SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
CLASSIFICAÇÃO
 DOS MÉDIUNS




            106
MÉDIUNS CLASSIFICAÇÃO
    Embora em diferentes graus, todos nós possuímos a mediunidade, por esse fato todos nós somos
médiuns. Essa faculdade é inerente ao homem, não constituindo privilégio exclusivo.
    Mas comumente entendemos médium toda pessoa que sabe usar a mediunidade e se tornou
instrumento pelo qual os desencarnados se comunicam com os encarnados.
    Os médiuns ajudam os espíritos esclarecidos a executarem certas tarefas na Terra, porque os
espíritos só podem atuar sobre a matéria por meio de um instrumento material.
    Os espíritos esclarecidos trabalham intensamente para o progresso deles próprios e dos seus irmãos
encarnados e desencarnados.
    Reparemos em derredor de nós: há ignorância, miséria, lágrimas, feridas, dores e erros.
    Pois bem, é por meio dos médiuns que os espíritos nos instruem, suavizam a miséria, enxugam as
lágrimas, cicatrizem as feridas, mitigam as dores, corrigem os erros. A mediunidade faz com que nós
habitantes da Terra trabalhemos juntos na construção do Reino de Deus.

                       CLASSIFICAÇÃO INICIAL DOS MÉDIUNS
   a)   Médiuns voluntários: são pessoas que tem conhecimento mais ou menos completo dos meios
        de comunicação com os espíritos Isso lhes possibilita servir-se, por vontade própria, de suas
        faculdades, sabem que possuem a faculdade e se predispõem a desenvolvê-la.
   b) Médiuns involuntários: são pessoas que não tem consciência da faculdade que possuem,
      servem de instrumentos, sem o saberem e o querem, são pessoas que nenhuma idéias fazem da
      mediunidade, e nem dos espíritos, mas são sensíveis.

                       CLASSIFICAÇÃO GERAL DOS MÉDIUNS
EFEITOS FÍSICOS: São os mais aptos à produção dos fenômenos materiais, doam o fluído
ectoplasmático pelo qual os espíritos produzem os fenômenos
Estes médiuns foram utilíssimos no início da propagação do espiritismo, devido a humanidade
materialista e obscurecida pelos erros religiosos, filosóficos e científicos
E só poderiam ter a razão despertada pelos meios materiais: ruídos (tiptologia), barulhos, deslocamentos,
disso se aproveitaram os espíritos para chamarem os encarnados à realidade.
INTUITIVOS OU INSPIRADOS: São aqueles que captam os pensamentos sugeridos pelos espíritos.
SENSITIVOS OU IMPRESSIVOS: Pessoas suscetíveis de pressentir a presença dos espíritos por vaga
impressão, também reconhece pela sensação que experimenta a natureza do espírito.
AUDIENTES: São pessoas que ouvem os espíritos. Os espíritos impressionam os nervos auditivos e o
médium recebe o pensamento do espírito.
FALANTES OU PSICOFÔNICOS: São aqueles pelos quais possibilitam os espíritos à comunicação oral,
neste caso uma terceira pessoa pode travar conversação com o espírito comunicante.
VIDENTES: São os dotados da faculdade de ver os espíritos, vêem tanto com os olhos abertos como
com eles fechados.
CURADORES: Dom que certas pessoas tem de curar pelo simples toque, pelo olhar, mesmo por um
gesto, sem o concurso de qualquer medicação, com a utilização somente do fluido magnético
ESCREVENTES OU PSICÓGRAFOS: Pessoas aptas a receber a comunicação dos espíritos através da
escrita.
ESCRITA DIRETA OU PNEUMATÓGRAFOS: Aptidão para se obter escrita direta, comprova a
intervenção de uma força oculta nas manifestações, sem o concurso da mão do médium.
XENOGLOTA: Faculdade de falar ou escrever em línguas estranhas do próprio médium.
PSICÔMETR0: A psicometria é faculdade que tem algumas pessoas de poderem em contato com
objetos ou coisas, “ler psiquicamente” as impressões ou imagens do campo etérico dos acontecimentos e
cenas a que os objetos “assistiram”. Em cada objeto que usamos grava-se a imantação do nosso fluido
no campo etérico e mais tarde possibilitará ao psicômetro identificar e descrever os fatos de nossa vida,
ocorridos durante o tempo em que o possuímos.


                                                                                                     107

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Espiritismo e mediunidade 07
Espiritismo e mediunidade  07Espiritismo e mediunidade  07
Espiritismo e mediunidade 07Leonardo Pereira
 
A categoria de médiuns de efeitos intelectuais - a psicografia
A categoria de médiuns de efeitos intelectuais - a  psicografiaA categoria de médiuns de efeitos intelectuais - a  psicografia
A categoria de médiuns de efeitos intelectuais - a psicografiajcevadro
 
Comunicabilidade dos Espíritos
Comunicabilidade dos Espíritos Comunicabilidade dos Espíritos
Comunicabilidade dos Espíritos Leonardo Pereira
 
3ª aula da natureza das comunicações - coem
3ª aula   da natureza das comunicações - coem3ª aula   da natureza das comunicações - coem
3ª aula da natureza das comunicações - coemWagner Quadros
 
4ª aula dos médiuns - classificação geral - coem
4ª aula   dos médiuns - classificação geral - coem4ª aula   dos médiuns - classificação geral - coem
4ª aula dos médiuns - classificação geral - coemWagner Quadros
 
A psicofonia, a vidência e as manifestações visuais
A psicofonia, a vidência e as manifestações visuaisA psicofonia, a vidência e as manifestações visuais
A psicofonia, a vidência e as manifestações visuaisjcevadro
 
Mistificações, contradições e animismo
Mistificações, contradições e animismoMistificações, contradições e animismo
Mistificações, contradições e animismojcevadro
 
Terceiro Módulo - 5ª aula - Classificação mediúnica
Terceiro Módulo - 5ª aula - Classificação mediúnicaTerceiro Módulo - 5ª aula - Classificação mediúnica
Terceiro Módulo - 5ª aula - Classificação mediúnicaCeiClarencio
 
Quarto Módulo - 4ª aula - Classificação mediunica
Quarto Módulo - 4ª aula - Classificação mediunicaQuarto Módulo - 4ª aula - Classificação mediunica
Quarto Módulo - 4ª aula - Classificação mediunicaCeiClarencio
 
Classificação da mediunidade - Wilma Badan CG -
Classificação da mediunidade - Wilma Badan CG - Classificação da mediunidade - Wilma Badan CG -
Classificação da mediunidade - Wilma Badan CG - Wilma Badan C.G.
 
Terceiro Módulo - 1ª aula - Conceito de mediunidade
Terceiro Módulo - 1ª aula - Conceito de mediunidadeTerceiro Módulo - 1ª aula - Conceito de mediunidade
Terceiro Módulo - 1ª aula - Conceito de mediunidadeCeiClarencio
 
5ª aula dos mediuns - coem
5ª aula    dos mediuns - coem5ª aula    dos mediuns - coem
5ª aula dos mediuns - coemWagner Quadros
 
Espiritismo e mediunidade 06
Espiritismo e mediunidade 06Espiritismo e mediunidade 06
Espiritismo e mediunidade 06Leonardo Pereira
 

Mais procurados (20)

Espiritismo e mediunidade 07
Espiritismo e mediunidade  07Espiritismo e mediunidade  07
Espiritismo e mediunidade 07
 
Comunicabilidade dos Espíritos
Comunicabilidade dos EspíritosComunicabilidade dos Espíritos
Comunicabilidade dos Espíritos
 
A categoria de médiuns de efeitos intelectuais - a psicografia
A categoria de médiuns de efeitos intelectuais - a  psicografiaA categoria de médiuns de efeitos intelectuais - a  psicografia
A categoria de médiuns de efeitos intelectuais - a psicografia
 
Comunicabilidade dos Espíritos
Comunicabilidade dos Espíritos Comunicabilidade dos Espíritos
Comunicabilidade dos Espíritos
 
3ª aula da natureza das comunicações - coem
3ª aula   da natureza das comunicações - coem3ª aula   da natureza das comunicações - coem
3ª aula da natureza das comunicações - coem
 
4ª aula dos médiuns - classificação geral - coem
4ª aula   dos médiuns - classificação geral - coem4ª aula   dos médiuns - classificação geral - coem
4ª aula dos médiuns - classificação geral - coem
 
A psicofonia, a vidência e as manifestações visuais
A psicofonia, a vidência e as manifestações visuaisA psicofonia, a vidência e as manifestações visuais
A psicofonia, a vidência e as manifestações visuais
 
Mediunidade
MediunidadeMediunidade
Mediunidade
 
Mistificações, contradições e animismo
Mistificações, contradições e animismoMistificações, contradições e animismo
Mistificações, contradições e animismo
 
Mediunidade com jesus
Mediunidade com jesusMediunidade com jesus
Mediunidade com jesus
 
Terceiro Módulo - 5ª aula - Classificação mediúnica
Terceiro Módulo - 5ª aula - Classificação mediúnicaTerceiro Módulo - 5ª aula - Classificação mediúnica
Terceiro Módulo - 5ª aula - Classificação mediúnica
 
Quarto Módulo - 4ª aula - Classificação mediunica
Quarto Módulo - 4ª aula - Classificação mediunicaQuarto Módulo - 4ª aula - Classificação mediunica
Quarto Módulo - 4ª aula - Classificação mediunica
 
Classificação da mediunidade - Wilma Badan CG -
Classificação da mediunidade - Wilma Badan CG - Classificação da mediunidade - Wilma Badan CG -
Classificação da mediunidade - Wilma Badan CG -
 
Mediunidade
MediunidadeMediunidade
Mediunidade
 
Mediunidade efeitos físicos e intelectuais
Mediunidade efeitos físicos e intelectuaisMediunidade efeitos físicos e intelectuais
Mediunidade efeitos físicos e intelectuais
 
Terceiro Módulo - 1ª aula - Conceito de mediunidade
Terceiro Módulo - 1ª aula - Conceito de mediunidadeTerceiro Módulo - 1ª aula - Conceito de mediunidade
Terceiro Módulo - 1ª aula - Conceito de mediunidade
 
Olm 100915-os médiuns
Olm 100915-os médiunsOlm 100915-os médiuns
Olm 100915-os médiuns
 
5ª aula dos mediuns - coem
5ª aula    dos mediuns - coem5ª aula    dos mediuns - coem
5ª aula dos mediuns - coem
 
Mediunidade _ Estudo para Mocidade
Mediunidade _ Estudo para MocidadeMediunidade _ Estudo para Mocidade
Mediunidade _ Estudo para Mocidade
 
Espiritismo e mediunidade 06
Espiritismo e mediunidade 06Espiritismo e mediunidade 06
Espiritismo e mediunidade 06
 

Destaque

ATENDEIMENTO AO ESPIRITO COMUNICANTE
ATENDEIMENTO AO ESPIRITO COMUNICANTEATENDEIMENTO AO ESPIRITO COMUNICANTE
ATENDEIMENTO AO ESPIRITO COMUNICANTEAri Carrasco
 
7_ Manifestacao mediunica dos Espiritos
7_ Manifestacao mediunica dos Espiritos7_ Manifestacao mediunica dos Espiritos
7_ Manifestacao mediunica dos EspiritosAri Carrasco
 
04 A categoria de médiuns de efeitos físicos
04   A categoria de médiuns de efeitos físicos04   A categoria de médiuns de efeitos físicos
04 A categoria de médiuns de efeitos físicosjcevadro
 
Classificacao da mediunidade
Classificacao da mediunidadeClassificacao da mediunidade
Classificacao da mediunidadeGraça Maciel
 
Como avaliar se a reunião mediúnica esta bem
Como avaliar  se a reunião mediúnica esta bemComo avaliar  se a reunião mediúnica esta bem
Como avaliar se a reunião mediúnica esta bemGraça Maciel
 
Mediunidade com Jesus
Mediunidade com JesusMediunidade com Jesus
Mediunidade com Jesusigmateus
 
Mediunidade conceitos e tipos - n.16
Mediunidade conceitos  e tipos - n.16Mediunidade conceitos  e tipos - n.16
Mediunidade conceitos e tipos - n.16Graça Maciel
 
Aula 1 - Classificação Mediúnica - Mediunidade de Efeitos Físicos
Aula 1 - Classificação Mediúnica - Mediunidade de Efeitos FísicosAula 1 - Classificação Mediúnica - Mediunidade de Efeitos Físicos
Aula 1 - Classificação Mediúnica - Mediunidade de Efeitos FísicosSergio Lima Dias Junior
 
Mediunidade com Jesus - n.17
Mediunidade com Jesus - n.17Mediunidade com Jesus - n.17
Mediunidade com Jesus - n.17Graça Maciel
 

Destaque (13)

Tipos de mediunidade
Tipos de mediunidadeTipos de mediunidade
Tipos de mediunidade
 
ATENDEIMENTO AO ESPIRITO COMUNICANTE
ATENDEIMENTO AO ESPIRITO COMUNICANTEATENDEIMENTO AO ESPIRITO COMUNICANTE
ATENDEIMENTO AO ESPIRITO COMUNICANTE
 
7_ Manifestacao mediunica dos Espiritos
7_ Manifestacao mediunica dos Espiritos7_ Manifestacao mediunica dos Espiritos
7_ Manifestacao mediunica dos Espiritos
 
04 A categoria de médiuns de efeitos físicos
04   A categoria de médiuns de efeitos físicos04   A categoria de médiuns de efeitos físicos
04 A categoria de médiuns de efeitos físicos
 
Classificacao da mediunidade
Classificacao da mediunidadeClassificacao da mediunidade
Classificacao da mediunidade
 
Como avaliar se a reunião mediúnica esta bem
Como avaliar  se a reunião mediúnica esta bemComo avaliar  se a reunião mediúnica esta bem
Como avaliar se a reunião mediúnica esta bem
 
Mediunidade com Jesus
Mediunidade com JesusMediunidade com Jesus
Mediunidade com Jesus
 
Mediunidade conceitos e tipos - n.16
Mediunidade conceitos  e tipos - n.16Mediunidade conceitos  e tipos - n.16
Mediunidade conceitos e tipos - n.16
 
Aula 1 - Classificação Mediúnica - Mediunidade de Efeitos Físicos
Aula 1 - Classificação Mediúnica - Mediunidade de Efeitos FísicosAula 1 - Classificação Mediúnica - Mediunidade de Efeitos Físicos
Aula 1 - Classificação Mediúnica - Mediunidade de Efeitos Físicos
 
Mediunidade com Jesus - n.17
Mediunidade com Jesus - n.17Mediunidade com Jesus - n.17
Mediunidade com Jesus - n.17
 
Dairson: Reunião Mediúnica
Dairson: Reunião MediúnicaDairson: Reunião Mediúnica
Dairson: Reunião Mediúnica
 
Aula 8 - Médium/Mediunidade
Aula 8 - Médium/MediunidadeAula 8 - Médium/Mediunidade
Aula 8 - Médium/Mediunidade
 
Médiuns
MédiunsMédiuns
Médiuns
 

Semelhante a Classificação dos médiuns

Tipos de mediunidade parte i
Tipos de mediunidade   parte iTipos de mediunidade   parte i
Tipos de mediunidade parte iPonte de Luz ASEC
 
A idéia da Comunicação com os Espíritos
A idéia da Comunicação com os EspíritosA idéia da Comunicação com os Espíritos
A idéia da Comunicação com os EspíritosEduardo Henrique Marçal
 
01 a idéia da comunicação com os espíritos
01 a idéia da comunicação com os espíritos01 a idéia da comunicação com os espíritos
01 a idéia da comunicação com os espíritosAntonio SSantos
 
Animismo Mediunidade
Animismo MediunidadeAnimismo Mediunidade
Animismo Mediunidadecab3032
 
Quarto Módulo - 1ª aula - O médiun e suas aptidões
Quarto Módulo - 1ª aula - O médiun e suas aptidõesQuarto Módulo - 1ª aula - O médiun e suas aptidões
Quarto Módulo - 1ª aula - O médiun e suas aptidõesCeiClarencio
 
Açao dos espiritos sobre a materia lm seg.parte
Açao dos espiritos sobre a materia lm seg.parteAçao dos espiritos sobre a materia lm seg.parte
Açao dos espiritos sobre a materia lm seg.parteFran França
 
Comunicações mediúnicas!
Comunicações mediúnicas!Comunicações mediúnicas!
Comunicações mediúnicas!Leonardo Pereira
 
Projetomanoelphilomenodemiranda vivnciamedinica-140910113139-phpapp02
Projetomanoelphilomenodemiranda vivnciamedinica-140910113139-phpapp02Projetomanoelphilomenodemiranda vivnciamedinica-140910113139-phpapp02
Projetomanoelphilomenodemiranda vivnciamedinica-140910113139-phpapp02Márcia Cleto
 
Aula intervencao dos espiritos no mundo fisico
Aula   intervencao dos espiritos no mundo fisicoAula   intervencao dos espiritos no mundo fisico
Aula intervencao dos espiritos no mundo fisicoCeile Bernardo
 
Projeto manoel philomeno de miranda vivência mediúnica
Projeto manoel philomeno de miranda   vivência mediúnicaProjeto manoel philomeno de miranda   vivência mediúnica
Projeto manoel philomeno de miranda vivência mediúnicaHelio Cruz
 
Somos todos médiuns
Somos todos médiunsSomos todos médiuns
Somos todos médiunsHelio Cruz
 
10ª aula riscos da mediunidade - coem
10ª aula   riscos da mediunidade - coem10ª aula   riscos da mediunidade - coem
10ª aula riscos da mediunidade - coemWagner Quadros
 
Terceiro Módulo - 15ª aula - Mistificação - animismo
Terceiro Módulo - 15ª aula - Mistificação - animismoTerceiro Módulo - 15ª aula - Mistificação - animismo
Terceiro Módulo - 15ª aula - Mistificação - animismoCeiClarencio
 

Semelhante a Classificação dos médiuns (20)

13
1313
13
 
Tipos de mediunidade parte i
Tipos de mediunidade   parte iTipos de mediunidade   parte i
Tipos de mediunidade parte i
 
A idéia da Comunicação com os Espíritos
A idéia da Comunicação com os EspíritosA idéia da Comunicação com os Espíritos
A idéia da Comunicação com os Espíritos
 
01 a idéia da comunicação com os espíritos
01 a idéia da comunicação com os espíritos01 a idéia da comunicação com os espíritos
01 a idéia da comunicação com os espíritos
 
Dos mediuns
Dos mediunsDos mediuns
Dos mediuns
 
Mediunidade
MediunidadeMediunidade
Mediunidade
 
Animismo Mediunidade
Animismo MediunidadeAnimismo Mediunidade
Animismo Mediunidade
 
Quarto Módulo - 1ª aula - O médiun e suas aptidões
Quarto Módulo - 1ª aula - O médiun e suas aptidõesQuarto Módulo - 1ª aula - O médiun e suas aptidões
Quarto Módulo - 1ª aula - O médiun e suas aptidões
 
Mediunidade aula 01
Mediunidade aula 01Mediunidade aula 01
Mediunidade aula 01
 
Açao dos espiritos sobre a materia lm seg.parte
Açao dos espiritos sobre a materia lm seg.parteAçao dos espiritos sobre a materia lm seg.parte
Açao dos espiritos sobre a materia lm seg.parte
 
Comunicações mediúnicas!
Comunicações mediúnicas!Comunicações mediúnicas!
Comunicações mediúnicas!
 
Projetomanoelphilomenodemiranda vivnciamedinica-140910113139-phpapp02
Projetomanoelphilomenodemiranda vivnciamedinica-140910113139-phpapp02Projetomanoelphilomenodemiranda vivnciamedinica-140910113139-phpapp02
Projetomanoelphilomenodemiranda vivnciamedinica-140910113139-phpapp02
 
Aula intervencao dos espiritos no mundo fisico
Aula   intervencao dos espiritos no mundo fisicoAula   intervencao dos espiritos no mundo fisico
Aula intervencao dos espiritos no mundo fisico
 
01
0101
01
 
01
0101
01
 
Projeto manoel philomeno de miranda vivência mediúnica
Projeto manoel philomeno de miranda   vivência mediúnicaProjeto manoel philomeno de miranda   vivência mediúnica
Projeto manoel philomeno de miranda vivência mediúnica
 
Mediunidade (cefak)
Mediunidade (cefak)Mediunidade (cefak)
Mediunidade (cefak)
 
Somos todos médiuns
Somos todos médiunsSomos todos médiuns
Somos todos médiuns
 
10ª aula riscos da mediunidade - coem
10ª aula   riscos da mediunidade - coem10ª aula   riscos da mediunidade - coem
10ª aula riscos da mediunidade - coem
 
Terceiro Módulo - 15ª aula - Mistificação - animismo
Terceiro Módulo - 15ª aula - Mistificação - animismoTerceiro Módulo - 15ª aula - Mistificação - animismo
Terceiro Módulo - 15ª aula - Mistificação - animismo
 

Mais de Antonio SSantos

O homem integral livro!!!!!!!!!!!!!!!!! -1 - imprimir
O homem integral  livro!!!!!!!!!!!!!!!!! -1 - imprimirO homem integral  livro!!!!!!!!!!!!!!!!! -1 - imprimir
O homem integral livro!!!!!!!!!!!!!!!!! -1 - imprimirAntonio SSantos
 
65 referências bibliográficas
65  referências bibliográficas65  referências bibliográficas
65 referências bibliográficasAntonio SSantos
 
64 células tronco e a doutrina espírita
64 células tronco e a doutrina espírita64 células tronco e a doutrina espírita
64 células tronco e a doutrina espíritaAntonio SSantos
 
63 doação de orgãos (um ato de amor ao próximo)
63 doação de orgãos (um ato de amor ao próximo)63 doação de orgãos (um ato de amor ao próximo)
63 doação de orgãos (um ato de amor ao próximo)Antonio SSantos
 
62 emoções que curam (quimica do bem)
62 emoções que curam (quimica do bem)62 emoções que curam (quimica do bem)
62 emoções que curam (quimica do bem)Antonio SSantos
 
61 familia-mudar prá melhor
61 familia-mudar prá melhor61 familia-mudar prá melhor
61 familia-mudar prá melhorAntonio SSantos
 
60 oportunidades de praticar o bem
60 oportunidades de praticar o bem60 oportunidades de praticar o bem
60 oportunidades de praticar o bemAntonio SSantos
 
58 escrever e reescrever a história da nossa vida
58 escrever e reescrever a história da nossa vida58 escrever e reescrever a história da nossa vida
58 escrever e reescrever a história da nossa vidaAntonio SSantos
 
56 higienização espiritual da terra
56 higienização espiritual da terra56 higienização espiritual da terra
56 higienização espiritual da terraAntonio SSantos
 
55 transcomunicação instrumental
55 transcomunicação instrumental55 transcomunicação instrumental
55 transcomunicação instrumentalAntonio SSantos
 
54 obesessão e desobsessão
54 obesessão e desobsessão54 obesessão e desobsessão
54 obesessão e desobsessãoAntonio SSantos
 
52 perda e suspensão da mediunidade
52 perda e suspensão da mediunidade52 perda e suspensão da mediunidade
52 perda e suspensão da mediunidadeAntonio SSantos
 
51 desdobramento animico (apometria)
51 desdobramento animico (apometria)51 desdobramento animico (apometria)
51 desdobramento animico (apometria)Antonio SSantos
 

Mais de Antonio SSantos (20)

Amizade
AmizadeAmizade
Amizade
 
Projetos (1ª 2013
Projetos (1ª  2013Projetos (1ª  2013
Projetos (1ª 2013
 
Eu no comando (4ª2013)
Eu no comando   (4ª2013)Eu no comando   (4ª2013)
Eu no comando (4ª2013)
 
Certanejos (3ª-2013)
Certanejos (3ª-2013)Certanejos (3ª-2013)
Certanejos (3ª-2013)
 
O homem integral livro!!!!!!!!!!!!!!!!! -1 - imprimir
O homem integral  livro!!!!!!!!!!!!!!!!! -1 - imprimirO homem integral  livro!!!!!!!!!!!!!!!!! -1 - imprimir
O homem integral livro!!!!!!!!!!!!!!!!! -1 - imprimir
 
65 referências bibliográficas
65  referências bibliográficas65  referências bibliográficas
65 referências bibliográficas
 
64 células tronco e a doutrina espírita
64 células tronco e a doutrina espírita64 células tronco e a doutrina espírita
64 células tronco e a doutrina espírita
 
63 doação de orgãos (um ato de amor ao próximo)
63 doação de orgãos (um ato de amor ao próximo)63 doação de orgãos (um ato de amor ao próximo)
63 doação de orgãos (um ato de amor ao próximo)
 
62 emoções que curam (quimica do bem)
62 emoções que curam (quimica do bem)62 emoções que curam (quimica do bem)
62 emoções que curam (quimica do bem)
 
61 familia-mudar prá melhor
61 familia-mudar prá melhor61 familia-mudar prá melhor
61 familia-mudar prá melhor
 
60 oportunidades de praticar o bem
60 oportunidades de praticar o bem60 oportunidades de praticar o bem
60 oportunidades de praticar o bem
 
59 amar a sí mesmo
59 amar a sí mesmo59 amar a sí mesmo
59 amar a sí mesmo
 
58 escrever e reescrever a história da nossa vida
58 escrever e reescrever a história da nossa vida58 escrever e reescrever a história da nossa vida
58 escrever e reescrever a história da nossa vida
 
57 a energia do amor
57 a energia do amor57 a energia do amor
57 a energia do amor
 
56 higienização espiritual da terra
56 higienização espiritual da terra56 higienização espiritual da terra
56 higienização espiritual da terra
 
55 transcomunicação instrumental
55 transcomunicação instrumental55 transcomunicação instrumental
55 transcomunicação instrumental
 
54 obesessão e desobsessão
54 obesessão e desobsessão54 obesessão e desobsessão
54 obesessão e desobsessão
 
53 o sono e os sonhos
53 o sono e os sonhos53 o sono e os sonhos
53 o sono e os sonhos
 
52 perda e suspensão da mediunidade
52 perda e suspensão da mediunidade52 perda e suspensão da mediunidade
52 perda e suspensão da mediunidade
 
51 desdobramento animico (apometria)
51 desdobramento animico (apometria)51 desdobramento animico (apometria)
51 desdobramento animico (apometria)
 

Classificação dos médiuns

  • 2. MÉDIUNS CLASSIFICAÇÃO Embora em diferentes graus, todos nós possuímos a mediunidade, por esse fato todos nós somos médiuns. Essa faculdade é inerente ao homem, não constituindo privilégio exclusivo. Mas comumente entendemos médium toda pessoa que sabe usar a mediunidade e se tornou instrumento pelo qual os desencarnados se comunicam com os encarnados. Os médiuns ajudam os espíritos esclarecidos a executarem certas tarefas na Terra, porque os espíritos só podem atuar sobre a matéria por meio de um instrumento material. Os espíritos esclarecidos trabalham intensamente para o progresso deles próprios e dos seus irmãos encarnados e desencarnados. Reparemos em derredor de nós: há ignorância, miséria, lágrimas, feridas, dores e erros. Pois bem, é por meio dos médiuns que os espíritos nos instruem, suavizam a miséria, enxugam as lágrimas, cicatrizem as feridas, mitigam as dores, corrigem os erros. A mediunidade faz com que nós habitantes da Terra trabalhemos juntos na construção do Reino de Deus. CLASSIFICAÇÃO INICIAL DOS MÉDIUNS a) Médiuns voluntários: são pessoas que tem conhecimento mais ou menos completo dos meios de comunicação com os espíritos Isso lhes possibilita servir-se, por vontade própria, de suas faculdades, sabem que possuem a faculdade e se predispõem a desenvolvê-la. b) Médiuns involuntários: são pessoas que não tem consciência da faculdade que possuem, servem de instrumentos, sem o saberem e o querem, são pessoas que nenhuma idéias fazem da mediunidade, e nem dos espíritos, mas são sensíveis. CLASSIFICAÇÃO GERAL DOS MÉDIUNS EFEITOS FÍSICOS: São os mais aptos à produção dos fenômenos materiais, doam o fluído ectoplasmático pelo qual os espíritos produzem os fenômenos Estes médiuns foram utilíssimos no início da propagação do espiritismo, devido a humanidade materialista e obscurecida pelos erros religiosos, filosóficos e científicos E só poderiam ter a razão despertada pelos meios materiais: ruídos (tiptologia), barulhos, deslocamentos, disso se aproveitaram os espíritos para chamarem os encarnados à realidade. INTUITIVOS OU INSPIRADOS: São aqueles que captam os pensamentos sugeridos pelos espíritos. SENSITIVOS OU IMPRESSIVOS: Pessoas suscetíveis de pressentir a presença dos espíritos por vaga impressão, também reconhece pela sensação que experimenta a natureza do espírito. AUDIENTES: São pessoas que ouvem os espíritos. Os espíritos impressionam os nervos auditivos e o médium recebe o pensamento do espírito. FALANTES OU PSICOFÔNICOS: São aqueles pelos quais possibilitam os espíritos à comunicação oral, neste caso uma terceira pessoa pode travar conversação com o espírito comunicante. VIDENTES: São os dotados da faculdade de ver os espíritos, vêem tanto com os olhos abertos como com eles fechados. CURADORES: Dom que certas pessoas tem de curar pelo simples toque, pelo olhar, mesmo por um gesto, sem o concurso de qualquer medicação, com a utilização somente do fluido magnético ESCREVENTES OU PSICÓGRAFOS: Pessoas aptas a receber a comunicação dos espíritos através da escrita. ESCRITA DIRETA OU PNEUMATÓGRAFOS: Aptidão para se obter escrita direta, comprova a intervenção de uma força oculta nas manifestações, sem o concurso da mão do médium. XENOGLOTA: Faculdade de falar ou escrever em línguas estranhas do próprio médium. PSICÔMETR0: A psicometria é faculdade que tem algumas pessoas de poderem em contato com objetos ou coisas, “ler psiquicamente” as impressões ou imagens do campo etérico dos acontecimentos e cenas a que os objetos “assistiram”. Em cada objeto que usamos grava-se a imantação do nosso fluido no campo etérico e mais tarde possibilitará ao psicômetro identificar e descrever os fatos de nossa vida, ocorridos durante o tempo em que o possuímos. 107