SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
Modelo de resenha temática
  Publicado originalmente no blog www.lendo.org - Acesse para mais modelos de resenhas

                               AS ROUPAS NA HISTÓRIA


                                                                         Reynaldo Damazio


       Com o advento da história das mentalidades e do cotidiano, um novo enfoque tomou
conta dos estudos historiográficos. Os heróis foram substituídos pelos cidadãos comuns e os
"grandes ciclos" se pulverizaram nos movimentos oscilantes do dia a dia. O historiador
abandonou o "plano geral" e passou a se dedicar aos detalhes, montando um quebra-cabeças
com os micro-processos que dão alento aos fatos históricos.
       Essa perspectiva teórica se desdobrou na recente moda dos estudos culturais. Muita
bobagem tem sido dita e impressa sob tal rubrica, mas às vezes um ou outro estudo realmente
sensível e pertinente merece atenção. É o caso de O casaco de Marx - roupas, memória, dor;
de Peter Stallybrass, professor de inglês da Universidade da Pennsylvania. O livro traz dois
pequenos ensaios que têm como assunto central a questão da vestimenta nas relações sociais,
estabelecendo finas interligações entre o universo do uso pessoal, da subjetividade, e o das
complexas redes de sociabilidade.
       Numa abordagem original e curiosa, o autor explora o processo de humanização das
roupas, que se amoldam não apenas ao corpo, mas à sensibilidade das pessoas, carregando
marcas profundas de quem as usa. A história social acaba impressa nos objetos que fazem
parte da vida das pessoas. Roupas e objetos são preciosos depósitos da memória, material
impregnado de informações que esperam por uma interpretação acurada, capaz de resgatar os
pedaços de uma história perdida, ou menosprezada. Nesse resgate pode-se compreender os
modos como a ideologia vai se infiltrando e metamorfoseando nas mínimas esferas dos
sentimentos pessoais. Ou como os valores se traduzem no gestual, nos hábitos, nos rituais de
comportamento.
       No segundo ensaio, Stallybrass demonstra a importância do casaco de Karl Marx, em
suas idas e vindas à loja de penhores, num momento crucial de sua vida de intelectual que
mudaria a história da humanidade. Justamente durante o duro inverno londrino em que
estudava na biblioteca do Museu Britânico para a redação de sua obra máxima, O capital.
Operando uma inversão ousada de conceitos, o autor rediscute a questão da mercadoria e do

                                    Retirado do endereço
            http://administracao.faccat.br/moodle/mod/resource/view.php?id=89
Modelo de resenha temática
   Publicado originalmente no blog www.lendo.org - Acesse para mais modelos de resenhas

fetiche, termos centrais na filosofia marxista, a partir de relação sofrida do filósofo e
economista com seu casaco, reflexos de suas crises financeiras. Stallybrass faz uma
surpreendente reflexão sobre o valor de uso e o valor afetivo, demonstrando que os objetos
que amamos e que transformamos em extensão de nossa sensibilidade assumem valores que
muitas vezes transcendem a mera relação de mercado.


         O casaco de Marx - roupas, memória, dor, Peter Stallybrass, tradução de Tomaz Tadeu
da Silva, Autêntica, 1999, Belo Horizonte, 127 pp., tel. (0xx31) 318 6135, formato 11 x 15
cm.1



REFERÊNCIAS

DAMAZIO, Reinaldo. As roupas na história. Disponível em:
<http://www.weblivros.com.br/nao-ficcao/casacodemarx.shtml>. Acesso em: 9 jan. 2005.

FIORIN, José Luiz: SAVIOLI, Francisco Platão. Para entender o texto: leitura e redação. São
Paulo: Ática, 1998.




1 Para fornecer os dados sobre a obra resenhada, o autor optou por esta forma de registro. Na Faccat
  recomendamos colocar no começo da resenha: livro resenhado (título), autor, editora, local, ano, nº de
  páginas, preço; contextualização (dissertação, tese, coletânea de artigos, obra literária, etc.), tema do livro e
  objetivo do autor.

                                        Retirado do endereço
                http://administracao.faccat.br/moodle/mod/resource/view.php?id=89

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Resenha acadêmica
Resenha acadêmicaResenha acadêmica
Resenha acadêmicamegainfoin
 
Passos para a redação do enem
Passos para a redação do enemPassos para a redação do enem
Passos para a redação do enemLuciene Gomes
 
Texto argumentativo
Texto argumentativoTexto argumentativo
Texto argumentativoer.cabrinha
 
52150697 resenha-critica-abnt-o-trabalho-thau1
52150697 resenha-critica-abnt-o-trabalho-thau152150697 resenha-critica-abnt-o-trabalho-thau1
52150697 resenha-critica-abnt-o-trabalho-thau1Péricles Oliveira
 
Modelo de-fichamento em word
Modelo de-fichamento em wordModelo de-fichamento em word
Modelo de-fichamento em wordMister B
 
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTOAULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTOMarcelo Cordeiro Souza
 
Interpretação e Compreensão de Texto
Interpretação e Compreensão de Texto Interpretação e Compreensão de Texto
Interpretação e Compreensão de Texto Cláudia Heloísa
 
Modelo de artigo científico básico - com normas ABNT
Modelo de artigo científico básico - com normas ABNTModelo de artigo científico básico - com normas ABNT
Modelo de artigo científico básico - com normas ABNTRosineia Oliveira dos Santos
 
Como elaborar uma resenha
Como elaborar uma resenhaComo elaborar uma resenha
Como elaborar uma resenhaVirginia Fortes
 
Projeto de pesquisa exemplo
Projeto de pesquisa   exemploProjeto de pesquisa   exemplo
Projeto de pesquisa exemploFelipe Pereira
 
Exemplo de um artigo cientifico ( modelo paper)
Exemplo de um artigo cientifico ( modelo paper)Exemplo de um artigo cientifico ( modelo paper)
Exemplo de um artigo cientifico ( modelo paper)Cleidilene Lima
 
Gêneros Textuais
Gêneros TextuaisGêneros Textuais
Gêneros TextuaisEdna Brito
 
Descritores spaece - língua portuguesa
Descritores   spaece - língua portuguesaDescritores   spaece - língua portuguesa
Descritores spaece - língua portuguesaPacatubaLei
 
Coerência e coesão textual
Coerência e coesão textualCoerência e coesão textual
Coerência e coesão textualISJ
 
Texto dissertativo argumentativo
Texto dissertativo argumentativoTexto dissertativo argumentativo
Texto dissertativo argumentativoCicero Luciano
 
EXEMPLO DE RESENHA CRITICA
EXEMPLO DE RESENHA CRITICAEXEMPLO DE RESENHA CRITICA
EXEMPLO DE RESENHA CRITICALarissa Gomes
 
Passos para uma boa redação
Passos para uma boa redaçãoPassos para uma boa redação
Passos para uma boa redaçãoSinara Lustosa
 

Mais procurados (20)

Resenha acadêmica
Resenha acadêmicaResenha acadêmica
Resenha acadêmica
 
Passos para a redação do enem
Passos para a redação do enemPassos para a redação do enem
Passos para a redação do enem
 
Texto argumentativo
Texto argumentativoTexto argumentativo
Texto argumentativo
 
52150697 resenha-critica-abnt-o-trabalho-thau1
52150697 resenha-critica-abnt-o-trabalho-thau152150697 resenha-critica-abnt-o-trabalho-thau1
52150697 resenha-critica-abnt-o-trabalho-thau1
 
Modelo de-fichamento em word
Modelo de-fichamento em wordModelo de-fichamento em word
Modelo de-fichamento em word
 
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTOAULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTO
 
Interpretação e Compreensão de Texto
Interpretação e Compreensão de Texto Interpretação e Compreensão de Texto
Interpretação e Compreensão de Texto
 
Modelo de artigo científico básico - com normas ABNT
Modelo de artigo científico básico - com normas ABNTModelo de artigo científico básico - com normas ABNT
Modelo de artigo científico básico - com normas ABNT
 
Como elaborar uma resenha
Como elaborar uma resenhaComo elaborar uma resenha
Como elaborar uma resenha
 
Resenha de artigo para estudantes
Resenha de artigo para estudantesResenha de artigo para estudantes
Resenha de artigo para estudantes
 
Resenha de filme pdf
Resenha de filme   pdfResenha de filme   pdf
Resenha de filme pdf
 
Projeto de pesquisa exemplo
Projeto de pesquisa   exemploProjeto de pesquisa   exemplo
Projeto de pesquisa exemplo
 
Exemplo de um artigo cientifico ( modelo paper)
Exemplo de um artigo cientifico ( modelo paper)Exemplo de um artigo cientifico ( modelo paper)
Exemplo de um artigo cientifico ( modelo paper)
 
Estrutura do-artigo-de-opinião
Estrutura do-artigo-de-opiniãoEstrutura do-artigo-de-opinião
Estrutura do-artigo-de-opinião
 
Gêneros Textuais
Gêneros TextuaisGêneros Textuais
Gêneros Textuais
 
Descritores spaece - língua portuguesa
Descritores   spaece - língua portuguesaDescritores   spaece - língua portuguesa
Descritores spaece - língua portuguesa
 
Coerência e coesão textual
Coerência e coesão textualCoerência e coesão textual
Coerência e coesão textual
 
Texto dissertativo argumentativo
Texto dissertativo argumentativoTexto dissertativo argumentativo
Texto dissertativo argumentativo
 
EXEMPLO DE RESENHA CRITICA
EXEMPLO DE RESENHA CRITICAEXEMPLO DE RESENHA CRITICA
EXEMPLO DE RESENHA CRITICA
 
Passos para uma boa redação
Passos para uma boa redaçãoPassos para uma boa redação
Passos para uma boa redação
 

Semelhante a Roupas na história

Tempo e espaço nos quadrinhos
Tempo e espaço nos quadrinhosTempo e espaço nos quadrinhos
Tempo e espaço nos quadrinhosAlexandro de Souza
 
Micro História
Micro HistóriaMicro História
Micro HistóriaJoão Lima
 
Cultura popular uma reflexão necessária
Cultura popular uma reflexão necessáriaCultura popular uma reflexão necessária
Cultura popular uma reflexão necessáriaHENRIQUE GOMES DE LIMA
 
Entre praticas e_representacoes_os_folhetins_nos_anos_sessenta
Entre praticas e_representacoes_os_folhetins_nos_anos_sessentaEntre praticas e_representacoes_os_folhetins_nos_anos_sessenta
Entre praticas e_representacoes_os_folhetins_nos_anos_sessentaSilvana Oliveira
 
Mythologies, Roland Barthes
Mythologies, Roland BarthesMythologies, Roland Barthes
Mythologies, Roland BarthesLuis Rasquilha
 
Amodafemininaocidentalnaliteraturadosculo xix
Amodafemininaocidentalnaliteraturadosculo xixAmodafemininaocidentalnaliteraturadosculo xix
Amodafemininaocidentalnaliteraturadosculo xixLeandro
 
Dissertao -rubens_gomes_lacerda
Dissertao  -rubens_gomes_lacerdaDissertao  -rubens_gomes_lacerda
Dissertao -rubens_gomes_lacerdaSandra Oliveira
 
François hartog 02 08 tempo e patrimônio
François hartog 02 08 tempo e patrimônioFrançois hartog 02 08 tempo e patrimônio
François hartog 02 08 tempo e patrimônioDany Pereira
 
Movimento Literário Realismo -
Movimento Literário Realismo - Movimento Literário Realismo -
Movimento Literário Realismo - Gabriel Alves
 
Movimento Literário Realismo: A diferença do comportamento humano conforme a ...
Movimento Literário Realismo: A diferença do comportamento humano conforme a ...Movimento Literário Realismo: A diferença do comportamento humano conforme a ...
Movimento Literário Realismo: A diferença do comportamento humano conforme a ...Gabriel Alves
 
Hartog tempo e patrimônio
Hartog tempo e patrimônioHartog tempo e patrimônio
Hartog tempo e patrimônioRosa Correia
 
A massa na literatura: a recepção crítica de harry potter
A massa na literatura: a recepção crítica de harry potterA massa na literatura: a recepção crítica de harry potter
A massa na literatura: a recepção crítica de harry potterRafael Dos Prazeres
 
Reflexoes sobre homo_sociologicus
Reflexoes sobre homo_sociologicusReflexoes sobre homo_sociologicus
Reflexoes sobre homo_sociologicusRenata Assunção
 
Reflexoes sobre homo_sociologicus
Reflexoes sobre homo_sociologicusReflexoes sobre homo_sociologicus
Reflexoes sobre homo_sociologicuscelemggjunior
 
Lallement, Michel - Historia das Ideias Sociologicas v1.pdf
Lallement, Michel - Historia das Ideias Sociologicas v1.pdfLallement, Michel - Historia das Ideias Sociologicas v1.pdf
Lallement, Michel - Historia das Ideias Sociologicas v1.pdfCarinaSilva626903
 
Ideologia sociologia do conhecimento
Ideologia   sociologia do conhecimentoIdeologia   sociologia do conhecimento
Ideologia sociologia do conhecimentoEsser99
 

Semelhante a Roupas na história (20)

Tempo e espaço nos quadrinhos
Tempo e espaço nos quadrinhosTempo e espaço nos quadrinhos
Tempo e espaço nos quadrinhos
 
Micro História
Micro HistóriaMicro História
Micro História
 
Cultura popular uma reflexão necessária
Cultura popular uma reflexão necessáriaCultura popular uma reflexão necessária
Cultura popular uma reflexão necessária
 
Entre praticas e_representacoes_os_folhetins_nos_anos_sessenta
Entre praticas e_representacoes_os_folhetins_nos_anos_sessentaEntre praticas e_representacoes_os_folhetins_nos_anos_sessenta
Entre praticas e_representacoes_os_folhetins_nos_anos_sessenta
 
Mythologies, Roland Barthes
Mythologies, Roland BarthesMythologies, Roland Barthes
Mythologies, Roland Barthes
 
Amodafemininaocidentalnaliteraturadosculo xix
Amodafemininaocidentalnaliteraturadosculo xixAmodafemininaocidentalnaliteraturadosculo xix
Amodafemininaocidentalnaliteraturadosculo xix
 
Dissertao -rubens_gomes_lacerda
Dissertao  -rubens_gomes_lacerdaDissertao  -rubens_gomes_lacerda
Dissertao -rubens_gomes_lacerda
 
Hannerz
HannerzHannerz
Hannerz
 
A nova historia cultural
A nova historia culturalA nova historia cultural
A nova historia cultural
 
François hartog 02 08 tempo e patrimônio
François hartog 02 08 tempo e patrimônioFrançois hartog 02 08 tempo e patrimônio
François hartog 02 08 tempo e patrimônio
 
Favelas
FavelasFavelas
Favelas
 
Movimento Literário Realismo -
Movimento Literário Realismo - Movimento Literário Realismo -
Movimento Literário Realismo -
 
Movimento Literário Realismo: A diferença do comportamento humano conforme a ...
Movimento Literário Realismo: A diferença do comportamento humano conforme a ...Movimento Literário Realismo: A diferença do comportamento humano conforme a ...
Movimento Literário Realismo: A diferença do comportamento humano conforme a ...
 
Hartog tempo e patrimônio
Hartog tempo e patrimônioHartog tempo e patrimônio
Hartog tempo e patrimônio
 
A massa na literatura: a recepção crítica de harry potter
A massa na literatura: a recepção crítica de harry potterA massa na literatura: a recepção crítica de harry potter
A massa na literatura: a recepção crítica de harry potter
 
Não lugar
Não lugarNão lugar
Não lugar
 
Reflexoes sobre homo_sociologicus
Reflexoes sobre homo_sociologicusReflexoes sobre homo_sociologicus
Reflexoes sobre homo_sociologicus
 
Reflexoes sobre homo_sociologicus
Reflexoes sobre homo_sociologicusReflexoes sobre homo_sociologicus
Reflexoes sobre homo_sociologicus
 
Lallement, Michel - Historia das Ideias Sociologicas v1.pdf
Lallement, Michel - Historia das Ideias Sociologicas v1.pdfLallement, Michel - Historia das Ideias Sociologicas v1.pdf
Lallement, Michel - Historia das Ideias Sociologicas v1.pdf
 
Ideologia sociologia do conhecimento
Ideologia   sociologia do conhecimentoIdeologia   sociologia do conhecimento
Ideologia sociologia do conhecimento
 

Último

Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoModelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoprofleticiasantosbio
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURADouglasVasconcelosMa
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETODouglasVasconcelosMa
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 

Último (20)

Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoModelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 

Roupas na história

  • 1. Modelo de resenha temática Publicado originalmente no blog www.lendo.org - Acesse para mais modelos de resenhas AS ROUPAS NA HISTÓRIA Reynaldo Damazio Com o advento da história das mentalidades e do cotidiano, um novo enfoque tomou conta dos estudos historiográficos. Os heróis foram substituídos pelos cidadãos comuns e os "grandes ciclos" se pulverizaram nos movimentos oscilantes do dia a dia. O historiador abandonou o "plano geral" e passou a se dedicar aos detalhes, montando um quebra-cabeças com os micro-processos que dão alento aos fatos históricos. Essa perspectiva teórica se desdobrou na recente moda dos estudos culturais. Muita bobagem tem sido dita e impressa sob tal rubrica, mas às vezes um ou outro estudo realmente sensível e pertinente merece atenção. É o caso de O casaco de Marx - roupas, memória, dor; de Peter Stallybrass, professor de inglês da Universidade da Pennsylvania. O livro traz dois pequenos ensaios que têm como assunto central a questão da vestimenta nas relações sociais, estabelecendo finas interligações entre o universo do uso pessoal, da subjetividade, e o das complexas redes de sociabilidade. Numa abordagem original e curiosa, o autor explora o processo de humanização das roupas, que se amoldam não apenas ao corpo, mas à sensibilidade das pessoas, carregando marcas profundas de quem as usa. A história social acaba impressa nos objetos que fazem parte da vida das pessoas. Roupas e objetos são preciosos depósitos da memória, material impregnado de informações que esperam por uma interpretação acurada, capaz de resgatar os pedaços de uma história perdida, ou menosprezada. Nesse resgate pode-se compreender os modos como a ideologia vai se infiltrando e metamorfoseando nas mínimas esferas dos sentimentos pessoais. Ou como os valores se traduzem no gestual, nos hábitos, nos rituais de comportamento. No segundo ensaio, Stallybrass demonstra a importância do casaco de Karl Marx, em suas idas e vindas à loja de penhores, num momento crucial de sua vida de intelectual que mudaria a história da humanidade. Justamente durante o duro inverno londrino em que estudava na biblioteca do Museu Britânico para a redação de sua obra máxima, O capital. Operando uma inversão ousada de conceitos, o autor rediscute a questão da mercadoria e do Retirado do endereço http://administracao.faccat.br/moodle/mod/resource/view.php?id=89
  • 2. Modelo de resenha temática Publicado originalmente no blog www.lendo.org - Acesse para mais modelos de resenhas fetiche, termos centrais na filosofia marxista, a partir de relação sofrida do filósofo e economista com seu casaco, reflexos de suas crises financeiras. Stallybrass faz uma surpreendente reflexão sobre o valor de uso e o valor afetivo, demonstrando que os objetos que amamos e que transformamos em extensão de nossa sensibilidade assumem valores que muitas vezes transcendem a mera relação de mercado. O casaco de Marx - roupas, memória, dor, Peter Stallybrass, tradução de Tomaz Tadeu da Silva, Autêntica, 1999, Belo Horizonte, 127 pp., tel. (0xx31) 318 6135, formato 11 x 15 cm.1 REFERÊNCIAS DAMAZIO, Reinaldo. As roupas na história. Disponível em: <http://www.weblivros.com.br/nao-ficcao/casacodemarx.shtml>. Acesso em: 9 jan. 2005. FIORIN, José Luiz: SAVIOLI, Francisco Platão. Para entender o texto: leitura e redação. São Paulo: Ática, 1998. 1 Para fornecer os dados sobre a obra resenhada, o autor optou por esta forma de registro. Na Faccat recomendamos colocar no começo da resenha: livro resenhado (título), autor, editora, local, ano, nº de páginas, preço; contextualização (dissertação, tese, coletânea de artigos, obra literária, etc.), tema do livro e objetivo do autor. Retirado do endereço http://administracao.faccat.br/moodle/mod/resource/view.php?id=89