Café com bpm recife palestra automação de processos - airton caetano

457 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
457
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Café com bpm recife palestra automação de processos - airton caetano

  1. 1. BPMS melhoria do processo DESENVOLVIMENTO TRADICIONAL; BPMS ampliando o uso do ERP/LEGADOS(software gestão); BPMS agilizando INTEGRAÇÃO de sistemas e processos. INSIGHTS    
  2. 2. COMO  UMA  PLATAFORMA  BPMS  PODE  TRANSFORMAR  UMA   ORGANIZAÇÃO  ?   Velocidade no Desenvolvimento de Software Produtividade para o Trabalhador do Conhecimento Inteligência no Monitoramento da Operação
  3. 3. ALINHAMENTO DESENVOLVIMENTO TRADICIONAL X AUTOMAÇÃO DE PROCESSSOS
  4. 4. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   DESENVOLVIMENTO  TRADICIONAL   ESFORÇO  
  5. 5. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   DESENVOLVIMENTO  TRADICIONAL   UC-­‐003   Descrição:   Buscar  passagem   Fluxo  principal:   -­‐  Após  selecionar  o  passageiro  o  usuário  deve   inserir  os  dados  do  vôo  para  procurar  as   passagens  disponíveis.  Devem  ser  preenchidos   os  campos:   -­‐  Origem   -­‐  DesSno   -­‐  Data  da  ida   -­‐  Data  da  volta   #   CASO  DE  USO   UC-­‐001   Realizar  login  no  sistema   UC-­‐002   Selecionar  passageiro   UC-­‐003   Buscar  passagem   UC-­‐004   Selecionar  passagem   UC-­‐005   Enviar  comprovante   ESFORÇO   WORD,  EXCEL,  OPEN  OFFICE,  APP  DE  UML  
  6. 6. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   DESENVOLVIMENTO  TRADICIONAL   ESFORÇO   PASSAGEIRO   ORIGEM   DESTINO   IDA          /                /   VOLTA          /                /   OBSERVAÇÕES   ‘   PAPEL,  DESENHO,  ALGUM  APP  DE  PROTOTIPAGEM  
  7. 7. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   DESENVOLVIMENTO  TRADICIONAL   ESFORÇO   PROGRAMAÇÃO  HTML,  ALGUM  FRAMEWORK  
  8. 8. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   DESENVOLVIMENTO  TRADICIONAL   ESFORÇO   PROGRAMAÇÃO  JAVA,  dotNET,  C#,  RAILS,  ETC  
  9. 9. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   DESENVOLVIMENTO  TRADICIONAL   ESFORÇO  
  10. 10. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   AUTOMAÇÃO   ESFORÇO   AS-­‐IS  /  TO-­‐BE:  BPMN  
  11. 11. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   AUTOMAÇÃO   ESFORÇO   CONFIGURAÇÃO  DE  CAMPOS,  TELAS,  ETC  
  12. 12. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   AUTOMAÇÃO   ESFORÇO  
  13. 13. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   AUTOMAÇÃO   ESFORÇO  
  14. 14. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   AUTOMAÇÃO   ESFORÇO  
  15. 15. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   AUTOMAÇÃO   ESFORÇO  
  16. 16. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   AUTOMAÇÃO   ESFORÇO  
  17. 17. REDESENHO   REQUISITOS                      PROTOTIPO   DESIGN         DESENVOLV.   HOMOLOG.   AUTOMAÇÃO   ESFORÇO  
  18. 18. ALINHAMENTO   CONCLUSÕES DESENVOLVIMENTO TRADICIONAL X AUTOMAÇÃO DE PROCESSSOS
  19. 19. BPMS melhoria do processo DESENVOLVIMENTO TRADICIONAL 1  
  20. 20. CASE  1:
  21. 21. §  Solicitação  de  cerJdão  de  tempo     de  contribuição   §  Fluxo  e  documentos  para  o   cadastro  de  Fornecedores   §  Solicitação  de  beneMcios  (licença   prêmio,  auxilio  doença,  funeral)   §  Precatórios  PROJUR/PROTRAB/ PROFISC/Assistência  PGM   §  Polo  passivo  (reJficação/exclusão)   §  RPV  –  Requisição  de  Pequeno  Valor  
  22. 22. Customizar  ERP  (Soc  Gestão)   BPMS   §  O  CADASTRO  (usuários,  fornecedor,   serviços,  etc)   §  Solicitação  de  cerSdão  de  tempo     §  de  contribuição   §  Fluxo  e  documentos  para  o   cadastro  de  Fornecedores   §  Solicitação  de  benejcios  (licença   prêmio,  auxilio  doença,  funeral)   §  Cadastro  precatórios   §  Precatórios  PROJUR/PROTRAB/ PROFISC/Assistência  PGM   §  Divida  aSva   §  Polo  passivo  (reSficação/exclusão)   §  Sistema  de  RH   §  RPV  –  Requisição  de  Pequeno  Valor   §  Sistema  pagamento   LIÇÕES  APRENDIDAS   Foco  em  virtualizar  e  organizar  o  trabalho  
  23. 23. RESULTADOS   28  processos  desenvolvidos  em   4  meses   600  treinadas  nessa  primeira   fase.   50  treinadas  para   automação     Foco  na  digitalização   Orquestração  de  aSvidades  humanas  
  24. 24. BPMS ampliando o uso do ERP/LEGADOS (software gestão); BPMS agilizando INTEGRAÇÃO de sistemas e processos. 2  
  25. 25. CASE 2:
  26. 26. ESTUDO  DE  CASO  -­‐  PROCESSO  DE  PAGAMENTO   SISTEMA  GESTÃO   (ERP)   CONTAS  A  PAGAR   SOLICITANTE   CENTRO  DE  CUSTO   ! ERROS   ANÁLISE  CONTÁBIL   ANTES   SISTEMA  GESTÃO   (ERP)  
  27. 27. ESTUDO  DE  CASO  -­‐  PROCESSO  DE  PAGAMENTO   ANTES   SOLICITANTE   CONTAS  A  PAGAR   CENTRO  DE  CUSTO   ANÁLISE  CONTÁBIL   “Preciso  pagar  essa   NF  urgente!!!”     “Esses  caras  do   Contas  a  Pagar  só   atrasam!”     “Assim  não  dá  para   trabalhar!”     “Vamos  ficar  sem   aquele  serviço  se   conJnuar  assim"   “E  tudo  para  ontem!”     “Fala  que  mandou  o   e-­‐mail  mas  não  achei!   Duvido!”     “Essa  multa  não  é   culpa  minha!”     “Estamos  perdendo   dinheiro!"   “Que  bagunça”     “Como  controlar  o   centro  de  custo  certo   dessa  forma?!?!”     “Estamos  perdendo   visão!!!”     “Cadê  a  gestão?!"   “Não  fecha!!!”     “Como  cumprir  o   prazo  dessa  forma”     “Estamos  correndo   risco!”     “Os  caras  não  fazem   direito  e  depois  nós   que  temos  que  correr   atrás!"  
  28. 28. ESTUDO  DE  CASO  -­‐  PROCESSO  DE  PAGAMENTO   O  QUE  FOI  FEITO  PRIMEIRO  ?  
  29. 29. ESTUDO  DE  CASO  -­‐  PROCESSO  DE  PAGAMENTO   SOLICITANTE   CONTAS  A  PAGAR   CENTRO  DE  CUSTO   ANÁLISE  CONTÁBIL  
  30. 30. ESTUDO  DE  CASO  -­‐  PROCESSO  DE  PAGAMENTO   DEPOIS  DE  POUCO  TEMPO...  
  31. 31. ESTUDO  DE  CASO  -­‐  PROCESSO  DE  PAGAMENTO   SOLICITANTE   CONTAS  A  PAGAR   CENTRO  DE  CUSTO   ANÁLISE  CONTÁBIL   Ao  digitar  o   número  da  Nota   Fiscal,  buscar  os   dados  no  ERP   Pesquisar  o   centro  de  custo   dentro  do  ERP   Gravar  o   pagamento   aprovado  no   ERP   GRAVAR  OK   PESQUISAR   1   2   3  
  32. 32. BIBLIOTECAS   Gravar  o   pagamento   aprovado  no   ERP   REQUISITO  DE  TI   DESENVOLVIMENTO   GRAVAR   BASES CADASTRADAS TODOS OS DADOS DO FORMULÁRIO QUE CHAMOU A INTEGRAÇÃO SERVIÇOS NATIVOS SERVIÇOS EXTERNOS (Serasa, Correios, etc) OUTROS PROCESSOS CODIFICAÇÃO FEITA APROVEITANDO AS BIBLIOTECAS GERA A GRAVAÇÃO VIA BANCO OU VIA WEB SERVICE 3  
  33. 33. ESTUDO  DE  CASO  -­‐  PROCESSO  DE  PAGAMENTO   SOLICITANTE   CONTAS  A  PAGAR   CENTRO  DE  CUSTO   ANÁLISE  CONTÁBIL   Ao  digitar  o   número  da  Nota   Fiscal,  buscar  os   dados  no  ERP   Pesquisar  o   centro  de  custo   dentro  do  ERP   Gravar  o   pagamento   aprovado  no   ERP   GRAVAR  OK   PESQUISAR   1   2   3  
  34. 34. ESTUDO  DE  CASO  -­‐  PROCESSO  DE  PAGAMENTO   SOLICITANTE   CONTAS  A  PAGAR   CENTRO  DE  CUSTO   ANÁLISE  CONTÁBIL   Ao  digitar  o   número  da  Nota   Fiscal,  buscar  os   dados  no  ERP   Pesquisar  o   centro  de  custo   dentro  do  ERP   Gravar  o   pagamento   aprovado  no   ERP   GRAVAR  OK   PESQUISAR   1   2   3  
  35. 35. ESTUDO  DE  CASO  -­‐  PROCESSO  DE  PAGAMENTO   SOLICITANTE   CONTAS  A  PAGAR   CENTRO  DE  CUSTO   ANÁLISE  CONTÁBIL   Ao  digitar  o   número  da  Nota   Fiscal,  buscar  os   dados  no  ERP   Pesquisar  o   centro  de  custo   dentro  do  ERP   Gravar  o   pagamento   aprovado  no   ERP   GRAVAR  OK   PESQUISAR   1   2   3  
  36. 36. ESTUDO  DE  CASO  -­‐  PROCESSO  DE  PAGAMENTO   Acompanhe indicadores estratégicos em tempo real, obtendo informações quantitativas e qualitativas sobre o desempenho dos processos, obtendo a rastreabilidade completa das tarefas.
  37. 37. LIÇÕES  APRENDIDAS   Implementação  por   ciclos  (evoluJvos)   Cadastros  no  ERP   LEGADO,  fluxos  no  BPMS   Integração  com  foco  no   processo     UJlize    ao  máximo   componentes  (APIs)  do  ERP   BPMS ampliando o uso do ERP/LEGADOS (software gestão); BPMS agilizando INTEGRAÇÃO de sistemas e processos. Ciclo Ciclo Ciclo Ciclo Conhecimento Tempo
  38. 38. RESULTADOS   250k  Economia  com  licenças   do  ERP  (mil/ano)   33%  OSmização  no  tempo  de   resposta  dos  processos  (média)   $2  Milhões  Redução  com   atraso  de  pagamentos/devoluções  (1º  ano)   Agilidade  na  resposta  as  necessidades     De  adaptação  da  organização.   Acesso  em  qualquer  lugar  e  a   qualquer  tempo  
  39. 39. COMO  UMA  PLATAFORMA  BPMS  PODE  TRANSFORMAR  UMA   ORGANIZAÇÃO  ?   Velocidade no Desenvolvimento de Software Produtividade para o Trabalhador do Conhecimento Inteligência no Monitoramento da Operação
  40. 40. Obrigado São Paulo – SP 11 4306-8900 lecom.com.br Bauru – SP 14 4009-8900 Joinville – SC 47 4063 9800 Airton Caetano Projetos e Negócios arton.caetano@lecom.com.br (11) 98115-5171

×