Juarez

601 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
601
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
263
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Juarez

  1. 1. Juarez Leal CoordenadorEstratégia de Mercado
  2. 2. Edições realizadas 2011/2012• Angola• Estados Unidos• Oriente Médio• Colômbia• Rússia Edições 2013 • Arábia Saudita • Peru • Coreia do Sul • África do Sul
  3. 3. www.apexbrasil.com.br/mercadofoco
  4. 4. É essencial para a empresa brasileira, segmentaro mercado mundial, selecionar o mercado-alvoadequado e desenvolver o posicionamento dovalor de sua oferta em nível internacional. Como fazê-lo?
  5. 5. Estratégias de crescimento internacional Produtos Atuais Novos ProdutosMercados Atuais Estratégia de Estratégia de ampliação de mercado desenvolvimento de produto Estratégia de abertura Estratégia deNovos Mercados de mercado diversificação
  6. 6. Como a Apex-Brasil pode ajudar a empresa brasileira a posicionar sua oferta na China?
  7. 7. 1. Identificando a demanda do mercado chinês• Produtos ocidentais - Maior mercado consumidor do mundo, com 1.3 bilhão de pessoas - 12% na classe A. Cresce a procura por produtos ocidentais, como vinhos, conhaque, queijos e bolsas, calçados e relógios de marca.• Alimentos, Bebidas e Agronegócios – O consumo de alimentos na China deve crescer 13% ao ano entre 2012 e 2016, superior ao da economia como um todo. O tamanho da base de consumidores e o grande espaço para o desenvolvimento de produtos e serviços premium sustentam tais perspectivas.• Moda - Há uma crescente demanda por calçados femininos de alta qualidade. Empresas brasileiras que exportam para a China são Dumond, Albanese, Democrata e Stephanie Classic. O Brasil foi o 13 fornecedor para o país. Marcas adaptam produtos para vender na China. A Levi s jeans lançou a Denizen (combinação de “denim” e uma palavra local derivada de cidadão e internet), com quadris mais estreitos e pernas mais curtas.
  8. 8. 2. Demonstrando os setores com potencial para atender esta demanda:
  9. 9. 3. Apresentando soluções que potencializem a relação entre demanda chinesa e a oferta brasileira:
  10. 10.  Panorama econômico, político e comercial Perfil e  Análise comércio bilateral Oportunidades  Indicadores de trocas comerciais Comerciais de  Oportunidades de negócios Mercados Internacionais  Classificação de bens importados: proibidos, restritos eAcesso à informação gerais. Conferir Catálogos de Commodities sujeitos a diferenciada: Proibições de Importação  Alimentos embalados devem conter informações em chinês sobre o produtor e a origem do produto  Diferenças regionais, zonas especiais e grandes distâncias estimulam regionalização da distribuição
  11. 11. Brasil Trade Guide Principais benefícios?  Aproxima compradores estrangeiros e trading brasileiras  Facilita o acesso de pequenas e médias empresas ao mercado externo  735 tradings cadastradas; 154 operando com a China  Valor exportado em 2011 www.brasiltradeguide.com.br US$ 5,946 bilhões, sendo US$ 890,8 milhões para China
  12. 12. Principais benefícios:• Soluções para problemas técnico- gerenciais e tecnológicos• Auxílio nas áreas: administração estratégica, capital humano, finanças e custos, vendas e marketing, produto, manufatura e comércio exterior• 32 núcleos operacionais• Atuação em 12 estados• 10.500 empresas atendidas
  13. 13. • 14 entidades setoriais tem China como mercado prioritário em suas ações de promoção. Conheça os setores:  Mel  Componentes para Couro, Calçados  Café e Artefatos  Frutas  Produtos para animais de estimação  Carnes bovina, suína e de frango  Joias  Açúcar e bioetanol  Software e serviços de TI  Calçados  Moda  Couro
  14. 14. • Missão Cultura Exportadora• Missões Ministeriais• Feiras Comerciais• Ações de Promoção de Marca e Construção de Imagem
  15. 15. • Sabores do Brasil – Novembro• Brasil Fashion – Março/2013 • Feiras  Cantão (2º semestre/2013, em Guangzhou)  Sial (7 a 13 de maio de 2013, em Xangai)
  16. 16. Programa Inter-Com (Internacionalização e Competitividade) –Apex-Brasil e Fundação Dom Cabral: • Capacitação para presidentes e executivos sobre o processo de internacionalização • Simulação de ambiente internacional por meio de jogo de internacionalização • Apoio técnico para o processo de internacionalização • *Próxima turma: 21 e 22 de março 2013
  17. 17. Suporte individual para empresas na China  Apoio do Setor de Promoção Comercial da Embaixada Brasileira na China e Consulado em Xangai  Apoio ao processo de Internacionalização do escritório de Negócios da Apex-Brasil em Pequim.
  18. 18. Dinâmica e Fluxo de atendimento Informação estratégica Seminário Inscrição Mercado Foco na Canais de Negócios Apex-Brasil FIESP Preench. de Ficha de Atendimento Interesse Apoio à InternacionalizaçãoPresencial Webcast Retorno para Empresas Programa de relacionamento com Mercado Foco
  19. 19. Nos próximos dias, assistam os vídeos e participem dasatividades Apex-Brasil.Cadastrem-se:http://apex.isat.com.br/
  20. 20. www.apexbrasil.com.br/mercadofoco
  21. 21. Relacionamento com o Cliente Apex-Brasil Atendimento pelos contatos: www.apexbrasil.com.br apex@apexbrasil.com.br (61) 3426-0202

×