SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 11
Baixar para ler offline
Acidente do trabalho com disco de
              corte
          Cenas Fortes

    Engº Antonio Fernando Navarro
Relato do Acidente
Trabalhador é incumbido de realizar atividade
de corte de trecho de tubulação e para isso, ou
invés de usar um arco de serra, que seria um
trabalho mais demorado, utilizar um disco de
corte. Porém, não se prepara corretamente
empregando um protetor facial adequado e um
óculos de segurança.
Nesses casos, recomenda-se também utilizar
um avental de couro.
Observações
Após o acidente verifica-se que o equipamento era
inadequado, que o trabalhador não utilizou o
protetor facial adequado e que não tinha a
experiência necessária para o emprego dessa
ferramenta.
Dificilmente as várias cirurgias se se fizeram
conseguirão que o trabalhador volte a ter a mesma
face de anteriormente. As pressas, atalhos e
imprudências não podem e não deve servir como
justificativas para fatos como esse.
Lições aprendidas
• Verifique adequadamente às condições de seu
  disco na lixadeira, antes de executar qualquer
  trabalho.
• Não fique com seu rosto muito próximo ao
  material a ser desbastado.
• Quando estiver esmerilhando ou cortando
  peças, use protetor facial e embaixo deste;
  óculos de segurança com lentes de
  policarbonato
Lições aprendidas
• Procure habituar-se a usar esmerilhadora com
  ângulo de 15 a 20º, perpendicular ao material
  que será desbastado.
• Realizando assim, um desgaste uniforme do seu
  disco.
• Jamais trabalhe com esmerilhadora em que o
  disco por inteiro esteja inteiramente sendo usado
  sobre peça, fazendo isso vc o enfraquece. Use
  apenas as laterais externas do disco
• Notando desgaste do disco, substitua por outro
  c/capacidade superior a velocidade de sua
  máquina
Lições aprendidas
• Somente use ferramentas elétricas com tomadas de 3
  pinos.
• Verifique antecipadamente corrente elétrica da
  máquina e tomada.
• Não use cabos de extensões com muitas emendas.
• Não permita que tomadas de extensões elétricas
  fiquem no tempo, eventualmente poderá chover e
  acumular-se água.
• Caso extensão elétrica precise atravessar rua, coloque
  madeiras em ambos os lados do cabo, protegendo
  assim dos pneus passarem sobre os mesmos, use
  também cone sinalizadores.
• Só utilize equipamentos se vc realmente esteja
  autorizado e obtiver treinamento específico para tal.
Lições aprendidas
• Profissional esmerilhador e ajudantes também deverão
  estar equipados com luvas, óculos, protetor facial,
  protetores auriculares.
• Jamais utilizar equipamentos elétricos ou com emissão
  de chamas em áreas classificadas, sem autorização por
  escrita da segurança do trabalho.
• Use cabos de extensões elétricas com devido
  dimensionamento da corrente que vc irá trabalhar,
  havendo dúvida -consulte profissional da elétrica.
• Utilizar sempre esmerilhadora com as duas mãos,
  sendo que uma delas deverá estar apoiada sobre sua
  manopla.
• Caso algum colega venha chamá-lo, pare atividade e dê
  atenção ao mesmo.
Lições aprendidas
Muita atenção ao trocar disco da esmerilhadora.
Existem vários tipos de disco:
1º) - Aquele que tem a principal função de
desbastar peça metálica.
2º)- Específico para cortes e específico para
desbastes.
• Colocar disco errado também é uma das causas
  principais de acidentes. Portanto muita atenção:
• veja com antecedência o tipo de trabalho que
  você fará. Pare -pense -raciocine -preste atenção
  já ao apanhar sua esmerilhadora.
Lições aprendidas
Economia de dinheiro nesses tipos de materiais,
(podem custar caríssimos) por isso compre tanto
disco, quanto esmerilhadora, de ótima qualidade e
especificação correta.
• Só adquira discos com sêlos de conformidade
  ABNT, INMETRO, NIOSH.
• Descarte produtos baratos que não têm
  procedência nem certificações específicas
  internacionais (ISO).
• Não imprima força em demasia no disco sobre a
  superfície a ser cortada ou esmerilhada.
Acidente com disco de corte
Acidente com disco de corte

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Movimentação e içamento de cargas
 Movimentação e içamento de cargas Movimentação e içamento de cargas
Movimentação e içamento de cargasKarol Oliveira
 
NR 18 - carpintaria - serra circula.pdf
NR 18 - carpintaria - serra circula.pdfNR 18 - carpintaria - serra circula.pdf
NR 18 - carpintaria - serra circula.pdfLeandroSantos439837
 
Treinamento operador betoneira
Treinamento operador betoneiraTreinamento operador betoneira
Treinamento operador betoneiraEduardo Sampaio
 
Permissão Para Trabalho em Altura - NR 35
Permissão Para Trabalho em Altura  - NR 35Permissão Para Trabalho em Altura  - NR 35
Permissão Para Trabalho em Altura - NR 35IZAIAS DE SOUZA AGUIAR
 
Nr12 apresentacao-maquinas-e-equipamentos-mte
Nr12 apresentacao-maquinas-e-equipamentos-mteNr12 apresentacao-maquinas-e-equipamentos-mte
Nr12 apresentacao-maquinas-e-equipamentos-mteRenato Cardoso
 
Treinamento Esmerilhadeira
Treinamento EsmerilhadeiraTreinamento Esmerilhadeira
Treinamento EsmerilhadeiraAne Costa
 
Treinamento de operador de serra circular
Treinamento de operador de serra circularTreinamento de operador de serra circular
Treinamento de operador de serra circularLéo César Oliveira
 
APR - Instalações Elétricas..docx
APR - Instalações Elétricas..docxAPR - Instalações Elétricas..docx
APR - Instalações Elétricas..docxARTHURDeoliveiraNeto
 
Permissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quentePermissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quenteJose Fernandes
 
NR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptxNR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptxLeomir Borghardt
 
Treinamento nr34 trabalho a quente novo
Treinamento nr34 trabalho a quente novoTreinamento nr34 trabalho a quente novo
Treinamento nr34 trabalho a quente novoMarciel Bernardes
 
Segurança em Trabalho com Solda
Segurança em Trabalho com SoldaSegurança em Trabalho com Solda
Segurança em Trabalho com SoldaIvon Pereira
 
Modelo-de-Ordem-de-Servico-NR-01.doc
Modelo-de-Ordem-de-Servico-NR-01.docModelo-de-Ordem-de-Servico-NR-01.doc
Modelo-de-Ordem-de-Servico-NR-01.docInaraSantos12
 
Cracha de operador de empilhadeira
Cracha de operador de empilhadeiraCracha de operador de empilhadeira
Cracha de operador de empilhadeiraSergio Roberto Silva
 
Apr analise preliminar de risco igo
Apr   analise preliminar de risco igoApr   analise preliminar de risco igo
Apr analise preliminar de risco igoJoão Neto
 

Mais procurados (20)

Movimentação e içamento de cargas
 Movimentação e içamento de cargas Movimentação e içamento de cargas
Movimentação e içamento de cargas
 
NR 18 - carpintaria - serra circula.pdf
NR 18 - carpintaria - serra circula.pdfNR 18 - carpintaria - serra circula.pdf
NR 18 - carpintaria - serra circula.pdf
 
Check List Andaimes
Check List AndaimesCheck List Andaimes
Check List Andaimes
 
Treinamento operador betoneira
Treinamento operador betoneiraTreinamento operador betoneira
Treinamento operador betoneira
 
Permissão Para Trabalho em Altura - NR 35
Permissão Para Trabalho em Altura  - NR 35Permissão Para Trabalho em Altura  - NR 35
Permissão Para Trabalho em Altura - NR 35
 
Nr12 apresentacao-maquinas-e-equipamentos-mte
Nr12 apresentacao-maquinas-e-equipamentos-mteNr12 apresentacao-maquinas-e-equipamentos-mte
Nr12 apresentacao-maquinas-e-equipamentos-mte
 
Treinamento Esmerilhadeira
Treinamento EsmerilhadeiraTreinamento Esmerilhadeira
Treinamento Esmerilhadeira
 
Motoserras
MotoserrasMotoserras
Motoserras
 
Treinamento de operador de serra circular
Treinamento de operador de serra circularTreinamento de operador de serra circular
Treinamento de operador de serra circular
 
APR - Instalações Elétricas..docx
APR - Instalações Elétricas..docxAPR - Instalações Elétricas..docx
APR - Instalações Elétricas..docx
 
Permissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quentePermissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quente
 
NR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptxNR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptx
 
Treinamento lixadeira
Treinamento lixadeiraTreinamento lixadeira
Treinamento lixadeira
 
Treinamento nr34 trabalho a quente novo
Treinamento nr34 trabalho a quente novoTreinamento nr34 trabalho a quente novo
Treinamento nr34 trabalho a quente novo
 
Check list gerador
Check list geradorCheck list gerador
Check list gerador
 
Segurança em Trabalho com Solda
Segurança em Trabalho com SoldaSegurança em Trabalho com Solda
Segurança em Trabalho com Solda
 
Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Nr 18 Segurança na Industria da Construção Nr 18 Segurança na Industria da Construção
Nr 18 Segurança na Industria da Construção
 
Modelo-de-Ordem-de-Servico-NR-01.doc
Modelo-de-Ordem-de-Servico-NR-01.docModelo-de-Ordem-de-Servico-NR-01.doc
Modelo-de-Ordem-de-Servico-NR-01.doc
 
Cracha de operador de empilhadeira
Cracha de operador de empilhadeiraCracha de operador de empilhadeira
Cracha de operador de empilhadeira
 
Apr analise preliminar de risco igo
Apr   analise preliminar de risco igoApr   analise preliminar de risco igo
Apr analise preliminar de risco igo
 

Destaque

Segurança na oparação de lixadeira e moto esmeril
Segurança na oparação de lixadeira e moto esmerilSegurança na oparação de lixadeira e moto esmeril
Segurança na oparação de lixadeira e moto esmerilRose Neves
 
Acidente com Lixadeira
Acidente com LixadeiraAcidente com Lixadeira
Acidente com Lixadeiraprevencaonline
 
Treinamento lixadeira
Treinamento lixadeiraTreinamento lixadeira
Treinamento lixadeiraAndre Cruz
 
treinamento lixadeira
treinamento lixadeira treinamento lixadeira
treinamento lixadeira Ane Costa
 
Apresentação esmerilhadeiras e lixadeiras rev out 10
Apresentação esmerilhadeiras e lixadeiras   rev out 10Apresentação esmerilhadeiras e lixadeiras   rev out 10
Apresentação esmerilhadeiras e lixadeiras rev out 10Joaquim Machado
 
Manual de segurança da carpintaria
Manual de segurança da carpintariaManual de segurança da carpintaria
Manual de segurança da carpintariaEder Ribeiro
 
Segurança Oper Serra Circular
Segurança Oper Serra CircularSegurança Oper Serra Circular
Segurança Oper Serra Circularslideadg
 
nr 12 treinamento
nr 12 treinamento nr 12 treinamento
nr 12 treinamento pwolter
 
Treinamento proteções de maquinas
Treinamento proteções de maquinasTreinamento proteções de maquinas
Treinamento proteções de maquinasFlaviano Rodrigues
 
Acidente com vaso Sanitario
Acidente com vaso SanitarioAcidente com vaso Sanitario
Acidente com vaso SanitarioDennia
 
As 100 causas mais comuns de acidentes com ou sem lesão
As 100 causas mais comuns de acidentes com ou sem lesãoAs 100 causas mais comuns de acidentes com ou sem lesão
As 100 causas mais comuns de acidentes com ou sem lesãoUniversidade Federal Fluminense
 
Acidente com lixadeira
Acidente com lixadeiraAcidente com lixadeira
Acidente com lixadeiraNilton Goulart
 
Normas Regulamentadoras
Normas RegulamentadorasNormas Regulamentadoras
Normas Regulamentadorasprevencaonline
 
Sistema FAEMG: Programa Café mais Forte
Sistema FAEMG: Programa Café mais ForteSistema FAEMG: Programa Café mais Forte
Sistema FAEMG: Programa Café mais ForteSistema Faemg
 
Acidente com vaso Sanitário
Acidente com vaso SanitárioAcidente com vaso Sanitário
Acidente com vaso Sanitárioprevencaonline
 
19 CondiçõEs Impeditivas
19 CondiçõEs Impeditivas19 CondiçõEs Impeditivas
19 CondiçõEs ImpeditivasSantos de Castro
 

Destaque (20)

Segurança na oparação de lixadeira e moto esmeril
Segurança na oparação de lixadeira e moto esmerilSegurança na oparação de lixadeira e moto esmeril
Segurança na oparação de lixadeira e moto esmeril
 
Acidente com Lixadeira
Acidente com LixadeiraAcidente com Lixadeira
Acidente com Lixadeira
 
Treinamento lixadeira
Treinamento lixadeiraTreinamento lixadeira
Treinamento lixadeira
 
treinamento lixadeira
treinamento lixadeira treinamento lixadeira
treinamento lixadeira
 
Apresentação esmerilhadeiras e lixadeiras rev out 10
Apresentação esmerilhadeiras e lixadeiras   rev out 10Apresentação esmerilhadeiras e lixadeiras   rev out 10
Apresentação esmerilhadeiras e lixadeiras rev out 10
 
Manual de segurança da carpintaria
Manual de segurança da carpintariaManual de segurança da carpintaria
Manual de segurança da carpintaria
 
Segurança Oper Serra Circular
Segurança Oper Serra CircularSegurança Oper Serra Circular
Segurança Oper Serra Circular
 
Acidente de trabalho com serra circular
Acidente de trabalho com serra circularAcidente de trabalho com serra circular
Acidente de trabalho com serra circular
 
nr 12 treinamento
nr 12 treinamento nr 12 treinamento
nr 12 treinamento
 
Treinamento proteções de maquinas
Treinamento proteções de maquinasTreinamento proteções de maquinas
Treinamento proteções de maquinas
 
Prensas
PrensasPrensas
Prensas
 
Acidente com vaso Sanitario
Acidente com vaso SanitarioAcidente com vaso Sanitario
Acidente com vaso Sanitario
 
As 100 causas mais comuns de acidentes com ou sem lesão
As 100 causas mais comuns de acidentes com ou sem lesãoAs 100 causas mais comuns de acidentes com ou sem lesão
As 100 causas mais comuns de acidentes com ou sem lesão
 
Acidente com lixadeira
Acidente com lixadeiraAcidente com lixadeira
Acidente com lixadeira
 
Normas Regulamentadoras
Normas RegulamentadorasNormas Regulamentadoras
Normas Regulamentadoras
 
Sistema FAEMG: Programa Café mais Forte
Sistema FAEMG: Programa Café mais ForteSistema FAEMG: Programa Café mais Forte
Sistema FAEMG: Programa Café mais Forte
 
Realização de trabalhos em altura
Realização de trabalhos em alturaRealização de trabalhos em altura
Realização de trabalhos em altura
 
Acidente com vaso Sanitário
Acidente com vaso SanitárioAcidente com vaso Sanitário
Acidente com vaso Sanitário
 
19 CondiçõEs Impeditivas
19 CondiçõEs Impeditivas19 CondiçõEs Impeditivas
19 CondiçõEs Impeditivas
 
Acidente lixadeira
Acidente lixadeiraAcidente lixadeira
Acidente lixadeira
 

Semelhante a Acidente com disco de corte

TREINAMENTO_LIXADEIRA_POLICORTE_APT.pptx
TREINAMENTO_LIXADEIRA_POLICORTE_APT.pptxTREINAMENTO_LIXADEIRA_POLICORTE_APT.pptx
TREINAMENTO_LIXADEIRA_POLICORTE_APT.pptxEversonLima23
 
NR18 - Treinamento Serra Marmore.pptx
NR18 - Treinamento Serra Marmore.pptxNR18 - Treinamento Serra Marmore.pptx
NR18 - Treinamento Serra Marmore.pptxCezarTST1
 
Instrucoes de seguranca_ferramentas_pneumaticas
Instrucoes de seguranca_ferramentas_pneumaticasInstrucoes de seguranca_ferramentas_pneumaticas
Instrucoes de seguranca_ferramentas_pneumaticasProf Brasil brasil
 
Ordem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratrizOrdem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratrizPaulo Carvalho
 
MANUAL DE INSTRUÇÕES MARTELETE PERFURADOR/ROMPEDOR MPR 826k SUPERTORK
MANUAL DE INSTRUÇÕES MARTELETE PERFURADOR/ROMPEDOR MPR 826k SUPERTORKMANUAL DE INSTRUÇÕES MARTELETE PERFURADOR/ROMPEDOR MPR 826k SUPERTORK
MANUAL DE INSTRUÇÕES MARTELETE PERFURADOR/ROMPEDOR MPR 826k SUPERTORKDistribuidora Couto
 
TREINAMENTO OPERACIONAL PARA OPERADOR DE SERRA DE BANCADA
TREINAMENTO OPERACIONAL PARA OPERADOR DE SERRA DE BANCADATREINAMENTO OPERACIONAL PARA OPERADOR DE SERRA DE BANCADA
TREINAMENTO OPERACIONAL PARA OPERADOR DE SERRA DE BANCADArafael987369
 
Operador de motosserra
Operador de motosserraOperador de motosserra
Operador de motosserraChico Lobato
 
NR18 - Treinamento - Serra Marmore - P21 NR18 - Nov 20.pptx
NR18 - Treinamento - Serra Marmore - P21 NR18 - Nov 20.pptxNR18 - Treinamento - Serra Marmore - P21 NR18 - Nov 20.pptx
NR18 - Treinamento - Serra Marmore - P21 NR18 - Nov 20.pptxWellingtonNabarro1
 
359557187-trabalho-com-roadeira-costal-140428181920-phpapp02-ppt.ppt
359557187-trabalho-com-roadeira-costal-140428181920-phpapp02-ppt.ppt359557187-trabalho-com-roadeira-costal-140428181920-phpapp02-ppt.ppt
359557187-trabalho-com-roadeira-costal-140428181920-phpapp02-ppt.pptcristiano docarmo
 
48062868-Ficha-seguranca-rebarbadora.pdf
48062868-Ficha-seguranca-rebarbadora.pdf48062868-Ficha-seguranca-rebarbadora.pdf
48062868-Ficha-seguranca-rebarbadora.pdftjoana
 
FERRAMENTAS MOTORIZADAS.pptx
FERRAMENTAS MOTORIZADAS.pptxFERRAMENTAS MOTORIZADAS.pptx
FERRAMENTAS MOTORIZADAS.pptxAleatoriaDemais
 
TREINAMENTO FURADEIRA E PARAFUSADEIRA.pptx
TREINAMENTO FURADEIRA E PARAFUSADEIRA.pptxTREINAMENTO FURADEIRA E PARAFUSADEIRA.pptx
TREINAMENTO FURADEIRA E PARAFUSADEIRA.pptxCezarTST1
 
motoserras-150703170550-lva1-app6892.pdf
motoserras-150703170550-lva1-app6892.pdfmotoserras-150703170550-lva1-app6892.pdf
motoserras-150703170550-lva1-app6892.pdfMarcelinoAquino3
 

Semelhante a Acidente com disco de corte (20)

TREINAMENTO_LIXADEIRA_POLICORTE_APT.pptx
TREINAMENTO_LIXADEIRA_POLICORTE_APT.pptxTREINAMENTO_LIXADEIRA_POLICORTE_APT.pptx
TREINAMENTO_LIXADEIRA_POLICORTE_APT.pptx
 
NR18 - Treinamento Serra Marmore.pptx
NR18 - Treinamento Serra Marmore.pptxNR18 - Treinamento Serra Marmore.pptx
NR18 - Treinamento Serra Marmore.pptx
 
Instrucoes de seguranca_ferramentas_pneumaticas
Instrucoes de seguranca_ferramentas_pneumaticasInstrucoes de seguranca_ferramentas_pneumaticas
Instrucoes de seguranca_ferramentas_pneumaticas
 
Ordem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratrizOrdem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratriz
 
MANUAL DE INSTRUÇÕES MARTELETE PERFURADOR/ROMPEDOR MPR 826k SUPERTORK
MANUAL DE INSTRUÇÕES MARTELETE PERFURADOR/ROMPEDOR MPR 826k SUPERTORKMANUAL DE INSTRUÇÕES MARTELETE PERFURADOR/ROMPEDOR MPR 826k SUPERTORK
MANUAL DE INSTRUÇÕES MARTELETE PERFURADOR/ROMPEDOR MPR 826k SUPERTORK
 
sxdsaasTreinamento lixadeira
sxdsaasTreinamento lixadeirasxdsaasTreinamento lixadeira
sxdsaasTreinamento lixadeira
 
Esmerilhadeira angular 950w chimas
Esmerilhadeira angular 950w chimasEsmerilhadeira angular 950w chimas
Esmerilhadeira angular 950w chimas
 
Esmerilhadeira angular 2000w Ingco - Chimas
Esmerilhadeira angular 2000w Ingco - ChimasEsmerilhadeira angular 2000w Ingco - Chimas
Esmerilhadeira angular 2000w Ingco - Chimas
 
TREINAMENTO OPERACIONAL PARA OPERADOR DE SERRA DE BANCADA
TREINAMENTO OPERACIONAL PARA OPERADOR DE SERRA DE BANCADATREINAMENTO OPERACIONAL PARA OPERADOR DE SERRA DE BANCADA
TREINAMENTO OPERACIONAL PARA OPERADOR DE SERRA DE BANCADA
 
Operador de motosserra
Operador de motosserraOperador de motosserra
Operador de motosserra
 
NR18 - Treinamento - Serra Marmore - P21 NR18 - Nov 20.pptx
NR18 - Treinamento - Serra Marmore - P21 NR18 - Nov 20.pptxNR18 - Treinamento - Serra Marmore - P21 NR18 - Nov 20.pptx
NR18 - Treinamento - Serra Marmore - P21 NR18 - Nov 20.pptx
 
furadeira-bosch-gsb202.pdf
furadeira-bosch-gsb202.pdffuradeira-bosch-gsb202.pdf
furadeira-bosch-gsb202.pdf
 
359557187-trabalho-com-roadeira-costal-140428181920-phpapp02-ppt.ppt
359557187-trabalho-com-roadeira-costal-140428181920-phpapp02-ppt.ppt359557187-trabalho-com-roadeira-costal-140428181920-phpapp02-ppt.ppt
359557187-trabalho-com-roadeira-costal-140428181920-phpapp02-ppt.ppt
 
48062868-Ficha-seguranca-rebarbadora.pdf
48062868-Ficha-seguranca-rebarbadora.pdf48062868-Ficha-seguranca-rebarbadora.pdf
48062868-Ficha-seguranca-rebarbadora.pdf
 
FERRAMENTAS MOTORIZADAS.pptx
FERRAMENTAS MOTORIZADAS.pptxFERRAMENTAS MOTORIZADAS.pptx
FERRAMENTAS MOTORIZADAS.pptx
 
TREINAMENTO FURADEIRA E PARAFUSADEIRA.pptx
TREINAMENTO FURADEIRA E PARAFUSADEIRA.pptxTREINAMENTO FURADEIRA E PARAFUSADEIRA.pptx
TREINAMENTO FURADEIRA E PARAFUSADEIRA.pptx
 
treinamento furadeira.pptx
treinamento furadeira.pptxtreinamento furadeira.pptx
treinamento furadeira.pptx
 
Serra mármore 1200w Ingco - Chimas
Serra mármore 1200w Ingco  - ChimasSerra mármore 1200w Ingco  - Chimas
Serra mármore 1200w Ingco - Chimas
 
Ferramentas Portáteis.ppt
Ferramentas Portáteis.pptFerramentas Portáteis.ppt
Ferramentas Portáteis.ppt
 
motoserras-150703170550-lva1-app6892.pdf
motoserras-150703170550-lva1-app6892.pdfmotoserras-150703170550-lva1-app6892.pdf
motoserras-150703170550-lva1-app6892.pdf
 

Mais de Universidade Federal Fluminense

Punto de inflexión, accidentes frente a equipos de protección personal
Punto de inflexión, accidentes frente a equipos de protección personalPunto de inflexión, accidentes frente a equipos de protección personal
Punto de inflexión, accidentes frente a equipos de protección personalUniversidade Federal Fluminense
 
Tipping point, accidents versus personal protective equipment
Tipping point, accidents versus personal protective equipmentTipping point, accidents versus personal protective equipment
Tipping point, accidents versus personal protective equipmentUniversidade Federal Fluminense
 
Pegadas hídricas água, o precioso líquido do presente e do futuro
Pegadas hídricas   água, o precioso líquido do presente e do futuroPegadas hídricas   água, o precioso líquido do presente e do futuro
Pegadas hídricas água, o precioso líquido do presente e do futuroUniversidade Federal Fluminense
 
Rc para executivos ganha destaque no mercado segurador ad corretora de seguros
Rc para executivos ganha destaque no mercado segurador   ad corretora de segurosRc para executivos ganha destaque no mercado segurador   ad corretora de seguros
Rc para executivos ganha destaque no mercado segurador ad corretora de segurosUniversidade Federal Fluminense
 
Percepção, compreensão e avaliação de riscos análise de resultados de pesqu...
Percepção, compreensão e avaliação de riscos   análise de resultados de pesqu...Percepção, compreensão e avaliação de riscos   análise de resultados de pesqu...
Percepção, compreensão e avaliação de riscos análise de resultados de pesqu...Universidade Federal Fluminense
 
Editora roncarati incêndio em áreas de tancagem de produtos diversos arti...
Editora roncarati   incêndio em áreas de tancagem de produtos diversos   arti...Editora roncarati   incêndio em áreas de tancagem de produtos diversos   arti...
Editora roncarati incêndio em áreas de tancagem de produtos diversos arti...Universidade Federal Fluminense
 
Editora roncarati cenários críticos que ampliam riscos artigos e notícias
Editora roncarati   cenários críticos que ampliam riscos   artigos e notíciasEditora roncarati   cenários críticos que ampliam riscos   artigos e notícias
Editora roncarati cenários críticos que ampliam riscos artigos e notíciasUniversidade Federal Fluminense
 
Uma passagem só de ida no voo do dia 24 de março de 2015
Uma passagem só de ida no voo do dia 24 de março de 2015Uma passagem só de ida no voo do dia 24 de março de 2015
Uma passagem só de ida no voo do dia 24 de março de 2015Universidade Federal Fluminense
 
Editora roncarati autovistoria de edificações - considerações gerais arti...
Editora roncarati   autovistoria de edificações - considerações gerais   arti...Editora roncarati   autovistoria de edificações - considerações gerais   arti...
Editora roncarati autovistoria de edificações - considerações gerais arti...Universidade Federal Fluminense
 
Uma breve análise da evolução dos programas de gerenciamento de riscos
Uma breve análise da evolução dos programas de gerenciamento de riscosUma breve análise da evolução dos programas de gerenciamento de riscos
Uma breve análise da evolução dos programas de gerenciamento de riscosUniversidade Federal Fluminense
 

Mais de Universidade Federal Fluminense (20)

Punto de inflexión, accidentes frente a equipos de protección personal
Punto de inflexión, accidentes frente a equipos de protección personalPunto de inflexión, accidentes frente a equipos de protección personal
Punto de inflexión, accidentes frente a equipos de protección personal
 
Tipping point, accidents versus personal protective equipment
Tipping point, accidents versus personal protective equipmentTipping point, accidents versus personal protective equipment
Tipping point, accidents versus personal protective equipment
 
Pegadas hídricas água, o precioso líquido do presente e do futuro
Pegadas hídricas   água, o precioso líquido do presente e do futuroPegadas hídricas   água, o precioso líquido do presente e do futuro
Pegadas hídricas água, o precioso líquido do presente e do futuro
 
Rc para executivos ganha destaque no mercado segurador ad corretora de seguros
Rc para executivos ganha destaque no mercado segurador   ad corretora de segurosRc para executivos ganha destaque no mercado segurador   ad corretora de seguros
Rc para executivos ganha destaque no mercado segurador ad corretora de seguros
 
Liderança da gestão
Liderança da gestãoLiderança da gestão
Liderança da gestão
 
Percepção, compreensão e avaliação de riscos análise de resultados de pesqu...
Percepção, compreensão e avaliação de riscos   análise de resultados de pesqu...Percepção, compreensão e avaliação de riscos   análise de resultados de pesqu...
Percepção, compreensão e avaliação de riscos análise de resultados de pesqu...
 
Editora roncarati incêndio em áreas de tancagem de produtos diversos arti...
Editora roncarati   incêndio em áreas de tancagem de produtos diversos   arti...Editora roncarati   incêndio em áreas de tancagem de produtos diversos   arti...
Editora roncarati incêndio em áreas de tancagem de produtos diversos arti...
 
Editora roncarati cenários críticos que ampliam riscos artigos e notícias
Editora roncarati   cenários críticos que ampliam riscos   artigos e notíciasEditora roncarati   cenários críticos que ampliam riscos   artigos e notícias
Editora roncarati cenários críticos que ampliam riscos artigos e notícias
 
Cenários críticos que ampliam riscos
Cenários críticos que ampliam riscosCenários críticos que ampliam riscos
Cenários críticos que ampliam riscos
 
Uma passagem só de ida no voo do dia 24 de março de 2015
Uma passagem só de ida no voo do dia 24 de março de 2015Uma passagem só de ida no voo do dia 24 de março de 2015
Uma passagem só de ida no voo do dia 24 de março de 2015
 
Revista opinião.seg nº 7 maio de 2014
Revista opinião.seg nº 7   maio de 2014Revista opinião.seg nº 7   maio de 2014
Revista opinião.seg nº 7 maio de 2014
 
Editora roncarati autovistoria de edificações - considerações gerais arti...
Editora roncarati   autovistoria de edificações - considerações gerais   arti...Editora roncarati   autovistoria de edificações - considerações gerais   arti...
Editora roncarati autovistoria de edificações - considerações gerais arti...
 
Utilidade social e eficiência do mutualismo
Utilidade social e eficiência do mutualismoUtilidade social e eficiência do mutualismo
Utilidade social e eficiência do mutualismo
 
Uma breve análise da evolução dos programas de gerenciamento de riscos
Uma breve análise da evolução dos programas de gerenciamento de riscosUma breve análise da evolução dos programas de gerenciamento de riscos
Uma breve análise da evolução dos programas de gerenciamento de riscos
 
Teste de adequação de passivos susep
Teste de adequação de passivos   susepTeste de adequação de passivos   susep
Teste de adequação de passivos susep
 
Teoria do risco
Teoria do riscoTeoria do risco
Teoria do risco
 
Teoria do risco tese de doutoramento
Teoria do risco   tese de doutoramentoTeoria do risco   tese de doutoramento
Teoria do risco tese de doutoramento
 
Teoria de utilidade e seguro
Teoria de utilidade e seguroTeoria de utilidade e seguro
Teoria de utilidade e seguro
 
Tecnicas atuariais dos seguros
Tecnicas atuariais dos segurosTecnicas atuariais dos seguros
Tecnicas atuariais dos seguros
 
Tábuas de mortalidade
Tábuas de mortalidadeTábuas de mortalidade
Tábuas de mortalidade
 

Acidente com disco de corte

  • 1. Acidente do trabalho com disco de corte Cenas Fortes Engº Antonio Fernando Navarro
  • 2. Relato do Acidente Trabalhador é incumbido de realizar atividade de corte de trecho de tubulação e para isso, ou invés de usar um arco de serra, que seria um trabalho mais demorado, utilizar um disco de corte. Porém, não se prepara corretamente empregando um protetor facial adequado e um óculos de segurança. Nesses casos, recomenda-se também utilizar um avental de couro.
  • 3. Observações Após o acidente verifica-se que o equipamento era inadequado, que o trabalhador não utilizou o protetor facial adequado e que não tinha a experiência necessária para o emprego dessa ferramenta. Dificilmente as várias cirurgias se se fizeram conseguirão que o trabalhador volte a ter a mesma face de anteriormente. As pressas, atalhos e imprudências não podem e não deve servir como justificativas para fatos como esse.
  • 4. Lições aprendidas • Verifique adequadamente às condições de seu disco na lixadeira, antes de executar qualquer trabalho. • Não fique com seu rosto muito próximo ao material a ser desbastado. • Quando estiver esmerilhando ou cortando peças, use protetor facial e embaixo deste; óculos de segurança com lentes de policarbonato
  • 5. Lições aprendidas • Procure habituar-se a usar esmerilhadora com ângulo de 15 a 20º, perpendicular ao material que será desbastado. • Realizando assim, um desgaste uniforme do seu disco. • Jamais trabalhe com esmerilhadora em que o disco por inteiro esteja inteiramente sendo usado sobre peça, fazendo isso vc o enfraquece. Use apenas as laterais externas do disco • Notando desgaste do disco, substitua por outro c/capacidade superior a velocidade de sua máquina
  • 6. Lições aprendidas • Somente use ferramentas elétricas com tomadas de 3 pinos. • Verifique antecipadamente corrente elétrica da máquina e tomada. • Não use cabos de extensões com muitas emendas. • Não permita que tomadas de extensões elétricas fiquem no tempo, eventualmente poderá chover e acumular-se água. • Caso extensão elétrica precise atravessar rua, coloque madeiras em ambos os lados do cabo, protegendo assim dos pneus passarem sobre os mesmos, use também cone sinalizadores. • Só utilize equipamentos se vc realmente esteja autorizado e obtiver treinamento específico para tal.
  • 7. Lições aprendidas • Profissional esmerilhador e ajudantes também deverão estar equipados com luvas, óculos, protetor facial, protetores auriculares. • Jamais utilizar equipamentos elétricos ou com emissão de chamas em áreas classificadas, sem autorização por escrita da segurança do trabalho. • Use cabos de extensões elétricas com devido dimensionamento da corrente que vc irá trabalhar, havendo dúvida -consulte profissional da elétrica. • Utilizar sempre esmerilhadora com as duas mãos, sendo que uma delas deverá estar apoiada sobre sua manopla. • Caso algum colega venha chamá-lo, pare atividade e dê atenção ao mesmo.
  • 8. Lições aprendidas Muita atenção ao trocar disco da esmerilhadora. Existem vários tipos de disco: 1º) - Aquele que tem a principal função de desbastar peça metálica. 2º)- Específico para cortes e específico para desbastes. • Colocar disco errado também é uma das causas principais de acidentes. Portanto muita atenção: • veja com antecedência o tipo de trabalho que você fará. Pare -pense -raciocine -preste atenção já ao apanhar sua esmerilhadora.
  • 9. Lições aprendidas Economia de dinheiro nesses tipos de materiais, (podem custar caríssimos) por isso compre tanto disco, quanto esmerilhadora, de ótima qualidade e especificação correta. • Só adquira discos com sêlos de conformidade ABNT, INMETRO, NIOSH. • Descarte produtos baratos que não têm procedência nem certificações específicas internacionais (ISO). • Não imprima força em demasia no disco sobre a superfície a ser cortada ou esmerilhada.