INTRODUÇÃO Inovação Tecnológica: protagonista de gdes transformações após 1980•   Motores fundamentais da competição e de...
INTRODUÇÃO Dinâmica da inovação na abordagem evolucionista•   Tema central: Relação entre inovação e evolução das indústr...
INTRODUÇÃOCapacidade tecnológica• Recursos necessários para gerar e gerenciar as mudanças tecnológicas, os  quais estão in...
INTRODUÇÃOSetor de bens de capital• Atua como importante força motora do desenvolvimento econômico de um país• Importância...
INTRODUÇÃOConsiderando• A importância da inovação tecnológica e do setor de BK para o  desenvolvimento econômico do país• ...
OBJETIVOSObjetivo principal• À luz da abordagem evolucionista  investigar como as dimensões internas (sistema organizacion...
JUSTIFICATIVA•   Importância reconhecida no domínio, criação e difusão de tecnologias:     •   a medida que incorpora prog...
FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA                               Mudança                                Técnica      Capacidade        ...
FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA• Mudança Técnica: o conceito está relacionado ao lançamento ou aprimoramento de  produtos, processos...
FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA• O progresso técnico dinamiza as transformações estruturais  torna-se necessário  descrever o ambie...
FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICARegime tecnológico e de trajetória tecnológica: conceitos que permitem entender adinâmica da inovação...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação1

233 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Apresentação1

  1. 1. INTRODUÇÃO Inovação Tecnológica: protagonista de gdes transformações após 1980• Motores fundamentais da competição e desenvolvimento industrial mundial• Interesse (de países centrais e periféricos) cada vez mais em estabelecer estratégias de crescimento através Políticas de Inovação• Mobilização no Brasil: relativamente recente: Iniciativas importantes: • 2003 - PITCE – (2003 – 2007) • 2008 - Plano de Desenvolvimento de Produção –PDP (2008 – 2010) • Plano de Ação de Ciência, Tecnologia e Inovação para o Desenvolvimento Nacional (PACTI) – 2007 a 2010 • 2011–Nova Política Industrial e Tecnológica-Plano Brasil Maior (2011 - 2014) Dinâmica da mudança técnica• Intensos esforços analíticos para entendimento da dinâmica da inovação• Teoria evolucionista: nova compreensão do processo de inovação. • Modelo interativo de inovação contrário ao modelo linear • A tecnologia é de caráter endógeno • Enfatiza a interdependência sistêmica entre os agentes econômicos, • Destaca a capacidade das empresas e as habilidades dos indivíduos no processo de inovação
  2. 2. INTRODUÇÃO Dinâmica da inovação na abordagem evolucionista• Tema central: Relação entre inovação e evolução das indústrias• Constatação de gdes diferenças através das diversas industrias, tecnologias e países• Regime tecnológico (fatores internos à firma) e SSI (aspectos externos à firma) A inovação difere através dos setores e através das firmas em termos de: • Competências e níveis de processos de aprendizagem • Base de conhecimento (diferentes conhecimentos) • Fontes e níveis de organização das atividades inovativas Configuração de diferentes níveis de capacidade tecnológica Cada setor da indústria compreende empresas • Mais inovadoras e menos inovadoras • Mais capacitadas e menos capacitadas • Com maior potencial e menor potencial para inovação Capacidade tecnológica assume importante papel como fonte de diferenças entre empresas e setores industriais
  3. 3. INTRODUÇÃOCapacidade tecnológica• Recursos necessários para gerar e gerenciar as mudanças tecnológicas, os quais estão incorporados nos individuais e nos sistemas organizacionais• As firmas estão em diferentes níveis quanto a capacidade tecnológica: leva a definir estratégias diferentes segundo a • Disponibilidade e o acesso a tecnologia • Aquisições de tecnologia • Capacidade de apropriação privada dos resultados do progresso técnico Mudança técnica: Processo dinâmico e com natureza acumulativa• No Brasil • Esforço significativo para o entendimento da complexidade e aspectos da inovação no país. • Realização de Pesquisas e estudos sobre inovação, capacidade tecnológica, padrões tecnológicos e desempenho das firmas. Entretanto.... • A mobilização pela inovação é recente no país: há muitas lacunas do ponto de vista analítico.
  4. 4. INTRODUÇÃOSetor de bens de capital• Atua como importante força motora do desenvolvimento econômico de um país• Importância reconhecida no domínio, na criação e na difusão de tecnologias• Está presente na cadeia produtiva da maior parte dos setores industriais No entanto...• Pouco se mobilizou nas últimas décadas p/ aumentar sua capacidade tecnológica• Políticas adotadas não resultaram em grandes avanços tecnológicos para o setor Como consequência...• Atualmente um gap (atraso) tecnológico em relação à fronteira internacional• Maioria das empresas com baixo nível de capacidade tecnológica Por outro lado...• A indústria brasileira de BK é relativamente constituída• Possui um mercado interno de grande dimensão• Grande perspectiva de demanda futura• Grande potencial de crescimento e adensamento tecnológico
  5. 5. INTRODUÇÃOConsiderando• A importância da inovação tecnológica e do setor de BK para o desenvolvimento econômico do país• A inovação no contexto atual brasileiro: • gap tecnológico em relação à fronteira internacional • necessidade de gerar maior capacidade e adensamento tecnológico das empresas• Necessidade de maior esforço analítico: maior entendimento da dinâmica de inovação no setor de BK
  6. 6. OBJETIVOSObjetivo principal• À luz da abordagem evolucionista investigar como as dimensões internas (sistema organizacional e indivíduos) e externas (ambiente externo) contribuem para o acúmulo da capacidade tecnológica das empresas do setor de bens de capital no Brasil.• Propor uma taxonomia para o setor, contemplando as características das empresas e os fatores internos e externos a elas, que condicionam e determinam o acúmulo de capacidade e mudança de patamar tecnológico.Objetivos intermediários• Determinar os grupos ou clusters de empresas a partir das variáveis internas e externas às empresas que influenciam o acúmulo de capacidade tecnológica;• Determinar os fatores internos e externos à empresa para cada grupo ou cluster gerado, que afetam e condicionam a mudança da capacidade tecnológica.
  7. 7. JUSTIFICATIVA• Importância reconhecida no domínio, criação e difusão de tecnologias: • a medida que incorpora progresso técnico, o difunde pelos demais setores produtivos• Para países em desenvolvimento a incorporação do progresso técnico: • Via mais comum: aquisição de máquinas e equipamentos • 2ª via (+apropriada): fomentar o desenvolvimento tecnológico • A atual política industrial e tecnológica denota opção pela segunda via. • Desafio: fortalecimento do desenvolvimento tecnológico e construção de uma indústria de BK mais próxima a dos países mais avançados do setor • A indústria relativamente constituída, mas com gap tecnológico em relação a fronteira internacional• Necessidade de maior esforço analítico: • estudos setoriais no Brasil são apoiados fundamentalmente na Pintec, onde sua exploração não é ampla. • Os estudos sobre capacidade tecnológica não imergem nas características e na captura de nuances intraorganizacionais, das diferentes funções tecnológicas.
  8. 8. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA Mudança Técnica Capacidade Abordagem Tecnológica Evolucionária Objetivos da Padrões PesquisaSetoriais de Setor de BK inovação Sistema Regime Nacional e Tecnológico e Setorial de Trajetória Inovação Tecnológica
  9. 9. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA• Mudança Técnica: o conceito está relacionado ao lançamento ou aprimoramento de produtos, processos produtivos, métodos gerenciais ou uso de insumos e matérias- primas modificadas.• Passou a ser tratada como elemento central para a explicação da dinâmica da economia capitalista, a partir dos trabalhos de Schumpeter e de seus seguidores.• A abordagem evolucionista • decorre da visão de organização do sistema econômico sustentada por Schumpeter • tem como principal característica a incorporação do fenômeno da mudança tecnológica, explicando como a produção das atividades técnico-científicas é incorporada ao processo produtivo e quais são os efeitos dessa incorporação sobre a própria estrutura industrial e de concorrência • Enfatizam o papel da capacidade tecnológica como fonte de diferenças entre os setores industriais e países, em termos de progresso industrial e de crescimento econômico. • Tais diferenças de desempenho tecnológico e econômico devem-se principalmente ao caráter tácito e intrínseco da tecnologia, o que impossibilita sua transferência automática de um contexto para o outro.
  10. 10. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA• O progresso técnico dinamiza as transformações estruturais  torna-se necessário descrever o ambiente tecnológico de atuação da firma, bem como compreender os processos de geração e difusão das inovações tecnológica.• Cada firma apresenta oportunidades tecnológicas diferentes  impossível definir um único padrão de inovação.• Há uma variedade e diferentes graus de tecnologia que podem ser observados inter e intra-segmentos produtivos e que se manifestam a partir das propriedades da tecnologia e das características dos processos de aprendizado que estão envolvidos nas atividades econômicas.• Dinâmicas industriais são diferenciadas quanto: (i) aos critérios de busca e seleção de inovação, (ii) formas de aprendizado, (iii) vínculo com a ciência, (iv) capacidade de proteção de inovação, (iv) relação de cooperação, e (v) interação entre firmas. Distintas capacidades de uma indústria ou grupo de indústrias em absorver, desenvolver e transferir tecnologias Definindo assim diferentes padrões setoriais de inovação
  11. 11. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICARegime tecnológico e de trajetória tecnológica: conceitos que permitem entender adinâmica da inovação e da obtenção de ganhos de competitividadeRegime Tecnológico• Define os princípios do conhecimento científico e tecnológico que são necessários para o processo de inovação, bem como as fronteiras que podem ser alcançadas• Sua estrutura teórica contribui para a compreensão da variedade de processos de inovação que é observada através dos setores industriais e da própria tecnologia• Descreve o ambiente tecnológico no qual as firmas operam e enfatiza a importância dos padrões setoriais na mudança tecnológica• Trajetória Tecnológica

×