SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
Olá, aluno(a)! Está com dificuldade ou sem tempo para elaborar
essa MAPA? Iremos te ajudar!
Entre em contato
(63) 99129-5554
MAPA – BEDU - GESTÃO ESPORTIVA - 54/2023
O desenho de um projeto esportivo exige estudos, discussões e análises entre todos os
envolvidos no desenvolvimento do projeto. Essa fase de desenho também pode ser entendida
como um “pré-projeto” que depois de refinado irá alimentar a estruturação do projeto
completo. Questões como: “Quem somos?”, “O que queremos?”, “Quais os envolvidos?”,
“Qual o tempo de duração?” e “Para quem o projeto é pensado?” orientam a escrita bem
fundamentada de um projeto, uma vez que essas questões nos auxiliam a escrever uma
introdução, as justificativas, objetivos e metas que o projeto idealiza
SANTOS, L. L. S. R. Gestão Esportiva. Maringá: Unicesumar, 2021
Neste contexto, realize a seguinte tarefa: idealize uma instituição esportiva com as
seguintes características: que vise desenvolver um trabalho de iniciação esportiva de uma
modalidade com crianças e adolescentes em vulnerabilidade social, como o intuito de formar
adeptos da modalidade e, posteriormente, equipes de rendimento esportivo. Após isso,
responda
a) Quem somos (instituição)?
b) O que queremos (objetivos)?
c) Quais os envolvidos no projeto (profissionais, voluntários, alunos, entre outros)?
d) Qual o tempo de duração do projeto?
e) Para quem o projeto é pensado?

Mais conteúdo relacionado

Mais de Azul Assessoria Acadêmica

QUESTÃO 8 • "A imagem sintética, por sua vez, pode ser inteiramente baseada e...
QUESTÃO 8 • "A imagem sintética, por sua vez, pode ser inteiramente baseada e...QUESTÃO 8 • "A imagem sintética, por sua vez, pode ser inteiramente baseada e...
QUESTÃO 8 • "A imagem sintética, por sua vez, pode ser inteiramente baseada e...Azul Assessoria Acadêmica
 
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...Azul Assessoria Acadêmica
 
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...Azul Assessoria Acadêmica
 
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...Azul Assessoria Acadêmica
 
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...Azul Assessoria Acadêmica
 
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...Azul Assessoria Acadêmica
 
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...Azul Assessoria Acadêmica
 
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...Azul Assessoria Acadêmica
 
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...Azul Assessoria Acadêmica
 
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...Azul Assessoria Acadêmica
 
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...Azul Assessoria Acadêmica
 
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...Azul Assessoria Acadêmica
 
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...Azul Assessoria Acadêmica
 
Questão 1 Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...
Questão 1  Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...Questão 1  Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...
Questão 1 Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...Azul Assessoria Acadêmica
 
Questão 1 Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...
Questão 1  Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...Questão 1  Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...
Questão 1 Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...Azul Assessoria Acadêmica
 
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023Azul Assessoria Acadêmica
 
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023Azul Assessoria Acadêmica
 
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023Azul Assessoria Acadêmica
 
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...Azul Assessoria Acadêmica
 
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...Azul Assessoria Acadêmica
 

Mais de Azul Assessoria Acadêmica (20)

QUESTÃO 8 • "A imagem sintética, por sua vez, pode ser inteiramente baseada e...
QUESTÃO 8 • "A imagem sintética, por sua vez, pode ser inteiramente baseada e...QUESTÃO 8 • "A imagem sintética, por sua vez, pode ser inteiramente baseada e...
QUESTÃO 8 • "A imagem sintética, por sua vez, pode ser inteiramente baseada e...
 
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...
 
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...
QUESTÃO 7 • "A renovação do interesse pelos estudos da imagem e da arte não a...
 
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...
 
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...
QUESTÃO 6 • "Portanto, segundo Mitchell, a cultura visual pode ser definida n...
 
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...
 
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...
Levando em conta o conceito de acreditabilidade e as informações apresentadas...
 
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...
 
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...
Questão 4 As indústrias promocionais – publicidade, marketing, relações públi...
 
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...
 
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...
Questão 3 Medidas e mapeamento são elementos facilitadores no processo de pla...
 
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...
 
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...
Questão 2 "Os novos aplicativos de inteligência artificial, que se tornaram p...
 
Questão 1 Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...
Questão 1  Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...Questão 1  Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...
Questão 1 Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...
 
Questão 1 Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...
Questão 1  Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...Questão 1  Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...
Questão 1 Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num ...
 
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
 
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
 
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
ATIVIDADE – SEMANA DE CONHECIMENTOS GERAIS - 54/2023
 
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...
 
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...
Na esfera mercadológica, a Realidade Virtual (RV) se encontra num momento de ...
 

Último

Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETODouglasVasconcelosMa
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURADouglasVasconcelosMa
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 

Último (20)

Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 

c) Quais os envolvidos no projeto (profissionais, voluntários, alunos, entre outros)?

  • 1. Olá, aluno(a)! Está com dificuldade ou sem tempo para elaborar essa MAPA? Iremos te ajudar! Entre em contato (63) 99129-5554 MAPA – BEDU - GESTÃO ESPORTIVA - 54/2023 O desenho de um projeto esportivo exige estudos, discussões e análises entre todos os envolvidos no desenvolvimento do projeto. Essa fase de desenho também pode ser entendida como um “pré-projeto” que depois de refinado irá alimentar a estruturação do projeto completo. Questões como: “Quem somos?”, “O que queremos?”, “Quais os envolvidos?”, “Qual o tempo de duração?” e “Para quem o projeto é pensado?” orientam a escrita bem fundamentada de um projeto, uma vez que essas questões nos auxiliam a escrever uma introdução, as justificativas, objetivos e metas que o projeto idealiza SANTOS, L. L. S. R. Gestão Esportiva. Maringá: Unicesumar, 2021 Neste contexto, realize a seguinte tarefa: idealize uma instituição esportiva com as seguintes características: que vise desenvolver um trabalho de iniciação esportiva de uma modalidade com crianças e adolescentes em vulnerabilidade social, como o intuito de formar adeptos da modalidade e, posteriormente, equipes de rendimento esportivo. Após isso, responda a) Quem somos (instituição)? b) O que queremos (objetivos)? c) Quais os envolvidos no projeto (profissionais, voluntários, alunos, entre outros)? d) Qual o tempo de duração do projeto?
  • 2. e) Para quem o projeto é pensado?