O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Almanaque wicca 2015

6.739 visualizações

Publicada em

Almanaque Wicca 2015, com todas as datas e organizações para os wiccanianos...

Publicada em: Espiritual
  • Seja o primeiro a comentar

Almanaque wicca 2015

  1. 1. ,-1 : Íí 1I_É?3.Í4;- (11 15"; x¡ _- ç ç Nh›l'. ',| l.tl. mqlrã'z d". . - f" 1322?; . " HPV). ' a Ri¡ r $- . ílmz-'úxuxptnind __ _q_ . . *UÍIÍnuuhÍ . Já-J. “M” ' . da Lua e do Sol nos signos, Luas Fora de Curso e datas comemorativas pagãs j f* l 1/77 d” _. .›_, ou s. .. j» 1 mng_ptyc_w GUIA CONTEMPORÂNEO DE MAGIA E ESPIRITUALIDADE Conheça algims assuntos que vão encantar você! Viva a magia 24 horas por dia Bruxas surfam as ondas de azar Ritual para magia no lar Autossabotagem: quando você é o seu pior inimigo Magia com anjos Feitiço para o sucesso Técnica para criação de seres astrais Magia egípcia e Wicca Feitiços para turbinar sua prosperidade O medo, a Vibração mais baixa do mundo Como entrar em contato com as fadas Prática wiccana entre brasileiros Prece para autoestima Calendário do ano de 2015, com fases da Lua, entrada Editora Pensamento atendimento@editorapensamento. com. br 9 771981 846154 ISSN 977-198- 1 84-615-4
  2. 2. _ljdlídíflí . ' ll '“_ . Y ç N, l. g . . , . N j A n" r _ ¡- _ t ç , J ' ' . - » i 'i A Fra? ! I/ 'b 2 * u"ç(¡ « ¡lmd A " . W "a LH" CN". 'nh' l 'li- r_ . .v~ , 1 A ~ , u É : ñwl > l ; i'm í, gr_ . .p f Í ¡ i f r _ _ . rxQ o ~ _ _ / / I , ' I ' * ~ z' m _o c. í à; - ° (¡lll, t'HNlI. l'4>I'hJIHIH 'Hs 4 / I ^I(l'| (| l*-l'll'lllllll'l'l (ll¡nhl'l| Illuunn -lihlllllnu qu¡ n ! ou - III-lulu¡ um' / /y/ V - Vnu¡ . i nmym 'Ihmi p. .. -lit I“Tllhlü'-IlIÍ. |l| I4I«IUlIn| I . I. n u (àl| |¡ l )| M/ HIA I lSPIRIT! J/LIH/ DIÊ o Rilunl ; um Ilmym nu Lu - / |1l<›~. '.. I|II›I. Iy_u m «pmnnln m» a . A -u ¡ww Inmm u - Mania n um . num - Feitiço ; um n an. . _n - 'Ii-alma ¡mm a ll4l¡'4“l «I. .n. :I: u - Magia L-; gqu I. I c* u n. . . n - liriliws ¡Luu Iml-unn -. n.¡ ¡nu ¡w- ml ¡. I. - (l Illcnln, .l 'llIl. |<_. IIIlI| .IIu In u» n . lu mumln - (Zumo vnlm¡ um u nnlalu - um n I . .I u - Prfllim Wlu. |l| .I rnl- | v|. v.I| u nn o Pnxx-pau¡ -IllÍ1!I'^. l|ll. l - (ÍHICIHLÍIÍU IIIIJHH ul 'HI . .um l n - -Iu l u¡ . nl¡ ul» , V da¡ Lu-. i Cnh¡ hn¡ Ilo'. -. ¡;nu«. _ I u. . lu¡ . .| . i . i. . .. . I u. ' comemorativa» ¡›. ¡y_. ¡~. EdItoraPensammo - i r um - h' _ El* : :;": ::. ::: ::1:: ;:: ::: ::: ::""""'" J_Hill! |11|Ulluliililçlllílii ' 4;» Jc' _ A u. _ o 7 ' r >, _›¡_› A _ A V" ' ! g3 (', I I'NI ? ARIO COMPLETO l 'IF'
  3. 3. .. t íííã Àpresentaçao lWI- um. u xl/ nnnnn/ m' Wiuvw foi buscar para você o conhecimento n¡ qu. u ill n j-, mnrli-. x pr; iczmics; (lc magia! Você vai saber como éo coti- rm* r: ;aprenderá a fazer encantamentos egípcios, .. un -lunjg- . m. n . uijuu pogñcs nmígicns para todos os fins; rituais para ter . II Ilui . Im lumm l› ¡n-. pnutsu, sun-sm». (um. prosperidade e driblar ondas de azar. .. Enfim, .. .um uva n . I magia .14 horas por dia! Além disso, ainda tera' o Calen- . I um . WII 'v um¡ Imlux us informações de que precisa para potencializar llllJlljlll l riu . Illhllilclllnl Com o Almanaque Maca, seu 2015 sera definiti» x mn nu MÁ( il( ÍU! - Denise Rocha Sumário I Viv. I . l Magia 24 Horas 9B A Maldição do Faraó 1"" l ¡Í-I lol Depois de uma Discussão ll Ihuxas Surlínn . '|. ' Ondas m5 A Maya dos Anjos 'h' A"" m9 Feitiço para o Sucesso ll lise Almsc Alas Poções u¡ Mash dos Sclwdmes Mijçn . |' -Técnicas para a Criação m Iínuunmiiciiiim para Ter d: sem Asmk luspiiaipiz) H7 Águas da Cura U9 As Linhagem Sagradas dos Bruxo: 123 Dragões do Sol e da Lua nu Magia Egípcia e a Wicca: Mais Próximas do que se Imagina : as Dança Cósmica l| | l l. u. : Wicczum entre ilmílv' . - ro 1m u| ›.¡; .u› dc Sonhos E7 Lijçuc . w ; in seu Coração! su¡ 'Iiilu-Lis do Almanaque Wicca (IÃ ; nino ¡Lvi ls) u¡ ( Mr-iuliirii: Wi *a ue ( Énnm iiiurar um Contato um¡ . o Hilux me O_P_°VD Pequena _ N¡ H Mvdu_ u MMS BMX¡ no Feitiços-para Turbinar sua VllW- 10th) MUIKÍO Prosperidade un Rmjgan* do Saigrnclt) Feminino 155 D°V°ÇÕ°5 ' A ? Tilda Cotidiana do Wiccano im Hinml para¡ | lurmoniit nu I. .u (58 Veja a sua Casa sob uma m' Au| n~x. ¡ln›i; ¡gn-Iii: Quando Nm” Lui Vu- : '- Iu n . vn-u Pior inimigo [ao Prece para a Autoestima Viva a Magia 24 Horas por Dia Eu tenho percebido que muitas pessoas que entram para a Wicca não sabem direito o que realmente significa viver como uma bruxa. Elas celebram os esbat: e os sabbatx, fazem feitiços quando precisam de alguma coisa, mas, no resto do tempo, é como se não fossem bruxas, como se desligassem a magia de sua vida. Mas e' possivel trazer um pouco de magia para cada minuto, para cada aspecto de seu dia. Como fazer isso? Eu tenho várias sugestões. A primeira coisa de que você vai precisar e' um conjunto de simbolos mágicos que representem seus desejos sagrados. Esses desejos não devem ser coisas bobas como um iPhone ou uma camiseta de marca. Devem ser coisas importantes, das quais você precisa para ser uma pessoa realizada e feliz. Em uma lista inicial eu incluiria: saúde, prosperidade, proteção, amor, amizade e sucesso profissional. Você pode se ater apenas a essa lista ou acrescentar outros desejos, como beleza, carisma ou facilidade para se expressar. Você vai precisar de um simbolo para cada uma dessas neces- sidades ou desejos. Que simbolos vai usar? Isso é com você. Você pode escolher um conjunto de simbolos já existentes ou compor cada um dos simbolos para que sejam exclusivos e pessoais. Se escolher usar um conjunto já existente, pode usar, por exemplo, as runas. Nesse caso sugiro que consulte o livro Mzktéríu: Ndrdíror, de Mirella Faur. Ou você pode usar o que chamamos de bindrunes, simbolos que combinam duas ou mais runas. Se você procurar por bíndrune: na internet, vai achar vários sites com inúmeras suges- tões de bindrunex prontas ou instruções sobre como criar as suas. Não se apresse na escolha desses simbolos, pois eles ficarão na sua vida por muitos anos, e essa escolha é talvez uma das mais impor- tantes que você vai fazer. Depois de escolher seu conjunto de simbolos, você precisa consagra-los. Esse processo precisa ser feito dentro de um circulo 9111/13
  4. 4. mágko_ com a presença dlOS elementos e das divindades de sua escolha. Se você estiver usando as runas ou bimíruner, sugiro que charme Freyja ou Odin (dependendo de quem você considere o grande criador das Runas), as Nomes (porque são as Senhoras do Destino) e os espiritos das 24 Runas . Espere ai, você pode pergun- tar, as runas são espiritos? ! . Sim, elas são. São espiritos porque São forças, entidades com consciência própria e individual. Você pode meditar com elas, pode conversar com elas. E, se vai usa-las Em sua magia, nada mais cortes do que convida-las a entrar H0 SEU círculo e pedir sua ajuda. Se você estiver usando as bindrunes, cha: me pelo espirito de cada runa que compõe a Éíndmm” que V°°A° criou ou decidiu usar. E sempre chame por Isa e Kaunaz. Por que? Porque elas são as duas Runas Mães, as criadoras; todas as outras são compostas pela união de Isa e Kaunaz. Se você não estiver usando as runas ou bindmner, chame pelas divindades de sua preferência. Consagre cada simbolo ou / zindeune para lhe trazer aquilo que esse símbolo representar. Para realizar essa consagração, desenhe o símbolo numa folha de P3P# 0" faça-o em três dimensões, usando argila ou qualquer material de (mu. 1 x' n [lili ' / III/ /il/ /tr/ /tl mu. ..” I o I llnllwu. . u. .. _. ... ..u-" suaescolha. imponha as mãos sobre o simbolo e imagine-o brilhan- do com : :energia do que ele deve representar. Veja a Deusa e o Deus doando energia para seu simbolo, assim como os elementos e quais- quer outras energias que você tenha invocado. Determine que todas as vezes que você traçar esse simbolo, estara trazendo para sua vida a energia que ele representa. Esse processo e' longo, porque você precisa energizar seus simbolos um por um. Sugiro não tentar fazer todos de uma só vez; faça de três em três, por exemplo. Depois que todos os seus símbolos forem energízados e consa- grados, e' hora de coloca-los em pratica. Para isso você vai espalhar esses símbolos pela casa e seus objetos pessoais. Quando for possi- vel, pinre ou escreva o simbolo no objeto com marcador per- manente. Quando for marcar roupas, use canetas especiais para escrever em tecido e opte por locais onde o simbolo não será visto pelas outras pessoas. Uma opção, no caso de objetos, é comprar uma daquelas canelas de tinta invisível, que só aparece sob luz negra ou ultravioleta. Aqui vai uma lista de ideias de como usar os símbolos citados e mais alguns: t) Proteção. Faça o símbolo em todas as portas e janelas da sua casa, nos pneus de seu carro, em sua bolsa, em sua mesa de trabalho ou no armário da escola. Faça dentro de seus sapatos (não na sola ou na parte que fica em contato com as solas dos pés, mas nas laterais ou no peito do pé). Faça também no com- putador e no celular. 2) Saúde. Faça o simbolo no Fogão, na geladeira, no micro-ondas, em todas as suas panelas, nas colheres de pau, no liquidifica- dor, nas formas de assar bolos e carnes. Se você deixa água na geladeira, passe a usar uma vasilha de vidro e faça os símbolos na vasilha para energizar a água. Faça no seu filtro ou purifica- dor de água. Faça na embalagem dos cremes que você usa no rosto, no seu desodorante e na sua escova de dente.
  5. 5. nl fh-usperldade. Faça também desnrro dos sapatos (não na sola), nn bolsa, na carteira, em sua mesa de trabalho, na porta de entrada da sua casa. 4) Sucesso. Faça nas bolsas, nos sapatos, em suas roupas, na porta de entrada da casa, nos seus instrumentos de trabalho (compu- tador, esteroscópio, jaleco etc). 5) Beleza. Faça em todos os cremes e itens de maquiagem, nas suas joias e roupas. o) Comunicação. Faça em seu computador, no seu celular, no apa- relho de telefone fixo. 7) Àmor. Faça em suas roupas, em suas joias e acessórios, na sua maquiagem, nos seus pentes e cremes de cabelo. a) Purificação. Se fizer um símbolo de purificação, inscreva-0 no chuveiro e no sabonete, transformando seu banho diário num ritual de purificação em si mesmo. Se possivel, faça todos os simbolos nos azulejos do seu banhei- ro para cercar-se deles quando for tomar banho. Faça-os discreta- mente nas paredes e objetos de decoração de seu quarto para dormir também cercado por eles. Consagre todos os seus sapatos para que cada passo seu seja um passo rumo ao sucesso. Se você adora usar Havaianas como eu, quando for comprar seu próximo par aceite a sugestão de colocar aqueles enfeites que são vendidos nas lojas da marca e escolha simbolos ligados ao que você deseja. Quando eu estava trabalhan- do para me mudar para o (irritada. por exemplo, eu mandei colo- car bamdcírinhas do (Ianadá nas minlas Havaianas e as consagrei ; rara que cada parssu meu li›ssc um prsso rumo ao Canada'. Pois bem. aqui estou eu. escrevendo este texto em Vancouver, onde moro desde 2012. a-~ Â . !g/ I ' “v @s 8,: tqf É os e» _%/ ' Se você estiver na escola ou estudando para algum concurso, crie símbolos para concentração e memorização e desenhe-os em seus cadernos e livros. Esta é apenas uma lista de ideias para você começar. Aposto que você já pensou em muitos outros simbolos e maneiras de usa-los enquanto estava lendo minha lista. A cada mudança de es- tação, faça novamente o ritual de consagração dos simbolos ori- ginais, que você deverá desenhar em seu Livra da: Sumbrax, para reforçar a intenção por trás de cada símbolo. Esse reforço pode ser feito com todos os simbolos desenhados na mesma folha, simples- mente energizando cada um deles e visualizando-os serem energi- zados em todos os objetos nos quais foram desenhados. Com isso, você estará vivendo cada aspecto de seu dia de modo mágico e concentrando suas energias no que deseja manifestar na sua vida. Magia não deve ser algo que você apenas faz de vez em quando. Precisa ser algo que você “viva", que faça parte de você 24 horas por dia, 7 dias por semana. AMagia está ao seu redor, sempre esteve. É hora de trazê-la para dentro de você. Que seus simbolos sejam abençoados! - Nzelyan Vyvern
  6. 6. Bruxas surfam as Ondas de Àzar Você ja' passou por uma ainda de azar? Ja? Então bem-vindo ao clube! Todo mundo, de vez tem quando, enfrenta maus momen- tos. Inclusive as bruxas! Algumas pessoas têm a noção equivocada de que se, fizerem tudo iicerto", nada dará errado na vida delas. Infelizmente, isso não e' verdade. Às vezes, você fará tudo certo e, mesmo assim, o mundo cairá na sua cabeça. Algu- mas pessoas se revoltam ou se desesperam. Mas não as bruxas. Bruxas manjam dos paranauês! Bruxas e bruxos sabem que não existe acaso nem coincidência, e procuram interpretar o momento ruim que estão vivendo. Dali, tiram uma lição, crescem e se tornam melhores. Quando se trata de ondas de azar, bruxas e bruxos sabem surfar! Se você anda com uma nuvem negra sobre a cabeça, procure descobrir o motivo. Na magia, o diagnóstico e' sempre muito im- portante, pois você precisa saber onde esta o problema para dire- cionar sua magia corretamente. Seguem alguns motivos que podem estar fazendo sua vida andar delado como um caranguejo. Conta do "Cred-arma" chegando! Faça agora e pague na próxima vida! Todos temos karina, uma cmtinha básica para reparar os erros que cometemos nesta e em outns vidas. E ai, de vez em quando, BUM! , a conta chega por debaizo da porta. 90-*5196 confluência astrológica dos infernos De vez em quando, os astros resolvem nos pregar uma peça. (Éomo na primeira metade de 2014, por exemplo. Se você foi um dos raros Felizardos a não sofrer nada nesse periodo, deve ao me- nos ter visto as noticias escabrosas de violência que ponruaram esses meses. Basicamente, vários planetas estavam retrógrados, in- cluindo Marte (o que incitou a violência e a covardia, ao mesmo tempo que tirou energia de impulso para todo tipo de trabalho e projeto). Para completar, também tivemos uma Lua Sangrenta no dia 15 de abril, com quatro planetas cardinais em ângulo de 90 graus. E, sim, isso e' bem ruim! Seria uma conjunção tipica do dia do Casamento Vermelho da Guerra do: Honor! Enfim, citei um exem- plo mais recente de conjunção excepcionalmente ruim para que você saiba que, sim, os astros interferem diretamente em nossa vida e, por vezes, nosso mapa astral nos condena a um periodo de provações que parecem não ter fim. Leis Universais As Leis Universais são implacáveis e democráticas. Se aplicam a qualquer um, em qualquer lugar ou tempo. Uma dessas leis se chama Ação e Reação. Se você jogar uma bolinha com força numa parede, ela voltará direto para o seu nariz. E você não poderá reclamar, pois foi você quem jogou. Na maioria das vezes em que passamos por um apuro, estamos na verdade colhendo o que plantamos. Não se pode esperar colher morangos se plantamos cebolas! Então, devemos observar, na situação em que vivemos, quais as decisões que tomamos, quais as ações que empreendemos e tentar corrigir o curso a partir do ponto de partida: nós mesmos. Outra Lei Universal é a Lei do Retorno, muito parecida. De acordo com essa lei, nós sempre recebemos de volta o que irradia- mos com nossas próprias ações, nem sempre imediatamente, nem sempre da mesma pessoa, nem sempre na mesma situação. Por Él>%7<C<B
  7. 7. exemplo, uma pessoa encontra uma carteira de dinheiro com identificação, mas prefere não devolver e ficar com o dinheiro. Em algum momento da vida, ;algo llie será tirado, algo será perdido, e ela sentirá na pele o que é estar do outro lado da situação. Maldições, feitiços, inveja e lugares carregados Aqui entramos no ramo da bruxaria e do oculto. Muitas vezes, a vida de uma pessoa dá para trás muito rapido, a ponto de ela se afundar de maneira abrupta ou sofrer um revés terrivel, perdendo tudo o que tem ou alguém que ama, ou tudo isso de uma só vez. Se quando a esmola e' grande, o santo desconfia, quando o azar é grande, o santo também desconfia! Se sua onda de azar esta além do normal, e' hora de parar e analisar a situação para elaborar um plano de ação. A primeira coisa que você deve fazer é identificar quando co- meçou a onda de azar. Lembro avocê que, quanto antes agir, mais fácil será quebrar essa corrente de uruca. Quanto mais deixar para lá, mais dificil sera se livrar dessa uruca depois. Se seu azar come- çou quando você se mudou para uma nova casa ou um novo local de trabalho, desconfie do local. Ha' lugares muito carregados, pra- ticamente amaldiçoados, que podem atrasar nossa vida, e até nos matar! Se for esse o caso, analise se é possivel fazer uma limpeza energética no lugar. Ou se mudar ou arrumar outro trabalho. Se sua mare' de azar começou de repente, mas não houve ne- nhuma mudança de endereço, talvez você esteja sendo vitima de energia negativa direcionada a você. Pode ser inveja, um feitiço ou mesmo uma maldição (que também é um tipo de feitiço). Apesar da sua enorme curiosidade para saber quem foi o mau elemento sem compostura que fez isso con você, o mais importante e' neu- tralizar essa energia, limpar o ambiente L' seu campo áurico e se proteger para que cnc “malf nã¡ tcntctlt- novo. Hzi Inuitas mughis par: : qua-hr¡ I' Íbiiiçns, limpar o ambiente ese proteger, c você tlcvcrlcst ulrri r q 1.1¡ t'- u ideal para você. Em alguns : i4 l O-li casas, você terá que jogar pesado. Em outros, bastará um feitiço s¡ ¡iples e você já estará de volta ao jogo! A melhor proteção A melhor proteção contra energias negativas é ter pensamentos L' sentimentos elevados e saudáveis. A partir do momento em que você sucumbe a pensamentos negativos ou sentimentos de rancor, dc vitimismo, de medo, você abre a guarda para que as energias negativas invadam. As vezes, elas estão por ai, e se colam em você porque se identificam com a sua energia. Você as leva consigo e elas se alimentam do seu pensamento e emoções negativos, sem- pre procurando incentiva-los ainda mais. Por isso, o melhor a fazer é manter sua energia saudável. Aliás, não só a sua, mas a da sua casa! Procure tomar banhos mágicos para manter sua aura brilhante, passar poções na sua casa, fazer rituais de agradecimento de vez em quando, tomar elixires ou pós para manter seu padrão vibracional equilibrado, além de alimen- tar sua energia com coisas boas e bonitas. Veja bons filmes, leia bons livros, veja coisas belas e encha-se de luz! É a melhor manei- ra de manter a escuridão longe. Poção de limpeza para todos os casos Essa poção me foi passada por Saint Germain e pode ser usada em qualquer situação, tanto para banhos quanto para a casa ou o carro. Você vai precisar de: 1 litro de água Um vidro de seiva de alfazema ou perfume de lavanda Pétalas de uma rosa branca Um cristal branco (quartzo) Sete pedrinhas de sal grosso Uma vela branca Um incenso ã>D7940<B
  8. 8. Acenda a vela branca e o in- censo, enquanto faz suas orações normalmente. Coloque a agua num recipiente. Misture o sal grosso, junte o quartzo, o perfu- me e coloque as pétalas com amor, agradecendo à rosa pela sua energia. Coloque as mãos em concha sobre a mistura e feche os olhos. Peça à Grande Mãe, à Ísis, à Maria, ou a divindade femini- na que você preferir, que coloque nessa poção sua energia de limpeza e proteção. Faça seus pedidos e entoe mantras. Um indicado e' o Om Mani Pad Me Hum, que surte efeitos maravilhosos. Quando terminar, agradeça e deixe tudo ali por mais algum tempo (meia hora ou até quando a vela se apagar). Coe e use a poção. Você pode borrifar no ambiente (casa, trabalho, carro) ou tomar um banho com ela da seguinte maneira: depois do seu banho normal, derrame a poção do pescoço para baixo. Não se seque e vista uma roupa clara. Nesse dia, evite co- mer demais, especialmente alimentos densos como carne, e evite bebidas alcoólicas. - Eddie Van Feu i' “Ser wlccano é tanto confiar em sl mesmo quanta nos poderes su- periores. A Wicca não torna você uma pessoa diferente; na verda- de, ela o ajuda a conhecer quem você é Iá no fundo, de moda que possa aceltar o seu verdadeiro eu. " - Confissões de uma Bruxa Adolescente, Gwlnevere Rain, Ed. Pensamento. ã>t- ll) KE Use e Àbuse das Poções Mágicas Trabalhar com poções e' uma forma de expressar a magia em forma liquida! lngeriveis ou não, elas podem ser utilizadas para qualquer fim: aumentar a prosperidade, atrair o amor, intensifi- car o potencial mágico, promover a saúde etc. Assim como os feitiços, e' preciso ter muito cuidado ao se ministrar poções, pois elas são combinações de ervas e outros elementos que, quando ingeridas, podem causar malefícios à saude. Por isso, antes de se aventurar na criação de poções, reúna um bom conhecimento sobre ervas e seu manuseio. instrumentos pára as poções Para o preparo de poções é importante ter instrumentos puri- ficados e consagrados para o uso específico em artes magicas: Caldeirão: Esse instrumento indispensável deve ser de barro, ferro, vidro, ágata ou cerâmica. Caldeírões de aluminio não são usados em magia. O raladon Um ótimo aliado quando se trata de ervas mais resis- rentes, como o gengibre e os bulbos. Pilão: No pilão, você pode macerar ervas com mais facilidade e preparar unguentos e pós. Pencil-a: Ê ótima para coar as poções, mas tem quem prefira os filtros de papel para esse mesmo fim, pois filtram muito melhor e são muito mais práticos. Preparação das poções Para se preparar uma poção, seguem-se as mesmas diretrizes de um feitiço, Escolha a melhor fase lunar, o melhor dia e o melhor horário relacionado ao seu desejo. Deve-se mexer a poção no cal- deirão no sentido horário quando se quer construir, adquirir benefícios, atrair energia benéfica etc. E no sentido anti-horario 9t~1l~c<x
  9. 9. quando se quer banir, terminar algo, livrar-se de algo. É muito importante que o local onde se faz a poção esteja limpo magicamente e que o praticante esteja vibrando numa energia compa- tivel com o efeito que deseja atingir com a poção. Se quero atrair o amor e estou muito infeliz, é esse sentimento que ficara' impresso na poção, pois a água é o mais receptivo dos elementos, e o sentimento é magia. Ao utilizar as ervas para as poções, seja cuidadoso, procure saber a procedência das ervas e, se tiver a possibilidade de colhe-las, faça isso no horário propi- cio para o seu propósito. Ao preparar a poção, se possivel acenda uma vela e um incenso de acordo com o seu desejo e consagre a poção antes de utiliza-la. Segue abaixo algumas receitas de poções, que você deve fazer com base. Poção para despertar os poderes psíquicos Em uma segunda-feira, derrame uma xícara e meia de água com duas folhas de limoeiro, dois punhados de tomilho, duas par- tes de casca de laranja, um punhado de cravo e outro de canela. Tome esse chá antes de qualquer pratica divinatória ou de viden- cia, pois ele aprimora os dons pessoais. Poção para fortalecer o campo energético Ingrediente: : l ametista; 1 sodalita; l turmalina negra. Preparação: Primeiro purifique os cristais, lavando-os com leite de vaca cru e frio e depois com água da chuva. Coloque os cristais num pote de prata ou cobre cheio de água mineral e deixe des- cansar durante a noite. Pela manhã, divida a água dos cristais em três porções e tome três vezes ao dia. ãl>l-12_0<i Poção da sedução Ingrediente: : 1 taça de vinho tinto; I limão; 1 vela vermelha; l incenso de canela. Preparação: Coloque as raspas de limão na taça de vinho tinto, misture e mentalize as seguintes palavras: "O ardor do limão aquece : eu coração; o magia da: : yin/ ao desperta : ua paixão. Pe/ ãflec/ Ja do Cupido, :eu peito e' atingido”. Depois de dizer ou mentalizar esse encantamento, ofereça o vinho à pessoa amada. O incenso e a vela devem ser acesos em algum momento durante esse dia. O encan- to ganha mais poder se for realizado durante a Lua Cheia, em uma sexta-feira. Poção do amor Ingrediente: : Uma garrafa de vinho de boa qualidade, 8 sementes de cardamono (tempero usado na culinaria oriental), 1 almofariz. Preparação: Triture as sementes num pequeno pilão de madei- ra, até virarem pó. Depois abra a garrafa e coloque o pó dentro dela e cubra imediatamente. Deixe a garrafa ao relento por uma noite e retire-a antes de o sol nascer. Guarde-a num lugar onde ninguém veja ou toque e, quando surgir uma oportunidade, ofe- reça um cálice dessa poção à pessoa que você quer conquistar. Caso ela não possa consumir bebidas alcoólicas, substitua o vi- nho por suco de uva. Pó da fartura Ingrediente: : 1 colher de sopa de fermento, 3 colheres de sopa de trigo, 3 colheres de sopa de açúcar branco. Preparação: Misture todos os ingredientes no seu caldeirão e diga: "O: dente: do jízrturã ertão comigo. Que o prorperidade reino rima com! Arrim seja! A: :irn tejo! Assim seja! Derrame a mistura num vidro amarelo e coloque-a no sol por um dia. Esse pó mágico pode ser salpicado nos cantos de um estabelecimento comercial, à*l3àdâ
  10. 10. escritório ou casa. Pode ser collocado na gaveta de um escritório, ou num envelope ou pasta em¡ que estejam papéis que represen- tem “entrada”. Cuidado para mão colocar em um local onde haja contas! Na casa, o melhor lugçare' a cozinha, local que sustenta todo o lar. Poção da coragem Ingrediente: : Uma pedrinha de hematita, um copo com água fil- trada ou água da chuva, uma colher de artemísia (pode ser substi- tuida pelas seguintes plantas: orégano, maria-sem-vergonha, urtiga). Preparação: Coloque um copo de água para ferver no seu cal- deirão. Quando começar a ferver, apague o fogo e jogue a arte- misia dentro do caldeirão. Tampe-o e espere esfriar. Depois que esfriar, coe o liquido e guarde em um vidrinho com rolha (opcio- nal). Coloque a pedrinha de hematita na garrafa com o liquido. Devolva as ervas para a terra. Para usar essa poção, é só aspergir o liquido sobre a roupa que sera' usada, enquanto pede coragem aos Deuses. - Lumina Eterna Encantamento para 'Per Inspiração A energia da Lua Nova é incrível para dar inspiração, especial- mente se você não sabe por onde começar ou como concluir um trabalho de escola. A energia da Lua Nova proporciona a você um novo impulso ~ um jeito novo de olhar as coisas. Você precisará de: 0 Tinta guache (tinta para pintura a dedo | também serve) ' Um pincel para guache 0 Água j ° Papel Para este encantamento, vamos usar a ima- gem da espiral. Sente-se na sua escrivaninha ou na mesa da cozinha e feche os olhos. Coloque as mãos sobre o seu material (tintas, pincel etc. ) e peça ao Espirito para abençoá-los para que lhe deem inspiração e criatividade. Usando qualquer cor, pinte a espi- j ral sagrada no papel. Faça um desenho do tamanho que quiser; e não se preocupe - ele não tem que sair perfeito. Depois que o desenho da espiral secar, peça ao Espirito para que abra a sua mente e deixe-a repleta de inspiração. Passe o dedo pela espiral de fora para dentro, pensando na energia positiva que vem de fora e se transforma em criatividade dentro de você. Você está dentro da espiral. Depois passe o dedo novamente na espiral, agora de dentro para fora, pensando em você usando essa inspi- ração e criatividade, aproveitando essa energia e irradiando inspira- ção para o universo inteiro. - Kit de Magia para jar/ em, Silver RavenWolf, Ed. Pensamento. àl/ lãtféã
  11. 11. Prática Wíccana entre Brasileiros Um jovem bruxo veio me contar, na internet, quanto estava es- candalizado com uma amiga. Ele reclamava sobre o comportamen- to dessa amiga e como ela estava fazendo as coisas de forma errada, o tipo de consequências que isso teria em sua vida etc. E qual não foi minha supresa ao descobrir o pecado mortal da garota: conversar com os Deuses em voz alta, em vez de em meditação, como o rapaz havia aprendido que era o jeito certo de se conectar com a Divinda- de. Esse episódio me fez pensar que às vezes o que parece muito claro para bruxos com anos de prática não é tão claro assim para quem está começando. A Wicca e' uma religião tão diversa e que nos da tanto espaço para explorar que às vezes e' até dificil determinar o que é Wicca e o que não é. Você provavelmente já leu em algum lugar que nossa religião valoriza a diversidade porque acreditamos que essa é a forma como os Deuses escolhem se expressar no mun- do. Os Deuses são tudo o que existe, logo não há forma certa ou errada de enxerga-los ao nosso redor. Do mesmo modo, não ha' forma certa ou errada de escolher praticas para cultuá-los. Como forma de demonstrar a diversi- dade de praticas entre diferentes grupos de Wicca, eu e seis sacerdotisas nos juntamos para falar um pouco sobre como é nossa ro- tina mágica, nossas fontes de poder, o culto aos nosso; Deuses e como foi nossa última Roda do Ano. Nossas práticas são tão di- veisas quanto nossas idades, profis- sões e situações de vida, e o que ros une e' o amor aos Deuses e o envolvimento no treinamento e aconselhamento de bruxos. A idcia é mostrar que, em se tratando de prática pessoal wiccana, não : xiste certo e errado, mas sim o que toca o seu coração no momento atual da sua vida. a>›-u~c<i DYLAN SIEGNEL Alto-Sacerdote da Tradição Caminhos das Sombras (dylansíegel@yahoo. com. br) Posso dizer que sou afortunado por conseguir incorporar ele- Incntos da minha religião no meu espaço de trabalho, onde man- ¡cnho um altar permanente para Hécate, Heru-sa-Aset e Gullveig, três das minhas principais Divindades de devoção. Gosto de estar . sempre cercado por elementos que me lembrem a Wicca e a Bru- xaria e que estimulem minha vida positivamente. Tenho procu- rado atuar magicamente todos os dias para trazer beneficios às pessoas que amo. Em 2014, explorei a magia com pratos de en- cantamentos, prática que consiste basicamente em consagrar um prato como espaço de magia onde colocar feitiços. Pode-se colocar ali, por exemplo, a foto de alguem que você quer ajudar. E, ao longo de vários dias, ir acrescentando elementos de poder para reforçar sua intenção, como simbolos mágicos, imagens e runas. Descobri que, para mim, trabalhar com feitiços de média duração (de sete dias a um mês), em que acrescento um pouco de magia todos os dias, e' a técnica com a qual tenho mais sucesso e resulta- dos mágicos. Trabalhei cura e prosperidade para amigos e familiares, e gosto de pensar que o sucesso que testemunhei foi influenciado de alguma forma pela minha magia. Para angariar poder, danço ao som de Linsey Stirling e puxo energia das Ley Lines da minha ci- dade. Quando não uso meu prato de encantamentos, faço magia de uma forma bem intuitiva, de estalo, sem muito planejamento e com elementos e objetos que tenho em casa. Meus rituais solitá- rios tendem a ser simples em termos de liturgia e não tenho me restringido ao formato wiccano, mas explorado outros formatos. Em termos de autoconhecimento, nesta Roda estou explorando o trabalho de Carolyne Miss do livro Contrato: Sagrados, que se ba- seia em descobrir e entender melhor qual a sua missão nesta vida, o que você veio aprender e contribuir para o mundo. Esse traba- ã>b»l7-âélã
  12. 12. lho se baseia em descobrir doze arquétipo: que governam a sua vida e que lhe ensinam importantes lições. Estou na metade deste trabalho e já fui visitado por arqjuétipos como a Vítima e o Sabo- tador, que traz à tona as nossas autossabotagens. E, para finalizar, recebi tantos comentários legais sobre o livro de Hécate que publi- quei ano passado, que agora o estou traduzindo para o inglês! Es- pero que a Deusa esteja feliz com a divulgação de Seu nome. MAVESPER CY CERIDWEN Matriarca e AIta-Sacerdotísa da Tradição Diâníca do Brasil (mavesper@gmail. coml Meu ano foi muito cheio de atividades e realizações mágicas e pessoais ao viver a alegria de me tornar avó e celebrar essa passa- gem de Mãe para Jovem Anciã. Foi lindo acompanhar minha ñ- lha, instrui-la e vê-la cultuando Ísis durante toda a gestação, o que a levou a um parto natural e belissimo. Foi um duplo presente ganhar minha netinha e ver os ensinamentos que dei à sua mãe sendo de valor prático inestimável. Também foi lindo acompa- nhar o crescimento mágico e devocional de minha filha mais ve- lha, que e' Sacerdotisa, e as primeiras experiências mágicas de meu filho de 9 anos. A TDB (Tradição Diânica do Brasil) continua crescendo cada vez mais e frutificou no nosso primeiro livro de criação coletiva: Pratíras de Wma Brasil, disponível on-line. Esse livro consolida nosso trabalho com as Deusas e os Deuses dos Povos Indígenas Brasileiros e energias primordiais de nossa Terra Brasilis. Pessoalmente aprendi novas técnicas de magia com sons, aplicando-as em trabalhos de autoconhecimento e devocionais. Muito do meu tempo foi aplicado a estudos de filosofia e autores junguianos, como James Hilmann, porque estou escrevendo um livro em parceria com meu marido sobre a Deusa, a imanência e as bases filosóficas possiveis da religião wicca. Também aprofundei meus trabalhos mágicos com o Cgham, porque estou consolidando mil-KB uma versão do Ogham só com árvores nativas brasileiras. Como Iimte de poder mágico geralmente uso a música e a dança, e tam- luúm aprendi a utilizar meus exercícios na academia como fonte de magia. Tenho mantido cuidados diários com a saúde apenas com css s afirmações mágicas. Por exemplo: “Cada vez que levanto peso na musculação, aumento minha disciplina" (ou saúde, pros- pcridade etc. ). Essa magia diária com os movimentos na academia está conectada com os exercícios de outras bruxas e bruxos, para que a persistência de um mantenha a de todos. Tem dado muito certo e e' algo que todos podem fazer. Em termos de autoconheci- mento, continuo minha análise e também comecei um trabalho «lc consciência corporal e memórias guardadas no corpo. Também merece nota o trabalho holístico em grupo que realizei em 2014 cm apoio a pessoas com depressão. LUANlN LUAETITA Matriarca do Chlann Ashling Dê Dannan (luanin@gmail. cdm) Meu dia sempre começa com uma carta de tarô e uma runa, para que eu possa me harmonizar com essas energias, ver como será o meu dia e saber o que esperar dele. Também mantenho a minha bênção diária para Brigit, uma das minhas Deusas de devo- ção, quando peço proteção para mim e para os meus. Tenho um altar em honra a Ela, onde coloco o nome de quem precisa de cura, bênçãos ou proteção. Para construir um altar para Brigit, uso elementos associados a Ela, como bigorna, apitos, imagens de va- cas, sinos de vaca, ovelhas, uma bonequinha em suas cores (verde e laranja) e de preferência com cabelos trançados. Uma boa ideia e' também colocar um pequeno difusor com água, representando a chama da lareira da Deusa e Seu pote com águas curadoras. Can- tar é algo que faz parte da minha rotina, especialmente no traba- lho. Canto para angariar energias, desestressar e pedir bênçãos. &0-19406
  13. 13. Uma das técnicas mágicas que uso bastante e' tecer mandalas. Co- meço colorindo-as com cores que representem aquilo de que eu preciso e em seguida acrescento pedras, penas, ervas e simbolos para potencializar meu desejo. Cozinhar também e' uma das mi- nhas formas de magia preferidas. Ela me permite nutrir, curar, antnhar, enquanto expresso minha criatividade, vivencio o sagra- do e exploro ervas, temperos, texturas e sabores. A maternidade faz com que a magia diária acabe se resumindo ao que e' mais pratico, pois grande parte do meu tempo acaba sendo dedicada para o meu filho, Thor. Quando possivel faço com ele a oração de proteção e cura diária para Brigit, envolvendo-o nesse poder. Des- sa forma, reforço meus laços com Brigit e me aproximo do deus Thor, que abençoa e da nome ao meu filho. A maternidade refor- çou meu contato com Ísis, pois Ela também é uma grande mãe e oferece nutrição, maternidade e a confiança de saber que busco e conquisto o melhor para os que me cercam. Enquanto estou cozi- nhando para ele e para a familia, teço pequenos encantamentos de saúde, proteção e bênção, sentindo a Deusa Mãe, nutridora e pro- tetora que também represento. A maternidade e' uma iniciação e como toda iniciação, é um processo belo, poderoso, porém bas- tante dificil e transformador. Creio que esta primeira Roda como mãe sera determinante no que renascera', assim como o que deve- rei deixar perecer, mas isso conto no próximo Samhain_ NAELYAN WYVERN Alta-Sacerdotisa da Tradição Caminhos das Sombras (nvryvern@gmall. com) Minha prática pessoal é sempre bem variada. Nunca fico mui- to tempo fazendo a mesma coisa ou da mesma maneira_ Adoro altares e mudar os arranjos. Adoro estátuas de Deusas e Deuses e organiza-las e reorganiza-las de acordo com as mudanças em mi- nha pratica mágica. Toda a mima casa reflete a passagem da Roda do Ano. Decoro a casa inteira ajustando pequenos detalhes às es- ã>0-20_ce Lições, como a cor das capas de almofadas, cortinas e tapetes. Mi- nha prática mágica possui componentes da Wicca, da Bruxaria ' '; lLllCll)nal, da Bruxaria Nórdica, da pop magick e da tecnoma- ¡v_i; t. Não me limito aos métodos tradicionais de magia, estou sem- pru inovando e testando novas combinações e processos. Meu lL-itiço para ter sucesso no trabalho, por exemplo, foi feito usando Clipes de papel nas cores do arco-iris. A cada Roda eu realizo pelo tnunos uma sequência de trabalhos mágicos encadeados que po- tlCm ser semanais, quinzenais ou mensais. Em 2014, por exemplo, trabalhei com as nove filhas de Ran, explorando o contato com cada uma ao longo de uma lunação, ou seja, um mes. E trabalhei com as cartas do Isis Orar/ e, sorteando uma carta por semana e realizando os rituais e meditações do tema de cada carta. Também liz uma jornada com o tarô seguindo o livro Around the 721m! in 78 days, um processo profundo, não apenas em termos de magia, mas também de autoconhecimento. Por estar vivenciando uma prática mais solitária nesta fase de minha vida, voltei a celebrar rituais em todas as fases da Lua, como fazia quando comecei na Wicca, e isso fortaleceu minha conexão não só com a própria Lua, mas com a Deusa e a natureza da cidade em que escolhi viver. Também aprofundei meus estudos sobre necromancia e fiz uma roda de celebrações voltada para o contato com minhas linhagens ancestrais. Meu contato com as nove filhas de Ran me levou a aprofundar meus conhecimentos sobre o paganismo nórdico e es- tabelecer contato com divindades e energias inéditas para mim. Aqui no Canadá, onde moro, fui a várias celebrações públicas do Reclaiming, frequente¡ workshops de temas xamânicos e estou aprendendo mais sobre uma das vertentes da Tradição Alexandri- na. Como parte de meu trabalho como Sacerdotisa e Profetisa de Ísis, desenvolvi um método oracular no qual a Deusa responde a perguntas num jogo de escaravelhos com simbolos egípcios. Foi um ano excelente para mim, em todos os aspectos. ã>t%21*i<l§
  14. 14. LUA. SERENA Suma Sacerdotísa e fundadlora do Coven Semente Ancestral (luaserena 77@gmail. com) Uma das formas mais interessantes que encontrei para trazer a magia para o meu cotidiano fio¡ um trabalho diário com as Deu- sas. Munida de alguns livros e pesquisas, fiz uma listagem com mais de trezentas deusas e suas correlações e dediquei cada dia a uma Deusa. O trabalho consistia em fazer uma pesquisa sobre oferendas, energia e, principalmente, as lições que cada deidade poderia me trazer para aquele dia. Pela manhã, eu sabia qual seria a deidade que passaria o dia comigo, então iniciava meu dia com uma breve meditação. Eu dedicava o dia a deidades mais comple- xas ou de dificil pesquisa e à noite fazia minha conexão. Foi um trabalho árduo, mas o fiz por um ano inteiro e, posso assegurar, minha capacidade de conexão, de meditação e de concentração melhoraram muito. Essa prática de conexão diária e' muito impor- tante para que consigamos ver e vivenciar o sagrado em nosso cotidiano. Durante o periodo em que estive fazendo esse trabalho diário, pude perceber a presença daquelas deidades em minha vida, no trabalho, na vida em família, ate' no trânsito. Em cada pequeno momento, por mais que parecesse dissociado do espiri- tual, lá estava a Deusa do dia, me alertando, me ensinando e, principalmente, me mostrando que os Deuses não estão distantes de nós. Pelo contrário, estão o tempo inteiro falando, andando e vivendo conosco. Basta que apuremos nossos olhos e ouvidos para conviver com Eles. Além dessa prática diária, semanalmente cos- tumo acender velas nos altares que possuo. Ou melhor, quase to- dos, pois a casa de uma bruxa com o tempo acaba se tornando uma espécie de templo ou um 'grande altar”, onde se encontram muitos altares menores. Após l limpeza física da casa, é muito bacana acender as luzes de seus altares, queimar incenso em agra. decimento e como uma forma le sacralizar todo o local_ Incgnso ã>0~: z-c<B de lavanda e alecrim são os melhores para isso. As cores das velas variam conforme minha intenção para o ambiente: branca para paz, rosa para harmonia e amor, verde para cura, azul para tran- quilidade, preto para proteção. Fazer da nossa casa e do nosso co- tidiano elementos indissociáveis de magia é compreender que nada está separado e que, sim, somos bruxos, 24 horas por dia. WlNlFRED CAHIRA Elder da Tradição Diânica Nemorensis (nadini l 983@hotmail. com) Quando estava finalizando o meu mestrado, focava minha ma- gia completamente na concentração, na inspiração e na intelectua- lidade e, quando o completei, me foquei em técnicas de proteção psíquica. Foi o momento de deixar os estudos para segundo plano e tirar férias mentais para me focar em trabalho, plantio e, princi- palmente, proteção no periodo vulnerável dos novos inícios. Mentalizações e praticas que protegessem o meu campo áurico, questões materiais e meu caminho profissional estiveram presen- tes no meu dia a dia. A técnica de proteção mágica que uso exige que nos vejamos numa bolha protetora sem que nada e nem nin- guém seja capaz de nos atingir. Técnicas de limpeza da aura, ali- nhamento dos chakras e meditações de equilibrio preencheram a minha rotina mágica. Por outro lado, ritualisticamente, o cami- nho wiccano é o que eu exploro nas minhas práticas diárias, nas mudanças de lua e de estações. Mas a principal lição aprendida e trabalhada durante este ano esteve intimamente ligada a um ritual de passagem: a morte. Eu nunca tinha vivido tão intensamente o processo de desligamento de uma pessoa próxima. As mortes que eu vivi foram abruptas o bastante para que eu não conseguisse al- cançá-las. Porém, dessa vez, acompanhar a minha tia-avó partindo trouxe aprendizados e a possibilidade de trabalhos mágicos com que eu não havia tido contato anteriormente. Na presença dela, e muitas vezes sem a consciência dela, eu busquei auxilia-la a se ã>0§23_O<B
  15. 15. desligar deste mundo. Conversei com o seu inconsciente sobre o que havia de pendente e a grande lição de “deixar ir". Para nós que ficamos, deixa-la ir foi um aprendizado, do qual ela também par- tilhou. Como prática magica, realizei rituais de cura espiritual não com foco na cura do corpo fisico, pois ela vivenciava um processo irreversível, mas sim na cura de sua mente e do espirito. Através de massagens e cremes com óleos essenciais, busquei auxilia-la nessa dificil transição. O interessante era ouvir o seu pedido para que eu retornasse no dia seguinte. Canções egipcias e os ensinamentos de Ísis nos acompanharam durante esse processo. Minha tia-avó dizia que eu levava tranquilidade a ela e, através dessas práticas, para ela simples massagens, para mim rituais de desligamento, ela pôde caminhar para o Pais de Verão com calma e sabedoria. DENISE DE SANTI AIta-Sacedotisa da Tradição 'Iriiuna de Lilith, Terapeuta de Regressão (denise. santi@|1otmaii. com) Como bruxa, acredito que nascemos para ser felizes e a Deusa nos deu o conhecimento da magia para transformarmos nossa rea- lidade com sabedoria e sem culpa. Podemos fazer tudo que quere- mos desde que não façamos mal a ninguém, nem a nós mesmos. A vida e' um grande ritual e cada momento que vivemos, um ato repleto de magia. Devemos prestar atenção aos sinais que nos cercam, pois a Deusa se Comunica conosco a todo instante, e atra- vés da leitura desses sinais podemos aceitar o que vemos como algo positivo para nossa vida o; transformar o negativo que não desejamos. Às vezes, na terapia, oriento pessoas que buscam infor- mações sobre a Bruxaria e que cizem não enxergar os sinais, então sugiro que todas as manhãs laven os Olhos e o rosto com intenção de abrir seu olhar mágico. A rragia pude estar presente em cada ato, o importante é ter a intenção. Você também pode fazer ma- gias mais elaboradas, mas são a ntcnçáo e a energia no momento que determinarão o sucesso ouo fracasso do encantamento. Por i-xcnrplo, imagine que você teve um dia horrivel, discutiu com seu nhefc, ficou estressado no caminho para casa e ai, quando chega i'm casa, resolve fazer um feitiço de amor. E obvio que não dara «crio ou você acabara' atraindo alguém que só estressara voce. l k-ve haver uma sintonia entre o que desejamos e o que sentimos nu momento. Aliás, faz parte de minha prática diária reservar um Icmpo de meu trabalho como terapeuta para ajudar pessoas que Iôm problemas emocionais, pois acho que o acolhimento e uma parte fundamental da prática de um hom bruxo. É importante, no iinal do dia, você se lembrar de agradecer pelas bênçãos que rece- huu e visualizar coisas boas para o dia seguinte. Converse com a Deusa sobre suas expectativas, peça a ela que, enquanto seu corpo descansa, ela traga ao seu espírito a orientação sobre o que fazer para atingir seus objetivos Você pode colocar três folhas de louro dentro da fronha de seu travesseiro para lhe ajudar nessa conexao. Siga sua vida com a confiança de que a Deusa e' sagrada e habita dentro de você, portanto acredite que você pode mudar sua Vida C ser feliz! Abençoados sejam! _ Çompilado por Dylan Siegel. "Alguns iniciantes têm medo de fazer alguma coisa errada e provo- car uma catástrofe. Esqueça isso. As paredes da casa não irão ' abaixo e o porão não vai alagar. Demônios não sairão rastejando de debaixo da cama para arrancar sua irmã do berço, vampiros e lobi- samens não Iraterão na sua porta nem um tornada reduzirá a fran- galhos a vizinhança. A pior coisa que pode acontecer é você não conseguir alcançar a seu objetivo. Toda mundo comete erros. Ke- conheça que errou e aiga em frente. " - Kit de Magia para Jovens, Silver RaVenWoIf, Ed. Pensamento. /
  16. 16. ,, , , ,_ . mana-nn. .nL. .-a. .~_u. _.. ag Incubação de Sonhos A incubação de sonhos - a palavra incubação vem do latim in- rubzztía, que significa “dormir num santuário" A foi praticada por muitas culturas antigas. O santuário pode ser uma caverna especial, um lugar sagrado, um templo ou qualquer local de poder designado como tal. Ali, os deuses da terra ou os deuses da cura seriam invoca- dos para trazer orientação. Rituais de purificação e meditação tam- bém ocorriam e a pessoa dormíria num lugar indicado. Seu ritual pessoal Para praticar a incubação de sonhos em casa, você precisa rela- xar e se preparar para um sonho que responda à sua pergunta ou solicitação. Tome um banho puriñcador, de chuveiro ou de imersão, e visualize todas as preocupações do dia sendo removidas. ' Vista um pijama limpo. Deite-se e pense a respeito do que você quer de seu sonho. Seja específico. Anote por escrito seu pedido ou pergunta. Ao adormecer, pense sobreo pedido ou pergunta. Na manhã seguinte, anote : eu sonlio detalhadamente e veja de que maneira ele está relzcionado com a sua solicitação. - A Bíblia da: Son/ ao. Brenda Mallon, Ed. Pensamento. Uma das lições mais incriveis que aprendi na minha jornada espiritual e' que o meu coração é uma passagem direta para a sabe- doria divina. É por meio do coração que Consegmmm 'ecíbe' 35 orientações intuitivas do nosso Eu Superior. Mas como voce pode se ligar ao seu coração e ao fluxo de luz do seu Eu Superior. Voce precisa começar a construir uma nova relação com o seu coraçao. Ate' hoje, a sua maior ligação é com a mente. A mente tem sido o seu guia na vida, controlando todos os seus atos e determinando todas as suas escolhas. O problema e' que a mente é Cxtrõmamente limitada; a motivação dela é manter você no modo "sobrevivên- cia”, Quando você está no modo “sobrevivência”, toda a sua mo- tivação no momento de tomar decisões deriva do medo (59 eu deixar este emprego que detesto, não sei se arranjo outro_ me_ lhor. ..), da mentalidade de falta (Se eu tivesse um amor, seria mui- to mais feliz. ..), e da ideia de que a vida é uma luta, e essas motivações estão totalmente ligadas à ilusão e aos dramas desta »o-UFUQ
  17. 17. nossa realidade tridimensional. Quando está no modo “sobrevi- vência", você não está ligado à sua intuição, que vem do seu Eu Superior. Isso significa que, para que possa realmente ter uma co- nexão com o coração, você não pode se dar ao luxo de permitir que a mente tome as decisões por você. A mente é totalmente baseada no medo, e ele vai afastar você de qualquer coisa que ele acredite ser arriscada. Um exemplo bem básico: desde pequeno você tem talento para a música (seu coração falando). O seu maior sonho é criar uma banda e ser músico profissional. No entanto, a sua mente lhe diz que nunca vai ganhar dinheiro desse jeito. Que é melhor ir pelo caminho convencional, mais seguro, e se dedicar a algo mais lucrativo. Mas o mesmo acontece em situações mais corriqueiras. Por exemplo, o seu coração lhe diz que não deve confiar em determinada pessoa, mas a sua mente, guiada pelas aparências, argumenta, dizendo que ela parece tão simpatica e so- licita que certamente tem boas intenções. Porém, depois de algum tempo, você constata que essa pessoa na verdade estava tentando enganar você. Para se alinhar com a verdade (a sua e a das outras pessoas), você precisa estar conectado com o seu coração, que está alinhado com a Verdade Universal. Para viver bem e avançar no seu cami- nho espiritual, você precisa ester preparado para confiar no seu coração e no Fluxo da vida. E saiba que você pode confiar no seu coração para leva-lo aonde precisa ir, pois ele está diretamente ligado à luz do seu Eu Superior. Quando você se liga ao coração e vive com base nele, pode ter cettzza de que está sendo cuidado em cada momento da sua vida, poi: você está sendo guiado pela luz do seu Eu Superior. Você pode tonfiar nessa orientação para cui- dar de você. Isso e' verdadeiramente tomar de volta o seu poder! Sua conexão com o coração leva você a entrar em contato com os sentimentos, e os sentimento: propiciam a cura nos niveis fisi- co, emocional e espiritual. Quardo começa a sentir o que esta em seu coração, você se volta para o momento presente e se pergunta: "U que estou sentindo agora”. Quando os sentimentos vêm à uma e o coração começa a se expandir, você se sente mais vivo c mais ligado ao seu coração. Os sentimentos são a chave para a maioria de suas experiências. Su você estiver disposto a olhar seus sentimentos de frente quando cslivcr passando por uma situação dificil e, em seguida, respirar, você vai perceber que a dor da experiência em si vai diminuir de intensidade, porque você estara' ligado aos seus sentimentos e com . r sua verdade. Quando você se conecta com o coração, sente a clareza do momento, e chega a uma nova compreensão. Então, pare e respire, levando o ar para dentro do seu coração quando estiver numa situação difícil. Diminua o ritmo. Reserve um mo- mento para ficar consigo mesmo. Quando surgir uma situação dificil, não tente enfeitar os fatos ou olhar para outro lado, de maneira a não ver o que lhe causa dor ou para não sentir a sua dor emocional. Respire e sinta-a. Quando se liga com a dor emocional guardada no seu coração e a dissipa, você consegue se conectar de forma mais completa com a sua alegria interior, que é uma parte de quem você é. Quan- do reprime a dor, você reprime automaticamente a alegria. Você veio a este mundo para experimentar a alegria e as maravilhas que estão aqui neste plano terrestre, para se conectar aos outros seres humanos através do coração, e de viver uma união sagrada com todas as coisas vivas. Seu coração precisa estar vivo para passar por essas experiências. Estar vivo é isto: sentir e ser uma parte de toda a força vital e viver a verdadeira paixão. Viver verdadeiramente é sentir - sentir e respirar, através do coração, conectando-se natu- ralmente com a luz do Eu, assumindo o seu lugar, e permitindo que o Universo o sustente em verdade e amor. Quando o seu co- tação começa a se abrir, você começa a ser plenamente capaz de receber, e então você pode se abrir para o seu direito natural à abundância em todos os niveis. Você passa a ter um forte senti- mento de propósito e começa a se sentir apaixonado pela vida.
  18. 18. Há uma sensação de liberdade e uma profunda experiência de amor, e você passa a ser nutrido por esse amor, abrindo-se para todos os seres vivos. Depois que você esta no fluxo natural de sua própria luz, tudo muda na sua vida cotidiana. Não há luta, e você age com liberdade no dia a dia. Há um sentimento de calma interior. É quase como se você vivesse nadando contra a corrente, e de repente se visse livre para descer corrente abaixo, sem nenhum esforço. Essa mudança e' você seguindo o fluxo natural da luz do seu Eu, e conectando-se com o amor que existe dentro de você mesmo. Fortalecendo o músculo do coração Os seres humanos dizem que dese- jam se lembrar ~ conhecer o seu cami- nho e descobrir por que estão aqui e qual a sua missão nesta vida. O que estou fazendo aqui? Qual é o propósito da minha vida? Você só receberá as res- postas a essas perguntas se se voltar para dentro de si mesmo, e essas res- postas podem ser acessadas atraves do seu coração. Ê essencial que você leve sua atenção para dentro. O músculo do coração é peqaeno porque você não se conecta corr. ele. Abra-se, então, para o coração, expan- dindo energeticamente o seu múzculo cardíaco. Em primeiro lugar, :ome consciência do seu coração fisico. Você precisa começar a passar algum ttmpo apenas sentindo o seu coração con a palma da mão e respirando. Traga sua consciência para a sensação da pressão da mão e do calor dela em seu corpo fisico. Traga toda a sua atenção e se concentre ãBOrSnÃOQ na experiência física da pressão da mão, neste momento. Nada : nais ~ foque a sensação da sua mão no peito. Neste exato mo- IIIVIIIO você inspira o ar. Essa ação é poderosa. Você está com o seu tor-ação, no momento presente. Eu quero que você entenda o poder de ficar no momento. Nós ¡IHSSamOS a vida pensando no que está para vir ou no que aconte- 'L'Ll no passado. Nós raramente ficamos no momento presente. 'lindo o que temos - tudo o que é verdadeiramente real - é este momento. Quando decidimos conscientemente ficar neste mo- mento, tomamos contato com o nosso poder, tomamos contato Ulll o nosso Eu Superior, saimos dos dramas da realidade tridi- Inensional. Nós nos ligamos com a Verdade. É a mente que nos leva para longe da experiência do momento, sempre se preocu- pnndo com o passado ou o futuro. O coração nos abre apenas para este momento do agora e quando nos conectamos com o coração c : r respiração, expandimos a nossa experiência do momento, a nossa ligação com o nosso coração e com a nossa luz. E assim que começa: Etapa 1. Leve a sua mão ao coração fisico. Etapa 2. Traga sua consciência para a pressão da sua mão sobre o peito. Etapa a. Respire; abra-se para “Este é o MEU coração". Inspire. Isso é chamado de Respiração Consciente Cada vez que seu ego estiver preocupado ou com medo, ten- tando resolver as coisas, ou sendo muito dramático e ansioso, bas- ta levar a mão ao coração fisico, levar a sua consciência para onde sua mão está tocando o coração e começar a praticar a Respiração Consciente lenta e profundamente. Traga toda a sua consciência e atenção para o coração. Você vai sentir uma mudança nos seus sentimentos. Vai se sentir mais cal- mo e menos agitado. O drama vai se dissipar, porque não existe 90<3l-| Q
  19. 19. drama dentro do coração. Sur- gira' um sentimento de que vai dar tudo certo. Pode ate' lhe ocorrer uma solução para o problema que tem em mãos, algo em que não tinha pensado antes - uma solução simples. Quando você se liga mais com o seu coração e desenvolve essa sintonia com o Eu Supe- rior, sua sabedoria interior e -. › sua conexão com o coração cres- cem, e você passa a viver cada vez mais no momento, sem es- forço, no fluxo da luz. O coração vai começar a fazer seu trabalho para o qual sempre esteve destinado. As palavras "Seja Feita a Tua Vontade” refletem a verdade desse estado. Cada vez que você fala essas palavras, você se alinha mais com a luz do seu Eu Superior, segue o fluxo natural da vida e er. rra na corrente desse rio de luz. Você se solta e se permite fluir com a sua vida. Não é preciso es- forço quando você segue esse fluxo natural- essa corrente de luz. Você passa a ter um forte sentimento de propósito e começa a se sentir apaixonado pela vida. Há uma sensação de liberdade e uma profunda experiência de amor, e você passa a se¡ nutrido Po¡ esse amor, abrindo-se para todos os Saes vivos. Você desperta para os seus dons naturais de criatividade, lembrando-se do seu direito inato de manifestar a abundânci: em todos os niveis e reivindi- cando seu poder de plena manifestação. Você se transforma. Seu coratão se transforma. Sua vida se transforma. - Iniciada: de mz dos P/ eiddizzrzas, Christine Day, Ed. Pensamento. Tabelas do Àlmanaque Wicca (E como usa-las) Nesta seção, você encontrará tabelas sobre as influências mágicas llt' cada dia da semana, as fases da Lua e a influência que cada uma ¡lclzls exerce sobre os trabalhos de magia, as questões mais e menos favorecidas à medida que a Lua passa pelos signos, os símbolos dos planetas e signos do zodiaco e as datas das Luas Cheias, dos festivais mais importantes e de outras celebrações. Todas essas tabelas o aju- rlnrão a compreender e utilizar melhor o Calendário 201 S do Alma- naque Wicca, que começa em janeiro e termina em dezembro. Mudanças de horário Todos os horários e datas dos fenômenos astrológicos deste Almanaque e do Calendario estão baseados no fuso-horário da ci- dade de São Paulo (hora de Brasília). Se você mora numa região cujo fuso-horário seja diferente, não se esqueça de fazer as devidas adaptações. O mesmo deve ser feito nas regiões que costumam adotar o Horário de Verão. Na vigência do Horário de Verão, deve-se somar uma hora aos horários informados nas tabelas. Festivais e datas comemorativas As datas de alguns festivais mais conhecidos são mencionadas no Calendário ao longo de todo o ano. As datas dos chamados Sabás Menores (Yule, Ostara, Litha e Mabon) dependem do iní- cio das estações, por isso podem variar de ano para ano. No caso dos Sabás Maiores (Samhain, lmbolc, Beltane e Lammas), pre- valecem as datas em que eles costumam ser celebrados, segundo a tradição. O Calendário menciona as datas de todos os festivais mais importantes, de acordo com o ciclo sazonal do Hemisfério Norte - indicado pela sigla (HN) - e do Hemisfério Sul - indicado pela sigla (HS). A decisão de celebrar os festivais de acordo com o
  20. 20. ciclo sazonal do Hemisfério Nortte ou do Hemisfério Sul fica a critério do leitor. Días da semana e os planetas Cada dia da semana é regido pior um planeta, que exerce deter- minadas influências mágicas. Por tradição, cada dia da semana também é associado a determinados assuntos. Por exemplo, se você está tratando uma questão ligada a amizades, deve trabalhar no domingo. Eis a lista de algumas associações: _ñ Domingo (Sol): O domingo pertence ao Sol e ao elemento fogo. A energia do Sol e' adequada para os rituais de cura e para acertar tudo que se refere à amizade. Também e' favorável para encantamentos que aumentem a sua força pessoal e espiritual, para pedir proteção e para entrar em contato com a espiritualidade. Segunda-feira (Ima): Este e' o dia do signo da Lua e, por isso, pertence ao elemento Água. Este dia tem relação com tudo o que se refere ao lar e aos assuntos familiares. Tudo o que apoia e constrói combina com ele. assim como tudo o que faz bem aos outros. Na segunda-feira você pode preparar um bolo para alguém ou, se está curtindo uma dor de cotovelo, aproveitar para fazer um ritual de despedida. A energia da Lua favorece a paz, o sono, a cura, a compaixão, os amigos, a capacidade psíquica, a purificação e a fertilidade. Terça-feira (Marte): A terça-feira corresponde ao plane- ta Marte e pertence à energia do Fogo. E ótima para tudo o que diz respeito a disputas, litenlmente, desde uma competição esportiva até uma troca de socos. Quem precisa de muita coragem para fazer alguma coisa, deve tratzr de reforçá-la numa terça-feira. A coragem de resolver pacificamtnte uma briga e dar o primeiro passo também pertence a Marte. assim como a raiva que leva à . mn- 51o. Se você estiver procurando um modo de absorver a n-nvrgiz¡ de Marte no seu dia, ande com algo vermelho. Também os ¡illlzlis relacionados às atividades tradicionalmente masculinas torrcspondem a Marte, que representa o elemento masculino. A «m-rgia de Marte favorece a paixão, o sexo, a coragem, o ataque e . I proteção. Quarta-feira (Mercúrio): A quarta-feira pertence ao pla- neta Mercúrio. O planeta dos ladrões e da conciliação tumbina com tudo o que tem a ver com negócios, tanto quando . w trata de Lima mesada como quando se trata de uma questão rnvolvendo muito dinheiro. À primeira vista, a energia de Marte pode parecer confusa, pois muda constantemente. Sendo o plane- l¡l do movimento, em geral ele aparece fugazmente para logo de- . suparecer. Mesmo o tratamento “ele” e' impróprio, pois Mercúrio (ou Hermes para os gregos) não tcm aparência claramente mascu- lina. A energia de Mercúrio esta voltada para a troca e a negocia- ção. Mercúrio é extremamente útil nos rituais, pois ele ajuda a tornar mágicos os pensamentos e os obietos mais corriqueiras. A energia de Mercúrio favorece a mente consciente, os estudos, as viagens, a adivinhação e a sabedoria. Quinta-feira (Júpiter): Este é o dia do maior dos planetas, Júpiter. O deus-pai dos romanos representa o poder e a for- ça, a prosperidade e a propriedade. Se a questão for ter mais di- nheiro e você não estiver com vontade de negociar isso, trate de fazer um feitiço monetário numa quinta-feira. A energia de Júpiter favorece a expansão, o dinheiro, a prosperidade e a generosidade. Sexta-feira (Vênus): A sexta-feira é dedicada a Vênus. Aqui, tudo o que tem relação com o amor está em casa. A energia de Vênus favorece o amor, a amizade, a reconciliação c a beleza.
  21. 21. Sábado (Saturno): A energia de Saturno favorece a longevi- dade, os exorcismos, os términos, o ambiente doméstico e as residências em geral. Eclipses Não, os eclipses não acontecem porque um dragão comeu o Sol, como as pessoas costumavam pensar há milhares de anos. O eclipse solar acontece durante a Lua Nova, quando esse astro passa exa- tamente entre a Terra e o Sol, cobrindo-o total ou parcialmente. O eclipse lunar acontece quando ela escurece ao passar pela som- bra da Terra. Do ponto de vista científico, existem três tipos de eclipses: o parcial, o total e o anular. O tipo de eclipse depende de onde você mora e se ele sera ou não visivel. Somente aqueles que estão bem no caminho do eclipse conseguem vê-lo. Nós não temos um eclip- se todos os meses por causa da inclinação da Terra. Acontecem, em média, aproximadamente cinco eclipses solares e Clois ou três lunares por ano. Muitas pessoas que praticam magia acreditam que o eclipse seja um sinal de mudança e possa representar um momento deci- sivo na nossa vida. Existe a suposição de que o eclipse solar afete mais os eventos externos e o eclipse lunar, o nosso mundo interior, mexendo com as nossas emoçóese mudando o que existe dentro de nós. Comece o trabalho de magia dez minutos antes do eclipse e continue a trabalhar enquanto ee ocorre, até que tenha termina- do. A chave é captar a energia do eclipse e puxar essa energia para o seu trabalho, enquanto o eclipse estiver em curso. Fases ca Lua Um dos ingredientes mais importantes do trabalho de magia é a ocasião em que ele é feito. Tentar um trabalho de magia numa época desfavorável e' o mesmo qu: tentar chegar num lugar trans- pondo uma montanha - você ciega lá, mas seria mais fácil se 90736103 : Jlllillliassê num terreno plano! Um dos métodos mais conheci- tlus, comprovados e eficazes de obter bons resultados no mundo ll. | Iuugia consiste em sintonizar o feitiço ou ritual com a fase da l. u;t correspondente. Até o mais cético dos cientistas sabe que . l l. u;1 tem efeitos diretos não apenas sobre as marés da Terra como também sobre as mais básicas emoções animais e humanas. Mui- Lts' pessoas são extremamente sensíveis às fases da Lua e todas as mulheres em idade de ter filhos são afetadas tanto fisica quanto c-mocionalmente graças aos seus ciclos mensais naturais regulados pela Lua. As bruxas têm sempre à mão um calendario com as fases lunares para ficar a par dos ciclos desse astro. A Lua gira em torno da Terra no sentido anti-horário, ou wid- zlmhím, e tem um ciclo de aproximadamente 28 dias. Cada uma das suas fases exerce um determinado efeito sobre os rituais. ü Ima Nova: Para começar um novo emprego, projeto ou rela- cionamento. Ótima ocasião para pôr em prática ideias novas, que favoreçam o crescimento e a expansão. Ima Crescente: Favorece o desenvolvimento, a prosperidade e os compromissos. Trata-se também de uma época de cresci- mento e expansão, muito usada para acelerar atividades em curso. Ima Cheia: Para lançar feitiços de amor e para aAlta Magia. Esse e' o periodo de maior poder. A maioria dos praticantes da Wicca prefere realizar grandes rituais e feitiços nesse periodo de- vido à grande abundância de luz lunar disponivel para assuntos mã- gicos. Porém, a Lua Cheia e' também uma etapa em que as emoções são mais dificeis de controlar, em que ha mais inquietação e em que toda ação impulsiva resulta em derrota. Ima Minguante: Para acabar com um relacionamento ou para dissipar energias negativas. Em geral esse período não e' 50-37-06
  22. 22. usado na Wicca para trabalhos relacionados ao amor e ao dinheiro_ E uma época de desintegração, tefllcxão e reorganização. A Lua nos signos A Lua se “move" continuamente pelo zodíaco, passando por todos os signos, de Áries a Peixes. Cada signo exerce um tipo de influência sobre as pessoas e suas atividades: ; my Áries: Bom para iniciar coisas, mas carece de poder e de uma motivação duradoura. Os arianos costumam gostar de polêmicas e sabem defender seus argumentos. Touro: Tudo o que se inicia quando a Lua está em Touro e' duradouro, tende a valorizar e resiste a mu- danças. A Lua em Touro aprecia a beleza e experiências que en- volvam os sentidos. Fgm Gêmeos: Os empreendimentos iniciados sob este signo . 1 - ' ~ - . . »me estao mais Sujeitos a sofrer mudanças graças às influências externas. Bom periodo para fazer cursos rápidos, travar diálogos, jogar e se divertir. ^ ' ~ A Cancer: Estimula o entendimento emocional entre as pessoas. Da'. ênfase às necessidades das pessoas e favore- ce o crescimento e o apoio emccional. Sabe tratar das questões domésticas. m Ireao: Centraliza a arengão em si próprio, nas ideias e ins- *5- tltulçõcs, sem se ligar “as pessoas e às suas necessidades emocionais. Os leoninos tendema ser melodramáticos. w Virgem: Valoriza os dealheseas hierarquias. Dá especial m1 atenção à saúde, à higitne e aos horários do dia a dia. 90*_Ã8_4<B l Libra: Favorece a cooperação, as atividades sociais, a be- l* leza dos ambientes, o equilibrio e a parceria. lrxw] Escorpião: Aumenta a consciência dos poderes psiqui- vl u' cos. Precipita crises psíquicas e favorece rompimentos. As ¡ut-xsuas desse signo tendem a ruminar as coisas e a ser reservadas. l u. , _ Sagitário: Estimula os voos da imaginação e a confiança. (K Esse é um signo aventureiro, filosófico e atlético. Favorece . | expansão e o crescimento pessoal. [ Capricórnio: Desenvolve uma estrutura forte. Focaliza as tradições, as responsabilidades e os deveres. Um bom ¡veríodo para estabelecer limites e regras. p_ V A Aquário: Energia de rebeldia. Época de romper hábitos e V' fazer mudanças repentinas. A liberdade pessoal e a indivi- dualidade são as questões mais valorizadas. Peixes: O foco está nos sonhos, na nostalgia, na intuição e nas impressões psíquicas. Um bom momento para ati- vidades espirituais e filantrópicas. Luas fora de curso A Lua dá uma volta em torno da Terra a cada 28 dias, perma- necendo em cada signo do zodiaco durante dois dias e meio, apro- ximadamente. À medida que passa pelos 30 graus de cada signo, ela “visita" os planetas, formando aspectos ou ângulos com eles. Como sc move um grau a cada duas horas e meia, a sua influência sobre cada planeta dura apenas poucas horas. À medida que se aproxima dos últimos graus de um signo, ela acaba atingindo o planeta que está no grau mais alto desse signo, formando com ele um aspecto final antes de deixar o signo. Esse e' um aspecto lunar ã>¡-39-| <B
  23. 23. de grande importância na magia. Quando forma esse último as- pecto com o planeta ate' o momrcnto em que sai desse signo para entrar no próximo, dizem que a. Lua esta fora de curso. Isso dura apenas algumas horas, porém essas horas são de suma importância em toda ação humana e especialmente na prática da magia, ja' que durante esse período a Lua está sem direção e tudo o que se faça ou comece se revela inútil ou inftutifero. Essa e' uma das razões por que muitas magias são ineficazes. Quando a Lua está nesse periodo, não se deve começar nada novo, pois isso nunca chegara' a se realizar. Obs. : As datas de início e final das Luas fora de curso estão indicadas ao longo do Calendário sob a sigla LFC (Lua Fora de Curso). Lua Negra A fase lunar denominada Lua Negra acontece mensalmente, nos três dias que antecedem a Lua Nova. Durante esse periodo, o fino disco da Lua Minguante diminui até desaparecer na escuri- dão da noite. Durante essa fase de escuridão mensal, os povos antigos teverenciavam as Deusas Escuras, dedicando esse tempo a rituais divinatórios, de cura e transmutação. Com o advento das sociedades patriatcais, os mistérios da Lua Negra tornaram-se si- nônimo de terror e malefícios. Surgiram lendas e superstições so- bre os demônios ou as forças malignas que "devoravam" a Lua. Por isso a Lua Negra passou a representar o auge dos poderes destruti- vos, vaticinando cataclismos natrrais - como inundações, tem- pestades ou secas -, ou humanos. como guerras, doenças e fome. A Lua Negra eta considerada a lua do momento em que fantasmas e espiritos malévolos perambulavtm sobre a Terra e as bruxas exe- cutavam rituais de magia negra. N a verdade, a Lua Negra facilita o acesso aos mundos e planos suts e às profundezas de nossa psi- que. Por isso é atualmente consiíerada uma fase favorável para trabalhos de transformação e remvação. Somente mergulhando no nosso lado escuro, desvendanlo os mistérios e as sombras de ãàoízln-cée nosso inconsciente, poderemos achar os caminhos secretos para ru . r renovação. A Lua Negra tem o poder de criar e de destruir, . Ir r urar e de regenerar e de descobrir e fluir com o ritmo das mu- rlarrgurs e dos ciclos naturais, dependendo da capacidade indivi- rlrral em reconhecer e integrar sua sombra. Ao entrar na fase da lira Negra, podemos presenciar a transição entre a destruição do vr-llro e a criação do novo. É, portanto, um período favorável para rituais de cura, renovação e regeneração. Podemos citar também rituais de eliminação de uma maldição; a correção de uma disfun- tao, o afastamento dos obstáculos ou das dificuldades à realização . ill-tiva ou profissional; a eliminação de residuos energéticos nega- tivos de pessoas, objetos e ambientes; a preparação e imantação do espelho negro, pelo qual se entra em contato com os ancestrais ou com deusas negras como Hécate, Kali, Sekhmet, Cailleach e ou- tras. (As Luas Negras de 2015 estão indicadas no Calendário. ) Lua Azul A Lua Azul, a segunda Lua Cheia que ocorre no mesmo mês, e' um fenômeno que se repete a cada dois anos e sete meses e é cau- sado pela presença de treze lunações em um ano solar. Essa dife- rença decorre da substituição do antigo calendário lunar (com rreze lunações) pelo solar (com doze meses). A Lua Azul representa um plenilúnio imbuído de maior força magnética, que por amplificar a intensidade das energias lunares propicia melhor conexão espiritual. É considerada um tempo ma- gico que abre portais de comunicação profunda com outras di- mensões, energias, seres e planos sutis, tornando os rituais mais poderosos, as vivências mais abrangentes e os efeitos mágicos mais rápidos. Por isso e' preciso ter muita cautela ao se escolher os obje- tivos e pedidos feitos nessa fase da Lua. Convém direciona-los para fins comunitários e não apenas pessoais, celebrar a plenitude espiritual, além da material, e agradecer a ela. Em 2015, há uma Lua Azul em 31/07. exínáagn _ . . f¡ . ig. 9.. .# . A . amv. -
  24. 24. Lua Viioleta Menos conhecida e divulgada” a Lua Violeta acontece quando ocorrem duas luas novas no mesmo mês (semelhante à Lua Azul). O periodo de três dias - que antecede a segunda Lua Nova - pro- porciona energias purificadoras e transmutadoras, e, portanto, oferece as condições ideais para a introspecção e a meditação am- pla e profunda, bem como a reavaliação de valores. atitudes e ob- jetivos. Não ha Luas Violetas em 2015. Lua Rosa Na Antiga Tradição, acreditava-se que determinadas luas cheias tinham uma energia especial para realizar desejos, projetos ou as- pirações. Essas luas, chamadas "Lua Rosa dos Desejos” ou “Lua dos Perdidos”, são os plenilúnios (luas cheias) mais próximos dos quatro grandes sabãs celtas: Samhain, em 31 de outubro; Imbolc, em 1° de FCVCFCÍFO; Beltane, em 30 de abril; e Lughnassadh, em 1** de agosto - com um intervalo de três meses entre si. Muitos grupos e pessoas seguem essa pratica sem conhecer sua origem e significado, apenas continuando a tradição. Sua origem é longínqua, perdida na bruma dcs tempos e a razão dessas datas é atribuída ao aumento do poder magnético e espiritual nos perio- dos de mudanças telúricas e cósmicas marcados por esses sabás. Para acompanhar o fluxo energétbo dessas luas, prepare uma lista C001 SEUS pedidos, esperanças, desejos, sonhos ou aspirações. Com o dedo indicador umedecido em essência de jasmim, cânfora, sal- gueiro, artemisia ou sândalo, trac: um pentagrama sobre uma fo- lha de papel. Mentalize o seu peddo e faça uma pequena oração, repetindo-a três vezes. Dobre o p: pel e coloque-o em seu altar ou mesa de cabeceira, pondo sobre el: uma pedra da lua ou um cristal de rocha. Repita esse ritual a cad¡ mudança de fase lunar, a cada sete dias aproximadamente, até : próxima Lua Rosa_ De acm-do com o seu merecimento ou necesidade espiritual, seu pedido será . ru-ndido dentro de três luas cheias. As luas rosas de 2015 estão indicadas no Calendário. Lua Vermelha Na Antiguidade, o ciclo menstrual da mulher seguia as fases da Lua com tanta precisão que a gestação era contada por luas. Com o passar do tempo, a mulher foi se distanciando dessa sintonia e perdendo o contato com o próprio ritmo do corpo, o que gerou vzirios desequilíbrios hormonais, emocionais e psíquicos. Para restabelecer essa sincronicidade natural, a mulher deve se reconectar à Lua, observando a relação entre as fases lunares e o seu ciclo menstrual. Para isso, ela deve criar um “Diário da Lua Vermelha” anotando no calendário o inicio de sua menstruação, a fase da Lua, suas mudanças de humor, nível energético, compor- tamento social e sexual, sonhos etc. Faça essas observações du- rante todo o ano, compare as anotações mensais e faça um guia do seu ciclo menstrual, baseado no seu padrão lunar. Observe a repe- tição de emoções, percepções e sonhos, para ficar mais consciente das suas reações e evitando prever, evitar e controlar situações desagradáveis ou desgastantes. A mulher deve respeitar a vulnera- bilidade e a sensibilidade aumentadas durante a sua Lua. Ela pode diminuir o ritmo, evitando sobrecargas, e se afastar de pessoas e ambientes carregados, não se expondo emocionalmente. Com detet- minação e boa vontade, mesmo no corre-corre cotidiano, ela pre- cisa encontrar tempo para cuidar da mente, do corpo e do espirito. Cores e incensos de cada dia da semana Este ano, foram sugeridos para cada dia da semana cores e aro- mas associados ao signo lunar correspondente a cada dia. Por isso, se você usar velas e incensos nos seus encantamentos e rituais, ou quiser uma sugestão de uma cor favorável para o dia em questão, pode consultar o nosso calendário. 90-43-06
  25. 25. Símbolos dos Planetas e Signos do Zodíaco Sabás e Luas Cheias de 2015 f P l a n e t a s S ig n o s X 115 dejaneiro de 2015 LuaCheiaà1hS4 _ 1:2 de fevereiro lmbolc (HN) (Q) S01 (T) Áries Lammas (HS) - _ , . 11:¡ (le fevereiro Lua Cheia às 20h10 O? ) Juplter @ Toum 05 de março Lua Cheia às 15h07 5T Lua (7 Gêmeos : :o de março Ostara ~ Equinócio de Primavera (HN) J , ç f Mabon - Equinócio de Outono (HS) @D Saturno 159 Câncer Eclipse total do Sol f? Mercúrio Q) Leão ola (die agr: : léuça Chez; ê;sç)9h07 (eclipse total) 30 e a r etane ® Urano ® Virgem Samhain (HS) A - _ ç 04 de maio Lua Cheia à 0h43 _, ® Venus (13 Libra (12 de junho Lua Cheia as 13h20 (Q Naum Escorpüo -N _ 21 de junho ' Litha- Solstício de Verão (HN) ç Yule - Solstício de Inverno (HS) @ Marte ® Sagitário 12 de julho Lua Cheia às 23h21 ~ 1_ (É) Plutão @ Capricórnio a¡ : e Julho : a Chei: 13121144 (Lua Azul) ~ 19 e agosto mmas , '_~ (a) Aquas, lmbolc (HS) 1 ® _ 29 de agosto Lua Cheia às 15h36 Faxes J 18 de setembro Eclipse penumbral do Sol j 2a de setembro Mabon - Equinócio de Outono (HN) l i Ostara - Equinócio de Primavera (HS) X" " m 'S A' 'i ' " M' "“ " 27 de setembro LuaCheiaàs23h52 (eclipse total) jr ç nas 4.5 5mm. , 27 de outubro Lua Cheia às 09h06 ç Tratarsc do lema básico da 'é pagã e wiccana: “Podes fazer l M de “tumo : :Thmzllíçll _ , tane _ o que quiseres, desde que não prejudlquea ninguém". A j 25 de novembro Lua Cheia às 19h45 j ç ç R345 13ml” qu” façam” mil a qlmlqusr “r Vl") 0" '195735' 22 de dezembro Yule - Solstício de Inverno (HN) l' jç pzitemos o livre-arbítrio deoutra passar. Luh, _ 5015,33., de ven-m (Hs) ç_ *-~~--›>~~~-~-~~-----~--›-»~v~--~------~-- -- m4/ 65 de dezembro Lua Cheia às 08h13 , a>›-44_o<1; ã>›»45~c<g
  26. 26. Inicio LFC = INICIO da Lun Fem d: Cum) Final L1' C : Término da Lua Fura de Curso li' I/ l Quinta-feira Signo da Lua ; êmcos às 14h10 Fase da I. ua: Crescem: inicio LFC: 9h20 Final LFC: 14h10 Cor: Branco incenso: Laranja Dia Mundial da Paz Dia mnxagrztt/ n a0 pa¡ dir/ mu Zeta e Hmz FfI/ Íi/ ¡II rwmana a: Saw/ m, quantia se tratavam , Marema entre zmnga: e fim/ bares juan/ fluir, fara: romana: em / mnm ao: danse: [amu : Jana 9 2/1 Sexta-feira Signo (in Lua- Gémeos Fase da Lua: Lresccnrc Advcnro d: ins Cor: Conde-rosa Incenso: Narciso Nrmimenta de [nana/ z, deusa sumária da m-m e ! Yuri/ M da céu. Ce/ ebmçriu das Numa. drum: tÍa (Íntimo h 3/1 Sábado Signo d: Lua: Câncer às 22h09 Calendário Wicca de dezembro de 2014 a dezembro de 2015 Obs: Horário de Brasiiiz S: esrivcr vigomndo o lnorárig de »um m" ¡, - 1 hom_ Janeiro e consagrado ao da. ; romano Ianus, divindade pré-lalim considerada deus do S01: do an. Janeimé uma época cheia d: possibiiidadcs, mas ainda contém as rcsrrições, Iiçàts e rrsquícios do : no anterior. Por isso. e um prriodo adequado par: nos livraimos do velho c uitrapassado, preparando pianos e proieros para novas conquistas, mudanças g rcalizaçócs. Cadu mês tem uma pedra a: nncimenm. an; qualidades = poderes sin cspccizImenre rcirvanm pm ax pescas mai. : duran: : cs: : mês. A pedra de janeiro é; yanwda. Fnac da Lua: Crescente Inicio LFC: 8h56 Fim LFC: 22h09 Cor: Âmbar Incenso: Bordo Festival ram/ ma em ! Im/ ra de Pax. dama aa paz Fcrziual ÍJUMÍLI. da (Frida antiga, rm hum-z¡ a Dir/ nim. u deu: da (rir/ ha r z/ a/âriilidada í' 4/1 Domingo Signo da Lun: Cânccr Fast da Lua: (4 LSCEHKC Cor: AzuI-lnrqucsn Incenso: Bcijoim Ritual rar-ram¡ da: Sm' Ífrtreias, rm que : e pet/ e mm e pmrparidazle a: diz/ induzir: da rarazelzzçríz¡ Um: Maior, mm uf-r-eru/ ax de arm/ z g 5/1 Segunda-feira Signo da Lua: ("Ínccr Fase da Lm: Cheia à 11x54 Inicio LFC: 1h54 Cor: Marrom Incenso: fnoleta 90-_46 '-46 um¡ . lr lia/ Ima, na Irá/ ia, rzminixcêntía . ln . ui/ inn rrlabraçúa à dama Bafana, a lu. m, mail/ em chamada de La Vecchia uu 1.¡ S/ rrgxl I m um¡ . Segunda Noite, na calendário y. (m, que' : txrinala nfm dorfertqo: de Yule (f (u/ l Terça-feira mu. .. . n Lua: Leão às 8h04 Im. - . I l a: Cheia | wn. ¡11,1*C:8h04 | 'mz Prcro Im m: sândalo l-yri/ arzia : m Dia de Rei: um «Ía Marrigan, deusa zrxjplxce celta 9 7/I Quarta-feira mnn da Lua: Leão lun- : in Lua: Cheia 1 : m: Cinza Intruso: Orquídea l m¡ 11a Liberdade de Cu/ znr _Yrlz/ lmel. Arm-Nava Izlgípeio H 8/1 Quinta-feira - ¡rgem às 19h59 IIJSC da Lua _hein Início L1' : I-inai LFC: 191159 (Zur: Branco Incenso: Ilanguc-¡Ianguc Arm-Nom¡ da: tímida: Festival dtjustitia, em honra da deusa mmantl da justiça Dia ; Ie P'ra/ ia. deusa ndrdim do amar. da _fertilidade e da magia 9 9/ l Sexta-feira Signo da Lua: v¡ rgcm Fm da Lua: Cheia Cor: Laranja incenso: Cravo Festa mmamt de Agania. dedicada ao deu: janta, padroeiro do mí: T1 10/1 Sábado Signo da Lua: Virgem Em da Lua: Cheia 90147-463 Início LFC: 12h47 Cor: Verde Incenso: Madrcssilva Inteio da Camentalia, fextival mrmzrm dedtaado à dana Carmenta, padroeira do: para: e retém-nando: (até 15/01) 'É' ll/ I Domingo Signo da Lua: Libra às 8h58 Fase da Lua: Cheia Final LFC: 8h53 Cor: Azul Incenso: Rosas Dia d: jatuma, divindade daxjimtes e da: agua: _pmfhicax e protetora d: todo¡ que trabalham na agua Dia de Frigga, dana nmíim cansam da deus Odin É l Z/ I Segunda-feira Signo da Lua: Libra Fase da Lua: Cheia Cor: Marrom incenso: Hortênsia Festival a, Campitalia. em ! wma dos Lam Festival indiana de . Sarau/ ati, deusa da: rias, da: arm e di; canhttimmto d' 13/1 Terça-feira Signo da Lua: Escorpião às 20h45 Fase da Lua: Minguantc às 61148 Início LFC: 6h48 Final LFC: 20h45 Cor: Dourado ¡ incenso: Alfazcma ç I4/ I Quarta-feira 1 Signo da Lua: Escorpião Fase da Lua: Minguante Cor: Marfim Incenso: Cedro I Mit/ aan¡ Sanlzrarzti, celebração hindu : um banha m¡ ria Ganges : p: »uma 1+ 15/1 Quinta-feira Signo da Lua: Escorpião I Fase da Lua: Minguanzc . Inicio LFC: 20h53 _ ”
  27. 27. 1a neiro de 2015 Cor: Azuldurqucsa Incenso: Amêndoa Q 16/1 Sexta-feira Signo da Lua: Sagitário às 5h02 Fase da Lua: Minguante Cor: Cinza Incenso: Rosas Fina1LFC:5h0Z Festival da Cariri/ ilha. deusa rum/ me¡ das relações betrmaniasas Festival hindu de Carter/ za. derme/ efetua, _fi/ ba da deusa Part/ em' i1_ 1 7/ I Sábado Signo da Lua: Sagitário Fase da Lua: Minguante (Lua Negra) Inicio LFC: 16h26 Cor: Preto Incenso: Manjericão Festival ralta das Madeiras Dm de Felmrax, deusa romaria da boa surte 1 de¡ felicidade Dia da deusa grega Athena em seu asperm guerreira 1*' 18/1 Domingo Signo «Ia Lua: (Íapricórnio às 9h05 Fast- da Lua: Minguante (Lua Negra) Final LFC: 9h05 Cor: Roxo Incenso: (Éardétria festival hindu ao deus e ei deusa . Surg/ a, divindade: solares regentes da luz @ 19/1 Segunda-feira Signo da Lua: Capricórnio Fase da Lua: Minguante (Lua Negra) Inicio LFC: 71152 Cor: Dourado Incenso: Pinho d 20/1 Terça-feira Signo da Lua: Aquário às 10h01 Fase da Lua: Nova às 101115 0 Sol entra em Aquário às 61-144 Finai LFC: 10h01 Cor: Amarelo Incenso: Eucalipto Dia da Sartre: Inf: oaAgnes, épora da divinayeia pelo/ vga Dia do OrIx/ i Oxdsrt. 1¡ dem mrubanb da mata e dos raças/ are. : ç 21/1 Quarta-feira Signo da Lua: Aquário Fnsc da Lua: Nova Inicio LFC: 221146 Cor: Azul-marinho Incenso: Pêssego Dia Mundial de¡ Religião Celebrapeip de Babe: I/ aga, nos paises eslarms 1+ 22/1 Quintrfeira Signo da Lua: Pcixes às 9h49 Fase da Lua: Nova Final LFC: 9h49 Cor: Cinza Incenso: Bordo Festival das Musas. /aarmmdb as deusas da poesia, da arte. da músim e da dança Q 23/1 Sexta-feira Signo da Lua: Peixes Fase da Lua Nova Inicio I. F , z 8h14 Cor: Laranja Incenso: Junipero Celt-bruma da deusa 11mm' egtptia Hat/ abr, deusa da beleza, da amar e de¡ arte h 24/1 Sábado Signo da 1.1111; Áries às 10h32 I-'nsc 11:1 Lua: Nova Finni LFC: 101132 (É , 1.111 Incenso: Gctâtrio * 25/1 Domingo Signo da Lua: Áries Fase da Lua: Nov¡ Cor: Branco Incenso: Sândnlo © 26/1 Segu nda-feira Signo da Lua: Touro às 13h38 ã>0~6~c<s 1m .11 I 11.1 Nuvn 11111111111( 111124 111111111 1.111,18 1 111 11141141111 111.- 11-11» 111.111 verde 1 . /./ ›1,¡¡111u/1- (IL-ruminar. e deus celta da ¡1111/11/,11/1: 1111/1111- dos animais e da vegetação (Í. .' I/1 Força-feira '111-_1111114 1 1 v -Touro 111-.1 11.11 Érescente à 1h50 1111111111 3h20 1 .11 A111 _r 1111111111: hcmprc-viva Í¡ 11.11- Artur/ ativa, ,Enix/ al romana em / nmm 111 rlrzzsezs dos grãos e de¡ colheita 1 111-1, lima/ rar. Cibele: Gaia . v, 2.11/1 Quarta-feira '111-_1111 11.. Lua: Gêmeos às 191137 111151- 11 21. Crescente | '111.1I 11-(1: 19h37 I 1.1-_ Dourado 1111141110: Crnvn-dn-india l H1/ «Ia deusa Pele, padroeira da HHÍ/ aii _nn-ant a1 , inn mam-tn i1 217/1 Quinta-feira 811511111131111 Gêmeos 1111.11- 11a Lua: Jcsccnl: (1 1mm: deste mês dcrrv: da deusa mmam Fébnu. mãe de Mane. Fevereiro é 11m mês propício tanto pm as 111111151110103:: do caminho espiritual quanto pan as inic Cor: Conde-rosa Incenso: Noz-moscada Celebração de Concórdia, a deusa romana da paz e da harmonia dbme-'t/ icas Q 30/1 Sexta-feira Signo da Lua: Gêmeos Fase da Lua: Crescente Inicio LFC: 6h25 Cor: Marhm Incenso: Rosas Festival da Paz, dedicada ei deusa ramema Pax Celebração das deusas da cum Artreta e Angiriiz, rujat ervas sagradas e encantamentos curar/ am arjÊ-bres e picadas de mbra em a; Nm Senhor da Bonfim e de Nossa Sen/ Jara das Águas 31/ I Sábado Signo da Lua: Câncer às 41110 Fase da Lua: Crescente Final LFC: 4h10 Cor: Dourado Incenso: Narciso Véspera de fevereiro, iníew da , Ceni-mz a1 Imbuli' Dia : arts-agrada as Valquíria: e IIS Parra: iaçõcs. dedicando 1 su: devoção a uma 11111111011: Llllh a qua] você tenha afinidade. Na tradição Wicca, (1 snbá Imbolc, ou (lzndlcmzs. celebra a deusa tríplice Htigitid. a Senhora do Fuga Criador. da Arte e d¡ Magia. E uma dam favor-n ñcaçõcs vituaiisticns, ptátias oraculares c cerimônias com Íngu. mmpmmims upirituais. bem como pan puti * 1/2 Domingo Signo 1111 Lua: Câncer Fase da Lu Crescente Inicio LFC: 10h38 Cor: Cinza Incenso: Violeta Véspera de [rabo/ e g1 às iniciaçôL-s c renovações dos Festival de Hrigbtd, deusa : ella a1 jÊ/ ga rrmdnr, da mountain. das artes. da paz-sia, da [um, das pmfeeias e da magia (à 2/2 Segunda-feira Signo da Lua: Leão 'as 14h42 Fase da Lua: Crescente Final LFC: 14h42 ã>›>49-| Q É [OZ 3p OÃISJBAâj/ S [QZ 5p 0431191
  28. 28. Cor: Preto Incenso: Manjcrona Imbuí: (HIV) Lamma: (H5) Festival : Ie/ una Fibrua. a deusa que preside o mi: deja/ mim Frxta d: Ízmanja' r” Também conhecido pelo sn. nome minas. E yinasidh. “hmm” vem de um¡ palavra latin: qu: dcsignava a prímcin colheita do Ino» Coml¡- mida d: cereais - e signiñcava Iireralmeme “massa de pão”. Em quase rodas as cuirum conhecidas. o oeleim era um Inga¡ sagrado. A por: : da frear: do rcIeim Iamowse um simbolo de (rznslçio, sepa- ! anda uma unção da mm¡ c as bénçaosdz : hum dânm do dtstspem da mins. rss. e . origem e a mão do casxume do¡ usamzntas mndernox de o noivo carregar a noiva rw mio enquanw c cmi mm pelo ponzI sagrado do novo Iii'. Ao ser un regada. a noiva el: simbnllmmenlv: rmnsferida pin muro reino do sn, sem que is Suas pegadas miragem o ammho, Em vez disso, :i2 voava como um isnnsnn. assim como n espiriro a. Deu: : qu: cl: kprtscnuvíl na sua nnvz uniãn_ Anim como n celuru, rodas as asas : ein penis, e IIS porlax representam¡ innnpan, sie. .. de dcmucz! p limiar entre dois mundos, onde 1 magia e a liga- çño mm a divino no muito ! Hills ! sms de se ai- Lançar Oferendas de pin np geralmente fem: para : n divindades e ahmenmx rnscns sin 1 print¡- pa¡ Igu 'i dns Íarmx banquetes da Llllllnín. d' 3/2 Tbrça-felra Signo da Lua: leão Fase da Lua: Cheia às 20h10 Cor: Cinza Incenso: Violem 9 4/2 Quarta-feira Signo da 1.ua: Leão Fase da Lua: Cheia Cur: Preto Incenso: Manícrona Inicio LFC: 2h32 zi- 5/2 Quinta-feira Signo da Lua: Virgem às 2h47 Fase da Lua: Cheia Final LFC: 2h47 Cor: Amaicl o Incenso: Jzsmim 9 6/2 Sexta-feira Signo da Lua: Virgem Fase da Lua: Cheia Início LFC: 19h10 Cor: Larania Incenso: Peônia Festiva! em / zanm deAfaditz, deusa grega da amor IL 7/2 Sábado Signo da Luz: Libra às 15h45 Fase da Lua: Cheia Final LFC: 15h45 Cor: Azul Incenso: Alm íscar 'E' 3/2 Domingo Signo da Lua: Libra Fase da Lua: Cheia Cor: Prero Incenso: Miiefálio g 9/2 Segunda-feira Signo da Lua: Libra Fase da Lua: Cheia Inicio LFC: 8h59 (Jor: Verde Incenso: Erva-Cidreira x Dia nÍt Apelo, a divindade di¡ Sol O, 10/2 Terça-feira Sgnc da Lua: Escorpião às 4h06 hse da Lua: Cheia Hnal LFC: 4h06 Cor: Verde Incenso: Erva-Cidreira ç 11/2 Quarta-feira Sgno da Lua: Escorpião Fisc (In Lua: Cheia Gr: Vermelho Ircenso: Bálsamo 1¡ i2/2 Quinta-feira Si; no da Lua: Sagitário às 13h48 3>o»5O«4<g Fase da Lua: Minguante à 0h51 Inicio LFC: 2h33 Final LFC: 13h48 Cor: Âmbar Incenso: Semprewiw Dia ranmgrudo às dnisin da raça. Ártemis r Diana Q 13/2 Sexta-feira Signo da Lua: Sagitário Fase da Lua: Minguante Cor: AznLrurqnesa Incenso: Gardênia Pai-. riizzílzarfzrziual rum/ m em baum da: murro: (até 3 l/02) TL 14/2 Sábado Signo da Inn: Capriçórnio às 19h25 Fase da Lua: Mingiisnie Inicio LFC: 12h16 Final LFC: 19h25 Cor: Marfim Inccnsn: Crisâniemo Díu de São Va/ znzim. fàstimzl do 11mm', também dedimdo u / uno Fíbrua 'E' I5/Z Domingo Signn da Lua: Capricórnio Fase da Ina: Minguante (Lua Negra) ' ' -dc-rosa . .Manjericão Lnprrmir, fesmvz/ rum/ mo m¡ / NIIHH di¡ (Inu: Pá C2 16/2 Segunda-feira Signo da Lua: Aquário às 21h14 Fase da Lua: Minguante (Lua Negra) Inicio LF ' 7h18 Final LF .211114 Cor: Branco Incenso: Alfazema F/ (IHIIÍ/ Í/IS. fPJI/ IJ i-izmrma: rm ! wma dm #mms d' I 7/2 Terça-feira Signo da Lua: Aquário Fase da Lua: Minguante (Lin Negra) Cor: Casranho-avermelhado Incenso: Beijoim Fumnmis, fiat/ z: rum/ mm rm honra da drum Fizmnz, drum #afirmar Dir¡ da deusa Kali ria Índia Carnaval g 18/2 Quarta-feira Signo da Lua: Peixes às 20h49 Fase da Lua: Nova às 20h48 O Sol entra em Peixes às 20h51 Inicio LFC: 20h43 Final LFC: 20h49 Cor: Azul-marinho Incenso: Junipero Cinza: li- I9/2 Quinta-feira Signo da Lua: Peixes Fase da Lua: Nova Inicio LFC: 20h03 Cor: Marrom Incenso: Gerânio Ana-Nim¡ Chinês (Cumriro) 9 20/2 Sexta-feira Signo di¡ Lua: ÁIÍCS : is 20h 14 Fase da Lua: Nova Final LFC: 20h14 Cor: Prcro Incenso: Laranja T1 21 / z Sábado Signo da Lua: Áries Fase da Lua: Nova Inicia LFC: 21h37 Cnr: Conde-rosa Incenso: Mridrcssilv. : l-? rriIi/ ix, fem: : rum/ mix: mz ! mm-a 11a: ;fz-user Mauri, exp/ run: do: mai-tn: *E 22/2 Domingo Signo da Lua: Touro às 21h29 Fase d: : Lua: Nova Final LFC: 21h29 Cor: Verde Incenso: Cedro ! Quit/ nl ramarm da drum Cancárdia Final da / rarzíriu de verão 90-51443 : nun u_- u: s. .
  29. 29. Q 23/2 Segunda-feira Signo da Lua: Touro Fase da Lua: Nova Inicio LFC: 23h58 Cor: Prateado Incenso: Gcugibrc Ermindlizrx, jírstival romana m¡ / ronm dr 72mm, rim zlzrrfvnzcirzii d 24/2 Terça-feira Signo da Lua: Touro Fast' da Lua: Nova Cor: Dourado Incenso: Alecrim 141-5 25/2 Quarta-feira Signo cia Lua: Gêmcosà 1h55 Fase da Lua: Crcsccnre às 14h15 Filial LF 1h55 Cor: Cir¡ Incenso: Mirra 'm' 1/3 Domingo Signo da 1.| |:l: 1.c: ¡o às 20h35 Fasc da 1.1 Crescente Final LFC: 20h35 Cor: Azul Incenso: Sândalo Mnmznriliax, festa: mmrm/ I: : m honra dejurm, ¡iramum da: tzIJ/ ¡mmlm Dia em qu? n: :Inst/ tis a/ inmzraturm 019g¡ szlgmdo. anunciando a ÃnmNauu Romana Q 2/3 Segunda-feira signo da Lua: Leio Fase da Lua: Crescente Cor: Cor-de-rosa Incenso: Orquídea 26/2 Quinta-feira : signo da Lim: Gémeos IFase da Lua. Crt-scenre Ilnicio LFC: 5h45 (Cor: Amarelo Ilncenso: Cainomi| a Q 27/2 Sexta-feira Signo da Lui: Câncer as 9h51 Fase da Lua: Crescente IFina| LFC: 9h51 Cor: Branco Incenso: 'Ibmiiho Din da Arm/ i 17_ 23/2 Sábado Signo da Lua àncer Fase cia Lua: rescenre Inicio LFC: 14h54 Cor: Lilás Incenso: Coentro o me. ; dt- março écolisagratio '.10 deus romano da gucim. Mint'. Cnnlrlpíifik' do grvgo Ares. Fun¡ os iomanosi este Inês rcprtwmlva n inicio do AnorNovo. Comcçmdt) ro tquinóLio da primavera. em lorno do ilia 21, una minima m ha¡c como o ¡ninn tio Ano Lodiacai, A prdia ninai (ir . nino e t. ¡Jspc unguinco ou Iiciiorrúpio. Diz¡ tonmgrvrda a como, dzum dns/ bro): t ; mm arguido: O, 3/3 Terça-feira : igno da Lua: Leão Iase da I. ua: Crescente hicio LFC: 5h49 Cor: Branco hcenso: Pinho ê 4/3 Quarta-feira figno da Lua: Virgem às 8h59 las: da Lua: Ciesccnrc 1ina1LFC: 8h59 Cor: Amarelo hccnso: Sávia kitiva/ alta em honra a Rb/ armwz, deusa úmzzla, re/ acianztdnà drum Petra-fone ã>›§2-4<1ã 11- 5/3 Quinta-feira Signo da Lua: Virgem Fase da Lua: Chcia às 15h07 Inicio LFC: 15h38 Cor: Verde Incenso: Rosas 9 6/3 Sexta-feira Signo da Lua: Libra às 21h53 Fase da Lua: Cheia Final LFC: 21h53 Cor: Âmbar Incenso: Pêssego T1 7/3 Sábado Signo da Lua: Libra Fase da Lua: Cheia Cor: AzuI Incenso: Alfazema 'É' 8/3 Domingo Signo da Lua: Libra Fase da Lua: Cheia Inicio LFC: 22h25 Cor: Marfim Incenso: Ptônia Dia Internacional da Mulfm Q 9/3 Segunda-falta Signo da Lua: Escorpião às 10h11 Fasc da Lua: Cheia Final LFC: 10h11 Cor: Branco Incenso: Gardênia d' 10/3 Terça-feira Signo da Lua: Escorpião Fase da Lua: Cheia Cor: Lilás Incenso: IIangue-¡Iangue É? 11/3 Quarta-felra Signo da Lua: Sagitário às 20h32 Fase da Lua: Cheia Inicio LFC: 16h47 Final LFC: 20h32 Cor: Vermeiho Inccnso: Almíscar )+ 12/3 Quinta-feira Signo da Lua: Sagitário Fase da Lua: Cheia Cor: Azul-marinho Incenso: Hortênsia Festa de Mara/ uk, deus suprema da Balzilâniu Dia da Mar-tim; de Hrydtia, conhecida cama a Puga' Divzmz Q 13/3 Sexta-feira Signo da Lua: Sagitário Fase da Lua: Minguante às 14h49 Cor: Marrom Incenso: Narciso Início LFC: 20h12 Dia da Sm: rm Wim¡ i¡ 14/3 Sábado Signo da Lua: Capricórnio às 3h41 Fase da Lua: Minguante Final LFC: 3h41 Cor: Laranja Incenso: Gengibre Diz¡ d: Ud Zi! , dana-temente rgfpciu í' l 5/3 Domingo Signo da Luz: Capricórnio Fase da Lua: Minguante Cor: Amarelo Incenso: Jasmim Festival romano em honra de Ana Perna! , dama do¡ arm Ftstival tm / mnm de Án": r Cibrle Du¡ : agrada d: Reia, das: : gugu da terra, rmít de Zeus e um arpmo da Grande Ma? Q 16/3 Segunda-feira Signo da Lua: Aquário às 7h15 Fase da Lua: Minguante Inicio LFC: 5h03 Final LFC: 7h15 Cor: Prateado Incenso: Gcrânio Farm/ al da dem guga Dinnisa, dm: do yin/ m Dia dedicado a Morgan Le Fay 90-53-06

×