SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
Baixar para ler offline
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
CURSO: Biomedicina
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
ENCOMENDE CONOSCO ESTE PORTFÓLIO
WHATSAPP (91)988309316
E-mail: portfoliouniversitario@gmail.com
https://www.flashuniversitario.com.br/
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
Curso: Biomedicina Semestre: 7º REG
Objetivos da
Aprendizagem:
A produção textual é um procedimento metodológico de ensino
aprendizagem que tem por objetivos:
• Relacionar teoria e prática, a fim de proporcionar
embasamento para atuação em atividades
extracurriculares.
• Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o
autoaprendizado.
• Favorecer a aprendizagem.
• Promover a aplicação da teoria e conceitos para a
solução de problemas práticos relativos à profissão.
Prezados(as) alunos(as),
Seja bem-vindo a este semestre!
A proposta de Produção Textual Interdisciplinar em Grupo (PTG) terá como temática
Infecções oportunistas em pacientes imunossuprimidos. Escolhemos esta temática para possibilitar
a aprendizagem interdisciplinar dos conteúdos desenvolvidos nas disciplinas desse semestre
conforme o eixo integrador.
Na atividade de produção textual, os alunos responderão questionamentos relacionados a
cada disciplina estudada no semestre, a fim de elucidar e resolver a situação-problema
(Situação Geradora de Aprendizagem – SGA) proposta.
SITUAÇÃO GERADORA DE APRENDIZAGEM (SGA)
Paulo, um rapaz de 24 anos de idade compareceu ao pronto atendimento de sua cidade
relatando tosse, falta de ar, febre e dor na região do tórax, o médico desconfiado de infecção
bacteriana prescreveu um antibiótico e pediu que o paciente o utilizasse durante 7 dias e que
retornasse para que fosse reavaliado. Passados os dias Paulo retornou ao pronto atendimento
apresentando cefaleia muito forte que era resistente a medicação, visão turva, confuso e agitado e
relatou uma perda de 10kg em um mês, diante desse quadro clínico o médico resolveu internar o
paciente para investigar o caso. Durante a internação foram solicitados os seguintes exames
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
laboratoriais: hemograma completo, urina I, PCR, testes sorológicos: anti-HIV- 1 e anti- HIV- 2 através
do imuensaio ELISA e contagem de linfócitos T CD4+/ CD8+., Hepatite B (HBsAg) e anti-HBc (Hepatite
C), além das dosagens bioquímicas: AST, ALT, Bilirrubinas total e direta, glicose.
Os resultados dos exames laboratoriais mostraram:
HEMOGRAMA
Parâmetro Valores Paciente Valores de Referência
Hemácias
(milhões/mm3)
4,0 4,3- 5,0
Hemoglobina (g/dL) 11,8 12,0 – 14,0
Hematócrito (%) 40 40 -46
VCM (fL) 83 82 - 98
HCM (pg) 28 27- 32
CHCM (g/dL) 32 32 - 36
RDW (%) 12 12-14
Leucócitos totais
(mm³)
14.000 4.000 – 11.000
Bastonetes 2% (420) 0- 500
Segmentados 75% (10500) 2000-7000
Linfócitos 20% (2800) 1000 – 3000
Monócitos 2% (420) 200- 1000
Eosinófilos 1% (140) 20- 500
Basófilos 0% 20 -100
URINA I
Cor Amarelo citrino Amarelo Citrino
Densidade 1.010 1.015 a 1.025
Aspecto Límpido Límpido
Nitrito Negativo Negativo
Proteínas Ausente Ausente
Glicose Ausente Ausente
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
Corpos cetônicos Ausente Ausente
Bilirrubina Ausente Ausente
pH 6,5 4,5- 6,0
Urobilinogênio < 1 mg/dL
Nos exames sorológicos constatou-se a positividade para o vírus HIV e a contagem de LT CD4+ menor
do que 200 células/mm³, constatando que Paulo estava com a Síndrome da Imunodeficiência
Humana Adquirida (AIDS). Além da contagem de PCR ser maior de 40 mg/L.
Após a análise dos exames laboratoriais foi solicitado: a coleta de líquido cefalorraquidiano, a
realização da prova de látex (Crypto látex) e exame direto com Tinta- da- China (Nankin).
Os resultados mostraram:
LCR Valores paciente
Parâmetro
Pressão (mmHG) Aumentada
Aspecto Incolor
Celularidade
(Leucócitos/ mm³)
100
Tipo de célula
predominante
Linfócitos
Proteína (mg/dL) 150
Glicose Diminuída
SOROLOGIA
Crypto látex Positivo
MICROSCOPIA
Exame direto com
tinta-da-china
(Nankin)
Positivo
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
Baseado na situação geradora descrita acima produza um texto que aborde todos os tópicos
mencionados abaixo:
Para isso, busque soluções para os problemas apresentados a seguir, mas, lembrem-se de
que TODOS os Desafios propostos devem ser respondidos, em forma de texto corrido, fazendo
articulações com a SGA apresentada e a teoria respectiva. Logo, é fundamental apresentar poder
argumentativo e boa fundamentação das justificativas.
DESAFIOS PROPOSTOS
1. Considerando as manifestações clínicas de Paulo e os exames laboratoriais realizados, responda:
a) Qual é o possível diagnóstico desse paciente? Explique.
b) Por que o médico solicitou o hemograma? No que consiste esse exame?
c) Qual foi a análise do hemograma que possibilitou confirmar que a infecção se trata possivelmente
de uma infecção fúngica?
2) Nesta situação o médico solicitou o teste sorológico de Crypto látex e o exame direto da Tinta
Nankin, explique como são realizados esses exames e oque eles possibilitaram descobrir no caso
desse paciente.
3) Qual é a relação que se pode fazer entre a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS) e a
Criptococose?
4) Qual é a relação entre a Criptococose e a meningite? Explique o que é a Criptococose.
5) Nesta situação constatou-se que a Proteína C Reativa (PCR) estava elevada, explique oque é a PCR
e porque ocorreu essa elevação.
REFERÊNCIAS
COICO, R., SUNSHINE, G. Imunologia. 6.ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan., 2019.
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
COURA, J.S. Dinâmica das Doenças Infecciosas e parasitárias. 2. ed. Rio de Janeiro: Guanabara
Koogan, 2013
DELVES, P.J. Roitt: Fundamentos de Imunologia. 13ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2017.
LEITE, S. B. Fluidos biológicos. Porto Alegre: SAGAH, 2019.
MADIGAN, M.T. et al. Microbiologia de Brock. 14. ed. Editora: Artmed, 2016.
NEVES, P. A. Líquido cefalorraquidiano. São Paulo: Roca, 2011
OLIVEIRA, R.B. Líquidos biológicos. 1.ed. Paraná: Londrina, 2017.
VERMELHO, A.B., PEREIRA, A.F., COELHO, R.R.R, SOUTO-PADRÓN, T. Práticas de Microbiologia. 2ªed.
Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2019.
TORTORA, G.J. et al. Microbiologia. 12.ed. São Paulo: Artmed, 2017 (Disponível em: Minha
Biblioteca);
NORMAS PARA ELABORAÇÃO E ENTREGA DA PRODUÇÃO TEXTUAL
1. O trabalho será realizado em grupos, de 02 a 07 alunos, no máximo.
2. A formação dos grupos é de responsabilidade dos alunos; no entanto, solicitamos que sigam
as orientações do Tutor Presencial, responsável por cadastrar os grupos no sistema.
3. Importante: somente o líder do grupo conseguirá cadastrar o trabalho finalizado no sistema,
o que deverá ser feito na pasta específica (“atividades interdisciplinares”), obedecendo ao
prazo limite de postagem, conforme disposto no cronograma do curso. Não existe
prorrogação para a postagem da atividade.
4. O trabalho final deve conter, depois de pronto, capa e folha de rosto padrão da Universidade,
sendo organizado no que tange à sua apresentação visual (tipos e tamanhos de fontes,
alinhamento do texto, espaçamentos, adentramento de parágrafos, apresentação correta de
citações e referências, entre outros elementos importantes), conforme modelo disponível no
AVA.
5. A produção textual é um trabalho original e, portanto, não poderá haver trabalhos idênticos
aos de outros alunos ou com reprodução de materiais extraídos da internet. Os trabalhos
plagiados serão invalidados, sendo os alunos reprovados na atividade. Lembre-se de que a
prática do plágio constitui crime, com pena prevista em lei (Lei n.º 9.610), e deve ser evitada
no âmbito acadêmico.
6. Importante: O trabalho deve ser enviado em formato Word. Não serão aceitos, sob nenhuma
hipótese, trabalhos enviados em PDF.
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
A seguir, apresentamos a vocês alguns dos critérios avaliativos que nortearão a análise do
Tutor a Distância para atribuir o conceito à produção textual:
• Normalização correta do trabalho, em respeito às normas da ABNT, com atendimento ao
número de páginas solicitadas.
• Apresentação de estrutura condizente com a proposta apresentada (com introdução,
desenvolvimento e conclusão).
• Uso de linguagem acadêmica adequada, com clareza e correção, atendendo à norma
padrão.
• Atendimento à proposta, contemplando todos os itens solicitados, com objetividade,
criatividade, originalidade e autenticidade.
• Fundamentação teórica do trabalho, com as devidas referências dos autores
eventualmente citados.
Lembre-se de que seu Tutor a Distância está à disposição para lhes atender em suas dúvidas
e, também, para repassar orientações sempre que vocês precisarem. Aproveite esta oportunidade
para realizar um trabalho com a qualidade acadêmica de nível universitário.
Bom trabalho a todos!
Equipe de professores

Mais conteúdo relacionado

Mais de ArlenoFavacho2

Mais de ArlenoFavacho2 (20)

ESTAGIO CONTABEIS.pdf
ESTAGIO CONTABEIS.pdfESTAGIO CONTABEIS.pdf
ESTAGIO CONTABEIS.pdf
 
Estágio em Nutrição e Saúde Coletiva.pdf
Estágio em Nutrição e Saúde Coletiva.pdfEstágio em Nutrição e Saúde Coletiva.pdf
Estágio em Nutrição e Saúde Coletiva.pdf
 
NUTRIÇÃO 7 E 8.pdf
NUTRIÇÃO 7 E 8.pdfNUTRIÇÃO 7 E 8.pdf
NUTRIÇÃO 7 E 8.pdf
 
Estágio em Alimentação Coletiva.pdf
Estágio em Alimentação Coletiva.pdfEstágio em Alimentação Coletiva.pdf
Estágio em Alimentação Coletiva.pdf
 
ENFERMAGEM 7 E 8.pdf
ENFERMAGEM 7 E 8.pdfENFERMAGEM 7 E 8.pdf
ENFERMAGEM 7 E 8.pdf
 
ENFERMAGEM 5 E 6.pdf
ENFERMAGEM 5 E 6.pdfENFERMAGEM 5 E 6.pdf
ENFERMAGEM 5 E 6.pdf
 
GESTAO PUBLICA 2.pdf
GESTAO PUBLICA 2.pdfGESTAO PUBLICA 2.pdf
GESTAO PUBLICA 2.pdf
 
PROJET TI.pdf
PROJET TI.pdfPROJET TI.pdf
PROJET TI.pdf
 
RH 2 E 3.pdf
RH 2 E 3.pdfRH 2 E 3.pdf
RH 2 E 3.pdf
 
PLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdf
PLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdfPLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdf
PLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdf
 
ESTAGIO DE CAMPO LICENCIATURAS.pdf
ESTAGIO DE CAMPO LICENCIATURAS.pdfESTAGIO DE CAMPO LICENCIATURAS.pdf
ESTAGIO DE CAMPO LICENCIATURAS.pdf
 
ESTAGIO ENFERMAGEM II.pdf
ESTAGIO ENFERMAGEM II.pdfESTAGIO ENFERMAGEM II.pdf
ESTAGIO ENFERMAGEM II.pdf
 
ESTAGIO CONTABEIS.pdf
ESTAGIO CONTABEIS.pdfESTAGIO CONTABEIS.pdf
ESTAGIO CONTABEIS.pdf
 
ESTAGIO FARMACIA 80H.pdf
ESTAGIO FARMACIA 80H.pdfESTAGIO FARMACIA 80H.pdf
ESTAGIO FARMACIA 80H.pdf
 
TI 02.pdf
TI 02.pdfTI 02.pdf
TI 02.pdf
 
Fake News.pdf
Fake News.pdfFake News.pdf
Fake News.pdf
 
TI 03.pdf
TI 03.pdfTI 03.pdf
TI 03.pdf
 
PEDAGOGIA 4 E 5.pdf
PEDAGOGIA 4 E 5.pdfPEDAGOGIA 4 E 5.pdf
PEDAGOGIA 4 E 5.pdf
 
AREAS DA SAUDE.pdf
AREAS DA SAUDE.pdfAREAS DA SAUDE.pdf
AREAS DA SAUDE.pdf
 
ENFERMAGEM 7.pdf
ENFERMAGEM 7.pdfENFERMAGEM 7.pdf
ENFERMAGEM 7.pdf
 

Último

Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfdio7ff
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOBiatrizGomes1
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 anoAdelmaTorres2
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfMapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfangelicass1
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Centro Jacques Delors
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOColégio Santa Teresinha
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasRicardo Diniz campos
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 

Último (20)

Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfMapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 

BIOMEDICINA 7.pdf

  • 1. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG CURSO: Biomedicina PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG ENCOMENDE CONOSCO ESTE PORTFÓLIO WHATSAPP (91)988309316 E-mail: portfoliouniversitario@gmail.com https://www.flashuniversitario.com.br/
  • 2. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG Curso: Biomedicina Semestre: 7º REG Objetivos da Aprendizagem: A produção textual é um procedimento metodológico de ensino aprendizagem que tem por objetivos: • Relacionar teoria e prática, a fim de proporcionar embasamento para atuação em atividades extracurriculares. • Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o autoaprendizado. • Favorecer a aprendizagem. • Promover a aplicação da teoria e conceitos para a solução de problemas práticos relativos à profissão. Prezados(as) alunos(as), Seja bem-vindo a este semestre! A proposta de Produção Textual Interdisciplinar em Grupo (PTG) terá como temática Infecções oportunistas em pacientes imunossuprimidos. Escolhemos esta temática para possibilitar a aprendizagem interdisciplinar dos conteúdos desenvolvidos nas disciplinas desse semestre conforme o eixo integrador. Na atividade de produção textual, os alunos responderão questionamentos relacionados a cada disciplina estudada no semestre, a fim de elucidar e resolver a situação-problema (Situação Geradora de Aprendizagem – SGA) proposta. SITUAÇÃO GERADORA DE APRENDIZAGEM (SGA) Paulo, um rapaz de 24 anos de idade compareceu ao pronto atendimento de sua cidade relatando tosse, falta de ar, febre e dor na região do tórax, o médico desconfiado de infecção bacteriana prescreveu um antibiótico e pediu que o paciente o utilizasse durante 7 dias e que retornasse para que fosse reavaliado. Passados os dias Paulo retornou ao pronto atendimento apresentando cefaleia muito forte que era resistente a medicação, visão turva, confuso e agitado e relatou uma perda de 10kg em um mês, diante desse quadro clínico o médico resolveu internar o paciente para investigar o caso. Durante a internação foram solicitados os seguintes exames
  • 3. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG laboratoriais: hemograma completo, urina I, PCR, testes sorológicos: anti-HIV- 1 e anti- HIV- 2 através do imuensaio ELISA e contagem de linfócitos T CD4+/ CD8+., Hepatite B (HBsAg) e anti-HBc (Hepatite C), além das dosagens bioquímicas: AST, ALT, Bilirrubinas total e direta, glicose. Os resultados dos exames laboratoriais mostraram: HEMOGRAMA Parâmetro Valores Paciente Valores de Referência Hemácias (milhões/mm3) 4,0 4,3- 5,0 Hemoglobina (g/dL) 11,8 12,0 – 14,0 Hematócrito (%) 40 40 -46 VCM (fL) 83 82 - 98 HCM (pg) 28 27- 32 CHCM (g/dL) 32 32 - 36 RDW (%) 12 12-14 Leucócitos totais (mm³) 14.000 4.000 – 11.000 Bastonetes 2% (420) 0- 500 Segmentados 75% (10500) 2000-7000 Linfócitos 20% (2800) 1000 – 3000 Monócitos 2% (420) 200- 1000 Eosinófilos 1% (140) 20- 500 Basófilos 0% 20 -100 URINA I Cor Amarelo citrino Amarelo Citrino Densidade 1.010 1.015 a 1.025 Aspecto Límpido Límpido Nitrito Negativo Negativo Proteínas Ausente Ausente Glicose Ausente Ausente
  • 4. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG Corpos cetônicos Ausente Ausente Bilirrubina Ausente Ausente pH 6,5 4,5- 6,0 Urobilinogênio < 1 mg/dL Nos exames sorológicos constatou-se a positividade para o vírus HIV e a contagem de LT CD4+ menor do que 200 células/mm³, constatando que Paulo estava com a Síndrome da Imunodeficiência Humana Adquirida (AIDS). Além da contagem de PCR ser maior de 40 mg/L. Após a análise dos exames laboratoriais foi solicitado: a coleta de líquido cefalorraquidiano, a realização da prova de látex (Crypto látex) e exame direto com Tinta- da- China (Nankin). Os resultados mostraram: LCR Valores paciente Parâmetro Pressão (mmHG) Aumentada Aspecto Incolor Celularidade (Leucócitos/ mm³) 100 Tipo de célula predominante Linfócitos Proteína (mg/dL) 150 Glicose Diminuída SOROLOGIA Crypto látex Positivo MICROSCOPIA Exame direto com tinta-da-china (Nankin) Positivo
  • 5. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG Baseado na situação geradora descrita acima produza um texto que aborde todos os tópicos mencionados abaixo: Para isso, busque soluções para os problemas apresentados a seguir, mas, lembrem-se de que TODOS os Desafios propostos devem ser respondidos, em forma de texto corrido, fazendo articulações com a SGA apresentada e a teoria respectiva. Logo, é fundamental apresentar poder argumentativo e boa fundamentação das justificativas. DESAFIOS PROPOSTOS 1. Considerando as manifestações clínicas de Paulo e os exames laboratoriais realizados, responda: a) Qual é o possível diagnóstico desse paciente? Explique. b) Por que o médico solicitou o hemograma? No que consiste esse exame? c) Qual foi a análise do hemograma que possibilitou confirmar que a infecção se trata possivelmente de uma infecção fúngica? 2) Nesta situação o médico solicitou o teste sorológico de Crypto látex e o exame direto da Tinta Nankin, explique como são realizados esses exames e oque eles possibilitaram descobrir no caso desse paciente. 3) Qual é a relação que se pode fazer entre a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS) e a Criptococose? 4) Qual é a relação entre a Criptococose e a meningite? Explique o que é a Criptococose. 5) Nesta situação constatou-se que a Proteína C Reativa (PCR) estava elevada, explique oque é a PCR e porque ocorreu essa elevação. REFERÊNCIAS COICO, R., SUNSHINE, G. Imunologia. 6.ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan., 2019.
  • 6. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG COURA, J.S. Dinâmica das Doenças Infecciosas e parasitárias. 2. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2013 DELVES, P.J. Roitt: Fundamentos de Imunologia. 13ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2017. LEITE, S. B. Fluidos biológicos. Porto Alegre: SAGAH, 2019. MADIGAN, M.T. et al. Microbiologia de Brock. 14. ed. Editora: Artmed, 2016. NEVES, P. A. Líquido cefalorraquidiano. São Paulo: Roca, 2011 OLIVEIRA, R.B. Líquidos biológicos. 1.ed. Paraná: Londrina, 2017. VERMELHO, A.B., PEREIRA, A.F., COELHO, R.R.R, SOUTO-PADRÓN, T. Práticas de Microbiologia. 2ªed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2019. TORTORA, G.J. et al. Microbiologia. 12.ed. São Paulo: Artmed, 2017 (Disponível em: Minha Biblioteca); NORMAS PARA ELABORAÇÃO E ENTREGA DA PRODUÇÃO TEXTUAL 1. O trabalho será realizado em grupos, de 02 a 07 alunos, no máximo. 2. A formação dos grupos é de responsabilidade dos alunos; no entanto, solicitamos que sigam as orientações do Tutor Presencial, responsável por cadastrar os grupos no sistema. 3. Importante: somente o líder do grupo conseguirá cadastrar o trabalho finalizado no sistema, o que deverá ser feito na pasta específica (“atividades interdisciplinares”), obedecendo ao prazo limite de postagem, conforme disposto no cronograma do curso. Não existe prorrogação para a postagem da atividade. 4. O trabalho final deve conter, depois de pronto, capa e folha de rosto padrão da Universidade, sendo organizado no que tange à sua apresentação visual (tipos e tamanhos de fontes, alinhamento do texto, espaçamentos, adentramento de parágrafos, apresentação correta de citações e referências, entre outros elementos importantes), conforme modelo disponível no AVA. 5. A produção textual é um trabalho original e, portanto, não poderá haver trabalhos idênticos aos de outros alunos ou com reprodução de materiais extraídos da internet. Os trabalhos plagiados serão invalidados, sendo os alunos reprovados na atividade. Lembre-se de que a prática do plágio constitui crime, com pena prevista em lei (Lei n.º 9.610), e deve ser evitada no âmbito acadêmico. 6. Importante: O trabalho deve ser enviado em formato Word. Não serão aceitos, sob nenhuma hipótese, trabalhos enviados em PDF.
  • 7. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG A seguir, apresentamos a vocês alguns dos critérios avaliativos que nortearão a análise do Tutor a Distância para atribuir o conceito à produção textual: • Normalização correta do trabalho, em respeito às normas da ABNT, com atendimento ao número de páginas solicitadas. • Apresentação de estrutura condizente com a proposta apresentada (com introdução, desenvolvimento e conclusão). • Uso de linguagem acadêmica adequada, com clareza e correção, atendendo à norma padrão. • Atendimento à proposta, contemplando todos os itens solicitados, com objetividade, criatividade, originalidade e autenticidade. • Fundamentação teórica do trabalho, com as devidas referências dos autores eventualmente citados. Lembre-se de que seu Tutor a Distância está à disposição para lhes atender em suas dúvidas e, também, para repassar orientações sempre que vocês precisarem. Aproveite esta oportunidade para realizar um trabalho com a qualidade acadêmica de nível universitário. Bom trabalho a todos! Equipe de professores