patinhos, a bruxa Katrain’s vai ficar muito
orgulhosa de nós.
- Cala-te! Cala-te, eles vêem aí.

     - Com que então estão cheios de
     fome? Eu vou-vos alimentar.
     Entrem por aqui.
Então ligaram para a bruxa katrain’s e
 disseram:
 -Está tudo a correr às mil maravilhas.
 -Metam conversa e descubram aquilo que eu
 quero. - disse a bruxa orgulhosa.


Sentados á volta da mesa ouviram o
rei a gritar com um escravo:
-Estou farto de procurar palhaços!
E então os gémeos aproveitaram a
oportunidade e disseram:
- Nós podemos fazer de
palhaços, mas com uma condição.
-Qual é a condição?!
-É que nos dês mais comida.
- Combinado. – disse o Rei.
-Quando é o aniversário? –
perguntaram os gémeos.
-É hoje á noite. – respondeu o rei.
Entretanto, enquanto não começava
   a festa, foram ter com a bruxa.
   Contaram-lhe todas as novidades.




-Correu tudo como o planeado. – disseram os
gémeos.
-Estou muito orgulhosa de vós. Agora ide-vos
disfarçar, está quase na hora. Não se esqueçam do
combinado. Levai o feitiço para a princesa ir á
casa de banho, aí eu entro em acção, e rapto-a.
-Esta é a minha filha, que faz anos . É a Sophie.
- Olá Sophie nós somos os animadores da tua festa. Vais ver que
vais gostar muito.
-Toma este sumo, é uma especialidade da minha avó.
- Ah,ah,ah, vai correr tudo bem. -sussurram eles.
A bruxa disfarçada de cavaleiro foi logo ter
com a princesa para ver se o plano estava a
resultar.
Quando chegou perto dela disse:
-Está tudo bem princesa ?
-Está. Só tenho vontade de ir à casa de
banho. Já volto.
A bruxa toda contente foi logo com um
feitiço para a casa de banho e colocar o
resto do plano em acção.
Transformou-se na princesa Iliana a sua
melhor amiga, uma convidada da festa. A
princesa entrou na casa de banho .
A bruxa disfarçada de Iliana ,a sua melhor amiga. Foi
logo meter a conversa.
-O que tens ?- Perguntou a Iliana.
-Só estou um bocado maldisposta. - Vou ver se me
consigo aliviar.
A bruxa muito apressada a montar a armadilha para a
apanhar sem ninguém ver.
A Princesa saiu e zás foi apanhada na ratoeira..
A Princesa transformou – se logo em bruxa e disse:
- És mesmo daaaaahhh. Agora és minha e só minha.
- O plano já deu certo , já raptei a princesa ela já esta
comigo. Agora vejam se não dão cabo do plano. No fim
da festa venham logo para casa, sem dar suspeitas de
nada. – disse a bruxa aos gémeos.
Os anjos que vigiavam a princesa foram logo avisar o
cavaleiro do que se tinha passado com a princesa, tinham seguido
a bruxa e disseram-lhe
         - Para salvar a princesa , tem de ir à rua dos Toledos, na
floresta Chik, está escondida numa casa de madeira muito velha…
Os gémeos ao dirigirem-se para casa da
bruxa, iam sempre com muita atenção para
não serem descobertos
Quando eles chegaram foram logo tirar os
disfarces. O príncipe a seguiu a indicação dos anjos e foi
dar à casa da bruxa.
        -Os anjos tinham razão!
Depois o príncipe escondeu-se entre as árvores à espera
que a bruxa saísse.
Enquanto a bruxa procurava um novo disfarce
para os gémeos o príncipe aproveitou o momento para
salvar a princesa.
         Quando chegou lá dentro apanhou a fada
madrinha da princesa a consolá-la porque ela já tinha
recebido a mensagem que o cavaleiro a ia salvar.
Mas com isso tudo ele perdeu muito tempo e quase era
apanhado pela bruxa katrain’s.
Quando a bruxa lá chegou já não estava a princesa
e gritou:
         -Maldição.
         -Gémeos, já não recebem a mesada . Seus
incompetentes, em vez de estarem a jogar às cartas, deviam
estar a vigiar a princesa.
Obrigado por me trazeres a minha princesinha.
Como recompensa dou-te a mão da minha filha em
casamento.
CASARAM E VIVERAM FELIZES PARA SEMPRE.
Trabalho realizado por:
          Tânia e Vanessa 4.º MOD

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

3ºA- A PRINCESA E A ERVILHA
3ºA- A PRINCESA E A ERVILHA3ºA- A PRINCESA E A ERVILHA
3ºA- A PRINCESA E A ERVILHAJulioAtlas
 
Lp teste diag princesa e ervilha
Lp teste diag princesa e ervilhaLp teste diag princesa e ervilha
Lp teste diag princesa e ervilhaCentral Didática
 
A Princesa E A Ervilha
A Princesa E A ErvilhaA Princesa E A Ervilha
A Princesa E A Ervilhavera1979
 
A princesa e a ervilha
A princesa e a ervilhaA princesa e a ervilha
A princesa e a ervilhaSuzy Santana
 
A Lenda De Coimbra.
A Lenda De Coimbra.A Lenda De Coimbra.
A Lenda De Coimbra.turma6G
 
Uma aventura literária 2013 texto original - a missão no reino perdido - al...
Uma aventura literária 2013   texto original - a missão no reino perdido - al...Uma aventura literária 2013   texto original - a missão no reino perdido - al...
Uma aventura literária 2013 texto original - a missão no reino perdido - al...tecaromeugil
 
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionadosA verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionadosRenata Maria
 
Branca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anõesBranca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anõesFilipa Cunha
 
Branca+de+neve+e+os+sete+anões
Branca+de+neve+e+os+sete+anõesBranca+de+neve+e+os+sete+anões
Branca+de+neve+e+os+sete+anõesVilma Amaral
 
A princesa baixinha power point
A princesa baixinha   power pointA princesa baixinha   power point
A princesa baixinha power pointlabeques
 
Branca de fome e os sete anões
Branca de fome e os sete anõesBranca de fome e os sete anões
Branca de fome e os sete anõesMarcia Oliveira
 
Atividade de Redação
Atividade de RedaçãoAtividade de Redação
Atividade de RedaçãoMaytê Mélo
 
A princesa e a ervilha e caça palavras Oh jardineira
A princesa e a ervilha e caça palavras Oh jardineiraA princesa e a ervilha e caça palavras Oh jardineira
A princesa e a ervilha e caça palavras Oh jardineiraRoseli Aparecida Tavares
 
Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação
Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação
Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação Lorena Lopes
 

Mais procurados (20)

3ºA- A PRINCESA E A ERVILHA
3ºA- A PRINCESA E A ERVILHA3ºA- A PRINCESA E A ERVILHA
3ºA- A PRINCESA E A ERVILHA
 
Lp teste diag princesa e ervilha
Lp teste diag princesa e ervilhaLp teste diag princesa e ervilha
Lp teste diag princesa e ervilha
 
A Princesa E A Ervilha
A Princesa E A ErvilhaA Princesa E A Ervilha
A Princesa E A Ervilha
 
A princesa e a ervilha
A princesa e a ervilhaA princesa e a ervilha
A princesa e a ervilha
 
A princesa e a ervilha
A princesa e a ervilhaA princesa e a ervilha
A princesa e a ervilha
 
Princesa Ervilha
Princesa ErvilhaPrincesa Ervilha
Princesa Ervilha
 
A Lenda De Coimbra.
A Lenda De Coimbra.A Lenda De Coimbra.
A Lenda De Coimbra.
 
Uma aventura literária 2013 texto original - a missão no reino perdido - al...
Uma aventura literária 2013   texto original - a missão no reino perdido - al...Uma aventura literária 2013   texto original - a missão no reino perdido - al...
Uma aventura literária 2013 texto original - a missão no reino perdido - al...
 
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionadosA verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
A verdade sobre os contos de fadas e outros arquivos relacionados
 
Branca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anõesBranca de neve e os sete anões
Branca de neve e os sete anões
 
Branca+de+neve+e+os+sete+anões
Branca+de+neve+e+os+sete+anõesBranca+de+neve+e+os+sete+anões
Branca+de+neve+e+os+sete+anões
 
A princesa baixinha power point
A princesa baixinha   power pointA princesa baixinha   power point
A princesa baixinha power point
 
Dial5cp pg14 15
Dial5cp pg14 15Dial5cp pg14 15
Dial5cp pg14 15
 
Branca de fome e os sete anões
Branca de fome e os sete anõesBranca de fome e os sete anões
Branca de fome e os sete anões
 
Atividade de Redação
Atividade de RedaçãoAtividade de Redação
Atividade de Redação
 
Peça teatral: A Cinderela
Peça teatral: A CinderelaPeça teatral: A Cinderela
Peça teatral: A Cinderela
 
A princesa e a ervilha e caça palavras Oh jardineira
A princesa e a ervilha e caça palavras Oh jardineiraA princesa e a ervilha e caça palavras Oh jardineira
A princesa e a ervilha e caça palavras Oh jardineira
 
Interpretaçao o sapo portugues
Interpretaçao o sapo portuguesInterpretaçao o sapo portugues
Interpretaçao o sapo portugues
 
Historias Etc
Historias EtcHistorias Etc
Historias Etc
 
Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação
Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação
Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação
 

Semelhante a Quando o feitiço é quebrado...

Monteiro lobato -_Sitio_do_Picapau_Amarelo_-_vol_1-_Reinacoes_de_Narizinho
Monteiro lobato -_Sitio_do_Picapau_Amarelo_-_vol_1-_Reinacoes_de_NarizinhoMonteiro lobato -_Sitio_do_Picapau_Amarelo_-_vol_1-_Reinacoes_de_Narizinho
Monteiro lobato -_Sitio_do_Picapau_Amarelo_-_vol_1-_Reinacoes_de_NarizinhoTânia Sampaio
 
Minha webquest
Minha webquestMinha webquest
Minha webquestVPS1
 
02.08 uma história de encantar com batatas
02.08   uma história de encantar com batatas02.08   uma história de encantar com batatas
02.08 uma história de encantar com batatasMasterliduina Moreira
 
A história da Branca de Neve - adaptação
A história da Branca de Neve - adaptaçãoA história da Branca de Neve - adaptação
A história da Branca de Neve - adaptaçãoLuís Filipe Pato
 
Dupla samuel e jamilly
Dupla samuel e jamillyDupla samuel e jamilly
Dupla samuel e jamillyGeraldo Gurgel
 
Reescrita - 5D 2023 - Branca de Neve - mudança de narrador.docx
Reescrita - 5D 2023 - Branca de Neve - mudança de narrador.docxReescrita - 5D 2023 - Branca de Neve - mudança de narrador.docx
Reescrita - 5D 2023 - Branca de Neve - mudança de narrador.docxkarolymarques
 
Branca de neve
Branca de neveBranca de neve
Branca de neveVeriaraujo
 
Aula de escrita criativa
Aula de escrita criativaAula de escrita criativa
Aula de escrita criativasilviarelva
 
Once upon a time portugalt
Once upon a time portugaltOnce upon a time portugalt
Once upon a time portugaltMar Jurado
 
Fábrica De Histórias
Fábrica De HistóriasFábrica De Histórias
Fábrica De Históriassandra caturra
 
A princesa matilde
A princesa matildeA princesa matilde
A princesa matildepauladornay
 

Semelhante a Quando o feitiço é quebrado... (20)

Monteiro lobato -_Sitio_do_Picapau_Amarelo_-_vol_1-_Reinacoes_de_Narizinho
Monteiro lobato -_Sitio_do_Picapau_Amarelo_-_vol_1-_Reinacoes_de_NarizinhoMonteiro lobato -_Sitio_do_Picapau_Amarelo_-_vol_1-_Reinacoes_de_Narizinho
Monteiro lobato -_Sitio_do_Picapau_Amarelo_-_vol_1-_Reinacoes_de_Narizinho
 
Branca de Neve
Branca de NeveBranca de Neve
Branca de Neve
 
Branca de neves
Branca de nevesBranca de neves
Branca de neves
 
Os contos
Os  contosOs  contos
Os contos
 
Minha webquest
Minha webquestMinha webquest
Minha webquest
 
Os contos do 5.º E
Os contos  do 5.º EOs contos  do 5.º E
Os contos do 5.º E
 
Histórias 4.ºa
Histórias 4.ºaHistórias 4.ºa
Histórias 4.ºa
 
02.08 uma história de encantar com batatas
02.08   uma história de encantar com batatas02.08   uma história de encantar com batatas
02.08 uma história de encantar com batatas
 
A história da Branca de Neve - adaptação
A história da Branca de Neve - adaptaçãoA história da Branca de Neve - adaptação
A história da Branca de Neve - adaptação
 
Adormecida
AdormecidaAdormecida
Adormecida
 
Dupla samuel e jamilly
Dupla samuel e jamillyDupla samuel e jamilly
Dupla samuel e jamilly
 
Reescrita - 5D 2023 - Branca de Neve - mudança de narrador.docx
Reescrita - 5D 2023 - Branca de Neve - mudança de narrador.docxReescrita - 5D 2023 - Branca de Neve - mudança de narrador.docx
Reescrita - 5D 2023 - Branca de Neve - mudança de narrador.docx
 
Seleção de contos
Seleção de contosSeleção de contos
Seleção de contos
 
Branca de neve
Branca de neveBranca de neve
Branca de neve
 
Aula de escrita criativa
Aula de escrita criativaAula de escrita criativa
Aula de escrita criativa
 
Once upon a time portugalt
Once upon a time portugaltOnce upon a time portugalt
Once upon a time portugalt
 
Fábrica De Histórias
Fábrica De HistóriasFábrica De Histórias
Fábrica De Histórias
 
A gata borralheira
A gata borralheiraA gata borralheira
A gata borralheira
 
A bela adormecida
A bela adormecidaA bela adormecida
A bela adormecida
 
A princesa matilde
A princesa matildeA princesa matilde
A princesa matilde
 

Mais de Bruno Reimão

Higiene alimentar tiago
Higiene alimentar tiagoHigiene alimentar tiago
Higiene alimentar tiagoBruno Reimão
 
Consumo de tabaco bruna f. diogo v.
Consumo de tabaco bruna f. diogo v.Consumo de tabaco bruna f. diogo v.
Consumo de tabaco bruna f. diogo v.Bruno Reimão
 
Doenças por não fazer exercício físico
Doenças por não fazer exercício físicoDoenças por não fazer exercício físico
Doenças por não fazer exercício físicoBruno Reimão
 
Trabalho Da Natureza
Trabalho Da NaturezaTrabalho Da Natureza
Trabalho Da NaturezaBruno Reimão
 
Hist. InêS E ConceiçãO
Hist. InêS E ConceiçãOHist. InêS E ConceiçãO
Hist. InêS E ConceiçãOBruno Reimão
 
Distritos Portugueses
Distritos PortuguesesDistritos Portugueses
Distritos PortuguesesBruno Reimão
 
Hino A. R . C E Escola
Hino A. R . C E EscolaHino A. R . C E Escola
Hino A. R . C E EscolaBruno Reimão
 
Presidentes Da RepúBlica
Presidentes Da RepúBlicaPresidentes Da RepúBlica
Presidentes Da RepúBlicaBruno Reimão
 
Paises De EmigraçãO Port.
Paises De EmigraçãO Port.Paises De EmigraçãO Port.
Paises De EmigraçãO Port.Bruno Reimão
 
HistóRia 2 CaçAdores
HistóRia 2 CaçAdoresHistóRia 2 CaçAdores
HistóRia 2 CaçAdoresBruno Reimão
 
ImplantaçãO Da RepúBlica
ImplantaçãO Da RepúBlicaImplantaçãO Da RepúBlica
ImplantaçãO Da RepúBlicaBruno Reimão
 

Mais de Bruno Reimão (20)

Higiene alimentar tiago
Higiene alimentar tiagoHigiene alimentar tiago
Higiene alimentar tiago
 
Consumo de tabaco bruna f. diogo v.
Consumo de tabaco bruna f. diogo v.Consumo de tabaco bruna f. diogo v.
Consumo de tabaco bruna f. diogo v.
 
Doenças por não fazer exercício físico
Doenças por não fazer exercício físicoDoenças por não fazer exercício físico
Doenças por não fazer exercício físico
 
Medusas
MedusasMedusas
Medusas
 
Trabalho Da Natureza
Trabalho Da NaturezaTrabalho Da Natureza
Trabalho Da Natureza
 
Pragas Floresta
Pragas FlorestaPragas Floresta
Pragas Floresta
 
Aspectos Da Costa
Aspectos Da CostaAspectos Da Costa
Aspectos Da Costa
 
Hist. InêS E ConceiçãO
Hist. InêS E ConceiçãOHist. InêS E ConceiçãO
Hist. InêS E ConceiçãO
 
Evitar O Fogo
Evitar O FogoEvitar O Fogo
Evitar O Fogo
 
Animais Fp
Animais FpAnimais Fp
Animais Fp
 
Distritos Portugueses
Distritos PortuguesesDistritos Portugueses
Distritos Portugueses
 
Hino A. R . C E Escola
Hino A. R . C E EscolaHino A. R . C E Escola
Hino A. R . C E Escola
 
Da Semen Flor
Da Semen FlorDa Semen Flor
Da Semen Flor
 
Presidentes Da RepúBlica
Presidentes Da RepúBlicaPresidentes Da RepúBlica
Presidentes Da RepúBlica
 
Paises De EmigraçãO Port.
Paises De EmigraçãO Port.Paises De EmigraçãO Port.
Paises De EmigraçãO Port.
 
HistóRia 2 CaçAdores
HistóRia 2 CaçAdoresHistóRia 2 CaçAdores
HistóRia 2 CaçAdores
 
ImplantaçãO Da RepúBlica
ImplantaçãO Da RepúBlicaImplantaçãO Da RepúBlica
ImplantaçãO Da RepúBlica
 
25 De Abril
25 De Abril25 De Abril
25 De Abril
 
O Sobreiro
O SobreiroO Sobreiro
O Sobreiro
 
Paises Lusofonos
Paises LusofonosPaises Lusofonos
Paises Lusofonos
 

Último

Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no textoMariaPauladeSouzaTur
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsxGilbraz Aragão
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 

Último (20)

Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no texto
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 

Quando o feitiço é quebrado...

  • 1. QUANDO O FEITIÇO É QUEBRADO
  • 2. Era uma vez…….Há muito , muito tempo na cidade de Cedrom havia uma bruxa chamada katrain’s que era muito má. Ela era baixa , magra, e por isso podia passar por ser muita gente, pois tinha muitos feitiços. Um dia ela decidiu aproveitar-se do rei, por ter muito dinheiro e poder pagar as suas dividas e ela poder também aproveitar-se do reino. Mandou os gémeos enfeitiçados por ela, seus escravos , irem à cidade de Cedrom saber mais novidades do rei. O gémeo mais alto ,o Chily, disse para o seu irmão: -Nikolas, como é que vamos fazer esta missão? E o seu irmão, que era mais baixo, respondeu: -Vamos montar uma armadilha . Vamo-nos disfarçar de forasteiros cheios de fome.
  • 3. Foram então para o Castelo disfarçados de forasteiros cheios de fome quando então disseram ao guarda: - Estamos cheios de fome dê-nos de comer. -Vou chamar o rei. Disse o guarda. -Ah, Ah , Ah … vão cair que nem uns patinhos, a bruxa Katrain’s vai ficar muito orgulhosa de nós. - Cala-te! Cala-te, eles vêem aí. - Com que então estão cheios de fome? Eu vou-vos alimentar. Entrem por aqui.
  • 4. Então ligaram para a bruxa katrain’s e disseram: -Está tudo a correr às mil maravilhas. -Metam conversa e descubram aquilo que eu quero. - disse a bruxa orgulhosa. Sentados á volta da mesa ouviram o rei a gritar com um escravo: -Estou farto de procurar palhaços! E então os gémeos aproveitaram a oportunidade e disseram: - Nós podemos fazer de palhaços, mas com uma condição. -Qual é a condição?! -É que nos dês mais comida. - Combinado. – disse o Rei. -Quando é o aniversário? – perguntaram os gémeos. -É hoje á noite. – respondeu o rei.
  • 5. Entretanto, enquanto não começava a festa, foram ter com a bruxa. Contaram-lhe todas as novidades. -Correu tudo como o planeado. – disseram os gémeos. -Estou muito orgulhosa de vós. Agora ide-vos disfarçar, está quase na hora. Não se esqueçam do combinado. Levai o feitiço para a princesa ir á casa de banho, aí eu entro em acção, e rapto-a.
  • 6. -Esta é a minha filha, que faz anos . É a Sophie. - Olá Sophie nós somos os animadores da tua festa. Vais ver que vais gostar muito. -Toma este sumo, é uma especialidade da minha avó. - Ah,ah,ah, vai correr tudo bem. -sussurram eles.
  • 7. A bruxa disfarçada de cavaleiro foi logo ter com a princesa para ver se o plano estava a resultar. Quando chegou perto dela disse: -Está tudo bem princesa ? -Está. Só tenho vontade de ir à casa de banho. Já volto. A bruxa toda contente foi logo com um feitiço para a casa de banho e colocar o resto do plano em acção. Transformou-se na princesa Iliana a sua melhor amiga, uma convidada da festa. A princesa entrou na casa de banho .
  • 8. A bruxa disfarçada de Iliana ,a sua melhor amiga. Foi logo meter a conversa. -O que tens ?- Perguntou a Iliana. -Só estou um bocado maldisposta. - Vou ver se me consigo aliviar. A bruxa muito apressada a montar a armadilha para a apanhar sem ninguém ver. A Princesa saiu e zás foi apanhada na ratoeira.. A Princesa transformou – se logo em bruxa e disse: - És mesmo daaaaahhh. Agora és minha e só minha.
  • 9. - O plano já deu certo , já raptei a princesa ela já esta comigo. Agora vejam se não dão cabo do plano. No fim da festa venham logo para casa, sem dar suspeitas de nada. – disse a bruxa aos gémeos.
  • 10. Os anjos que vigiavam a princesa foram logo avisar o cavaleiro do que se tinha passado com a princesa, tinham seguido a bruxa e disseram-lhe - Para salvar a princesa , tem de ir à rua dos Toledos, na floresta Chik, está escondida numa casa de madeira muito velha…
  • 11. Os gémeos ao dirigirem-se para casa da bruxa, iam sempre com muita atenção para não serem descobertos
  • 12. Quando eles chegaram foram logo tirar os disfarces. O príncipe a seguiu a indicação dos anjos e foi dar à casa da bruxa. -Os anjos tinham razão! Depois o príncipe escondeu-se entre as árvores à espera que a bruxa saísse.
  • 13. Enquanto a bruxa procurava um novo disfarce para os gémeos o príncipe aproveitou o momento para salvar a princesa. Quando chegou lá dentro apanhou a fada madrinha da princesa a consolá-la porque ela já tinha recebido a mensagem que o cavaleiro a ia salvar. Mas com isso tudo ele perdeu muito tempo e quase era apanhado pela bruxa katrain’s.
  • 14. Quando a bruxa lá chegou já não estava a princesa e gritou: -Maldição. -Gémeos, já não recebem a mesada . Seus incompetentes, em vez de estarem a jogar às cartas, deviam estar a vigiar a princesa.
  • 15. Obrigado por me trazeres a minha princesinha. Como recompensa dou-te a mão da minha filha em casamento.
  • 16. CASARAM E VIVERAM FELIZES PARA SEMPRE.
  • 17. Trabalho realizado por: Tânia e Vanessa 4.º MOD