7º Encontro Paulista de Fundações                     Anna Maria T. M.                             Peliano               ...
Qual a proporção de organizações sem fins lucrativosque são apoiadas por diversas empresas? (em %)         Distribuição da...
Qual o montante de recursos recebidos pelasorganizações sem fins lucrativos? (em %)               Distribuição das organiz...
Qual o perfil das organizações sem finslucrativos?          Organizações sem fins lucrativos segundo suas                 ...
Desde quando as organizações são apoiadaspelas empresas?     Apoio das empresas às organizações sem        fins lucrativos...
Quais os benefícios decorrentes das parceriascom as organizações sem fins lucrativos?     Benefícios decorrentes das parce...
Quais os benefícios decorrentes das parcerias com as organizações sem fins lucrativos?  Benefícios decorrentes das parceri...
Quais as dificuldades de trabalhar em parceriacom as organizações sem fins lucrativos?   Dificuldades enfrentadas para atu...
Quais as dificuldades de trabalhar em parceriacom as organizações sem fins lucrativos?           Dificuldades enfrentadas ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

7º Encontro Paulista de Fundações – 3º Painel: A Construção do Marco Regulatório do Terceiro Setor – Anna Maria Peliano

437 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
437
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
53
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

7º Encontro Paulista de Fundações – 3º Painel: A Construção do Marco Regulatório do Terceiro Setor – Anna Maria Peliano

  1. 1.  7º Encontro Paulista de Fundações Anna Maria T. M. Peliano São Paulo Outubro de 2012
  2. 2. Qual a proporção de organizações sem fins lucrativosque são apoiadas por diversas empresas? (em %) Distribuição das organizações apoiadas por mais de uma empresa 14 % 14% 6% Por 2 empresas Por 3 empresas Por 4 empresas Por 5 ou mais empresas n=49 65% Fonte: BISC, 2012. Comunitas
  3. 3. Qual o montante de recursos recebidos pelasorganizações sem fins lucrativos? (em %)  Distribuição das organizações por faixa de recursos recebidos 34 21 19 14 8 3 Até R$ 2.000 De R$ 2.000 até De R$ 10.001 De R$ 30.001 De R$ 60.000 Mais de R$ R$ 10.000 até R$ R$ até R$ 60.000 até R$ 100.000 100.000 30.000 n=691 Fonte: BISC, 2012. Comunitas
  4. 4. Qual o perfil das organizações sem finslucrativos?  Organizações sem fins lucrativos segundo suas finalidades Outros Desenvolvimento 4 e defesa de Meio ambiente direitos 6 28 Saúde 8 Religião 1 Assistência social Cultura e 15 recreação 15 Educação e n=514 pesquisa 23 Fonte: BISC, 2012. Comunitas
  5. 5. Desde quando as organizações são apoiadaspelas empresas? Apoio das empresas às organizações sem  fins lucrativos: em número de anos 13% 23% 12% Mais de 10 anos Entre 7 e 10 anos Entre 4 e 6 anos Entre 2 e 3 anos Apenas em 2011 21% n=420 31% Fonte: BISC, 2012. Comunitas
  6. 6. Quais os benefícios decorrentes das parceriascom as organizações sem fins lucrativos?  Benefícios decorrentes das parcerias entre empresas e organizações sem fins lucrativos (em %) Não Alto Médio Baixo Nenhum SabeMelhorias na gestão das organizações 48 13 9 0 30sociaisMelhorias na relação da empresa com as 52 9 4 9 26comunidadesRedução dos custos de gestão dos 9 17 17 26 31projetos sociais da empresaMelhorias na qualidade dos projetos 61 18 4 0 17desenvolvidosMelhorias no diálogo com as lideranças 39 26 0 9 26locais Fonte: BISC, 2012. Comunitas
  7. 7. Quais os benefícios decorrentes das parcerias com as organizações sem fins lucrativos?  Benefícios decorrentes das parcerias entre empresas e organizações sem fins lucrativos (em %) Não Alto Médio Baixo Nenhum SabeGanhos de escala no atendimento social da 35 17 4 13 30empresaMelhorias da imagem pública da empresa 26 39 0 13 22Melhorias na qualidade dos profissionais 13 17 13 26 31da empresaMelhorias no relacionamento institucional 39 17 13 9 22com outros parceiros importantesMaior alinhamento da empresa com as 9 39 13 9 30políticas públicasFortalecimento das organizações sem fins 52 17 0 0 31lucrativos Fonte: BISC, 2012. Comunitas
  8. 8. Quais as dificuldades de trabalhar em parceriacom as organizações sem fins lucrativos?   Dificuldades enfrentadas para atuar em parceria com as organizações sem fins de lucro (em %) Nenhum Alta Média Baixa Não Sabe aDesconhecimentos das organizações 21 37 16 26 0qualificadasFalta de transparência das organizações 5 37 42 16 0Desconfiança por parte dos líderes das 0 21 26 48 5organizaçõesMorosidade dos processos decisórios das 16 37 42 0 5organizaçõesFalta de recursos humanos devidamente 37 52 11 0 0capacitados nas organizaçõesDificuldade de prestação de contas por 42 47 0 11 0parte das organizações Fonte: BISC, 2012. Comunitas
  9. 9. Quais as dificuldades de trabalhar em parceriacom as organizações sem fins lucrativos?   Dificuldades enfrentadas para atuar em parceria com as organizações sem fins de lucro (em %) Alta Média Baixa Nenhuma Não Sabe Resistência por parte de gestores das 5 32 37 21 5 organizações Dificuldade de associar o investimento 0 44 28 17 11 social à imagem da empresa Rotatividade dos administradores e/ou 16 37 26 11 11 gestores das organizações Descontinuidade dos projetos das 10 37 37 16 0 organizações Não cumprimento dos compromissos 10 42 37 11 0 assumidos Interferência político-partidárias 5 21 27 42 5 Fonte: BISC, 2012. Comunitas

×